Anda di halaman 1dari 12

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS


DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO
ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS MATERIAIS II

JANDUI BENÍCIO DE SÁ - 11414075


IGOR LINHARES LACERDA DOS SANTOS - 11428568
LUCAS LUIS DOS SANTOS – 11423538
ERIC EDUARD DA SILVA FERREIRA - 11409664

SEGUNDO ESTÁGIO - DISTRIBUIÇÃO


ELETRO MÓVEIS DO NORDESTE

JOÃO PESSOA
2017

1
Sumário

1. Introdução.................................................................................................................... 3
2. Apresentação .............................................................................................................. 3
3. Procedimento Metodológicos ...................................................................................... 5
4. Resultados................................................................................................................... 5
4.1. Descrição da Empresa .......................................................................................... 5
4.3. Mix de produtos fornecidos e Mercado fornecedor ............................................... 6
4.4. Capacidade produtiva ........................................................................................... 7
4.5.Atividades terceirizadas ......................................................................................... 7
7. Entrevista..................................................................................................................... 9
7.1 Detalhes sobre o processo de distribuição ............................................................ 9
7.2. Previsão de demanda ......................................................................................... 10
7.3. Quantidades de transportes ................................................................................ 10
7.4. Controle de custos .............................................................................................. 11
8. Conclusão.................................................................................................................. 11

2
1. Introdução

O planejamento acertado de empresas é um dos maiores desafios da boa gestão,


e não obstante dos gestores paraibanos que atuam no setor de comércio de móveis,
esses também buscam as melhores ferramentas para minimizar os erros em suas
atividades e diminuir os seus custos.
Segundo KOTLER (1991) a demanda de um produto é o volume total do que seria
comprado por um grupo definido de consumidores, em uma área geográfica definida, em
um período de tempo definido e mediante um programa de marketing definido.
A distribuição configura-se como a continuação lógica da venda. O tema Logístico:
Modalidades de Distribuição e Linha de Produção, já esclarece que produção e logística
caminham de forma conjunta e que distribuição e abastecimento são as prioridades para
que o produto chegue até o cliente.
Neste contexto o autor Kapoor (2004), afirma que o marketing vê a Distribuição
como um dos processos mais críticos, pois dela se incumbe a tarefa de levar o produto
até o cliente. Canais de distribuição e cadeia de abastecimento são o que movimentam
os produtos, estoques e fazem com que o cliente tenha seu produto e fique satisfeito.

2. Apresentação

A distribuição física é dada como uma ferramenta de grande importância para uma
empresa, apresentado como o diferencial da performance dos serviços dos clientes.
Desde a recepção, até a sua entrega, os serviços de distribuição são lidados como mais
um fator que gera valor agregado para as empresas e para os seus produtos. A
distribuição é um dos elos da cadeia de suprimentos de uma empresa, dessa maneira é
imprescindível para as organizações e para o estudo da administração de materiais que
realiza o estudo de como se comportam os fluxos contínuos de materiais e informações
visando o atendimento das demandas do mercado consumidor final.
Dessa forma, em conjunto com os conhecimentos precisos do modelo de expectativas
do mercado e, em última instância, ao seu atendimento, pode se diminuir assim a lacuna
existente entre o que é entregue e o que é demandado. Em um ambiente crescentemente
competitivo e de fronteiras cada vez mais distantes, as empresas perceberam que muitas

3
das expectativas de seus clientes, como prazo de entrega, frescor e até disponibilidade
estavam intimamente ligadas à qualidade dos seus serviços logísticos.
E assim, é o objetivo geral da distribuição física, de levar os produtos certos, para
os lugares certos, no momento certo e com o nível de serviço desejado, pelo menor custo
possível. Portanto o objetivo deste trabalho é investigar o final da cadeia de suprimentos,
uma vez que esta possui contato direto com o cliente final gerador de receita: A
distribuição física de produtos acabados. O trabalho busca através dos conhecimentos
teóricos adquiridos em sala de aula, identificar e compreender como se dá na
organização estudada, o processo de distribuição física de produtos acabados e
pretende contribuir para uma maior compreensão dos conceitos de sistemas de
distribuição, seguindo o confronto das teorias organizacionais estudadas na literatura
acadêmica e as visões organizacionais cotidianas dos responsáveis pelos serviços de
distribuição de bens de consumo. Neste trabalho será estudado os serviços prestados
pela Eletro Móveis do Nordeste, pseudônimo, adotado para preservar a identidade da
empresa. Para tanto, foi uma visita in Loco na empresa e aplicada uma pesquisa
descritiva de caráter qualitativo, a fim possibilitar compreensão e interpretação de forma
mais específica e detalhada os processos que envolvem a política de distribuição dessa
filial de uma grande rede de móveis nordestina.
Foi estudada uma grande empresa varejista de móveis e eletrodomésticos do
Nordeste, que possui mais de 60 lojas filiais distribuídas em quatro estados Nordestinos:
Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará. A opção pela empresa ocorreu
pela acessibilidade e receptividade do gerente local em realizar a entrevista. Foi
entrevistado o gerente geral da filial da cidade de Santa Rita – PB, responsável pelo
relatório de vendas, efetuação de pedidos e controle do estoque da loja.
Utilizou se um questionário semiestruturado que proporciona liberdade ao
respondente para desenvolver a respostas como considerasse adequado ou fazer
algumas implicações sobre a temática abordada. Os dados da entrevista foram gravados
por meio de um aparelho celular de maneira apropriada durante o processo de diálogo
entre entrevistador e respondente. Em seguida os áudios analisados e transcritos, a fim
de gerar informações claras sobre o assunto transmitido pelo entrevistado.

4
3. Procedimento Metodológicos

A pesquisa realizada é de caráter qualitativa, caracterizada pela descrição,


compreensão e interpretação dos fatos, possibilitando compreender e interpretar de
forma mais específica e detalhada o processo de distribuição de uma filial dessa grande
rede de móveis e eletros do nordeste. Também é Descritiva, porque visa levantar
opiniões, percepções, sugestões do entrevistado sobre o processo de previsão da
organização.
Foi estudada uma grande empresa varejista de móveis e eletrodomésticos do
nordeste, que possui mais de 60 lojas filiais distribuídas em quatro estados Nordestinos:
Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará. A opção pela empresa ocorreu
pela acessibilidade e receptividade do gerente local em realizar a entrevista.
Foi entrevistado o gerente geral da filial da cidade de Santa Rita – PB, responsável
pelo relatório de vendas, efetuação de pedidos e controle do estoque da loja. Além disso,
a média que as perguntas eram realizadas, o respondente tinha a liberdade para
desenvolver a respostas como considerasse adequado ou fazer algumas implicações
sobre a temática abordada. Os dados da entrevista foram gravados por meio de um
aparelho celular de maneira apropriada durante o processo de diálogo entre
entrevistador e respondente.
Em seguida os áudios analisados e transcritos, a fim de gerar informações claras
sobre o assunto transmitido pelo entrevistado. E por fim, as respostas foram discorridas
em formato de texto.

4. Resultados

4.1. Descrição da Empresa

A empresa objeto desse estudo é a Eletro Móveis do Nordeste, atuante no


comercio varejista de móveis e eletrodomésticos, localizada na R. Dr. Flávio Ribeiro, 75
- Centro, Santa Rita - PB, 38300-220, Funciona de segunda a Sexta, 8:00 h as 18:00 h
e nos Sábado, até às 16:00 h e Possui uma equipe 22 colaboradores, composta por 1
gerente geral, 1 sub gerente, 2 menores aprendizes e 18 Vendedores e Auxiliares. A
rede é de Caráter Nacional, teve sua primeira loja aberta em 1994, em João Pessoa -
PB onde se localiza sua matriz.

5
Em 24 anos de existência, possui lojas distribuídas em quatro estados do
Nordeste: Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará. Atualmente possui mais
de 60 Filiais, sendo distribuída nesses estados.
A entrevista foi realizada com o gerente geral da loja filial da cidade de Santa Rita-
PB. Ele possui cerca de dez anos de experiência na empresa, iniciou sua carreira como
vendedor e trabalhou como Subgerente e Gerente durante três anos em João Pessoa, e
sendo transferido para a loja de Santa Rita, em que já atua por 5 anos.

4.3. Mix de produtos fornecidos e Mercado fornecedor

Para apresentar o Mix de Produtos e o Fornecedores de uma forma mais visual,


optou-se por resumir em um quadro suas informações. Tais informações apresentam-se
no quadro 1 e quadro 2.

Quadro 1 – Descrição do mix de Produtos oferecidos pela empresa

Linha de Produtos Produtos


Cozinhas, roupeiro, cama box, criado
Móveis
mundo, escrivaninha e sala do jantar
Tecnologia Computadores, tablets e impressoras.
Liquidificador, batedeira, Ferro de Passar,
Portáteis
Ar condicionado
Refrigeradores, Micro-ondas, forno,
Linha Branca
máquina de lavar.
Telefonia Smart Fone e Modelos mais simples
Linha Marrom TV, Micro system, Som, DVD

Quadro 2- Descrição dos Principais fornecedores da linha de Móveis da Loja

Mercado Fornecedor Localização Geográfica


Itatiaia e Tele Sul Minas Gerais
Ferrite Santa Rita - PB
The Móbile Paraná
Aramóveis Paraná
Ortobom Recife - PE

6
Plumatex Bayeux - PB
Carioflex Tibiri - PB

4.4. Capacidade produtiva

Segundo o entrevistado, a empresa disponibiliza 21,6% do seu estoque total para


Linha de Móveis, sendo o estoque um pouco abaixo da porcentagem de saídas, cerca
de 26%. Caso o produto pedido não tenha no estoque da empresa local, é verificado no
sistema a presença desse produto em outra loja ou no centro de distribuição, realizado
assim o pedido.
A rede de loja, conta atualmente com três centros de distribuição (CDs), a fim de
armazenar os produtos e abastecer as lojas filiais. O gerente exemplifica, “Se eu Vender
dez camas box, no próximo abastecimento eu peço para repor dez camas box, se for no
final do mês ele reduz o pedido para o estoque não ficar inchado, pois nesse período
ocorre uma queda nas vendas.”
Quando é referente ao início do mês ou quando determinado produto está saindo
nos encartes, é realizado um pedido superior.

4.5.Atividades terceirizadas

A empresa terceiriza as atividades de Frete e montagem, os valores são


acordados entre ambas as partes, o terceirizado estabelece um valor X pelo serviço, e
organização um valor Y em cima do valor proposto, sendo passado esse montante para
o cliente.

Os tipos de entrega oferecidos:


 Express: Oferece uma agilidade maior para a entrega ao consumidor no estilo;
compra hoje e entrega amanhã,
 Entrega normal: A modalidade normal de entrega, sem custos adicionais de 3 dias
em média.

7
Além disso o gerente alega que é bem característico das regiões de zona rural da
cidade, a preferência pelos móveis já montados na loja, nesse caso, não necessitando
desses serviços.

Quadro 3 – Descrição da cadeia de suprimentos da empresa

Na imagem acima está representada a cadeia de suprimentos da Eletro Móveis


do Nordeste. A empresa possui diversos fornecedores, os produtos são transportados
das fábricas para os centros de distribuição. No centro é dado entrada nos produtos, que
são separados por cada estado e região, sendo distribuídos através de caminhões para
abastecer as filiais.

8
7. Entrevista

7.1 Detalhes sobre o processo de distribuição

Quadro 4 – Representação da distribuição dos produtos da empresa peles três centros de distribuição

As distribuições dos produtos são realizadas na seguinte sequência: Fábrica – CDS –


Filiais - Clientes.
A partir da previsão de demanda realizado pelo setor de inteligência da central é emitido
um prazo de quando o produto chegará da fábrica antes de chegar da loja.
Cada fornecedor possui um agendamento diferente e por ser automatizado é mais fácil
realizar negociação, o que agiliza o processo.
O que antes era feito em 30 dias o pedido, hoje em dia com a ajuda das tecnologias é
feito em semanas.
Quando a fábrica é local é possível vender diretamente da fábrica, mas são exceções.
Em sua maioria, as vendas são feitas pelo CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO, por ser mais
seguro, diminuindo assim a possibilidade de falta de algum produto.

9
7.2. Previsão de demanda

O Setor de inteligência da matriz é composto por duas pessoas, responsáveis por fazer
o cálculo de previsão de todas as lojas com base no ano anterior e disponibilizar em
planilhas esses dados para o gerente geral de cada filial, como percentual vendido do
período e a meta para o ano seguinte, como também a previsão dos estoques.
Ressalvando que devido ao período de oscilação econômica, a previsão tem sido feita
mensal, se adequando ao mercado.

As compras são realizadas mensalmente, com base na previsão feita pelo setor de
inteligência, ou seja, os produtos comprados ficam armazenados no depósito da matriz,
de onde irá para as lojas filiais, através da previsão semanal. Cada linha de produtos
possui um responsável pela compra aos fornecedores, atualmente composto por 4
pessoas.
O gerente da filial recebe uma planilha com uma conta de produtos estimados
semanalmente, que variam de acordo com as características de cada loja (faturamento
total e vendas). Ele comentou que essa previsão é flexível e os valores podem sofrer
reajustes, devido as tendências (sazonalidade).

As reposições dos produtos nas filiais são realizadas semanalmente, de acordo o seu
giro de estoque, produtos de linha branca (refrigeradores, fogões, móveis:
semanalmente), são repostos semanalmente. Já os produtos de tecnologias, são
repostos duas vezes por semana a reposição, pois vende muito.

7.3. Quantidades de transportes

As quantidades de caminhões utilizados na entrega são variáveis por exemplo;


 Produtos de linha branca (Geladeiras, Fogões, máquinas de lavar): 3 caminhões
 Produtos da linha eletrônica (Celulares, dvd´s e etc.): 1 caminhão
A entrega para a matriz em João Pessoa é mais rápida por ser próximo do CD, em geral
só um caminhão é responsável pelo abastecimento.

10
7.4. Controle de custos

O controle de custos relacionados com o transporte da fábrica para CD é de


responsabilidade dos fabricantes.
A empresa não passa para o cliente a variação de impostos (ICMS) sobre o produto que
ocorre de estado para estado, pois o preço é tabelado e padrão para todos estados.
Mesmo que tenha um custo diferenciado, a empresa absorve essa diferença de valor.
.
7.5. Centros de Distribuição:
Hoje, a empresa conta com três centros de distribuição, um CD Central em João Pessoa
que atende a todos e até outros CDs, um CD no Rio Grande do Norte e outro no Ceará.

7.6. Desafios
O gerente entrevistado afirma não existirem muitas dificuldades de
abastecimento, mas outras filiais como no sertão, o tempo de entrega dificulta as vendas
devido à distância.
A empresa possui dois Centros de distribuição fora de João Pessoa para locais
mais distantes. O Serviço de entrega são todos terceirizados, pois empresa não fazem
entregas própria á localidades rurais.

8. Conclusão

A respeito do estudo do sistema de distribuição da Eletro Móveis do Nordeste possibilitou


o conhecimento de situações práticas de uma empresa. Com a identificação dos
processos de distribuição da empresa, pôde se observar que o processo de distribuição
ocorre de acordo com as necessidades da empresa. Após a realização do estudo de
caso, foi possível conhecer os procedimentos que a empresa adota para colocar as suas
atividades em prática, com isso tornou-se possível a verificação das atividades
distribuição na prática, que estão contidas em um sistema de logístico interno. O estudo
realizado neste trabalho foi fundamental para realçar a importância das atividades
desempenhadas pela logística no ramo empresarial, além de conhecer e estudar tais
atividades, ficou claro que a empresa avaliando estes procedimentos, conheça a
qualidade e deficiências do seu sistema e possa com isso, adquirir um melhor

11
desempenho na realização de suas atividades. De forma ampla, pôde se identificar as
principais tarefas desempenhadas pela organização, detalhadas no tópico 3 do trabalho
onde destacou se a rotina e tudo que faz com que a operação logística da filial aconteça.
Tais atividades identificadas com o trabalho foram necessárias para identificar uma
relação entre a teoria e a prática, percebeu se também que são atividades interacionadas
e desenvolvidas de modo a obter o nível de serviço adequado para a empresa,
principalmente no que diz respeito na área de entregas de produtos. Conclui-se que a
partir da metodologia emprega que foi possível observar pontos que confrontam
conteúdo teórico adquirido ao longo do curso e a prática vivenciada no cotidiano de uma
grande empresa. Assim, conseguimos atingir o objetivo deste trabalho, que foi trazer a
junção dos dois ambientes para o nosso conhecimento, formando uma
interdisciplinaridade para nossa formação acadêmica.

12