Anda di halaman 1dari 2

O BOM ESTUDANTE DE LÍNGUAS

1- Participante ativo

a) Aproveita as oportunidades

b) Adiciona atividades relacionadas com a aprendizagem ao programa regular, intensificando seus


esforços.

c) Procura atividades práticas – repetir, memorizar, escrever palavras,

d) Identifica seus problemas relacionados com a aprendizagem e sabe lidar com eles.

e) Muda de propósito de uma atividade para se concentrar na língua. Ex: Assiste a filmes não pela
história, mas para escutar a língua.

2- Conscientiza-se de que a língua é um sistema

a) Compara sua língua nativa com a língua estrangeira

b) Analisa a língua que está aprendendo, usando pistas para predizer e inferir.

c) Desenvolve técnicas de aprendizagem que façam uso da língua como sistema. Ex: quando
procura palavras no dicionário associa essas palavras com um campo semântico.

3- Conscientiza-se de que a língua é um meio de comunicação

a) Nos primeiros estágios o bom estudante se concentra mais na fluência do que na produção
correta.

b) Procura situações onde possa se comunicar. Ex: Conversa com nativos, faz parte de grupos de
discussões, tem correspondentes em outros países.

c) Observa que a língua sobre influência da cultura e tem cuidado com certas expressões, que para
o nativo de língua estrangeira, são essenciais na produção da língua.

4- Sabe lidar com suas necessidades afetivas

a) Saber ultrapassar sua timidez e não ter medo de cometer erros.

b) Sabe rir dos próprios erros, tem senso de humor.

c) Continua a estudar, embora muitas vezes esteja cansado ou chateado.

5- Faz sua própria monitoração

a) Revisa e testa interferências, procurando ajustes ou perguntando.

b) Aprende através dos próprios erros.

c) Não tem medo de ser corrigido.

Em relação à leitura:

a) Lê qualquer coisa: revistas, jornais, artigos profissionais etc.

b) Lê o que é familiar.
c) Lê o que interessa.

d) Lêem rótulos, menus, receitas etc. e tenta passar para língua estrangeira.

e) Lê textos nas duas línguas.

f) Lê alguma coisa todo dia.

g) Tenta compreender pelo contexto, evitando ao máximo o dicionário.

O BOM LEITOR

CARACTERÍSTICAS GERAIS:

1- Mantém o significado da passagem na mente.

2- Lê frases maiores.

3- Pula palavras desnecessárias.

4- Advinha o significado através do contexto.

5- Tem um bom autoconceito como leitor.

CARACTERÍSTICAS ESPERCÍFICAS:

1- Identifica a categoria gramatical da palavra.

2- Demonstra sensibilidade quando encontra uma ordem diferente das palavras na língua
estrangeira.

3- Examina ilustrações.

4- Lê o título do texto e faz interferências.

5- Usa informações tipográficas.

6- Refere-se aos comentários laterais.

7- Usa glossário como último recurso.

8- Procura palavras no dicionário corretamente.

9- Continua, mesmo que não tenha sido bem sucedido, decodificando uma palavra ou frase.

10- Reconhece cognato.

11- Usa seu conhecimento de mundo.

12- Tenta dar solução para problemas.

13- Avalia suas predições