Anda di halaman 1dari 11

Seminário Intensivo de Harpa e Taça

Elcio e Jaqueline Lodos

INTRODUÇÃO AO MODELO

HARPA & TAÇA - ADORAÇÃO E INTERCESSÃO

IHOPKC

A CHAVE PARA TOCAR O CORAÇÃO DE DEUS E GANHAR UMA CIDADE PARA CRISTO

I. ORAÇÃO APRECIÁVEL

A. Deus é o introdutor do estilo de oração com alegria ou oração apreciável (prazeirosa).

“Também os levarei ao meu santo monte e lhes darei alegria em minha casa de oração. Seus
holocaustos e demais sacrifícios serão aceitos em meu altar; pois a minha casa será chamada casa de
oração para todos os povos”. (Isaías 56:7 NVI)

INTRODUZINDO A ESTRUTURA E O MODELO “HARPA & TAÇA”


A. Procuramos como modelo a forma de adoração celestial descrita em Apocalipse 4 e 5.
Reconhecemos as nossas limitações como humanos vivendo em um mundo caído. Mesmo assim,
desejamos envolver-nos na realidade de adoração e intercessão que há em volta do trono de Deus
em um só fluir. Jesus nos ensinou a orar para que a realidade existente no céu seja manifesta na
terra.
Mateus 6:10 – Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu;

B.Dando nome ao modelo:

Apocalipse 5:8 – E, havendo tomado o livro, os quatro seres e os vinte e quatro anciãos
prostraram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e taças de ouro cheias de incenso,
que são as orações dos santos.

Harpa – representa música (cânticos de adoração) que sobem a Deus. Refere-se ao adorar a
Deus com instrumentos musicais (Apocalipse 14:2; 14:3; 15:2; 15:3; Salmos 33:2; Salmos
33:3).

Taça – representa aquilo que contém as orações dos santos que sobem perante Deus como
incenso. Refere-se à oração intercessória na igreja (Apocalipse 8:3 e 4).

II. INTRODUZINDO O PRINCIPAL PRINCÍPIO DO MODELO HARPA E TAÇA


" ORAÇÃO e CÂNTICO ANTIFONAL”

1! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos
A. Há um "princípio governamental" primário no modelo Harpa e Taça, desenvolvendo uma
passagem pela oração antifonal (cântico). Todos os estilos musicais devem trabalhar nesse
modelo.

B. Este princípio expressa três valores: time ministerial (juntos vamos mais longe),
inclusividade (todos podem participar) e a centralidade da escritura (a linguagem de Deus
unifica o nosso coração com o Dele e com os outros). Neste princípio, buscamos
simplicidade que libera diversidade com estrutura que libera espontaneidade. Por quê?

1. Isto providencia um contexto para time ministerial na adoração e ministração.


2. Isto providencia um contexto para um "crecendo" no Espírito durante a adoração.
3. É uma forma de funcionar como um "seminário de louvor" (Col 3:16)
4. Isto provê diversidade e criatividade necessárias para oração 24 horas por dia.

II. CICLO DE ADORAÇÃO - 3 ESTÁGIOS

A. A Adoração corporativa - onde todos entram na presença de Deus em concordância.


Valorizamos as canções que nos direcionam para cantar para Deus ao invés de cantar sobre
Deus.

B. Cântico espontâneo - cântico devocional, ambos com as escrituras e louvando no espírito (I


Cor. 14:15; Col 3:16).

C. Desenvolvendo uma passagem (sentença) pela oração antifonal (cântico) - 4 partes.


1."Orando (cantando) através de sentenças bíblicas"

2."Isolando a frase" - o líder de oração isola uma frase (falando), tirada de uma "sentença
bíblica" que os cantores desenvolvem.

3."Desenvolvendo temas através da oração antifonal (cântico)" - os cantores "desenvolvem


temas" da frase isolada cantando sentenças curtas (5-10 segundos) cânticos que
valorizem a frase isolada.

4."Coros espontâneos" - o líder do coro e/ou o líder do louvor estabelece "coros espontâneos"
para todos cantarem (8-10 vezes) a qualquer hora.

III. CANÇÕES CORPORATIVAS ou CONGREGACIONAIS DE ADORAÇÃO

A. Este é o estágio 1 do ciclo de adoração. A função do líder de Louvor é conduzir as pessoas a


se focarem em direção a Deus, assim, todos juntos se engajando em concordância na
presença de Deus. Como um critério, nós escolhemos canções que nos direcionam a cantar
para Deus e não somente sobre Deus.
B. Todos os estilos musicais trabalharão com o modelo de Harpa e Taça (ferramenta de
comunicação

C. Selecione canções de adoração conhecidas pela maioria das pessoas. Não introduza mais de
uma nova canção por turno (set). Tenha certeza de que as letras da canções novas estão na
transparência (telão), então todos podem participar facilmente.
2! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos

D. Princípio de manter uma melodia predominante. Um erro comum é não saber a distinção
entre um turno de louvor corporativo (objetivo de ajudar todos a participarem cantando com
unidade) e um concerto de louvor (objetivo é inspirar os que estão ouvindo sem
necessariamente ajudá-los a participar cantando). O líder de louvor e os cantores proféticos
devem manter uma determinada linha de melodia para uma corporação do conjunto de
adoração, porque o objetivo é conduzir todos, mesmo os que não são cantores, para uma
adoração corporativa e unificada perante Deus.

IV. CÂNTICOS ESPONTÂNEOS

A. Este é o estágio 2 do ciclo de adoração. Isto é feito em um foco devocional, ambos das
escrituras e cantando em espírito (I Cor 14:15; Col 3:16).

B. O propósito do time de louvor é liderar, então toda a sala de oração a se conectar com Deus.
Esta é a importância de ter progressões de acordes simples e básicos, e um trabalho vocal
fácil (sem notas altas) para a congregação.

C. Os cantores proféticos devem todos se engajar ousadamente no propósito de liderar a


congregação. Eles devem cantar notas longas fluindo em melodias e harmonias ao invés de
notas curtas e rápidas subindo e descendo escala. O líder de louvor deve começar com uma
nota baixa e longa para dar a congregação uma linha melódica fácil para ajudá-los a cantar.

D. O líder de oração não canta no microfone (a não ser que seja um cantor profético aprovado)
durante a adoração profética. Por quê? O líder de oração está com o volume mais alto do que
os cantores proféticos, assim sua voz dominaria sobre eles.

E. Cântico espontâneo e/ou Coro espontâneo, pode acontecer antes, durante ou depois do
processo de desenvolvimento da passagem.

V. DESENVOLVENDO A PASSAGEM PELA ORAÇÃO/CÂNTICO ANTIFONAL - 4 PARTES


A. Esse e o estagio 3 do ciclo
B. O intercessor seleciona uma oração ou promessa profética nas escrituras (AT ou NT). A
oração apostólica do NT é o fundamento das orações usadas no IHOP, (mas não são as
únicas orações usadas). Orações do AT ou promessas proféticas, são boas para serem usadas
na intercessão. Veja no material dado, a lista de orações e promessas proféticas (estas são as
que tornarão decretos proféticos).

B. O intercessor tem a opção de usar os cantores ou não. Se eles quiserem envolver os cantores,
eles simplesmente pausam e dão espaço para os cantores, assim, continuam oferecendo
orações curtas de 3 a 5 segundos, fluindo no antifonal com os cantores. Se o intercessor
decide não envolver os cantores, então eles podem orar a passagem por 5 minutos. A
limitação de 5 minutos serve apenas para dar oportunidade para outros intercessores orarem
no microfone (se a reunião de oração for grande).

C. PARTE I - Orar através da "sentença bíblica" - no formato da oração intercessória, começa-


se lendo a oração bíblica/decreto profético. Por exemplo, Efésios 3:14-19.

3! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos

Ajoelho-me diante do pai do nosso Senhor Jesus... 15 do qual recebe o nome toda a família
nos céus e na terra, 16 Ele os fortaleça no intimo do seu ser com poder por meio do seu
Espírito para 17 que Cristo habite no coração de vocês mediante a fé; e que estando
enraizado em seu amor, 18 Vocês possam juntamente com todos os Santos, compreender a
largura, o comprimento, a altura, e a profundidade, 19 Conhecer o amor de Cristo que
excede todo o conhecimento, para que vocês sejam cheios de toda a plenitude de Deus
(Efésios 3:14-19).

1. Depois de ler a oração bíblica/decreto profético e assim orando isto de 1 a 3 minutos


(para conduzir o ambiente a fluir em oração), termine a parte de 1-3 minutos iniciais
da oração, focando na parte da passagem que você escolheu como "frase" chave que
você deseja desenvolver com os cantores proféticos.

2. Exemplo de "sentença bíblica" "... que Ele vos fortaleça no íntimo do seu ser com
poder por meio do seu espírito, que Cristo habite no coração de vocês... estando
enraizados e alicerçados em amor..." (Efésios 3:16-17).

D. PARTE 2 - Isolando a frase - O intercessor separa uma frase (falando-a com 3-10 palavras)
da passagem que os cantores estarão desenvolvendo. Isolar a frase claramente, define para os
cantores qual frase deve ser desenvolvida em canções de 3 a 5 segundos. Exemplos de
frases isoladas em Efésios 3:16-18.

Exemplo A "Fortaleça no íntimo do meu ser com poder por meio do seu Espírito"
Exemplo B "enraizado e alicerçado em amor... capaz de compreender o amor de
Cristo".

Quando terminar de orar por 1-3 minutos a frase pode ser então isolada da passagem,
geralmente usea-se, "no nome de Jesus" imediatamente antes da frase, isso sinaliza que a
frase está sendo isolada para deixar claro para os cantores que os primeiros 1-3 minutos já
acabaram. E o alvo do líder de oração é tornar uma frase óbvia para os cantores proféticos
como "a frase" para ser desenvolida. Normalmente um intercessor sem treino negligenciará
isolar a frase claramente. (O time deve ficar em uma frase isolada por 60 segundos ou mais).

E. PARTE 3 - Desenvolvendo temas através da oração antifonal ou responsiva

3. O cantor profético e intercessor "desenvolve temas" trazendo o significado da


passagem bíblica a ser desenvolvida.

4. Três maneiras de cantar desenvolvendo um tema antifonal (cântico responsivo).

a. Repetir a frase de volta com exata linguagem.

b. Parafrasear com palavras similares a da escritura.

c. Desenvolver a frase com diferentes palavras que enriqueça o significado.

5.Por exemplo, "fortalecendo com poder, por meio do seu Espírito o seu homem interior".

4! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos
d. Repetir de volta: " fortalecendo com poder, por meio do seu Espírito o seu
homem interior ".

e. Parafrasear : "Libere poder para nosso homen interior".

f. Desenvolver a idéia: "libere graça para fazer nosso coração fluir em amor e
santidade".

F. Princípios básicos antifonais ou cânticos responsivos.

6. Cantar canções curtas de 3-5 segundos que continuem no mesmo tema da frase
isolada, então enriqueça o significado para que temas claros emerjam. Os cantores
não devem cantar múltiplos temas numa canção curta. Nós queremos desvendar os
significados das passagens bíblicas, com isso podemos ensinar uns aos outros com
salmos e hinos e sons espirituais (Col 3:16).

7. Cante um de cada vez.

8. Cante alto ou não cante nada quando estiver no microfone. Se os cantores cantarem
músicas pessoais suaves, os outros cantores não terão certeza se essas músicas suaves
estão contribuindo ou não para o desenvolvimento da passagem.

9. Comunique-se com os outros através de sinais levantando o dedo da mão enquanto


segura o microfone ou fazendo sons (huuummmm...), que significa que eles tem um
novo cântico antifonal (os times podem diferenciar o uso dos sinais).

10. Seqüência de cantores - Se dois cantores cantam ao mesmo tempo –a prioridade -


primeiro é do líder de louvor, segundo, do líder de louvor associado ( líder de coro),
terceiro, do cantor profético # 1 (o mais perto do líder de louvor), então, o cantor
profético # 2, então, o cantor profético #três, etc, e então os cantores nos
instrumentos e por ultimo o líder de oração.

G. Parte 4 – Coros espontâneos

11. Somente o líder de coro e o líder de louvor estabelecem o “coros espontâneos” para
que todos cantem (8-10 vezes). Eles podem fazer coros a qualquer hora.

12. Todos os cantores devem ajudar a liderar, cantando o coro juntos fortemente para
estabeleçer o coro e para que todos no ambiente possam acompanhar. Todos os
cantores proféticos nos microfones deverão ajudar a segurar a linha melódica nos
coros e evitar outras coisas ( Ornamentações, canções em particular, etc.).

13. Coros fáceis – para as pessoas na congregação que não são dotadas musicalmente
possam se unir rapidamente. Em outras palavras, procure melodias fáceis, com frases
fáceis de serem lembradas, arranjos vocais fáceis, sem muitas palavras, pois isto
torna mais fácil para os que não têm dom de canto, participarem mais rapidamente.

14. Finalizar cantando um nome de Deus para sinalizar a ultima vez em que o coro será
cantado.
5! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos

15. Coros corporativos de oração – isto faz com que todos no ambiente intercedam em
uma só voz. Por exemplo, coros como “Envia o Teu Espírito Senhor” ou “Queima-
nos com o Teu fogo” ou “Nós queremos mais” ou “ Venha liberta-nos” ou “rompe
agora…” etc.

16. Coros duplos – o líder de louvor ou o líder do coro deve ocasionalmente estabelecer
Coros que irão ressoar indo e vindo como resposta um ao outro ou criando um
contraste. Limite dois refrãos de cada vez (três é muito para este período de nosso
desenvolvimento).

17. Usando o mesmo refrão muitas vezes – se um refrão for respondido por todos do
ambiente de uma maneira forte, então use-o em outras vezes durante a reunião. O líder
de coro (ou líder de louvor) pode usar o mesmo refrão em diferentes momentos,
através da passagem .

18. Quando cantar um coro espontâneo – cântico espontâneo e/ou coro espontâneo pode
ocorrer antes, durante e depois do desenvolvimento da passagem.

VI. O PAPEL DO LÍDER DE ORAÇÃO (nos formatos de Adoração com a Palavra )

A.O líder de louvor ajuda a “desenvolver o tema” por continuar falando frases relacionadas ao
tema que normalmente são somente 3-5 palavras. (Este é diferente do papel do líder de
oração na intercessória.)

1. O papel do líder de oração na Adoração com a Palavra é dar suporte ao líder de


louvor. Evite falar muitas frases. Ser demasiadamente verbal ( falar muito), impede
que a adoração flua no formato da Adoração com a palavra.
2. O líder de oração almeja uma proporção de 1:5-1:10 com relação aos cantores
proféticos, opondo-se a proporção de 1:1-1:2 com relação ao formato de O.
intercessória.

B.O principal trabalho do líder de oração é fazer óbvia a frase isolada para os cantores proféticos. E
outras palavras, dar aos cantores uma grande dica para onde nós estamos indo.

C.O Segundo papel principal do trabalho do líder de oração, é assistir ao envolvimento do ambiente.
O objetivo é ver todos na sala orando em concordância. Eles observam para ver se o canto
antifonal está inspirando o ambiente a se conectar com Deus. Se o canto antifonal prosseguir
por muito temp, o ambiente pode se desconectar.

VII. O PAPEL DO LÍDER DE ORAÇÃO (no formato de Intercessão )

A.Na Oração no formato intercessório, o líder de oração inicia citando “sentenças bíblicas” usando
também “frases isoladas.”

B.Eles oram uma oração apostólica ou promessa profética de 1-2 minutos para que o ambiente flua
na pregação bíblica. Por exemplo, lê-se Ef. 3:16-17, ora-se por 1-2 minutos e então isola-se
uma frase.

6! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos
C.No formato de intercessão, o intercessor tem a opção de usar os cantores ou não. Se o líder de
oração quiser envolver os cantores, então eles simplesmente fazem uma pausa para dar lugar
aos cantores , então continuam-se fazendo 5-10 segundos de oração para que flua de forma
antifonal com os cantores. Se o líder de oração optar por não envolver, então ele pode orar o
trecho por não mais do que 5 minutos. A limitação de 5 minutos tem o único propósito de dar
aos outros intercessores a oportunidade de orar no microfone.

VIII. APLICANDO OS PRINCÍPIOS NO FORMATO DA ORAÇÃO INTERCESSÓRIA

A.Passagem (de 2-4 versos da Bíblia) – veja a modelo de intercessão apostólica.



“… Oro para que a riqueza de Sua Gloria, vos conceda que sejais fortalecidos com poder
pelo Seu Espírito no homem interior, para que Cristo habite pela fé nos vossos corações. E
oro pra que, estando arraigados e fundados em amor, possais perfeitamente compreender,
com todos os santos, qual seja a largura, e o cumprimento, a altura, e a profundidade, e
conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheio de toda
a plenitude de Deus. (Ef. 3:16-19)

B.Orar através de uma “ sentensa bíblica” com 1-3 versículos extraídos de uma passagem.

Exemplo A – Ef 3:16-17 “… Oro para que a riqueza de Sua Gloria, vos conceda que
sejais fortalecidos com poder pelo Seu Espírito no homem interior, para que Cristo habite
pela fé nos vossos corações. E oro pra que, estando arraigados e fundados em amor…”

C.“Frases isoladas” são tiradas de “passagens bíblicas.” O líder de oração define claramente (ecoa) a
frase chave da “passagem bíblia” que os cantores proféticos desenvolvem. Isolar uma frase
significa para os cantores proféticos qual a frase que será desenvolvida.

Exemplo B – “que sejais fortalecidos… e oro pra que, estando arraigados e fundados em
amor”
Exemplo C – “ e conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento…”

FORMATO DE ORAÇÃO INTERCESSÓRIA

Nesse formato de oração usamos as orações dos Apóstolos ou promessas proféticas (ou decretos), para
enganjar em intercessão. Usamos as orações Apostolicas para interceder por avivamento
(derramamento geral\ou visitação do Espírito), em toda a igreja, pela cidade (região), que o senhor
ressaltar. Usamos as promessas ou decretos proféticos para orar por necessidades específicas ( temas
de guerra ), que o Espirito Santo ressaltar. Focamos em alvos específicos locais , nacionais, ou
internacionais, de acordo com os seguintes TEMAS DE GUERRA: fortalezas culturais ( assassinatos,
feitiçaria, imoralidade, roubos), crises, questões políticas, da igreja, salvação de Israel, questões
econômicas e questões familiares. Esse guia pode ser alterado de acordo com a sugestão do Espírito.

CICLO 1: 35 Minutos –

A. 15 Min. de adoração (3 cânticos de adoração)


B. 3-5Min. cântico espontâneo

7! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos
C. 10 Min. Intercessão (líder de oração)

Nesse momento o líder de oração convida pessoas a trazerem uma oração bíblica ou promessa
profética (e ou decreto) para orarem no microfone. Convida-os para se assentar nas cadeiras da
frente, assim sabe-se quando estão prontos. Eles poderão orar de 3 a 5 min, e ter a opção de
envolver os cantores ou não. Se escolher usá-los, ele precisa pausar para deixar espaço para
que cantem.

CICLO 2: 20 Minutos

A. 5 Min. de adoração (1 cântico de adoração)


B. 3-5 Min. cântico espontâneo
C. 10 Min. de intercessão (líder de oração)

CICLO 3-4 – Opções do que podemos fazer durante o turno a partir do ciclo 2 (não faça
todas as opções no mesmo turno escolha 1 ou 2 somente )

Usar diferentes intercessores da Sala

Orações rápidas 15-30 segundos - orações oferecidas consecutivamente (o líder de


oração convida a sala para vir orar no microfone por um motivo específico ou o que estiver no
coração

Intercessão pelos doentes. 3-7 Min. convidar todos os doentes que desejam oração que
levantem a mão. Direciona algumas pessoas para orar pelos enfermos. (O grupo de louvor
continua cantando suavemente ou os cantores cantam orações sobre os doentes

Intercessão pelas Nações.( ore por todas nações da terra. Ore constantemente por Israel
por salvação e pelos propósitos de Deus estabelecidos na nação )

Oração por avivamento de uma cidade ou nação da Janela 10-4Oração de pequenos


voluntários de oração na sala (responsabilidade do líder de oração . 5-7 Min. (ore por qualquer
motivo de oração – ex. Perdidos, doentes, viagem..(o grupo de louvor continua suavemente
cantando cânticos de adoração corporativa.

ORAÇÃO COM A PALAVRA

Nós temos cinco propósitos com este formato de oração. Primeiro, treinar equipes na Palavra para que
sistematicamente cantem grandes porções da Palavra. Segundo, para desenvolver linguagem das
escrituras e confiança em canto profético (equipes vão descobrir novas passagens para usar em outros
formatos). Terceiro, para que possa haver um contexto para que a banda de louvor possa fluir junto em
oração. Quarto, para que possa haver uma atmosfera ungida para que outros no ambiente sejam
abençoados enquanto estudam. Quinto, para engajar em batalha espiritual (isto acontece quando
estamos de acordo com o coração de Deus).

Geralmente cantamos sistematicamente por passagens das Escrituras. Como uma regra nós
cantaremos através de uma adoração delineada que cobre todo o capítulo da Escritura (ocasionalmente
desenvolveremos uma adoração delineada pelos temas). Desta forma, funcionamos como um

8! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos
“seminário de canto” ou como “músicos teólogos” ao cantarmos um capitulo de Salmos, Cântico dos
Cânticos (use linguagem interpretativa, da pagina das Orações de Cântico dos Cânticos) ou Apocalipse
(Ap. 1; 4-5; 7; 14; 15; 19; 21-22, ou a página de Hinos de Apocalipse) ou outros capítulos facilmente
“cantáveis”. Normalmente escolheremos um Salmo. Salmodiar é a prática de organizar os salmos
para serem cantados em adoração.

I. CICLO DE ADORAÇÃO – 3 PARTES


(LV. – líder de louvor; LI. – líder de intercessão)

Ciclo de adoração #1: 30-40 minutos


A.Músicas de adoração: por 20 minutos para dar tempo da equipe e das pessoas no lugar focarem-se
no Senhor;
B.Cantos espontâneos: por 5 minutos (tenha a liberdade para continuar, se houver “vida” nos
cânticos)
C.Desenvolva uma Passagem Bíblica (canto antífonal): 10-15 min. (para mais ou pra menos)

Ciclo de adoração #2-6: 20-30 min cada (tenha a liberdade de continuar por mais tempo se houver
vida)
A. Música de adoração: por 5-10 minutos
B. Cantos espontâneos: por 5 minutos (fique a vontade para continuar, se houver “vida” nos
cânticos)
C. Desenvolva uma Passagem Bíblica (canto antífonal): 10-15 min. (para mais ou pra menos)

Glossário e abreviações

LV- líder de louvor


LO- líder de intercessão
IHOP- Casa internacional de Oração
Ciclo- períodos dentro de um turno
Turno- período de 2 horas de oração
Antífonal - cântico responsivo
Orações apostólicas - oração feita pelos Apóstolos.
Coros corporativos - frases repetida várias vezes onde todos cantam juntos

Harpa e Taça by Mike Bickle -


Tradução e adaptação Jaqueline K Lodos

LISTA DE ORAÇÕES APOSTÓLICAS INTERCESSÓRIAS

1. Oração pela revelação da beleza de Jesus e o destino da Noiva na transformação do nosso


coração.
“ para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos conceda ESPÍRITO DE
SABEDORIA E DE REVELACAO NO PLENO CONHECIMENTO DELE, iluminados os olhos
do vosso coração, para saberdes qual é a ESPERANCA DO SEU CHAMAMENTO, qual a riqueza da

9! of !11
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos
GLORIA DA SUA HERANÇA NOS SANTOS e qual a suprema grandeza do seu poder para com os
que cremos, SEGUNDO A EFICÁCIA DA FORÇA DO SEU PODER;” (Efésios 1:17-19 RA)

2. Oração pela liberação de força sobrenatural no coração que nos leva a experimentar as emoções
de Deus. “ para que, segundo a riqueza da sua glória, vos conceda que SEJAIS FORTALECIDOS
COM PODER, MEDIANTE O SEU ESPÍRITO NO HOMEM INTERIOR; e, assim, habite
Cristo no vosso coração, pela fé, estando vós arraigados e alicerçados em amor, A FIM DE
PODERDES COMPREENDER, com todos os santos, qual é a largura, e o comprimento, e a altura,
e a profundidade e conhecer o amor de Cristo, que excede todo entendimento, para que sejais
tomados de toda a plenitude de Deus.” (Efésios 3:16-19 RA
3. Oração para que o amor de Deus abunde em nosso coração resultando em discernimento e
retidão.
“ E também faço esta oração: que o VOSSO AMOR AUMENTE MAIS e mais em pleno conhecimento
e toda a percepção, PARA APROVARDES AS COISAS EXCELENTES e serdes sinceros e
inculpáveis para o Dia de Cristo, CHEIOS DO FRUTO DE JUSTIÇA, o qual é mediante Jesus Cristo,
para a glória e louvor de Deus.” (Filipenses 1:9-11 RA)

5. Oração para acontecimento da vontade de Deus, para sermos frutíferos no ministério e


fortalecidos pela intimidade com Deus.
“ Por esta razão, também nós, desde o dia em que o ouvimos, não cessamos de orar por vós e de pedir
que transbordeis de PLENO CONHECIMENTO DA SUA VONTADE, em toda a sabedoria e
entendimento espiritual; A FIM DE VIVERDES DE MODO DIGNO DO SENHOR, para o seu
inteiro agrado, FRUTIFICANDO em toda boa obra e crescendo no pleno conhecimento de Deus;
SENDO FORTALECIDOS COM TODO O PODER, segundo a força da sua glória, em toda a
perseverança e longanimidade; com alegria, dando graças ao Pai, que vos fez idôneos à parte que vos
cabe da herança dos santos na luz.” (Colossenses 1:9-12 RA)

6. Oração pela unidade na Igreja e ao redor da cidade.


“ Ora, o Deus da paciência e da consolação vos CONCEDA O MESMO SENTIR DE UNS PARA
COM OS OUTROS, segundo Cristo Jesus, para que concordemente e a uma voz glorifiqueis ao Deus e
Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. PORTANTO, ACOLHEI-VOS UNS AOS OUTROS, como
também Cristo nos acolheu para a glória de Deus.” (Romanos 15:5-7 RA)

7. Oração para ser cheio de alegria, paz e esperança sobrenatural.


“ E o Deus da esperança vos ENCHA DE TODO O GOZO E PAZ NO VOSSO CRER, para que
sejais ricos de esperança no poder do Espírito Santo.” (Romanos 15:13 RA)

8. Oração para a salvação de Israel através da Jesus.


“ Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor DELES (Israel) são para que
sejam salvos.” (Romanos 10:1 RA)
9. Oração para sermos enriquecidos com os dons sobrenaturais do Espírito Santo, levando-nos à
retidão.
“ Sempre dou graças a meu Deus a vosso respeito, a propósito da sua graça, que vos foi dada em Cristo
Jesus; PORQUE , EM TUDO, FOSTES ENRIQUECIDOS NELE, em toda a palavra e em todo o
conhecimento; assim como o testemunho de Cristo tem sido confirmado em vós, de maneira que NÃO
VOS FALTE NENHUM DOM, aguardando vós a revelação de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual
também vos confirmará até ao fim, PARA SERDES IRREPREENSÍVEIS no Dia de nosso Senhor
Jesus Cristo.” (1 Coríntios 1:4-8 RA)

! of !11
10
Seminário Intensivo de Harpa e Taça
Elcio e Jaqueline Lodos
10. Oração pela liberação do Ministério Apostólico e para que abunde em amor e santidade.
“ Pois que ações de graças podemos tributar a Deus no tocante a vós outros, por TODA A ALEGRIA
COM QUE NOS REGOZIJAMOS por vossa causa, diante do nosso Deus, orando noite e dia, com
máximo empenho, para vos ver pessoalmente e reparar as deficiências da vossa fé? Ora, o nosso mesmo
Deus e Pai, e Jesus, nosso Senhor, dirijam-nos o caminho até vós, e o Senhor vos faça crescer e
aumentar no amor uns para com os outros e para com todos, como também nós para convosco, a fim de
que SEJA O VOSSO CORAÇAO CONFIRMADO EM SANTIDADE, isento de culpa, na presença
de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus, com todos os seus santos.” (1 Ts 3:9-13 RA)

11. Oração para sermos equipados e preparados para receber a plenitude do destino que Deus tem
para a Igreja.
“ Por isso, também não cessamos de orar por vós, PARA QUE O NOSSO DEUS VOS TORNE
DIGNOS DA SUA VOCAÇAO E CUMPRA COM PODER TODO PROPÓSITO DE BONDADE
E BORA DE FÉ, a fim de que o nome de nosso Senhor Jesus seja glorificado em vós, e vós, nele,
segundo a graça do nosso Deus e do Senhor Jesus Cristo.” (2 Ts 1:11-12 RA)

12. Oração pela liberação do poder do Espírito Santo na liberação da Palavra.


“ Finalmente, irmãos, orai por nós, PARA QUE A PALAVRA DO SENHOR SE PROPAGUE E SEJA
GLORIFICADA, como também está acontecendo entre vós; e para que sejamos livres dos homens
perversos e maus; porque a fé não é de todos. Todavia, o Senhor é fiel; ele vos confirmará e guardará do
Maligno. Nós também temos confiança em vós no Senhor, de que não só estais praticando as coisas que
vos ordenamos, como também continuareis a fazê-las. Ora, o Senhor conduza o vosso coração ao
amor de Deus e à constância de Cristo.” (2 Ts 3:1-5 RA)

! of ! 11
11