Anda di halaman 1dari 6

9/5/2014

Primeiros passos na advocacia | Artigos JusBrasil

JusBrasil - Artigos

09 de

maio de 2014

Primeiros passos na advocacia

Como montar seu escritório

Publicado por Almeida & Pandolfi Damico Advogados - 19 horas atrás

Para a grande maioria dos estudantes de Direito que se aproximam da graduação, e mesmo para os advogados recém aprovados no exame da Ordem, paira uma série de dúvidas sobre qual rumo seguir a partir deste momento.

Esse tipo de questionamento sobre um dos diversos caminhos a serem traçados após a formatura é comum em quase todas as profissões, mas talvez em nenhuma delas seja tão evidente quanto no âmbito do Direito.

Muitos optam pela carreira no serviço público desde a saída da universidade, e outros se veem com vocação e uma grande vontade de se aventurar pelo surpreendente mundo da advocacia, mas por diversas vezes carecem do apoio mínimo necessário para dar os primeiros passos rumo a seu sonho.

Assim, procuramos aqui, de modo simples e direto, estabelecer alguns critérios básicos para auxiliar aqueles que querem fazer da advocacia o seu ofício.

Antes de iniciarmos, é importante ressaltar que temos de estar preparados para o fato de que a advocacia, assim como todos os setores profissionais, passou por uma grande evolução no decorrer do século XX e início do século XXI, de modo que não podemos partir de uma ideia enraizada que a advocacia é uma ilha distante da economia e do profissionalismo que cerca o mercado econômico atual.

Portanto, tenha em mente como premissa básica para a leitura deste artigo: o Direito e a Advocacia tem passado por constante evolução, não somente no aspecto de suas teses jurídicas, mas em sua forma de apresentar-se aos clientes, e exigem extrema preparação – que deve ser contínua – do profissional, sob pena de através da seleção natural do próprio mercado, o advogado perder o seu espaço para a concorrência.

Primeiros Passos – Pensando a Sociedade: Enquanto abrir um escritório ainda está no âmbito das

9/5/2014

Primeiros passos na advocacia | Artigos JusBrasil

ideias, para que você não atropele etapas e tenha um bom planejamento, o primeiro e principal ponto é definir todos os aspectos com relação à sua sociedade.

Você pretende advogar sozinho, ou pretender atuar em conjunto com outros advogados, sob a forma de sociedade?

Pessoalmente, acredito que através de uma sociedade você agrega valor a seus serviços, já que consegue unir mais competências a seu escritório. No entanto, na medida que a sociedade pode lhe trazer maiores aspirações de crescimento, também pode multiplicar os seus futuros problemas.

Assim, é extremamente importante, e vital para a sobrevivência e perpetuação do seu escritório, que a seleção dos sócios seja muito bem avaliada.

Para utilizarmos uma instituição bastante conhecida, lembre-se, sociedade se assemelha à um “casamento”, e certamente diferentes pontos de vista e opiniões serão rotineiramente colocados na mesa, gerando discussões e divergências.

Para que tais situações não impliquem num abalo de confiança, é importante que os sócios do escritório estejam alinhados quanto à postura do outro, dividam aspirações profissionais e pessoais, ou seja, compartilhem dos mesmos sonhos, especificamente sobre onde querem chegar e o que devem fazer para alcançar os seus sonhos.

Logicamente, é muito importante, além de encontrar um sócio que tenha um perfil psicológico adequado ao seu e ao que você tolera, que esses sócios tenham atributos profissionais complementares, ou seja, se você não tem perfil para o controle de contas do escritório, saiba que no início do escritório vocês não terão funcionários para isso, e é importante que um dos sócios se identifique com esse tipo de trabalho e seja deslocado para tanto, como veremos a seguir.

Área de Atuação

Agora que você já definiu quem serão os seus sócios, é importante delimitar quem fará o quê. Quais as áreas do Direito que você se identifica e gostaria de aprofundar os seus estudos? Quais competências administrativas você possui para auxiliar no início do escritório?

Sem responder essas perguntas, não dê o próximo passo.

Lembre-se, no início é difícil definir qual é especificamente a sua área de atuação, mas você conhece ao menos minimamente suas preferências. Definam em conjunto as áreas do Direito que serão abarcadas

9/5/2014

Primeiros passos na advocacia | Artigos JusBrasil

pelo escritório e consequentemente por cada um dos sócios, lembrando-se que a especialização é algo muito valorizado e sinônimo de competência. Por mais que no início sejamos tentados, é impossível você atuar em todas as áreas do Direito e patrocinar todo o tipo de causa.

Uma vez escolhidas as áreas de atuação, inclusive quem será o responsável em parte do tempo pelas funções administrativas do escritório, conforme as preferências e competências de cada um, tenha em mente que este é apenas o início de uma longa caminhada, e que o investimento em especialização será primordial, dia após dia.

Aspectos Legais – Regularização da Sociedade

Agora que já tem o planejamento básico do escritório em mãos, é preciso encarar a parte burocrática para a criação da Sociedade de Advogados.

Neste ponto, é indispensável que você busque um Contador de sua confiança.

É ele quem assumirá a responsabilidade por fazer a abertura legal da sociedade, requisitando a você todas as informações e documentações necessárias.

Vale ressaltar que a sociedade de advogados te uma particularidade que as difere das demais sociedades, visto que ela tem que ser registrada também na OAB, além de proceder com todo o registro que é comumente feito na Receita Federal para que seja adquirido o CNPJ da sociedade.

Tenha bastante atenção com a escolha do contador, pois ele será desde a criação, responsável por tudo aquilo que é declarado em nome da empresa, vez que é ele quem fará o registro de todo o balanço anual da sociedade.

Montando o Escritório

Concomitantemente ao início dos trabalhos para registro da sociedade, você deverá escolher a sede de seu escritório.

A maior parte dos advogados em início de carreira não possui altas quantias disponíveis para investimento, portanto, busque um imóvel com espaço suficiente para acomodação dos sócios e dos eventuais clientes que lhes farão as visitas.

9/5/2014

Primeiros passos na advocacia | Artigos JusBrasil

Apure todos os valores que cercam os investimentos iniciais do escritório como móveis, cadeiras, computadores, impressoras, dentre outros.

Avalie quais serviços terão de ser contratados, como internet e telefone.

Planilha todos esses gastos iniciais, e preveja aqueles que lhe acompanharão a partir de então, como aluguel, condomínio, luz, água e telefone.

Tenha tudo minuciosamente previsto e planilhado, tendo assim uma exata noção de quais serão seus gastos mensais e o quanto terão de ganhar mensalmente para tornar o negócio viável.

Lembre-se, abrir um escritório assemelha-se à abertura de uma empresa como qualquer outra, e é normal que os primeiros meses sejam de prejuízos, até que o escritório consiga fechar as contas no azul. Portanto, sugerimos que tenha uma reserva de segurança para sustentar as despesas ao menos dos primeiros seis meses da sua sociedade.

Captação de clientes

Pronto, agora que você já passou por isso tudo, poderia via a pensar que é sentar na cadeira e aguardar os clientes aparecerem.

Mas não podemos fechar os olhos para a realidade do mercado, seja na advocacia, seja em qualquer outra atividade.

Trace junto dos seus sócios um plano de ação, como farão para não serem inertes e esperarem os clientes baterem à sua porta.

É fundamental que você dê ciência sobre sua atividade a todos os seus familiares e amigos, pois esses são uma grande porta de entrada para novas ações, vez que já lhe conhecem e tem confiança em você. Também acabam se tornando ótimas referências para indicações.

Busque começar a participar de feiras, congressos e associações ligadas à sua área de atuação, frequente palestras e cursos.

Assim, além de aprender e se aprofundar na sua área de atuação, você estará mostrando interesse e

9/5/2014

Primeiros passos na advocacia | Artigos JusBrasil

“dando as caras” aos profissionais e clientes da área.

Procure também produzir conteúdo sobre a sua área de atuação no Direito, e utilize a internet para divulga-lo. É muito importante que desde o início do escritório vocês já tenham um site e e-mails exclusivos, para passar a ideia de profissionalismo a seus novos clientes.

Conclusão

Após a análise e observação de cada um dos pontos básicos que apresentamos acima, você estará pronto para dar os primeiros passos com seu próprio escritório.

Como certamente já percebeu, a advocacia não é apenas estudar e aplicar o direito, envolve uma série de situações e matérias, desde a administração à contabilidade. Portanto, montar um escritório é também empreender.

Tenha sempre em mente que a advocacia é uma atividade que valoriza muito a maturidade, e portanto, quanto maior sua experiência e mais tempo de escritório, a tendência é que tenha ganhos maiores, maior valor agregado ao seu trabalho e maior reconhecimento do seu meio.

A concorrência é grande, o mercado é competitivo, mas os louros que são colhidos fazendo aquilo que se gosta são extremamente recompensadores.

Apesar de dificuldades iniciais que podem surgir, você deve ter sempre o sonho em e compartilha-lo com seus sócios e nunca desistir, pois certamente com competência e organização, e principalmente, força de vontade, você chegará onde almeja.

*Pedro Henrique da Costa Dias é advogado e sócio do escritório Almeida & Pandolfi Damico Advogados, graduado em Direito pela Faculdade de Direito de Vitória – FDV, especialista em Direito Imobiliário pela FMU e em Finanças Coorporativas pela FGV, tem larga experiência na atuação como Consultor Empresarial, especificamente nas áreas de planejamento financeiro, gestão de negócios e empreendedorismo. É pós graduado em Direito Empresarial (Legal Law Master) pela Fundação Getúlio Vargas – FGV.

9/5/2014 Primeiros passos na advocacia | Artigos JusBrasil “dando as caras” aos profissionais e clientes daAlmeida & Pandolfi Damico Advogados PRO O compromisso permanente com o cliente, aliado à experiência e http://apd.jusbrasil.com.br/artigos/118679448/primeiros-passos-na-advocacia?utm_campaign=newsletter&utm_medium=email&utm_source=newsletter 5/6 " id="pdf-obj-4-28" src="pdf-obj-4-28.jpg">
PRO
PRO

O compromisso permanente com o cliente, aliado à experiência e

9/5/2014

Primeiros passos na advocacia | Artigos JusBrasil

qualidade na assessoria jurídica, fazem da Almeida & Pandolfi Damico...

Os Melhores Livros Estão no iba. Download Gratuito. Baixe e Leia!

Disponível em: http://apd.jusbrasil.com.br/artigos/118679448/primeiros-passos-na-advocacia