Anda di halaman 1dari 17

AÇO E SOMBRA.

AÇO E SOMBRA. IDADE MEDIA: Os estudos da Idade Média geralmente se referem a Historia da

IDADE MEDIA:

Os estudos da Idade Média geralmente se referem a Historia da Europa, em particular à parte Ocidental. Mas não pode generalizar os aspectos históricos de uma região para o restante do planeta, pois cada lugar tem suas especificidades, sua história. Além disso, nessa época, o mundo não estava interligado como hoje, os contatos entre os povos e as regiões eram muito precários e, em alguns casos, inexistentes.

O período da Idade Média foi tradicionalmente delimitado com ênfase em eventos políticos. Nesses termos, ele teria se iniciado com a desintegração do Império Romano do Ocidente, no século V (476 d. C.), e terminado com o fim do Império Romano do Oriente, com a Queda de Constantinopla, no século XV (1453 d.C.), também chamado de Império Bizantino e pela chegada dos europeus à América.

Entre esses marcos, passaram-se cerca de mil anos. Foi um tempo em que os europeus viveram, em sua maioria no campo, restritos a propriedades que buscavam sua auto-suficiência.

A sociedade – muito diferente daquela do Império Romano – era rigidamente hierarquizada e marcada pela fé em Deus e pelo controle da Igreja católica, sem dúvida a instituição mais poderosa de toda a Idade Média. O poder político era descentralizado, isto é, estava nas mãos de inúmeros senhores da terra.

Por todas essas características, muitos estudiosos acabaram chamando esse momento de Idade das Trevas. Eles acreditavam que o mundo medieval tinha soterrado o conhecimento produzido pelos gregos e romanos. O estudo dos fenômenos naturais e das relações sociais por meio da observação, por exemplo, teria sido substituído pelo misticismo religioso.

O certo é que durante esses mil anos a sociedade européia construiu grande parte de seus valores culturais, que iriam se espalhar por todo o mundo a partir do século XV, com as Grandes navegações. Valores que são, até hoje, plenamente perceptíveis.

Educação, artes e cultura na Idade Média

A educação era para poucos, pois só os filhos dos nobres estudavam. Marcada pela influência da Igreja, ensinava-se o latim, doutrinas religiosas e táticas de guerras. Grande parte da população medieval era analfabeta e não tinha acesso aos livros.

A arte medieval também era fortemente marcada pela religiosidade da época. As pinturas retratavam passagens da Bíblia e ensinamentos religiosos. As pinturas medievais e os vitrais das igrejas eram formas de ensinar à população um pouco mais sobre a religião.

Podemos dizer que, em geral, a cultura medieval foi fortemente influenciada pela religião. Na arquitetura destacou-se a construção de castelos, igrejas e catedrais.

A Igreja:

A Igreja: A Igreja católica surgiu durante o Império Romano, mas foi durante a Idade Média

A Igreja católica surgiu durante o Império Romano, mas foi durante a Idade Média que se consolidou como a mais importante instituição da Europa ocidental. Naquela época, não havia quem duvidasse da existência de Deus: ser católico era tão natural quanto o ato de respirar. A partir do século XV, os europeus levariam sua cultura para diversas regiões do mundo. Dentre esses valores, estava o catolicismo. Foi assim, por exemplo, que o Brasil tornou-se a maior nação católica do mundo.

Principal poder espiritual e temporal na Europa durante a Idade Média, a Igreja Católica, além de ser a única instituição com ramificações em todas as regiões e lugarejos, possuía muitas terras e riquezas e era obedecida e temida pela quase totalidade dos habitantes.

Sabe-se que a Igreja chegou a possuir mais de um terço de todas as terras da Europa Ocidental. As origens desta acumulação de bens materiais ainda hoje causam polêmicas entre os historiadores.

Alguns apontam o complexo sistema de cobranças de impostos e de indulgências como principal origem dos bens da Igreja. Além do dízimo, 10% das rendas de cada fiel, os padres cobravam pesados tributos dos camponeses que viviam nas terras do clero e, em períodos excepcionais, promoviam a venda de indulgências nos lugarejos, nas vilas e nas cidades.

Para outros, a posse de terras pela Igreja provinha principalmente das doações feitas por fiéis arrependidos dos seus pecados e por nobres e reis, que entregavam parte de suas conquistas de guerra. Além disso, com o movimento das Cruzadas, a própria Igreja conquistou extensas áreas territoriais.

Junto a toda essa riqueza, a Igreja acumulou cultura e conhecimento, pois controlava grande parte do saber herdado da Antiguidade Clássica. Os mosteiros medievais ficaram célebres por sua política de hospitalidade, dando abrigo temporário a peregrinos e andarilhos e pelas minuciosas e

caprichosas cópias manuais de textos e livros da Antiguidade Clássica. Como os livros, pergaminhos, manuscritos e documentos ficavam nos mosteiros e nas universidades da igreja, os padres detinham praticamente o monopólio da cultura erudita que, segundo a visão predominante na época, representava um perigo para as mentes e as crenças cristãs.

O próprio sistema de organização e hierarquia da Igreja medieval ajudava a garantir a consolidação do seu poder, e o papa, como representante máximo do poder espiritual, acumulou também poder político ou temporal. Por ser a única autoridade reconhecida como universal, ele agia como árbitro nos conflitos entre reinos e impérios.

Segundo a classificação bastante simplificada da época, a sociedade medieval estaria dividida em três ordens: a Igreja, Primeira Ordem, tinha a função de orar; os nobres pertenciam à Segunda Ordem, com a missão de garantir a segurança, ou seja, guerrear; e a Terceira ordem era composta pelos trabalhadores, que deveriam prover as necessidades das duas primeiras ordens.

Assim como tudo na sociedade medieval, a primeira Ordem tinha sua própria hierarquia: o Alto Clero, composto pelo papa, bispos, cardeais e abades; e o Baixo Clero, formado pelos clérigos, padres e monges. A maioria dos membros da Igreja provinha de famílias nobres, que impunham a formação religiosa aos seus filhos não-primogênitos, mesmo que não tivessem vocação ou vontade de servir a Igreja.

Com presença e atuação ostensivas, a Igreja impôs seus valores e crenças e criou na Europa daquele tempo uma atmosfera de religiosidade que se manifestava até nas mais simples atividades cotidianas: ao nascer, o indivíduo recebia o sacramento do batismo, ao casar, o do matrimônio e ao morrer, a extrema-unção (também era enterrado no cemitério da Igreja); a contagem e divisão do tempo era baseada em acontecimentos religiosos, assim como as festas e o descanso semanal.

O poder da Igreja era tão grande nessa época que aqueles que enfrentavam seu poder eram chamados de hereges ou infiéis. Herege é uma palavra de origem grega, que significa “aquele que escolhe”, mas na Idade Média passou a denominar a pessoa ou o grupo que defendia doutrina contrária à Igreja ou discordava dos seus dogmas, das suas verdades.

caprichosas cópias manuais de textos e livros da Antiguidade Clássica. Como os livros, pergaminhos, manuscritos eGrande Cisma do Oriente , a cristandade ocidental foi adotada nos recém- criados reinos da Europa Central : Polônia , Reino da Hungria e o Reino da Boêmia . A Igreja Católica tornou-se muito poderosa, levando a vários conflitos entre o Papa e o Imperador. Em 1129, a Igreja Católica estabeleceu o uso da Inquisição para conservar a sua ortodoxia " id="pdf-obj-2-16" src="pdf-obj-2-16.jpg">

Guerras Santas:

Depois do Grande Cisma do Oriente, a cristandade ocidental foi adotada nos recém- criados reinos da Europa Central: Polônia, Reino da Hungria e o Reino da Boêmia. A Igreja Católica tornou-se muito poderosa, levando a vários conflitos entre o Papa e o Imperador. Em 1129, a Igreja Católica estabeleceu o uso da Inquisição para conservar a sua ortodoxia

doutrinária no Ocidente católico. A Inquisição punia e exortava todos aqueles que praticavam a heresia para se arrependerem e se converterem. Caso não o fizessem, a punição poderia ser a morte.

Durante este tempo muitos senhores e nobres se converteram ao cristianismo. Os Monges de Cluny batalharam para instituir a igreja onde nobres não o faziam. O papa Gregório VII continuou o trabalho dos monges com mais dois objetivos alcançados, libertar a igreja do controle de reis e nobres e aumentar o poder do papado. A área de influência da Igreja Católica aumentou enormemente devido às conversões de reis pagãos (Escandinávia, Lituânia, Polônia e Hungria) à reconquista da Península Ibérica e às Cruzadas. A maior parte da Europa era católica no século XV.

Sinais do renascimento da civilização na Europa ocidental começaram a aparecer já no século XI com o início do comércio ainda na península Itálica, levando a um crescimento cultural e econômico de cidades estado independentes como a República de Veneza e a República Florentina; no mesmo tempo estados-nação começaram a formar-se como França, Inglaterra, Espanha e Portugal, mas o processo de formação, em geral, demorou séculos. Essas nações criadas começaram a se comunicar com seus idiomas culturais, em vez do tradicional latim. Figuras notáveis do movimento incluem Dante Alighieri e Cristina de Pisano, primeiro escritora em italiano, que depois de sua mudança de Veneza para a França, escreveu em francês. ] Por outro lado, o Sacro Império Romano- Germânico, essencialmente baseado na Alemanha e na península Itálica, esteve fragmentado em um conjunto de principados e pequenas cidades estado, cuja subjugação ao imperador era apenas formal.

Durante os séculos XIII-XIV, o Império Mongol subiu ao poder. Os exércitos mongóis expandiram-se em direção ao oeste sob o comando de Batu Cã. Suas conquistas no ocidente incluíram quase toda a Rússia (salvo Novgorod, que se tornou um vassalo), Quipchaco, a Hungria e a Polônia (que permaneceu como um estado autônomo). Documentos mongóis sugerem que Batu Khan estaria planejando a completa conquista dos poderes europeus remanescentes, começando com um ataque no inverno sobre a Áustria, península Itálica e Alemanha, quando foi chamado de volta para a Mongólia devido a morte do grande cã Ogedei. Muitos historiadores acreditam que sua morte preveniu a conquista completa da Europa.

Inquisiçao:

A

Inquisição

é

um grupo de instituições dentro do

da
da

para

Romana, cujo objetivo é combater a heresia. Começou no século XII na

combater a propagação do

religioso, em particular, em relação aos

e

valdenses. Entre os outros grupos que foram investigadas mais tarde foram

os

(seguidores de

Jan Hus) e as

beguinas. A partir da década de

1250, os inquisidores eram geralmente escolhidos entre os membros da

Dominicana para substituir a prática anterior de utilizar o clero local como juízes. termo Inquisição Medieval
Dominicana para substituir a prática anterior de utilizar o clero local como juízes.
termo Inquisição Medieval cobre os tribunais ao longo do século XIV.

O

A Peste:

Peste negra é o nome pela qual ficou conhecida, durante a

a

Peste negra é o nome pela qual ficou conhecida, durante a a <a href=peste bubônica que assolou a Europa Baixa Idade Média , século XIV pandemia de durante o e dizimou entre 25 e 75 milhões de pessoas (mais ou menos um terço da população europeia), sendo que " id="pdf-obj-4-14" src="pdf-obj-4-14.jpg">

que assolou a Europa

Peste negra é o nome pela qual ficou conhecida, durante a a <a href=peste bubônica que assolou a Europa Baixa Idade Média , século XIV pandemia de durante o e dizimou entre 25 e 75 milhões de pessoas (mais ou menos um terço da população europeia), sendo que " id="pdf-obj-4-21" src="pdf-obj-4-21.jpg">
Peste negra é o nome pela qual ficou conhecida, durante a a <a href=peste bubônica que assolou a Europa Baixa Idade Média , século XIV pandemia de durante o e dizimou entre 25 e 75 milhões de pessoas (mais ou menos um terço da população europeia), sendo que " id="pdf-obj-4-23" src="pdf-obj-4-23.jpg">

século XIV

durante o

e dizimou entre

25 e 75 milhões de pessoas

(mais ou menos um terço da população europeia), sendo que

alguns pesquisadores acreditam que o número mais próximo da realidade é de 75

milhões, ]

aproximadamente metade da população da época As populações de alguns

aproximadamente metade da população da época As populações de alguns

roedores das pradarias vivem em altíssimos números em enormes conjuntos de galerias subterrâneas que comunicam umas com as outras. O número de indivíduos nestas comunidades permite à peste estabelecer-se porque, com o constante nascimento de crias, há sempre suficiente número de novos hóspedes de forma contínua para a sua manutenção endémica. Naturalmente que as populações de ratos e de humanos nas (pequenas) cidades medievais nunca tiveram a massa crítica contínua de indivíduos susceptíveis para se manterem. Nessas comunidades de homens, a peste infecta todos os indivíduos susceptíveis até só restarem os mortos e os imunes. Só após uma nova

geração não imune surgir e se tornar a maioria, pode a peste regressar. Nas comunidades

humanas, portanto, a peste ataca em

...........................................................................................................................

O JOGO.

Este é um RPG de horror, passado na Idade Média real, quando a Peste Negra assolava a Europa. Onde a Inquisição perseguia e condenava à fogueira qualquer manifestação de atos demoníacos como bruxas. Onde os mares eram habitados por criaturas terríveis, e monstros horrendos vagavam pelas florestas, impedindo os camponeses de se afastar de suas vilas. Onde feudos imundos e abadias escondidas guardavam segredos que não poderiam ser revelados.

Onde Anjos e Demônios travavam uma batalha pela conquista das almas humanas.

Dados e sistema.

Para resolver um conflito e necessário que você faça um teste em uma rolagem de dados de 10 faces (abreviado como d10)

Os testes são compostos de montate de dados a serem rolados.

Adicione um dado (1d10) ou subtraia um dado (- 1d10) de acordo com a vantagem\desvantagem de cada Caracteristica ou condições relevante na ação.

Cada resultado par (2,4,6,8 ou 10) equivale a 1 sucesso (dependendo da dificuldade da ação, você precisara de uma determinada quantidade de sucessos para que seja bem-sucedido)

Para resolver um conflito e necessário que você faça um teste em uma rolagem de dados

Golpe de Sorte: Quando não

houver dados em sua reserva de ação, você tem direito a um Golpe de Sorte. Escolha um numero par

(2, 4,6,8,10) e role 1d. Se o

resultado do dad for o

numero escolhido, você obtem sucesso na ação.

Surto de Sorte: Sempre que o resultado de um dado for igual a 10, você poderá rola-lo novamente ate que o resultado seja diferente. Cada rolagem e considerado um dado extra, e somam-se os sucessos. Surto de sorte naoo pode ser conseguido com um Golpe de Sorte.

INICIATIVA: Para determinar a ordem de ação em um conflito, cada envolvido rola os dados referentes

INICIATIVA:

Para determinar a ordem de ação em um conflito, cada envolvido rola os dados referentes as suas Características que representem raciocínio oi agilidade. Segue-se a ordem da qualidade de sucessos obtidos.

A mente e mais rápida do que o corpo:

Se a intenção da sua primeira ação não for física, você ganha 1d no teste de iniciativa.

...................................................................................

............

Personagens:

A criação de Personagem e algo bastante fácil de ser fazer. Existem também fatores relacionados com a Historia do Personagem, seus anseios e temores, sua historia ajuda em suas características.

1: Qual

e o

nome dele¿

2: Qual e o status, classe ou profissão dele¿ os status\classes são; Caçador, Errante, jurado divino, especialista, nobre e herege.

3: Qual e sua Idade¿ a idade ajuda a saber quantos pontos de Horror e Caracteristicas iniciais do personagem.

4: Qual e sua Virtude: Virtude

é uma qualidade moral, um atributo

positivo de um indivíduo. Pode se ter mais de uma virtude ( max.3) para cada ponto, um de Esperança\Fe e adicionada a lista do personagem.

As Virtudes são: Caridoso, Casto, Corajoso, Honesto, Humilde, Justo e Piedoso.

5: Qual e seu Pecado¿ Pecados são o oposto da Virtude, assim pode se ter mais de um pecado de uma vez (max.3) para cada ponto de pecado, um de Horror e adicionado a lista do personagem.

Os Pecados\Vicios são: Ganancioso, Avarento, Covarde, Luxuria, Furioso, Cruel e Preconceituoso

6: Qual sao suas Condiçoes¿ pode ser cria ate duas condições iniciais. A escolha do jogador

Durante o decorrer do jogo, o narrador, se adequado ao contexto da cena, pode marca-lo com CONDIÇOES temporárias. Essas Condiçoes funcionam exatamente como as Caracteristicas ( benéficas ou prejudiciais), porem, por um período pre-determinado.

- Condiçoes de Curta Duraçao: exemplo, a sua “exaustão” desaparece no momento em que você descansa

- Condiçoes de Media Duraçao: podem durar horas. Exemplo, você esta bêbado, mas depois de algumas horas estará sóbrio novamente.

-Condiçoes de Longa Duraçao: podem durar dias, semanas ou meses. Exemplo, você fraturou o braço esquerdo, mas

depois de 30 dias provavelmente estará curado.

depois de 30 dias provavelmente estará curado. 7 : Qual sua esperança\Fé¿ A esperança, fé ou

7: Qual sua esperança\Fé¿

A esperança, fé ou convicção. E a motivação que faz vencer obstáculos aparentemente intrasponiveis. E impor sua vontade ao Horror e continuar em frente. Quando deparado com uma tarefa impossível, voce pode gastar uma quantidade de pontos de Esperança\Fé (max.3) para ganhar sucessos extras em uma jogada.

-Pontos de esperança também pode ser gastos, para que efeitos Magikos (milagres) possa ser usados. Chamados também de Magia Branca.

-Recuperando esperança\Fé : sempre que o personagem agir de acordo com sua Virtude ou estando em um lugar sagrado por algumas horas. Ele recuperar 1 ponto de Esperança\Fé.

8 : Qual seu Horror¿ No decorrer da historia, seu índice de Horror aumentará sempre que

8: Qual seu Horror¿ No decorrer da historia, seu índice de Horror aumentará sempre que algo violento ou desumano ocorrer. Os pontos acumulados representam o quanto você esta adaptado com o horror da violência e o quanto ainda lhe resta de humanidade.

Toda a vez que seu personagem estiver envolvido com um ato violento (seja como executor, vitima ou espectador), será necessário consultar as tabelas de Envolvimento e Gravidade, definindo em quais níveis a cena esta encaixada para determinar a intensidade de Horror.

--Pontos de Horror também podem ser GANHOS, para que efeitos Magikos possam ser usados. Chamados também de Magia Negra. Para cada ponto de magia negra que o feiticeiro queira usar, 1 ponto de Horror e adicionado ao personagem.

-Muitos pontos de Horror podem ter péssimas consequências.Gerando distúrbios mentais graves.

9: defina sua proteção:

A proteção e determinada assim que o personagem se veste de armaduras de qualquer tipo.

-a proteção diminuir o dano altomaticamente. Protegendo sua Vitalidade.

10:Vitalidade¿ sim sua vitalidade mede o quanto seu personagem aguenta sofrer com ataques inimigos.

São 7 pontos de vitalidade, quando o sétimo e atingido o jogador ainda poderar fazer uma jogada de folego final.

Tirando um acerto ele ainda estarar vivo. Mas sem consciência.

-A proteção ajuda na vitalidade.

A proteção e determinada assim que o personagem se veste de armaduras de qualquer tipo. -a

11: Quais são suas características ¿

As características são detalhes relevantes que constituem a identidade de seu personagem. Podem ser habilidades,

pericias, talentos detalhes da aparência, sentimentos comportamentos peculiares , pertubaçoes, manias, ligações afetivas, ou qualquer outra coisa que esteja de acordo com seu conceito. Você pode usar palavras ou frases para intitular essas Características desde que esse titulo seja intuitivo ou que facilite a identificação da característica logo de imediato.

-O personagem inicia sua jornada com postos de Características equivalente a sua IDADE(1 ate 3)+Virtude+ Pecado + Status(1 ate 3)

................................................................................

STATUS\CLASSe.

A classe é a definição principal de o quê um personagem pode fazer. É mais do que uma profissão: é a vocação de um personagem.

pericias, talentos detalhes da aparência, sentimentos comportamentos peculiares , pertubaçoes, manias, ligações afetivas, ou qualquer outra

Caçador:

sao guerreiros treinados para viver em locais selvagens. Caçadores aprenderam os segredos das florestas. Mal vistos nas cidades, muitas vezes são tidos como servos de demônios da floresta. Porem,

seu trabalho e muito apreciado por ladroes de tumbas, bem com por mercadores e hereges que estejam a procura de ervas especiais que so podem ser encontradas nos recantos mais distantes da floresta.

Caçadores mais experientes chegam a ter contato com criaturas das floresta, coisas com dríades ou elfos.

-Características com, (rastreador ou sobrevivente) são comuns em Caçadores.

-O jogador pode escolher 3 Características para seu Caçador.

-1 ponto de esperaça também e adicionado ao personagem.

..................................................................................

Errante:

Os errantes são geralmente uma alma aventureira presa no corpo de um camponês.

Como somente os nobres podiam tornar-se Cavaleiros, os guerreiros errantes sonham em um dia conseguir prestar favores ao Senhor Feudal, a algum cavaleiro famoso, ao governado ou mesmo ao Rei.

Durante as cruzadas, muitos guerreiro errantes foram recrutados pelos templários para ajudarem a combater na guerra santa.

-Características comuns em um Errante são; (olhar intimidador e Boa forma) - O jogador pode escolher

-Características comuns em um Errante são; (olhar intimidador e Boa forma)

- O jogador pode escolher 3 Características para seu Errante.

-1 ponto de esperaça também e adicionado ao personagem.

.....................................................................................

Jurado divino:

Os jurados divinos são Padres e missionários,

Diferente de um inquisidor, os padres são menos radicais e severos com os camponeses do que seus irmãos treinados na santa doutrina romana. Padres são nascidos nas cidades, filhos e camponeses que conviveram com pobres e com os problemas enfrentados pelos trabalhadores.

Jurados e inquisidores possuem os mesmos poderes dentro da Igreja; a principal diferença entre eles reside na atitude em relação as supostos bruxos(a) enquanto um

inquisidor não hesitará em atacar um grupo de bruxas, um padre poderá conversar com eles.

inquisidor não hesitará em atacar um grupo de bruxas, um padre poderá conversar com eles. -Características

-Características comuns em um Jurado divino são; ( educação religiosa e cuidar de ferimentos)

- O jogador pode escolher 3 Características para seu Jurado divino.

-2 ponto de esperaça também e adicionado ao personagem.

.....................................................................................

Especialista:

Os especialistas são uma classe bem ampla,

Muitos são Alquimistas mestres em óleos e elixires, outros são ferreiros criadores de armas e metal fundido. Mas uma coisa certa e que todos são Mercadores.

Não importa se sua especialização e em (vinhos, comida, carne, estatuas, armas ou outros objetos)

Mercadores ou especialista costumam contratar guarda-costas para auxiliar-los em suas jornadas.

Bem como costumam transportar todo tipo de pessoas em seus barcos\caravanas, o que os propicia uma vida repleta de Historias e emoções.

Muitos são Alquimistas mestres em óleos e elixires, outros são ferreiros criadores de armas e metal

-Características comuns em um Especialistas são; ( Persuaçao e mao leve)

- O jogador pode escolher 3 Características para seu Especialistas.

-1 ponto de esperaça também e adicionado ao personagem.