Anda di halaman 1dari 12

Pensamentos dos Profetas e Apóstolos dos Últimos Dias

Sobre as Bênçãos do Freqüente Serviço no Templo e


Serviço para Nossos Ancestrais

Os templos são locais de revelação pessoal. Quando estou aborrecido ou preocupado por
um problema ou dificuldade, vou à Casa do Senhor em espírito de oração para obter as
respostas. Essas respostas vêm de modo claro e inconfundível"
(Ezra Taft Benson)

Todo adulto deve:


- Ser digno de receber as suas ordenanças no templo;
- Pesquisar os seus antepassados;
- Realizar ordenanças por eles.

"As maiores alegrias da verdadeira vida conjugal podem ser continuadas. Os mais belos
relacionamentos de pais e filhos podem ser permanentes. A sagrada associação da
família pode ser interminável se o marido e a esposa tiverem sido selados pelos sagrados
laços do matrimônio eterno."
(Presidente Kimball)

"Creio que o trabalho vicário pelos mortos se assemelha mais ao sacrifício vicário do
próprio Salvador do que qualquer outro trabalho que conheço. Ele é realizado com amor,
sem qualquer expectativa de remuneração, compensação ou qualquer coisa do gênero.
Que princípio glorioso!"
(Presidente Hinckley)

"A maior responsabilidade que Deus nos impôs neste mundo é a de buscar nossos
mortos. Os santos que negligenciam esse dever em favor de seus parentes mortos, põem
em perigo a si próprios."
(Presidente Joseph Smith)

"O templo é um local onde Deus virá; um local onde os limpos de coração verão a Deus;
um local onde os batismos pelos mortos são realizados, um local onde são feitos os
selamentos para o tempo e a eternidade, um local onde é dada a investidura (endowment)
do sacerdócio; um local onde as chaves do sacerdócio são entregues abundantemente, e
é um local onde muitas e maravilhosas coisas podem acontecer."
(John A. Widtsoe)

"Muitos pais, dentro e fora da Igreja, estão preocupados com a proteção contra a
crescente iniquidade, que ameaça tragar o mundo. Existe um poder associado às
ordenanças do céu, mesmo o poder de santidade, que pode impedir e impedirá as forças
do mal, se somente formos dignos daqueles sagrados convênios feitos no templo do
Senhor. Nossa família será protegida, nossos filhos serão salvos ao vivermos o
evangelho, freqüentarmos o templo e permanecermos próximos ao Senhor."
(Ezra Taft Benson)
_______________________________________________________________

"Implícito na edificação dos templos está o princípio de freqüência regular ao templo pelos
santos. Não existe nada que edifique melhor nossa espiritualidade e compreensão dos
princípios do sacerdócio, que a ida regular ao templo."
(Spencer W. Kimball)

"As cerimônias do templo são planejadas por um sábio Pai Celestial que as revelou a nós
nestes últimos dias como um guia de proteção durante toda a vida, para que vós e eu não
deixemos de merecer a exaltação no reino celestial, onde Deus e Cristo habitam."
(Harold B. Lee)

"Prosseguiremos com a grande obra realizada em nossos templos, uma inigualável obra
de amor em prol dos que passaram pelo véu da morte. Haverá maior amor que este? É a
obra que mais se aproxima da participação do espírito do próprio Senhor, o qual deu a
vida em sacrifício vicário por todos nós, do que qualquer outro que conheço."
(Gordon B. Hinckley)

"Diversas coisas são cumpridas ao freqüentarmos o templo - agimos de acordo com as


instruções do Senhor para realizarmos nossas próprias ordenanças, beneficiamos nossa
família por meio de ordenanças seladoras e compartilhamos as bênçãos com outros,
fazendo por eles o que eles mesmos não podem fazer. Além disso, edificamos nosso
próprio pensamento, aproximando-nos mais do Senhor, honramos o sacerdócio e
tornamos nossa vida espiritual."
(Howard W, Hunter)

"Quando os membros da Igreja estão preocupados, ou quando precisam tomar decisões


importantes, é comum irem ao templo. É um bom local para levarmos nossos problemas.
No templo podemos perceber a perspectiva espiritual. Lá, durante os serviços, estamos
'fora do mundo'…Há algo de purificador e esclarecedor na atmosfera espiritual do
templo."
(Boyd K. Packer)

"Não se pode esperar que as cerimônias do templo sejam compreendidas em todos os


seus detalhes na primeira vez que uma pessoa 'passa' pelo templo. Por isso, o Senhor
providenciou que possa ser repetida. As ordenanças do templo têm de ser feitas primeiro
pela pessoa a favor de si mesma; depois, a favor dos ancestrais e amigos já falecidos,
tantas vezes quantas as circunstâncias o permitirem. Esta obra abrirá as portas da
salvação para os mortos e também ajudará a fixar na mente dos vivos a natureza,
significado e compromissos do endowment (investidura). Manter a investidura sempre
presente em nossa mente nos ajudará a desempenhar nossos deveres na vida sob a
influência das bênçãos eternas."
(John A. Widtsoe)
"Para mim, não existe nada tão grande e tão glorioso neste mundo, como trabalhar pela
salvação dos vivos e pela redenção dos mortos."
(Joseph F. Smith)

"Vossa investidura (endowment) é receber todas as ordenanças na Casa do Senhor,


necessárias para que possais, depois de haver deixado esta vida, caminhar de volta à
presença do Pai, … e ganhar a exaltação."
(Brigham Young)
_______________________________________________________________________

"A doutrina do Profeta Elias ou seu poder para ligar compreende o seguinte: Se tendes o
poder para ligar na terra e nos céus, então deveis ser sábios. A primeira coisa que deveis
fazer é ir e selar na terra vossos filhos e filhas a vós e vós mesmos a vossos pais em
glória eterna."
(Joseph Smith)

"Os membros têm de ser ensinados que não é suficiente que marido e esposa sejam
selados no templo … também devem ser ligados eternamente a seus progenitores e
providenciar que a obra seja realizada a favor desses ancestrais."
(Ezra Taft Benson)

"Através do novo e eterno convênio do sacerdócio, ou seja, do casamento, todos os filhos


eleitos de Deus que são reunidos da terra podem ser selados em unidades familiares … à
família organizada e eterna de Deus."
(Spencer W. Kimball)

"Como podemos buscar todos os nossos progenitores - e todos os outros? Certo dia,
enquanto ponderava fervorosamente este assunto, cheguei à conclusão de que há algo
que qualquer um de nós pode fazer por todos os que morreram. Comecei a compreender
que qualquer um de nós, sozinho, pode interessar-se por eles, todos eles, e amá-los. Isto
se revelou como uma grande inspiração, pelo que compreendi que havia um ponto de
partida."
(Boyd K. Packer)

"A necessidade de realizarmos as ordenanças do templo e a obra genealógica nunca foi


mais urgente. Temos de redobrar nossos esforços para executar esta grande e sagrada
obra. Não podemos esperar a perfeição sem sermos ligados aos nossos antepassados.
Tampouco eles podem esperar a perfeição sem nós. Meus irmãos e irmãs, cabe a cada
um de nós providenciar que esta obra seja realizada."
(Ezra Taft Benson)
"Por que a terra seria destruída? Simplesmente porque, se não houver um elo ligando
pais e filhos - que é a obra pelos mortos - todos nós seremos rejeitados."
(Joseph Fielding Smith)

"Queremos que os santos dos últimos dias, a partir deste momento, tracem sua
genealogia tanto quanto possível, e sejam selados aos pais e continuem esta corrente até
onde conseguirem alcançar."
(Wilford Woodruff)

"Agora, o dever de um homem em sua própria família é ver que ele e sua esposa sejam
selados no altar. Se casados, antes de se filiarem à Igreja, ou se estando na Igreja não
puderam ir ao templo, ainda assim é dever do homem ir ao templo, ter sua esposa selada
a ele, e seus filhos selados para que o grupo familiar … continue por toda a eternidade.
(Joseph Fielding Smith)

Elder James E. Talmage

“ O povo demonstrou, nos primeiros dias desta Igreja, que não era capaz de obedecer a
esta lei em sua plenitude e se impôs a lei menor do dízimo; os santos, porém,
confiantemente esperam o dia em que não consagrarão unicamente a décima parte de
seus bens, mas sim tudo o que tiverem e tudo o que forem ao serviço de Deus; um dia
em que nenhum homem falará do meu e do teu, em que todas as coisas serão do Senhor
e suas.”

Pres.Joseph Fielding Smith

Mordomias dos Portadores do Sacerdócio.

“Temos o dever de salvar o mundo. Esta é a nossa missão, à medida que nos escutarem
e receberem nosso testemunho. Todos os que rejeitarem o testemunho dos Élderes de
Israel; serão considerados responsáveis e terão que prestar contas de sua mordomia,
exatamente como nós daremos conta de nossa mordomia como élderes e mestres do
povo.”

“...Sou grato pelas mulheres desta igreja.Vocês são uma parte essencial da Igreja, uma parte
extremamente importante. Ela não funcionaria adequadamente sem vocês.

Vocês dão-nos inspiração. Garantem o equilíbrio. São uma imensa fonte de fé e boas obras. Vocês

são uma âncora de devoção, lealdade e realização.

Ninguém pode negar o enorme papel que desempenham no progresso deste trabalho em
toda a Terra. Cada uma de vocês faz parte da enorme organização que é a Sociedade de
Socorro, uma grande família de irmãs com mais de quatro milhões de integrantes.
Vocês são as guardiãs do lar. Dão incentivo a seus respectivos maridos. Ensinam e criam
seus filhos na fé.

Que enorme dívida temos para com vocês!”

Pres.Gordon B. Hinckley
(A Liahona –Janeiro/99)

Os que estão do outro lado do véu...


Queridos irmãos:

Se aproxima o dia em que, no Brasil, nos lembramos daqueles que dentre nós, já partiram para o
mundo espiritual: nossos antepassados, nossos mortos. E procurando uma mensagem que de
alguma forma nos seja útil nestes dias, encontrei uma citação no livro "Casa de Glória", de S.
Michael Wilcox, que diz:
"Em troca do dom da vida e de outras bênçãos, prometemos proporcionar as ordenanças da vida
eterna aos nossos "pais". Eles contam com essa promessa, farão tudo o que estiver ao seu
alcance para ajudar-nos a cumpri-la e o Senhor fará o mesmo.
O Élder Melvin J. Ballard ponderou essa verdade e recebeu uma resposta para explicá-la. Ele
ensinou: " Por que, algumas vezes, em uma cidade ou família, só uma pessoa recebe o
evangelho? Foi-me revelado que é porque os justos que já morreram e que receberam o
evangelho no mundo espiritual estão empenhados nisso e, em resposta às orações que fazem, os
élderes da Igreja são mandados à casa de seus descendentes(...) e esse descendente na carne
passa a ter o privilégio de realizar o trabalho em favor de seus parentes falecidos. Quero dizer-
lhes que no mundo espiritual, o coração de pais e mães voltam-se com mais intensidade para os
filhos que estão atualmente na carne, do que voltamos o coração a eles". (Casa de Glória, S.
Michael Wilcox, pág. 108)

Parece apropriado nestes dias em especial, irmos à Casa do Senhor" em favor dos nossos
antepassados, e fazermos uma oferta aceitável ao Senhor, realizando o trabalho vicário. Boa
semana a todos, e bom trabalho no Templo do Senhor.
José Félix Botella - Editor

" E aconteceu que Jesus... pegou as criancinhas, uma a uma, e abençoou-as e orou por elas ao
Pai..." 3 Nefi 17:19,21

Queridos irmãos:

Aproxima-se o dia em que no Brasil comemoramos o "Dia da Criança". E nossas crianças, como
todas, estão esperando presentes, agrados, brinquedos, enfim... Refletindo sobre nossas crianças
e sobre qual seria o presente ideal para elas, novamente fui às palavras do nosso amado Profeta,
as quais reproduzo a seguir:
"As crianças são a síntese da inocência, são a síntese da pureza, são a síntese do amor,... da
esperança e alegria neste mundo difícil e confuso"...
Como observou o poeta indiano Tagore: "Cada criança nasce trazendo a mensagem de que
Deus ainda não perde a esperança na humanidade"...
"... Eu olhava para eles maravilhado enquanto eles riam e observavam com olhos abertos e
atentos todas as coisas emocionantes que se apresentavam diante deles. E então pensei no
milagre que são as crianças; elas são a renovação constante da vida e o propósito do mundo(...)"
"O mundo daqui a alguns anos depende da maneira em que treinamos a nova geração. Se
você está preocupado com o futuro, atente para a criação de seus filhos.... E nunca nos
esqueçamos de respeitar esses nossos pequeninos.... Na verdade o Senhor deixou claro que a
menos que desenvolvamos em nossa própria vida tal pureza, tal inocência do dolo e do mal, não
poderemos entrar em Sua presença. Ele declarou: "Se não vos converterdes e não vos fizerdes
como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus"...
Pres. Gordon B. Hinclkey. "Ensinamentos de Gordon B. Hinckley", páginas 67 e 68.

No dia das crianças é bom refletirmos sobre nossa enorme responsabilidade com todas as
crianças. De todos os cuidados que devemos ter com elas, o que me parece mais desafiador é
nos tornarmos mais puros, mais parecidos às crianças, ao mesmo tempo em que lhes
proporcionamos o sustento, exemplo e ensinamentos.
José Félix Botella - Editor

A seguir, selecionamos algumas palavras do nosso amado Profeta, a respeito da música:

"Que haja música no lar! Se vocês têm filhos adolescentes que possuem seus próprios discos e
fitas, vocês se sentirão inclinados a descrever o som que eles ouvem como qualquer coisa, exceto
música. Façam com que de vez em quando eles ouçam alguma coisa melhor. Apresentem-lhes a
boa música. Ela falará por si mesma. Será mais bem apreciada do que vocês possam imaginar.
Pode ser que não digam nada, mas eles sentirão, e sua influência se manifestará cada vez mais
com o passar dos anos."
"Reconhecemos o poder universal da música de tocar o coração dos homens e mulheres de todo
o mundo e de todas as gerações; de inspirar e encorajar, de apoiar e edificar, de consolar e trazer
paz." Pres. Gordon B. Hinckley, do livro Ensinamentos de Gordon B. Hinckley.

Vamos então, procurando tudo o que é bom, compor, cantar, tocar, enfim, louvar ao Senhor
através da música.
José Félix Botella - Editor

O VALOR DAS ALMAS.


Uma das coisas mais importantes que C.S. Lewis percebeu ao estudar as escrituras foi a
certeza de que nosso destino é tornarmo-nos semelhantes a Deus, o que testifica nosso imenso
valor. Seria maravilhoso se, quando passássemos por um nome nas várias ordenanças,
tivéssemos sempre a consciência do valor que ele tem, quando visto de uma perspectiva eterna.
Lewis descreveu o valor das almas com estas palavras: " A carga, peso ou fardo que a glória
do meu próximo representa deveria ser colocada em minhas costas todos os dias... Vivendo em
uma sociedade de deuses e deusas empotencial, é importante que nos lembremos que a pessoa
mais bronca e desenxabida com quem conversemos pode, um dia, ser uma criatura que, se
víssemos agora, ficaríamos bastante tentados a adorar".
À luz dessas possibilidades espantosas, deveríamos conduzir todas as nossas interrelações,
todas as amizades, todo o divertimento e todos os assuntos políticos com o devido assombro e
circunspecção. Não existem pessoas comuns. Nunca falamos com um reles mortal. As nações,
culturas, artes e civilizações...elas são mortais... Mas são imortais as pessoas com que nos
divertimos, trabalhamos e casamo-nos, a quem desprezamos e exploramos...
Considerando-se que uma alma valha o sacrifício do salvador, que valha o "mundo inteiro"
como ensinou Jesus (mateus 16:26-29), então, certamente vale que despendamos horas de
nosso tempo examinando registros em busca da informação necessária para enviarmos nomes
para receberem as ordenanças salvadoras do Templo; e se se trabalharmos todos os nossos dias
e levarmos a Jesus mesmo que seja uma só alma, quão grande será nossa alegria com ela no
reino de nosso Pai! E agora, se nossa alegria é grande com uma só alma(...) quão grande será
nossa alegria se levarmos muitas almas! (D&C 18:15-16). S. Michael Wilcox, " Casa de Glória"
(págs. 127 e 128).

COMO ENCONTRAR A LUZ EM UM MUNDO TENEBROSO


"Ele Sara os Quebrantados de Coração"
"É fato inevitável da vida que de tempos em tempos todos venhamos a sofrer algum tipo de
problema, dificuldade ou desapontamento neste mundo. Ao enfrentarmos os desafios da
mortalidade, ansiamos por uma cura certa para o sofrimento, a decepção, a mágoa, a angústia e
o desespero. O salmista declarou: "O Senhor sara os quebrantados de coração, e liga-lhes as
feridas". (Salmos 147:3). A cura é um milagre divino; as feridas atingem toda a humanidade.
Na sociedade sobrecarregada de hoje, algumas das coisas que nossos pais faziam para
curar-se parecem não estar presentes em nossa vida. É cada vez menor o número de pessoas
que têm a possibilidade de aliviar as tensões trabalhando com as mãos e lavrando o solo. As
crescentes demandas, a diversidade de apelos, a propaganda, o barulho ensurdecedor, as
dificuldades que muitos enfrentam em seu relacionamento pessoal, podem furtar a paz que nossa
alma necessita para funcionar e sobreviver. A pressa em atender às exigências implacáveis do
relógio acaba com a paz interior. As pressões da competição e da luta pela sobrevivência são
enormes. Nosso apetite por bens materiais é imenso. As forças crescentes que destroem o
indivíduo e a família causam grande tristeza e sofrimento...
Tantas coisas são justificadas pelo oportunismo e pelo afã de adquirir bens materiais e
ganhar dinheiro! Ultimamente, os indivíduos e instituições que têm a coragem de assumir uma
posição contrária ao adultério, à desonestidade, à violência, os jogos de azar e outros males são
freqüentemente ridicularizados. Muitas coisas são pura e simplesmente erradas, sejam elas
ilegais ou não. Os que persistem em seguir a maldade do mundo não podem conhecer a "paz de
Deus, que excede todo o entendimento". (Filipenses 4:7)
De algum modo, precisamos encontrar a influência benéfica que alivia a alma. Onde está o
lenitivo? Onde está o alívio compensador, tão desesperadamente necessário para ajudar-nos a
sobreviver às pressões do mundo? Em grande parte, o consolo pode vir de uma comunhão maior
com o Espírito de Deus. Isso pode curar-nos espiritualmente...
Recebemos esse alívio espiritual quando invocamos... (os dons) são ricos, plenos e
abundantes na Igreja hoje. Fluem do uso adequado e humilde do testemunho...
O Senhor providenciou vários caminhos pelos quais podemos receber essa influência
sanadora,...sendo que o Consolador é o mediador da cura. Sou grato por ter o Senhor restaurado
as ordenanças do Templo na Terra."
Presidente James E. Faust (Como encontrar a luz em um mundo tenebroso, págs. 25 a 28)

"As três carências"


"Richard Wirthlin, um dos mais eminentes pesquisadores de opinião pública dos Estados Unidos,
identificou, por meio de enquetes, as carências básicas das pessoas. São elas: auto estima, paz
de espírito e satisfação pessoal. Creio serem essas as carências dos filhos de Deus em todo
lugar. Como satisfazê-las? Penso que, por trás de cada uma, está a necessidade de
estabelecermos nossa própria identidade pessoal como progênie de Deus. Poderemos satisfazer
as três carências, independentemente de antecedentes étnicos, culturais ou nacionais, se
olharmos para a natureza divina que existe dentro de nós. Como disse o próprio Salvador: "E o
Espírito dá luz a todo homem (e mulher) que vem ao mundo, e o Espírito ilumina todo homem (e
mulher) no mundo que dá ouvidos a sua voz." (D&C 84:46)
Presidente James E. Faust (Como encontrar a luz em um mundo tenebroso, pág. 34).

Espero que todos possamos tirar proveito das palavras do Presidente Faust, e usarmos este
tempo para melhor nos apegarmos ao nosso Senhor e Salvador.
José Félix Botella

Aos jovens

"Sejam puros... Essa é nossa exortação a vocês, jovens... Sejam puros. "Que a virtude adorne
teus pensamentos incessantemente." Essas grandes palavras escritas no frio e no sofrimento da
cadeia de Liberty são como uma grande trombeta que nos chama neste dia onde existe tanta
imundície, podridão e lixo sendo apregoado."
"A decisão mais importante da vida é a decisão que envolve a escolha de um companheiro.
Tomem-na em espírito de oração. E quando se casarem, sejam ardentemente fiéis um ao outro."
Pres. Gordon B. Hinckley.
(Ensinamentos de Gordon B. Hinckley, págs.33 e 39)

Aos casados
"Faz tempo que sinto que a felicidade no casamento não é tanto uma questão de romance, mas
sim uma verdadeira preocupação pelo conforto e bem-estar do companheiro. Isso envolve o
desejo de tolerar as fraquezas e erros. ... O truque, meus irmãos e irmãs, é tirar proveito da
jornada, viajando de mãos dadas, na luz do sol e na tempestade, como companheiros que se
amam." Pres. Gordon B. Hinckley.
(Ensinamentos de Gordon B. Hinckley, págs. 28 e 29)

Aos casados há muito tempo


"Vou contar-lhes algo de minha vida pessoal. Sentei-me à mesa com minha esposa numa noite.
Faz cinqüenta e cinco anos que nos casamos no Templo de Salt Lake. A maravilhosa áurea da
feminilidade estava sobre ela...e eu estava encantado. Ao olhar para ela do outro lado da mesa,
notei algumas rugas em sua face e mãos. Mas são elas menos bonitas do que antes? Não, na
verdade são elas mais bonitas. Aquelas rugas têm uma beleza própria; elas falam de força e
integridade, e de um amor que se move com mais profundidade e tranqüilidade do que em outros
tempos."
Pres.Gordon B. Hinckley.
(Ensinamentos de Gordon B. Hinckley, pág. 32)

Feliz dia dos namorados a todos, e que nosso "namoro" esteja permeado do verdadeiro amor, de
virtude e de honra aos nossos Convênios.
José Félix Botella

Restauração do Sacerdócio
No mês de maio, que nos lembra a restauração do Sacerdócio, é bom refletirmos sobre as
palavras de nosso amado Profeta:
"O Sacerdócio está aqui, foi-nos conferido. Nós agimos segundo essa autoridade. Falamos
como filhos de Deus em nome de Jesus Cristo, e como portadores desta divina investidura.
Conhecemos pessoalmente o poder desse Sacerdócio. Temos visto o enfermo ser curado, o coxo
voltar a andar e pessoas que se encontravam nas trevas obterem luz, conhecimento e
discernimento...
Não o conseguimos por compra ou barganha. O Senhor o dá aos homens considerados
dignos de recebê-lo, independente da posição na vida, da cor da pele ou do país em que vivam...
A qualificação para recebê-lo é a obediência aos mandamentos de Deus...É conferido unicamente
pela ordenação por imposição das mãos por quem tem autoridade para fazê-lo.
Foi restaurado ao homem por seres ressurretos que o possuíam nos tempos antigos. É
divino em sua natureza... É o único poder na Terraque vai além do véu da morte."Gordon B.
Hinckley (Ensinamentos de Gordon B. Hinckley, pags. 474 e 475)

Que possamos em nossas mentes e corações meditar a respeito destas inspiradas palavras, e
verdadeiramente conhecer os deveres e a santidade do Sacerdócio que nos foi conferido.
José Félix Botella - Zion´s

Restauração do Sacerdócio
Joseph Smith e Oliver Cowdery, foram ao bosque próximo de casa, com a intenção de orar a
respeito do batismo para remissão dos pecados, que era mencionado nas placas de ouro que
estavam traduzindo. Tiveram então, segundo suas próprias palavras, a seguinte experiência:
..."Enquanto orávamos e invocávamos ao Senhor, um mensageiro do céu desceu em uma nuvem
de luz e, colocando as mãos sobre nós, ordenou-nos, dizendo: A vós, meus conservos, em nome
do Messias, eu confiro o Sacerdócio de Aarão, que possui as chaves do ministério de anjos e do
evangelho do arrependimento e do batismo por imersão para remissão dos pecados; e este nunca
mais será tirado da Terra, até que os filhos de Levi tornem a fazer, em retidão, uma oferta ao
Senhor"...

Pouco tempo depois, receberam durante uma viagem, também num bosque, a visita de Pedro,
Tiago e João, os apóstolos de Jesus Cristo, que lhes conferiram o Sacerdócio de Melquisedeque.
Veja mais em Joseph Smith - História 1:68-75

ACONTECEU
NO ANO 63 AC.

ACONTECEU NO ANO 63 AC.


Mães dos 2000 jovens de Helamã, comemoram em seu dia, a milagrosa vitória de seus filhos
sobre terrível exército lamanita!
Jovens filhos dos amonitas formaram parte do exército de Helamã, visto que eles não fizeram
convênio, como seus pais, de jamais lutar contra os lamanitas. Eles nunca haviam lutado, mas
não temeram a batalha para defender sua liberdade, sua religião e seus pais!
Eles haviam sido ensinados por suas mães que, se não duvidassem, Deus os livraria!
Milagrosamente muitos se feriram, mas nenhum deles foi morto! Veja detalhes em Alma 56, 57

Os Milagres
Comumente se considera milagre um acontecimento que se opõe às leis da natureza. Semelhante
conceito é obviamente errôneo, porque as leis da natureza são invioláveis. Mas, considerando que o
conhecimento humano dessas leis está muito longe de ser perfeito, certos acontecimentos parecem
opor-se à lei natural quando, ao contrário, concordam estritamente com ela. Toda a constituição da
natureza se funda em sistema e ordem; entretanto, as leis da natureza estão graduadas como o estão
as leis do homem. A atuação de uma lei superior em qualquer caso particular não destrói a realidade
de uma lei inferior. Por exemplo, a sociedade promulgou uma lei que proíbe a qualquer homem
apropriar-se da propriedade de outro; entretanto, os representantes da lei freqüentemente se
apoderam pela força das posses de seus semelhantes, contra os quais tenha sido feito algum
julgamento; e faz-se isso para satisfazer a justiça e não para violá-la. Jeová ordenou: "Não matarás;"
e o gênero humano reiterou a lei, prescrevendo castigos pela sua violação. Contudo, a história
sagrada testifica que em determinados casos o próprio Autor da Lei ordenou diretamente que se
fizesse justiça, tomando a vida humana. Nem o juiz que dita a sentença capital contra um assassino
culpado de homicídio, nem o verdugo que executa a disposição, agem contra a lei – "não matarás"
mas, ao contrário apóiam esse decreto.
Até certo ponto estamos familiarizados com alguns dos princípios conforme os quais agem algumas
das forças da natureza; nenhuma surpresa nos causa vê-los, apesar de uma reflexão mais detida
mostrar que até mesmo os fenômenos mais comuns são pouco entendidos. Entretanto, qualquer
acontecimento fora do comum é considerado pelos menos entendidos como milagroso, sobrenatural
e até contra o natural. Quando profeta Eliseu fez com que o machado flutuasse sobre o rio (Reis
6:5-7), valeu-se de uma força superior à da gravidade. Sem dúvida, o ferro pesava mais que a água;
mediante a operação desta força superior, foi apoiado, suspenso, ou de outra maneira qualquer se
manteve à flor da água, como se estivesse ali sustido por mão humana, boiando com bóias
invisíveis.
O vinho ordinariamente se compõe de quatro quintas partes de água e o resto de uma variedade de
compostos químicos, cujos elementos existem abundantemente no ar e na terra. O método comum –
o que chamamos de método natural – de combinar adequadamente esses elementos consiste em
plantar a uva e cultivar a videira até que o fruto esteja pronto para entregar seu suco à prensa. Mas,
por um poder que ultrapassa toda capacidade puramente humana, Jesus Cristo uniu esses elementos
na festa de bodas de Canã (João.2:1-11) e efetuou uma transmutação química dentro das bilhas de
água, que resultou na produção do vinho. De igual maneira, quando deu de comer às multidões, por
Seu contacto sacerdotal e benção autorizada, a substância dos pães e peixes aumentou, efetuando-se
um crescimento que teria demorado meses, seguindo o que consideramos a ordem natural. Na cura
dos leprosos, dos paralíticos e dos inválidos, as partes enfermas do corpo foram restauradas de novo
ao seu estado normal e são; as impurezas que envenenam os órgãos foram removidas mais rápidas e
eficazmente que através de efeito de remédios.
Nenhum observador sincero, nenhuma alma que pensa, pode duvidar da existência de inteligências
e organismos que os sentidos do homem não podem perceber sem auxílio. Este mundo é a
incorporação material de coisas espirituais. O Criador nos disse que formou todas as coisas em
espírito antes de se tornarem temporais. As flores que florescem e morrem na terra são
representadas além por flores imperecíveis, belas e perfumadas. O homem foi feito à imagem de
Seu Deus; sua mente, apesar de ofuscada por costumes e debilitada por hábitos prejudiciais, ainda é
um tipo decaído de pensamento imortal; e apesar de o espaço que separa o humano do divino,
quanto a pensamentos, desejos e atos, ser tão imenso como o que há entre o mar e o céu, pois, como
as estrelas se elevam sobre a terra, assim os caminhos de Deus superam os do homem, ainda
podemos afirmar que o espiritual tem analogia com o temporal. Quando se abriram os seus olhos, o
servo de Eliseu viu as hostes de guerreiros celestiais que cobriam as montanhas ao redor de Dotan;
homens a pé, carros e homens a cavalo, armados para lutar contra os sírios. Acaso não poderemos
crer que o capitão da hoste do Senhor e sua companhia celestial (Jos.6) estavam presentes quando
Israel circundou Jericó (Jos.5:13-14) e que ante sua atuação sobre-humana, apoiada pela fé e pela
obediência do exército mortal, se derrubaram os muros ?
Algumas das realizações mais recentes e mais notáveis do homem, quanto à utilização de forças
naturais, vão chegando à categoria de manifestações espirituais. O poder ouvir o tic-tac de um
relógio a milhares de quilômetros de distancia; o falar em tom moderado e ser ouvido em todo o
continente; enviar sinais desde um hemisfério e ser entendido em outros, apesar de entre eles haver
oceanos que se agitam e rugem; trazer os relâmpagos a nossas casas para usá-los como fogo e
iluminação; navegar pelo ar e viajar sob a superfície do oceano; fazer com que as energias químicas
e atômicas obedeçam a nossa vontade, acaso não são milagres? Sua possibilidade não teria sido
aceite com crédito antes que se realizassem. Entretanto, por meio da atuação das leis da natureza,
que são as leis de Deus, se efetuam estes e outros milagres.
James E.Talmage
Consagração.

“O Senhor tem-nos abençoado, como povo, com prosperidade inigualável,


comparado aos que viveram no passado. Os recursos colocados à nossa
disposição são bons e necessários, para que façamos nosso trabalho aqui na
Terra.Temo, porém, que muitos de nós que fomos abençoados com rebanhos,
gado, extensões de terra, fazendas e riquezas, tenhamos começado a adora-los
como falsos deuses, que agora têm poder sobre nós. Será que temos mais dessas
boas coisas do que nossa fé é capaz de suportar?Muitas pessoas passam a maior
parte de seu tempo trabalhando a serviço de sua própria imagem, que inclui
dinheiro suficiente, ações, contratos, carteiras de investimento, propriedades,
cartões de crédito, mobílias,automóveis, coisas essas que garantam segurança
carnal durante a vida que essas pessoas esperam, seja longa e feliz. Esquecem-se
do fato de que nossa designação é usar esses muitos recursos em nossa família e
quoruns a fim de edificar o reino de Deus - para aumentar a obra missionária,
genealógica e do templo; para criar nossos filhos como servos frutíferos do
Senhor; para abençoar os outros de todas as formas, para que também sejam
fecundos e frutíferos.

Presidente Spencer W. Kimball

“O Senhor tem-nos abençoado, como povo, com prosperidade inigualável,


comparado aos que viveram no passado. Os recursos colocados à nossa
disposição são bons e necessários, para que façamos nosso trabalho aqui na
Terra.Temo, porém, que muitos de nós que fomos abençoados com rebanhos,
gado, extensões de terra, fazendas e riquezas, tenhamos começado a adora-los
como falsos deuses, que agora têm poder sobre nós. Será que temos mais dessas
boas coisas do que nossa fé é capaz de suportar?Muitas pessoas passam a maior
parte de seu tempo trabalhando a serviço de sua própria imagem, que inclui
dinheiro suficiente, ações, contratos, carteiras de investimento, propriedades,
cartões de crédito, mobílias,automóveis, coisas essas que garantam segurança
carnal durante a vida que essas pessoas esperam, seja longa e feliz. Esquecem-se
do fato de que nossa designação é usar esses muitos recursos em nossa família e
quoruns a fim de edificar o reino de Deus - para aumentar a obra missionária,
genealógica e do templo; para criar nossos filhos como servos frutíferos do
Senhor; para abençoar os outros de todas as formas, para que também sejam
fecundos e frutíferos.

Presidente Spencer W. Kimball.

“Quando sentirdes necessidade de confidenciar com o Senhor, de melhorar a qualidade de


vossas visitas a Ele, ou em outras palavras, de orar, posso sugerir um processo a ser
seguido: Ide para um lugar onde possais estar sozinhos, ajoelhar-vos, pensar, onde
possais falar em alta voz com Ele. O quarto, o banheiro, ou a biblioteca servirão para esse
propósito. Retratai-o agora com os olhos da mente, pensai naquele com quem estais
falando. Controlai vossos pensamentos, não os deixeis divagar; dirigi-vos diretamente a
vosso Pai e amigo. Contai- lhe coisas que realmente sentis que deveis contar-lhe. Não
pronuncieis frases vulgares, de pouco significado, mas tende uma conversa sincera e
íntima com Ele. Confiai n’Ele, pedi-lhe perdão, rogai a Ele, alegrai-vos n’Ele agradecei-lhe,
expressai-lhe amor, depois escutai as respostas.”
Bispo Burke H. Peterson. (Ensign,jan,1974 p.19)
“Ouvir é uma parte essencial da oração. As respostas do Senhor chegam silenciosamente –
sempre silenciosamente. De fato, poucos ouvem suas respostas com os órgãos da
audição. É preciso estar muito atento, ou nunca as reconheceremos. A maioria das
respostas do Senhor são sentidas dentro do coração, como uma expressão cálida e
confortável, ou elas podem vir em forma de pensamentos à nossa mente. Elas chegam
àqueles que estão preparados e pacientes.” Bispo Burke H. Peterson (CR,Outubro de
1973)

“Irmãos, deveis reservar tempo para meditação... não fiqueis ocupados no trabalho, de
modo que as forças espirituais não possam alcançar-vos... O melhor tampo para mim, para
entrar em sintonia com as forças espirituais, é pela manhã, bem cedo, quando minha mente
e meu corpo estão descansados.” Presidente Harold B. Lee

“Ninguém é capaz de alcançar a perfeição... exceto aqueles que são guiados à perfeição
por aquele que é perfeito. E só obtemos a orientação dele através da oração.”
Élder Marion G. Romney. Improvement Era ,Abril de 1966 p. 275.

“Se eu tivesse que fazer uma distinção entre todos os deveres requerido dos filhos dos
homens, do primeiro ao último, consideraria mais importante, de natureza primordial, o de
invocarmos o Senhor nosso Deus, até abrirmos o caminho o caminho de comunicação
entre o céu e a terra – entre Deus e nossa própria alma.”
Presidente Brigham Young (Journal of Discourses, vol.*:339)