Anda di halaman 1dari 9

M23

Ficha de Trabalho

NOME:____________________________________________________

SUCESSÕES 2

I PARTE

1. Relativamente à sucessão an = − n , pode-se afirmar que:


(A) É um infinitamente grande positivo (B) É um infinitésimo
(C) É um infinitamente grande negativo (D) É limitada

2. Considere a sucessão de termo geral un = ( n – 105 ) 2 + 1 .


Pode-se afirmar que a sucessão é
(A) monótona decrescente porque u6 < u5
(B) monótona decrescente porque cada termo é menor que o anterior
(C) não monótona
(D) monótona crescente porque a partir de uma certa ordem cada termo é maior que o
anterior

3. Na seguinte sequência de figuras, considere a sucessão que a cada figura associa o número de
“átomos”.

Qual das seguintes afirmações é verdadeira?


(A) Esta sucessão não é uma progressão aritmética
(B) É uma progressão aritmética de razão 4
(C) O termo geral é un = 3 n + 1
(D) A 25ª figura tem 66 “átomos”
1
4. Sobre uma sucessão de termo geral u n = (n – a) 2 , com a ∈ IR, podemos afirmar que:
(A) u n é um infinitamente grande negativo, qualquer que seja o valor de a
(B) u n é monótona, qualquer que seja o valor de a
(C) u n é monótona para a ≤ 1
(D) Existe um valor de a para o qual u n é limitada

5. Se u n é uma sucessão convergente e u n > 0, ∀ n ∈ IN, então:


(A) u n é não limitada (B) u n pode ser um infinitésimo
(C) u n pode ser uma progressão aritmética de razão positiva (D) O limite de u n é - 3

6. Uma instituição bancária oferece uma taxa de juro de 8% ao ano para depósitos feitos numa
certa modalidade.
Um cliente desse banco fez um depósito de 100 contos, nessa modalidade.
Qual é, em contos, o capital desse cliente, relativo a esse depósito, passados n anos?
(A) 100 + 0,8 n (B) 100 × 1,08 n (C) 100 × 1,8 n (D) 100 × 1,08 n

2 − 10 n
7. O limite da sucessão de termo geral vn = é
n +1
(A) 0 (B) - 10 (C) + ∞ (D) 5

8 n2 + 3
8. Considera a sucessão bn = . O seu limite é:
4 n2 + n

(A) 2 (B) + ∞ (C) 0 (D) 8

9. Qual é o limite da sucessão de termo geral u n = 1 + e – n ?


(A) - ∞ (B) 0 (C) + ∞ (D) 1

10. Numa progressão aritmética:


un +1
(A) =r (B) un+1 - un = r (C) un = u1 × r n –1 (D) un - un+1 = r
un

11. Considere a progressão geométrica de termo geral wn = 2 n – 5 .

2
A razão desta progressão é :
1 1
(A) 2 (B) 4 (C) (D)
4 2

II PARTE

1. Nesta sequência de figuras o primeiro quadrado tem 12 cm de lado.

1.1 Escreve os primeiros termos das seguintes sucessões:

Qn : Número de quadrados de cada figura;


Ln : Medida do lado dos quadrados sombreados;
An : Área dos quadrados sombreados;
Pn : Perímetro dos quadrados sombreados.

1.2 Escreve o termo geral de cada uma destas sucessões.


1.3 Indique quais destas sucessões são monótonas (crescentes ou decrescentes).

n+2
2. Seja bn a sucessão que tem por termo geral a expressão bn = .
n
2.1 Calcule os termos de ordem 10 e de ordem 24.
7
2.2 Verifique que é termo da sucessão.
6

n2 − 4 n+3
3. Sejam an = e bn = os termos gerais de duas sucessões.
5n n
3.1 Calcule os cinco primeiros termos de cada uma das sucessões.
3
3.2 Determine a ordem do termo da sucessão an .
2
3.3 Justifique que 3 não é termo da sucessão bn .

3
4. Estude quanto à monotonia as sucessões:

(−1)n
4.1 un = 2 n 2 − 8 ; 4.2 vn = (n − 3) 2 ; 4.3 wn =
n
n +1
5. Seja un a sucessão de termo geral un = .
2n
5.1 Determine os quatro primeiros termos da sucessão.
5.2 Mostre que a sucessão é decrescente e limitada.

6. Seja vn a sucessão de termo geral vn = (n − 3) 2 .


6.1 Determine os cinco primeiros termos da sucessão.
6.2 Com base nos termos calculados na alínea anterior, mostre que a sucessão não é
monótona.

7. Determine, se existir, o limite de cada uma das sucessões de termos gerais:

8n n3 + 3 (−1) n . n
7.1 an = ; 7.2 bn = ; 7.3 cn = .
4 n +1 1− 2 n n+3

8. Das sucessões seguintes, indique as que são infinitamente grandes e as que são
infinitésimos.
3 3n
8.1 un = ; 8.2 vn = − ;
n+5 n

8.3 wn = 6 n −3 ; 8.4 kn = 4 n 2 − 1 .

6n
9. Considere a sucessão de termo geral un = .
2 n +1
9.1 Determine os cinco primeiros termos da sucessão, com duas casas decimais.
9.2 Mostre que a sucessão é monótona e limitada.
9.3 A sucessão é convergente? Justifique.
9.4 Mostre que a sucessão tem por limite 3.

2 − 3n
10. Considere a sucessão de termo geral un =
n +1
10.1 Determine quantos termos de un são superiores a - 2,7 .
10.2 Investigue se - 2,8 é termo da sucessão.

4
10.3 Calcule os termos de ordem 500 e de ordem 1000.
10.4 Estude a monotonia da sucessão.
10.5 Mostre que un é limitada.
4n + 1
11. Seja un = o termo geral de uma sucessão.
n +1

11.1 Determina u6 e u10 .

37
11.2 Averigua se é termo da sucessão e em caso afirmativo indica a sua ordem.
10

11.3 Classifica un quanto à monotonia.

11.4 Investiga se un é limitada.

n +1
12. Considera a sucessão de termo geral un = .
3n
12.1 Prova que a sucessão un é monótona.

12.2 Mostra que a sucessão un é limitada.

12.3 Justifica que a sucessão un é convergente.

n+3 1
13. Prove que a sucessão de termo geral vn = converge para .
2n +1 2
3n + 1 3
14. Mostre que a sucessão →
1+ 2n 2

15. Considere as seguintes sucessões:


4 2
un = 5 − 7 n ; vn = n 2 + 1 ; wn = ; xn = n −1 .
n 3
15.1 Relativamente a cada uma das sucessões, averigúe se é ou não uma progressão
aritmética.
15.2 No caso das progressões aritméticas, determine o 1º termo e a razão.

16. Mostre que a sucessão definida por un = 2 n – 5 é uma progressão aritmética e calcule a
soma dos seus primeiros 20 termos.

17. Uma sucessão an é definida do seguinte modo: a1 = - 5 e an+1 = an + 3 .


17.1 Mostre que an é uma progressão aritmética e indique a razão da progressão.

5
17.2 Escreva an em função de n .
17.3 Calcule a6 + a7 + … + a18 .
17.4 Determine n sabendo que a6 + a7 + … + an = 913 .
18. Usando a fórmula da soma dos n primeiros termos de uma progressão aritmética, calcule
a soma: 5 + 11 + 17 + 23 + … + 119 .

19. Determine o termo geral de uma progressão aritmética, sabendo que a6 = 7 e a10 = 4 .

20. Calcule a soma dos primeiros 10 termos de uma progressão geométrica de razão 2 e
primeiro termo 100.

v1 = 5
21. Considere a sucessão vn , definida por 
vn +1 = −2 vn
21.1 Mostre que vn é uma progressão geométrica e determine o seu termo geral.
21.2 Qual é a soma dos 10 primeiros termos da progressão geométrica.
21.3 A progressão geométrica é monótona? Justifique.

22. Sejam as duas sucessões de termos gerais: un = 3 n −5 e vn = 3 5− n .


22.1 Mostre que qualquer das sucessões é uma progressão geométrica.
22.2 Calcule os primeiros quatro termos de cada uma das sucessões.
22.3 Estude quanto à monotonia e indique o limite de cada uma das sucessões.

23. Numa progressão geométrica S5 = 1,21 e a razão é - 2. Calcule u6 .

24. Uma progressão aritmética un de razão 3 tem primeiro termo igual a 5.

24.1 Escreva a expressão do termo geral de un .

24.2 Calcula u4 + u5 + u6 + … + u20 .

24.3 Sabendo que a soma dos n primeiros termos é 19 208, calcula n.

25. Calcula n sabendo que na progressão aritmética vn se tem


Sn = - 360 ; v1 = 1 e r = -2

6
26. A soma dos 30 primeiros termos de uma progressão aritmética de razão 4 é 1980.
Qual é o termo geral da sucessão?

Soluções

I PARTE

1. (C) 2. (C) 3. (C) 4. (C) 5. (B) 6. (D) 7. (B)


8. (A) 9. (D) 10. (B) 11. (A)

II PARTE
1.1 Qn: 1, 4, 9, 16, ... ; Ln: 12, 6, 4, 3, ... ; An: 144, 36, 16, 9, ... ; Pn: 48, 24, 16, 12, ...
12 144 48
1.2 Qn = n 2 ; Ln = ; An = ; Pn =
n n2 n
1.3 Crescentes: Qn ; Decrescentes: Ln , An e Pn
6 13
2.1 b10 = ; b24 = 2.2 É o termo de ordem 12
5 12
3 1 3 21
3.1 a1 = - ; a2 = 0 ; a3 = ; a4 = ; a5 =
5 3 5 25
5 7 8
b1 = 4 ; b2 = ; b3 = 2 ; b4 = ; b5 =
2 4 5
3
3.2 É o termo de ordem 8 3.3 bn = 3  n = ∉ ⊆
2
4.1 Monótona crescente 4.2 Não é monótona 4.3 Não é monótona
3 2 5
5.1 u1 = 1 ; u2 = ; u3 = ; u4 =
4 3 8
1
5.2 É decrescente porque un+1 – un = - < 0 , ∀ n ∈ ⊆.
2 n (n + 1)

1
É limitada porque < un ≤ 1 .
2
6.1 v1 = 4 ; v2 = 1 ; v3 = 0 ; v4 = 1 ; v5 = 4
6.2 A sucessão não é monótona porque v2 > v3 e v3 < v4
7.1 2 7.2 -∞ 7.3 Não tem
8.1 Infinitésimo 8.2 Infinitamente grande negativo
8.3 Infinitésimo 8.4 Infinitamente grande positivo
9.1 u1 = 2,00 ; u2 = 2,40 ; u3 = 2,57 ; u4 = 2,67 ; u5 = 2,73
7
6
9.2 un+1 – un = > 0 , ∀ n ∈ IN, logo un é monótona crescente.
(2n + 3) (2n + 1)

É limitada porque 2 ≤ u n < 3


9.3 É convergente porque a sucessão é monótona e limitada.
10.1 15 termos 10.2 É o termo de ordem 24 10.3 u500 = - 2,99 ; u1000 = - 2,995
1
10.4 Monótona decrescente 10.5 É limitada porque − 3 < u n ≤ −
2
25 41
11.1 u 6 = ; u10 = 11.2 É o termo de ordem 9
7 11
11.3 Monótona crescente 11.4 É limitada porque 2,5 ≤ u n < 4

1 2
12.1 É Monótona decrescente 12.2 É limitada porque ≤ un <
3 3
12.3 É convergente porque a sucessão é monótona e limitada
15.1 São progressões aritméticas: un e xn ; Não são progressões aritméticas: vn e wn
1 2
15.2 un : u1 = - 2 e r = - 7 ; xn : x1 = - e r=
3 3
16. un+1 – un = 2 (constante), un é uma progressão aritmética de razão 2. S20 = 320 .
17.1 an+1 – an = 3 (constante), an é uma progressão aritmética de razão 3.
17.2 an = 3 n – 8 17.3 364 17.4 n = 27
43  3
18. S20 = 1240 19. an = + (n − 1) ×  −  20. S10 = 102 300
4  4
vn +1
21.1 = −2 (constante) ; vn = 5 . ( - 2 ) n - 1 21.2 S10 = - 1 705
vn
21.3 Não, porque os seus termos são alternadamente positivos e negativos
un +1
22.1 = 3 (constante), un é uma progressão geométrica de razão 3
un
vn +1 1 1
= (constante), vn é uma progressão geométrica de razão
vn 3 3
1 1 1 1
22.2 u1 = ; u2 = ; u3 = ; u4 = ; v1 = 81 ; v2 = 27 ; v3 = 9 ; v4 = 3
81 27 9 3
22.3 Sendo un = 3 n . 3 – 5 , a sucessão é monótona crescente e é um infinitamente grande
positivo, porque u1 > 0 e r=3 > 1;

8
n
1
Sendo vn = 35 .   , a sucessão é monótona decrescente e é um infinitésimo, porque
3
1
v1 > 0 e r = está entre 0 e 1 . 23. u6 = - 3,52
3
24.1 un = 3 n + 2 24.2 646 24.3 n = 112
25. n = 20 26. un = 4 n + 4