Anda di halaman 1dari 2

Engenharia Mecânica

Ensaios Mecânicos
DAVI PEREIRA GARCIA

Roteiro de aula prática


Ensaio de Tração Parte 1

Introdução

O ensaio de tração consiste em solicitar o corpo de prova com esforço de tração, geralmente
até a ruptura, com o propósito de se determinar uma ou mais das propriedades mecânicas. Esses
resultados, no entanto, sofrem influência da temperatura, velocidade de solicitação e nível de
impurezas do material.

Na aula prática de hoje será realizado o ensaio de tração para levantar as principais
propriedades mecânicas de três materiais distintos de acordo com a NBR 6152

Materiais

 Amostra I, II e III;

Metodologia

Para cada um dos materiais ensaiados, à temperatura ambiente em um sistema


eletrohidraulico horizontal, em um corpo de prova padronizado cilíndrico deverão seguir até a fratura
completa. O ensaio será realizado de acordo as especificações da norma NBR 6152-2002.
Certifique as dimensões dos corpos de provas e faça a coleta dos dados de interesse para o
levantamento das propriedades mecânicas dos materiais.

Relatório

O relatório deverá conter uma comparação das amostras com os seguintes itens no tópico de
resultados e discussão.

 A construção da curva tensão x deformação;


 Determinação dos limites de escoamento e de resistência á tração;
 Determinação do alongamento e a estricção.
 Avaliação do aspecto da fratura;
 Discussão sobre a influência da taxa de deformação nas propriedades mecânicas dos
espécimes ensaiadas.

Indique todas as expressões utilizadas nos cálculos e relacione as propriedades com o tipo de
material ensaiado.
Engenharia Mecânica
Ensaios Mecânicos
DAVI PEREIRA GARCIA

Roteiro de aula prática


Ensaio de Dureza

Introdução

No ensaio de dureza Rockwell, a carga do ensaio é aplicada em duas etapas sobre um penetrador e
materiais especificados na superfície de um corpo de prova sob condições especificadas.
Ou seja, primeiro se aplica-se uma pré-carga (força de ensaio inicial), para garantir um contato firme
entre o penetrador e o material ensaiado, e depois aplica-se a carga de ensaio propriamente dita
(força de ensaio adicional).
Mede-se então a profundidade de penetração permanente sob efeito da força de ensaio inicial, após
a remoção da força de ensaio adicional. Em outras palavras: a profundidade da impressão
produzida pela carga adicional é a base de medida do ensaio Rockwell.
Foram ensaiadas 6 amostras de alumínio as quais passaram por diferentes tempos de tratamentos
térmicos.

Materiais

Amostra Tratamento Térmico


A Tarugo de alumínio cortado (Como Recebido)
B Solubilizado 700 oC
C Solubilizado 700 oC + 1 h envelhecimento 220 oC
D Solubilizado 700 oC + 2 h envelhecimento 220 oC
E Solubilizado 700 oC + 3 h envelhecimento 220 oC
G Solubilizado 700 oC + 4 h envelhecimento 220 oC

Metodologia

Para cada um dos materiais ensaiados, à temperatura ambiente com um penetrador de 1/16”
de esfera de aço. Faça a coletados 3 medidas de dureza para o levantamento da dureza das amostras.

Relatório

O relatório deverá conter uma comparação das amostras com os seguintes itens no tópico de
resultados e discussão:

 Avaliação das medidas realizadas


 Discussão sobre a influência da tipo e tempo de tratamento térmico na dureza de cada
amostra.
 Relação entre a dureza e a amostra ensaiada.