Anda di halaman 1dari 5

6

Biotecnologia e produção de alimentos


Imagens de alimentos tradicionais elaborados com o emprego de biotecnologia:

O que estes alimentos têm em comum?


Espera-se que os alunos, dentre muitos apontamentos, falem da fermentação realizada por
microrganismos. Muitos alimentos são produzidos por meio do processo de fermentação realizada por
microrganismos: vinho, cerveja, cachaça, queijos, pães, vinagre, leites fermentados, molho de soja etc.
A partir disto, tentem responder:
 O que é biotecnologia?
 Biotecnologia é a mesma coisa que transgenia?
 Como a fermentação pode ser classificada: biotecnologia ou transgenia?
 O que há em comum e o que diferencia fermentação, biotecnologia e transgenia?
 Como acontece o processo de fermentação e qual é a participação dos microrganismos na produção
de vinhos, vinagres, queijos e pães?
Para responderem às questões anteriormente apontadas e ampliar os conhecimentos dos alunos a
respeito da produção de alimentos por fermentação, sugerimos que os alunos façam uma pesquisa na
internet, utilizando sítios como os que indicamos a seguir.
Sugestões de endereços para a pesquisa:
Fermentação. Disponível em: http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/gestor/cana-de-
acucar/arvore/CONTAG01_105_22122006154841.html. Acessado em 13/09/2017.
Tipos de fermentação. Disponível em: http://universodevida2.blogspot.com.br/2008/04/tipos-de-
fermentao.html. Acessado em 13/09/2017.

Leveduras e fermentação. E se Dionísio soubesse química? Disponível em:


http://www.cienciahoje.org.br/revista/materia/id/494/n/e_se_dionisio_soubesse_quimica. Acessado em
13/09/2017.

O que você precisa saber sobre alimentos transgênicos. Disponível em: http://www.dicasonline.tv/saber-
alimentos-transgenicos/. Acessado em 13/09/2017.

Entenda o que é DNA recombinante. Disponível em: http://www.youtube.com/watch?v=1DHQFDldgrI.


Acessado em 13/09/2017.
Como motivação para o estudo dos “alimentos transgênicos”, sugerimos que os alunos utilizem dois
vídeos cujos endereços disponibilizamos a seguir.
Vídeo 1- Óleo de Soja Transgênica no Brasil. Disponível em: http://www.videolog.tv/video?272798.
Acessado em 13/09/2017.
Vídeo 2- Campanha transgênico não. Disponível em:
http://www.cienciamao.usp.br/tudo/exibir.php?midia=von&cod=_ecologiatransgenicocampa.
Acessado em 13/09/2017.

Após assistirem aos vídeos, os alunos deverão responder:


1) O que é? O que é?
 Alimentos transgênicos.
 OGM.
 Engenharia genética.
2) Alimentos geneticamente modificados são prejudiciais à saúde?
Para alguns especialistas modificar alimentos por meio da
genética pode trazer danos à saúde humana e animal, além de
prejuízos ao meio ambiente. Já os seus defensores apontam entre os
benefícios a possibilidade de ter alimentos com mais nutrientes.
Qual é a sua opinião sobre isto?

 Pesquisa com familiares, amigos, vizinhos:


Cada um dos alunos do grupo deve elaborar um roteiro de uma entrevista que deverá fazer em casa,
com familiares, vizinhos, amigos etc., sobre alimentos transgênicos.
Algumas sugestões de perguntas a serem incluídas na entrevista:
 Você sabe o que são alimentos transgênicos?
 Você conhece/usa alimentos transgênicos?
 Você lê os rótulos dos alimentos, para verificar se neles há componentes transgênicos?
 Você é contra ou a favor do uso de transgênicos na alimentação?
Tabulação de dados: Continuando o trabalho em grupo e de posse dos registros relativos às
entrevistas, os alunos deverão agrupar perguntas e respostas comuns, criando categorias de dados,
tabulando-os. Devem ser construídas tabelas e gráficos no computador, utilizando um aplicativo específico
para tal finalidade (como o Excel).

A fim de ampliar os conhecimentos dos alunos sobre a temática e instrumentalizá-los para analisar
de maneira crítica o conhecimento das pessoas e uso que fazem das informações para discernir sobre a
utilização ou não de transgênicos na alimentação, os alunos devem ler e discutir as informações
disponibilizadas nos endereços indicados para acesso e fazer registros que serão utilizados no Júri
Simulado.
Itens a serem registrados:
 O que é a engenharia genética aplicada aos alimentos?
 O que a engenharia genética aplicada aos alimentos está fazendo?
 Alimentos transgênicos no dia a dia.
 Quais são os impactos da produção e consumo de alimentos geneticamente modificados na saúde e
no meio ambiente?
 Legislação sobre os transgênicos.

Endereços sobre o tema, para acesso:


Alimentos transgênicos. Disponível em: http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/alimentos-
transgenicos/alimentos-transgenicos-3.php. Acessado em 13/09/2017.

Alimentos transgênicos. Disponível em: http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/alimentos-


transgenicos/index.php. Acessado em 13/09/2017.

Alimentos transgênicos. Disponível em: http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/alimentos-


transgenicos/alimentos-transgenicos-2.php. Acessado em 13/09/2017.

Alimentos transgênicos. Disponível em: http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/alimentos-


transgenicos/alimentos-transgenicos-5.php. Acessado em 13/09/2017.

Direito do consumidor, Medida Provisória nº 131 e os produtos transgênicos. Disponível em:


http://jus.com.br/revista/texto/4581/direito-do-consumidor-medida-provisoria-no-131-e-os-produtos-
transgenicos. Acessado em 13/09/2017.
Direito do consumidor, Medida Provisória nº 131 e os produtos transgênicos. Disponível em:
http://jus.com.br/revista/texto/4581/direito-do-consumidor-medida-provisoria-no-131-e-os-produtos-
transgenicos/2. Acessado em 13/09/2017.

Transgênicos causam até três vezes mais câncer em ratos, diz pesquisa. Disponível em:
http://g1.globo.com/bemestar/noticia/2012/09/alimentos-transgenicos-causam-cancerem-ratos-aponta-
pesquisa.html. Acessado em 13/09/2017.

Alimentos transgênicos. Disponível em: http://www.infoescola.com/genetica/alimentos-


transgenicos/http://www.suapesquisa.com/transgenicos/. Acessado em 13/09/2017.

Transgênicos - Tecnologias de manipulação do DNA - Parte I


http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/bitstream/handle/mec/19318/A_2_4_7_Transgenicos_1.mp3?sequ
ence=3.

Transgênicos - Tecnologias de manipulação do DNA - Parte II


http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/bitstream/handle/mec/19319/A_2_4_7_Transgenicos_2.mp3?sequ
ence=2.

 Análise dos dados obtidos nas entrevistas a partir da pesquisa na internet


O mesmo grupo alunos deverá, tendo como referência os registros da pesquisa na Internet, escrever
um texto no qual destaque os itens pesquisados na internet, acrescentando a eles os dados das entrevistas
relacionados aos mesmos, na perspectiva da promoção de um diálogo entre as informações obtidas no
contexto familiar e o referencial teórico pesquisado.
Deverá, também, ressaltar no texto, as informações que consideraram importantes e que não foram
apontadas nas entrevistas.

Atividade: Júri Simulado


Para aprofundar as discussões e dar um fechamento ao assunto, os alunos deverão utilizar a dinâmica
do Júri Simulado, abordando a seguinte questão: “Alimentos transgênicos: utilizar ou não na
alimentação”?
Avaliação: No processo de avaliação o professor irá observar o interesse, a motivação e o
envolvimento dos alunos na realização das atividades. Além disso, como as atividades são encenadas com
o júri na forma de apresentação oral, o professor irá adotar os critérios sugeridos pelos Parâmetros
Curriculares Nacionais (PCN) quando os alunos são envolvidos no processo de produção oral. Esse
documento sugere que o aluno (BRASIL, 1998, p. 51):
 Planeje a fala pública usando a linguagem escrita em função das exigências da situação e dos
objetivos estabelecidos;
 Considere os papéis assumidos pelos participantes, ajustando o texto à variedade linguística
adequada;
 Saiba utilizar e valorizar o repertório linguístico de sua comunidade na produção de textos;
 Monitore seu desempenho oral, levando em conta a intenção comunicativa e a reação dos
interlocutores e reformulando o planejamento prévio, quando necessário;
 Considere possíveis efeitos de sentido produzidos pela utilização de elementos não verbais.
JÚRI SIMULADO em sala de aula:
Participantes (funções):
 Juiz: Dirige e coordena o andamento do júri e define a pena.
 Advogado de acusação: Formula as acusações contra o réu ou ré.
 Advogado de defesa: Defende o réu ou ré e responde às acusações formuladas pelo advogado de
acusação.
 Testemunhas: Falam a favor ou contra o réu ou ré, de acordo com o que tiver sido combinado,
pondo em evidência as contradições e enfatizando os argumentos fundamentais.
 Corpo de Jurados: Ouve todo o processo e a seguir vota: Culpado, inocente ou vencedor. A
quantidade do corpo de jurados deve ser constituída por número ímpar: (3,5 ou7).
 Público: Dividido em dois grupos da defesa e da acusação, ajudam seus advogados a prepararem
os argumentos para acusação ou defesa. Durante o júri, acompanham em silêncio.

Como Fazer:
1. Juiz abre a sessão.
2. Advogado de acusação (promotor) acusa o réu ou ré (a questão em pauta).
3. Advogado de defesa defende o réu ou a ré.
4. Advogado de acusação toma a palavra e continua a acusação.
5. Intervenção de testemunhas, uma de acusação.
6. Advogado de defesa retoma a defesa.
7. Intervenção da testemunha de defesa.
8. Jurados decidem a sentença, junto com o juiz.
9. O público avalia o debate entre os advogados, destacando o que foi bom, o que faltou.
10. Leitura e justificativa da sentença pelo juiz.