Anda di halaman 1dari 6

1) (UCSal) Sabe-se que -2 e 3 são raízes de uma função

quadrática. Se o ponto
(-1 , 8) pertence ao gráfico dessa função, então:
a) o seu valor máximo é 1,25
b) o seu valor mínimo é 1,25
c) o seu valor máximo é 0,25
d) o seu valor mínimo é 12,5
e) o seu valor máximo é 12,5.

Resolução:

• Sabemos que a função quadrática, pode ser escrita na forma


fatorada:
y = a(x - x1)(x - x2) , onde x1 e x2, são os zeros ou raízes da
função.
• Portanto, poderemos escrever:
y = a[x - (- 2 )](x - 3) = a(x + 2)(x - 3)
y = a(x + 2)(x - 3)
• Como o ponto (-1,8) pertence ao gráfico da função, vem:
8 = a(-1 + 2)(-1 - 3)
8 = a(1)(-4) = - 4.a
Daí vem: a = - 2
• A função é, então: y = -2(x + 2)(x - 3) , ou y = (-2x -4)(x - 3)
y = -2x2 + 6x - 4x + 12
y = -2x2 + 2x + 12
• Temos então: a = -2 , b = 2 e c = 12.
Como a é negativo, concluímos que a função possui um valor
máximo.
Isto já elimina as alternativas B e D.
• Vamos então, calcular o valor máximo da função.
D = b2 - 4ac = 22 - 4 .(-2).12 = 4+96 = 100
Portanto, yv = - 100/4(-2) = 100/8 = 12,5
Logo, a alternativa correta é a letra E.

2) (UFPE) Considere a equação x²+(k-4)x -2k+4=0. Indique os


valores de k para os quais o número real 3 está compreendido
entra as raízes da equação.
a) K=0
b) k>-1
c) k=-1
d) k<-1
e) k=2

Resolução:

• Verificando as alternativas, primeiramente aquelas que tem sinal de


igual:
a) K = 0:

x² + (0 - 4)x - 2.0 + 4 = 0
x² - 4x + 4 = 0

Raiz = 2 (raiz dupla)


A alternativa a) é INCORRETA. 3 não está entre as raízes.

• Verificando a alternativa c) K = - 1:

x² + (-1 - 4)x - 2.-1 + 4 = 0


x² - 5x + 2 + 4 = 0
x² - 5x + 6 = 0

Raízes = 2 e 3
A alternativa c) é INCORRETA.
Porque 3 não está entre as raízes, 3 é uma das raízes.

• Verificando a alternativa e) K = 2

x² + (k - 4)x - 2k + 4 = 0
x² + (2 - 4)x - 2.2 + 4 = 0
x² + (- 2)x - 4 + 4 = 0
x² - 2x = 0

Raízes = 0 e 2.
Alternativa e) está INCORRETA. 3 não está entre 0 e 2.

• Restam apenas duas alternativas, e as duas são desigualdades:

b) k>-1
d) k<-1

Entre os valores que foram usados anteriormente estão 0,2 que são
maiores que - 1
Portanto a alternativa correta é k<-1, letra D.

3) ( CN – 2006) Qual é a solução, no conjunto dos números reais,


da1equação
-x
=
2 x?

a) X = ½
b) X = -1

c) X = 1
d) X = -1 ou X = ½
e) X = - ½
Resolução:
1-x
=x 1–x=
X² 2x²+x -1 = 0
2 2
∆ = b² - 4 a c

∆ = 1 – 4.(-1) .2 => ∆
=9
X=-b± = -1±
√∆ > 3

X’ = -1 2a
+3 4
= 1 4
X” =2 -1 - 3
=-1
4
Testando na equação inicial vemos que ambos os valores servem, logo a
alternativa correta é a letra D.

a
4) a-
A E x B
x

b= a-x a-x
a-x

D a- F C
x
x

(CN-2005) Um retângulo ABCD de lados AB = a e BC = b (a>b), é


dividido, por um segmento EF, num quadrado AEFD e num
retângulo EBCF, semelhante ao retângulo ABCD conforme a
figura acima. Nessas condições, a razão entre a e b é
aproximadamente igual a:

a) 1,62

b) 2,62

c) 3,62

d) 4,62

e) 5,62
Resolução:

• a>b

• EBCF ~ ABCD

• Chamando EB = x, temos: vide figura.

Pela semelhança dos retângulos, temos:

a-x = x a.x = (a- a.x = a2- a2-


a b x)2 2ax+x2 3ax+x2=0

a = 3x ± (9x2- a = x/2 (3 ± Logo b = a-x = x/2 (3 ±


2 1/2
4x ) 2 √5) √5) - x

Temos assim, 2 opções:

I)a = x/2 (3 + √5) e II) a = x/2 (3 - √5)

Para (I):
a/b = 3 +
a/b = x/2 (3 +
a = x/2 (3 + √5) √5 2
√5) x/2 (3 + √5) 1,6
-x 1 +√5

Para (II): 2

a = x/2 (3 - √5)

a/b = x/2 (3 - a/b = 3 - √5 1 -√5


√5) x/2 (3 - √5) 2 Valor negativo; logo não
1 -√5 2 serve.
-x
2
Alternativa correta é a letra A.

5) (EEAR - 2004) O maior valor inteiro de k que torna crescente a


função ƒ: R => R, definida por ƒ(x) = 2 – (3+5k)x é:

a) 1

b) 0

c) -1
d) -2

Resolução:

Testando as alternativas

a) K=1 -> ƒ(x)= -8x+2 (F)

b) K=0 -> ƒ(x)= -3x+2 (F)

c) K=-1 -> ƒ(x)= +2x+2 (V)

d) K=-2 -> ƒ(x)= +7x+2 (V)

Servem k=-1 e k=-2, como -1 > -2; a alternativa correta é a letra C.

h(x) =
2x+3m
6) (EPCAR – 1999) Dadas as funções reais h e g tais que
, e sendo 1 a g(x) = nx-
5
m
raiz de h(x) e g(5) = 5 ntem-se igual a:

4
1 1 4
4
a) 3 3 b) - 3 c) -3 d)

Resolução:
2
h(x)= 2x+3m => x=1 -> h(1)= 0; logo h(1)= 2.1+3m=0 => m= -
3
g(x)= nx-5 => x=5 -> g(5)=5; logo g(5)n.5-5=5 => n=2
-

Assim m 2 3
=  alternativa correta é a letra B.
n 2

7) (CESGRANRIO) O valor de um carro novo é de R$ 9000,00 e


com 4 anos de uso, é de

R$ 4000,00. Supondo que o preço caia com o tempo, segundo


uma linha reta, o valor do carro com 1 ano de uso era:

a) R$ 8250,00

b) R$ 8000,00

c) R$ 7750,00

d) R$ 7500,00

Resolução:
y = ax+b

x=0 y = 9000,00

x=4 y = 4000,00

substituindo:

9000 = a.0 + b => b = 9000

4000 = 4.a + 9000 => 4a = -5000 => a= -1250

Assim:

Y = -1250a + 9000

Para x = 1 => y = 7750 logo a alternativa correta é a letra C.