Anda di halaman 1dari 1

PSICOLOGIA ANALITICA

ciais por causa da geografia e vive


isolado do mundo. - o pai alcólatra
e o filho também.
+EGO u
POTENCIAS: são infinitos e não
coisas fixas, exemplo: a moça que
imagina casada com um namorado
v
(representar imagens) Exemplo:
todas as professoras tem potenciais - IC
iguais, dependendo da relação
dentro da sala. alguns arquétipos da
professora seram ativados, por isso
nenhuma professora é igual a outra
na relação pessoal é o que ativa
(estabelece um VÍNCULO).

ATIVA EGO = complexo aassume


- vivência pessoal ( vínculo). w
“Cara que se apaixona por moça”.
Módulo de concentração de energia
+ -
( petencialidade).
Arquétipo do aluno, do amigo, do
estudante, do engenheiro...” é varia-
ARQUÉTIPOS
do, é potencial quando precisamos
ativar no dia-a-dia.

Imagem arquétipa - EGO entrando


em contato com o arquétipo ( aí eu
posso escolher, refletir sobre isto ou
aquilo), exemplo: mulher submissa
u
EGO = vivência pessoal,
que vive assim ao longo do tempo. ele decidi pouca coisa. Quanto maior o potencial para trair, maior o incons-
Uma hora consegue formular (insi- ciente quer mostrar a traição como forma de símbolo - (também mais incons-
ght também pode ser) uma imagem ciente). “ Aluno participativo”.
que o faz agir numa súbita reação
de raiva que ela vai descontar no
marido em forma de agressividade
ou forte choro.
v
A tensão que ocorre entre EGO e IC (Inconsciente coletivo) gera o símbolo que
tem duas polaridades. - “ Aluno indisciplinado”. - Complexos.
A idéia sobre “roupagens”, exem-
plo disso: princesa cinderela,
Brance de Neve, tem “roupagens”
diferentes, mas ao mesmo tem-
po, tem finais iguais. Contando
a mesma história = Pinóquio e
Jonas (entrando dentro da baléia =
w
Energia que forma arquétipos - imagem arquétipa = arquétipo perceptual
= símbolo ( é o que nos possibilita aprender) . Bipolares, vem com as duas
entrando dentro do inconsciente). potencialidades, exemplo das mães.

Arquétipo em si - coletivo co-


letivo = não é preceptível numa
reação de raiva