Anda di halaman 1dari 22

OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

Especificação para
SISTEMAS DE GESTÃO DE
SAÚDE E SEGURANÇA

OHSAS 18001:
1999

BSI 04-1999 1
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

Agradecimentos

A Occupational Health and Safety Assessment Series


OHSAS 18001 foi desenvolvida com a cooperação das
seguintes organizações:

National Standards Authority of Ireland


British Standards Institution
Bureau Veritas Quality International
Det Norske Veritas
Lloyds Register Quality Assurance
National Quality Assurance
SFS Certification
SGS Yarsley International Certification Services
Asociación Española de Normalización y Certificación
International Safety Management Organisation Ltd
Standards and Industry Research Institute of Malaysia
(Quality Assurance Services)
International Certification Services

Nota : Versão traduzida pela Equipe da Samarco Mineração S.A., para treinamento
interno.

BSI 04-1999 2
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

ÍNDICE
Introdução
1 Escopo 6
2 Referências 6
3 Termos e definições 6
4 Elementos do sistema de gestão de saúde e segurança no trabalho 9
4.1 Requisitos gerais 9
4.2 Política de saúde e segurança 10
4.3 Planejamento 11
4.4 Implementação e operação 13
4.5 Verificação e ação corretiva 16
4.6 Análise crítica pela administração 18
Anexo A (Informativo) Correspondência entre OHSAS 18001, ISO 20
14001:1996 e ISO 9001:1994
Bibliografia 22
Suplemento do Reino Unido 22
Figura 1 Elementos de uma gestão bem sucedida de saúde e segurança 9
Figura 2 Política de saúde e segurança 10
Figura 3 Planejamento 11
Figura 4 Implementação e operação 13
Figura 5 Verificação e ação corretiva 16
Figura 6 Análise crítica pela administração 18

BSI 04-1999 3
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

Introdução
Esta especificação da Série de Avaliação de Saúde e segurança (OHSAS), bem como a
OHSAS 18002 que a acompanha, Diretrizes para a implementação da OHSAS 18001,
foram desenvolvidas em resposta à urgente demanda por parte dos clientes, de ter uma
norma para o sistema de gestão de saúde e segurança que possa servir como base para a
avaliação e certificação de seus próprios sistemas de gestão.
A especificação OHSAS 18001 foi desenvolvida para ser compatível com as normas para
sistemas de gestão ISO 9001:1994 (Qualidade) e ISO 14001:1996 (Meio Ambiente), para
facilitar a integração dos sistemas de gestão da qualidade, ambiental e de saúde e
segurança no caso da organização assim o desejar.
Esta especificação OHSAS será revisada ou alterada sempre que for considerado
apropriado. As revisões serão feitas sempre que forem publicadas novas edições das
normas ISO 9001 ou ISO 14001 de forma a assegurar a continuidade da compatibilidade
entre esta especificação e as normas.
O conteúdo desta especificação OHSAS não poderá ser publicado como sendo parte
integrante de, ou por si só constituir uma norma internacional.
Para o Reino Unido:
• A BSI-OHSAS 18001 não é uma norma britânica;
• A BSI-OHSAS 18001 não poderá ser publicada como sendo parte integrante de, ou
por si só constituir uma norma internacional;
• A BSI-OHSAS 18001 é publicada pela BSI, que detém todos os direitos autorais e de
propriedade da mesma.

O processo de desenvolvimento empregado para a especificação OHSAS 18001 está


aberto para outros patrocinadores que desejam elaborar tipos semelhantes de
documentos em associação com a BSI, desde que os referidos patrocinadores obedeçam
às condições estabelecidas pela BSI para esses documentos.

Publicações consultadas durante o processo de elaboração desta especificação


OHSAS
Os seguintes documentos foram consultados no processo de elaboração desta
especificação OHSAS:
BS 8800:1996 Guide to occupational health and safety management
systems
Technical Report NPR 5001:1997 Guide to an occupational health and
safety management system
SGS & ISMOL ISA 2000:1997 Requirements for Safety and Health
Management Systems
BVQI SafetyCert: Occupational Safety and Health Management Standard
DNV Standard for Certification of Occupational Health and Safety
Management Systems (OHSMS):1997
Draft NSAI SR 320 Recommendation for an Occupational Health and Safety
(OH and S) Management System

BSI 04-1999 4
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

Draft AS/NZ 4801 Occupational health and safety management systems —


Specification with guidance for use
Draft BSI PAS 088 Occupational health and safety management systems
UNE 81900 series of pre-standards on the prevention of occupational risks
Draft LRQA SMS 8800 Health & safety management systems assessment criteria

A especificação OHSAS 18001 substituirá alguns dos documentos mencionados acima.

A especificação OHSAS 18001 mantém um alto nível de compatibilidade com, e


tecnicamente equivalente à UNE 81900.

O conteúdo desta publicação não inclui todos os dispositivos necessários para um


contrato. É de responsabilidade do usuário assegurar que este documento seja
adequadamente empregado.
A conformidade com esta publicação não confere imunidade com relação às
obrigações legais.

BSI 04-1999 5
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

1. Escopo
Esta especificação da Série de Avaliação de Saúde e segurança (OHSAS) apresenta os
requisitos para o sistema de gestão de saúde e segurança, para permitir à organização
controlar seus riscos de saúde e segurança e melhorar seu desempenho. Não dita os
critérios específicos de desempenho em saúde e segurança, nem tampouco fornece
especificações detalhadas para a criação de um sistema de gestão.
Esta norma é aplicável a qualquer organização que deseja:
a) estabelecer um sistema de gestão em saúde e segurança para eliminar ou reduzir os
riscos aos quais empregados e outras partes interessadas possam estar expostos em
suas atividades;
b) implementar, manter e melhorar continuamente o sistema de gestão em saúde e
segurança;
c) certificar-se de que está em conformidade com sua política de saúde e segurança;
d) demonstrar a referida conformidade a terceiros;
e) buscar a certificação de seu sistema de gestão de saúde e segurança conferida por uma
organização externa; ou
f) declarar estar em conformidade com esta especificação OHSAS.

Todos os requisitos desta especificação OHSAS devem ser incorporados em um sistema


de gestão de saúde e segurança. A abrangência da aplicação dependerá de fatores tais
como a política de saúde e segurança da organização, a natureza de suas atividades, bem
como os riscos e complexidade de suas operações.
Esta especificação OHSAS trata da questão da saúde e segurança, mais do que da
segurança dos produtos e serviços.
2. Referências
Outras publicações que fornecem informações e orientação estão listadas na bibliografia.
É recomendável consultar as edições mais atualizadas dessas publicações. Sugerimos que
se faça uma consulta específica nas seguintes publicações:
OHSAS 18002:1999, Diretrizes para a Implementação da Especificação OHSAS 18001
BS 8800:1996, Guide to occupational health and safety management systems.
3. Termos e Definições
Para fins desta especificação OHSAS, serão válidos os seguintes termos e definições:

3.1 acidente
evento indesejável que resulta em morte, doença, lesão, dano ou outras perdas.

3.2 auditoria

BSI 04-1999 6
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

exame sistemático para determinar se as atividades e os respectivos resultados estão de


acordo com os planos estabelecidos e se esses planos foram implementados efetivamente e
se são adequados para a política da empresa e para atingir seus objetivos (veja 3.9).

3.3 melhoria contínua


processo de incremento do sistema de gestão de saúde e segurança no trabalho para
atingir melhorias globais no desempenho de saúde e segurança compatível com a política
de saúde e segurança adotada pela organização.
NOTA: O processo não precisa ocorrer em todas as áreas de atuação simultaneamente.

3.4 fator de risco


situação ou fonte potencial de dano em termos de acidentes pessoais, doença, danos
materiais, danos ao ambiente de trabalho, ou a combinação dos mesmos.

3.5 identificação de fator de risco


processo de reconhecimento da existência de um fator de risco (veja 3.4) e definição de
suas características.

3.6 incidente
evento que resultou em acidente ou que teve o potencial de resultar em acidente.
NOTA: um incidente onde não ocorra doença, lesão, danos ou outras perdas também é denominado “quase
acidente”. O termo “incidente” inclui “quase acidentes”.

3.7 partes interessadas


indivíduo ou grupo que se preocupa ou é afetado pelo desempenho da organização com
relação a saúde e segurança.

3.8 não conformidade


qualquer desvio dos padrões de trabalho, práticas, procedimentos, regulamentos,
desempenho do sistema de gestão, etc. que pode, direta ou indiretamente, causar danos
pessoais ou materiais, danos ou ambiente de trabalho ou a combinação destes.

3.9 objetivos
metas que a organização estabelece para si própria com relação ao seu desempenho em
saúde e segurança.
NOTA: Os objetivos devem ser quantificados sempre que for praticável.

3.10 saúde e segurança

BSI 04-1999 7
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

condições e fatores que afetam o bem-estar dos empregados, trabalhadores temporários,


pessoal de contratadas, visitantes e quaisquer outras pessoas presentes no local de
trabalho.

3.11. sistema de gestão de saúde e segurança do trabalho


parte do sistema de gestão global que facilita a gestão dos riscos de saúde e segurança
com relação ao negócio da empresa. Inclui a estrutura organizacional, as atividades de
planejamento, as responsabilidades, práticas, procedimentos, processos e recursos para
desenvolver, implementar, alcançar, rever e manter a política de saúde e segurança da
organização.

3.12 organização
companhia, corporação, firma, empresa, instituição ou associação, ou parte da mesma,
seja sociedade anônima ou não, pública ou privada, que tem suas próprias funções e
administração.
NOTA: Para organizações com mais de uma unidade operacional, uma unidade em separada pode ser
definida como organização.

3.13 desempenho
resultados mensuráveis do sistema de gestão de saúde e segurança relativos ao controle
dos riscos de saúde e segurança da organização, baseado em sua política e objetivos de
saúde e segurança.
NOTA: A medição do desempenho inclui a avaliação das atividades e resultados da gestão de saúde e
segurança.

3.14 risco
combinação da probabilidade e gravidade (conseqüência) de um determinado evento fator
de riscos ocorrer.

3.15 avaliação de risco


processo global de estimar a magnitude do risco e decidir se o mesmo é ou não tolerável.

3.16 segurança
isenção de risco de dano inaceitável (Guia ISO/IEC 2).

3.17 risco tolerável


risco que tenha sido reduzido a um nível tolerável pela organização com relação a suas
obrigações legais e sua própria política de saúde e segurança.

4. Elementos do Sistema de Gestão de Saúde e Segurança do Trabalho

BSI 04-1999 8
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

Fig. 1 - Elementos de um sistema bem sucedido de gestão de saúde e segurança

4.1 Requisitos gerais


A organização deve estabelecer e manter um sistema de gestão de saúde e segurança,
cujos requisitos são apresentados na cláusula 4.

BSI 04-1999 9
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

4.2 Política de saúde e segurança


Análise crítica
pela administração

Auditoria Política Feedback da medição


do desempenho

Planejamento

Figura 2 - Política de Saúde e Segurança

Deve haver uma política de saúde e segurança autorizada pela alta administração da
organização, que declare claramente os objetivos globais de saúde e segurança e o
comprometimento de melhoria de desempenho de saúde e segurança.
A política deve:
a) ser apropriada à natureza e escala dos riscos de saúde e segurança da organização;
b) incluir o comprometimento para melhoria contínua;
c) incluir o comprometimento de no mínimo cumprir com a legislação e regulamentos em
vigor referentes a saúde e segurança e com outros requisitos com os quais a
organização se subscreva;
d) ser devidamente documentada, implementada e mantida;
e) ser comunicada a todos os empregados para que se conscientizem de suas obrigações
pessoais com relação à saúde e segurança;
f) estar disponível às partes interessadas; e
g) ser revisada periodicamente para assegurar que permaneça relevante e apropriada para
a organização.

BSI 04-1999 10
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

4.3 Planejamento

Política

Auditoria Planejamento Feedback da medição


do desempenho

Implementação e operação

Figura 3 - Planejamento

4.3.1 Planejamento para identificação de fator de risco, avaliação e controle de risco


A organização deve estabelecer e manter procedimentos para continuamente identificar
fator de riscos, avaliar riscos e implementar as medidas de controle necessárias, que
incluem:
• atividades rotineiras e não rotineiras;
• atividades de todas as pessoas que têm acesso ao local de trabalho (inclusive
contratadas e visitantes);
• instalações no local de trabalho, sejam da organização ou de terceiros.
A organização deve assegurar que os resultados dessas avaliações e os efeitos desses
controles sejam levados em consideração ao estabelecer os objetivos de saúde e segurança
da organização. A organização deve documentar e manter essas informações atualizadas.
A metodologia da organização para identificação de fator de risco e avaliação de risco
deve:
• ser definida em seu escopo, natureza e prazo para assegurar que seja pró-ativa em vez
de
reativa;
• providenciar a classificação dos riscos e a identificação daqueles que serão eliminados
ou
controlados por ações conforme definidas nos itens 4.3.3 e 4.3.4;
• ser consistente com a experiência operacional e as capacidades das medidas de
controle de risco empregadas;

BSI 04-1999 11
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

• fornecer dados para a determinação das demandas das instalações, identificação de


necessidades de treinamento e/ou desenvolvimento de controles operacionais;
• prover monitoramento das ações necessárias para assegurar a eficácia e pontualidade
de sua implementação.
NOTA: Para maiores orientações sobre identificação de fator de risco, avaliação e controle de risco,
consultar as Diretrizes OHSAS 18002.

4.3.2 Requisitos legais e outros requisitos


A organização deve estabelecer e manter um procedimento para identificar e ter acesso
aos requisitos legais e outros requisitos aplicáveis à organização.
A organização deve manter esse registro atualizado. Deve divulgar a seus empregados e
outras partes interessadas, as informações relevantes sobre requisitos legais e outros
requisitos.

4.3.3 Objetivos
A organização deve estabelecer e manter os objetivos de saúde e segurança
documentados, em cada função e nível relevante da organização.
Ao estabelecer e rever seus objetivos, a organização deve considerar os requisitos legais e
outros requisitos, seus riscos e fator de risco de saúde e segurança, suas opções
tecnológicas, seus requisitos financeiros, operacionais e comerciais, e a visão das partes
interessadas. Os objetivos devem ser consistentes com a política de saúde e segurança,
incluindo o comprometimento com a melhoria contínua.

4.3.4 Programa de gestão de saúde e segurança do trabalho


A organização deve estabelecer e manter um ou mais programas de gestão de saúde e
segurança do trabalho para atingir seus objetivos. Esses programas devem incluir:
a) Designação da responsabilidade e autoridade para atingir os objetivos em cada função
e nível relevante da organização; e
b) Os meios e o cronograma nos quais esses objetivos devem ser atingidos.
O programa de gestão de saúde e segurança deve ser revisado periodicamente em
intervalos programados. Onde necessário, deve ser alterado para permanecer alinhado
com as atividades, produtos, serviços e condições operacionais da organização.

BSI 04-1999 12
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

4.4 Implementação e operação

Planejamento

Implementação Feedback da medição


Auditoria
e operação do desempenho

Verificação e ação corretiva

Figura 4 - Implementação e operação

4.4.1 Estrutura e responsabilidade


As funções, responsabilidades e autoridades do pessoal que administra, desempenha e
verifica as atividades que tenham uma influência significativa sobre os riscos de saúde e
segurança das atividades, instalações e processos da organização, devem ser definidas,
documentadas e comunicadas para facilitar a gestão efetiva da saúde e segurança.
A responsabilidade final pela saúde e segurança é da alta administração. A organização
deve designar um ou mais representantes específicos da administração (por exemplo, em
grandes organizações, um membro da diretoria ou do comitê executivo) com a
responsabilidade específica de assegurar que o sistema de gestão da saúde e segurança
está adequadamente implementado e operando conforme os requisitos em todos os locais
e níveis de operação da organização.
A administração deve fornecer os recursos essenciais para assegurar a implementação,
controle e melhoria do sistema de gestão de saúde e segurança.
NOTA: tais recursos compreendem recursos humanos e especialidades, recursos tecnológicos e
financeiros.
O executivo designado para essa responsabilidade deve ter definido os papéis,
responsabilidades e autoridade para:
a) assegurar que os requisitos do sistema de gestão de saúde e segurança sejam
estabelecidos, implementados e mantidos de acordo com esta norma OHSAS;
b) assegurar que os relatórios sobre o desempenho do sistema de gestão de saúde e
segurança sejam apresentados à alta administração para análise crítica, servindo como
base para a melhoria do sistema.
Todos aqueles com responsabilidade administrativa devem demonstrar seu
comprometimento para a melhoria contínua do desempenho de saúde e segurança.

BSI 04-1999 13
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

4.4.2 Treinamento, conscientização e competência


Os empregados devem ser competentes para realizar as tarefas que podem afetar a saúde e
segurança no trabalho. A competência deve ser definida em termos de educação e
treinamento adequados e/ou experiência.
Devem ser estabelecidos e mantidos procedimentos para assegurar que empregados que
trabalham em funções e níveis relevantes estejam conscientes de :
• a importância de estar em conformidade com a política e os procedimentos de saúde e
segurança e com os requisitos do sistema de gestão de saúde e segurança;
• as conseqüências reais ou potenciais de suas funções na saúde e segurança, e os
benefícios obtidos com o melhor desempenho pessoal na saúde e segurança;
• suas funções e responsabilidades para estar em conformidade com a política e os
procedimentos de saúde e segurança e com os requisitos do sistema de gestão,
inclusive requisitos de preparação e atendimento de emergência (veja 4.4.7);
• as conseqüências potenciais de se afastar dos procedimentos operacionais
estabelecidos.
Os procedimentos de treinamentos devem levar em consideração os diferentes níveis de:
• responsabilidade, habilidade e educação; e
• risco.

4.4.3 Consulta e comunicação


A organização deve estabelecer e manter procedimentos para assegurar que as
informações relativas à saúde e segurança sejam divulgadas entre os empregados e outras
partes interessadas.
O envolvimento e as consultas dos empregados devem ser documentados e as partes
interessadas informadas.
Os empregados devem ser :
• envolvidos no desenvolvimento e revisão das políticas e procedimentos para
administrar os riscos;
• consultados quando houver quaisquer mudanças que afetem a saúde e segurança no
trabalho;
• representados em assuntos relativos à saúde e segurança; e
• informados sobre quem é seu representante para assuntos relativos a saúde e
segurança e o representante da administração (veja 4.4.1).

4.4.4 Documentação

BSI 04-1999 14
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

A organização deve estabelecer e manter informações registradas em papel ou em meio


eletrônico que:
a) descrevem os elementos essenciais do sistema de gestão e sua interação; e
b) dão orientação sobre documentos pertinentes.
NOTA: É importante seja mantido o volume mínimo necessário de documentos para a eficácia e
eficiência das informações.

4.4.5 Controle de documentos e dados


A organização deve estabelecer e manter procedimentos para controlar todos os
documentos e dados requeridos por esta norma OHSAS para assegurar que:
a) possam ser localizados;
b) possam ser periodicamente analisados, revisados quando necessário e aprovados pelo
pessoal autorizado;
c) versões atualizadas dos documentos e dados relevantes estejam disponíveis em todos
os locais onde são realizadas as operações essenciais para o funcionamento eficaz do
sistema de saúde e segurança;
d) documentos e dados desatualizados sejam imediatamente retirados dos locais onde
são gerados e utilizados ou de outra forma seja assegurado que os mesmos não venham
a ser utilizados por engano; e
e) quaisquer documentos e dados mantidos em arquivo para fins legais ou de preservação
de conhecimento, ou ambos, sejam devidamente identificados.

4.4.6 Controle operacional


A organização deve identificar as operações e atividades que estejam associadas com os
riscos identificados onde for necessário aplicar medidas de controle. A organização deve
planejar essas atividades, inclusive manutenção, para assegurar que as mesmas sejam
realizadas sob condições específicas através do seguinte:
a) estabelecimento e manutenção de procedimentos documentados para cobrir situações
onde sua falta levaria a desvios da política de saúde e segurança, e dos objetivos;
b) estipulação dos critérios de operação nos procedimentos;
c) estabelecimento e manutenção de procedimentos relativos aos riscos identificados de
saúde e segurança em mercadorias, equipamentos e serviços adquiridos e/ou utilizados
pela organização e a divulgação dos procedimentos e requisitos relevantes a
fornecedores e contratadas;
d) estabelecimento e manutenção de procedimentos para o projeto do local de trabalho,
processo, instalações, maquinário, procedimentos operacionais e organização do
trabalho, inclusive sua adaptação para a capacidade humana, de forma a eliminar ou
reduzir os riscos de saúde e segurança na fonte.

4.4.7 Preparação e atendimento a emergência

BSI 04-1999 15
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

A organização deve estabelecer e manter planos e procedimentos para identificar o


potencial e o atendimento a incidentes e situações de emergência, e para prevenir e
mitigar os riscos de danos pessoais que possam estar associados aos mesmos.
A organização deve rever seus planos e procedimentos de preparação e atendimento a
emergências, em particular, após a ocorrência de incidentes ou de situações de
emergência.
A organização também deve testar tais procedimentos periodicamente onde for possível.

4.5 Verificação e ação corretiva

Implementação e operação

Verificação e Feedback da medição


Auditoria
ação corretiva do desempenho

Análise crítica pela administração

Figura 5 - Verificacação e ação corretiva

4.5.1 Monitoramento e medição do desempenho


A organização deve estabelecer e manter procedimentos para monitorar e medir
regularmente o desempenho da saúde e segurança. Esses procedimentos devem fornecer
o seguinte:
• medidas qualitativas e quantitativas adequadas às necessidades da organização;
• monitoramento do nível de atendimento dos objetivos de saúde e segurança da
organização;
• medidas pró-ativas de desempenho que monitoram o nível de conformidade com o
programa de gestão de saúde e segurança, critérios operacionais, bem como legislação
e regulamentos aplicáveis;
• medidas reativas de desempenho para monitorar acidentes, danos pessoais, incidentes
(inclusive quase-acidentes) e outras evidências históricas do desempenho deficiente em
saúde e segurança;
• registro de dados e resultados de monitoramento e medições suficientes para facilitar
uma análise posterior das ações corretivas e preventivas implementadas.

BSI 04-1999 16
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

Se for necessário o uso de equipamentos de monitoração para medir e monitorar o


desempenho, a organização deve estabelecer e manter procedimentos para a calibração e
manutenção de tais equipamentos. Devem ser mantidos registros da calibração, bem como
das atividades de manutenção e seus resultados.

4.5.2 Acidentes, incidentes, não conformidades e ações corretivas e preventivas


A organização deve estabelecer e manter procedimentos para definir a responsabilidade e
autoridade para:
a) lidar com e investigar:
• acidentes;
• incidentes;
• não-conformidades;
b) tomar as medidas necessárias para mitigar quaisquer conseqüências de acidentes,
incidentes ou não-conformidades;
c) iniciar e concluir ações corretivas e preventivas;
d) confirmar a eficácia das ações corretivas e preventivas implementadas.
Esses procedimentos devem exigir que todas as ações corretivas e preventivas propostas
sejam analisadas através do processo de avaliação de risco antes de serem implementadas.
Quaisquer ações corretivas ou preventivas aplicadas para eliminar as causas de não
conformidade reais ou potenciais devem ser adequadas à dimensão dos problemas e
compatíveis com o risco de saúde e segurança encontrado.
A organização deve implementar e registrar quaisquer mudanças nos procedimentos
documentados resultantes de ação corretiva ou preventiva.

4.5.3 Registros e gerenciamento dos registros


A organização deve estabelecer e manter procedimentos para a identificação, manutenção
e disposição de registros de saúde e segurança, bem como dos resultados de auditorias e
análises.
Os registros de saúde e segurança devem ser legíveis, identificáveis e rastreáveis para as
atividades envolvidas. Esses registros devem ser armazenados e mantidos de tal forma
que possam ser prontamente acessados e protegidos contra danos, deterioração ou perda.
O prazo de manutenção dos mesmos em arquivo deve ser estabelecido e registrado.
Registros devem ser mantidos, conforme for apropriado para o sistema e para a
organização, para demonstrar a conformidade com os requisitos desta norma OHSAS.

4.5.4 Auditoria
A organização deve estabelecer e manter um programa e procedimentos para a realização
de auditorias periódicas no sistema de gestão de saúde e segurança, a fim de:

BSI 04-1999 17
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

a) determinar se o sistema de gestão:


1. está em conformidade com as ações planejadas de gestão de saúde e segurança,
inclusive os requisitos desta norma OHSAS;
2. foi adequadamente implementado e mantido; e
3. efetivamente atende aos objetivos e política da organização;
b) rever os resultados de auditorias anteriores;
c) fornecer à administração informações sobre os resultados de auditorias.
O programa de auditoria, incluindo qualquer programação, deve ser baseado nos
resultados de avaliação de risco das atividades das organização, e nos resultados de
auditorias anteriores. Os procedimentos de auditoria devem abranger o escopo da
auditoria, a freqüência, as metodologias e as competências, bem como as
responsabilidades e requisitos para conduzir auditorias e reportar resultados.
Sempre que possível, as auditorias devem ser conduzidas por pessoas que sejam
independentes da área de responsabilidade pela atividade que está sendo examinada.
NOTA: a palavra “independente”, no contexto acima, não significa necessariamente uma pessoa de fora
da organização.

4.6 Análise crítica pela administração

Verificação e ação corretiva

Análise crítica
Fatores Fatores
internos pela externos
administração

Política

Figura 6 - Análise crítica pela administração

A alta administração da organização deve, em intervalos que determinar, analisar o sistema


de gestão de saúde e segurança para assegurar que o mesmo continue adequado e eficaz.
O processo de análise pela alta administração deve assegurar que sejam coletadas todas as
informações necessárias para permitir que a administração faça sua avaliação. Essa análise
deve ser devidamente documentada.
A análise da administração deve abordar a possível necessidade de mudar a política, os
objetivos e outros elementos do sistema de gestão de saúde e segurança, com base nos
resultados de auditorias realizadas no sistema de gestão, mudanças, e o comprometimento
com a melhoria contínua.

BSI 04-1999 18
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

ANEXO A. (Informativo)
Correspondência técnica entre a especificação OHSAS 18001 e as normas ISO
14001:1996 e ISO 9001:1994.
Cláusula OHSAS 18001 Cláusula ISO 14001:1996 Cláusula ISO 9001:1994
1 Escopo 1 Escopo 1 Escopo
2 Referências 2 Referências normativas 2 Referências normativas
3 Termos e definições 3 Definições 3 Definições
4 Elementos do sistema 4 Requisitos do sistema 4 Requisitos do sistema
de gestão de saúde e de gestão ambiental de qualidade
segurança
4.1 Requisitos gerais 4.1 Requisitos gerais 4.2.1 Geral (1a. sentença)
4.2 Política de saúde e 4.2 Política ambiental 4.1.1 Política da qualidade
segurança
4.3 Planejamento 4.3 Planejamento 4.2 Sistema de qualidade
4.3.1 Planejamento para 4.3.1 Aspectos ambientais 4.2 Sistema de qualidade
identificação de fator
de risco, avaliação e
controle de risco
4.3.2 Requisitos legais e 4.3.2 Requisitos legais e -
outros requisitos outros requisitos
4.3.3 Objetivos 4.3.3 Objetivos e metas 4.2 Sistema de qualidade
4.3.4 Programa(s) de gestão 4.3.4 Programa(s) de gestão 4.2 Sistema de qualidade
de saúde e segurança ambiental
4.4 Implementação e 4.4 Implementação e 4.2 Sistema de qualidade
operação operação

4.9 Controle de processo


4.4.1 Estrutura e 4.4.1 Estrutura e 4.1 Responsabilidade da
responsabilidade responsabilidade administração

4.1.2
Organização
4.4.2 Treinamento, 4.4.2 Treinamento, 4.18 Treinamento
conscientização e conscientização e
competência competência
4.4.3 Consulta e 4.4.3 Comunicação -
comunicação
4.4.4 Documentação 4.4.4 Documentação do 4.2.1 Geral (sem a 1a.
sistema de gestão sentença)
ambiental
4.4.5 Controle de 4.4.5 Controle de 4.5 Controle de
documentos e dados documentos documentos e dados

Correspondência técnica entre a especificação OHSAS 18001 e as normas ISO


14001:1996 e ISO 9001:1994.
Cláusula OHSAS 18001 Cláusula ISO 14001:1996 Cláusula ISO 9001:1994
4.4.6 Controle operacional 4.4.6 Controle operacional 4.2.2 Procedimentos do

BSI 04-1999 19
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

sistema de qualidade
4.3 Análise de contrato
4.4 Controle de projeto
4.6 Compras
4.7 Produto fornecido pelo
cliente
4.8 Identificação e
rastreabilidade do
produto
4.9 Controle de processo
4.15 Manuseio, estocagem,
embalagem,
conservação e entrega
4.19 Atendimento
4.20 Estatísticas técnicas
4.4.7 Preparação e 4.4.7 Preparação e -
atendimento a atendimento a
emergências emergências
4.5 Verificação e ação 4.5 Verificação e ação -
corretiva corretiva
4.5.1 Monitoramento e 4.5.1 Monitoramento e 4.10 Situação da inspeção e
medição do medição teste
desempenho
4.11 Controle dos
equipamentos de
inspeção, medição e
teste
4.12 Situação da inspeção e
teste
4.5.2 Acidentes, incidentes, 4.5.2 Não conformidade e 4.13 Controle de produto
não conformidades e ações corretiva e não conforme
ações corretiva e preventiva
preventiva
4.14 Ação corretiva e
preventiva
4.5.3 Registros e 4.5.3 Registros 4.16 Controle dos registros
gerenciamento dos de qualidade
registros
4.5.4 Auditoria 4.5.4 Auditoria do sistema de 4.17 Auditorias internas de
gestão ambiental qualidade
4.6 Análise crítica pela 4.6 Análise crítica pela 4.1.3 Análise crítica pela
administração administração administração
Anexo A Correspondência Anexo B Correspondência com a - -
entre a ISO 14001, ISO 9001
ISO 9001
- Bibliografia Anexo C Bibliografia Anexo A Bibliografia
- Ver OHSAS 18002 Anexo A Guia para utilizar a - -
especificação

BSI 04-1999 20
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

Bibliografia
[1] ISO 9001:1994, Quality systems: Model for Quality assurance in design,
development, production, installation and servicing.
[2] ISO 14001:1996, Environmental management systems - Specification with guidance
for use.
[3] ISO/IEC Guide 2:1996, Standardization and related activities - General vocabulary.

Suplemento do Reino Unido


Publicações das normas BSI
BRITISH STANDARDS INSTITUTION, LONDON W4 4AL
BS8800:1996, Guide to occupational health and safety management systems.
BS EN 30011-1:1993, Guidelines for auditing quality systems - Auditing
BS EN 30011-2:1993, Guidelines for auditing quality systems -Qualification criteria for
quality systems auditors.
BS EN 30011-3:1993, Guidelines for auditing quality systems - Managing an audit
programme.
BS EN ISO 9001:1994, Quality systems: Model for quality assurance in design,
development, production, installation and servicing.
BS EN ISO 14001:1996, Environmental management systems - Specification with
guidance for use.

Publicações da Health and Safety Commission e Health and Safety Executive


[1] Health and Safety Commission Management of health and safety at work. 1992.
London: The Stationery Office.
[2] Health and Safety Executive Successful health and safety management: HS(G) 65,
1997. London: The Stationery Office. O posto de atendimento ao público é:
HSE Information Centre
Broad Lane
Sheffield S3 7HQ
Tel: 0114 289 2345
Fax: 0114 289 2333
Publicações pagas e grátis da HSE estão disponíveis no seguinte endereço:
HSE Books
PO Box 199
Sudbury
Suffolk C10 6FS
Tel: 0178 788 1165
Fax: 0178 731 1995

BSI 04-1999 21
OHSAS 18001:1999 – Occupational Health and Safety Assessment Series

BSI - British Standards Institution


A BSI é um órgão nacional independente que elabora as Normas Britânicas (British Standards), apresenta
a posição do Reino Unido sobre normas na Europa e no âmbito internacional, tendo sido constituída
através de Royal Charter (concessão Real).

Revisões
As publicações da BSI são atualizadas por meio de aditivos e revisões. É recomendável que o usuário
certifique-se de que tem em mãos as versões mais atualizadas das publicações da BSI.

A BSI procura permanentemente melhorar a qualidade de seus produtos e serviços, e agradece quaisquer
notificações, por parte de usuários, de incorreções ou ambigüidades encontradas ao utilizar esta publicação
da BSI. Para nos contatar, ligue 0181 996 9000 ou envie um fax para o número 0181 996 7400.

A BSI oferece aos seus membros um serviço personalizado de atualização - o PLUS - através do qual o
associado recebe automaticamente as últimas edições das normas.

Para adquirir normas e outras publicações da BSI


Para encomendar quaisquer normas nacionais e internacionais ou outras publicações da BSI, basta enviar
seu pedido ao departamento de atendimento ao cliente - Customer Services - através do telefone 0181 996
9001, ou através do fax No. 0181 996 7001.

Para atender pedidos de normas internacionais, a BSI tem a política de fornecer as que a BSI tenha
implementado e que tenham sido publicadas como Normas Britânicas, exceto quando requisitado de outra
forma.

Informações sobre normas e outras publicações da BSI


A BSI fornece uma grande variedade de informações sobre normas nacionais, européias e internacionais,
bem como outras publicações da BSI através de sua biblioteca e seu serviço de assistência técnica a
exportadores (Technical Help to Exporters Service). A BSI também disponibiliza vários serviços de
informações eletrônicas que dão detalhes sobre todos os seus produtos e serviços. Entre em contato com o
Centro de Informações através do telefone 0181 996 7111, ou pelo fax No. 0181 996 7048.

Os associados da BSI são mantidos permanentemente informados sobre o que há de mais atual em termos
de normalização e outras publicações BSI, e recebem grandes descontos na compra de publicações de
normas. Para maiores detalhes sobre essas vantagens, ligue para o departamento de administração de
associados - Membership Administration - Tel: 0181 996 7111, ou fax 0181 996 7001.

Direitos autorais
A BSI detém direitos autorais sobre todas as suas publicações, bem como de publicações dos órgãos de
normalização internacionais dentro do Reino Unido. Exceto quando permitido no direito autoral
“Designs and Patents Act 1988” não é permitido fazer reproduções das publicações, nem mantê-las
arquivadas em sistema eletrônico ou transmiti-las de qualquer forma ou por qualquer meio - seja
eletrônico, fotocópia, gravação ou outros - sem autorização prévia da BSI.

Isso não impede o uso livre, durante a implementação da norma, dos detalhes necessários, tais como
símbolos e designações de tamanho, tipo ou classificação. Se tais detalhes forem utilizados para quaisquer
outros fins que não sejam o de implementação, então será necessário obter a autorização prévia da BSI.

Se for dada autorização, os termos poderão envolver o pagamento de royalty ou assinatura de um contrato
de licenciamento. Maiores detalhes e conselhos podem ser obtidos com o Gerente de Direitos Autorais
(Copyright Manager), através do telefone 0181 996 7070.

BSI 04-1999 22