Anda di halaman 1dari 7

1

Hormônios tireoidianos
Distúrbios da tireóide são os distúrbios endócrinos mais
comuns
Acometem 4-5% da população

T3 é o hormônio tireoidiano mais ativo


T4 é secretado em maior quantidade

Síntese
Sintetizados por células epiteliais foliculars da tireóide
Folículos de 200-300 µm de diâmetro
Luz do folículo contendo colóide
Colóide composto de Tireoglobulina + hormônios tireoidianos
Estímulos para a secreção leva a endocitose do material 2
do colóide pelas células epiteliais

• Mecanismos de seqüestro do iodeto (bomba de iodo)

• Estimulada por TSH (hormônio estimulador da tireóide)

• Tireoglobulina formada por 70 a.a. tirosina

• Iodo absorvido oxidado a I0 ou I3- pela enzima peroxidase

• Formas oxidadas de iodo se combinam com o aminoácido


tirosina por ação da enzima iodinase

• Formam-se monoiodotirosina (MIT) e diiodotirosina (DIT)

MIT + DIT T3 (triiodotironina)

DIT + DIT T4 (tetraiodotironina)


3
Pequenas porções do colóide sofrem pinocitose

Vesículas se fundem com proteases lisossomais

T3 e T4 se difundem para a circulação

93% liberados na forma de T4

7% liberados na forma de T3

Transporte dos hormônios tireoidianos


99% associados a proteínas plasmáticas

Principal delas – globulina de ligação a tiroxina (TBG)

TBG – sintetizada pelo fígado

Liberados lentamente para os tecidos

Dentro das células interagem com proteínas intracelulares

Regulação da produção de T3 e T4

Ocorre por mecanismos de feedback negativos

Eixo hipotálamo-hipófise-tireóide

Aumento das concnetrações de T3 e T4 no sangue inibem a


liberação de TSH pela adenohipófise
4

TSH estimula todas as etapas da biossíntese de T3 e T4


(seqüestro do iodeto, peroxidação, ação da iodinase, pinocitose e
aumento da proteólise da tireoglobulina)

Aumento de TSH provoca bócio

Ações celulares dos hormônios tireoidianos


T4 é convertido a T3 por ação de uma enzima
citoplasmática denominada 5`-desiodase

T3 interage com receptores nucleares promovendo um


aumento da transcrição gênica

Efeitos metabólicos dos hormônios tireoidianos

Aumentam a taxa de metabolismo basal de todas as


células do organismo
5
Aumentam o número de mitocôndrias

Aumentam a atividade da bomba Na+/K+/ATPase


aumentando a produção de calor e o consumo de O2 pelo
organismo

Aumento de estatura e desenvolvimento cerebral de


crianças

Estimulação do metabolismo de carboidratos e gorduras


Diminuição do peso corporal (efeito catabólico)

Aumento do débito cardíaco e da frequência respiratória

Efeitos excitatórios sobre o SNC

Aumento da atividade das glândulas endócrinas

Doenças da tireóide
Hipertireoidismo – causada por um excesso de T3 e T4 na
circulação sanguínea
Causas – Aumento da glândula tireóide
presença de anticorpos contra o receptor de TSH-
(doença de graves)
Tumores secretoras de TSH na adeno-hipófise
Hipotireoidismo – Causado por uma diminuição de T3 e
T4 na corrente sanguínea
Causas – Destruição auto-imune da glândula tireóide
Deficiência de iodo na alimentação (bócio)
Deficiência nos mecanismos de produção de
T3 e T4
Deficiência na produção do TSH pela hipófise
Cretinismo
6
7