Anda di halaman 1dari 9

Plano de Carreira

Sumário
1. O que é um PCS?
2. Qual a importância do plano de cargos e salários pra empresa?
3. O que é uma política? qual a função?
4. Como é a política da empresa?
5. Descrição dos cargos amplos
6. Descrição das funções
7. Glossário
Anexo 1: Tabela
Anexo 2: Enquadramento

1. O que é um Plano de Carreira?


Plano carreira é um conjunto de normas e critérios definidos pela empresa para orientar
sua administração salarial, assim como definir as funções de cada cargo.
Além de reter profissionais de excelência, o Plano de carreira garante a coerência entre
os cargos, seus respectivos salários e o mercado. Também proporciona um ambiente de
trabalho mais justo, uma significativa melhoria no clima organizacional e na gestão de
custos.

2. Qual a importância de um plano de carreira para a empresa?


Diante de um mundo cada vez mais globalizado as empresas têm buscado manter o bom
profissional, uma tarefa não muito fácil devido à competitividade do mercado. Dessa
forma o Plano de Carreira viabiliza a retenção de profissionais de excelência e garante a
coerência entre os cargos, seus respectivos salários e a realidade do mercado externo.
Definindo qual é a função, as responsabilidades, as competências técnicas e
comportamentais de cada cargo, o colaborador saberá exatamente o que se espera dele e
o que é necessário para que ele cresça no seu cargo, contribuindo para um ambiente de
trabalho mais justo, para a melhoria do clima organizacional e para a melhoria da gestão
dos custos da empresa.

3. O que é uma Política? Qual a sua função?


A Política de Cargos e Salários é um documento que define os critérios e procedimentos
de administração da gestão de cargos e salários. Ela consiste em um conjunto de normas
utilizados como direcionamentos quanto às Trajetórias de Cargos e Salários, às Políticas
de Crescimento Organizacional, às Modalidades em que as Promoções ocorrerão, às
Transferências, às Questões Salariais, entre outras informações.
Estas normas e critérios são definidos após todo o processo de criação do Plano de
Cargos e Salários, e é aprovado pela alta direção da empresa contratante. Por ser um
instrumento diretivo e norteador, facilitará às lideranças da empresa a tomarem decisões
Plano de Carreira
pertinentes principalmente à estruturação da Instituição e aos salários pagos aos
colaboradores.

4. A política
4.1. Alterações Salariais
Os tipos de alteração salarial previstos no Sistema de Administração de Cargos e
Salários são os seguintes:
- Promoção (promoção para um cargo maior, também conhecida como Promoção
Vertical)
- Mérito (aumento de salário por merecimento, no mesmo cargo, também conhecido
como Promoção Horizontal)
- Transferência para outro cargo
- Ajustes de mercado
- Reclassificação do cargo

4.2. Promoções (Também Chamada Promoção Vertical)


Os aumentos por promoção vertical são concedidos aos funcionários que passam a
ocupar cargos incluídos numa Classe superior à Classe atual do cargo, dentro da
estrutura de cargos.
A promoção vertical está vinculada à existência de vaga no quadro de funcionários
(caso de Auxiliares, Assistentes, Analistas, por exemplo), ou poderá ocorrer em função
da necessidade de preenchimento de uma vaga em aberto (caso de Encarregados,
Supervisores, Gerentes, por exemplo).
Os candidatos a uma promoção vertical deverão passar por um processo de avaliação
conduzido pela área de Recursos Humanos, que poderá utilizar critérios como:
 *Escolaridade
 *Experiência no cargo
 *Tempo de empresa
 *Avaliação de desempenho
São três as modalidades de promoção vertical:
a) Promoção na Mesma Carreira Específica (de Auxiliar I para Auxiliar II)
O salário é alterado para se enquadrar na Classe do novo cargo.
Os aumentos decorrentes da promoção vertical podem ser concedidos em qualquer mês
do ano, desde que o funcionário preencha os requisitos necessários à promoção.
Após uma promoção vertical na mesma carreira específica, deverá ser observado um
período mínimo de um ano antes de nova promoção vertical.
Plano de Carreira
b) Promoção Com Mudança de Carreira Específica (de Analista III para Coordenador
I)
O aumento por promoção vertical, nesses casos, será efetivado 30 dias após a promoção.
Nesse período será avaliada a adaptação do funcionário ao novo cargo. A promoção será
efetivada com a aprovação da Gerência da área.
Caso o funcionário não se adapte ao novo cargo, a Gerência da área deverá comunicar,
com antecedência, o fato à área de Recursos Humanos. Se for possível, o funcionário
poderá retornar à sua área de origem ou ser transferido para uma função compatível com
seu perfil profissional.
c) Promoção Para um Cargo de um Nível Hierárquico Maior (de Auxiliar III para
Coordenador II)
Aumentos complementares para adequação do salário à nova faixa salarial poderão ser
programados para um intervalo entre três meses e um ano. Esse intervalo para ajuste do
salário à nova faixa salarial tem o objetivo de permitir a confirmação da adaptação do
profissional ao novo cargo.

4.3. Aumento Por Mérito (Também Chamado de Promoção Horizontal)


O aumento por mérito ou promoção horizontal pode ser concedido ao funcionário que
apresentar desempenho que o destaque significativamente dos demais ocupantes do
mesmo cargo ou dentro de uma equipe de trabalho.
É uma alteração do salário do funcionário dentro da Faixa Salarial da Classe
correspondente ao seu cargo.
Os aumentos decorrentes da promoção horizontal podem ser concedidos em qualquer
mês do ano e devem se ajustar ao orçamento definido para essa finalidade. Um
funcionário só pode receber nova promoção horizontal após o período mínimo de um
ano.
Quando o cargo pertencer a uma carreira específica, como auxiliares, assistentes e
analistas, o funcionário só poderá ser promovido verticalmente 6 meses após receber
uma promoção horizontal, desde que preencha os requisitos necessários. Esses
requisitos podem ser:
 Escolaridade
 Experiência no cargo
 Tempo de empresa
 Avaliação de desempenho
 Indicação do superior

4.4. Transferência de Área


Ocorre uma transferência quando o funcionário passa a ocupar um cargo em outra área.
Por exemplo, um Assistente que é transferido da área industrial para a área
administrativa.
Plano de Carreira
Uma transferência geralmente não significa que o funcionário receberá um aumento de
salário.
Se a transferência for para um cargo de uma classe superior à classe do cargo atual,
serão aplicadas as mesmas regras definidas para os casos de promoção vertical.
Se a transferência for para um cargo da mesma classe, e for necessário um aumento de
salário para um melhor posicionamento do salário do funcionário na faixa salarial, serão
aplicadas as mesmas regras definidas paras os casos de promoção horizontal.

4.5. Reclassificação do Cargo


Ocorre um reajuste salarial por reclassificação quando um cargo recebe atribuições
adicionais, de maior complexidade e responsabilidade e que exijam maior conhecimento
do que as atribuições anteriores do cargo, justificando uma reclassificação do cargo para
uma classe mais alta na estrutura de cargos.

4.6. Ajustes de Mercado


São alterações salariais com o objetivo de alinhar o salário do cargo com os padrões de
mercado, constatados por meio de pesquisa de remuneração ou percebidos pela empresa
ao encontrar dificuldades para contratar determinados profissionais por um espaço de
tempo que confirme ser essa uma situação crônica.

5. Descrição dos cargos amplos


A Estrutura de Cargos apresenta os seguintes níveis, conforme responsabilidades
envolvidas:

5.1. Coordenador
 Responsável por desenvolver as estratégias do negócio em consonância com a
visão de futuro e metas traçadas.
 É considerado o líder da área em que atua.
 Deve possuir Ensino Superior completo.
 Deve apresentar, pelo menos, três anos de experiência em cargos de liderança,
além de experiências específicas para a sua área de atuação.
 Inclui Coordenador Comercial, Coordenador de Comunicação, Coordenador de
Produtos, Coordenador de Projetos, Coordenador de Recursos Humanos e
Coordenador Jurídico-Financeiro.

5.2. Supervisor
 Responsável por implementar os planos de negócio e efetuar o seu
acompanhamento.
 É subordinado ao Coordenador de Projetos ou ao de Produtos e ao Coordenador
Comercial.
Plano de Carreira
 Para ocupar este cargo, é necessário apresentar Ensino Superior completo em
Ciência da Computação e ter um ano de em experiência de gerência. Além disso,
experiência em Programação para iOS e Android é essencial.

5.3. Analista
 É um dos cargos responsáveis por operacionalizar os planos de negócio da
organização.
 No caso do Analista de Design, este está subordinado à Diretora de
Comunicação, enquanto o Analista de Programação está subordinado ao Gerente
do projeto em execução.
 O Analista de Design deve ter no mínimo dois anos no Ensino Superior em
Design Gráfico ou áreas afins e conhecimentos sobre Photoshop e Ilustração.
 Já o Analista de Programação deve ter Ensino Superior completo em Ciência da
Computação, experiência de 1 a 2 anos na área e conhecimentos sobre
Programação para iOS e Android.
5.4. Estagiário
 Também é responsável por operacionalizar os planos de negócio da organização.
 Ambos os cargos, Estagiário de Design e Estagiário de Programação, estão
subordinados aos Analistas de suas áreas.
 Estagiário de Design e Estagiário de Programação participam de forma
secundária na confecção da apresentação visual dos aplicativos e na
programação dos aplicativos, respectivamente.
 Requer estar cursando Ensino Superior em Design Gráfico ou áreas afins por
pelo menos um ano, no caso do Estagiário de Design, e estar cursando o Ensino
Superior em Ciência da Computação, no caso do Estagiário de Programação.

6. Descrição de Funções

6.1. Coordenadores
6.1.1. Coordenador Comercial
 Responder os usuários que entraram em contato;
 Participa de reuniões com os clientes;
 Elabora orçamentos dos projetos;
 Escreve e enviar propostas;
 Entra em contato com clientes com propostas em aberto;
 Enviar questionário pós-projeto;
 Prospecta clientes e parceiros;
 Faz triagem inicial de contatos;
Plano de Carreira
 Cadastra contatos de acordo com infraestrutura de servidor, hospedagem e como
chegaram até a empresa.
 O cargo requer Ensino Superior completo em Análise de Sistemas,
Administração ou áreas afins
 São desejáveis cursos e treinamentos em técnicas de venda e negociação.
 As competências técnicas necessárias são conhecimento de CRM, negociação,
vendas, análise de sistemas e preferencialmente de desenvolvimento para web e
aplicativos.

6.1.2. Coordenador de Comunicação


 Atualiza constantemente o conteúdo do website.
 Atualiza constantemente o conteúdo das mídias sociais das quais a empresa faz
parte.
 Atualiza constantemente o conteúdo das redes sociais das quais a empresa faz
parte.
 Cria e preza pela identidade visual da empresa.
 Realiza a assessoria de imprensa.
 Anuncia os produtos desenvolvidos
 Negocia patrocínio para eventos.
 Faz e apresenta os relatórios de acesso dos sites.
 O cargo requer Ensino Superior completo em Marketing, Comunicação Social
ou áreas afins.
 As competências técnicas necessárias são conhecimento de HTML e edição de
imagens e vídeos.

6.1.3. Coordenador Jurídico-Financeiro


 Elabora os contratos da empresa.
 Dá suporte às contratações de funcionários
 Realiza pagamentos de impostos, despesas e salários.
 Realiza compras.
 Cuida da infraestrutura física da empresa.
 Cuida da conta corrente do banco.
 Faz e apresenta os relatórios financeiros.
 Faz orçamentos.
 Cuida do serviço prestado pela empresa de contabilidade.
 Recebe os ganhos com a venda dos produtos.
 Responde contatos de solicitação de orçamento.
 O cargo requer Ensino Superior em Contabilidade, Administração, Direito e
áreas afins.
Plano de Carreira

6.1.4. Coordenador de Produtos


 Faz o plano de negócios de cada produto.
 Define novos produtos a serem desenvolvidos.
 Cuida da venda dos produtos.
 Faz e apresenta o relatório de custos/ganhos de cada produto.
 Fazer e apresentar o relatório de downloads de cada produto.
 Definir quais linguagens de programação serão utilizadas nos produtos.
 Pesquisar novas tecnologias.
 Zelar pela padronização dos códigos.
 Planejar a vida útil dos produtos.
 Alocar recursos nos produtos.
 O cargo requer Ensino Superior completo em Ciências da Computação ou áreas
afins.
 A competência técnica necessária é a vasta experiência com as ferramentas: IOS,
Android, Object vc e Windows Phone

6.1.5. Coordenador de Projetos


 Delega projetos para a equipe.
 Mantém as ferramentas internas atualizadas.
 Coloca os serviços no ar.
 Define quais linguagens de programação serão utilizadas.
 Pesquisa novas tecnologias.
 Zela pela padronização dos códigos.
 Planeja a vida útil dos projetos.
 Aloca recursos nos projetos.
 Garante a qualidade dos projetos
 O cargo requer Ensino Superior completo em Ciências da Computação ou áreas
afins.
 A competência técnica necessária é a vasta experiência com as ferramentas: IOS,
Android, Object vc e Windows Phone

6.1.6. Coordenador de Recursos Humanos


 Promove o processo seletivo.
 Contrata pessoal.
 Demite pessoal.
 Promove avaliações por desempenho.
 Administra a folha de pontos.
 Administra o sistema de férias dos colaboradores.
Plano de Carreira
 Organiza o planejamento estratégico anual.
 Promove o treinamento bimestral de ferramentas pelos funcionários da empresa.
 O cargo requer Ensino Superior em Psicologia, Gestão de Recursos Humanos ou
áreas afins.
 A competência técnica necessária é o domínio do pacote Office.

6.2. Supervisor
 Faz uma reunião semanal com o cliente para divulgar o andamento do projeto.
 Divide igualmente as tarefas entre os desenvolvedores e ele próprio.
 Cobra dos desenvolvedores o cumprimento dos prazos.
 Entrega o projeto ou produto dentro do prazo estipulado.
 A escolaridade e competências técnicas para o cargo já foram descritas no item
5.2

6.3. Analistas
A escolaridade e competências técnicas para as duas funções já foram descritas no item
5.3

6.3.1. Analista de Design


 Pesquisa novas tecnologias para sua função.
 Confecciona layouts.
 Recorta e separa layouts.
 Reúne-se com o cliente para discutir o aspecto visual do produto.

6.3.2. Analista de Programação


 Recebe as atividades listadas pelo gerente do projeto.
 Desenvolve o produto ou serviço.
 Implementa o produto ou serviço.
 Testa o produto ou serviço em busca de possíveis bugs.
 Entrega o produto ou serviço para que possa ser testado pelos estagiários.
 Realiza a manutenção do produto ou do serviço caso sejam identificados bugs.
 Retesta o produto ou serviço.

6.4. Estagiários
A escolaridade e competências técnicas para as duas funções já foram descritas no item
5.4

6.4.1. Estagiário de Design


 Exporta o layout em imagens recortadas e separadas.
Plano de Carreira
 Auxilia o analista na confecção do layout.

6.4.2. Estagiário de Programação


 Faz simulações dos aplicativos de forma a verficar possíveis erros.
 Corrige erros do aplicativo junto com o Analista de Programação.
 Desenvolve a programação lógica do aplicativo.

7. Glossário
Ajuste: É o ato de fazer adaptações no salário do colaborador de acordo com suas
funções.

Cargo Amplo: É um conjunto de funções de natureza assemelhadas, amplas e


estratégicas, que permitem a flexibilidade necessária ao exercício de atribuições
específicas e corporativas.

Cargo: É um conjunto de atribuições de natureza e requesitos semelhantes e que tem


responsabilidades específicas a serem praticadas pelo colaborador.

Classe Salarial: É a designação de cada um dos valores de uma faixa salarial.

Dissídio: É um termo usado no âmbito do direito trabalhista que remete para a falta de
convergência entre trabalhadores e empregadores. Pode ser individual ou coletivo.
Ocorre, muitas vezes, devido ao aumento salarial dos colaboradores, também sendo
chamado de dissídio salarial.

Enquadramento: É o posicionamento do empregado no Plano de Cargos e Salários, de


acordo com sua estrutura funcional e de salário.

Função: É atribuição específica, ou conjunto de atribuições.

Nível: É a subdivisão do cargo, apresentando, numa escala crescente, o posicionamento


do funcionário. Representa um valor monetário traduzido em salário.

Promoção Horizontal: É uma alteração do salário do funcionário dentro da Faixa


Salarial da Classe correspondente ao seu cargo.

Promoção Vertical: É a alteração do salário do funcionário que passa a ocupar cargo


incluído numa Classe superior à Classe atual do cargo, dentro da estrutura de cargos e
salários.