Anda di halaman 1dari 23

Lei Orgânica do DF

CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

Aula 0

Lei Orgânica do DF
Professor: Ricardo Gomes

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


1
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

Breve Apresentação

Prezado(as) Concurseiros(as) de Plantão,


É com muito prazer que inicio o Curso de Teoria e Exercícios de
LODF-CLDF!
Muitos alunos estavam ansiosos com o lançamento do Curso,
eis que consegui lançar agora!
Creio que muitos já me conhecem aqui do Ponto dos Concursos, pois
ministro cursos há mais de 7 ANOS, não só de Direito Eleitoral, mas também
de Regimentos e Legislação, Processo Civil, Direitos Humanos, etc.
Para quem ainda não me conhece, segue a minha breve
apresentação:
Meu nome é RICARDO GOMES, sou Bacharel em Direito pela
Universidade Federal da Bahia (UFBA), formado no ano de 2007. Dei o primeiro
passo na caminhada pelos concursos públicos no mesmo ano, quando fui
aprovado exatamente no concurso do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). nos anos
de 2006/2007. Após isso, fui aprovado nos concursos do Tribunal de Justiça do
Distrito Federal e Territórios (TJDFT), do Tribunal Superior do Trabalho (TST) e
da Controladoria-Geral da União (CGU), no ano de 2008. Por último, logrei êxito
no concurso para o cargo de Procurador do Banco Central do Brasil (BACEN), em
2009/2010.
Assim, também sou concurseiro igual a vocês! Atire a primeira
pedra quem não é ou não foi! Rsrs.
Trabalhei por mais de 1 ano no TSE. Posteriormente, trabalhei no
TJDFT e, desde 2008, atuo como Analista de Finanças e Controle da
Controladoria-Geral da União (CGU).
Por derradeiro, fui aprovado em 7º lugar para Consultor da Câmara
dos Deputados – Área 2 (Direito Processual Civil, Civil e Internacional) em
2014.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


2
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

Ricardo Gomes
Por sua aprovação!

Metodologia e Conteúdo do Curso

Como já descrito, tenho confeccionado material em PDF para o


Ponto dos Concursos há mais de 6 ANOS em algumas matérias, especialmente
em Legislação Específica e Direito Eleitoral.
Foram mais de 15 TREs/TSE, bem como TRTs, TJs, MPU e MPs,
STF, STJ, TST, STM, TJDFT, CGU, TCU, AGU, ICMSs, Ministérios, Agências
Reguladoras, PCs, PRF, MTE, entre outros, nos quais disponibilizamos material
de Direito Eleitoral, Direito Processual Civil, Regimentos Internos,
Legislação Específica, Direitos Humanos, Ética etc.
Ao longo desse período nós tivemos a oportunidade de criar e
desenvolver uma metodologia própria de estudo das matérias, caracterizada
principalmente pela objetividade (direto ao ponto), concisão, completude, poucas
divagações, revisões e remissões constantes, exercícios de fixação e leitura da
legislação seca.
Por conta disso, conseguimos alcançar em quase todos os concursos
pelos quais ministramos aulas 100% das questões cobradas na prova!
O nosso curso será estruturado de acordo com a seguinte ordem
metodológica:

 TEORIA – estudo teórico dos itens constantes do Sumário;


 EXERCÍCIOS COMENTADOS – questões dos concursos mais
recentes;
 EXERCÍCIOS com GABARITO – para treinamento e fixação
da matéria;
 RESUMO DA AULA – com os principais pontos estudados na
aula, de leitura obrigatória após a aula e nas revisões
semanais;

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


3
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

 LEGISLAÇÃO SECA – texto literal da legislação tratada na


aula, para leitura e fixação.

Já é de conhecimento de todos que uma das grandes vantagens dos


Cursos do Ponto dos Concursos, elaborados para determinados concursos, é a
abordagem específica de CADA PONTO DO EDITAL, fechando todas as lacunas
possíveis de matérias e questões a serem cobradas pelo examinador.
Os livros (doutrina), a despeito de trazerem uma maior vastidão de
assuntos, são muito pouco específicos, objetivos e direcionados para a sua prova.
Por outro lado, os Cursos do Ponto, de uma maneira geral, tentam levar ao aluno
os principais tópicos a serem cobrados na prova, com base em cada item do
edital, com comentários teóricos e por meio de exercícios de fixação dos assuntos
especificamente estudados nas aulas.
Nessa linha, este Curso de LODF foi montado tomando por base o
Edital recém publicado, visando disponibilizar aos alunos o máximo possível de
subsídios na preparação.
Certamente, com o estudo desse material, você, Aluno, não precisará
preocupar-se com a aquisição de outros materiais adicionais ou Livros da matéria
estudada. A dica é estudar as Aulas Teóricas, fazer os Exercícios Comentados, ler
a lei seca e repetir os exercícios com gabarito.
Aconselho a ler o material pelo menos 3 VEZES, deixando 1 delas
para a última semana antes da prova.
Seguindo a linha de nossos Cursos ministrados no Ponto dos
Concursos, este Curso para terá um CARÁTER PRÁTICO, voltado para o que,
efetivamente, vem sendo cobrado nas últimas provas de concursos.
Além do conhecimento e embasamento teórico que o aluno tem que
dominar, é fundamental na preparação para concursos que o aluno faça e refaça
quantos exercícios puder das matérias a ser estudadas, para que os
conhecimentos apreendidos sejam verdadeiramente solidificados, aperfeiçoados
e lapidados.
Prova disso é que, mesmo após ser realizada uma leitura atenta e
debruçada sobre determinado material, quando vamos responder às questões
ficamos com um “montão” de dúvidas. Parece até que não aprendemos direito, e
ai dizemos: “mas eu estudei isto? como não sei responder à questão?”

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


4
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

Nestes casos, o aluno aprende, mas às vezes a sua visão e


entendimento não foi pontual, não memorizou os pontos mais relevantes,
correndo o risco de errar questões relativamente fáceis pela ausência de prática
e por não ter visto o assunto com “outros olhos”, outro viés.
Desse modo, os exercícios propiciam exatamente isto aos alunos:
lapidarem seus conhecimentos teóricos para atentarem facetas não
percebidas ao longo do estudo teórico, além também de revisarem e
rememorarem a teoria.
Desse modo, teremos uma parte teórica, com destaques e dicas dos
pontos altos, e uma lista de várias questões comentadas!

Creio que, com a exaustiva resolução de questões e com uma metodologia mais
prática e didática, conseguiremos fechar a matéria! Até porque comentaremos
exaustivamente todos os pontos relevantes da LODF!

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


5
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

AULA DEMONSTRATIVA

1. Nos termos constitucionais, a República Federativa do Brasil é Formada pela

União Indissolúvel dos Estados, dos Municípios e do Distrito Federal. A CF

adota, expressamente, a Federação com Forma de Estado (cláusula pétrea),

acarretando a descentralização no exercício do poder político.

LO/DF

Art. 2º O Distrito Federal integra a união indissolúvel da República

Federativa do Brasil e tem como valores fundamentais:

I – a preservação de sua autonomia como unidade federativa;

II – a plena cidadania;

III – a dignidade da pessoa humana;

IV – os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa;

V – o pluralismo político.

2. A organização político-administrativa da República Federativa do Brasil

compreende a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, todos

autônomos, nos termos constitucionais. Os entes federativos são AUTÔNOMOS,

não soberanos. A soberania é da República Federativa do Brasil.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


6
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

Os entes são autônomos entre si.

Não existe hierarquia entre os entes.

Todos são subordinados à CF.

3. O Distrito Federal, ente federativo autônomo, é dotado de atribuições legislativas

e administrativas, assentadas pela tríplice capacidade que envolve: auto-

organização, auto-governo (elege Governador, Vice-Governador e Deputados

Distritais) e auto-administração (exerce competências administrativas, legislativas

e tributárias).

4. Quanto à auto-organização, o Distrito Federal é regido por Lei Orgânica, Votada

em 02 Turnos com interstício mínimo de 10 DIAS, e Aprovada por 2/3 da Câmara

Legislativa, que a promulgará, atendidos os princípios constitucionais. A auto-

organização também é concretizada por meio da edição de leis distritais.

5. É vedada a divisão do Distrito Federal em Municípios, em respeito à sua

importância no pacto federativo.

6. Poder Constituinte é tema que envolve o processo legislativo de elaboração das

normas constitucionais e o das normas infraconstitucionais do ordenamento.

Classicamente é identificado como Originário (poder de elaborar uma Constituição)

e Derivado (poder de modificar a CF e de elaborar as Constituições Estaduais).

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


7
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

7. O Poder Constituinte Derivado é subdivido em Reformador (poder de modificar a

CF) e Decorrente (poder atribuído aos estados-membros para elaborarem suas

próprias Constituições).

8. Segundo a CF, os estados-membros são dotados de Poder Constituinte

Derivado Decorrente, consubstanciado na competência para elaboração de suas

Constituições Estaduais, observados os princípios inscritos na CF/88.

 Tal competência decorre diretamente da CF.

 As CE´s observarão os princípios constitucionais.

CF/88

Art. 25. Os Estados organizam-se e regem-se pelas Constituições e leis que

adotarem, observados os princípios desta Constituição.

ADCT

Art. 11. Cada Assembléia Legislativa, com Poderes Constituintes, elaborará

a Constituição do Estado, no prazo de um ano, contado da promulgação da

Constituição Federal, obedecidos os princípios desta.

9. Embora não haja previsão expressa na CF, o Poder Constituinte Derivado

Decorrente também foi atribuído ao DF, haja vista a atribuição da competência,

decorrente diretamente da CF, para elaboração de sua Lei Orgânica, atendidos os

princípios inscritos na CF/88.

 A competência para elaborar a LODF decorre diretamente da CF.

 A LODF deverá atender os princípios da CF/88.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


8
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

CF/88

Art. 32. O Distrito Federal, vedada sua divisão em Municípios, reger-se-á por

Lei Orgânica, Votada em dois turnos com interstício mínimo de dez dias, e

Aprovada por dois terços da Câmara Legislativa, que a promulgará, atendidos

os princípios estabelecidos nesta Constituição.

LEI ORGÂNICA

Art. 1º O Distrito Federal, no pleno exercício de sua autonomia política,

administrativa e financeira, observados os princípios constitucionais, reger-

se-á por esta Lei Orgânica.

Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de

representantes eleitos ou diretamente, nos termos da Constituição Federal e

desta Lei Orgânica.

10. Segundo o STF:

[...] a Lei Orgânica do Distrito Federal apresenta, no dizer da doutrina, a

natureza de verdadeira Constituição local, ante a autonomia política,

administrativa e financeira que a Carta confere a tal ente federado. [...] (RE

577.025, Rel. Min. Ricardo Lewandowski, 11-12-2008)

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


9
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

a. Mapas mentais

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


10
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

b. Revisão 1

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


11
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

QUESTÃO 01 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A organização político-administrativa da República Federativa do Brasil compreende a

União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, todos autônomos, nos termos

constitucionais.

QUESTÃO 02 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

Quanto à auto-organização, o Distrito Federal é regido por lei orgânica, votada em três

turnos com interstício mínimo de dez dias, e aprovada por dois terços da Câmara

Legislativa, que a promulgará, atendidos os princípios constitucionais.

QUESTÃO 03 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

O Distrito Federal integra a união indissolúvel da República Federativa do Brasil, não

podendo ser dividido em Municípios.

QUESTÃO 04 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

São objetivos prioritários do Distrito Federal, dentre outros, promover os direitos

humanos, bem como preservar os interesses gerais e coletivos.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


12
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

QUESTÃO 05 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

Promover, proteger e defender os direitos da criança, do adolescente e do jovem não

constitui um dos objetivos prioritários do Distrito Federal.

QUESTÃO 06 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A lei orgânica do Distrito Federal assegura o exercício do direito de petição ou

representação, dependentemente de pagamento de taxas ou emolumentos.

QUESTÃO 07 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A soberania popular será exercida pelo sufrágio universal e pelo voto direto e secreto,

com valor igual para todos e, nos termos da lei, mediante plebiscito, referendo e

iniciativa popular.

QUESTÃO 08 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A República Federativa do Brasil é formada pela União Indissolúvel dos Estados, dos

Municípios e do Distrito Federal.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


13
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

QUESTÃO 09 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A Constituição Federal adota, expressamente, a Federação com forma de Estado

(cláusula pétrea), acarretando a centralização no exercício do poder político.

QUESTÃO 10 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

O Distrito Federal integra a união indissolúvel da República Federativa do Brasil, como

ente federado, tendo como valores fundamentais a plena cidadania e a dignidade da

pessoa humana, entre outros.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


14
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

c. Normas comentadas

LEI ORGÂNICA DO DISTRITO FEDERAL

PREÂMBULO

ATUALIZADO até a Emenda à Lei Orgânica nº 98, de 25/07/16

TÍTULO I

DOS FUNDAMENTOS DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES E DO

DISTRITO FEDERAL

Art. 1º O Distrito Federal, no pleno exercício de sua autonomia política,


administrativa e financeira, observador os princípios constitucionais, reger-se-
á por esta Lei Orgânica.
Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de
representantes eleitos ou diretamente, nos termos da Constituição Federal e
desta Lei Orgânica.
Art. 2º O Distrito Federal integra a união indissolúvel da República Federativa
do Brasil e tem como valores fundamentais:
I - a preservação de sua autonomia como unidade federativa;
II - a plena cidadania;
III - a dignidade da pessoa humana;
IV - os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa;
V - o pluralismo político.
Parágrafo único. Ninguém será discriminado ou prejudicado em razão de
nascimento, idade, etnia, cor, sexo, estado civil, trabalho rural ou urbano,
religião, convicções políticas ou filosóficas, orientação sexual, deficiência
física, imunológica, sensorial ou mental, por ter cumprido pena, nem por
qualquer particularidade ou condição, observada a Constituição Federal.
NOVA REDAÇÃO DADA AO PARÁGRAFO ÚNICO DO
ART. 2º PELA EMENDA À LODF Nº 65/2013 – DODF DE
11/09/13.

Parágrafo único. Ninguém será discriminado ou prejudicado em razão de


nascimento, idade, etnia, raça, cor, sexo, características genéticas, estado civil,

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


15
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

trabalho rural ou urbano, religião, convicções políticas ou filosóficas,


orientação sexual, deficiência física, imunológica, sensorial ou mental, por ter
cumprido pena, nem por qualquer particularidade ou condição, observada a
Constituição Federal.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


16
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

d. Gabarito

1 2 3 4 5

C E C C E

6 7 8 9 10

E C C E C

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


17
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

e. Breves comentários às questões

QUESTÃO 01 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A organização político-administrativa da República Federativa do Brasil compreende a

União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, todos autônomos, nos termos

constitucionais.

A organização político-administrativa da República Federativa do Brasil compreende a

União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, todos autônomos, nos termos

constitucionais. Os entes federativos são AUTÔNOMOS, não soberanos. A soberania é da

República Federativa do Brasil.

Gabarito: C

QUESTÃO 02 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

Quanto à auto-organização, o Distrito Federal é regido por lei orgânica, votada em três

turnos com interstício mínimo de dez dias, e aprovada por dois terços da Câmara

Legislativa, que a promulgará, atendidos os princípios constitucionais.

Quanto à auto-organização, o Distrito Federal é regido por Lei Orgânica, Votada em DOIS

TURNOS com interstício mínimo de DEZ DIAS, e Aprovada por DOIS TERÇOS da Câmara

Legislativa, que a promulgará, atendidos os princípios constitucionais. A auto-organização

também é concretizada por meio da edição de leis distritais.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


18
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

Gabarito: E

QUESTÃO 03 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

O Distrito Federal integra a união indissolúvel da República Federativa do Brasil, não

podendo ser dividido em Municípios.

CF/88

Art. 32. O Distrito Federal, vedada sua divisão em Municípios, reger- se-á por Lei

Orgânica, Votada em dois turnos com interstício mínimo de dez dias, e Aprovada por dois

terços da Câmara Legislativa, que a promulgará, atendidos os princípios estabelecidos nesta

Constituição.

Gabarito: C

QUESTÃO 04 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

São objetivos prioritários do Distrito Federal, dentre outros, promover os direitos

humanos, bem como preservar os interesses gerais e coletivos.

São OBJETIVOS PRIORITÁRIOS do Distrito Federal:

 Garantir e promover os direitos humanos assegurados na CF e na

Declaração Universal dos Direitos Humanos;

 Assegurar ao cidadão o exercício dos direitos de iniciativa que lhe

couberem, relativos ao controle da legalidade e legitimidade dos atos

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


19
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

do Poder Público e da eficácia dos serviços públicos;

 Preservar os interesses gerais e coletivos;

 Promover o bem de todos; [...]

Gabarito: C

QUESTÃO 05 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

Promover, proteger e defender os direitos da criança, do adolescente e do jovem não

constitui um dos objetivos prioritários do Distrito Federal.

São OBJETIVOS PRIORITÁRIOS do Distrito Federal:

 Promover, proteger e defender os direitos da criança, do

adolescente e do jovem.

Gabarito: E

QUESTÃO 06 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A lei orgânica do Distrito Federal assegura o exercício do direito de petição ou

representação, dependentemente de pagamento de taxas ou emolumentos.

A LODF, em sintonia com a CF/88, assegura o exercício do Direito de Petição ou

Representação, independentemente de pagamento de taxas ou emolumentos, ou de

garantia de instância.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


20
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

Gabarito: E

QUESTÃO 07 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A soberania popular será exercida pelo sufrágio universal e pelo voto direto e secreto,

com valor igual para todos e, nos termos da lei, mediante plebiscito, referendo e

iniciativa popular.

A SOBERANIA POPULAR será exercida pelo sufrágio universal e pelo voto direto e secreto,

com valor igual para todos e, nos termos da lei, mediante:

o Plebiscito – consulta prévia aos eleitores sobre ato legislativo ou

administrativo. As perguntas são diretas, cabendo aprovação ou

denegação do que lhe tenha sido submetido. Plebiscito é consulta Prévia.

o Referendo – consulta posterior sobre ato administrativo ou legislativo.

Cumpre ao povo a ratificação ou a rejeição, sobre a matéria previamente

aprovada pelo Congresso Nacional.

o Iniciativa popular – iniciativa popular para apresentação de projetos

de leis.

Gabarito: C

QUESTÃO 08 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


21
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

A República Federativa do Brasil é formada pela União Indissolúvel dos Estados, dos

Municípios e do Distrito Federal.

Nos termos constitucionais, a República Federativa do Brasil é Formada pela União

Indissolúvel dos Estados, dos Municípios e do Distrito Federal.

Gabarito: C

QUESTÃO 09 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

A Constituição Federal adota, expressamente, a Federação com forma de Estado

(cláusula pétrea), acarretando a centralização no exercício do poder político.

A CF adota, expressamente, a Federação com Forma de Estado (cláusula pétrea), acarretando

a descentralização no exercício do poder político.

Gabarito: E

QUESTÃO 10 - LEI ORGÂNICA DO DF - CLDF - PONTO DOS CONCURSOS - RICARDO

GOMES - 2017

O Distrito Federal integra a união indissolúvel da República Federativa do Brasil, como

ente federado, tendo como valores fundamentais a plena cidadania e a dignidade da

pessoa humana, entre outros.

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


22
Lei Orgânica do DF
CLDF
Aula 0
Prof. Ricardo Gomes

LO/DF

Art. 2º O Distrito Federal integra a união indissolúvel da República Federativa do Brasil e

tem como valores fundamentais:

I – a preservação de sua autonomia como unidade federativa;

II – a plena cidadania;

III – a dignidade da pessoa humana;

IV – os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa;

V – o pluralismo político.

Gabarito: C

www.pontodosconcursos.com.br | Prof. Ricardo Gomes


23