Anda di halaman 1dari 3

DISCIPLINA: Direito Processual Civil II

6º Semestre
Carga Horária: 80h

Ementa da Disciplina: Estudo completo do procedimento comum, bem como das mais
importantes peças que compõe o processo de conhecimento, destacando-se a petição e a
contestação, sem prejuízo da análise da sentença e da coisa julgada.

Justificativa: É indispensável o estudo do procedimento comum para compreensão da estrutura


básica do procedimento comum no Novo Código de Processo Civil, cuja disciplina é parcialmente
adotada por outros ramos do direito.

Objetivos:
a) Gerais: compreensão de todos os atos processuais no procedimento comum.
b) Específicos: compreender o início da relação jurídico-processual na fase de conhecimento
até o seu encerramento pela coisa julgada.

Metodologia: O programa será desenvolvido por meio de aulas expositivas (em sala de aula e
auditório), além do estudo e discussão de textos em sala de aula e em casa, além da apresentação
de seminários e realização de grupos de discussão, quando cabíveis. Os recursos utilizados serão
a lousa e projeção de slides (datashow).

Avaliação: Duas avaliações bimestrais (P1 e P2), cada uma delas entre 0,0 (zero) a 10,0. Para
o cômputo de cada avaliação, haverá uma prova. O professor, no início do curso, poderá solicitar
previamente trabalhos e seminários que comporão cada uma das notas. Será aprovado o aluno
que obtiver média igual ou superior a 6,0 (seis), calculada da seguinte maneira: Média = (P1 +
P2 + Nota da Avaliação Multidisciplinar) / 2.

Bibliografia Básica Atual:


BUENO, Cassio Scarpinella. Manual de Direito Processual Civil, 3ª ed. São Paulo: Saraiva,
2017.

Bibliografia Básica Projetada para compra:


THEODORO JÚNIOR, Humberto. Curso de Direito Processual Civil, vol. I, 58ª ed. Rio de Janeiro:
Forense, 2017.
DIDIER JR., Fredie. Curso de Direito Processual Civil, vol. 1, 19ª ed. Salvador: Iuspodium, 2017.
BUENO, Cassio Scarpinella. Manual de Direito Processual, 3ª ed. São Paulo: Saraiva, 2017.

Bibliografia Complementar:

ALBUQUERQUE, Maria do Carmo Seffair Lins de. O princípio dispositivo, a instrução


probatória e os poderes do juiz. 2014. Dissertação (Mestrado em Direito Processual).
Universidade de São Paulo, Faculdade de Direito. São Paulo, 2014.

FUGA, Augusto Sampaio. “Provas no Novo CPC: Teoria geral das provas. Provas em espécie –
inovações e implicações práticas. A teoria do ônus dinâmico probatório. Novidades da fase
instrutória”. Revista do Mestrado em Direito, vol. 9, n° 2, jul./dez. 2015, p. 330-362.
Disponível em: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/rvmd/article/view/5928

MÜLLER, Julio Guilherme. A produção desjudicializada da prova oral através de negócio


processual: análise jurídica e econômica. 2016. Tese (Doutorado em Direito) - Programa de
Estudos Pós-Graduados em Direito, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo,
2016. Disponível em: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19591
SCALABRIN, Felipe; SANTANNA, Gustavo. “Perfil da remessa necessária no Novo Código de
Processo Civil”. Revista da AJURIS, vol. 42, n° 137, mar./2015, p. 303-320.
Disponível em: http://www.ajuris.org.br/OJS2/index.php/REVAJURIS/article/download/386/320

SIVOLELLA, Roberta Ferme. “A sentença e a fundamentação substantiva no novo CPC”. Revista


Fórum Trabalhista, ano 5, n° 20, jan,/mar. 2016, Belo Horizonte, p. 153-163.
Disponível em: http://www.editoraforum.com.br/ef/wp-content/uploads/2016/04/sentenca-
novo-cpc.pdf
Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2137/tde-06032015-121912/pt-
br.php

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

UNIDADE 1 - PROCEDIMENTO COMUM

1.1. Características gerais


1.2. Fases do procedimento comum

UNIDADE 2 - FORMAÇÃO DA RELAÇÃO JURÍDICO-PROCESSUAL

2.1. Petição inicial


2.1.1. Requisitos intrínsecos e extrínsecos
2.1.2. Pedido e cumulação de pedidos
2.1.3. Valor da causa
2.1.4. Emenda da petição inicial
2.1.5. Indeferimento da petição inicial
2.2. Audiência de conciliação e de mediação
2.3. Respostas do Réu
2.3.1. Contestação
2.3.2. Reconvenção
2.3.3. Revelia

UNIDADE 3 - PROVIDÊNCIAS PRELIMINARES, JULGAMENTO CONFORME O ESTADO DO


PROCESSO E SANEAMENTO

3.1. Revelia
3.2. Réplica do Autor
3.3. Julgamento conforme o estado do processo
3.3.1. Julgamento antecipado do mérito
3.3.2. Julgamento antecipado parcial do mérito
3.4. Saneamento do processo

UNIDADE 4 - FASE INSTRUTÓRIA DO PROCEDIMENTO COMUM

4.1. Teoria geral da prova


4.2. Produção antecipada da prova
4.3. Prova emprestada
4.4. Provas típicas
4.4.1. Ata notarial
4.4.2. Depoimento pessoal
4.4.3. Confissão
4.4.4. Exibição de documento ou coisa
4.4.5. Prova documental
4.4.6. Prova testemunhal
4.4.7. Prova pericial
4.4.8. Inspeção judicial
4.5. Prova ilícita
4.6. Audiência de instrumento e julgamento

UNIDADE 5 - SENTENÇA

5.1. Elementos
5.2. Sentença sem resolução do mérito e com resolução do mérito
5.2.1. Hipóteses
5.2.2. Efeitos
5.3. Julgamento de ações relativas à prestação de fazer, não fazer e de entregar coisa
5.4. Liquidação

UNIDADE 6 - REMESSA NECESSÁRIA

6.1 Conceito
6.2 Hipóteses de cabimento

UNIDADE 7 - COISA JULGADA

7.1 Natureza
7.2 Coisa julgada formal e material