Anda di halaman 1dari 51

Como o sobe e desce do dólar influencia

Es

minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.

Como o sobe e desce do dólar influencia


minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
Como o sobe e desce do dólar influencia
minha vida?
Não é apenas quem tem viagem marcada para outro país
ou compra produtos importados que sente os efeitos da
variação do câmbio; série do G1 explica como funciona o
câmbio.
vposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano


Esposa de Murillo, a analista de sistemas Jully Fório, de 37 anos, também diz que as
coisas estão melhorando aos poucos em sua área. Ela trabalha com implantação de
softwares para empresas e diz que há mais vagas de trabalho atualmente do que em
2017. A atividade no setor, no entanto, não está “nem perto” do que era antes da
crise.
 Jully diz que há mais oportunidades de trabalho em 2018 que em 2017

 Mercado está melhorando, mas ainda longe do nível pré-crise

 Ela aposta em melhora da economia neste ano