Anda di halaman 1dari 2

REDAÇÃO

Professora: Elizete Amaral de Medeiros

Tipologia textual: Dissertação

DISSERTAR: é desenvolver uma sequência de ideias com argumentos


convincentes. Segundo Fernando Arana, “Dissertar é expor ideias a respeito de um
determinado assunto, debater, discutir, questionar, expressar nosso ponto de vista,
qualquer que seja. Desenvolver um raciocínio com argumentos que fundamentem nossa
posição”.

Já vimos que a dissertação apresenta normalmente três partes: introdução,


desenvolvimento e conclusão, que são estruturadas em parágrafos.
“Parágrafo é uma unidade de composição, constituída por um ou mais de um
período, em que se desenvolve determinada ideia central, ou nuclear, a que se agregam
outras, secundárias, intimamente relacionadas, é pelo sentido e logicamente
decorrentes dela”. (GARCIA, Othon M. Comunicação em prosa moderna. 7 ed. Rio de
Janeiro, FGV, 1978. p.203)
O parágrafo é marcado por um ligeiro afastamento com relação à margem
esquerda da folha e possui extensão variada. Há parágrafos longos e parágrafos curtos.
O que determina a sua extensão é a unidade temática, já que cada ideia exposta na
redação deve corresponder a um parágrafo, por isso você poderá encontrar parágrafos
longos e outros de uma linha apenas.
Embora o parágrafo, normalmente, aborde um único assunto, podemos perceber
nele algumas partes: uma frase ou período que contém a ideia central, a que damos o
nome de tópico frasal (tese, opinião, ponto de vista), um desenvolvimento, que
consiste na explanação do tópico frasal, e uma conclusão.
Observe o texto:
Inventário da infância perdida
Um homem é feito na infância, aperfeiçoado na adolescência e cristalizado na
idade madura. Depois dos quarenta, a existência humana, a não ser para os asiáticos,
que têm o segredo da vida longeva e produtiva, assinala realmente uma decadência
interminável, até que ela se torne insuportável: toda a razão da vida se concentra em
algumas coisas muito específicas, em seres, sobretudo, e daí o conflito que se trava no
interior de cada ser humano quando aquilo que ele quis ser para duas, três ou quatro
pessoas – pois é nisso que se concentra a nossa vida – deixou de ser o que realmente se
quis ser ou parecer. (ABRAMO, Cláudio. In: A regra do jogo. São Paulo, Cia. Das
Letras, 1989. p. 41.).
Inicialmente, o autor nos apresenta a ideia central (tópico frasal): “Um homem
é feito na infância, aperfeiçoado na adolescência e cristalizado na idade adulta”. A
partir da segunda oração (“Depois dos quarenta, a existência humana...”), temos o
desenvolvimento do tópico frasal, e, finalmente, a conclusão: “...daí o conflito que se
trava no interior de cada ser humano...”

Para redigir um texto dissertativo é suficiente o seguinte:


a) No primeiro parágrafo, você explica o tema dado; dá conceitos... e deixa um
ponto de vista (tese) que pode ser uma frase afirmativa ou interrogativa;
b) No segundo parágrafo, (desenvolvimento) você argumenta de forma que
comprove seu ponto de vista; pode usar textos jornalísticos; de revistas e outras
leituras que deem sustentabilidade ao ponto de vista.
c) Conclusão: você retoma o ponto de vista e confirma o que afirmou no 1º.
parágrafo e no desenvolvimento.

Redija um texto dissertativo a partir de um dos temas dados:


a) Educação básica;
b) Cidadania: direito e deveres;
c) Ética: princípios morais.