Anda di halaman 1dari 2

ATIVIDADE DIRIGIDA

TEORIA E HISTÓRIA DA ARQUITETURA E URBANISMO III


LIVRO: Morfologia urbana e desenho da cidade - AUTOR: José M.R. Lamas

AULAS DOS DIAS 15 e 20

1 – O que muda no processo de planejamento a partir do imediato pós-guerra com a


supremacia da urbanística moderna e porque isso ocorre. Com o início da crítica ao
racionalismo funcionalista moderno são lançados procedimentos que “remediam” seus
postulados, comente essa passagem em 3 tempos. O que é “plano de massas”?

2 – “Operacional” e “flexível” são características essenciais ao denominado “planejamento


burocrático”. Porque isso ocorre? Comente um exemplo dentre os apresentados pelo autor.

3 – “O Novo Urbanismo significa, antes do mais, a contestação à urbanística operacional


burocrática e às suas formas, procurando novos caminhos no desenho da cidade (...). O
Novo Urbanismo encaminha-se para uma posição mais eclética e com maior abertura da
Historia, mesmo os mais recentes, aí incluindo a reavaliação do moderno”.
Cite e comente os dois principais vetores que alimentaram o debate teórico o ensino e a
prática profissional nessa fase, segundo o autor.

4 – “A análise sociológica do comportamento dos habitantes nas novas urbanizações foi um


tema forte nos anos cinquenta-sessenta e produziu interessantes estudos que contribuíram
para a procura de outras soluções”.
Comente brevemente a passagem acima, abordando à sua escolha um dos teóricos tratados
pelo autor (Francastel e Lefebvre, Jane Jacobs e Christopher Alexander).

5– Quais são os três meios pelo qual o ambiente provoca reação emocional no homem,
segundo Gordon Cullen? Para Kevin Lynch, no que a imagem da cidade interfere em seus
habitantes?

6– A partir das realizações dos anos 1960 abordadas no texto (Siedlung Halen, Tolouse Le
Mirail, Grigny, Bishopsfield, Thamesmead, Le Vaudreuil, ZEN), aponte duas soluções de
projeto dessas experimentações que auxiliaram nos questionamentos frente aos dogmas do
urbanismo moderno.

7 – Segundo o autor, ao invés da constante expansão urbana, o urbanismo começa a


interessar-se por quais questões? Quais as desvantagens da urbanização moderna tendo em
vista a gestão das cidades, e em especial dos espaços livres?

8 – Quais são as duas correntes que atuaram na reconstrução dos centros urbanos destruídos
após a Segunda Guerra Mundial e o que elas defendiam?

9 – De que forma Aldo Rossi se opunha ao funcionalismo moderno e à arquitetura do


edifício isolado?
10 – Por que Robert Krier defende o “catálogo” de modelos e herança histórica na
arquitetura?

11 – Comente sobre as diferenças ideológicas entre os irmãos Robert e Léon Krier (em
conjunto com Maurice Culot), dizendo como e porque um deles segue uma linha demais
radical de resgate ao passado e recusa à cidade industrial.

12 – A partir das análises e exemplos feitos pelo autor (IBA em Berlim, a ZAC
Guilleminot, o novo urbanismo na Espanha, o caso em Portugal, entre outros), cite e
comente três aplicações do Novo Urbanismo no desenho urbano, estabelecendo uma crítica
entre essas medidas e às soluções da urbanística operacional moderna.