Anda di halaman 1dari 44

Centro Universitário Luterano de Ji-Paraná

BRASÍLIA

Profª: Msc. Profª: Msc. Nadine Lessa F. Campos

• Normalmente, o local de nascimento de uma cidade é escolhido por seus primeiros habitantes que se instalaram ali por que ficava perto de um rio ou um lago, ou por ter várias vantagens relacionadas à topografia, geografia, clima, etc. • No caso de Brasília, o local foi escolhido, no meio de uma região de savana semi desértica (Cerrado brasileiro) e só então foi construído o lago, o clima, e outras conveniências adequados para sustentar a vida humana.

• As capitais do Brasil sempre tiveram problemas quanto à sua localização, a primeira em "Salvador da Bahia" 1536 1763 e, em seguida, Rio de Janeiro 1763 1960, ambas localizadas em locais estrategicamente vulneráveis. • Brasília começou a existir na primeira Constituinte no Império Brasileiro, em 1823, numa proposta colocada por José Bonifácio, argumentando quanto à necessidade da mudança da Capital para um ponto mais central do interior do país e sugerindo ainda para a cidade o nome. • A ideia de mover sua capital para o interior maior foi criada na Constituição Brasileira de 1891.

• Por inspiração e iniciativa do Presidente Juscelino Kubitschek, em 1956, foi criada a NOVACAP Companhia Urbanizadora na Nova Capital, empresa pública à qual foi confiada a responsabilidade e competência para planejar e executar a construção da nova capital, na região do cerrado goiano.

com algumas praias artificiais.• O Lago Paranoá foi criado com o propósito de aumentar a umidade na sua vizinhança. profundidade máxima de 38m e cerca de 50Km de circunferência. • As águas represadas do Rio Paranoá formaram um lago com 48Km². tais como "Prainha" e "Piscinão do Lago Norte". Trata se de um lago artificial projetado em 1894 pela Missão Cruls e materializado com a construção da cidade durante a administração do presidente Kubitschek. .

. foi o arquiteto chefe da maioria dos edifícios públicos e Roberto Burle Marx foi o paisagista.550 pessoas se inscreveram. Oscar Niemeyer.• Um concurso foi criado para dar a oportunidade de um urbanista brasileiro a conceber Brasília. um amigo próximo. • Lúcio Costa venceu o concurso. 5.

. quando foi oficialmente inaugurada.• Brasília foi construída no incrível prazo de 41 meses. de 1956 a 21 de abril de 1960.

Na extremidade do eixo longitudinal. destacava se a Praça dos Três Poderes. • Para minimizar problemas de circulação.• Lúcio Costa estruturou o desenho urbano em torno de dois eixos monumentais dispostos em cruz. . eliminou cruzamentos através da intersecção de avenidas em passagens de nível.

mas a topografia do terreno e necessidades de circulação impuseram uma adaptação. de modo que o eixo transversal foi curvado.• As primeiras ideias de Costa desenharam o Plano Piloto em forma de uma cruz ortogonal. . resultando uma forma semelhante à de um avião.

• Foram construídos milhares de Km de rodovias e ferrovias para garantir o deslocamento de pessoas e materiais. e foram usados os mais modernos recursos técnicos de construção. trabalhando num cronograma diuturno. . mas a exiguidade dos prazos. • Multidões de operários foram atraídos para lá. sem interrupção. tornou febril o ritmo de construção da cidade. impondo a conclusão das obras em 21 de abril de 1960.

o principal ponto de transbordo de carga era Anápolis. Tudo o mais tinha de vir de longe. .• Não existiam materiais no local salvo a pedra. e boa parte do transporte era via aérea. tijolos e areia. incluindo máquinas pesadas. na fase final da construção. a 139 km da capital. e o asfalto só chegou em Brasília em 1960. o que elevava os custos. • Apesar da abertura de vias de transporte.

depois chamada Núcleo Bandeirante. erguidas pelas empreiteiras para acolher os trabalhadores migrantes.• A quantidade de operários afluindo às obras fez nascer vários povoados em torno do Plano Piloto. . mas a concentração principal era na Cidade Livre. deveria ser desmantelada ao final da construção da capital. o que acabou não acontecendo. com um comércio mais ativo que Goiânia na mesma época. • Consistindo de um grande conjunto de casas muito simples de madeira. • Chegou a ter cinco mil moradias e cerca de trinta mil habitantes.

as empreiteiras muitas vezes forneciam rações de má qualidade. e foi registrado um alto índice de acidentes de trabalho. considerando que Brasília propriamente dita foi planejada para 500 mil pessoas até o ano de 2000. • Os salários eram baixos. mas vários acampamentos irregulares no entorno se tornaram cidades permanentes. Paranoá.• O Plano Piloto previa a criação de cidades satélite para a acomodação da população excedente. como Brazlândia. Candangolândia e Planaltina. . o pagamento de horas extras era irregular. • As condições gerais eram muito precárias. além de haver o problema de frequentes abusos da polícia sobre os trabalhadores em nome da manutenção da ordem e para a repressão de protestos.

dificilmente seriam aprovados numa estrutura administrativa convencional. três vezes. que. nem bancos para pagamento dos operários. carregamentos rodoviários eram pagos duas. • Tampouco se fez um controle de custos eficiente. . nem qualquer avaliação de viabilidade. blocos inteiros de edifícios não saíam do papel mas eram pagos. Muito material foi transportado via aérea. • Não houve um planejamento financeiro nem mesmo em estudos preliminares. que recebiam em dinheiro diretamente da Novacap.• O custo da obra monumental nunca foi determinado. dentro do cronograma exigido. • Não havia licitações sistematizadas. e se verificaram vários outros tipos de distorções.

dobradinhas.• Eugênio Gudin. a cifra seria equivalente a 19. viagens para cá e para lá.5 bilhões de dólares.5 bilhão de dólares. • Em valores de hoje. padrão médio de taxação. sem falar "no tremendo desperdício indireto com transportes. um inimigo político de JK e unanimidade intelectual. aplicando se apenas a correção monetária americana. chega se a um valor atual de 83 bilhões de dólares. • Levou em conta apenas os gastos públicos. ministro da Fazenda Café Filho de agosto de 1954 a abril de 1955. perda de tempo". . escreveu o economista. fez uma estimativa de 1. Com juros de 3% ao ano.

para cada brasileiro". na realidade. ao explicar por que emitira 134 milhões de cruzeiros em cinco anos de governo: "Isso quer dizer que toda aquela pletora de desenvolvimento representou. • O “The World Islands” um arquipélago artificial de várias pequenas ilhas construídas de forma a representar o mapa do mundo. em cinco anos.• O presidente Kubitschek defendeu se de modo populista. localizadas a 4. custará algo como 14 bilhões de dólares. .0 km ao largo da costa de Dubai. o sacrifício de apenas 2 cruzeiros.

e a carência de habitações finalizadas obrigou a muitos órgãos administrativos instalados no Rio retardarem sua transferência. • Grande número de edifícios importantes ainda era um esqueleto vazio. outros sequer haviam saído do projeto. em vista da impossibilidade de acomodar seus funcionários. . • As obras continuaram pelo menos até a década de 1970.• No dia 21 de abril de 1960 Brasília foi inaugurada. Mas não estava pronta. por algum tempo o Brasil teve duas capitais. • Na prática. Nem todas as terras haviam sido desapropriadas e a regularização fundiária não havia sido concluída.

• A própria organização do traçado urbano era prevista para favorecer ao máximo a integração de todos e possibilitar a todos um desfrute igualitário do espaço social. "brasilienses" eram apenas os que viviam no Plano Piloto. Gradações na hierarquia social.• Segundo o plano original. • Mas a elite se apossou dos melhores locais e expulsou a classe baixa para as periferias. . isolando a área das periferias. • Cerca de 90% dos pioneiros pertenciam ao estrato social mais baixo e. A segregação era ainda mais enfatizada pela existência de um cinturão verde em torno do Plano Piloto. seriam expressas em variações discretas nas dimensões dos domicílios e na qualidade dos materiais e acabamentos. na prática. todos os futuros habitantes de Brasília viveriam em moradias do mesmo tipo nas superquadras.

• O plano de Brasília não é apenas um desenho. a gregária e a bucólica. nas palavras de Lúcio Costa. por quadro escalas distintas: a monumental. é uma concepção de cidade. traduzida. . a residencial.

por isso. É o ‘cartão de visitas’ da Cidade e configura. • O Eixo Monumental congrega os edifícios político administrativos do país e do governo local.Escala Monumental • Está configurada pelo Eixo Monumental. a escala monumental. . desde a Praça dos Três Poderes até a Praça do Buriti. • Lá encontra se o supra sumo da expressão arquitetônica moderna brasileira.

própria de Brasília. • A superquadra. com uma população de 2. no dizer de Lucio Costa “é um conjunto de edifícios residenciais sobre pilotis ligados entre si pelo fato de terem acesso comum e de ocuparem uma área delimitada.500 a 3.000 pessoas. . está representada pelas superquadras das Asas Sul e Norte.Escala Residencial • Simboliza a nova maneira de viver.

que comportam as atividades de ensino. recreação e cultura de vizinhança. • Na proposta residencial estão incluídos os comércios locais e as entrequadras.Escala Residencial • O chão é público e é esta a grande diferença entre superquadra e condomínio. esporte. .

hoteleiro.Escala Gregária (de convívio) • Está representada por todos os setores de convergência da população (comercial. médico-hospitalar. de rádio e TV etc. . de diversões e de cultura. bancário.) e tem como foco central a Plataforma Rodoviária. traço de união da metrópole com as demais cidades do Distrito Federal e do entorno.

.

jardins. é representada pelos gramados. extensas áreas arborizadas. por todos os espaços destinados ao deleite e ao descanso. praças. orla do Lago Paranoá. que dão o caráter de cidade-parque a Brasília e são responsáveis pelos índices de qualidade de vida da Capital. Logo. . sua preservação é tão importante quanto a dos monumentos e das demais edificações. espaços de lazer.Escala Bucólica • Permeia as outras três.

Assim. pela UNESCO. Brasília foi o primeiro núcleo urbano. construído no século XX. a receber o título de Patrimônio Cultural da Humanidade.• Brasília é uma cidade totalmente construída com ideias modernistas. . em 1987. O valor do seu plano urbanístico e de seus monumentos faz com que seja um marco mundial da arquitetura e urbanismo modernos.

Oscar Niemeyer • Para compor o plano urbanístico. considerados o melhor da expressão arquitetônica moderna brasileira. Oscar Niemeyer projetou monumentos marcantes. . O grande diferencial desses monumentos e de outros espaços de Brasília é a integração da arte à arquitetura.

que esses prédios constituíssem qualquer coisa de novo e diferente.Oscar Niemeyer • "Preocupava-me. fundamentalmente. intransigentemente." . Com essa intenção organizamos... entre outros inconvenientes... mantivemos esse critério. um serviço especial de aprovação de plantas onde.. as tendências formalistas. de modo a proporcionar aos futuros visitantes da Nova Capital uma sensação de surpresa e emoção que a engrandecesse e caracterizasse.prédios urbanos .. normas e princípios com o objetivo de evitar. para os mesmos. Com relação aos outros prédios . fixando.desejava estabelecer uma disciplina que preservasse a unidade dos conjuntos. fora da rotina . mais tarde.

.Palácio da Alvorada Congresso Nacional Asa Sul Plataforma da Rodoviária (com o Teatro Nacional em construção).

.

Supremo Tribunal Federal (1960 2010) .

Fachada do Palácio da Alvorada (Final da década de 1960 2010) .

Congresso Nacional (1960 2010) .

Congresso Nacional (1960 2010) .

Cúpula do Senado (1958 2010) .

Torres do Congresso Nacional (1959 2010) .

Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida (1959 2010) .

Ministérios (Final dos anos 60 2010) .

Esplanada dos Ministérios (1958 2010) .

e atualmente . em 1958.Área que abrigava a vila Amauri.

Supremo Tribunal Federal (1959 2010) .

Supremo Tribunal Federal (1960 2010) .

Cruzamento dos eixos Monumental e Rodoviário (1950 2010) .

1956. p. IN Anais do III Simpósio Luso Brasileiro de Cartografia Histórica. Disponível em Faculdade de Arquitetura e Urbanismo. A Cartografia do Distrito Federal.br/ultimas-noticias/especial/2010/brasilia-50anos/2010/04/20/veja-imagens-de-pontos-historicos-de-brasilia-na-decada-de1950-e-nos-dias-atuais.gov.br/alfa/historia de brasilia/historia de brasilia 6. Relatório do Plano Piloto de Brasília. 1910. Nobel.uol. Valério Augusto Soares de. 280 • Costa. 1. p. tomo LXXIII. Antônio Martins de Azevedo. Guiarquitetura Brasília.br/2012/04/brasilia-uma-capital-enormeconstruida. Graciete Guerra da & Medeiros. Lúcio.br/index. 3 • Clauset. p.com.blogspot.php?option=com_content&view=article&id=330:hi storia-de-brasilia&catid=99:informacoes-sobre-brasilia • http://blemya. Universidade de Brasília.jhtm • http://www. 74 • Costa.mec. • http://noticias.html .php • http://conae. Luis Roberto. IN Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. 10 a 13 de novembro de 2009.portalsaofrancisco. Histórico da mudança da capital federal. parte 1.Referências • Pimentel.com. Ouro Preto: Universidade Federal de Minas Gerais.com. 2000. Rio de Janeiro. p.

Minat Terkait