Anda di halaman 1dari 177

Instruções de Uso

Sistema de Análise de ECG MAC 1600

Fabricantes:

GE Medical Systems Information Technologies GmbH


Munzinger Strasse 3 - D-79111 Freiburg, Alemanha

GE Medical Systems Information Technologies, Inc.


8200 West Tower Avenue - Milwaukee WI 53223 EUA

Distribuidores Internacionais:

GE Medical Systems Information Technologies GmbH


Munzinger Strasse 3 - D-79111 Freiburg, Alemanha

GE Medical Systems Information Technologies, Inc.


8200 West Tower Avenue - Milwaukee WI 53223 EUA

GE Medical Systems Ultrasound & Primary Care Diagnostics, LLC


9900 Innovation Drive Wauwatosa, Winsconsin Estados Unidos

Distribuidor no Brasil:

GE HEALTHCARE CLINICAL SYSTEMS EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA


Avenida das Nações Unidas 8501, 2º andar (Parte)
Cep: 05425-070 - Pinheiros
São Paulo/SP
CNPJ 02.022.569/0001-83
Tel./Fax: (011) 3067-8000 / 3067-8280

Resp. Técnico: Reinaldo Pereira da Silva - CREA-SP: 5062510687

Registro ANVISA nº 80071260103


ÙÛ Ø»¿´¬¸½¿®»

ÓßÝ ïêðð
Í ¬»³¿ ¼» ß²?´ » ¼» ÛÝÙ
Ê»® =± ¼± Ю±¹®¿³¿ ïòð

Ó¿²«¿´ ¼± Ñ°»®¿¼±®

îðîèìëïóîêï λª =± ß
OBSERVAÇÃO
Este manual aplica-se à versão 1.0 do programa Sistema de Análise ECG MAC 1600.

Este produto atende aos requisitos de regulamentação da seguinte Diretiva Européia 93/42/EEC sobre
aparelhos médicos.

Archivist, CardioSoft, CASE, Hookup Advisor, MAC, Mactrode, Multi-Link, MUSEô SilverTRACE e 12SL são
marcas comerciais de propriedade da General Electric Company. As demais marcas pertencem aos seus
respectivos proprietários e não à GE.

©2008 General Electric Company. Todos os direitos reservados.

T-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


29 de fevereiro de 2008
Índice
1 Introdução
Informações do manual . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-2
Objetivo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-2
Público-alvo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-2
Histórico de revisão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-2
Convenções . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-2
Referências ao produto . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-3
Ilustrações e nomes . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-3

Informações de segurança . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-3


Mensagens de segurança. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-3
Classificação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-10
Underwriters Laboratories, Inc. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-10
Biocompatibilidade . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-10
Aviso legal . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-10
Responsabilidade do fabricante . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-11

Informações gerais. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-11


Indicações de uso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-11
Contra-indicações . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-12
Gravação de ECGs durante desfibrilação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-12
Precisão da reprodução do sinal de entrada . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-12
Efeitos de modulação em sistemas digitais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-13
Instalação e conexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-13
Peças e acessórios . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-13
Símbolos do equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-14

Informações de manutenção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-16


Requisitos de manutenção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-16
Identificação do equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1-16

2 Visão geral do equipamento


Descrição do equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-2
Visão frontal . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-2
Visão lateral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-3
Visão traseira . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-3
Layout do teclado . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-4
Módulos de aquisição . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-6
Adaptadores de condutor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-7

Montagem do equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-8


Inserção da bateria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-8
Conexão do adaptador de energia AC . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-9
Conexão dos condutores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-9
Inserção do papel . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-10

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-i


Conexão do leitor de código de barras . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-10
Conexão do modem interno opcional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-10
Conexão a um modem externo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-11
Conectar a uma LAN . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-11
Conexão de dispositivos externos (opção de esforço) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-11
Ligar o sistema . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-12
Configuração do dispositivo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-12
Teste do equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-12

Descrição do sistema. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-13


Tela de início . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-13
Uso do teclado do MAC 1600. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2-13

3 Preparação do paciente
Prepare a pele do paciente . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3-2

Aplicação dos eletrodos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3-3


Eletrodos para ECG repouso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3-4
Eletrodos para ECG esforço . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3-6

4 Introdução de dados do paciente


Entrada manual de dados do paciente . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4-2

Introdução de dados do paciente com um leitor de código de barras . . . . . . . . . 4-3

5 Gravação de um ECG em repouso


Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-2

ECGs em repouso. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-3


Gravação de um ECG em repouso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-3
Opções de ECG . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-5
Opções Pós-aquisição . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-7

Geração de um Relatório de Ritmo (gravação manual) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-8

Reanálise de ECG . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-9


Reanálise de um ECG . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-9
Layout da reanálise . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-10
Opções de reanálise . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-11

Módulo do consultor conexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-13

Considerações especiais. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-14


Gravação de ECGs de Pacientes com marca-passo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-14
Gravação de ECGs durante desfibrilação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5-15

1-ii Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


6 Gravação de modo arritmia
Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6-2

Modo arritmia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6-2


Impressão de um relatório de arritmia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6-2
Opções de arritmia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6-3
Opções de impressão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6-5

Códigos de arritmia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6-6

7 Teste de esforço
Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7-2

Interface do modo esforço. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7-4


Barra de informações de teste esforço . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7-4
Teclas do teste esforço . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7-5
Opções de esforço . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7-7

Execução de testes de esforço . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7-9


Execução de um teste de esforço com uma esteira ou ergômetro . . . . . . . . . . . 7-10
Execução de um teste de esforço com um dispositivo Master s Step . . . . . . . . . 7-12

8 Gerenciamento do armazenamento interno


Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-2

Importar registros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-3

Impressão do diretório do gerenciador de arquivos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-4

Localização de registros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-4

Edição dos dados do paciente . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-5

Exclusão de registros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-6

Impressão de registros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-6

Transmissão de registros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-7

Exportar registros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8-8

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-iii


9 Configuração geral
Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-2

Funções de configuração . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-2


Configuração básica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-3
Configuração de ECG repouso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-6
Ajustar Arrit . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-14
Config ECG esforço . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-15
Config Comunicação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-22
Configurar País . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-27
Config Paciente . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-28
Config Usuário . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-31
Opções Config . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-33
Config Manutenção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-34
Configurar Data/Hora . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-35

Utilitários de configuração . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-35


Imprimir Relatório Config . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-35
Selec Config . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-36
Exportar Config . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-38
Importar Config . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-38
Exportação da trilha de auditoria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9-39

10 Manutenção
Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-2

Manutenção do MAC 1600 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-2


Inspeção do equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-3
Limpeza do dispositivo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-3

Manutenção de cabos e condutores. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-4


Saneamento de cabos e condutores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-4
Armazenamento de cabos e condutores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-7
Substituição de adaptadores de condutor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-8

Manutenção do papel . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-8


Substituir o papel . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-9
Ajustando a bandeja de papel para diferentes tamanhos de papel . . . . . . . . . . 10-10
Armazenamento de papel térmico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-12

Manutenção da bateria. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-13


Segurança da bateria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-13
Substituição da bateria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-14
Condicionamento da bateria do MAC 1600 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-15

Suprimentos e acessórios . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10-15

1-iv Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


A Solução de problemas
Dicas gerais para solução de problemas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . A-2

Problemas no equipamento. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . A-3


O sistema não liga . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-3
Os dados do ECG contêm ruído . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-3
Declaração ACI-TIPI não inclusa no relatório . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-4
Nenhuma leitura de PA do Ergômetro Ergoline 900 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-5
Dispositivo externo não se move . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-5
Papel preso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-6
Cartão SD ausente . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-6
Não é possível importar nem transmitir registros via modem . . . . . . . . . . . . . . . .A-6
Não é possível exportar para diretórios compartilhados . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .A-7

Erros do sistema . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . A-8

B Criação de códigos de barras


Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . B-2

Configuração do esquema de dados do paciente . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . B-2

Configuração do leitor de código de barras . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . B-3


Configurar o leitor de código de barras manualmente . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .B-3
Configurar o leitor de código de barras automaticamente . . . . . . . . . . . . . . . . . . .B-4

Índice Remissivo

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-v


1-vi Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A
1 Introdução

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-1


Introdução

Informações do manual
Objetivo
Este manual descreve a operação segura e eficiente do Sistema de
Análise ECG MAC 1600.

Público-alvo
Este manual foi escrito para profissionais clínicos que usam, fazem
manutenção e/ou solução de problemas no Sistema de Análise ECG
MAC 1600. Espera-se dos profissionais clínicos que tenham
conhecimento suficiente dos procedimentos, práticas e terminologia
médicas adequadas usadas para o tratamento de pacientes.

Histórico de revisão
O número da parte do documento e revisão aparecem na parte inferior
de todas as páginas. A revisão identifica o nível de atualização
do documento.

Histórico de Revisão, PN 2028451-261

Revisão Data Comentário

A 29 de fevereiro de 2008 Versão inicial do documento.

Convenções
As convenções a seguir serão usadas em todo o manual.

Negrito Indica as teclas do teclado, texto a ser digitado ou itens de hardware como
botões ou chaves do equipamento.

Itálico Indica termos de software que identificam itens do menu, botões ou


opções em diversas janelas.

Ctrl + Esc Indica uma operação no teclado. Um sinal de (+) entre os nomes de duas
teclas indica que você deve pressionar e segurar a primeira, ao mesmo
tempo em que aperta a segunda tecla uma vez.

Por exemplo, Pressione Ctrl + Esc significa pressionar e manter


pressionada a tecla Ctrl, pressionando a tecla Esc ao mesmo tempo.

Enter Indica que você deve pressionar a tecla Enter ou Return no teclado.
Não digite enter .

1-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução

Referências ao produto
O nome do produto descrito neste manual é Sistema de Análise de ECG
MAC 1600. Ele será mencionado como o sistema ou o dispositivo
neste documento.

Ilustrações e nomes
Todas as ilustrações deste manual são fornecidas somente como exemplo.
Elas podem não refletir a configuração nem os dados de seu sistema.

Neste manual, todos os nomes que aparecem em exemplos e ilustrações


são fictícios. O uso do nome real de alguma pessoa é pura coincidência.

Informações de segurança
Mensagens de segurança
Os termos perigo, advertência e cuidado são usados em todo o manual
para chamar a atenção para riscos e designar um grau ou nível
de seriedade.

Definições
Familiarize-se com as definições e significado das mensagens
de segurança.

RISCO é definido como uma fonte de possíveis ferimentos a uma pessoa.

PERIGO indica um risco iminente que, se não for evitado, pode resultar
em morte ou lesão grave.

ADVERTÊNCIA indica uma situação potencialmente perigosa que,


se não for evitada, pode resultar em morte ou lesão grave.

CUIDADO indica um risco potencial ou prática insegura que, se não for


evitada, pode resultar em lesões pessoais de menos seriedade ou danos ao
produto ou outras propriedades.

OBSERVAÇÃO fornece dicas sobre aplicação ou outras informações úteis


para garantir que você aproveite seu equipamento ao máximo.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-3


Introdução

Mensagens aplicáveis
As informações de segurança a seguir se aplicam ao Sistema de Análise
de ECG MAC 1600.

ADVERTÊNCIA
DERRAMAMENTOS ACIDENTAIS Se algum líquido
entrar no dispositivo, tire-o de serviço e faça com que
seja verificado por um técnico de manutenção antes de
usá-lo novamente.

Para evitar choques elétricos ou mau funcionamento do


dispositivo, não se deve permitir a entrada de líquidos
no dispositivo.

ADVERTÊNCIA
OPERAÇÃO DA BATERIA Se a integridade do
condutor terra protetor for duvidosa, opere a unidade com
energia da bateria.

ADVERTÊNCIA
CABOS Para evitar a possibilidade de
estrangulamento, passe todos os cabos longe da
garganta do paciente.

ADVERTÊNCIA
CONEXÃO COM A FONTE DE ENERGIA Este é um
equipamento Classe I.
O plugue de alimentação deve ser conectado a uma fonte
de energia aterrada corretamente.

ADVERTÊNCIA
INTERFERÊNCIA DE RADIOFREQÜÊNCIA Fontes
conhecidas de RF, como telefones celulares, estações de
rádio ou TV e walkie-talkies, podem causar operação
inesperada ou adversa deste dispositivo

Consulte pessoal qualificado a respeito da instalação


do sistema.

1-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução

ADVERTÊNCIA
PRECAUÇÕES COM DESFIBRILADOR Não fale com
pacientes durante a desfibrilação. Caso contrário, podem
ocorrer ferimentos graves ou morte.

As entradas de sinal do paciente que tenham rótulos com


os símbolos CF e BF com pás são protegidos contra danos
resultantes da voltagem de desfibrilação.

Para garantir proteção adequada do desfibrilador,


use somente os cabos e condutores recomendados.

A colocação correta das pás do desfibrilador em relação


aos eletrodos é necessária para garantir uma desfibrilação
bem-sucedida.

ADVERTÊNCIA
ELETRODOS Eletrodos polarizantes (feitos com aço
inoxidável ou prata) podem fazer com que os eletrodos
retenham uma carga residual após a desfibrilação. A
carga residual bloqueia a aquisição do sinal de ECG.

Sempre que houver a possibilidade de desfibrilação do


paciente, use eletrodos não-polarizantes (feitos com prata/
cloreto de prata) para monitoramento de ECG.

ADVERTÊNCIA
INTERFERÊNCIA MAGNÉTICA E ELÉTRICA
Campos magnéticos e elétricos podem interferir no
desempenho adequado do dispositivo.

Por isso, verifique se todos os dispositivos externos


operados nas proximidades deste dispositivo são
compatíveis com os requisitos EMC relevantes.
Equipamentos de raios-X ou de ressonância magnética
são possíveis fontes de interferências, pois podem emitir
níveis altos de radiação eletromagnética.

ADVERTÊNCIA
RISCO DE EXPLOSÃO NÃO use na presença de
vapores ou líquidos anestéticos inflamáveis.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-5


Introdução

ADVERTÊNCIA
RISCO DE INTERPRETAÇÃO A interpretação
computadorizada só é significativa se usada juntamente
com diagnósticos clínicos.

Um médico qualificado deve ler todas as análises geradas


por computador.

ADVERTÊNCIA
OPERADOR Equipamentos médicos técnicos como
este sistema devem ser usados somente por pessoal
qualificado e treinado.

ADVERTÊNCIA
RISCO DE CHOQUES O uso inadequado deste
dispositivo pode apresentar risco de choques. Observe
estritamente as advertências a seguir. Caso contrário,
a vida do paciente, do usuário e de pessoas próximas
podem correr risco.

Ao desconectar o dispositivo da fonte de alimentação,


remova o plugue da tomada de parede antes de
desconectar o cabo do dispositivo.

Caso contrário, há o risco de contato com a fonte de


eletricidade, pela introdução involuntária de peças
metálicas nas conexões do cabo.

Os dispositivos só podem ser conectados a outros


dispositivos ou partes de sistemas depois de verificar
se isso não resultará em perigo para o paciente, os
operadores ou para o ambiente. Os padrões IEC 60601-1-1/
EN60601-1-1 devem ser seguidos em todas as
circunstâncias.

ADVERTÊNCIA
REQUISITOS PARA O LOCAL Não posicione os cabos
de forma que haja risco das pessoas tropeçarem neles.

Por motivos de segurança, todos os conectores de cabos e


condutores do paciente foram projetados para evitar uma
desconexão involuntária, se alguém puxá-los.

Em dispositivos instalados acima do paciente, é necessário


tomar as precauções adequadas para evitar que caiam
sobre o paciente.

1-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução

ADVERTÊNCIA
ESTEIRAS Evite alterações súbitas da velocidade e/
ou inclinação da esteira durante um teste de esforço.

CUIDADO
ACESSÓRIOS (SUPRIMENTOS) Para garantir a
segurança do paciente, use somente peças e acessórios
fabricados ou recomendados pela GE.

As peças e acessórios usados devem atender aos requisitos


dos padrões de segurança e padrões de desempenho
essencial da série IEC 60601 aplicável e/ou a configuração
do sistema deve atender aos requisitos do padrão
IEC 60601-1-1 para sistemas elétricos médicos.

CUIDADO
CONEXÃO ADEQUADA DE CONDUTORES Uma
conexão inadequada causará imprecisões no ECG.

Rastreie cada cabo individualmente do rótulo do módulo


de aquisição até o conector colorido e ao eletrodo correto,
para garantir que esteja conectado ao local do
rótulo correto.

CUIDADO
ACESSÓRIOS (EQUIPAMENTO) O uso de
equipamentos ACESSÓRIOS que não atendam
aos requisitos equivalentes de segurança deste
equipamento pode levar à redução do nível de
segurança do sistema resultante.

A escolha de acessórios deve considerar:

Uso do acessório na PROXIMIDADE DO PACIENTE; e

Evidência de que a certificação de segurança do


ACESSÓRIO foi realizada de acordo com o padrão nacional
harmonizado IEC 60601-1 e/ou IEC 60601-1-1 adequado.

CUIDADO
ANTES DA INSTALAÇÃO A compatibilidade é
essencial para o uso seguro e eficiente deste dispositivo.
Entre em contato com seu representante local de vendas
ou manutenção antes da instalação para verificar a
compatibilidade do equipamento.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-7


Introdução

CUIDADO
DESCARTÁVEIS Dispositivos descartáveis devem
ser usados somente uma vez. Eles não devem ser
reutilizados, pois o desempenho pode diminuir ou
pode haver contaminação.

CUIDADO
DESCARTE DO PRODUTO Ao final de sua vida útil,
o produto descrito neste manual, bem como seus
acessórios, devem ser descartados de acordo com
diretrizes locais, estaduais ou federais que regulem
o descarte desse tipo de produto.

Caso haja dúvidas sobre o descarte do produto, entre em


contato com a GE ou seus representantes.

ADVERTÊNCIA
DESCARTE DA EMBALAGEM Descarte todo
o material de embalagem, observando todas as
regulamentações de controle de resíduos aplicável
e mantendo-o fora do alcance de crianças.

CUIDADO
DANOS AO EQUIPAMENTO Dispositivos feitos para
aplicação em emergências não devem ser expostos a
temperaturas baixas durante o armazenamento e
transporte, para evitar condensação de umidade no
local de aplicação.

Aguarde até que toda a umidade tenha se evaporado antes


de usar o dispositivo.

ADVERTÊNCIA
CHOQUE ELÉTRICO Para reduzir o risco de choque
elétrico, NÃO remova a tampa (nem a traseira).

A manutenção deve ser feita por pessoal qualificado.

CUIDADO
OPERADOR Equipamentos médicos técnicos como
este sistema eletrocardiógrafo devem ser usados somente
por pessoas que tenham recebido treinamento adequado
no uso desse tipo de equipamento e que sejam capazes de
aplicá-lo corretamente.

1-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução

CUIDADO
REQUISITOS DE ENERGIA Antes de conectar o
dispositivo à fonte de energia, verifique se a voltagem
e freqüência da fonte de alimentação são as mesmas
indicadas na etiqueta do produto. Se não forem, não
conecte o sistema à tomada até que tenha ajustado a
unidade para que se adapte à fonte de energia.

Nos EUA, se a instalação deste equipamento usar 240V ao


invés de 120V, a fonte deve ser um circuito monofásico
de 240V com derivação central.

Este equipamento pode ser conectado à fonte de energia


pública conforme definição da CISPR 11.

CUIDADO
VENDA RESTRITA Leis federais dos EUA restringem
a venda deste dispositivo para um médico ou a seu pedido.

CUIDADO
PEÇAS SUJEITAS A MANUTENÇÃO Este
equipamento não contém peças que possam ser mantidas
pelo usuário. A manutenção deve ser feita por pessoal
qualificado.

CUIDADO
USO SUPERVISIONADO Este equipamento foi feito
para ser usado sob supervisão direta de um profissional de
saúde autorizado.

CUIDADO
CONFIGURAÇÃO DO EQUIPAMENTO O equipa-
mento ou sistema não deve ser usado ao lado de outros
equipamentos ou empilhado.

Se for necessário usá-lo ao lado ou empilhado em outros


equipamentos, teste o equipamento ou sistema para
verificar se a operação se mantém normal.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-9


Introdução

Classificação
Conforme a IEC 60601-1, esta unidade é classificada como:

Tipo de proteção contra choque elétrico Equipamento Classe I com alimentação interna.

Grau de proteção contra choque elétrico Peça aplicada à prova de desfibrilação tipo BF.

Grau de proteção contra entrada danosa Equipamento Comum (equipamento fechado sem proteção contra entrada de água).
de água

Grau de segurança de aplicação na Equipamento não adequado para uso na presença de mistura de anestético inflamável
presença de mistura de anestético com ar ou com oxigênio ou óxido nítrico.
inflamável com ar ou com oxigênio
ou óxido nítrico

Método(s) de esterilização ou desinfecção Não se aplica.


recomendado(s) pelo fabricante

Modo de operação Operação contínua.

Underwriters Laboratories, Inc.


Equipamento Médico

Em relação a riscos mecânicos, de choque elétrico e fogo


somente de acordo com a UL 60601-1, IEC 60601-2-25 e
CAN/CSA C22.2 N. 601.1.
4P41

Biocompatibilidade
As peças do produto descritas neste manual do operador, incluindo
os acessórios, que entrem em contato com o paciente durante o uso
pretendido, atendem aos requisitos de biocompatibilidade dos padrões
aplicáveis. Caso haja dúvidas sobre este assunto, entre em contato com
a GE ou seus representantes.

Aviso legal
Nosso equipamento contém vários campos que podem ser preenchidos
antes da execução de um ECG. Embora alguns desses campos sejam
obrigatórios, alguns são opcionais e o usuário deve avaliar se são
necessários para realizar o exame. O campo RAÇA é um desses campos
adicionais. Foi reconhecido pela categoria médica que a raça pode ser útil
para analisar algumas patologias. Você deve saber que, em algumas
jurisdições, o processamento de dados que revele a origem racial de
um indivíduo está sujeito a requisitos legais, como a obtenção de
consentimento prévio do paciente. Se você decidir coletar esse tipo de
dados, é sua responsabilidade garantir que todos os requisitos legais
aplicáveis sejam seguidos.

1-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução

Responsabilidade do fabricante
A GE é responsável pelos efeitos de segurança, confiabilidade e
desempenho somente se:

As operações de montagem, extensões, reajustes, modificações ou


consertos sejam executadas por pessoas autorizadas pela GE.
A instalação elétrica da sala relevante atender aos requisitos das
regulamentações adequadas.
O equipamento for usado de acordo com as instruções de uso.

Informações gerais
Indicações de uso
O Sistema de Análise de ECG MAC 1600 é um sistema portátil para
aquisição, análise e gravação de ECG. Ele foi feito:

Para adquirir, analisar, exibir e gravar informações de populações


adultas e pediátricas.
Para ser usado sob supervisão direta de um profissional de
saúde autorizado.
Para ser usado por operadores treinados em ambiente hospitalar
ou nas instalações de um profissional médico, para gravar sinais
de ECG de eletrodos de superfície.
Para oferecer dois modos básicos de operação: (1) modo ECG repouso
e (2) modo arritmia.
Para imprimir 6 ou 12 derivações de ECGs.
Para ser atualizável para oferecer opções de software como análise
interpretativa e medição de ECG de 12 derivações.
Para ser atualizável com um terceiro modo de operação: (3) Modo
exercício para teste de esforço, e
Para oferecer a transmissão e recepção opcional de dados de ECGs de
e para um sistema central de informações cardiovasculares de ECG.

OBSERVAÇÃO
A definição de população pediátrica são pacientes entre as idades
de 0 e 15 anos.

A detecção de arritmia é fornecida para conveniência ou


documentação automática.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-11


Introdução

Contra-indicações
O dispositivo MAC 1600 NÃO foi feito:

Para ser usado durante o transporte de pacientes.


Para ser usado em aplicações intracardíacas.
Para ser usado como monitor fisiológico de sinais vitais, ou
Para fornecer alarmes de detecção de arritmia.
O modo de detecção de arritmia é fornecido para conveniência de
documentação automática.

Gravação de ECGs durante desfibrilação


Não é necessário remover os eletrodos do ECG antes da desfibrilação;
o sinal do paciente é à prova de desfibrilação.

Use eletrodos de prata-cloreto de prata. Uma descarga de desfibrilador


pode fazer com que eletrodos de aço inoxidável ou de prata retenham
uma carga residual que pode causar polarização, bloqueando a aquisição
do sinal de ECG por vários minutos.

Recomendamos o uso de eletrodos descartáveis não polarizantes


com taxas de recuperação de desfibrilação conforme especificado na
AAMI EC 12.3.2.2.4 (família de eletrodos SilverTRACE). A AAMI EC12
requer que o potencial de polarização de um par de eletrodos não exceda
100 mV 5 segundos após a descarga de desfibrilação.

Se forem usados outros eletrodos, desconecte o cabo do paciente do


sistema antes de aplicar o choque do desfibrilador.

OBSERVAÇÃO
Se houver voltagem DC excessiva no eletrodo, aparecerá uma
mensagem indicando a condição Cabo Desligado.

SAD (correção de spline cúbico) e o algoritmo FRF causam um atraso de


sinal de aproximadamente 2 segundos, portanto devem ser desabilitados
se o paciente precisar ser desfibrilado durante a gravação do ECG.

Precisão da reprodução do sinal de entrada


Erro Geral do Sistema é testado com o método descrito em
AAMI EC11 3.2.7.1. Erro Geral do Sistema é +5%.
Resposta de Freqüência é testada com o método descrito nos
métodos A e D AAMI EC11 3.2.7.2.

1-12 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução

Efeitos de modulação em sistemas digitais


Esse dispositivo usa técnicas de amostragem digital que podem produzir
alguma variação nas amplitudes das ondas Q, R e/ou S de um batimento
cardíaco para o seguinte, que pode ser particularmente perceptível
em gravações pediátricas. Se esse fenômeno for observado, o médico
deve estar ciente de que a origem das variações de amplitude não é
totalmente fisiológica. Para medir a voltagem das ondas Q, R e S,
é aconselhável usar complexos QRS com a maior deflexão possível
dessas ondas específicas.

Instalação e conexão
Se a instalação deste equipamento, nos EUA, usar 240 V ao invés
de 120 V, a fonte deve ser um circuito monofásico de 240 V com
derivação central.

Entre em contato com a GE para obter informações antes de conectar a


este equipamento qualquer dispositivo não recomendado neste manual.

Peças e acessórios
Para garantir a segurança do paciente, use somente peças e acessórios
fabricados ou recomendados pela GE. Visite www.gehealthcare.com para
obter informações sobre suprimentos e acessórios recomendados pela GE.

As peças e acessórios usados devem atender aos requisitos dos padrões


de segurança da série IEC 601 aplicável e/ou a configuração do sistema
deve atender aos requisitos do padrão IEC 60601-1-1 para sistemas
elétricos médicos.

O uso de equipamentos ACESSÓRIOS que não atendam aos requisitos


equivalentes de segurança deste equipamento pode levar à redução
do nível de segurança do sistema resultante. A escolha de acessórios
deve considerar:

Uso do acessório na PROXIMIDADE DO PACIENTE; e


Evidência de que a certificação de segurança do ACESSÓRIO foi
realizada de acordo com o padrão nacional harmonizado IEC 60601-1
e/ou IEC 60601-1-1 adequado.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-13


Introdução

Símbolos do equipamento
Os símbolos a seguir podem aparecer no produto, na embalagem ou
na documentação.

Equipamento tipo BF à prova de desfibrilação.

Ponto de aterramento equipotencial.

Terminal terra protetor.

Indica que os resíduos de equipamentos elétricos e eletrônicos não


devem ser descartados como resíduo municipal comum, mas coletados
separadamente. Entre em contato com um representante autorizado do
fabricante para obter informações relativas ao descarte do equipamento.
Atenção, consulte as instruções de uso.

Consultar instruções de uso.

Número de catálogo (da peça).

Número de série.

Para uso por um médico ou sob ordens deste ou por pessoas licenciadas
por leis estaduais. (somente EUA)
Data de fabricação.

Endereço do fabricante.

Período de uso amigável para o meio-ambiente de acordo com o padrão


chinês SJ/T11363-2006 (específico para a China).

Este lado para cima.

Reciclável.

1-14 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução

Limites atmosféricos.

Limites de temperatura.

Limites de umidade.

Manter seco.

Frágil.

Não jogar no fogo nem incinerar.

Indica que o dispositivo foi classificado como tipo 20 para ingresso de


sólidos e líquidos de acordo com a IEC/EN 60529.
X = Ingresso de objetos sólidos:
0 não protegido.
1 >= 50 mm de diâmetro.
2 >= 12,5 mm de diâmetro.
3 >= 2,5 mm de diâmetro.
4 >= 1,0 mm de diâmetro.
5 protegido contra poeira.
6 à prova de poeira.
Y = ingresso de líquidos
0 não protegido.
1 pingos verticais.
2 pingos (inclinação de 15 graus).
3 borrifos.
4 derramamentos.
5 jatos.
6 jatos fortes.
7 imersão temporária.
8 imersão contínua.
Cartão SD.

Número de lote.

Representante autorizado em um país europeu.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 1-15


Introdução

Marca CCC - marca de Certificação Compulsória da China.

Certificação de Segurança de Produto Norte-americana. Simboliza


conformidade com os requisitos aplicáveis do Canadá e EUA.

A marca CE simboliza conformidade com diretivas aplicáveis na


Comunidade Européia.
PCT. Marca GOST que simboliza conformidade com padrões técnicos e
de segurança Russian Gosstandart.

Informações de manutenção
Requisitos de manutenção
Deixe a manutenção do equipamento a cargo somente do pessoal de
manutenção autorizado pela GE. Uma tentativa não autorizada de
consertar o equipamento anula a garantia.

É responsabilidade do usuário relatar a necessidade de manutenção à GE


ou um de seus agentes autorizados.

Identificação do equipamento
Todos os dispositivos GE têm um número de série exclusivo para
identificação. O número de série aparece no rótulo do produto e
tem a seguinte estrutura.

A O código de produto dos sistemas MAC 1600 é SDE.

B Ano de fabricação (00-99).

07 = 2007

08 = 2008

(e assim por diante)

C Semana fiscal de fabricação.

D Número de seqüência do produto.

E Local de fabricação.

F Características diversas.

1-16 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


2 Visão geral do
equipamento

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 2-1


Visão geral do equipamento

Descrição do equipamento
Visão frontal

005

Nome Descrição

A Tela Apresenta dados de onda e texto.

B LED de energia Indica que a unidade está conectada e


recebendo energia.

C LED de bateria Indica os diversos estados da bateria:

Luz âmbar sólida indica que a bateria


está carregando.
Luz âmbar piscando indica que a bateria está
com pouca carga.
Desligada indica que a bateria não está carregando
nem está com pouca carga.

D Teclado Dispositivo de entrada para controlar o sistema ou


inserir dados.

Consulte Layout do teclado na página 2-4 para obter


mais informações.

E Impressora Imprime relatórios.

2-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Visão geral do equipamento

Visão lateral

004

Nome Descrição

A Conector de sinal de entrada Conector fêmea d-sub de 15 pinos para o


de ECG cabo de aquisição.

B Conector KISS Porta de conexão para o sistema de


derivações KISS opcional.

C Empunhadura para carregar Empunhadura para carregar o dispositivo


MAC 1600.

Visão traseira

003

Nome Descrição

A Conector de Alimentação de energia de 12V para futuros


alimentação externa dispositivos externos. Não usar.
B Porta COMM A Conector serial para dispositivos de esforço
(ergômetro de bicicleta ou esteira).

C Porta COMM B Conector serial para comunicação de dados com o


sistema MUSE ou CASE/CardioSoft ou para conexão
com um modem externo.

D Entrada para telefone Conector RJ11 do modem interno para uma linha de
telefone analógica.

E Conexão de energia AC Conector padrão para o cabo de energia AC.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 2-3


Visão geral do equipamento

Nome Descrição

F Conector USB Conector USB padrão para dispositivos USB,


como o leitor opcional de código de barras ou um
teclado USB externo.

G Conexão LAN Conector de rede RJ45.

H Entrada para cartão SD Entrada para cartão SD. Insira o cartão como indicado
pelo ícone. O sistema MAC 1600 aceita somente
cartões formatados para os sistemas de arquivos FAT
ou FAT16.

I Conexão para monitor Conector VGA de 15 pinos padrão para um monitor


de vídeo externo externo. Conecte um monitor VGA CRT médico ou um
monitor LCD médico compatível com VGA.

OBSERVAÇÃO
A resolução de tela do MAC 1600 é de 800 por
480 pixels. Devido a taxas de definição diferentes,
a imagem pode parecer distorcida em alguns
monitores LCD. Consulte o guia operacional de
seu monitor LCD.

J Terminal de Conecte dispositivos periféricos não-aterrados para


aterramento garantir equipotencial.
equipotencial

Layout do teclado
Seu teclado pode ser um pouco diferente do apresentado.

002

2-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Visão geral do equipamento

Nome Descrição

A Teclas de função Selecionam as opções de menu na tela. Consulte


(de F1 a F6) Seleção de opções de menu na página 2-13 para
obter detalhes.

B Botão de energia Liga e desliga a unidade.

C Tecla Derivações Alterna as derivações quando a tela está sendo usada


para exibir ondas.

D Tecla Backspace Exclui caracteres.

E Tecla ECG Adquire um ECG repouso, imprime um relatório de


10 segundos no modo Arritmia e imprime um relatório
de 12 derivações no modo Esforço.

F Tecla Ritmo Imprime uma tira de ritmo contínua em tempo real.


Pressione a tecla Parar para parar a impressão da tira
de ritmo. (O relatório de ritmo não é armazenado e não
pode ser transmitido.)

G Tecla Parar Pára a impressão no registrador.

H Tecla Enter Avança o cursor em uma janela ou seleciona itens


da tela.

I Botões de Comando As setas movem o cursor para a esquerda, direita,


para cima ou para baixo. O botão central move o foco
de uma janela ou seleciona o item que estiver ativo
no momento.

J Tecla Shift Usada juntamente com as teclas de letras para inserir


maiúsculas. Por exemplo, pressione shift + p para
digitar um P maiúsculo.

K Tecla Alt Não utilizada pelo sistema atualmente.

L Barra de espaços Usada para inserir espaço entre os caracteres


digitados ou destacar itens da tela.

M Tecla de opções Usada juntamente com outras teclas para inserir


caracteres especiais em teclados de idiomas
diferentes do inglês.

N Tecla Esc Fecha uma janela da tela.

O Teclas de esforço Seu teclado terá essas teclas se o sistema tiver a


opção de esforço. Consulte Teclas do teste esforço
na página 7-5 para obter mais informações.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 2-5


Visão geral do equipamento

Módulos de aquisição
O sistema MAC 1600 oferece suporte a diversos módulos de aquisição.

041A

ADVERTÊNCIA
PROTEÇÃO CONTRA QUEIMADURAS Para
garantir a proteção do desfibrilador e a proteção contra
queimaduras de alta freqüência, use somente o cabo de
aquisição enviado com este equipamento.

Caso contrário, podem ocorrer ferimentos graves.

CUIDADO
CONEXÃO ADEQUADA DE CONDUTORES Uma
conexão inadequada causará imprecisões no ECG.

Rastreie cada cabo individual do rótulo do cabo


de aquisição até o conector colorido e ao eletrodo
adequado para garantir que esteja conectado ao local
do rótulo adequado.

Nome Descrição

A Conector macho d-sub Conecta-se ao conector da entrada de sinal de ECG


de 15 pinos do sistema. Uma das extremidades de cada cabo de
aquisição é um conector macho D-sub de 15 pinos.

B Cabos de aquisição A extremidade de conexão do cabo de aquisição


multi-link multi-link se conecta aos adaptadores de condutores
e usa 10 ou 12 condutores.

2-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Visão geral do equipamento

Nome Descrição

C Cabos de aquisição A extremidade de conexão do cabo de aquisição


NEHB NEHB se conecta aos adaptadores de condutores
e usa 12 condutores.

D Cabos de aquisição A extremidade de conexão do cabo de aquisição de


de valor valor é formada por 10 condutores.

Adaptadores de condutor
Os condutores requerem um adaptador para se conectarem a um
eletrodo, como demonstrado na ilustração a seguir.

010

A Extremidade do condutor.

B Pino de 4 mm.

C Agarrador.

D Clipe Mactrode.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 2-7


Visão geral do equipamento

Montagem do equipamento
A montagem do sistema do MAC 1600 é feita com as seguintes etapas:

1. Inserção da bateria.
2. Conexão do adaptador de energia AC.
3. Conexão dos condutores.
4. Inserção do papel.
5. Conexão de um leitor de código de barras.
6. Conexão do modem interno opcional.
7. Conexão de um modem externo.
8. Conexão de um dispositivo de esforço externo.
9. Ligar a unidade.
10. Configuração do sistema.
11. Teste do equipamento.
Cada etapa é descrita em detalhes nas páginas a seguir.

Inserção da bateria
O sistema MAC 1600 é enviado com uma bateria de íons de lítio, que
é carregada quando inserida em um sistema MAC 1600 conectado à
alimentação AC. Para obter instruções sobre como inserir a bateria,
consulte Substituição da bateria na página 10-14.

OBSERVAÇÃO
Não use o sistema com energia da bateria até que esta esteja
totalmente carregada, conforme indicado no medidor de bateria na
tela e pelo LED desligado ao lado da tela. Você pode usar o sistema
MAC 1600 com energia AC enquanto a bateria estiver carregando.

2-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Visão geral do equipamento

Conexão do adaptador de energia AC


O sistema MAC 1600 pode funcionar com energia AC ou bateria. Quando
a unidade está conectada a uma tomada AC, ela usa energia AC e
carrega a bateria instalada.

Use as instruções a seguir para conectar o sistema a uma tomada de


energia AC.

042A
1. Conecte a extremidade fêmea do cabo de alimentação da unidade ao
conector de energia AC na parte de trás da unidade. (A)

2. Conecte a extremidade macho do cabo de alimentação da unidade a


uma tomada AC. (B)

É recomendável que a unidade seja conectada a uma fonte de energia


ininterrupta (UPS) ou a um estabilizador.

3. Verifique o LED de energia para garantir que a unidade esteja


recebendo energia da tomada AC.

Para obter mais informações, consulte Visão frontal na página 2-2.

Conexão dos condutores


Use as instruções a seguir para conectar seus condutores e módulo de
aquisição à unidade MAC 1600.

011A

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 2-9


Visão geral do equipamento

1. Monte os condutores e os adaptadores.

Consulte Substituição de adaptadores de condutor na página 10-8


para obter detalhes.

2. Conecte os condutores à frente do módulo de aquisição. (A)

Consulte Módulos de aquisição na página 2-6 para obter


mais informações.

3. Conecte o cabo de aquisição ao sistema MAC 1600. (B)

Verifique se o cabo está bem encaixado.

Inserção do papel
Antes de imprimir os relatórios do ECG, faça o seguinte:

Verifique se o sistema está configurado para o tamanho correto


do papel.
O sistema MAC 1600 pode imprimir em papéis A4 ou 8,5" x 11". Para
as instruções, consulte Ajustando a bandeja de papel para diferentes
tamanhos de papel na página 10-10.
Insira o papel do tamanho adequado.
Para as instruções, consulte Substituir o papel na página 10-9.

Conexão do leitor de código de barras


Se o leitor de código de barras opcional tiver sido adquirido junto com a
unidade, conecte-o à porta USB do sistema MAC 1600.

OBSERVAÇÃO
A opção BCRD, que deve ser habilitada no sistema para que se
possa usar o leitor, é ativada na fábrica quando o leitor de código de
barras é adquirido junto com a unidade. Contudo, as configurações
de códigos de barra devem ser adaptadas ao site para que o leitor
possa ser usado. Consulte Config Paciente na página 9-28 para
obter detalhes.

Conexão do modem interno opcional


Se o sistema MAC 1600 tiver sido adquirido com a opção de modem
interno, conecte o modem a uma linha de telefone analógico, usando
o conector RJ11 na parte de trás da unidade. Consulte Visão traseira
na página 2-3 para obter detalhes.

2-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Visão geral do equipamento

Conexão a um modem externo


O sistema MAC 1600 pode ser usado com o Multitech MT5634ZBA
Global Modem (PN 2004831-001). O modem pode ser conectado à
porta serial COMM B do sistema, com o cabo MAC 1200 de 350 mm
(PN 2008683-001) ou o cabo MAC 1200 de 1M (PN 2008683-002). Se
o modem interno opcional tiver sido adquirido, o modem externo não
será necessário.

Consulte Visão traseira na página 2-3 para saber o local de COMM B.


Para obter instruções detalhadas, consulte o Manual de Manutenção em
Campo do MAC 1600.

Conectar a uma LAN


Se as opções LANC (Comunicação LAN com CardioSoft) ou LANM
(Comunicação LAN com MUSE) tiverem sido adquiridas, conecte
um cabo ethernet ao conector de rede RJ45 na parte traseira da
unidade MAC 1600.

OBSERVAÇÃO
Essa etapa é aplicável somente se a unidade MAC 1600 for usada
como dispositivo estacionário. Se for usada como unidade móvel, você
não deverá conectar o dispositivo a uma LAN até que esteja pronto
para importar, transmitir ou exportar registros.

Conexão de dispositivos externos (opção de esforço)


Se a opção Esforço tiver sido adquirida, conecte o dispositivo de
esforço externo ao sistema MAC 1600 através de um cabo serial na
porta COMM A, no painel traseiro.

O sistema MAC 1600 pode trabalhar com qualquer um dos dispositivos


a seguir.

Esteira GE modelo T2100.


Esteira GE modelo T2000.
Trackmaster TMX425.
Ergômetro Ergoline 900 (Esfigmomanômetro no ergômetro).
Ergômetro eBike.
Ergômetro Variobike.
Ergômetro Excalibur.
Master s Step (somente sinal acústico).
OBSERVAÇÃO
Configure o sistema MAC 1600 antes de usar os dispositivos
externos. Consulte Configuração básica na página 9-3 para obter
informações sobre a instalação dos dispositivos de teste de esforço.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 2-11


Visão geral do equipamento

Ligar o sistema
Pressione o botão Power para ligar o sistema. Verifique se a tela de
boas-vindas do MAC 1600 aparece sem erros:

Se você tiver problemas para ligar o sistema, consulte o Apêndice A para


obter instruções de solução de problemas.

Configuração do dispositivo
Quando o dispositivo estiver pronto para operação, defina suas
configurações, usando as informações do Capítulo 9.

Se as mesmas configurações forem aplicadas a vários dispositivos no


local, exporte-as para um cartão SD e use esse cartão para importar as
configurações para outros sistemas MAC 1600.

Teste do equipamento
Depois que a unidade MAC 1600 estiver instalada e configurada, teste
completamente o dispositivo antes de usá-lo em pacientes. Os cenários de
teste são:

Realizar e imprimir um ECG repouso.


Consulte o Capítulo 5 para obter instruções sobre os ECG de repouso.
Realizar e imprimir um ECG de arritmia.
Consulte o Capítulo 6 para obter instruções sobre os ECGs
de arritmia.
Realizar e imprimir um ECG esforço.
Consulte o Capítulo 7 para obter instruções sobre os ECGs de esforço.
Salvar, importar, imprimir, excluir, transmitir e exportar relatórios.
Consulte o Capítulo 8 para obter instruções sobre como usar o
armazenamento interno.

2-12 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Visão geral do equipamento

Descrição do sistema
Tela de início
Dependendo das opções selecionadas para o Modo alim na Config Básica,
a tela de início será uma das seguintes:

ECG repouso.
ECG esforço.
Arritmia.
Tela Principal.
Uma janela pedindo para que você digite a ID Usuário e a Senha.
OBSERVAÇÃO
A janela da senha aparecerá somente se a opção Modo Alta
Segurança estiver selecionada na Config Básica. O sistema pode
ser usado para fazer um ECG STAT sem ser necessário efetuar
logon. Pressione a tecla F1 para selecionar ECG STAT e começar
a fazer um ECG sem efetuar logon no sistema MAC 1600.

Uso do teclado do MAC 1600


Você interage com o sistema do MAC 1600 usando o teclado. Além de
inserir dados como se faria com qualquer teclado, use-o para:

Selecionar opções de menu.


Navegar pelos campos de entrada de dados.
Controlar equipamentos opcionais de esforço.
Para obter uma descrição completa dos recursos do teclado do MAC 1600,
consulte Layout do teclado na página 2-4 e Teclas do teste esforço na
página 7-5.

Seleção de opções de menu


Você configura o dispositivo e inicia leituras de ECG selecionando opções
de menu para aparecerem na parte inferior da tela. Até seis opções de
menu podem estar disponíveis em um dado momento, e cada opção
corresponde a uma tecla de função (F1-F6) diretamente abaixo da tela.

043A

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 2-13


Visão geral do equipamento

Pressione uma tecla de função para selecionar a opção de menu


correspondente. Dependendo da opção selecionada, o resultado será
um dos seguintes:

Fazer um ECG
Por exemplo, selecionar a opção de menu ECG repouso abre a função
ECG repouso.
Alterar uma configuração
Por exemplo, durante um ECG repouso, selecionar a opção 25 mm/s
altera a taxa da onda.
Abrir uma janela
Por exemplo, a opção Dados Paciente abre a janela Introdução de
dados do Paciente.
Alterar opções de menu
Por exemplo, a opção Mais exibe outras opções de menu.
Salvar suas seleções
Depois de inserir os dados ou alterar uma configuração, você
poderá optar por salvar suas alterações selecionando a opção de
menu Salvar.

Navegar por janelas de entrada de dados


Use os botões de comando para navegar pelas janelas de entrada
de dados.

Pressione as setas para mover o cursor pelos campos para a esquerda,


direita, para cima ou para baixo.

Pressione o botão central para selecionar o campo atual. Se o campo


estiver associado a uma lista de valores válidos, essa lista será exibida.

Controlar equipamentos opcionais de esforço


Se você tiver adquirido o módulo de esforço opcional, use as teclas de
esforço do teclado do MAC 1600 para controlar equipamentos de esforço
conectados ao MAC 1600. Para obter uma descrição das teclas de esforço
e suas funções, consulte Teclas do teste esforço na página 7-5.

2-14 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


3 Preparação do paciente

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 3-1


Preparação do paciente

Prepare a pele do paciente


A preparação cuidadosa da pele é fundamental para um ECG sem
interferências. A qualidade do sinal é mostrada no indicador do
Consultor Conexão.

OBSERVAÇÃO
Consulte o manual do operador para obter instruções sobre como
usar o sistema KISS de aplicação de eletrodos. O sistema KISS não
está disponível para venda nos Estados Unidos.

25A
1. Nos locais onde os eletrodos serão colocados, raspe todos os pêlos
e limpe a área com álcool para remover a oleosidade.

2. Faça o seguinte:
Se for executar um teste de esforço, vá para a etapa 3.
Se não for executar um teste de esforço, vá para a etapa 5.
3. Marque o local onde cada eletrodo será colocado com uma
caneta hidrocor.

4. Remova a camada epidérmica de cada local onde o eletrodo será


colocado com uma esponja abrasiva ou creme para preparação
da pele.

Quando a marca deixada pela caneta hidrocor for removida, o local


estará pronto para a aplicação dos eletrodos.

3-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Preparação do paciente

5. Aplique o eletrodo na área preparada.

ADVERTÊNCIA
RISCO DE CHOQUES Certifique-se de que as partes
condutoras dos eletrodos ou condutores não estejam em
contato com outras partes condutoras, inclusive a terra.

Isso cancelaria a proteção fornecida pela entrada isolada


do sinal.

6. Verifique se todos os cabos estão conectados e funcionando


adequadamente.

OBSERVAÇÃO
Você pode usar o módulo Consultor Conexão para analisar a
qualidade da conexão antes de iniciar o ECG. Para obter mais
informações, consulte Módulo do Consultor Conexão na
página 5-13.

Aplicação dos eletrodos

CUIDADO
CONEXÃO ADEQUADA DE CONDUTORES Uma
conexão inadequada causará imprecisões no ECG.

Rastreie cada cabo individualmente do rótulo do


módulo de aquisição até o conector colorido e ao eletrodo
correto, para garantir que esteja conectado ao local do
rótulo correto.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 3-3


Preparação do paciente

Eletrodos para ECG repouso


Colocação padrão de 12 deriv
Para adquirir um ECG padrão de 12 derivações, use a colocação
mostrada na ilustração a seguir.

026A

Rótulo Rótulo
Colocação dos eletrodos
AHA IEC

A V1 C1 Quarto espaço intercostal na borda direita


vermelho vermelho do esterno.

B V2 C2 Quarto espaço intercostal na borda esquerda


amarelo amarelo do esterno.

C V3 verde C3 verde Metade do caminho entre B e D.

D V4 azul C4 marrom Linha mediana da clavícula no quinto espaço


intercostal.
E V5 laranja C5 preto Linha axilar anterior no mesmo nível horizontal de D.

F V6 roxo C6 roxo Linha axilar anterior no mesmo nível horizontal


de D e E.

G LA preto L amarelo Deltóide esquerdo.

H LL F verde Acima do tornozelo esquerdo. (Local alternativo:


vermelho porção superior da perna, o mais próximo possível
do torso.)

I RL verde N preto Acima do tornozelo direito. (Local alternativo: porção


superior da perna, o mais próximo possível do torso.)

J RA branco R Deltóide direito.


vermelho

3-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Preparação do paciente

Colocação de derivações NEHB


Para adquirir um ECG NEHB, use a colocação padrão de eletrodos
de 12 derivações e os itens A e B mostrados na ilustração a seguir.

027A

Rótulo Rótulo
Colocação dos eletrodos
AHA IEC

A A1 laranja Nst branco Ponto de conexão da segunda costela com a


margem direita do esterno.

B A2 laranja Nax Quinto espaço intercostal na linha axilar posterior


branco esquerda. (Mesma posição que V7 ou C7.)

C V4 azul Nap Linha mediana da clavícula no quinto espaço


branco intercostal. (Mesma posição de C4.)

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 3-5


Preparação do paciente

Eletrodos para ECG esforço


Colocação padrão de 12 deriv
Para adquirir um ECG padrão de 12 derivações, use a colocação
mostrada na ilustração a seguir.

061A

Rótulo Rótulo
Colocação dos eletrodos
AHA IEC

A V1 C1 Quarto espaço intercostal na borda direita


vermelho vermelho do esterno.

B V2 C2 Quarto espaço intercostal na borda esquerda


amarelo amarelo do esterno.

C V3 verde C3 verde Metade do caminho entre B e D.

D V4 azul C4 marrom Linha mediana da clavícula no quinto espaço


intercostal.
E V5 laranja C5 preto Linha axilar anterior no mesmo nível horizontal de D.

F V6 roxo C6 roxo Linha axilar anterior no mesmo nível horizontal


de D e E.

G LA preto L amarelo Sob a clavícula esquerda no ponto mais distante


do esterno.

H LL F verde Na linha da cintura, acima da coxa esquerda.


vermelho

I RL verde N preto Na linha da cintura, acima da coxa direita.

J RA branco R Sob a clavícula direita no ponto mais distante


vermelho do esterno.

3-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


4 Introdução de dados
do paciente

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 4-1


Introdução de dados do paciente

Entrada manual de dados do paciente


Os dados do paciente devem ser inseridos para cada novo paciente de
quem se fará a leitura. Use o procedimento a seguir para inserir os dados
se você não estiver usando um leitor de códigos de barras ou se desejar
modificar ou adicionar os dados inseridos com o leitor.

CUIDADO
DADOS PRECISOS DO PACIENTE Os dados apresen-
tados podem ser os do paciente anterior. Verifique a tela de
informações para cada novo paciente. Dados atribuídos ao
paciente errado resultam em informações falsas que podem
afetar o diagnóstico e o tratamento do(s) paciente(s).

Certifique-se de que as informações inseridas sejam do


paciente correto.

1. Abra a janela Introdução de Dados do Paciente.

Para ECG repouso, pressionar a tecla F1 faz a janela abrir.

Para Arritmia ou Esforço, a janela abre automaticamente quando


você seleciona primeiro o aplicativo. Não é necessário pressionar
a tecla F1. Para os pacientes seguintes, será necessário abrir a
janela manualmente:

No modo Arritmia, pressione F1 > F2 (Iniciar Gravação >


Novo Paciente) para abrir novamente a janela Introdução de
Dados do Paciente.
No modo Esforço, pressione F1 (Dados do Paciente) para abrir
novamente a janela Introdução de Dados do Paciente.
2. Insira os dados necessários do paciente ou pressione a tecla F1 para
selecionar o paciente na Lista Pacientes.

OBSERVAÇÃO
A Lista Pacientes estará disponível somente se a opção de
armazenagem interna estiver habilitada.

Se você selecionar um paciente da lista de pacientes, somente a


primeira página dos dados do paciente será reutilizada: todas as
páginas seguintes devem ser preenchidas manualmente.

3. Use as teclas F3 e F4 para navegar entre as janelas de dados


do paciente.

A tecla F4 avança uma tela.

A tecla F3 volta uma tela.

OBSERVAÇÃO
Se a opção CTDG (Guarda Dados Ensaio Clínico) estiver ativada,
você insere dados do ensaio clínico na última janela.

4. Quando todos os dados do paciente tiverem sido inseridos, pressione


a tecla F6 para salvá-los.

4-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Introdução de dados do paciente

Introdução de dados do paciente com um leitor de


código de barras
O uso de um leitor de código de barras pode simplificar a inserção dos
dados do paciente e reduzir as chances de apresentar erros. Ao ler o
código de barras de um paciente, recuperam-se os dados codificados do
paciente no código de barras. Você pode então verificar ou modificar as
informações, se necessário.

Para usar o leitor de código de barras, este deve estar conectado à porta
USB do painel traseiro do MAC 1600 e configurado corretamente.
Consulte o Capítulo 9 para obter instruções sobre como configurar
o leitor de código de barras opcional.

1. Quando o aviso Ler código de barras paciente aparecer na tela, faça a


leitura do código de barras do paciente.

044A
É exibida uma mensagem dizendo Aguarde na tela e o leitor de
código de barras apita. A primeira janela de Dados Paciente é aberta,
com as informações do código de barras do paciente inseridas nos
campos apropriados.

2. Confirme se os dados do paciente inseridos a partir do código de


barras estão corretos.

3. Insira ou modifique informações conforme necessário.

Consulte Entrada manual de dados do paciente na página 4-2 para


obter detalhes.

4. Depois de verificar se os dados do paciente estão corretos, pressione a


tecla F6 para salvá-los.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 4-3


Introdução de dados do paciente

4-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


5 Gravação de um
ECG em repouso

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-1


Gravação de um ECG em repouso

Introdução
A função ECG repouso faz parte do sistema básico do MAC 1600. O modo
ECG repouso é o Modo Alim padrão. Quando o sistema está ligado,
é exibida a tela ECG repouso semelhante à figura a seguir. O padrão
pode ser modificado na tela Config Básica.

045A

Tela ECG repouso

Item Nome Descrição

A Tipo de ECG Tipo de ECG. Os tipos válidos são ECG repouso,


Arritmia e Teste de Esforço.

B Formato Tela Formato das ondas atuais. Pressione a


tecla Derivações para visualizar todas
as 12 derivações.

C Data Data atual do sistema.

D Hora Hora atual do sistema.

E Indicador do status Exibe o nível atual da bateria.


da bateria

F Indicador de Aparece somente se a opção de armazenamento


armazenamento interno interno estiver habilitada. Formato: Número
aproximado de registros de ECG que podem ser
armazenados na memória disponível / Número
máximo de registros de ECG que podem
ser armazenados.

5-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de um ECG em repouso

Tela ECG repouso (continuação)

Item Nome Descrição

G Indicador do Consulte Módulo do Consultor Conexão na


Consultor Conexão página 5-13 para obter mais informações.
H Freqüência Cardíaca A freqüência cardíaca atual do paciente em
do Paciente batimentos por minuto.

I Opções do Menu As opções do menu disponíveis. A lista de opções


disponíveis muda conforme a função e o local
atual nessa função. Para obter mais informações,
consulte Seleção de opções de menu na
página 2-13.

J Rótulos de derivação Identifica cada formato de onda e indica


sua qualidade.
Amarelo = derivação com ruídos.
Vermelho = derivação desconectada.

ECGs em repouso
O ECG em repouso é o modo padrão do MAC 1600, mas isso pode ser
alterado na configuração do sistema. Esta seção descreve como
gravar ECGs em repouso, bem como as opções disponíveis.

Gravação de um ECG em repouso


As etapas a seguir descrevem como executar um ECG em repouso.

OBSERVAÇÃO
Para fazer um ECG stat, vá para a etapa 7.

1. Prepare o paciente conforme descrito no Capítulo 3.

2. Verifique se o sistema está no modo ECG repouso.

Se o sistema não estiver no modo ECG repouso, pressione a tecla F1


no Menu Principal para selecionar ECG repouso.

3. Digite os dados do paciente conforme descrito no Capítulo 4.

4. Ajuste Velocidade, Ganho e Filtro Baixa Freqüência até que as ondas


estejam configuradas como desejado.

Para obter mais informações, consulte Opções de ECG na página 5-5.

5. Se o paciente tiver um marca-passo, pressione a tecla F5 para ligar


Ref Marca-passo.

Para obter mais informações, consulte Opções de ECG na página 5-5.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-3


Gravação de um ECG em repouso

6. Pressione a tecla Derivações para percorrer as derivações ou alterar


o formato de derivação.

Para obter mais informações sobre formatos de tela, consulte


Configuração de ECG repouso na página 9-6.

7. Quando as ondas estiverem configuradas, pressione a tecla ECG


para iniciar a aquisição.

Uma barra de andamento indica a porcentagem de dados adquiridos.


Quando a aquisição estiver completa, ocorrerá um dos eventos a
seguir, dependendo da configuração da opção Visualizar Antes da
Análise na janela Configuração de ECG repouso.

Se a opção Visualizar Antes da Análise estiver habilitada,


será exibida uma visualização do ECG de 10 segundos na tela.
Vá para a etapa 8.
Se a opção Visualizar Antes da Análise não estiver habilitada,
os dados do ECG serão analisados e impressos após a aquisição.
Vá para a etapa 9.
8. Ao analisar a visualização, execute uma das ações a seguir.

Para descartar a leitura e começar novamente, pressione F3


(Cancelar) e repita a partir da etapa 4.
Para aceitar a leitura, pressione F4 (Continuar).
As opções do menu mudam para permitir que você gerencie a
aquisição. Vá para a etapa 9.
9. Use as opções para mudar de paciente, imprimir uma cópia ou salvar,
transmitir ou analisar novamente os dados.

Para obter mais informações sobre cada opção, consulte Opções


Pós-aquisição na página 5-7.

5-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de um ECG em repouso

Opções de ECG
O MAC 1600 oferece várias opções de configuração para um ECG. As
opções, apresentadas como teclas de opções na parte inferior da tela,
estão descritas na tabela a seguir.

Tecla F Opção Descrição

F1 Dados do Paciente Abre a janela para digitação dos dados do paciente.

F2 Velocidade Altera a velocidade da onda na tela e na impressão.


Alterar a velocidade também altera a velocidade com
que a barra de limpeza se move pela tela.

As medidas são em milímetros por segundo (mm/s) e


incluem as seguintes opções:

25 mm/s
50 mm/s
12,5 mm/s - 5 mm/s
12,5 mm/s
Quando a opção inclui duas velocidades (12,5 mm/s -
5 mm/s), a primeira velocidade é para a tela e a
segunda para a impressão.

F3 Ganho Altera a magnitude do sinal do ECG na tela ou


no relatório. As medidas são em milímetros por
milivolt (mm/mV) e incluem as seguintes opções:

5 mm/mV
10 mm/mV
20 mm/mV
40 mm/mV
2,5 mm/mV
Automático
Quanto maior a medida selecionada, maior a onda
aparecerá. Somente a aparência da onda é alterada;
a intensidade do sinal não é afetada.

OBSERVAÇÃO
Se for selecionado Automático, o sistema
calculará o melhor ganho com base nas
amplitudes de pico a pico de todas as derivações
exibidas e o formato de tela selecionado.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-5


Gravação de um ECG em repouso

Tecla F Opção Descrição

F4 Filtro Restringindo as freqüências incluídas, elimina ruídos


na onda. As freqüências são medidas em Hertz (Hz) e
incluem as seguintes opções:

20 Hz
40 Hz
100 Hz
150 Hz
A seleção de uma freqüência elimina sinais que
excedam essa freqüência. Quanto menor a freqüência
selecionada, mais o sinal é filtrado. Por exemplo,
um filtro de 40 Hz exibe somente sinais de 40 Hz ou
menos; sinais com mais de 40 Hz serão ignorados.

CUIDADO
LEITURAS IMPRECISAS O uso do filtro pode
resultar em uma onda mais limpa, mas a seleção de
uma freqüência baixa demais pode alterar a morfologia
da onda, resultando em uma leitura imprecisa.

Para que isto seja evitado, use o filtro somente para


eliminar o excesso de ruídos e use a maior freqüência
que oferecer uma onda legível.

F5 Ref Marca-passo Melhora a legibilidade de ECGs de marca-passos.


As opções são Ligado e Desligado.

F6 Mais Alterna entre a primeira linha de opções (acima)


e a segunda linha de opções (abaixo).

F1 Imprimir Deriv Seleciona quais derivações devem ser incluídas


na impressão. As opções são:

Primeiro 6.
Segundo 6.
Ritmo 6.
12.
Usadas somente ao executar ECGs de ritmo. Consulte
Geração de um Relatório de Ritmo (gravação
manual) na página 5-8 para obter mais informações.

F5 Menu Principal Sai da função ECG repouso e volta ao Menu Principal.

5-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de um ECG em repouso

Opções Pós-aquisição
Além das opções de configuração, a funcionalidade de ECG repouso
oferece outras opções após a aquisição do ECG. Apresentadas como teclas
de opções na parte inferior da tela, são descritas na tabela a seguir.

Tecla F Opção Descrição

F1 Próx Paciente Exibe duas novas opções:

Novo Paciente abre uma janela de Dados do


Paciente em branco.
Mesmo Paciente abre a janela de Dados
do Paciente preenchida com dados do
paciente anterior.

F2 Imprim. Imprime o relatório do ECG.

F3 Salvar Armazena o relatório de ECG atual. Disponível


somente se a opção de armazenamento interno
estiver habilitada.

F4 Transmitir Envia o relatório do ECG atual para o local definido


na janela Config Comunicação. Aplicável somente se
houver uma opção de comunicação válida por LAN
ou Modem habilitada.

Consulte Capítulo 9 para obter mais informações.

F5 Reanalisar Permite que você edite as medições globais e desvio


de onda T. Disponível somente se a opção Medida
estiver habilitada e a opção Reanálise estiver
selecionada na janela Configuração de ECG repouso.

Para obter mais informações, consulte Reanálise de


um ECG na página 5-9.

F6 Mais Volta para as opções de configuração.

Consulte Opções de ECG na página 5-5 para


obter detalhes.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-7


Gravação de um ECG em repouso

Geração de um Relatório de Ritmo (gravação manual)


O modo ECG repouso permite que você gere Relatórios de Ritmo, que
são somente relatórios impressos. Eles não contêm interpretação ou
medições geradas por computador e não podem ser armazenados na
memória interna ou transmitidos. Siga as etapas abaixo para gerar
um Relatório de Ritmo.

1. Prepare o paciente conforme descrito no Capítulo 3.

2. Verifique se o sistema está no modo ECG repouso.

Se o sistema não estiver no modo ECG repouso, pressione a tecla F1


no Menu Principal para selecionar ECG repouso.
3. Digite os dados do paciente conforme descrito no Capítulo 4.

4. Ajuste Velocidade, Ganho e Filtro Baixa Freqüência até que as ondas


estejam configuradas como desejado.

Para obter mais informações, consulte Opções de ECG na página 5-5.

5. Se o paciente tiver um marca-passo, pressione a tecla F5 para


ligar Ref Marca-passo.

Para obter mais informações, consulte Opções de ECG na página 5-5.

6. Pressione a tecla Derivações para percorrer todas as 12 derivações.

Para obter mais informações sobre formatos de tela, consulte


Configuração de ECG repouso na página 9-6.

7. Pressione a tecla F6 para selecionar Mais.

8. Pressione a tecla F1 para selecionar a opção adequada de


Imprimir Deriv.

Para obter mais informações sobre a opção Imprimir Deriv, consulte


Opções de ECG na página 5-5.

9. Pressione a tecla Ritmo para iniciar a gravação do ECG.

10. Pressione a tecla Parar para parar a gravação do ECG.

Se você pressionar a tecla Ritmo depois de pressionar a tecla Parar,


o novo relatório será impresso imediatamente na folha de papel atual
ou avançará para uma página nova, dependendo da configuração do
campo Iniciar relat ritmo em nova pág na janela Configuração de ECG
repouso. Consulte Configuração de ECG repouso na página 9-6 para
obter detalhes.

5-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de um ECG em repouso

Reanálise de ECG
Você pode reanalisar ECGs se ambas as condições a seguir forem
atendidas:

A opção de sistema Medida e Interpretação 12SL ou a opção de


sistema HEART estão habilitadas, e
Reanálise está selecionada na janela Configuração de ECG repouso.

A opção Reanálise permite que você modifique os pontos seguros em


ondas adquiridas. Os detalhes das modificações que podem ser feitas
dependem de qual opção do sistema está habilitada:

Se a opção Medida e Interpretação 12SL estiver habilitada,


a reanálise permite que você modifique Medidas Gerais.
Se a opção HEART estiver habilitada, a reanálise permite que
você modifique Medidas Gerais e Desvio onda T.

Reanálise de um ECG
Use o procedimento a seguir para reanalisar um ECG em repouso.

Para obter informações adicionais, consulte Layout da Reanálise na


página 5-10 e Opções de Reanálise na página 5-11.

1. Depois de adquirir um ECG, pressione a tecla F5 (Reanalisar) para


executar a função Reanalisar.

Para obter instruções sobre como adquirir um ECG em repouso,


consulte Gravação de um ECG em repouso na página 5-3.

2. Pressione a tecla F3 para selecionar o Modo Edição.

Para obter mais informações, consulte Opções de Reanálise na


página 5-11.

3. Analise as ondas para determinar a precisão dos pontos seguros


selecionados pelo sistema.

Para visualizar melhor as ondas individualmente, use a tecla


Derivações para alternar entre as ondas.

4. Depois de analisar as ondas, use o procedimento a seguir para


ajustar os pontos seguros:

a. Pressione a tecla F1 para alternar entre os pontos seguros.

O ponto selecionado muda de tamanho e fica destacado em verde.

b. Quando o ponto correto for selecionado, use botões de comando


para ajustar sua posição.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-9


Gravação de um ECG em repouso

c. Para verificar se a posição está correta, consulte os valores da


Legenda de Medidas no canto inferior esquerdo da tela.

Para obter mais informações sobre a Legenda de Medidas,


consulte Layout da Reanálise na página 5-10.

d. Repita da etapa a à etapa c para cada ponto seguro a


ser ajustado.

5. Ao concluir o ajuste dos pontos seguros, execute uma das ações


a seguir:

Para descartar seus ajustes e começar novamente, pressione


a tecla F4.
As leituras originais serão restauradas. Volte para a etapa 2
para recomeçar.
Para salvar seus ajustes, pressione a tecla F5.
As alterações são salvas.
6. Repita a partir da etapa 2 para fazer ajustes no outro modo de edição.

7. Depois de fazer todas as alterações, pressione a tecla F6 para voltar


às opções originais do menu.

Layout da reanálise
A seleção da opção Reanálise depois da aquisição de um ECG em repouso
exibe a tela a seguir. Os principais recursos da tela estão descritos na
tabela a seguir.

047A

5-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de um ECG em repouso

Recurso Descrição

A Ondas Uma visualização composta da leitura do ECG gerada


pela superposição das ondas medianas de todas
as 12 derivações.

Pressione a tecla Derivações para alternar entre as


ondas individualmente. A onda selecionada brilha mais
do que as outras.

B Pontos Seguros Cada ponto seguro é representado por uma linha


vertical através das ondas compostas.

Pressione a tecla F1 (Próximo) para alternar entre


os pontos seguros. Quando um ponto é selecionado,
ele aumenta de tamanho e fica destacado em verde.
Um ponto seguro selecionado pode ser ajustado,
pressionando-se as setas direita e esquerda nos
botões de comando.

C Legenda de Medidas A medida, em milissegundos (ms), para o seguinte:

Duração P.
Intervalo FP.
Duração QRS.
Intervalo QT.
Conforme você ajusta os pontos seguros, essas
medidas se ajustam de acordo.

Opções de reanálise
As opções a seguir estão disponíveis para a reanálise de um ECG.

Tecla F Opção Descrição

F1 Próximo Circula pelos seguintes pontos seguros nas


ondas superpostas:

Início P.
Desloc P.
Início QRS.
Desloc QRS.
Desloc T.
Conforme passa por cada ponto, o ponto selecionado
dobra de tamanho e é destacado em verde para
melhor visibilidade.

Use as setas esquerda e direta dos botões de


comando para mover o ponto selecionado. Conforme
você ajusta os pontos, as medidas correspondentes
na Legenda de Medidas se ajustam de acordo.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-11


Gravação de um ECG em repouso

Tecla F Opção Descrição

F2 P-Medição Alterna o formato das medidas Duração P e


Intervalo FP na Legenda de Medidas e alterna
os pontos seguros de linhas sólidas (certo) para
linhas pontilhadas (incerto).
Disponível somente quando os pontos seguros Início P
ou Desloc P estão selecionados.

F3 Modo Edição Se qualquer uma das opções HEART (MEHR ou


MIHR) estiver ativada, alterna entre os modos de
edição Medidas Gerais e Desvio onda T. Medidas
Gerais é o modo padrão.

Se qualquer uma das opções 12SL (MI12 ou ME12)


estiver ativada, somente Medidas Gerais estará
disponível.

Para obter mais informações sobre a ativação


das opções HEART, consulte Opções Config na
página 9-33.

F4 Restaurar Retorna todos os pontos seguros a suas


posições originais.
Use esta opção para desfazer todas as alterações
e começar novamente.

F5 Salvar Aplica as alterações do marcador de onda ao relatório


de ECG. Da próxima vez que o ECG for impresso, ele
será reanalisado com as novas configurações.

F6 Voltar Sai da função de reanálise e volta ao modo


ECG repouso.

Se você selecionar esta opção antes de pressionar


a tecla F5 para salvar as alterações, perderá
suas alterações.

5-12 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de um ECG em repouso

Módulo do consultor conexão


O módulo Consultor Conexão é uma indicação visual da qualidade
dos sinais de derivação. Sua monitoração pode ajudar a reduzir ou
eliminar ECGs de baixa qualidade, economizando tempo e eliminando
a necessidade de fazer ECGs adicionais.

046A
O indicador Consultor Conexão está posicionado no canto superior direito
da tela, à esquerda da freqüência cardíaca. A tabela a seguir descreve
cada uma das condições do indicador.

Indicador Descrição

Vermelho Indica uma condição de falha na derivação ou alterações extremas na


linha de base. É exibida uma mensagem correspondente.

Amarelo Indica artefato de músculo, interferência da linha de alimentação,


flutuação da linha de base ou ruído do eletrodo. É exibida uma
mensagem correspondente.

Verde Indica qualidade de sinal aceitável.

Quando o indicador vermelho ou amarelo estiver aceso, identifique e


corrija o erro antes de continuar o ECG.

A função Consultor Conexão está habilitada e configurada na


Configuração de ECG repouso. Consulte Configuração de ECG repouso
na página 9-6 para obter detalhes.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-13


Gravação de um ECG em repouso

Considerações especiais
Ao gravar ECGs, deve-se ter considerações especiais para as
seguintes situações:

Gravação do ECG de pacientes com marca-passo.


Gravação de ECGs durante desfibrilação.

Gravação de ECGs de Pacientes com marca-passo


Devido à baixa velocidade do papel, os pulsos do marca-passo não podem
ser exibidos diretamente na gravação do ECG. Por exemplo, com o papel
em velocidade de 50 mm/s e duração de pulso de somente 0,5 ms, a
largura do pulso do marca-passo gravado seria de apenas 0,025 mm.

Se a opção Ref Marca-passo estiver habilitada, o gravador reduz a


amplitude do pulso e expande sua largura, para facilitar a identificação
de pulsos do marca-passo. O sistema grava o pulso com a polaridade
correta, uma largura de 5 ms e amplitude igual em todas as derivações.
Dependendo da polaridade do pulso do marca-passo nas derivações I e II,
o pulso do marca-passo na derivação III pode ser suprimido. A figura a
seguir de uma gravação de ECG com pulsos de marca-passo mostra a
amplitude da corrente reversa.

047A

ADVERTÊNCIA
ALARME DE FC INCORRETO, AUSENTE Se houver
várias condições adversas ao mesmo tempo, a possibilidade
de os pulsos do marca-passo serem interpretados
(e contados) como complexos QRS deve ser considerada.
Ao mesmo tempo, contudo, complexos QRS podem ser
suprimidos em determinadas situações. Portanto,
pacientes com marca-passo devem sempre ser
observados atentamente.

5-14 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de um ECG em repouso

Gravação de ECGs durante desfibrilação


Esse equipamento está protegido contra os efeitos da descarga de um
desfibrilador cardíaco, para permitir que o traço do ECG volte após a
desfibrilação, como exigido por padrões de teste.

A entrada de sinal do paciente é resistente à desfibrilação; não é


necessário remover os eletrodos do ECG antes de desfibrilar o paciente.

No entanto, se forem usados eletrodos de aço inoxidável ou de prata,


a corrente de descarga do desfibrilador pode fazer com que os eletrodos
retenham uma carga residual, causando uma polarização dos eletrodos
ou voltagem de deslocamento DC. Isto bloqueará a aquisição de sinal
do ECG por vários minutos. Se forem usados eletrodos polarizantes,
a GE recomenda que os cabos sejam desconectados do paciente antes
do choque ser aplicado.

Para evitar a polarização, a GE recomenda o uso de eletrodos


descartáveis não-polarizantes com taxas de recuperação de desfibrilação
conforme especificado em AAMI EC12 3.2.2.4 (MMS PN 9623-105 Silver
MacTrodes, MMS especificação TP9623-003), que exige que o potencial
de polarização de um par de eletrodos não exceda 100mV cinco segundos
após uma descarga de desfibrilador.

ADVERTÊNCIA
DANOS AO EQUIPAMENTO Para a segurança do
paciente, use somente o cabo original para paciente GE.
Antes de conectar o cabo ao dispositivo, verifique se há
sinais de danos mecânicos. Não use um cabo danificado.

ADVERTÊNCIA
RISCO DE CHOQUES Durante a desfibrilação,
não toque no paciente, nos eletrodos ou nos cabos.

Observe todas as informações de segurança do desfibrilador.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 5-15


Gravação de um ECG em repouso

5-16 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


6 Gravação de
modo arritmia

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 6-1


Gravação de modo arritmia

Introdução
O modo de Arritmia faz parte do sistema básico do MAC 1600. Permite
que você crie manualmente uma impressão de arritmia em formato de
tabela, episódio ou resumo.

A interface do modo Arritmia é idêntica à interface do modo ECG


repouso. Para obter mais informações sobre a interface, consulte
Introdução na página 5-2. Além das mesmas opções de formato de
onda (velocidade, ganho, filtro, ref marca-passo e dados do paciente)
do modo ECG repouso, o modo arritmia também oferece um sistema
antidesvio (SAD) que ajuda a reduzir alterações de linha de base.

Modo arritmia
Esta seção descreve o processo de gravação de um relatório de arritmia,
as opções de ondas e as de impressão.

Impressão de um relatório de arritmia


Use as etapas a seguir para gravar um relatório de arritmia.

1. Prepare o paciente conforme descrito no Capítulo 3.

2. No Menu Principal do MAC 1600, pressione a tecla F2 (Arritmia).

A janela Introdução de Dados do Paciente se abre.

3. Digite os dados do paciente conforme descrito no Capítulo 4.

4. Ajuste ganho, velocidade, filtro, sistema antidesvio e detecção de


marca-passo conforme necessário.

Consulte Opções de arritmia na página 6-3 para obter detalhes.

5. Quando as configurações tiverem sido ajustadas conforme a


necessidade, pressione a tecla F1 (Iniciar Gravação) para iniciar
o relatório de arritmia.

6. Depois de gravar a quantidade necessária de informações, pressione


a tecla F1 (Parar Gravação).

Duas novas opções ficam disponíveis: Confirmar Parar e


Continuar Gravação.

7. Faça o seguinte:

Se for necessário gravar mais informações, pressione a tecla F5


(Continuar Gravação).
Você voltará para o modo de gravação. Repita a partir da etapa 6.
Se você decidir que já há informações suficientes gravadas,
pressione a tecla F2 (Confirmar Parar).
As opções de relatório ficam disponíveis.

6-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de modo arritmia

8. Selecione o tipo de relatório de arritmia a ser impresso e pressione a


tecla de função adequada.

Para imprimir o relatório resumido, pressione a tecla F1.


Para imprimir o relatório em tabela, pressione a tecla F2.
Para imprimir relatório de episódios, pressione a tecla F3.
Consulte Opções de impressão na página 6-5 para obter detalhes.

9. Revise o relatório conforme necessário.

Para obter mais informações, consulte Códigos de arritmia na


página 6-6.

Opções de arritmia
O MAC 1600 oferece várias opções de configuração para um relatório
de arritmia. As opções, apresentadas como teclas de opções na parte
inferior da tela, estão descritas na tabela a seguir.

Tecla F Opção Descrição

F1 Iniciar/Parar Inicia e pára a leitura de arritmia.


gravação

F2 Alterar velocidade Altera a velocidade da onda na tela e na impressão.


Alterar a velocidade também altera a velocidade com
que a barra de limpeza se move pela tela.

As medidas são em milímetros por segundo (mm/s) e


incluem as seguintes opções:

25 mm/s
50 mm/s
12,5 mm/s - 5 mm/s
12,5 mm/s
Quando a opção inclui duas velocidades (12,5 mm/s -
5 mm/s), a primeira velocidade é para a tela e a
segunda para a impressão.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 6-3


Gravação de modo arritmia

Tecla F Opção Descrição

F3 Ganho Altera a magnitude do sinal do ECG na tela ou


no relatório. As medidas são em milímetros por
milivolt (mm/mV) e incluem as seguintes opções:

5 mm/mV
10 mm/mV
20 mm/mV
40 mm/mV
2,5 mm/mV
Automático
Quanto maior a medida selecionada, maior a onda
aparecerá. Somente a aparência da onda se altera;
a intensidade do sinal não é afetada.

OBSERVAÇÃO
Se for selecionado Automático, o sistema
calculará o melhor ganho com base nas
amplitudes de pico a pico de todas as derivações
exibidas e o formato de tela selecionado.

F4 Filtro Restringindo as freqüências incluídas, elimina ruídos


na onda. As freqüências são medidas em Hertz (Hz) e
incluem as seguintes opções:

20 Hz
40 Hz
100 Hz
150 Hz
A seleção de uma freqüência elimina sinais que
excedam essa freqüência. Quanto menor a freqüência
selecionada, mais o sinal é filtrado. Por exemplo, um
filtro de 40 Hz exibe somente sinais de 40 Hz ou
menos; sinais com mais de 40 Hz serão ignorados.

CUIDADO
LEITURAS IMPRECISAS O uso do filtro pode
resultar em uma onda mais limpa, mas a seleção de
uma freqüência baixa demais pode alterar a morfologia
da onda, resultando em uma leitura imprecisa.

Para que isto seja evitado, use o filtro somente para


eliminar o excesso de ruídos e use a maior freqüência
que oferecer uma onda legível.

F5 SAD Alterna o sistema antidesvio (SAD) entre ligado e


desligado. O SAD ajuda a diminuir o desvio de linha
de base.

F6 Mais Alterna entre as opções de teclas.

6-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gravação de modo arritmia

Tecla F Opção Descrição

F1 Ref Marca-passo Melhora a legibilidade de ECGs de marca-passos.


As opções são Ligado e Desligado.

F3 Dados do Paciente Abre a janela para digitação dos dados do paciente.

F5 Menu Principal Sai da função Arritmia e volta ao Menu Principal.

Opções de impressão
Ao imprimir um relatório de arritmia, você tem as opções a seguir.

Tecla F Opção Descrição

F1 Imp Resumo Imprime um relatório combinado que inclui os formatos


Tabela e Episódio.

F2 Imp Tabela Imprime o relatório detalhado em formato de tabela.


O relatório inclui:

A duração da análise em minutos e segundos.


A duração do artefato em minutos e segundos.
Um código para cada tipo de evento gravado, e
O número de cada tipo de evento gravado.
Para obter uma descrição dos códigos de
evento possíveis, consulte Códigos de arritmia na
página 6-6.

F3 Imp Episódios Imprime um relatório de ondas padrão dos eventos


gravados. O sinal de todas as derivações gravadas
é impresso, e cada evento é marcado com o código
de arritmia correspondente.

Para obter uma descrição dos códigos de evento


possíveis, consulte Códigos de arritmia na página 6-6

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 6-5


Gravação de modo arritmia

Códigos de arritmia
A tabela a seguir identifica os códigos usados nos relatórios de arritmia e
os eventos que eles representam.

Código Evento de arritmia

A Artefato.

ASYSTO Assístole, valor limite 3 s.

CPLT Par ventricular (2 EV).

ESC Batimento ventricular de escape.

L Fase de aprendizado.

PAU1 Pausa de 1 batimento perdido.

PAU2 Pausa de 2 batimentos perdidos.

PCAP Captura de marca-passo.

PERR Mau funcionamento do marca-passo.

PSVC Contração supraventricular prematura.

EV Contração ventricular prematura.

QRSL Complexo QRS adquirido.

EXECUTAR Execução ventricular (3 EV).

VBIG Bigemia ventricular.

VFIB Fibrilação/palpitação ventricular.

VTACH Taquicardia ventricular (>3 EV).

6-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


7 Teste de esforço

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 7-1


Teste de esforço

Introdução
O modo Esforço é um recurso opcional que permite que você realize testes
de esforço com qualquer um dos dispositivos a seguir.

Dispositivo Descrição

Esteiras e ergômetros Os dispositivos suportados são conectados ao sistema


suportados MAC 1600 pela porta serial com o rótulo COMM A,
na parte traseira da unidade. O dispositivo pode ser
controlado através dessa conexão. Quando uma fase
do teste muda, é enviado um sinal do sistema para o
dispositivo alterar a velocidade, inclinação ou carga,
conforme necessário. Também é possível iniciar
alterações manuais no dispositivo a partir do teclado
do MAC 1600. Consulte Teclas do teste esforço na
página 7-5 para obter mais informações.

Estes são os dispositivos suportados:

T2000 e T2100.
Trackmaster TMX425.
Excalibur.
Ergoline 900 / Variobike.
eBike.

Ergômetros com Esses dispositivos também são conectados ao sistema


partida remota MAC 1600 pela porta serial com o rótulo COMM A, na
parte traseira da unidade. Contudo, não são controlados
pelo sistema. Quando o dispositivo muda a carga,
ele avisa o sistema, que muda o estágio de teste da
mesma forma.

Esteiras e ergômetros Modelos não suportados não se conectam ao sistema


não suportados MAC 1600. Ao invés de avisar ao dispositivo quando uma
fase do teste muda, o sistema notifica o operador, que
ajusta manualmente os parâmetros do dispositivo.

Master Step Esse dispositivo não se conecta à unidade MAC 1600.


O sistema emite um sinal sonoro para avisar ao paciente
quando ele deve tomar uma atitude.

7-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Teste de esforço

Os testes de esforço incluem os seguintes parâmetros:

Dados do paciente.
Velocidade e ganho da onda.
Reforço de marca-passo.
Filtro residual finito.
Imprimir deriv.
Formato relatório.
Freqüência cardíaca alvo.
Protocolo de teste.
O resultado do teste não pode ser armazenado no armazenamento
interno nem no cartão SD externo. Os resultados precisam ser impressos.
Você pode selecionar qualquer um dos formatos de relatório a seguir.

Relato resumido.
Resumo tabular.
Curva tendência.
Relatório Tend TE.
Resumo medidas TE.
Relatório de episódio.

Para usar o modo ECG esforço, as seguintes condições devem


ser atendidas:

A opção ERGO deve ser adquirida e adicionada à unidade.


Para obter mais informações, consulte Opções Config na página 9-33.
O dispositivo correto deve ser selecionado na Config Básica Sistema.
Para obter mais informações, consulte Configuração básica na
página 9-3.
A janela Config ECG Esforço deve ser configurada corretamente.
Para obter mais informações, consulte Configurações de ECG
esforço na página 9-16.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 7-3


Teste de esforço

Interface do modo esforço


O modo ECG Esforço usa dois recursos especiais - uma Barra de
Informações de Teste Esforço e Teclas de Teste Esforço - e oferece várias
opções de configuração.

Barra de informações de teste esforço


O modo ECG Esforço adiciona uma barra de informações ao lado direito
da tela do MAC 1600, mostrada na ilustração a seguir. Após a ilustração,
veja as descrições dos principais elementos da barra.

049A

Recurso Descrição

A Freqüência alvo A freqüência cardíaca alvo e a porcentagem desse alvo


atingida pela freqüência cardíaca atual.

B VE/min Ectópicas ventriculares por minuto. Também


conhecidas como contração ventricular prematura.
Calculadas pela soma de todas as EV e ESC
detectadas no último intervalo de 60 segundos.

C Pressão Sangüínea Pressão sangüínea em mmHg (milímetros de mercúrio)


ou kPa (quilopascals), dependendo da configuração
de Unidade Pressão Sangüínea na janela
Configurações País.

Para obter mais informações, consulte Configurar


País na página 9-27.

7-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Teste de esforço

Recurso Descrição

D RPP/100 Produto freqüência-pressão dividido por 100.


O produto freqüência-pressão é calculado pela
multiplicação da pressão sangüínea sistólica pela
freqüência cardíaca atual. O produto é então dividido
por cem. Por exemplo, um RPP de 10200 é exibido
como 102.

E Protocolo Nome do protocolo do teste atual e sua duração total


em minutos e segundos.

F Fase Nome da fase atual do teste e sua duração total em


minutos e segundos.

G Estágio Nome do estágio atual do teste e sua duração total em


minutos e segundos. Exibido em vermelho se o
dispositivo estiver em modo manual.

H Velocidade/Carga Velocidade da esteira ou carga do ergômetro. A veloci-


dade pode ser exibida em km/h (quilômetros por hora)
ou mph (milhas por hora), dependendo da Unidade
Veloc selecionada na janela Configurações País.
A carga é exibida em watts.

Para obter mais informações, consulte Configurar


País na página 9-27.

I Inclinação/RPM A inclinação de uma esteira, em porcentagem, ou as


revoluções por minuto de um ergômetro.

J METS Equivalente metabólico do nível atual do exercício.

Teclas do teste esforço


O modo ECG esforço usa a fileira dupla de teclas de esforço perto do alto
do teclado do MAC 1600, mostrado na ilustração a seguir. Seu teclado
pode ser um pouco diferente do mostrado.

001

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 7-5


Teste de esforço

Tecla Descrição

A Pré-teste Inicia o teste.

B Exercício Avança para a fase EXERCÍCIO ou para o próximo


estágio da fase selecionada.

C Recuperação Avança para a fase RECUPERAÇÃO ou para o


próximo estágio da fase selecionada.

D Fim do teste Finaliza o teste atual. Quando uma imagem de


confirmação aparecer na tela, pressione a tecla de
função correspondente.

E Manter estágio Mantém o estágio atual do teste. Isto é, pára


automaticamente o seqüenciamento de estágios.
Pressione novamente para voltar ao seqüenciamento
de estágios.

F Velocidade + Aumenta a velocidade da esteira ou a carga do


ergômetro. Pára o modo automático e muda para o
W modo manual.

Funciona somente em dispositivos suportados.

G Inclinação Aumenta a inclinação da esteira. Pára o modo


automático e muda para o modo manual.

Funciona somente em dispositivos suportados.

H Iniciar esteira Inicia a esteira.

Funciona somente em dispositivos suportados.

I Parar esteira Pára a esteira.


Funciona somente em dispositivos suportados.

J Inclinação Diminui a inclinação da esteira. Pára o modo


automático e muda para o modo manual.

Funciona somente em dispositivos suportados.

K Velocidade - Diminui a velocidade da esteira ou a carga do


ergômetro. Pára o modo automático e muda para
W o modo manual.

Funciona somente em dispositivos suportados.

L Inserir PA Permite que você digite as leituras de pressão


sangüínea ou inicie uma leitura a partir de um
dispositivo externo.

M Comentário Permite que você digite comentários sobre o teste.


Os comentários são impressos no relatório de
resumo tabular.

N Medianas Imprime relatório de medianas.

7-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Teste de esforço

Tecla Descrição

O 12deriv Imprime um relatório de 12 derivações (10 segundos


de dados adquiridos).

P Recall Imprime uma tira de ritmo de uma página, usando os


10 segundos anteriores de dados.

Para obter mais informações sobre o teclado do MAC 1600, consulte


Layout do teclado na página 2-4.

Opções de esforço
O sistema MAC 1600 oferece várias opções de configuração para um ECG
esforço. As opções, apresentadas como teclas de opções na parte inferior
da tela, estão descritas na tabela a seguir.

Tecla F Opção Descrição

F1 Dados do Paciente Abre a janela para digitação dos dados do paciente.

F2 Alterar velocidade Altera a velocidade da onda na tela e na impressão.


Alterar a medida também altera a velocidade com que
a barra de limpeza se move pela tela.

As medidas são em milímetros por segundo (mm/s) e


incluem as seguintes opções:

25 mm/s
50 mm/s
12,5 mm/s - 5 mm/s
12,5 mm/s
Quando a opção inclui duas medidas (12,5 mm/s -
5 mm/s), a primeira velocidade é para a tela e a
segunda para a impressão.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 7-7


Teste de esforço

Tecla F Opção Descrição

F3 Ganho Altera a magnitude do sinal do ECG na tela ou


no relatório. As medidas são em milímetros por
milivolt (mm/mV) e incluem as seguintes opções:

5 mm/mV
10 mm/mV
20 mm/mV
40 mm/mV
2,5 mm/mV
Automático
Quanto maior a medida selecionada, maior a onda
aparecerá. Somente a aparência da onda se altera;
a intensidade do sinal não é afetada.

OBSERVAÇÃO
Se for selecionado Automático, o sistema
calculará o melhor ganho com base nas
amplitudes de pico a pico de todas as derivações
exibidas e o formato de tela selecionado.

F4 Filtro Baixa Alterna entre as opções do Filtro Baixa Freqüência:


Freqüência 20 Hz, 40 Hz, 100 Hz e 150 Hz. O padrão é a
configuração selecionada na janela Config Esforço.
(Consulte Configurações de ECG esforço na
página 9-16 para obter mais informações.)

Se o tipo de filtro SAD tiver sido selecionado em Config


Esforço, essa tecla aparecerá independentemente do
filtro estar ligado ou desligado. Se o tipo de filtro FRF
tiver sido selecionado em Config Esforço, essa tecla
aparecerá somente se o filtro estiver desligado.

F5 Tipo Filtro de ECG Liga e desliga o tipo de filtro de ECG (SAD ou FRF)
selecionado na janela Config Esforço. Além disso, se o
tipo de filtro FRF tiver sido selecionado, desligar o filtro
também exibe a tecla Filtro Baixa Freqüência.

F6 Mais Alterna entre a primeira, a segunda e a terceira fileiras


de opções.

F1 Ref Marca-passo Aumenta a legibilidade de ECGs de marca-passos.


As opções são Ligado e Desligado.

7-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Teste de esforço

Tecla F Opção Descrição

F2 Imprimir Deriv Seleciona quais derivações devem ser incluídas na


impressão. As opções são:

Primeiro 6.
Segundo 6.
Ritmo 6.
12.
Usadas somente ao executar ECGs de ritmo. Consulte
Geração de um Relatório de Ritmo (gravação
manual) na página 5-8 para obter mais informações.

F3 Selecionar Selecione um conjunto predeterminado de critérios de


Protocolo teste. Para obter mais informações, consulte Edição
de protocolos de esforço na página 9-19.

F4 Formato Relatório Seleciona os componentes e episódios a serem


incluídos no relatório. Permite que você substitua os
padrões configurados na janela Config ECG Esforço.
Para obter mais informações, consulte Configurações
de ECG esforço na página 9-16.

F5 FC Alvo Insira a freqüência cardíaca máxima calculada para o


paciente, com base em peso, sexo, idade e condição.
O MAC 1600 monitora a freqüência cardíaca em
relação a esse alvo.

F5 Menu Principal Sai da função ECG esforço e volta ao Menu Principal.

Execução de testes de esforço


Há dois processos básicos para a execução de um teste de esforço:

Execução de um teste de esforço com uma esteira ou ergômetro.


Execução de um teste de esforço com um dispositivo Master s Step.

Os dois processos são descritos nesta seção. Para obter mais informações
sobre a interface do modo esforço, consulte Interface do modo esforço na
página 7-4.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 7-9


Teste de esforço

Execução de um teste de esforço com uma esteira ou ergômetro


Use as instruções a seguir para realizar um teste de esforço com uma
esteira ou ergômetro. O processo é essencialmente idêntico para todos os
dispositivos, com pequenas diferenças entre os dispositivos suportados,
não suportados e ergômetros com partida remota. Desvios para
dispositivos específicos são observados quando necessário.

PERIGO
DANOS AO PACIENTE Ao se mover sobre uma
esteira, o paciente pode cair e se machucar.

Para minimizar a possibilidade de queda causada pelo


movimento brusco da esteira, faça com que o paciente pise
na esteira somente depois que ela começar a se mover.

Ao realizar testes de esforço em uma esteira suportada,


pressione o botão Parar esteira duas vezes para
parar imediatamente a esteira em caso de emergência
(por exemplo: se o paciente tropeçar ou cair com a esteira
em movimento).

1. Prepare o paciente conforme descrito no Capítulo 3.

2. No Menu Principal, pressione F3 para selecionar a opção de


ECG Esforço.

A janela Introdução de Dados do Paciente se abre.

3. Digite os dados do paciente conforme descrito no Capítulo 4.

4. Ajuste as opções de esforço conforme necessário:

Isso inclui velocidade e ganho, filtro residual finito, reforço de marca-


passo, derivações da impressora, protocolo de teste, formato do
relatório e freqüência cardíaca alvo. Para obter mais informações
sobre a configuração dessas opções, consulte Opções de esforço na
página 7-7.

5. Gravação de um ECG preliminar.

Pode ser um ECG sentado, em pé, supino ou com hiperventilação,


dependendo dos requisitos do protocolo selecionado.

6. Inicie a fase de pré-teste.

a. Faça com que o paciente suba no dispositivo.

b. Pressione a tecla Pré-teste.

c. Permita que o paciente se aqueça antes de começar a fase de


exercício do teste.

OBSERVAÇÃO
Em esteiras suportadas, pressione Iniciar Esteira para
iniciar a esteira.

7-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Teste de esforço

7. Quando o paciente estiver pronto para iniciar o teste de esforço,


pressione a tecla Exercício.

Durante o teste, você pode usar as teclas de esforço para manter o


estágio atual, inserir pressão sangüínea, adicionar um comentário,
alterar as derivações exibidas e alternar o filtro residual finito. Com
dispositivos suportados, as teclas de esforço também podem ser
usadas para ajustar a velocidade, inclinação ou carga do dispositivo.
Dispositivos não suportados precisam ser ajustados manualmente no
próprio dispositivo.

Para obter mais informações sobre como fazer esses ajustes, consulte
Teclas do teste esforço na página 7-5.

8. Quando a fase de exercícios estiver concluída, pressione a tecla


Recuperação para começar a fase de recuperação do teste.

OBSERVAÇÃO
Ao usar um ergômetro com partida remota, não é necessário
pressionar a tecla Recuperação pois essa fase é iniciada
automaticamente ao final do último estágio. Mas você pode
pressionar a tecla Recuperação para iniciar a fase de
recuperação antes do final do último estágio.

As esteiras suportadas começam a desacelerar e a inclinação cai


para 0%. A carga começa a diminuir nos ergômetros suportados.
Esses ajustes precisam ser feitos manualmente nos ergômetros
ou esteiras suportados.

Continue a monitorar o paciente e a gravar o ECG até que o


dispositivo pare.

9. Quando a fase de recuperação terminar, pressione a tecla Fim


do Teste.

As opções do menu na parte inferior da tela mudam para Confirmar


Fim Teste e Continuar Teste. Faça o seguinte:

Para voltar ao teste, pressione a tecla F2 (Continuar Teste).


As opções anteriores do menu retornam. Continue a gravar o
ECG conforme necessário. Quando terminar, repita esta etapa.
Para parar o teste, pressione a tecla F1 (Confirmar Fim Teste).
As opções do menu mudam. Siga para a etapa 10.
10. Faça o seguinte, se necessário.

Pressione a tecla F1 (Próximo Paciente) para testar outro paciente.


Você será avisado de que testar outro paciente descartará os
resultados do teste atual. Faça o seguinte:
Pressione a tecla F5 (Não) para cancelar a mudança de
pacientes e voltar para o teste atual.
Você pode imprimir o relatório do teste atual ou alterar os
formatos do relatório.
Pressione a tecla F6 (Sim) para descartar os resultados do
teste atual e testar outro paciente.
Volte para a etapa 3 para o próximo paciente.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 7-11


Teste de esforço

Pressione a tecla F2 (Imprimir) para imprimir o relatório


do teste.
O relatório será impresso com as opções de formato selecionadas.
Pressione a tecla F3 (Formato do Relatório) para modificar
o formato do relatório.
A janela Formato Relatório se abre. Selecione as opções que
deseja incluir no relatório e pressione a tecla F6 (Salvar). Agora
você pode imprimir o relatório do teste.

Execução de um teste de esforço com um dispositivo


Master s Step
Use as instruções a seguir para realizar um teste de esforço com um
dispositivo Master s Step, se ele estiver selecionado em Config Esforço.

1. Prepare o paciente conforme descrito no Capítulo 3.

2. No Menu Principal, pressione F3 para selecionar a opção de


ECG Esforço.

A janela Introdução de Dados do Paciente se abre.

3. Digite os dados do paciente conforme descrito no Capítulo 4.

Verifique se as informações corretas foram inseridas em Data


Nascimento, Sexo e Peso. O número de etapas será determinado por
esses três parâmetros.

4. Ajuste as opções de esforço conforme necessário:

Isso inclui velocidade e ganho, filtro residual finito, reforço de


marca-passo, derivações da impressora, protocolo de teste, formato
do relatório e freqüência cardíaca alvo. Para obter mais informações
sobre a configuração dessas opções, consulte Opções de esforço na
página 7-7.

5. Gravação de um ECG preliminar.

Pode ser um ECG sentado, em pé, supino ou com hiperventilação,


dependendo dos requisitos do protocolo selecionado.

6. Inicie a fase de pré-teste para permitir que o paciente se aqueça.

a. Remova os condutores do paciente, mas deixe os eletrodos.

Isso impede que o paciente tropece nos condutores durante


o teste.

b. Instrua o paciente a dar um passo sempre que o sistema


MAC 1600 apitar.

c. Pressione a tecla Pré-teste.

7-12 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Teste de esforço

7. Pressione a tecla Exercício para iniciar o teste.

A duração da fase de exercício dependerá do protocolo selecionado:


ÚNICO dura 90 segundos, DUPLO dura 180 segundos e TRIPLO
dura 270 segundos.

Quando o teste for concluído, o primeiro estágio PÓS EXER. se inicia


e a mensagem ELETR. LIGADO é exibida.

8. Reconecte os condutores aos eletrodos.

A mediana imprime em intervalos pré-configurados durante os


estágios de pós-exercício. Quando o último estágio de pós-exercício
é concluído, imprime-se um relatório resumido com tendências
e tabelas.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 7-13


Teste de esforço

7-14 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


8 Gerenciamento do
armazenamento interno

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 8-1


Gerenciamento do armazenamento interno

Introdução
O Gerenc Arq fornece uma interface com o armazenamento opcional
interno do dispositivo. Fornece as ferramentas para:

Importar registros de uma fonte externa.


Imprimir o diretório de armazenamento interno.
Pesquisar registros armazenados.
Editar os dados do paciente em um registro.
Excluir registros.
Imprimir registros.
Transmitir registros a um dispositivo externo; e
Exportar registros para um cartão digital seguro ou
diretório compartilhado.

Somente os ECGs repouso podem ser salvos no armazenamento interno.


Os ECGs de arritmia e esforço só podem ser impressos.

Os ECGs repouso podem ser armazenados automática ou manualmente:

Para salvar registros de ECG repouso automaticamente,


marque a caixa de seleção Gravação autom. de ECG na janela
Config ECG repouso.
Para obter mais informações, consulte Configuração de ECG
repouso na página 9-6.
Para salvar os registros de ECG repouso manualmente, pressione
F3 (Salvar) depois da aquisição do ECG repouso.
Para obter mais informações, consulte Opções Pós-aquisição na
página 5-7.

Para habilitar o armazenamento interno, a opção Armaz interno


100 ECGs do M100 deve estar habilitada.

Para obter informações sobre como habilitar a opção de armazenamento


interno, consulte Opções Config na página 9-33.

8-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gerenciamento do armazenamento interno

Importar registros
Além de salvar os ECG gravados com o dispositivo MAC 1600, você
também pode importar registros de ECG para o armazenamento interno
a partir das seguintes fontes:

Cartões SD.
Outros dispositivos MAC conectados via porta serial ou modem.
Sistemas CardioSoft conectados via porta serial ou modem; ou
Sistemas MUSE conectados via modem.

Não é necessária nenhuma configuração adicional para realizar


importações de um cartão SD. Contudo, para importar dados via porta
serial ou modem é necessário:

Comprar e ativar a opção de comunicação adequada.


Para obter mais informações, consulte Opções Config na
página 9-33.
Configurar a comunicação de dados do sistema.
Para obter mais informações, consulte Config Comunicação na
página 9-22.

Utilize as instruções a seguir para importar um registro para o


armazenamento interno.

1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).

A janela Gerenc Arq se abre.

2. Pressione F3 (Importar).

As teclas de função se alteram.

051A
3. Selecione a origem correta da importação:

Para importar ECGs de um cartão SD, insira o cartão SD e


pressione F1 (Cartão SD).
É aberta uma lista dos ECGs disponíveis no cartão. Vá para a
etapa 4.
Para importar os ECGs via porta serial, pressione F2 (Serial).
A porta serial é aberta. O dispositivo aguarda que o dispositivo
externo transmita registros.
Para importar os ECGs via modem, pressione F3 (Modem).
O modem se inicia. O dispositivo aguarda que o dispositivo
externo transmita registros.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 8-3


Gerenciamento do armazenamento interno

4. Selecione os registros a serem importados do cartão SD.

5. Quando os registros corretos estiverem selecionados, pressione


F1 (Importar).

Os registros selecionados serão importados do cartão SD para o


armazenamento interno.

OBSERVAÇÃO
Os registros importados ficam com o status Enviado Recb e não
podem ser editados, transmitidos nem exportados.

Impressão do diretório do gerenciador de arquivos


Utilize as instruções a seguir para imprimir o diretório dos ECGs
armazenados na memória interna.

1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).

A janela Gerenc Arq se abre.

2. Pressione F4 (Imprimir Diretório).

O diretório é impresso no registrador do MAC 1600.

Localização de registros
O Gerenc Arq pode ter até 100 registros para gerenciar, dificultando a
localização de um registro específico. Para ajudar você a encontrar um
registro ou grupo de registros, utilize as instruções a seguir.

1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).


A janela Gerenc Arq se abre.

2. Pressione F5 (Pesquisar).

A janela Digitar Critério Pesquisa se abre.

054A

8-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gerenciamento do armazenamento interno

3. Digite seus critérios de pesquisa.

4. Pressione F1 (Pesquisar).

O Gerenc Arq localiza todos os registros que correspondam aos seus


critérios de pesquisa.

5. Para apagar os resultados da pesquisa, execute uma das ações


a seguir:

Pressione F6 (Menu Principal) > F4 (Gerenc Arq).


Pressione F5 (Pesquisar) > F6 (Voltar).
Pressione F5 (Pesquisar) > F2 (Apagar Tudo) > F1 (Pesquisar).

Edição dos dados do paciente


Utilize as instruções a seguir para editar os dados de paciente de
um registro.

1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).

A janela Gerenc Arq se abre.

2. Pressione F1 (Selecionar).

Isso coloca o Gerenc Arq em modo de seleção.

3. Utilize os botões de comando para selecionar o registro a ser editado.

OBSERVAÇÃO
Não é possível editar dados do paciente em registros que tenham
sido importados para o armazenamento interno. Registros
importados ficam com o status Enviado Recb.

4. Pressione F1 (Editar).

A janela Introdução de Dados do Paciente se abre.

052A

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 8-5


Gerenciamento do armazenamento interno

5. Edite as informações como for conveniente.

Para obter instruções sobre como editar dados do paciente,


consulte Capítulo 4.

6. Quando as informações tiverem sido atualizadas, pressione


F6 (Salvar).

As informações atualizadas são salvas e você volta para a


janela Gerenc Arq.

Exclusão de registros
Utilize as instruções a seguir para excluir todos os registros do
armazenamento interno.

1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).

A janela Gerenc Arq se abre.

2. Faça o seguinte.

Para excluir registros selecionados, pressione F1 (Selecionar)


e use os botões de comando para selecionar o(s) registro(s) a
ser(em) excluído(s).
Para excluir todos os registros armazenados, pressione F2
(Selecionar Todos).
3. Pressione F2 (Excluir).

Uma janela se abre pedindo para você confirmar se deseja excluir os


registros selecionados.

4. Faça o seguinte:

Para cancelar a exclusão, pressione F5 (Não).


Para excluir os registros, pressione F6 (Sim).

Impressão de registros
Utilize as instruções a seguir para imprimir registros.

1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).

A janela Gerenc Arq se abre.

2. Faça o seguinte.

Para imprimir os registros selecionados, pressione F1


(Selecionar) e use os botões de comando para selecionar os
registros a serem impressos.
Para imprimir todos os registros armazenados, pressione F2
(Selecionar Todos).
3. Pressione F3 (Imprimir).

Os registros selecionados serão impressos no registrador do MAC 1600.

8-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gerenciamento do armazenamento interno

Transmissão de registros
Utilize as instruções a seguir para transmitir os registros do
armazenamento interno para um dispositivo externo.

Antes de transmitir um registro, faça o seguinte:

Compre e ative uma opção de comunicação.


Consulte Opções Config na página 9-33 para obter mais
informações.
Configure a comunicação de dados.
Consulte Config Comunicação na página 9-22 para obter
mais informações.
Conecte a unidade MAC 1600 ao dispositivo de comunicação.
Para um modem externo, consulte o Manual de Manutenção em
Campo do MAC 1600.
Para conexão LAN com um sistema MUSE, consulte Guia de
Instalação e Solução de Problemas da Opção LAN para
Série MAC.
Para uma conexão LAN com um sistema CardioSoft, consulte
Conectar a uma LAN na página 2-11.
1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).

A janela Gerenc Arq se abre.

2. Faça o seguinte.

Para transmitir registros selecionados, pressione F1 (Selecionar)


e selecione os registros a serem transmitidos.
OBSERVAÇÃO
Não é possível transmitir registros que tenham sido
importados para o armazenamento interno. Registros
importados ficam com o status Enviado Recb.

Para transmitir todos os registros armazenados, pressione F2


(Selecionar Todos).

3. Pressione F4 (Transmitir).

Ocorrerá uma das ações a seguir, dependendo do número de locais


definidos na Config Comunicação.

Se houver apenas um local definido, os arquivos serão


transmitidos para o local padrão.
Se houver vários locais definidos, aparecerá uma janela com a
lista de locais. Selecione o local correto e pressione F6 (OK).

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 8-7


Gerenciamento do armazenamento interno

Exportar registros
Utilize as instruções a seguir para exportar registros do armazenamento
interno para um cartão SD ou um diretório compartilhado.

OBSERVAÇÃO
Se for exportar para um cartão SD, tenha em mente que a velocidade
de acesso aos dados pode variar, dependendo da capacidade e
do fabricante do cartão SD. Isso pode afetar o tempo necessário
para ler ou gravar registros ECG e outras informações no cartão SD.
A GE recomenda o uso de um cartão de 128 MB, 256 MB ou 512 MB
fabricado pela SanDisk.

Não é necessária nenhuma configuração adicional para exportar dados


para um cartão SD. Contudo, antes de usar essas instruções para
exportar para um diretório compartilhado, faça o seguinte:

Compre e ative a opção LAN para CardioSoft (LANC).


Consulte Opções Config na página 9-33 para obter detalhes.
Defina as configurações de diretório compartilhado em Config
Comunicação.
Consulte Config Comunicação na página 9-22 para obter detalhes.

1. No Menu Principal, pressione F4 (Gerenc Arq).

A janela Gerenc Arq se abre.


2. Selecione os registros a serem transmitidos.

Para transmitir registros selecionados, pressione F1 (Selecionar)


e use os botões de comando para selecionar os registros a
serem exportados.
OBSERVAÇÃO
Não é possível exportar registros que tenham sido
importados para o armazenamento interno. Registros
importados ficam com o status Enviado Recb.

Para transmitir todos os registros armazenados, pressione F2


(Selecionar Todos).
3. Se você estiver exportando para um cartão SD, insira o cartão SD na
entrada para cartão SD do MAC 1600.

Verifique se o cartão tem espaço livre suficiente para os registros


selecionados e se ele não está protegido contra gravação.

8-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Gerenciamento do armazenamento interno

4. Pressione F5 (Exportar).

Ocorrerá uma dessas duas coisas.

Se um diretório compartilhado tiver sido definido, aparecerá uma


janela para você selecionar o destino.
Vá para a etapa 5.
Se um diretório compartilhado não tiver sido definido, os
registros selecionados serão exportados para o cartão SD.
Uma janela será aberta para informá-lo do andamento da
exportação. A janela fecha quando a exportação é concluída.
5. Faça o seguinte:

Para exportar para o cartão SD, selecione Cartão SD na janela.


Para exportar para o diretório compartilhado, selecione Diretório
Compartilhado na janela.
6. Pressione F6 (OK).

Os registros selecionados são exportados para o destino selecionado.


Uma janela será aberta para informá-lo do andamento da
exportação. A janela fecha quando a exportação é concluída.

OBSERVAÇÃO
Ao exportar para um diretório compartilhado, o dispositivo
MAC 1600 efetua logon no diretório com o nome de usuário e
senha definidos na janela Config Comunicação. Se um desses
valores estiver incorreto, uma janela será aberta pedindo para
você efetuar logon. Se isso acontecer, pressione a tecla ESC
para fechar o aviso, corrija o nome de usuário e senha na janela
Config Comunicação e repita o processo de exportação.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 8-9


Gerenciamento do armazenamento interno

8-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


9 Configuração geral

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-1


Configuração geral

Introdução
A Configuração Geral oferece acesso a funções que permitem que você
personalize as configurações do MAC 1600 e tenha acesso a utilitários
que o ajudam a gerenciar essas configurações. Este capítulo descreve
as configurações gerenciadas por cada função e o processo seguido por
cada utilitário.

CUIDADO
POSSÍVEL PERDA DE DADOS Depois de executar
as alterações de configuração, você DEVE retornar ao
Menu Principal do MAC 1600 para garantir que as
mesmas sejam salvas.

Funções de configuração
As funções de configuração se dividem nas seguintes categorias:

Configurações básicas do sistema.


Configurações de ECG repouso.
Configurações de arritmia.
Configurações de ECG esforço.
Configurações de comunicação.
Configurações de país.
Configurações de impressão.
Configurações de paciente.
Configurações do usuário.
Opções.
Configurações de manutenção.
Data e hora.

Dependendo das opções de sistema ativadas, algumas dessas funções


podem não estar disponíveis em seu dispositivo.

9-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Configuração básica
A função Config Básica permite que você defina as seguintes informações:

Identificação institucional.
Médicos padrão.
Configurações do sistema.
Dispositivo para teste de esforço (se a opção de teste de esforço ERGO
estiver ativada).
Segurança do sistema.
Servidores de hora.

OBSERVAÇÃO
Médicos devem ser adicionados na Config Usuário para que possam
sem escolhidos como médicos padrão. Para obter mais informações,
consulte Config Usuário na página 9-31.

Para obter mais informações sobre as opções ERGO e CFRA,


consulte Opções Config na página 9-33.

Para chegar em Config Básica no Menu Principal do MAC 1600,


pressione F5 (Config Geral) > F1 (Config Básica).

A tabela a seguir descreve cada configuração disponível na Config Básica.

Campo Comentário

Página 1

Nome Nome da instituição.

Rua Endereço da instituição.

Cidade Cidade onde a instituição está situada.

Médico solicitante Médico que solicitou o ECG. Padrões de registros do


paciente criados no dispositivo.

Méd Resp Encaminh Médico que encaminhou o paciente. Padrões de registros


do paciente criados no dispositivo.

Médico assistente Médico que supervisionou o ECG. Padrões de registros do


paciente criados no dispositivo.

Técnico Técnico que executou o ECG. Padrões de registros do


paciente criados no dispositivo.

Local ID de Localidade onde o dispositivo está localizado.


Padrões de registros do paciente criados no dispositivo.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-3


Configuração geral

Campo Comentário

Receptor Número do site onde o dispositivo está localizado.


Padrões de registros do paciente criados no dispositivo.

Obrigatório para armazenamento de relatórios de ECG em


um sistema de informações de cardiologia, como o
sistema MUSE .

Número cartão Número exclusivo do cartão do dispositivo. Padrões de


registros do paciente criados no dispositivo.

Teste Paciente Habilita/desabilita os ECG simulados. Quando habilitado,


(temporário) ondas simuladas são geradas nas funções de ECG
repouso, arritmia ou esforço. Isso é útil para fins de
demonstração, treinamento ou testes.

OBSERVAÇÃO
Essa configuração se apaga quando a unidade
se reinicia.

Página 2

Modo Alim Determina qual tela aparecerá quando o dispositivo


for ligado. Opções disponíveis:

ECG repouso.
Arritmia.
Menu Principal.
ECG esforço.
O ECG repouso é o valor padrão. Os ECG esforço ficam
disponíveis apenas quando a opção ERGO está ativada.
Para obter mais informações, consulte Opções Config na
página 9-33.

Cores Tela Determina a aparência da tela do ECG. Selecione uma


combinação de cores que seja legível para você.

Grade ECG na tela Determina se uma grade é exibida por detrás das ondas. A
grade pode facilitar a leitura do ECG. O padrão é iniciado.

Suavização de imag Ondas Determina se a suavização será aplicada às ondas para


de ECG reduzir a distorção causada pela tela de vídeo. O padrão
é iniciado.

9-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Alim para Modem Externo Determina se a alimentação deve ser fornecida a um


modem externo através do cabo serial. Caso esteja
habilitado, o MAC 1600 fornecerá a alimentação quando o
modem transmitir ou receber dados, e será desconectada
quando a comunicação for concluída.

Habilite esta opção somente se você usar o cabo


fornecido pela GE e um modem GE externo que tenha
sido modificado para receber alimentação pelo cabo serial.
Habilitar essa opção usando um cabo ou modem padrão
pode causar problemas de comunicação.

Espera Autom. Determina se o dispositivo deve entrar automaticamente


em modo de espera se ficar inativo por um limite de tempo
predefinido. Isso ajuda a reduzir o consumo de energia e
aumenta a vida útil do dispositivo. Consulte também
Tempo Espera Autom.

Tempo Espera Autom. Identifica o tempo, em minutos, que o dispositivo pode


(1-255 min) ficar inativo antes de entrar em modo de espera. Usado
pelo campo Espera Autom.

Teste Esforço Identifica o dispositivo usado para realizar o teste


de esforço. Disponível somente se a opção ERGO
estiver habilitada.

Para obter mais informações sobre habilitação de testes


de esforço, consulte Configurações de ECG esforço na
página 9-16.

Para obter informações sobre realização de testes de


esforço, consulte Capítulo 7.

Pressão Sangüínea Indica se a pressão sangüínea do paciente deve ser


aferida pelo dispositivo de teste. As opções são Não e
No Ergômetro.

Página 3

Modo Alta Segurança Habilita/desabilita o modo de alta segurança. Pode ser


ativado somente se pelo menos um usuário com
privilégios Editar Usuários e Editar Config tiver sido
configurado com uma senha.

Quando o modo de alta segurança estiver ativado, os


usuários serão solicitados a digitar uma ID e senha ao
fazer logon no dispositivo. Cada usuário precisará ser
adicionado à Config Usuário. Para obter mais
informações, consulte Config Usuário na página 9-31.

Trilha Audit Determina se o dispositivo criará uma trilha de auditoria de


atividades. Disponível somente se o Modo Alta Segurança
estiver habilitado e a opção de trilha de auditoria CFRA
estiver ativada.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-5


Configuração geral

Campo Comentário

Logoff Auto Determina se o dispositivo irá executar logoff do


usuário automaticamente depois de um período de
inatividade predefinido.

Consulte também Tempo Logoff Auto. Disponível somente


se o Modo Alta Segurança estiver habilitado.

Tempo Logoff Auto Determina o tempo de inatividade, em minutos, para que o


(1-255 min) dispositivo execute logoff do usuário. Disponível somente
se o Modo Alta Segurança estiver habilitado.

Sincronizar automatica- Habilita/desabilita a sincronização automática com um


mente com o servidor servidor de hora externo, seja na rede da instituição ou
de hora na Internet. É necessário que uma opção de LAN esteja
ativada para que esta opção seja definida.

Nome Servidor de Hora Identifica o servidor com o qual o dispositivo sincronizará


a hora. Pode ser um servidor na rede da instituição ou na
Internet. Entre em contato com o administrador do servidor
para obter essa informação.

Última sincronização às Campo somente para exibição, que identifica quando


ocorreu a última sincronização.
Última sincronização do Campo somente para exibição, que identifica onde
servidor de hora ocorreu a última sincronização.

Configuração de ECG repouso


A opção Configuração de ECG repouso permite que você defina:

Parâmetros de onda.
Uso de derivação.
Opções de análise.
Seq derivação.
Opções de relatório.
Opções de armazenamento (se a opção de armazenamento interno
estiver ativada).
Opções de transmissão (se houver uma opção de comunicação ativada).

Para chegar em Configuração de ECG repouso a partir do Menu


Principal do MAC 1600, pressione F5 (Config Geral) > F2 (Configuração
de ECG repouso).

9-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

A tabela a seguir descreve cada uma das configurações disponíveis na


Configuração de ECG repouso.

Campo Comentário

Página 1

Ganho [mm/mV] Define a amplitude do sinal do ECG. As medidas são em


milímetros por milivolt e incluem as opções a seguir.

2,5
5
10
20
40
Automático

Quanto maior a medida selecionada, maior a onda.


Somente a aparência da onda se altera; a intensidade
do sinal não é afetada.

OBSERVAÇÃO
Se for selecionado Automático, o sistema calculará o
melhor ganho com base nas amplitudes de pico a
pico de todas as derivações exibidas e o formato de
tela selecionado.
Veloc [mm/s] Altera a velocidade do ritmo e da movimentação da barra
de limpeza pela tela.

As medidas são em milímetros por segundo (mm/s) e


incluem as seguintes opções:

5 (ritmo) / 12,5 (tela)


12,5
25
50

Filtro Baixa Define a freqüência máxima a ser incluída na onda.


Freqüência [Hz] A restrição de freqüências pode ajudar a eliminar ruídos
na onda. As freqüências são medidas em Hertz (Hz)
e incluem as opções a seguir.

20
40
100
150

A seleção de uma freqüência elimina sinais acima dessa


freqüência. Por exemplo, se você selecionar 40, somente
sinais de 40 Hz ou menos serão incluídos na onda.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-7


Configuração geral

Campo Comentário

Filtro Alta Freqüência [Hz] Define a freqüência mínima a ser incluída na onda.
A restrição de freqüências pode ajudar a eliminar ruídos
na onda. As freqüências são medidas em Hertz (Hz)
e incluem as opções a seguir.
0,04
0,08
0,16
0,31

A seleção de uma freqüência elimina sinais abaixo dessa


freqüência. Por exemplo, se você selecionar 0,16,
somente sinais de 0,16 Hz ou mais serão incluídos
na onda.

SAD Habilita/desabilita o Sistema Antidesvio, que ajuda a


reduzir alterações de linha de base. No modo ECG
repouso, esse campo só está disponível se as opções
MEHR ou MIHR estiverem habilitadas. Para obter mais
informações sobre opções de habilitação, consulte
Opções Config na página 9-33.

Filtro Linha Habilita/desabilita o filtro de linha definido em


Configurar País. Consulte Configurar País na
página 9-27 para obter mais informações.

6 deriv: 1x6 Habilita/desabilita uma opção de tela que mostra uma


coluna de seis ondas.

6 deriv: 2x3 Habilita/desabilita uma opção de tela que mostra duas


colunas de três ondas.

12 deriv: 2x6 Habilita/desabilita uma opção de tela que mostra duas


colunas de seis ondas. Disponível somente se a opção de
sistema R12L estiver habilitada.

12 deriv: 4x3 Habilita/desabilita uma opção de tela que mostra quatro


colunas de três ondas. Disponível somente se a opção de
sistema R12L estiver habilitada.

Formato Tela Seleciona o formato da tela do ECG repouso. O valor


padrão é 3 deriv: 1x3. Outros valores dependem de quais
dos quatro campos anteriores estiverem definidos.

9-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Exibir Grupo Deriv Determina qual grupo de derivações é exibido. Os valores


disponíveis dependem de qual Formato Tela está
selecionado. Por exemplo, se 3 deriv: 1x3 estiver
selecionado, os valores disponíveis serão:
3 deriv ritmo.
1º grupo.
2º grupo.
3º grupo.
4º grupo.

Se qualquer um dos formatos de tela de 12 derivações


estiver selecionado, este campo não estará disponível,
já que todas as 12 derivações serão exibidas.

Página 2

Imprimir Deriv Identifica o conjunto padrão de derivações usado para


impressão. Os valores são:

Primeiro 6.
Segundo 6.
Ritmo 6.
12.

Iniciar relat ritmo em Determina se o relatório de ritmo deve ser iniciado em uma
nova pág página separada.

Inc marca-passo Aumenta a legibilidade de ECG com marca-passo,


aumentando pulsos pequenos do marca-passo ou
truncando pulsos grandes do marca-passo. Se habilitado,
o reforço do marca-passo é feito em duas etapas:
(1) Adição de um marcador (1,5 mV de amplitude,
6 ms de duração) ao sinal do eletrodo. (2) Limitação da
soma a 0,5 mV no sinal da derivação.

Consultor Conexão Habilita/desabilita a opção Consultor Conexão, que indica


visualmente a qualidade dos sinais de derivação. Para
obter mais informações, consulte Módulo do Consultor
Conexão na página 5-13.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-9


Configuração geral

Campo Comentário

Visualizar antes da análise Determina as opções de visualização de onda. Os valores


incluem:

Não
As ondas nunca são visualizadas.
Sempre
As ondas sempre são visualizadas.
Eletrodos amarelos
As ondas são visualizadas quando o indicador do
Consultor Conexão mostra um eletrodo amarelo
ou vermelho.
Eletrodos vermelhos
As ondas são visualizadas quando o indicador do
Consultor Conexão mostra um eletrodo vermelho.
Para obter informações adicionais, consulte Módulo do
Consultor Conexão na página 5-13.

Reanálise Habilita/desabilita o recurso de reanálise, que permite que


você ajuste as seguintes medidas de ECG:

Duração P.
Intervalo FP.
Duração QRS.
Intervalo QT.
Disponível somente se a Trilha Audit estiver habilitada e
uma das opções a seguir estiver ativada: ME12, MEHR,
MI12 ou MIHR. Para obter mais informações sobre opções
de ativação, consulte Opções Config na página 9-33.

Para obter mais informações sobre o recurso de reanálise,


consulte Reanálise de ECG na página 5-9.

9-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Cálculo QTC Determina qual fórmula será usada para corrigir cálculos
de QT. As opções são:

Bazett

QTc ã QT HR
--------
60
Framingham

60
QTc ã QT õ 154 1 --------
HR
Fridericia

HR-
QTc ã QT 3 -------
60
Em todas as fórmulas, FC = freqüência cardíaca. Bazzet
está disponível somente quando a opção MEHR ou a
MIHR está ativada. Framingham e Fridericia só estão
disponíveis quando a opção ME12 ou a MI12 está ativada.

Critérios de avaliação Habilita/desabilita a inclusão dos critérios de avaliação.


Esta configuração só está disponível quando a
opção MI12 está ativada.

Suprimir aviso normal Habilita/desabilita a inclusão do aviso normal. Esta


configuração só está disponível quando a opção MI12
está ativada.

Suprimir aviso anormal/ Habilita/desabilita a inclusão dos avisos anormal/valor


valor limítrofe limítrofe. Esta configuração só está disponível quando
a opção MI12 está ativada.

Suprimir todos os avisos Habilita/desabilita a inclusão de todos os avisos. Esta


configuração só está disponível quando a opção MI12
ou MIRH está ativada.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-11


Configuração geral

Campo Comentário

ACI-TIPI Habilita/desabilita a inclusão do aviso de ACI-TIPI


(Isquemia Cardíaca Aguda-Instrumento de Previsão Não
Sensível ao Tempo) e habilita o campo Dor Torácica na
janela de dados do paciente.
Para incluir avisos de ACI-TIPI, as seguintes condições
devem ser respeitadas:

A opção de sistema MI12 ou ME12 está ativada.


A opção de sistema TIPI está ativada.
O ACI-TIPI deve estar habilitado.
O Formato Relat 10s ECG deve estar habilitado.
Imprimir interpretação deve estar habilitado.
Os dados do paciente devem incluir: sexo, data de
nascimento e indicação de dor torácica.
Não pode ser um paciente pediátrico (15 anos ou
menos), conforme cálculo da data de nascimento.

Freq Amostra Determina a freqüência do relatório. As opções são


500 Hz ou 1000 Hz. 1000 HZ tem suporte somente
para saída XML.

Página 3

Seq Derivação Determina qual seqüência de derivação usar. Os valores


são:

Padrão.
Cabrera.
NEHB.
SEQ4.

O SEQ4 permite que você configure uma seqüência


personalizada de 12 derivações usando os campos a
seguir. Se alguma das opções 12SL (ME12 ou MI12)
estiver ativada, as derivações I (-I), II (-II), V1, V2, V3,
V4, V5 e V6 devem ser selecionadas para uma
análise 12SL correta.

Nome Seqüência Defina o nome de exibição para uma seqüência de


derivações personalizada. Disponível somente se SEQ4
estiver selecionada para a Seq Derivação.

Deriv 1-12 Doze campos que permitem que você defina a seqüência
em que as derivações devem aparecer. Disponível
somente se SEQ4 estiver selecionada para a
Seq Derivação.

9-12 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

1-12 Rótulo Doze campos que permitem que você defina os rótulos
que aparecerão/serão impressos para as derivações
correspondentes. Disponível somente se SEQ4 estiver
selecionada para a Seq Derivação.
Deriv Ritmo 1-6 Seis campos que permitem que você defina as derivações
de ritmo e sua seqüência. Você pode selecionar as
derivações de ritmo para todas as quatro seqüências
de derivações.

Página 4

Formato Relat 10s ECG Determina como o relatório 10s ECG será impresso.
Se não for selecionado nenhum formato, ele não
será impresso.

Formato Relat Resultados Determina como o relatório de resultados detalhados será


Detalhados impresso. Se nenhum formato for selecionado, não haverá
impressão do relatório.

Cópias Relat Determina quantas cópias do relatório selecionado


serão impressas.

Imprime interpretação Determina se a interpretação de ECG será impressa no


relatório. Disponível somente se a opção MI12 ou MIRH
estiver ativada. Para obter mais informações, consulte
Opções Config na página 9-33.

Gravação autom. de ECG Determina se o ECG será salvo automaticamente no


armazenamento interno. Disponível somente se a opção
de armazenamento interno M100 estiver habilitada. Para
obter mais informações, consulte Opções Config na
página 9-33.

Gerenc Arq Ord por Determina o campo pelo qual o Gerenc Arq ordenará
os registros no armazenamento interno. Disponível
somente se a opção de armazenamento interno M100
estiver habilitada.

Transmitir ECG Autom. Determina se o ECG será transmitido automaticamente


para um dispositivo externo. Disponível somente se uma
das opções de comunicação estiver ativada.

Para obter mais informações, consulte Opções Config na


página 9-33.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-13


Configuração geral

Campo Comentário

Excluir após a transmissão Determina se o ECG será excluído automaticamente


do armazenamento interno após ser transmitido para
um dispositivo externo. Disponível somente se uma
das opções de comunicação estiver ativada.

Para obter mais informações, consulte Opções Config na


página 9-33.

Imp Reg Eventos Tx Determina se o registro de transmissão é impresso após a


transmissão de um ECG do Gerenciador de Arquivos para
um dispositivo externo. Disponível somente se uma das
opções de comunicação estiver ativada.

Para obter mais informações, consulte Opções Config na


página 9-33.

Ajustar Arrit
A função Ajustar Arrit permite que você defina:

Parâmetros de onda.
Uso de derivação.
Opções de análise.
Seq derivação.
Opções de relatório.

Para chegar em Ajustar Arrit no Menu Principal do MAC 1600,


pressione F5 (Config Geral) > F3 (Ajustar Arrit).

A maioria dos campos nas janelas de Ajustar Arrit são os mesmos de


Configuração de ECG repouso. A tabela a seguir lista as configurações de
arritmia que são exclusivas ou diferem do ECG repouso. Para todos os
outros campos, consulte Configuração de ECG repouso na página 9-6.

Campo Comentário

Página 1

SAD Habilita/desabilita o Sistema Antidesvio, que ajuda a


reduzir alterações de linha de base. No modo Arritmia,
essa configuração está sempre disponível.

Página 2

Ritmo Determina se o relatório de ritmo deve ser iniciado


automaticamente quando a gravação for iniciada.

9-14 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Impressão Evento Arrit Selecione quais eventos de arritmia serão impressos.


As opções são:

Todos os eventos.
Eventos desiguais.
Nenhuma impressão de evento.

Episódios impressos Determina como os eventos de arritmia serão impressos.


no Relat Resumo As opções são:

Ordem cronológica.
Ordem prioridade.
Só episódios com eventos ventriculares.
Nenhum episódio.

Página 3

Seq Derivação Determina qual seqüência de derivação usar. Ajustar Arrit


inclui as seguintes opções além das quatro opções
disponíveis na Configuração de ECG repouso:

STD_C
STD_RED
STD_LI
CABR_LI
NEHB_6
HIGH_C

Config ECG esforço


A Config ECG esforço está disponível somente quando a opção Teste de
Esforço ERGO está ativada. Para obter mais informações, consulte
Opções Config na página 9-33.

A configuração de ECG repouso é diferente dos ECGs repouso ou


arritmia: além de definir as configurações de ECG repouso, você pode
criar, editar ou excluir protocolo de teste.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-15


Configuração geral

Configurações de ECG esforço


A função Config ECG Esforço permite que você defina:

Parâmetros de onda.
Uso de derivação.
Opções de análise.
Opções de relatório.
Seq derivação.

Para chegar em Configuração de EGC esforço a partir do Menu Principal


do MAC 1600, pressione F5 (Config Geral) > F4 (Configuração de
EGC esforço).

Muitos dos campos nas janelas da Configuração de ECG esforço são os


mesmos da Config ECG repouso ou Ajustar Arrit. A tabela a seguir lista
as configurações que são exclusivas ou diferentes das configurações de
repouso e arritmia. Para todos os outros campos, consulte Configuração
de ECG repouso na página 9-6 ou Ajustar Arrit na página 9-14.

Campo Comentário

Página 1

Filtro Baixa Idêntico ao campo da Configuração de ECG repouso.


Freqüência [Hz]
Se FRF for o Tipo de Filtro ECG selecionado, o filtro de
baixa freqüência estará disponível durante um teste de
esforço somente quando o filtro FRF estiver desligado.
Para obter mais informações, consulte Opções de
esforço na página 7-7.

Tipo Filtro de ECG Determina qual método será usado para filtrar o sinal
do ECG. As opções são:

SAD
Sistema antidesvio - reduz alterações de linha
de base.
FRF
Filtro residual finito - reduz ruído e artefatos
A seleção também determina o comportamento dos
campos Filtro Baixa Freqüência [Hz] e SAD/FRF.

SAD/FRF Habilita/desabilita o Tipo Filtro de ECG selecionado.


O rótulo desse campo muda conforme o tipo de
filtro selecionado.

9-16 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Página 2

Fórmula FC Máx Predita Determina a fórmula usada para prever a freqüência


cardíaca máxima do paciente. As opções são:

OMS
Essa fórmula, recomendada pela Organização
Mundial da Saúde, subtrai a idade do paciente
de 220.
Por exemplo, a freqüência cardíaca máxima
predita para uma pessoa de 50 anos de idade
seria 220 - 50 = 170.
AAC
Essa fórmula, recomendada pela American Heart
Association (Associação Americana do Coração),
varia conforme a idade do paciente.
< 25 anos = 160 bpm
> 75 anos = 115 bpm
25 75 anos = 160 (idade 25) * 0,9
Por exemplo, a freqüência cardíaca
máxima predita para uma pessoa de 50 anos
seria 160 - (50-25) * 0,9 = 138.

FC Alvo [%] Determina a porcentagem da freqüência cardíaca máxima


predita que o teste de esforço pretende atingir.

Modo Master s Step / Determina qual protocolo será usado para executar o teste
Protocolo de esforço. O protocolo determina as fases, etapas,
duração das etapas, cargas das etapas do teste e os
horários em que relatórios automáticos serão impressos
e a pressão sangüínea será registrada.

Você pode criar protocolos personalizados, selecionando


o botão Editar Protoc. Para obter mais informações,
consulte Edição de protocolos de esforço na
página 9-19.

OBSERVAÇÃO
Se Dispositivo Master s Step estiver selecionado
como Disp Teste Esforço na Config Básica
(consulte Configuração básica na página 9-3),
esse campo será rotulado Modo Master s Step
ao invés de Protocolo.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-17


Configuração geral

Campo Comentário

Cálculo do ponto J+X Determina o método usado para calcular o ponto pós-J.
As opções são:

0ms
10ms
20ms
40ms
80ms
Rautaharju (valor padrão)
RR/16
Os valores numéricos (de 0ms a 80ms) adicionam esse
número de milissegundos ao ponto J.

Cálculo (ponto E, J) Determina quando a fórmula de ponto J+X selecionada


será usada. As opções válidas são:

Único
Os pontos E e J são calculados uma vez no início e
permanecem inalterados durante o teste de esforço.
Contínuo
Os pontos E e J são calculados continuamente
durante as fases PRÉ-TESTE, EXERCÍCIO e
RECUPERAÇÃO do teste de esforço.

Página 3

Relatórios In-Test Determina o formato do relatório: As opções são:


Medianas.
Relatório comparativo medianas.

Relat Veloc Determina a velocidade em milímetros por segundo


Mediana [mm/s] com a qual as ondas serão representadas no relatório.
As opções são:

25
50

Relat 12 deriv Determina o layout de um relatório de 12 derivações.


As opções são:

1x12
Uma coluna mostrando 10 segundos de todas
as 12 derivações.
2x6
Duas colunas mostrando 5 segundos de
6 derivações.

Relato resumido Determina se o formato de relatório resumido será incluído


no relatório de esforço.

9-18 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Resumo tabular Determina se o formato de relatório tabular será incluído


no relatório de esforço.

Curva tendência Determina se o formato de relatório de tendência será


incluído no relatório de esforço.

Relatório Tend TE Determina se o formato de relatório de tendência ST será


incluído no relatório de esforço.

Resumo medidas TE Determina se o formato de relatório resumido ST será


incluído no relatório de esforço.

Episódios impressos no Determina como os episódios serão apresentados no


Relat Resumo relatório de esforço. As opções são:

Ordem cronológica.
Ordem prioridade.
Só Episódios Eventos Ventriculares.
Sem episódio.

Edição de protocolos de esforço


Os protocolos de teste de esforço predefinidos a seguir estão disponíveis.

Dispositivo Protocolos

Esteiras BRUCE MODBRUCE NAUGHTON

ELLESTAD MODBALKE USAFSAM

SLOWUSAFSAM CORNELL BALKEWARE

MODBALKEWARE ADENOSINA DOBUTAMINA

PERSANTINA

Ergômetros OMS OMS50 OMS75

HOLLMANN BAL PD.FRANÇA

MODOMS CONCONI

Master s Step ÚNICO DUPLO TRIPLO

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-19


Configuração geral

A maioria dos protocolos de esteira e ergômetro tem três fases


predefinidas: Pré-teste, exercício e recuperação. Cada fase pode incluir
vários estágios, que definem os parâmetros do teste. Os parâmetros
diferem levemente dependendo do dispositivo, conforme a tabela
a seguir.

Parâmetro Esteira Ergômetro Comentário

Estágio Y Y O nome do estágio.

Tempo Estágio Y Y A duração do estágio em minutos.

Velocidade Y N A velocidade da esteira em


quilômetros ou milhas por hora,
dependendo da configuração
de país.

Inclinação [%] Y N A porcentagem de aumento da


elevação da esteira.

Carga mínima [W] N Y A carga com a qual o ergômetro


opera, em watts.

Armaz Primeira Y Y O intervalo no qual se armazena


Mediana a primeira leitura mediana.

Armaz Repet Y Y O intervalo no qual se armazena


Mediana uma leitura mediana subseqüente.

Primeira PA Y Y O intervalo no qual se armazena


a primeira leitura de pressão
sangüínea.

Repet PA Y Y O intervalo no qual se armazena


a leitura subseqüente de pressão
sangüínea.

Os protocolos para dispositivos Master s Step têm apenas Estágio e


Tempo Estágio.

Você pode modificar os protocolos predefinidos para criar protocolos


personalizados. Utilize as instruções a seguir para criar um
protocolo personalizado.

1. No Menu Principal do MAC 1600, pressione F5 (Config Geral) >


F4 (Config ECG Esforço).

A janela Config ECG Esforço é aberta.

2. Pressione F4 (Página Abaixo).

A segunda página é aberta.

9-20 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

3. Selecione o botão Editar Protoc e pressione Enter ou os botões


de comando.

Para esteiras e ergômetros, a janela Selecionar Protocolo se abre e


exibe protocolos aplicáveis. Execute da etapa 4 até a etapa 16.

Para dispositivos Master s Step, a janela Editar Pós-exercício


Master Step se abre e exibe os estágios pós-exercício. Execute da
etapa 8 até a etapa 12.

4. Pressione F2 (Adicionar).

Abre-se uma lista de modelos.

5. Selecione o modelo no qual o novo protocolo deve se basear.

Os modelos se baseiam nos protocolos existentes. Também há um


Protocolo Vazio disponível.

6. Pressione F6 (OK).

A janela Adicionar Protocolo se abre.

7. Digite um nome para o novo protocolo e pressione F6 (OK).

A janela Protocolo se abre com todos os estágios do modelo. Agora


você pode adicionar, editar ou excluir estágios.

8. Para adicionar um estágio, faça o seguinte:

a. Selecione o estágio que precederá o novo.

b. Pressione F2 (Adicionar Estágio).

O estágio selecionado se duplica. Edite o estágio duplicado


conforme desejar. Consulte etapa 9.

9. Para editar um estágio, faça o seguinte:

a. Selecione o estágio a ser editado.

b. Pressione F1 (Editar).

A janela Editar Estágio se abre.

c. Modifique os parâmetros do estágio conforme desejar.

Consulte a tabela anterior a estas instruções para obter uma


descrição de cada parâmetro.

d. Quando terminar, pressione F6 (OK).

A janela Editar Estágio se fecha.

10. Para excluir um estágio, faça o seguinte:

a. Selecione o estágio a ser excluído.

b. Pressione F3 (Excluir Estágio).

O estágio selecionado é excluído.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-21


Configuração geral

11. Para remover estágios personalizados do Master s Step,


pressione F4 (Padrões Fábrica).

OBSERVAÇÃO
Para esteiras e ergômetros, você redefine os padrões de fábrica
no nível de protocolo. Consulte etapa 15.

12. Repita da etapa 8 até a etapa 10, conforme necessário.

13. Para renomear um protocolo, faça o seguinte:

a. Pressione F4 (Editar Nome).

A janela Editar Nome se abre.

OBSERVAÇÃO
Esta opção não está disponível durante a edição de um
protocolo Master Step.

b. Altere o nome como desejar.

c. Pressione F6 (OK).

O nome do protocolo se altera.

14. Quando tiver terminado de trabalhar com os estágios, pressione


F6 (Salvar).

Isso salva suas alterações e volta para a janela anterior.

15. Para remover protocolos personalizados, pressione F5


(Padrões Fábrica).

16. Quando o protocolo estiver concluído, pressione F6 (Voltar).

Salva o protocolo e retorna à janela Selecionar Protocolo.

Config Comunicação
A função Config Comunicação permite que você defina:

Configurações básicas de comunicação.


Config diretório compartilhado.
Configurações de local de destino.
Configurações de modem (se houver uma opção de modem ativada).
Configurações de LAN (se houver uma opção de LAN ativada).

Para chegar em Config Comunicação no Menu Principal do MAC 1600,


pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) > F1 (Config Comunicação).

9-22 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

A tabela a seguir descreve as configurações disponíveis em


Config Comunicação.

Campo Comentário

Página 1

Local Padrão Determina qual dos quatro locais de comunicação


disponíveis será o padrão. Os locais são definidos na
página 2 da Config Comunicação.

Exportar XML Determina se relatórios de ECG serão transmitidos


como XML. Se definido, os relatórios de ECG exportados
para o cartão SD serão armazenados nos formatos XML
e Hilltop. Se não for definido, os relatórios de ECG
exportados para o cartão SD serão armazenados
somente em formato Hilltop.

Taxa Transmissão Serial Determina a velocidade com a qual os dados serão


transmitidos pela porta de comunicações serial.

Permitir Exp usando Determina se relatórios de ECG podem ser exportados


Diretório Comp para uma unidade de rede compartilhada. Disponível
somente se a opção Comunicações de rede para
CardioSoft (LANC) estiver ativada.

Se este campo estiver marcado, os cinco campos a seguir


ficarão disponíveis.

Nome Comp Identifica o nome da unidade de rede compartilhada. Deve


ser o nome do compartilhamento; não há suporte para
endereços IP. Máximo de 256 caracteres.

Disponível somente se o campo Permitir Exp usando


Diretório Comp estiver marcado.

Nome usuário Identifica o nome de usuário que o sistema MAC 1600


usará para efetuar logon no diretório compartilhado.
O usuário deve ser configurado no domínio com as
permissões adequadas para acessar o diretório
compartilhado. Máximo de 30 caracteres.

Disponível somente se o campo Permitir Exp usando


Diretório Comp estiver marcado.

Senha Identifica a senha que o sistema MAC 1600 usará para


efetuar logon no diretório compartilhado. Máximo de
30 caracteres.

Disponível somente se o campo Permitir Exp usando


Diretório Comp estiver marcado.

Confirmar Digite novamente a senha neste campo, para confirmar


que esteja digitada corretamente.

Disponível somente se o campo Permitir Exp usando


Diretório Comp estiver marcado.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-23


Configuração geral

Campo Comentário

Domínio Identifica o domínio do usuário. Máximo de 30 caracteres.

Disponível somente se o campo Permitir Exp usando


Diretório Comp estiver marcado.

Página 2

Local Identifica o nome de um local de comunicação que


receberá a transmissão do sistema MAC 1600. Podem ser
definidos até quatro locais.

Dispositivo Identifica o tipo de dispositivo a ser usado para transmitir


dados ao local. As opções são:

Serial.
Modem.
LAN.

Modem e LAN estarão disponíveis somente se a opção


correspondente estiver ativada.

Esse campo fica ativo somente depois que um local


correspondente for inserido.

Nr Telefone Identifica o número de telefone do local. Disponível


somente se o dispositivo selecionado for Modem.

Protocolo Determina qual protocolo será usado para comunicação


com o dispositivo. As opções são:

A5.
CSI.

Selecione CSI para conexões MUSE e A5 para


conexões CardioSoft.

Página 3

Modem Determina o tipo de modem a ser usado: interno (opcional)


ou externo (Multitech MT5634ZBA Global Modem,
PN 2004831-001).

Alto-falante modem Configura como o alto-falante de um modem externo


será usado:

Ligado.
Desligado.
Somente modo discagem
Aplica-se somente a modems externos; modems internos
não possuem alto-falante.

9-24 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Método de discagem Determina se o sistema usará tom ou pulso para discar.

Precisa tom discagem Determina se o sistema deve receber um tom de discagem


antes de discar.

Discagem NIP Identifica se um número de identificação pessoal (NIP)


é necessário para discagem externa. Se este campo
estiver marcado, os três campos a seguir precisam
ser preenchidos.

Retardo Determina por quanto tempo, em segundos, o sistema


deve pausar entre a discagem do Núm de Provedor de
Serviço e o Número NIP e entre a discagem do Número
NIP e a Linha Externa.

Núm Provedor Serviço Identifica o número de telefone de acesso do provedor


de serviço.

Número NIP Identifica o número de identificação pessoal a ser inserido.

Linha Externa Identifica números de acesso que devem ser discados


para conseguir uma linha externa.

Discagem Manual Determina se o sistema faz discagem automática. Se este


campo estiver marcado, a conexão deve ser feita
manualmente. Se o campo for desmarcado, o sistema
discará automaticamente e você deverá preencher os
campos a seguir:

Método de discagem.
Precisa tom discagem.
Discagem NIP.

Página 4

Nome Disp Cardiógrafo Identifica o nome de identificação da unidade MAC 1600


na rede. Por padrão, o valor é definido como
GE_<número de série>. Um nome válido de dispositivo
de rede contém de 1 a 20 caracteres alfanuméricos e
sublinhado. O primeiro caractere deve ser uma letra.

Este campo só está disponível se uma opção de LAN


estiver ativada.

Porta Escuta Redirec Identifica a porta na qual o dispositivo deve escutar


Serial/IP conexões de entrada seriais/IP. Essas comunicações
devem corresponder aos valores definidos no sistema
MUSE de transmissão.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-25


Configuração geral

Campo Comentário

Obter autom endereço IP Determina se o dispositivo MAC 1600 receberá


(DHCP) automaticamente um endereço IP da rede.

Se esta caixa estiver marcada e a comunicação LAN com


um sistema MUSE estiver habilitada, o servidor DHCP
deve ser configurado para reservar um endereço IP
estático para o MAC 1600. Entre em contato com o
administrador de rede para obter ajuda.

Se este campo estiver marcado, os campos Endereço IP,


Máscara e Gateway serão somente para exibição. Se este
campo estiver desmarcado, será necessário preencher
esses campos.

Endereço IP Identifica o endereço IP do dispositivo MAC 1600. Se


o campo Obter autom endereço IP (DHCP) estiver
desmarcado, você deve definir um endereço IP exclusivo.

Máscara Rede Identifica a máscara de rede do dispositivo MAC 1600.


Se o campo Obter autom endereço IP (DHCP) estiver
desmarcado, você deve definir uma máscara de rede.

Gateway Identifica o endereço IP do gateway a ser usado pelo


dispositivo MAC 1600. Se o campo Obter autom endereço
IP (DHCP) estiver desmarcado, você deve digitar o
endereço IP do gateway.

Obter autom endereço Determina se o dispositivo MAC 1600 obterá


serviço DNS (DHCP) automaticamente um endereço IP Servidor de Nome
de Domínio (DNS). Se este campo estiver marcado,
os dois campos a seguir serão somente para exibição.
Se o campo estiver desmarcado, você deve definir o
endereço IP para uso dos servidores DNS.

Servidor DNS primário Identifica o endereço IP do servidor DNS primário usado


para resolver nomes de domínio da Internet.

Servidor DNS alternativo Identifica o endereço IP do servidor DNS secundário


usado para resolver nomes de domínio da Internet.

9-26 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Configurar País
A função Configurar País permite que você defina:

Idioma do sistema.
Formatos de data e hora.
Unidades de medida.
Filtro linha.
Rótulo derivação.

Para chegar em Configurar País no Menu Principal do MAC 1600,


pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) > F2 (Configurar País).

A tabela a seguir identifica as configurações em Configurar País.

Campo Comentários

Idioma Determina o idioma usado pela interface e relatórios.

Formato Data Determina o formato no qual as datas são exibidas.


As opções são:

DD.MM.AAAA
MM/DD/AAAA
AAAA-MM-DD

Formato Hora Determina se o sistema usará o formato de 12 ou


24 horas.

Unidade Peso/Altura Determina se o sistema usará medidas métricas (cm, kg)


ou medidas inglesas (pol, lbs) para o peso e altura
do paciente.

Unidade Veloc Determina se a velocidade dos dispositivos de esforço


será medida em quilômetros por hora (km/h) ou milhas
por hora (mph).

Unid Nível TE Determina se o segmento TE será medido em


milivolts (mV) ou milímetros (mm).

Unidade Pressão Determina se a pressão sangüínea será medida em


Sangüínea milímetros de mercúrio (mmHg) ou quilopascals (kPa).

Filtro Linha Determina a freqüência do filtro de linha. As opções são


50 Hz e 60 Hz.
Rótulo derivação Determina se o sistema rotulará derivações usando os
padrões da IEC (Comissão Eletrotécnica Internacional)
ou da AHA (Associação Americana do Coração).

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-27


Configuração geral

Config Paciente
A função Config Paciente permite que você defina:

Dados disponíveis e obrigatórios do paciente.


Dados de teste disponíveis.
Dados de ensaio clínico disponíveis.
Somente se a opção Guarda Dados CT CTDG estiver ativada.
Configurações do leitor de código de barras.
Somente se a opção BCRD Leitor de Código de Barras USB
estiver ativada.

Para chegar em Config Paciente no Menu Principal do MAC 1600,


pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) > F4 (Config Paciente).

A tabela a seguir identifica as configurações em Config Paciente.

Campo Comentário

Janela Config Dados Paciente

ID Paciente Determina se a ID do paciente é necessária. Em relatórios,


ela será rotulada ID.

ID Secundária Determina se uma ID de paciente secundária estará


disponível ao inserir os dados do paciente, e se ela é
obrigatória. Ela só poderá ser obrigatória se estiver
habilitada. Em relatórios, ela será rotulada ID 2.

Sobrenome Determina se o sobrenome do paciente estará disponível


ao inserir os dados do paciente, e se ele é obrigatório. Ele
só poderá ser obrigatório se estiver habilitado.

Primeiro Nome Determina se o primeiro nome do paciente estará


disponível ao inserir os dados do paciente, e se
ele é obrigatório. Ele só poderá ser obrigatório se
estiver habilitado.

Nome em Kanji Determina se o nome em Kanji do paciente estará


disponível ao inserir os dados do paciente.

Data Nascimento Determina se a data de nascimento estará disponível ao


inserir os dados do paciente.

Idade Determina se a idade estará disponível ao inserir os dados


do paciente.

Altura Determina se a altura estará disponível ao inserir os dados


do paciente.

Peso Determina se o peso estará disponível ao inserir os dados


do paciente.

Sexo Determina se o sexo estará disponível ao inserir os dados


do paciente.

9-28 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Raça Determina se a raça estará disponível ao inserir os dados


do paciente.

Nr Telefone Determina se o número de telefone estará disponível ao


inserir os dados do paciente.

Marca-passo Determina se o marca-passo estará disponível ao inserir


os dados do paciente.

Habilitar Verif ID Paciente Determina se serão feitas verificações adicionais para


garantir que a ID do paciente atenda aos requisitos da
ID de paciente nacional usada em países escandinavos.
Se este campo estiver definido, você deverá selecionar
o Tipo ID Paciente correto.

Tipo ID Paciente Disponível somente se o campo Habilitar Verif ID Paciente


estiver marcado. Determina que tipo de ID será usado e,
portanto, que verificações serão feitas. As opções são:

ID Sueca do Paciente.
ID Paciente Dinamarquesa.
ID Paciente Norueguesa.

Quando uma ID de paciente é inserida, o sistema


verificará o formato, extrairá o sexo e data de
nascimento do paciente e preencherá esses campos,
se estiverem habilitados.

Comp ID Paciente (3-30) Define o comprimento máximo da ID do paciente dentro


do intervalo de 3 a 30 caracteres.

Disponível somente se o campo Habilitar Verif ID Paciente


estiver desmarcado.

Ord Lista Paciente por Determina o campo pelo qual a lista de pacientes é
ordenada. As opções são:

ID Paciente.
ID Secundária.
Nome Paciente.

Janela Dados Teste

PA sistólica Determina se a pressão arterial sistólica estará disponível


ao inserir os dados do teste.

Pressão diastólica Determina se a pressão arterial diastólica estará


disponível ao inserir os dados do teste.

Local Determina se o local estará disponível ao inserir os dados


do teste.

Quarto Determina se o quarto estará disponível ao inserir os


dados do teste.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-29


Configuração geral

Campo Comentário

Nr Pedido Determina se o número do pedido estará disponível ao


inserir os dados do teste.

Indicação Determina se a indicação estará disponível ao inserir os


dados do teste.

Médico Solicitante Determina se o médico solicitante estará disponível ao


inserir os dados do teste.

Méd Resp Encaminh Determina se o médico responsável pelo encaminhamento


estará disponível ao inserir os dados do teste.

Médico Assistente Determina se o médico assistente estará disponível ao


inserir os dados do teste.

Técnico Determina se o técnico estará disponível ao inserir os


dados do teste e se ele será obrigatório. Ele só poderá ser
obrigatório se estiver habilitado.

Medicamentos (0-3) Determina o número de medicamentos que podem ser


inseridos na janela de dados do teste.

Questões extras Abre a janela Questões Extras, que permite que você
defina até quatro campos personalizados. Cada campo
tem uma Mensagem de Alerta e um Tipo. A Mensagem
de Alerta pode ter até 10 caracteres. O Tipo pode ser
qualquer um dos seguintes:

Alfanumérico.
Numérico.
Sim/não/desconhecido.

Janela Config Ensaio Clínico

Número de acesso Determina se o número do acesso estará disponível ao


inserir os dados do ensaio clínico.

Tipo de acesso Determina se o tipo de acesso estará disponível ao inserir


os dados do ensaio clínico.

Tipo de dose Determina se o tipo de dose estará disponível ao inserir os


dados do ensaio clínico. Se este campo estiver definido,
use o botão Lista Doses para definir os tipos de doses
que estarão disponíveis ao inserir dados do ensaio clínico.

ID do Investigador Determina se a ID do investigador estará disponível ao


inserir os dados do ensaio clínico.

Código do Projeto Identifica a ID do Projeto que aparecerá ao inserir os


dados do ensaio clínico.

ID do Ensaio Identifica a ID do ensaio que aparecerá ao inserir os dados


do ensaio clínico.

9-30 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Questões extras Abre a janela Questões Extras, que permite que você
defina até cinco campos de ensaio clínico personalizados.
Cada campo tem uma Mensagem de Alerta e um Tipo.
A Mensagem de Alerta pode ter até 10 caracteres. O Tipo
pode ser qualquer um dos seguintes:

Alfanumérico.
Numérico.
Sim/não/desconhecido.

Lista Doses Abre a janela Lista Doses , que permite que você defina
os tipos de doses que estarão disponíveis ao inserir dados
do ensaio clínico. As doses devem estar em texto simples
em até 32 caracteres alfanuméricos.

Configurar Código de Barras

Auto Configurar Configura automaticamente o leitor de código de barras.


Ao clicar nesse link, você receberá um aviso para ler
um código de barras de configuração, criado pelo
departamento de TI do site. Para obter mais informações
sobre como criar os códigos de barras, consulte
Apêndice B.

Número total de bytes Identifica o número total de bytes no código de barras.

Deslocamento Identifica a posição do caractere inicial no campo


correspondente.

Comprimento Identifica o número de caracteres do campo


correspondente.

Config Usuário
A função Config Usuário permite que você defina:

Nomes de usuário.
Identificação do usuário.
Funções do usuário.
Privilégios de usuário.

Os usuários inseridos na configuração podem ser selecionados para


padrões do sistema e dados de paciente. Se o Modo Alta Segurança
estiver habilitado, qualquer pessoa que usar o dispositivo MAC 1600
deverá estar configurada como usuário com uma ID de usuário, senha
e privilégios para poder efetuar logon no dispositivo. Para obter mais
informações sobre configuração de padrões do sistema e habilitação do
Modo Alta Segurança, consulte Configuração básica na página 9-3.

Para chegar em Config Usuário no Menu Principal do MAC 1600,


pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) > F5 (Config Usuário).

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-31


Configuração geral

Ao executar a Config Usuário, a janela Editar Listas Usuários se abre e


oferece quatro opções:

Médicos Solicitantes.
Méd Resp Encaminh.
Médicos Assistentes.
Técnicos.

Ao selecionar uma dessas funções, será aberta uma lista dos usuários
existentes com essas funções. Agora você pode adicionar, editar ou
excluir usuários.

A tabela a seguir identifica as configurações em Config Usuário.

Campo Comentário

Sobrenome Identifica o sobrenome do usuário. Obrigatório.


40 caracteres alfanuméricos.

Primeiro Nome Identifica o primeiro nome do usuário. Opcional.


20 caracteres alfanuméricos.

ID do Usuário Define uma ID para o usuário. Se o Modo Alta Segurança


estiver habilitado, o usuário deverá inserir essa ID para
efetuar logon no dispositivo. Obrigatório. 30 caracteres
alfanuméricos.

OBSERVAÇÃO
O sistema não impede IDs duplicadas. Se a mesma
ID for usada mais de uma vez, somente o primeiro
usuário criado com essa ID conseguirá efetuar logon
no sistema.

ID MUSE Define a ID com a qual o usuário efetua logon no


sistema MUSE. Usado se relatórios desse sistema forem
transmitidos para um sistema MUSE.

Solicitante Determina se o usuário preenche a função de médico


solicitante. Se essa função tiver sido selecionada na janela
Editar Lista Usuários, esse campo estará marcado por
padrão. É possível selecionar várias funções, mas é
necessário selecionar pelo menos uma.

Resp Encam Determina se o usuário preenche a função de médico


responsável pelo encaminhamento. Se essa função tiver
sido selecionada na janela Editar Lista Usuários, esse
campo estará marcado por padrão. É possível selecionar
várias funções, mas é necessário selecionar pelo
menos uma.

Assistente Determina se o usuário preenche a função de médico


assistente. Se essa função tiver sido selecionada na janela
Editar Lista Usuários, esse campo estará marcado por
padrão. É possível selecionar várias funções, mas é
necessário selecionar pelo menos uma.

9-32 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Campo Comentário

Técnico Determina se o usuário preenche a função de técnico.


Se essa função tiver sido selecionada na janela Editar
Lista Usuários, esse campo estará marcado por padrão.
É possível selecionar várias funções, mas é necessário
selecionar pelo menos uma.

Senha Define a senha que o usuário deve inserir juntamente com


a ID Usuário para efetuar logon no dispositivo se o
Modo Alta Segurança estiver habilitado. Deve ter de 6
a 30 caracteres alfanuméricos.

Redigitar senha Confirma se a senha foi inserida corretamente.

Editar Config Habilita/desabilita a capacidade do usuário de editar


dados da configuração do sistema.

Editar Data/Hora Habilita/desabilita a capacidade do usuário de editar data


e hora do sistema.

Editar usuários Habilita/desabilita a capacidade do usuário de editar


dados de usuário.

Editar registro Habilita/desabilita a capacidade do usuário de editar


registros de ECG.

Excluir registro Habilita/desabilita a capacidade do usuário de excluir


registros de ECG.

Transmitir registros Habilita/desabilita a capacidade do usuário de transmitir


registros de ECG.

Opções Config
A função Opções Config permite que você ative opções, inserindo Códigos
de Opção, que são gerados para um número de série específico e podem
ser usados somente para ativar opções no dispositivo com esse número
de série.

Todas as opções compradas serão ativadas quando o dispositivo for


enviado. Contudo, se você adquirir uma nova opção ou reativar uma
opção, use as instruções a seguir.

1. No Menu Principal, pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) >


F6 (Mais) > F4 (Opções Config).

2. Digite o código de ativação de 12 dígitos no campo Código Opção.

Você pode encontrar códigos de ativação de opções adquiridas na


folha de resumo de códigos ativos fornecida com o dispositivo ou com
as opções adicionais adquiridas.

3. Pressione a tecla Enter

A mensagem Opção Ativada será exibida na parte inferior da janela.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-33


Configuração geral

4. Repita da etapa 2 à etapa 3 para opções adicionais a serem ativadas.

5. Pressione F6 para selecionar Salvar e salvar as opções de configuração.

A tabela a seguir identifica as opções disponíveis. Você receberá um


código de ativação para cada opção adquirida.

Código Nº Item Nome

CTDG 2034995-001 Guarda Dados TC

R12L 2034995-002 Tela de 12 derivações para ECG repouso.


Sempre ativa.

ME12 2034995-003 Medida 12SL

MEHR 2034995-004 Medida HEART Resting

MI12 2034995-005 Medida e Interpretação 12SL

MIHR 2034995-006 Medida e Interpretação HEART Resting

M100 2034995-007 Armazenamento para 100 ECGs

LANC 2034995-009 Comunicação LAN com CardioSoft

LANM 2034995-010 Comunicação de LAN com MUSE

MODC 2034995-011 Modem ou comunicação serial com CardioSoft

MODM 2034995-012 Modem ou comunicação serial com MUSE

ERGO 2034995-013 Teste Esforço

E12L 2034995-014 Tela de 12 Derivações para Teste Esforço

CFRA 2034995-015 Trilha Audit Tít 21 Parte 11 CFR

BCRD 2034995-016 Leitor Código de Barras USB

TIPI 2034995-017 ACI-TIPI

Config Manutenção
A opção Config Manutenção permite que o pessoal de manutenção
configure o seguinte:

Config Disp.
Registro Eventos.
Diagnóstico Sistema.
Atualiz Software.

Consulte o Manual de Manutenção do MAC 1600 para obter detalhes.

9-34 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Configurar Data/Hora
A função Configurar Data/Hora permite que você defina as configurações
de data e hora do sistema do MAC 1600.

Para chegar em Configurar Data/Hora no Menu Principal do MAC 1600,


pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) > F6 (Mais) > F6 (Mais) >
F1 (Configurar Data/Hora).

A tabela a seguir identifica as configurações em Configurar Data/Hora.

Campo Comentário

Data Define a data atual do sistema. O formato dos campos


depende do formato de data selecionado em Configurar
País. Para obter mais informações, consulte Configurar
País na página 9-27.

Hora Define a hora atual do sistema. Se o campo


Sincronizar auto com Servidor de Hora estiver definido
na Config Básica, todas as alterações feitas à hora serão
sobrescritas durante a próxima sincronização. Para obter
mais informações, consulte Configuração básica na
página 9-3.

Fuso horário Identifica o fuso horário no qual o dispositivo está


localizado. Disponível somente se Sincronizar auto
com Servidor de Hora estiver ativado na Config Básica.
Consulte Configuração básica na página 9-3 para
obter mais informações.

Ajustar relógio para Determina se o sistema ajustará o horário automatica-


horário de verão mente no horário de verão. Disponível somente se
Sincronizar auto com Servidor de Hora estiver ativado
na Config Básica. Consulte Configuração básica na
página 9-3 para obter mais informações.

Utilitários de configuração
Os utilitários de configuração disponíveis na Config Geral permitem que
você imprima, troque, exporte e importe configurações do sistema e
exporte a trilha de auditoria.

Imprimir Relatório Config


O utilitário Imprimir Relatório Config imprime um relatório das
configurações individuais ou das configurações completas do sistema.
Você pode usar o relatório para verificar se todos os dispositivos do
MAC 1600 estão configurados de maneira idêntica ou como referência
se você precisar reconfigurar um dispositivo.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-35


Configuração geral

Use as instruções a seguir para imprimir um relatório de configuração.

1. No Menu Principal, pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) >


F3 (Imprimir Relatório Config).

2. Na janela Imprimir Relatório Config, selecione o relatório a


ser impresso.

Config Básica.
Config Repouso.
Ajustar Arrit.
Config Esforço.
Config Comunicação.
Configurar País.
Config Paciente.
Config Usuário.
Opções Config.
Finalizar configuração.

3. Quando terminar, pressione F6 (Voltar) para voltar ao


Menu Principal.

Selec Config
O utilitário Selec Config permite que você salve até cinco configurações
do sistema e alterne entre elas. Isso é útil se o dispositivo for
compartilhado por departamentos ou usado para vários ensaios clínicos.

Use as instruções a seguir para salvar e carregar arquivos de configuração.

1. No Menu Principal, pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) >


F6 (Mais) > F1 (Selec Config).

A janela Selec Config se abre. O nome da configuração atualmente


em uso pelo sistema aparece no campo Config Carregada.

2. Para salvar uma cópia da configuração atual, faça o seguinte:

a. Pressione F3 (Salvar como).

A janela Nome Config se abre.

b. Digite um nome para a configuração e pressione F6 (Salvar).

A configuração é salva, e a janela Nome Config se fecha.

9-36 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

3. Para carregar outra configuração, faça o seguinte:

a. Selecione a configuração a ser carregada.

b. Pressione F1 (Carregar Config).

c. Reinicie a unidade.

A unidade deve ser desligada e ligada novamente para que todas


as alterações de configuração tenham efeito, especialmente se a
nova configuração incluir uma alteração na configuração de
idioma: o idioma não será alterado até que a unidade se reinicie.

4. Para excluir um arquivo de configuração, faça o seguinte:

a. Selecione o arquivo a ser excluído.

b. Pressione F2 (Excluir).

Você receberá um aviso para confirmar a exclusão.

c. Pressione F6 (OK).

OBSERVAÇÃO
Não é possível excluir uma configuração que esteja carregada
no momento.

5. Para alterar o nome de um arquivo de configuração do sistema,


faça o seguinte:

a. Selecione o arquivo de configuração a ser alterado.

b. Pressione F4 (Editar Nome).

A janela Nome Config se abre.

c. Digite o novo nome e pressione F6 (Salvar).


6. Para remover todas as configurações personalizadas, faça o seguinte:

a. Selecione o arquivo de configuração a ser redefinido.

b. Pressione F5 (Padrões Fábrica).

c. Ao receber o aviso para confirmar, pressione F6 (Salvar).

7. Quando terminar, pressione F6 (Voltar) para sair.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-37


Configuração geral

Exportar Config
O utilitário Exportar Config permite que você exporte configurações
salvas do sistema MAC 1600 para um cartão SD. Esse cartão SD pode
então ser usado para importar as configurações para outro sistema
MAC 1600, simplificando imensamente a instalação e configuração de
vários sistemas MAC 1600.

1. Insira o cartão SD.

2. No Menu Principal, pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) >


F6 (Mais) > F3 (Exportar Config).

A janela Selec Config para Export se abre. Todas as configurações


salvas no dispositivo são listadas na coluna da esquerda. Todas as
configurações salvas no cartão SD são listadas na coluna da direita.

3. No painel esquerdo, selecione o arquivo de configuração a


ser exportado.

4. Pressione F1 (Exportar).

O arquivo selecionado é copiado para o cartão SD e aparece na coluna


da direita.

5. Repita da etapa 3 à etapa 4 para cada arquivo de configuração salvo


a ser exportado.

6. Quando terminar, pressione F6 (Voltar).

Importar Config
O utilitário Importar Config permite que você importe até cinco arquivos
de configuração de sistema de outros sistema MAC 1600 que foram
exportadas para um cartão SD. Esse recurso é útil em sites com vários
sistemas que precisam ter configurações iguais ou similares.

1. Insira o cartão SD com o arquivo de configuração salvo.

2. No Menu Principal, pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) >


F6 (Mais) > F2 (Importar).

A janela Selec Config para Import se abre. Todas as configurações


salvas no dispositivo são listadas na coluna da esquerda. Todas as
configurações salvas no cartão SD são listadas na coluna da direita.

3. No painel da direita, selecione o arquivo de configuração a


ser importado.

4. Pressione F1 (Importar).

O arquivo selecionado é copiado para o dispositivo e aparece na


coluna da esquerda.

5. Repita da etapa 3 à etapa 4 para cada arquivo de configuração salvo


a ser importado.
6. Quando terminar, pressione F6 (Voltar).

9-38 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Configuração geral

Exportação da trilha de auditoria


A função Exportar Trilha Audit copia a trilha de auditoria do sistema
em formato XML para um cartão SD e, em seguida, apaga a trilha de
auditoria do sistema MAC 1600. Se existir uma trilha anterior no
cartão SD, ela será automaticamente sobrescrita pela trilha de
auditoria nova.

A GE recomenda que a trilha de auditoria seja exportada semanalmente


para um armazenamento de longo prazo, para atender a requisitos de
arquivamento. Se a trilha de auditoria não for exportada regularmente,
ela consumirá espaço de armazenamento e reduzirá o número de ECGs
que poderão ser armazenados no dispositivo.

Para exportar uma trilha de auditoria, as seguintes condições devem


ser atendidas:

O Modo Alta Segurança deve estar habilitado.


Consulte Configuração básica na página 9-3.
A Trilha Audit deve estar habilitada.
Consulte Configuração básica na página 9-3.
O usuário deve ter as permissões Editar Config e Excluir Registros
configuradas.
Consulte Config Usuário na página 9-31.

Use as instruções a seguir para exportar a trilha de auditoria para um


cartão SD:

1. Insira o cartão SD na unidade MAC 1600.

2. No Menu Principal, pressione F5 (Config Geral) > F6 (Mais) >


F6 (Mais) > F6 (Mais) > F4 (Exportar Audit).

Quando a trilha de auditoria tiver sido copiada para o cartão SD


e apagada do sistema, uma mensagem notificará o sucesso
da exportação.

Depois da exportação do arquivo XML, você poderá analisar ou imprimir


a trilha de auditoria conforme necessário. Para obter mais informações
sobre como analisar o arquivo XML para visualização ou impressão,
consulte o manual GE Cardiology Open XML (PN 2025762-163).

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 9-39


Configuração geral

9-40 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


10 Manutenção

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-1


Manutenção

Introdução
A manutenção regular, independentemente do uso, é essencial
para garantir que o equipamento funcione quando necessário.
Este capítulo fornece informações básicas de manutenção para
os seguintes componentes:

Dispositivo MAC 1600.


Cabos e condutores.
Papel.
Bateria.
Suprimentos e acessórios.

Consulte a documentação fornecida com seus periféricos para outros


procedimentos de manutenção.

ADVERTÊNCIA
MANUTENÇÃO O não cumprimento, por parte
dos indivíduos, hospitais ou instituições responsáveis
que utilizem este dispositivo, da implementação do
cronograma de manutenção recomendado pode resultar
em falha do equipamento e possíveis riscos à saúde.
O fabricante não assume de maneira alguma a
responsabilidade pela execução do cronograma de
manutenção recomendado, a não ser que exista
um Contrato de Manutenção de Equipamento. Toda a
responsabilidade recai sobre os indivíduos, hospitais
ou instituições que utilizem o dispositivo.

Manutenção do MAC 1600


O sistema de análise de ECG MAC 1600 foi projetado para exigir pouco
mais do que inspeção e limpeza regulares para funcionar corretamente.
Qualquer manutenção adicional deve ser executada por pessoal de
manutenção qualificado da GE.

CUIDADO
RISCO ELÉTRICO O manuseio incorreto durante a
inspeção ou limpeza pode resultar em choques elétricos.
Para evitar a possibilidade de choques, observe sempre as
diretrizes a seguir:

Antes de inspecionar ou limpar o sistema, desligue-o,


desconecte-o da tomada e remova a bateria.
NÃO coloque nenhuma parte do equipamento sob
imersão em água.

10-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Manutenção

Inspeção do equipamento
Execute uma inspeção visual diária, preferivelmente antes do primeiro
uso do equipamento todos os dias. Durante a inspeção, verifique se
o dispositivo atende às seguintes condições mínimas:

A caixa e a tela não têm ranhuras ou outros danos.


Todos os plugues, cabos e conectores estão livres de dobras,
desgaste ou outros danos.
Todos os fios e conectores estão encaixados com segurança.
Todas as teclas e controles estão funcionando corretamente.

Se você perceber algum item que necessite de conserto, entre em


contato com o representante de serviço autorizado para fazer os reparos.
Interrompa o uso do dispositivo até que os consertos adequados tenham
sido feitos.

Limpeza do dispositivo
Limpe a superfície exterior do dispositivo MAC 1600 uma vez ao mês ou
com mais freqüência, se necessário.

Materiais de limpeza a serem usados


Use os seguintes materiais para limpar o dispositivo:

Detergente neutro para lava-louças.


Pano limpo e macio (2).
Água.

Materiais de limpeza a serem evitados


NÃO use um dos materiais a seguir para limpar o dispositivo, pois podem
danificar as superfícies do equipamento.

Solventes orgânicos.
Solventes à base de amônia.
Agentes de limpeza abrasivos.
Álcool.
Virex.
Sani-Master.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-3


Manutenção

Limpeza das superfícies do MAC 1600


Para limpar as superfícies do dispositivo MAC 1600 proceda da
seguinte maneira:

1. Dilua o detergente neutro para lava-louças em água para criar uma


solução de limpeza.

2. Molhe um pano limpo na solução e torça para tirar o excesso.

3. Limpe completamente a superfície do dispositivo MAC 1600 com


o pano umedecido.

NÃO pingue a solução nem nenhum outro líquido sobre a impressora.

Evite contato com exaustores abertos, plugues ou conectores.

4. Repita da etapa 2 até a etapa 3 conforme necessário até que a


superfície esteja adequadamente limpa.

5. Limpe as superfícies com um pano seco e limpo ou papel toalha.

Manutenção de cabos e condutores


A manutenção e o cuidado corretos dos cabos e condutores usados pelo
sistema de análise de ECG MAC 1600 é a seguinte:

Limpeza dos cabos e condutores.


Armazenamento dos cabos e condutores, e
Substituição dos cabos e condutores.

OBSERVAÇÃO
As informações desta seção se aplicam ao cabo de aquisição e
condutores Multi-link. Em sistemas com os sistema opcional KISS,
consulte o manual do operador KISS para obter informações
de manutenção.

Saneamento de cabos e condutores


Cabos e condutores entram em contato com os pacientes e, portanto,
devem ser limpos e desinfetados após cada uso. Se necessário, também
podem ser esterilizados.
Antes de limpar e desinfetar os cabos e condutores, você precisa saber:

Quais materiais de limpeza podem ser usados


Quais desinfetantes podem ser usados
Quais materiais de limpeza devem ser evitados

10-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Manutenção

Materiais de limpeza a serem usados


Use os seguintes materiais para limpar os cabos e condutores:

Detergente neutro para lava-louças.


Pano limpo e macio (2).
Água.

Desinfetante a ser usado


De acordo com as Diretrizes da APIC para Seleção e Uso de Desinfetante
(1996), use hipoclorito de sódio (alvejante caseiro a 5,2%) para desinfetar
os cabos e condutores.

O hipoclorito de sódio pode estar em forma líquida ou de lenços, desde


que esteja dentro das seguintes especificações:

Diluição mínima de 1:500 (mínimo de 100 ppm de cloro livre)


Diluição máxima de 1:10

Materiais de limpeza a serem evitados


NÃO use os seguintes materiais para limpar os cabos e condutores:

Sani-Cloth® Wipes.
Ascepti® Wipes.
HB Quat®.
Clorox® Wipes.
Detergentes à venda em supermercados (Fantastic®, Tilex®, etc.).
Soluções condutoras.
Soluções ou produtos que contenham qualquer dos produtos a seguir:
Solventes ou limpadores abrasivos.
Acetona.
Agentes de limpeza à base de álcool.
Cloreto de amônio.
Betadina.
Cloretos, cera ou compostos de cera.
Cetona.
Sais de sódio.
O uso desses materiais ou materiais que contenham ingredientes ativos e
soluções similares pode resultar em:

Descoloração do produto.
Corrosão de peças metálicas.
Conectores e fios quebradiços.
Redução da vida útil do produto.
Mau funcionamento do produto, e
Invalidez da garantia.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-5


Manutenção

Cuidados
Observe os seguintes cuidados ao limpar os cabos e condutores:

Nunca imirja cabos ou condutores em nenhum líquido.


Nunca derrame ou borrife nenhum líquido diretamente sobre cabos
ou condutores.
Nunca permita que fluidos entrem em conexões ou aberturas.
Nunca submeta cabos e condutores a autoclave ou vapor.
Sempre limpe com cuidado para evitar puxar fios longos
dos condutores.
Sempre remova cabos e condutores do dispositivo antes de limpar.

A não observação desses cuidados pode resultar em danos às


extremidades metálicas de contato, afetando em conseqüência a
qualidade do sinal.

Limpeza de cabos e condutores


Use o seguinte procedimento para limpar os cabos e condutores.

OBSERVAÇÃO
A limpeza remove sujeira e marcas, mas não desinfeta.

1. Dilua o detergente neutro para lava-louças em água para criar uma


solução de limpeza.

2. Molhe um pano limpo na solução e torça para tirar o excesso.

3. Limpe completamente o exterior dos cabos e condutores com o


pano úmido.

4. Repita da etapa 2 até a etapa 3 conforme necessário até que


estejam adequadamente limpos.

5. Limpe com um pano seco e limpo ou papel toalha e deixe


secar naturalmente.

Desinfecção de cabos e condutores


Use o seguinte procedimento para desinfetar os cabos e condutores.

OBSERVAÇÃO
Limpe e seque os cabos e condutores antes de desinfetá-los.

1. Use um pano ou lenço sem fiapos com uma solução de hipoclorito


de sódio.

2. Torça o excesso de líquido do pano.

3. Limpe cuidadosamente os cabos.

10-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Manutenção

4. Limpe o desinfetante com um pano limpo e levemente úmido.

OBSERVAÇÃO
Se o fluido se acumular ao redor dos conectores, seque com um
pano macio e sem fiapos.

5. Limpe com um pano seco e sem fiapos e deixe secar naturalmente por
pelo menos 30 minutos.

OBSERVAÇÃO
O tempo de secagem varia conforme as condições do ambiente.

NÃO use técnicas de secagem excessivas como fornos, calor


forçado ou secagem ao sol.

Esterilização de cabos e condutores


Embora NÃO SEJA RECOMENDADO, cabos e condutores podem
ser esterilizados com gás de óxido de etileno (EtO) em temperatura
máxima de 50° C (122° F). Siga as instruções fornecidas pelo fabricante
do esterilizador.

OBSERVAÇÃO
A esterilização freqüente reduz a vida útil de cabos e condutores.

Armazenamento de cabos e condutores


Para garantir que os cabos e condutores estejam em condições de uso,
utilize as diretrizes a seguir para armazená-los quando não estiverem
em uso:

Armazene em uma área seca e bem ventilada.


Pendure os cabos e condutores verticalmente.
Não enrole cabos e condutores no dispositivo.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-7


Manutenção

Substituição de adaptadores de condutor


Embora a limpeza e armazenamento adequados prolongue a vida útil
dos condutores, eventualmente será necessário substituir os adaptadores
dos condutores. A ilustração a seguir mostra o método correto de
substituição dos adaptadores.

23A

Manutenção do papel
Para manuseio correto da impressora térmica do MAC 1600, você deve
saber como:

Substituir o papel.
Ajustar a bandeja de papel para diferentes tamanhos de papel.
Armazenar papel térmico.

10-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Manutenção

Substituir o papel
Use o procedimento a seguir para substituir o papel da impressora
térmica do MAC 1600.

058A
1. Pressione o botão para soltar a bandeja de papel e puxe para
cima no suporte do rolo.

2. Puxe a bandeja de papel até que ela pare.

3. Insira o bloco de papel.

Se o papel tiver furos, estes devem ficar do lado esquerdo da bandeja.

4. Puxe a primeira folha de papel, dobre-a sobre o teclado e alinhe-a


com as guias.

5. Empurre firmemente a bandeja de papel até que ela encaixe


novamente na posição correta.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-9


Manutenção

Ajustando a bandeja de papel para diferentes tamanhos de papel


O registrador térmico do MAC 1600 oferece suporte a dois tamanhos de
papel: Carta americano (8,5" x 11") e A4. Quando o dispositivo é enviado,
a bandeja de papel é configurada para usar o tamanho adequado para o
local de destino. Use as instruções a seguir para alterar o tamanho do
papel, movendo os espaçadores da bandeja.

1. Pressione o botão para soltar a bandeja de papel e puxe para cima no


suporte do rolo.

013A
2. Puxe a bandeja de papel até que ela pare.

3. Pressione e segure o botão de liberação na base do dispositivo e puxe


a bandeja de papel para removê-la completamente.

014A

10-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Manutenção

4. Ajuste a colocação dos espaçadores de papel para o tamanho de papel


que irá usar.

Consulte as ilustrações a seguir.

015A
Espaçador de papel - carta americano (8,5"x11")

016A
Espaçadores de papel - A4

Para ajustar a bandeja de papel para papel em tamanho carta


americano, coloque o espaçador cinza no sentido da largura na parte
de trás da bandeja de papel (A) e verifique se o espaçador bege (C)
não está preso ao rolo.

Para ajustar a bandeja de papel para papel em tamanho A4, coloque


o espaçador cinza no sentido do comprimento no lado esquerdo da
bandeja (B) e coloque o espaçador bege (C) sobre a extremidade
esquerda do rolo.

OBSERVAÇÃO
O espaçador bege é preso à unidade MAC 1600 por dois pequeno
parafusos. Se o espaçador não estiver sendo usado, ele é preso
à parte de trás do espaçador cinza com os parafusos.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-11


Manutenção

Armazenamento de papel térmico


O armazenamento correto do papel térmico minimiza a deterioração
ou descoloração dos traços. Se impresso corretamente e armazenado de
acordo com as diretrizes de armazenamento a seguir, o papel térmico
padrão deve reter os traços de três a cinco anos.

Se seus requisitos de retenção forem maiores do que cinco anos, considere


a possibilidade de usar o papel GE Archivist. A GE garante que as
imagens produzidas em papel Archivist não sofrerão descoloração por
sete anos se (a) as diretrizes armazenamento a seguir forem observadas
e (b) o equipamento GE usado for mantido de acordo com os manuais
de manutenção e memorandos do equipamento. Se ocorrer descoloração,
notifique imediatamente a GE.

Se seus requisitos de retenção forem maiores do que sete anos, considere


a possibilidade de usar métodos de armazenamento alternativos.

Use as diretrizes a seguir para armazenar papel térmico.

Mantenha o papel fresco e seco, de acordo com as diretrizes a seguir.


Papel padrão.
Temperatura: menos de 27°C (80°F).
Papel Archivist.
Temperatura: menos de 40°C (104°F).
Umidade relativa do ar: entre 40% e 60%.
Evite exposição a fontes de luz forte ou ultravioleta.
Luz solar, luzes fluorescentes e similares causam amarelamento do
papel e descoloração dos traços.
Evite contato com fluidos e solventes de limpeza como álcoois,
cetonas, ésteres, éter, etc.
Evite formas de montagem, fitas sensíveis a pressão e etiquetas que
usem adesivos à base de solventes.
Use somente produtos com adesivos à base de amido ou água.
Mantenha o papel separado do seguinte:
formulários com carbono e sem carbono.
papéis para gráficos não térmicos.
quaisquer produtos que contenham tributil fosfato, dibutil ftalato
ou qualquer outro solvente orgânico (comumente encontrados em
gráficos médicos e industriais).
Mantenha o papel em uma pasta de papel cartão ou um protetor de
poliéster/poliamida.
Evite protetores plásticos para documentos, envelopes ou
separadores de folhas feitos de poliestireno, polipropileno,
polietileno, cloreto de polivinila ou outros cloretos vinílicos. Embora
eles não degradem os traços térmicos por si, não oferecem nenhuma
proteção contra desbotamento devido a causas externas.

10-12 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Manutenção

Manutenção da bateria
O sistema de análise de ECG MAC 1600 usa uma bateria recarregável
com células de íons de lítio. A bateria contém um medidor de carga
eletrônica integrado e um circuito de proteção de segurança.

Devido à corrente necessária para operar o sistema eletrônico integrado,


a bateria descarregará mesmo que não esteja instalada no dispositivo.
A taxa de descarregamento depende da temperatura ambiente na qual
é armazenada. Quanto maior a temperatura, mais rápido a bateria se
descarrega. Para prolongar a carga da bateria quando estiver fora de uso,
armazene-a em um local fresco e seco.

Uma bateria nova com carga total deve durar aproximadamente 3 horas
em operação normal. Um LED na tela indica a condição e a capacidade
da carga da bateria. (Para obter mais informações sobre o medidor da
bateria, consulte Visão frontal na página 2-2 e Erros do sistema na
página A-8.) Quando o LED piscar em âmbar, conecte o sistema
MAC 1600 à energia AC para carregar totalmente a bateria.

Conforme a bateria fica mais velha, a capacidade total de carga se


degrada e se perde permanentemente. O resultado é que a quantidade
de carga armazenada e disponível para uso será reduzida. Quando a
capacidade não for mais suficiente para sua operação diária, será
necessário substituir a bateria.

Segurança da bateria
Observe as advertências a seguir sempre que manusear a bateria
do MAC 1600.

ADVERTÊNCIA
EXPLOSÃO OU FOGO O uso de baterias não
recomendadas pode causar ferimentos/queimaduras
em pacientes ou usuários e pode invalidar a garantia.

Use somente baterias recomendadas ou fabricadas


pela GE.

ADVERTÊNCIA
DANOS FÍSICOS Se em condições extremas, podem
ocorrer vazamentos de células da bateria. O líquido é
cáustico para os olhos e a pele.

Se o líquido entrar em contato com os olhos, a pele


ou as roupas, lave com água limpa e procure
atendimento médico.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-13


Manutenção

ADVERTÊNCIA
DESCARTE DAS BATERIAS NÃO jogue a bateria
no fogo nem incinere.

Siga as diretrizes ambientais locais para descarte


e reciclagem.

Substituição da bateria
Quando a capacidade de carga da bateria não for mais capaz de operar o
dispositivo MAC 1600 por tempo suficiente, use as instruções a seguir
para substituir a bateria.

059A
1. Pressione o botão de liberação da bandeja de papel, puxe para
cima sobre o suporte do rolo e puxe a bandeja de papel até que
ela pare.

2. Pressione e segure o botão de liberação na base do dispositivo e


puxe a bandeja de papel para removê-la completamente.

3. Localize o compartimento da bateria na base do dispositivo,


pressione o botão de liberação da bateria e tire-a do compartimento.

10-14 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Manutenção

4. Insira a bateria nova e pressione até que ela se encaixe.

A bateria tem dois flanges que se encaixam em dois recessos na


extremidade do compartimento da mesma. Insira a bateria nos
recessos e gire-a para que se encaixe.

5. Vire o lado direito do dispositivo MAC 1600 para cima e empurre


firmemente a bandeja de papel até que ela se encaixe novamente na
posição correta.

Condicionamento da bateria do MAC 1600


Para manter a capacidade de armazenamento da bateria instalada na
unidade MAC 1600, a GE recomenda que você condicione a bateria a
cada 6 meses para recalibrar o medidor de carga eletrônica. Um ciclo de
condicionamento é um ciclo completo de carregar-descarregar-carregar .

Use as instruções a seguir para condicionar a bateria do MAC 1600.

1. Insira a bateria em uma unidade do MAC 1600 que não esteja sendo
usada para gravar testes de pacientes.

Para obter detalhes, consulte Substituição da bateria na


página 10-14.

2. Desconecte a unidade MAC 1600 da tomada.

3. Entre na janela Diagnóstico de Serviço de Status da Bateria.

4. Permita que a bateria descarregue até que o Nível de Carga seja


menor do que 90%.

5. Desligue a unidade e reconecte à tomada AC.

6. Permita que a bateria carregue completamente.

O LED da Bateria ficará na cor âmbar sólida durante o


carregamento e desligará quando a carga estiver completa.

7. Desconecte a unidade MAC 1600 da tomada e ligue-a.

8. Permita que a bateria carregue até que a unidade MAC 1600 desligue.

9. Reconecte a unidade MAC 1600 à tomada e deixe-a desligada.

10. Permita que a bateria carregue completamente.

Quando o indicador do LED da Bateria parar de piscar e ficar


com cor sólida, a bateria estará totalmente carregada e o ciclo
de condicionamento completo.

Suprimentos e acessórios
Para obter uma lista de suprimentos e acessórios disponíveis para o
sistema de análise de ECG MAC 1600, consulte o Manual de Manutenção
do sistema de análise de ECG MAC 1600 (2028451-182).

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 10-15


Manutenção

10-16 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


A Solução de problemas

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 A-1


Solução de problemas

Dicas gerais para solução de problemas


As dicas gerais para solução de problemas a seguir podem ser usadas
para ajudar no diagnóstico de problemas não discutidos especificamente
em outros pontos deste capítulo.

Inspecione o equipamento totalmente.


Cabos desconectados ou soltos, peças faltando e equipamento
danificado podem causar o que podem parecer sintomas desconexos
ou falha do equipamento.
Para obter informações adicionais, consulte Inspeção do
equipamento na página 10-3.
Verifique se o equipamento não foi modificado.
Modificações não autorizadas no equipamento podem causar
resultados inesperados, mau desempenho ou falha do sistema.
Se o equipamento tiver passado por modificações não autorizadas,
entre em contato com o Suporte Técnico GE.
Verifique se o software não foi atualizado.
Software atualizado pode causar alterações nas funcionalidades
do sistema. Se o usuário não estiver a par das alterações, elas podem
parecer resultados inesperados.
Se o software tiver sido atualizado, consulte o Manual do Operador
revisado para saber se a atualização mudou recursos.
Verifique se houve mudanças no local do equipamento ou no
ambiente que possam ter causado a falha.
Por exemplo, equipamentos que emitam ondas de rádio podem
causar interferência durante a aquisição.
Se o ambiente ou o local tiver sido alterado, tente usar o equipamento
no local original para determinar se o problema persiste.
Verifique se o problema não foi causado por um erro do operador.
Repita o cenário e compare-o à operação descrita no manual. Se o
operador tiver se desviado do manual, repita a tarefa conforme as
instruções escritas.

Se essas ações não resolverem o problema, consulte a seção a seguir de


problemas e soluções específicos. Se mesmo assim o problema não puder
ser resolvido, entre em contato com o Suporte Técnico GE.

A-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Solução de problemas

Problemas no equipamento
As seguintes questões são discutidas no restante deste capítulo.

O sistema não liga na página A-3.


Os dados do ECG contêm ruído na página A-3.
Declaração ACI-TIPI não inclusa no relatório na página A-4.
Nenhuma leitura de PA do Ergômetro Ergoline 900 na página A-5.
Dispositivo externo não se move na página A-5.
Não é possível exportar para diretórios compartilhados na
página A-7.

O sistema não liga


Se o sistema não ligar, faça o seguinte:

Verifique se a unidade está ligada.


Se não estiver, ligue-a. Consulte Ligar o sistema na página 2-12
para obter instruções.
Verifique se a bateria está instalada e carregada.
Consulte Erros do sistema na página A-8 para obter instruções
sobre como verificar se a bateria está instalada e carregada.
Consulte Substituição da bateria na página 10-14 para obter
instruções sobre como instalar a bateria.
Verifique se a unidade está conectada à tomada de energia AC.
Consulte Conexão do adaptador de energia AC na página 2-9 para
obter instruções.
Verifique se o equipamento está recebendo energia da tomada.
Se a unidade estiver recebendo energia, o LED de energia
estará ligado.

Os dados do ECG contêm ruído


Se os dados do ECG adquirido exibirem níveis de ruído inaceitáveis,
faça o seguinte:

Verifique a posição do paciente.


O paciente deve permanecer imóvel durante a aquisição de um ECG
em repouso.
Use o indicador do Consultor Conexão para ajudar a determinar a
causa do ruído.
Para obter mais informações, consulte Módulo do Consultor
Conexão na página 5-13.
Verifique se os eletrodos estão colocados corretamente.
Consulte Aplicação dos eletrodos na página 3-3 para obter
informações sobre a colocação correta dos eletrodos.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 A-3


Solução de problemas

Verifique se os eletrodos foram aplicados corretamente.


Transpiração, excesso de pêlos, loções e células de pele mortas devem
ser removidas do local onde o eletrodo é aplicado.
Consulte Prepare a pele do paciente na página 3-2 para obter
mais informações.
Verifique se há eletrodos com defeito ou vencidos.
Substitua os eletrodos se houver dúvidas quanto à sua eficiência.
Verifique se há condutores com defeito, quebrados ou desconectados.
Substitua os condutores se houver dúvidas quanto à sua eficiência.
Consulte Conexão dos condutores na página 2-9.
Considere a possibilidade de usar filtros SAD e FRF para ajudar a
eliminar ou reduzir o ruído do ECG.
Para obter mais informações, consulte Opções de ECG na
página 5-5, Opções de arritmia na página 6-3 ou Opções de esforço
na página 7-7.

Declaração ACI-TIPI não inclusa no relatório


Se a declaração ACI-TIPI não aparecer quando esperada, faça o seguinte:

Verifique se a opção ACI-TIPI está ativada.


Para obter informações sobre como ativar a opção ACI-TIPI, consulte
Opções Config na página 9-33.
Verifique se ACI-TIPI está ativada no ECG.
Para obter informações, consulte Configuração de ECG repouso na
página 9-6.
Verifique se as informações necessárias para ACI-TIPI foram inseridas.
A declaração ACI-TIPI é impressa somente se o sexo, a data de
nascimento e a indicação de dor torácica do paciente forem incluídos
nos dados do paciente.
Verifique se o paciente tem 16 anos ou mais.
A declaração ACI-TIPI não é impressa para pacientes pediátricos.
Verifique se o ECG original foi adquirido em um eletrocardiógrafo
com a opção ACI-TIPI.
Se você tentar imprimir um ECG importado de um dispositivo externo,
o dispositivo MAC 1600 não gerará uma declaração ACI-TIPI; ela só
será impressa se tiver sido salva como parte do ECG.

A-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Solução de problemas

Nenhuma leitura de PA do Ergômetro Ergoline 900


Se as leituras de pressão sangüínea não forem tiradas quando esperado,
faça o seguinte:

Verifique se o dispositivo é suportado.


Para obter uma lista de dispositivos suportados, consulte Conexão
de dispositivos externos (opção de esforço) na página 2-11.
Verifique se o dispositivo está conectado à unidade MAC 1600.
Dispositivos de esforço externo se conectam à unidade MAC 1600 por
um cabo serial. Para obter mais informações, consulte Visão
traseira na página 2-3.
Verifique se o protocolo foi configurado para medir a pressão sangüínea.
Para obter mais informações, consulte Edição de protocolos de
esforço na página 9-19.
Verifique se o dispositivo foi configurado corretamente para adquirir
pressão sangüínea.
Consulte a documentação que veio junto com o dispositivo.

Dispositivo externo não se move


Se o dispositivo externo não se mover automaticamente quando
esperado, faça o seguinte:

Verifique se o dispositivo correto foi selecionado na Config Básica.


Para obter mais informações, consulte Configuração básica na
página 9-3.
Verifique se o dispositivo selecionado é suportado.
Para obter uma lista de dispositivos suportados, consulte Conexão
de dispositivos externos (opção de esforço) na página 2-11.
Verifique se o dispositivo está conectado à unidade MAC 1600.
Dispositivos de esforço externo se conectam à unidade MAC 1600 por
um cabo serial. Para obter mais informações, consulte Visão
traseira na página 2-3.
Verifique se o protocolo foi configurado para ativar o dispositivo.
O protocolo pode ser configurado para definir a velocidade e
inclinação ou carga do dispositivo. Para obter mais informações,
consulte Edição de protocolos de esforço na página 9-19.
Verifique se o botão Parar Esteira não está pressionado.
Para obter mais informações, consulte Teclas do teste esforço
na página 7-5.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 A-5


Solução de problemas

Papel preso
Se o papel ficar preso durante a impressão, faça o seguinte:

Verifique se o papel foi inserido corretamente.


Para obter detalhes, consulte Substituir o papel na página 10-9.
Verifique se os espaçadores da bandeja de papel estão configurados
para o tamanho de papel correto.
Para obter detalhes, consulte Ajustando a bandeja de papel para
diferentes tamanhos de papel na página 10-10.

Cartão SD ausente
Se você receber uma mensagem de erro declarando que o cartão SD não
está presente ou não pode ser encontrado, faça o seguinte:

Verifique se há um cartão SD inserido na entrada para cartão na


parte de trás da unidade.
Para obter detalhes, consulte Visão traseira na página 2-3.
Verifique se o cartão SD está bem encaixado.
O cartão SD faz um clique quando é encaixado no lugar.
Verifique se o cartão SD está formatado para um sistema de
arquivos FAT ou FAT16.
Para verificar se o cartão SD está formatado para o sistema de
arquivos correto, faça o seguinte:
1. Insira o cartão em um leitor de cartões SD conectado a um PC.
2. Copie todos os arquivos que deseja salvar do cartão SD para o PC.
3. Usando o comando Formatar do Windows, especifique FAT ou
FAT16 como sistema de arquivos e formato do cartão.
OBSERVAÇÃO
A formatação do cartão SD apagará todos os arquivos
do cartão.

4. Copie os arquivos da pasta do PC para o cartão SD formatado.

Não é possível importar nem transmitir registros via modem


Se você receber um erro ao tentar importar ou transmitir registros
de ECG via modem, faça o seguinte:

Verifique se a opção correta de comunicação foi ativada.


O sistema MAC 1600 oferece suporte a duas opções de comunicação
via modem: MODC (para comunicação com um sistema CardioSoft) e
MODM (para comunicação com um sistema MUSE). Para obter mais
informações, consulte Opções Config na página 9-33.
Verifique se o modem está conectado a uma linha telefônica
analógica com um conector de telefone RJ11 padrão.
Para obter mais informações, consulte Visão traseira na página 2-3.

A-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Solução de problemas

Para modems externos, verifique se o modem é o Multitech


MT5634ZBA Global Modem (PN 2004831-001).
Para modems externos, verifique se o modem está conectado à
unidade MAC 1600 com um dos cabos a seguir:
350MM MAC 1200 Modem Cable (2008683-001)
1M MAC 1200 Modem Cable (2008683-002)
O cabo deve estar conectado à porta COMM B na parte traseira
da unidade. Para obter detalhes, consulte Visão traseira na
página 2-3.
Para modems externos, verifique se o modem está ligado.
Um modem externo pode receber energia com um dos métodos
a seguir:
Externamente:
Verifique se a unidade está conectada a uma tomada AC.
Internamente:
Verifique se a opção Energia para Modem Externo está
habilitada na Config Básica (consulte Configuração básica
na página 9-3).
Confira a Config Comunicação para:
Verificar se o tipo correto de modem foi selecionado.
Verificar se o método de discagem correto foi selecionado e
configurado corretamente.
Para obter detalhes, consulte Config Comunicação na página 9-22.
Se estiver transmitindo registros, verifique o local selecionado para:
Verificar se Modem é o dispositivo selecionado.
Verificar se o Nr Telefone está correto.
Verificar se o Protocolo correto foi selecionado.
Para obter detalhes, consulte Config Comunicação na página 9-22.

Não é possível exportar para diretórios compartilhados


Para resolver erros recebidos ao tentar exportar registros de ECG para
um diretório compartilhado, faça o seguinte:

Verifique se a opção de comunicação LANC foi ativada.


Consulte Opções Config na página 9-33 para obter informações
sobre opções de ativação.
Verifique a conectividade, fazendo o seguinte:
Verifique se os cabos de rede estão conectados.
Verifique se os endereços de IP, máscara de rede, gateway e
servidor DNS estão todos corretos.
Consulte Config Comunicação na página 9-22 para obter
instruções sobre como definir esses valores.
Faça ping da unidade MAC 1600 a partir do servidor de arquivos
para verificar se os dois dispositivos estão se comunicando.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 A-7


Solução de problemas

Verifique se as informações de logon estão corretas.


Verifique o nome de usuário, senha e informações de domínio.
Consulte Config Comunicação na página 9-22 para obter
informações sobre as informações de logon.
Verifique permissões de compartilhamento e diretório.
Verifique se a conta usada para efetuar logon no diretório compar-
tilhado tem permissões para ler/gravar/criar no compartilhamento
e no diretório.
Consulte a ajuda online do Windows para obter instruções sobre
como definir permissões de usuário.

Erros do sistema
A tabela a seguir identifica alguns erros que podem ocorrer durante a
operação do sistema, as causas possíveis e uma ação recomendada para
resolver o erro.

Se após executar as ações recomendadas o problema persistir, entre em


contato com pessoal de manutenção autorizado.

Problema Causa Solução

O sistema está operando a partir da Conecte o sistema a uma tomada AC para


Sinal e LED da bateria piscando bateria e a carga da bateria está baixa. carregar a bateria.

O sistema está operando a partir de Instale uma bateria.


Sinal e LED da bateria não aceso energia AC e a bateria não está instalada.

O sistema não liga ao operar com energia A bateria está totalmente descarregada. Conecte o sistema a uma tomada AC para
da bateria. carregar a bateria.

O sistema desliga ao operar com energia A Espera Autom. está habilitada. Ligue o sistema.
da bateria. A bateria está totalmente Conecte o sistema a uma tomada AC
descarregada. para carregar a bateria.

Você é solicitado a digitar nome de usuário O nome de usuário e/ou senha Faça o seguinte:
e/ou senha ao tentar exportar registros definidos na janela Config Comunicação
para um diretório de rede compartilhado. ( Config Comunicação na página 9-22) 1. Pressione Esc para fechar o aviso.
estão incorretos. 2. Saia do programa de exportação.
3. Execute a Config Comunicação.
4. Insira o Nome Usuário e Senha
corretos para o diretório
compartilhado e salve os
novos valores.
5. Exporte os registros.

A-8 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Solução de problemas

Problema Causa Solução

O usuário não consegue efetuar logon O Modo Alta Segurança está habilitado e o Tente o seguinte:
no dispositivo. Nome Usuário ou Senha do usuário foram
digitados incorretamente. Verifique se o usuário está
configurado no sistema.
Consulte Config Usuário na
página 9-31.
Verifique se o usuário digitou o Nome
Usuário e a Senha corretamente.
Entre em contato com o administrador
para redefinir o Nome Usuário ou
a Senha.
Entre em contato com o Suporte
Técnico GE para obter uma senha
temporária de supervisor.

Mensagem de erro aparece ao imprimir: A impressora encontrou uma condição Para reiniciar um dos relatórios a seguir,
Erro interno impressora - Impossível temporária que fez com que parasse de pressione o botão correto:
impressão. imprimir o relatório atual.
Relatório de Ritmo no modo ECG
repouso.
Gravação de arritmia no
modo Arritmia.
Relatórios In-Teste no modo Teste
de Esforço.
Todos os outros relatórios serão
reiniciados automaticamente.

Mensagem de erro aparece ao imprimir: A bateria está fraca e não tem carga Tente o seguinte:
Bateria fraca - Impossível impressão. suficiente para alimentar a impressora.
Permita que a bateria carregue 50%
para imprimir novamente.
Conecte o sistema a uma tomada AC.
Desligue o sistema e ligue-o
novamente.

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 A-9


Solução de problemas

A-10 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


B Criação de códigos
de barras

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 B-1


Criação de códigos de barras

Introdução
O leitor de códigos de barras é capaz de ler todas as simbologias a seguir:

Código 39.
Código 39EX.
Código 128.
PDF-417.
Código Interleaved 2 de 5.
Matriz de Dados.

Independentemente da simbologia usada, o departamento de TI do


site deve:

configurar o esquema de dados do paciente.


configurar o leitor de código de barras.

Configuração do esquema de dados do paciente


Use as regras a seguir para configurar um esquema de dados, inclusive
dados demográficos do paciente, para seus códigos de barras.

Item Comprimento de byte

ID Paciente O comprimento da ID Paciente não deve exceder


30 caracteres e deve ser igual ao comprimento de ID
definido no sistema na janela Config Paciente.

Se o sistema MAC 1600 estiver em comunicação com um


sistema MUSE, o comprimento da ID do paciente também
deve ser o mesmo usado pelo sistema MUSE.

Sobrenome 40 (máximo)

Primeiro Nome 20 (máximo)

Ano nascimento 4

Mês de aniversário 2

Dia nascimento 2

Sexo 1

B-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Criação de códigos de barras

Configuração do leitor de código de barras


O leitor de código de barras é configurado na janela Config Paciente do
MAC 1600. Você pode escolher configurar manual ou automaticamente.
Os requisitos de cada método estão descritos nas seções a seguir. Para
obter instruções sobre como configurar o leitor de código de barras,
consulte Config Paciente na página 9-28.

Configurar o leitor de código de barras manualmente


Para configurar manualmente o leitor de código de barras, insira as
seguintes informações na janela Config Paciente do MAC 1600.

Campo Número de bytes

Número total de bytes ________

Deslocamento ________
ID Paciente

Comprimento ID Paciente ________

Deslocamento ________
primeiro nome

Comprimento ________
primeiro nome

Deslocamento sobrenome ________

Comprimento sobrenome ________

Deslocamento ano ________


nascimento

Comprimento ano ________


nascimento

Deslocamento mês ________


de aniversário

Comprimento mês ________


de aniversário

Deslocamento dia ________


nascimento

Comprimento dia ________


nascimento

Deslocamento sexo ________

Comprimento sexo ________

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 B-3


Criação de códigos de barras

Configurar o leitor de código de barras automaticamente


O leitor de código de barras pode ser configurado automaticamente
através da leitura de um código de barras que tenha sido configurado
com as seguintes informações:

Item Caractere usado para reservar espaço de bytes

ID Paciente 9

Primeiro nome 5

Sobrenome 6

Ano nascimento 3

Mês de aniversário 1

Dia nascimento 2

Sexo F

OBSERVAÇÃO
Todos os dados residem em campos de comprimento fixo. O gerador
de códigos de barras deve ser programado para adicionar espaços no
final de campos que sejam mais curtos do que o comprimento máximo
do campo usado por seu sistema.

B-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Índice Remissivo

Índice Remissivo
A Cartão SD ..................... 2-4, 2-11, 8-8, 9-37, 9-38, A-5
A (artefato) .............................................................. 6-5 CISPR 11 ................................................................ 1-9
acessórios código de produto ................................................. 1-16
e peças ........................................................... 1-13 códigos de arritmia.................................................. 6-5
recomendados................................................ 1-13 Comunicação de LAN com MUSE ........................ 9-34
ACI-TIPI Comunicação LAN com CardioSoft ...................... 9-34
inclusive.......................................................... 9-12 CONCONI (protocolo) ........................................... 9-19
opção.............................................................. 9-34 condutor
Adenosina (protocolo)........................................... 9-19 adaptadores...................................................... 2-7
Ajustar Arrit armazenamento.............................................. 10-7
impressão de episódio.................................... 9-15 conectar a......................................................... 2-9
impressão de evento ...................................... 9-15 limpeza ........................................................... 10-6
SAD ......................................................... 9-8, 9-14 sanitização...................................................... 10-7
seq derivação ................................................. 9-15 substituição de adaptadores........................... 10-7
visão geral ...................................................... 9-14 conectar
alteração de linha de base, redução ....................... 6-4 a dispositivos externos ................................... 2-11
alterar velocidade............................... 5-5, 6-3, 7-7, 9-7 à energia AC..................................................... 2-8
armazenamento interno, consulte Gerenciador a um leitor de código de barras ...................... 2-10
de Arquivos a um modem................................................... 2-10
Armazenamento para 100 ECGs .......................... 9-34 aos condutores ................................................. 2-9
artefato .................................................................... 6-5 Conector USB ....................................................... 2-10
assístole .................................................................. 6-5 Config Básica
ASYSTO (assístole)................................................ 6-5 alim para modems externos ............................. 9-4
aterramento............................................................. 2-4 espera autom.................................................... 9-4
logoff auto......................................................... 9-5
B
modo alim ......................................................... 9-4
Bal (protocolo)....................................................... 9-19
modo alta segurança ........................................ 9-5
Balkeware (protocolo) ........................................... 9-19
selecionando dispositivo de teste..................... 9-5
barra de informações de teste esforço ................... 7-3
sincronização de hora ...................................... 9-5
bateria
trilha audit ......................................................... 9-5
carregar ............................................................ 2-8
visão geral ........................................................ 9-2
inserção ........................................................ 10-14
Config Comunicação
íons de lítio ....................................................... 2-8
config diretório compartilhado ........................ 9-23
LED................................................................... 2-2
Configurações DCHP ..................................... 9-25
manutenção.................................................. 10-12
Configurações DNS........................................ 9-26
segurança..................................................... 10-13
configurações do modem ............................... 9-24
substituição................................................... 10-14
dispositivo....................................................... 9-24
bateria de íons de lítio, consulte bateria
local ................................................................ 9-23
botões de comando
local padrão .................................................... 9-22
descrição .......................................................... 2-5
nome do dispositivo cardiógrafo..................... 9-25
navegar com................................................... 2-13
protocolo......................................................... 9-24
Bruce (protocolo) .................................................. 9-19
taxa transmissão serial................................... 9-23
C visão geral ...................................................... 9-22
cabo de aquisição Config Manutenção, consulte o Manual de
conector............................................................ 2-3 Manutenção do MAC 1600
tipos .................................................................. 2-6 Config Sistema
Cabo de aquisição multi-link ................................... 2-7 alternar configurações .................................... 9-36
Cálculo do ponto J+X............................................ 9-18 Data/Hora ....................................................... 9-34
Cálculo QTC ......................................................... 9-11 exportar .......................................................... 9-37
Cartão Digital Seguro, consulte cartão SD ............. 2-4 importação...................................................... 9-38

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 Índice Remissivo-1


Índice Remissivo

impressão ....................................................... 9-35 Excalibur......................................................... 2-11


consulte também Master s Step.................................................. 2-11
Config Básica modelos não suportados .................................. 7-2
Config Comunicação modelos suportados ......................................... 7-2
Config Usuário Trackmaster TMX425 ..................................... 2-11
Configurar País Variobike......................................................... 2-11
ECG de Arritmia Dobutamina (protocolo) ........................................ 9-19
ECG esforço
E
ECG repouso
ECG
Manual de Manutenção do MAC 1600
editar informações do paciente ........................ 8-5
opção, configuração
exclusão ........................................................... 8-6
paciente, configuração
exportar ............................................................ 8-8
Config Usuário
gravação durante desfibrilação ............. 1-12, 5-14
ID MUSE......................................................... 9-32
importação........................................................ 8-3
visão geral ...................................................... 9-31
impressão ......................................................... 8-7
configuração automática de um leitor de
localização........................................................ 8-4
código de barras ...................................... 9-31
transmissão ...................................................... 8-7
Configurações DCHP............................................ 9-25
consulte também
Configurações DNS .............................................. 9-26
ECG de Arritmia
configurações, alternar entre ................................ 9-36
ECG esforço
Configurar Data..................................................... 9-34
ECG repouso
Configurar Hora .................................................... 9-34
ECG de Arritmia
Configurar País
impressão de um relatório de arritmia .............. 6-2
formato da data .............................................. 9-27
modo................................................................. 6-2
formato da hora .............................................. 9-27
opções .............................................................. 6-3
idioma ............................................................. 9-27
opções de impressão ....................................... 6-5
Unid Nível TE ................................................. 9-27
tela.................................................................... 6-2
unidade de peso/altura ................................... 9-27
ECG esforço
unidade de velocidade.................................... 9-27
barra de informações de teste.......................... 7-3
unidade pressão sangüínea ........................... 9-27
configuração
visão geral ...................................................... 9-26
Cálculo do ponto J+X............................... 9-18
convenções ............................................................. 1-2
filtro baixa freqüência [Hz] ....................... 9-16
convenções tipográficas ......................................... 1-2
freqüência cardíaca alvo .......................... 9-17
Cornell (protocolo) ................................................ 9-19
freqüência cardíaca máxima predita ........ 9-17
CPLT (par ventricular)............................................. 6-6
FRF .......................................................... 9-16
D Modo Master s Step ................................. 9-17
dados do paciente protocolo .................................................. 9-17
inserir manualmente ......................................... 4-2 SAD.......................................................... 9-16
introdução com um leitor de código Tipo Filtro de ECG ................................... 9-16
de barras ............................................. 4-3 visão geral................................................ 9-15
declaração de biocompatibilidade......................... 1-10 execução com um ergômetro ........................... 7-9
desfibrilação execução com um Master s Step ................... 7-11
desligar FRF durante...................................... 1-12 execução com uma esteira............................... 7-9
desligar SAD durante ..................................... 1-12 formatos de relatório......................................... 7-3
eletrodos a serem usados durante ................. 1-12 freqüência cardíaca alvo .................................. 7-4
gravação de um ECG durante............... 1-12, 5-14 modo................................................................. 7-2
desinfetante a ser usado....................................... 10-5 opções .............................................................. 7-7
diretório compartilhado .................................. 8-8, 9-23 pré-requisitos.................................................... 7-3
Discagem NIP ....................................................... 9-24 pressão sangüínea ........................................... 7-4
dispositivos externos produto freqüência-pressão.............................. 7-4
conectar a....................................................... 2-11 selecionando o dispositivo de teste.................. 9-5
eBike............................................................... 2-11 teclas de teste .................................................. 7-5
Ergômetro Ergoline......................................... 2-11 tela.................................................................... 7-3
Esteira T2100 ................................................. 2-11 VE/min .............................................................. 7-4

Índice Remissivo-2 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Índice Remissivo

ECG repouso equipamento tipo BF............................................. 1-13


configuração ergômetro
ACI-TIPI ................................................... 9-12 com partida remota........................................... 7-2
alterar velocidade....................................... 9-7 eBike............................................................... 2-11
armazenamento autom. ........................... 9-13 Ergoline .......................................................... 2-11
Cálculo QTC............................................. 9-11 Excalibur......................................................... 2-11
exibir grupo deriv........................................ 9-9 execução de um teste de esforço com............. 7-9
filtro alta freqüência.................................... 9-8 modelos não suportados .................................. 7-2
filtro baixa freqüência [Hz].......................... 9-7 modelos suportados ......................................... 7-2
formato tela ................................................ 9-8 Variobike......................................................... 2-11
ganho ......................................................... 9-7 Ergômetro eBike ................................................... 2-11
imprimir deriv.............................................. 9-9 Ergômetro Ergoline ............................................... 2-11
inc marca-passo......................................... 9-9 Ergômetro Excalibur ............................................. 2-11
Módulo do Consultor Conexão................... 9-9 Ergômetro Variobike ............................................. 2-11
reanálise................................................... 9-10 ESC (batimento ventricular de escape) .................. 6-6
seq derivação........................................... 9-12 esfigmomanômetro ............................................... 2-11
transmissão autom................................... 9-13 Espera Autom. ........................................................ 9-4
visão geral.................................................. 9-6 esteira
editar informações do paciente ........................ 8-5 execução de um teste de esforço com............. 7-9
editar informações do paciente em .................. 8-5 modelos não suportados .................................. 7-2
exclusão ........................................................... 8-6 modelos suportados ......................................... 7-2
exportar ............................................................ 8-8 T2000 ............................................................. 2-11
gravação........................................................... 5-3 T2100 ............................................................. 2-11
importação........................................................ 8-3 Esteira T2000........................................................ 2-11
impressão ......................................................... 8-7 Esteira T2100........................................................ 2-11
localização........................................................ 8-4 EtO........................................................................ 10-7
modo................................................................. 5-2 EV (contração ventricular prematura) ..................... 6-6
opções .............................................................. 5-4 exclusão de registros .............................................. 8-6
opções pós-aquisição....................................... 5-6 EXECUTAR (execução ventricular) ........................ 6-6
reanálise ........................................................... 5-8 Exibir Grupo Deriv................................................... 9-9
Relatório de Ritmo............................................ 5-7 Exportar Config ..................................................... 9-37
salvar automaticamente .......................... 8-2, 9-13 exportar registros ECG ........................................... 8-8
salvar manualmente ......................................... 8-2 exportar XML ........................................................ 9-22
tela.................................................................... 5-2
F
transmissão ............................................. 8-7, 9-13
fase de aprendizado ............................................... 6-6
editar informações do paciente ............................... 8-5
filtro .................................................................. 5-6, 6-4
EFUP (Período de Uso Amigável para
Filtro Alta Freqüência .............................................. 9-8
o Meio-Ambiente)..................................... 1-14
Filtro Baixa Freqüência .................................. 9-7, 9-16
eletrodos
Filtro residual finito, consulte FRF
a serem usados durante desfibrilação............ 1-12
formato da data..................................................... 9-27
Colocação de 12 derivações ..................... 3-4, 3-6
formato da hora..................................................... 9-27
colocação NEHB .............................................. 3-5
Formato Tela........................................................... 9-8
Ellestad (protocolo) ............................................... 9-19
Fórmula FC Máxima Predita ................................. 9-17
energia AC, conectar a ........................................... 2-8
freqüência cardíaca alvo................................ 7-4, 9-17
equipamento
FRF
identificação.................................................... 1-16
definição ......................................................... 9-16
informações de segurança ............................... 1-3
desligamento durante desfibrilação................ 1-12
requisitos de manutenção .............................. 1-16
em config ECG esforço .................................. 9-16
tipo BF ............................................................ 1-13

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 Índice Remissivo-3


Índice Remissivo

G materiais a serem usados ..................... 10-3, 10-5


ganho ................................................. 5-5, 6-4, 7-7, 9-7 saneamento dos condutores .......................... 10-7
gás óxido de etileno .............................................. 10-7 Lista Doses ........................................................... 9-30
Gerenc Arq Local ..................................................................... 9-23
editar informações do paciente ........................ 8-5 Local Padrão ......................................................... 9-22
exclusão de registros........................................ 8-6 localização de registros de ECG............................. 8-4
exportar registros.............................................. 8-8 Logoff Auto.............................................................. 9-5
importar registros.............................................. 8-3
M
impressão de diretório ...................................... 8-4
manutenção
impressão de registros ..................................... 8-7
armazenamento dos condutores .................... 10-7
localização de registros .................................... 8-4
desinfecção dos condutores........................... 10-6
transmissão de registros .................................. 8-7
desinfetante a ser usado ................................ 10-5
visão geral ........................................................ 8-2
inspeção do dispositivo MAC 1600 ................ 10-3
Gravação autom. de ECG..................................... 9-13
limpeza das superfícies do MAC 1600 ........... 10-4
gravação de um ECG em repouso ......................... 5-3
limpeza de condutores ................................... 10-6
Guarda Dados TC ................................................. 9-34
materiais de limpeza a serem evitados . 10-3, 10-5
H materiais de limpeza a serem usados ... 10-3, 10-5
Habilitação de Verificação de ID do Paciente ....... 9-28 saneamento dos condutores .......................... 10-7
Hollmann (protocolo)............................................. 9-19 substituição de adaptadores de condutor....... 10-7
horário de verão.................................................... 9-35 visão geral ...................................................... 10-2
marca-passo
I
código de captura ............................................. 6-6
Importar Config ..................................................... 9-38
gravação de ECGs de pacientes com ............ 5-13
importar registros de ECG ...................................... 8-3
mau funcionamento .......................................... 6-6
Impressão de Episódio ......................................... 9-15
melhorando a legibilidade
impressão de registros de ECG .............................. 8-7
do ECG ........................... 5-6, 6-5, 7-8, 9-9
Impressão Evento Arrit ......................................... 9-15
Master s Step
Imprimir Deriv.......................................................... 9-9
execução de um teste de esforço com........... 7-11
imprimir deriv .......................................................... 5-6
modo............................................................... 9-17
inspeção do dispositivo MAC 1600 ....................... 10-3
seleção ........................................................... 9-17
inspeção visual ....................................................... A-2
visão geral ........................................................ 7-2
Isquemia Cardíaca Aguda-Instrumento de Previsão
Medida 12SL......................................................... 9-34
Não Sensível ao Tempo, consulte ACI-TIPI
Medida e Interpretação 12SL................................ 9-34
K Medida e Interpretação HEART Resting............... 9-34
KISS Medida HEART Resting ........................................ 9-34
conector............................................................ 2-3 ModBalke (protocolo)............................................ 9-19
instruções de limpeza..................................... 10-4 ModBalkeware (protocolo) .................................... 9-19
ModBruce (protocolo) ........................................... 9-19
L
modem
L (fase de aprendizado) .......................................... 6-6
alimentado pela unidade MAC 1600 ................ 9-4
leitor de código de barras
conectar a................................................ 2-10, 8-8
conectar a....................................................... 2-10
configurações ................................................. 9-24
configuração ................................................... 9-30
solução de problemas ...................................... A-6
configurações ................................................. 9-30
Modem ou comunicação serial com CardioSoft ... 9-34
introdução de dados do paciente ..................... 4-3
Modem ou comunicação serial com MUSE .......... 9-34
opção.............................................................. 9-34
Modo Alim ............................................................... 9-4
limpeza
Modo Alta Segurança ............................................. 9-5
condutores ...................................................... 10-6
ModOMS (protocolo)............................................. 9-19
desinfecção dos condutores ........................... 10-6
Módulo do Consultor Conexão
desinfetante a ser usado ................................ 10-5
afetado pelo preparo da pele............................ 3-2
materiais a serem evitados.................... 10-3, 10-5
configuração ..................................................... 9-9

Índice Remissivo-4 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Índice Remissivo

N P
Naughton (protocolo) ............................................ 9-19 paciente
navegação com botões de comando .................... 2-13 configuração
Nome Disp Cardiógrafo ........................................ 9-25 auto configurar ......................................... 9-31
Nome em Kanji ..................................................... 9-28 campos personalizados ........................... 9-30
número de série configurações do leitor de código
descrição ........................................................ 1-16 de barras ..................................... 9-30
onde encontrar ............................................... 1-16 habilitação de verificação de ID ............... 9-28
lista doses ................................................ 9-30
O
Nome em Kanji ........................................ 9-28
OMS (protocolo).................................................... 9-19
questões extras........................................ 9-30
OMS50 (protocolo)................................................ 9-19
tipo de dose ............................................. 9-30
OMS75 (protocolo)................................................ 9-19
Tipo de ID ................................................ 9-29
opção
visão geral................................................ 9-27
BCRD .................................................... 2-10, 9-34
editar informações com Gerenciador
CDTG ............................................................. 9-34
de Arquivos.......................................... 8-5
CFRA....................................................... 9-5, 9-34
preparo da pele ................................................ 3-2
configuração ................................................... 9-33
papel
CTDG ............................................................... 4-2
ajustando o tamanho da bandeja para ......... 10-10
E12L ............................................................... 9-34
armazenamento............................................ 10-11
ERGO ................................ 7-3, 9-2, 9-4, 9-5, 9-34
problemas com ................................................. A-5
LANC ....................................................... 8-9, 9-34
solução de problemas com............................... A-5
LANM.............................................................. 9-34
substituição..................................................... 10-9
M100........................................................ 8-2, 9-34
PAU1 (pausa de 1 batimento perdido).................... 6-6
ME12 .............................................................. 9-34
PAU2 (pausa de 2 batimentos perdidos) ................ 6-6
MEHR ............................................................. 9-34
pausa
MI12................................................................ 9-34
1 batimento perdido.......................................... 6-6
MIHR .............................................................. 9-34
2 batimentos perdidos ...................................... 6-6
MODC...................................................... 9-34, A-6
PCAP (captura de marca-passo) ............................ 6-6
MODM ..................................................... 9-34, A-6
Pd. França (protocolo) .......................................... 9-19
R12L ............................................................... 9-34
peças e acessórios ............................................... 1-13
TIPI ................................................................. 9-34
Permitir Exp usando Diretório Comp .................... 9-23
Opção BCRD ............................................... 2-10, 9-34
PERR (mau funcionamento do marca-passo) ........ 6-6
Opção CDTG ........................................................ 9-34
Persantina (protocolo)........................................... 9-19
Opção CFRA.................................................. 9-5, 9-34
ponto pós-J ........................................................... 9-18
Opção CTDG .......................................................... 4-2
pontos seguros ..................................................... 5-10
Opção E12L .......................................................... 9-34
precisão do sinal de entrada................................. 1-12
opção ERGO............................ 7-3, 9-2, 9-4, 9-5, 9-34
preparo da pele ....................................................... 3-2
Opção LANC.................................................. 8-9, 9-34
protocolo
Opção LANM ........................................................ 9-34
comunicação .................................................. 9-24
Opção M100 .................................................. 8-2, 9-34
descrição ........................................................ 9-19
Opção ME12 ......................................................... 9-34
edição ............................................................. 9-19
Opção MEHR........................................................ 9-34
lista ................................................................. 9-19
Opção MI12 .......................................................... 9-34
seleção ........................................................... 9-17
Opção MIHR ......................................................... 9-34
protocolo de comunicação .................................... 9-24
Opção MODC ................................................ 9-34, A-6
PSVC (contração supraventricular prematura) ....... 6-6
Opção MODM ................................................ 9-34, A-6
Opção R12L .......................................................... 9-34 Q
Opção Teste Esforço ............................................ 9-34 QRSL (complexo QRS adquirido) ........................... 6-6
Opção TIPI ............................................................ 9-34 Questões extras.................................................... 9-30
opções de menu
seleção ........................................................... 2-12

2028451-261A Sistema de Análise ECG MAC 1600 Índice Remissivo-5


Índice Remissivo

R T
Reanálise de ECG Taxa Transmissão Serial ...................................... 9-23
configuração ................................................... 9-10 teclado
geração............................................................. 5-8 layout ................................................................ 2-4
opções ............................................................ 5-11 layout esforço ................................................... 7-5
realização ......................................................... 5-9 uso.................................................................. 2-12
tela.................................................................. 5-10 teclas de função...................................................... 2-5
reanálise de um ECG.............................................. 5-9 Tela 12 deriv para ECG repouso .......................... 9-34
Relatório Config .................................................... 9-35 Tela de 12 Derivações para Teste Esforço........... 9-34
Relatório de Ritmo .................................................. 5-7 terminal de aterramento equipotencial.................... 2-4
requisitos de manutenção ..................................... 1-16 Tipo de dose ......................................................... 9-30
resposta de freqüência ......................................... 1-12 Tipo Filtro de ECG ................................................ 9-16
Tipo ID Paciente ................................................... 9-29
S
Trackmaster TMX425 ........................................... 2-11
SAD
transmissão de registros de ECG ........................... 8-7
definição .................................................. 6-4, 9-16
Transmitir ECG Autom. ......................................... 9-13
desligamento durante desfibrilação................ 1-12
Trilha Audit .............................................................. 9-5
em config ECG esforço .................................. 9-16
Trilha Audit Tít 21 Parte 11 CFR........................... 9-34
no ajuste de arrit...................................... 9-8, 9-14
segurança U
mensagens ....................................................... 1-3 Underwriters Laboratories..................................... 1-10
símbolos do equipamento .............................. 1-13 Unid Nível TE ........................................................ 9-27
Seq Derivação ............................................. 9-12, 9-15 Unidade Peso/Altura ............................................. 9-27
símbolos................................................................ 1-13 Unidade Pressão Sangüínea ................................ 9-27
sincronização de hora ............................................. 9-5 Unidade Veloc....................................................... 9-27
Sistema antidesvio, consulte SAD USAFSAM (protocolo) .......................................... 9-19
Sistema CardioSoft USB (Universal Serial Bus)..................................... 2-4
importar de ....................................................... 8-3 uso pretendido ...................................................... 1-11
opção de comunicação................................... 9-34
V
sistema MUSE
VBIG (bigemia ventricular) ...................................... 6-6
ID do Usuário.................................................. 9-32
ventricular
importar de ....................................................... 8-3
batimento de escape ........................................ 6-6
opção de comunicação................................... 9-34
bigemia ............................................................. 6-6
SJ/T11363-2006 ................................................... 1-14
contração prematura ........................................ 6-6
SlowUSAFSAM (protocolo)................................... 9-19
ectópicas por minuto ........................................ 7-4
solução de problemas
execução .......................................................... 6-6
erro do operador............................................... A-2
fibrilação ........................................................... 6-6
inspeção visual ......................................... A-2, A-3
par .................................................................... 6-6
questões básicas .............................................. A-3
taquicardia ........................................................ 6-6
supraventricular
VFIB (fibrilação/palpitação ventricular) ................... 6-6
contração prematura ........................................ 6-6
VTAC (taquicardia ventricular) ................................ 6-6

Índice Remissivo-6 Sistema de Análise ECG MAC 1600 2028451-261A


Ó¿¬® ¦ Ù´±¾¿´ λ°®» »²¬¿²¬» ²¿ Û«®±°¿ Ó¿¬® ¦ ²¿ _ ¿
ÙÛ Ó»¼ ½¿´ ͧ ¬»³ ÙÛ Ó»¼ ½¿´ ͧ ¬»³ ÙÛ Ó»¼ ½¿´ ͧ ¬»³
ײº±®³¿¬ ±² Ì»½¸²±´±¹ » ô ײ½ò ײº±®³¿¬ ±² Ì»½¸²±´±¹ » Ù³¾Ø ײº±®³¿¬ ±² Ì»½¸²±´±¹ » ß ¿å ÙÛ øݸ ²¿÷ ݱòô Ô¬¼ò
èîðð É» ¬ ̱©»® ߪ»²«» Ó«²¦ ²¹»® ͬ®¿A» íóë î쬸 Ú´±±®ô ͸¿²¹¸¿ ÓßÈÜÑ Ý»²¬»®ô
Ó ´©¿«µ»»ô É× ëíîîí ËÍß Üóéçïïï Ú®» ¾«®¹ è È ²¹ Ç Î±¿¼ô ر²¹ Ï ¿± Ü»ª»´±°³»²¬ Ʊ²»
Ú±²»æ õ ï ìïì íëë ëððð ß´»³¿²¸¿ ͸¿²¹¸¿ îððííêô ÎòÐò ݸ ²¿
ï èðð ëëè ëïîð ø ±³»²¬» °¿®¿ ± ÛËß÷ Ú±²»æ õ ìç éêï ìë ìí ó ð Ú±²»æ õ èê îï ëîëé ìêëð
Ú¿¨æ õ ï ìïì íëë íéçð Ú¿¨æ õ ìç éêï ìë ìí ó îíí Ú¿¨æ õ èê îï ëîðè îððè

©©©ò¹»¸»¿´¬¸½¿®»ò½±³
TERMO DE GARANTIAS PARA ACESSÓRIOS E PRODUTOS

A GE Healthcare Clinical Systms Equipamentos Médicos Ltda garante ao Cliente


que os produtos serão livres de defeitos de material e de fabricação, e conforme às
descrições e especificações contidas em seus catálogos de Materiais e Acessórios
ou nas páginas de preços de produtos da GE vigentes na data de embarque dos
Produtos ao Cliente.

O prazo de garantia para todas as garantias, exceto a Garantia de Titularidade,


Patente e Direitos Autorais, está sujeito aos limites demonstrados a seguir: 25 anos,
12 meses, 6 meses ou 3 meses, sendo aplicável de acordo com a garantia fornecida
variante ao produto comercializado.

O prazo de garantia divulgado na comercialização do produto se inicia na data de


entrega dos Produtos ao Cliente. Caso a GE ou algum de seus subcontratados vier a
instalar os Produtos, o prazo de garantia se inicia em cinco dias após a notificação
enviada pela GE ou por um de seus subcontratados ao cliente informando que a
instalação foi finalizada e que os produtos estão operando em conformidade com
suas respectivas descrições e especificações ou na data em que os produtos forem
primieramente utilizados pelo cliente, o que ocorrer primeiro.

As garantias aqui apresentadas cancelam e revogam toda e qualquer outra garantia


ou condição semelhante, quer escrita, verbal, expressa, implícita ou decorrentes de
lei.

As garantias excluem todo e qualquer tipo de ação não recomendada ou ausentes


nas Instruções de uso, tal como:

Não permitir que pessoas não autorizadas realizem a manutenção dos materiais ou
equipamentos em questão.
Não permitir o uso indevido bem como o mau uso dos materiais ou equipamentos
em questão.
Seguir detalhadamente todas as orientações de uso, bem como os cuidados de
limpeza e conservação descritos no Manual do Usuário ou Instruções de Uso.
A garantia não cobre todo e qualquer falha, defeito ou deficiência que seja resultante
no todo ou em parte alterações nos produtos, aemazenanmento impróprio,
manuseio, uso ou manutençãoe utilização anormal por Cliente ou terceiros.
As partes e peças que venham a sofrer desgaste natural pelo uso dos materiais ou
equipamentos, não estarão cobertas por este Termo de Garantia, se o vício for
reclamado após o prazo regular determinado pelo fabricante para a substituição
desses itens.
Adendo ao manual - Lista de acessórios

21714401 Eletrodos de sucção, azul


91920232 Braçadeira para eletrodo de ECG, grande
402207-210 Eletrodos babyMAC
2029892-001 Eletrodos reutilizáveis pera, 6 peças
2029894-001 Abraçadeiras Reutilizáveis ECG, AHA, 4 peças
2029891-001 Abraçadeiras Reutilizáveis ECG, IEC, 4 peças
9623-003P Eletrodo de prata, Mactrode Plus
38401765 Kit de cabos, ECG 10-L c/resist, Banana, IEC
30401766 Kit de cabos, ECG 2-L c/resist, Banana, IEC (Nst, Nax)
222340305 Cabo tronco p/ paciente, 12 terminais, NEHB, IEC
22341808 Cabo tronco p/ paciente, 10 terminais IEC
22341809 Cabo tronco p/ paciente, 10 terminais AHA
420101-002 CAM14 Kit universal de cabos, vários comprimentos, 10 peças
38401816 Kit de terminais, 4mm conector, 10 terminais, a prova de desfibrilador,
IEC
38401817 Kit de terminais, 4mm conector, 10 terminais, a prova de desfibrilador,
AHA
2016032-001 CAM14 Kit de cabos, Banana, Vários comprimentos, AHA, 10 peças
2029890-001 10LD Cabos/terminais de paciente, IEC
2029893-001 10LD Cabos/terminais de paciente , AHA
900178-001 Kit adaptador 10 vias AHA, banana
900178-101 Kit adaptador 10 vias IEC, banana
9490-210 Clip Universal 10
24106202 Kit inicial MAC 1200, IEC
22616605 Papel CONTRAST, reticulado vermelho em página cheia, A4 Queue
Mark, 150 pgs/caixa, 1500 folhas/caixa
22616606 Papel CONTRAST, reticulado vermelho em página cheia, 8,5 x 11 in,
Queue Mark, 150 pgs/caixa, 1500 folhas/caixa
2020314-001 Papel Premium, reticulado vermelho, Full size A4, Queue Mark, 150
pgs/caixa, 1500 folhas/caixa
9402-060 Premium Papel, reticulado vermelho em página cheia, 8,5 x 11 in,
Queue Hole, 150 pgs/caixa, 2400 folhas/caixa
9402-061 Premium Papel, reticulado vermelho com espaço laudo, 8,5 x 11 in,
Queue Hole, 150 pgs/caixa, 2400 folhas/caixa
2009828-061 Papel Red Grid, branco, 8,5 x 11 , 150 folhas/pacote, 16 pacotes/caixa
22616611 Archivist 25 Papel, reticulado vermelho, A4, Queue Mark, 150
pags./caixa, 1500 folhas/caixa
2026048-002 Archivist 25, reticulado vermelho c/ espaço laudo, 8,5 x 11 polegadas,
Queue Hole, 150 pags./caixa, 2400 folhas/caixa
21612113 Sistema de aplicação de Eletrodos KISS10
22341410 Cabo tronco 12 Terminais c/ tubo
21732801 Eletrodo Saugelektrode ES600 Kiss
30344365 Terminais Kiss C1
30344366 Terminais Kiss C2
30344367 Terminais Kiss C3
30344368 Terminais Kiss C4
30344369 Terminais Kiss C5
30344370 Terminais Kiss C6
30344371 Terminais Kiss F
30344372 Terminais Kiss L
30344373 Terminais Kiss R
30344374 Terminais Kiss N
21612413 Sistema de aplicação de Eletrodos KISS10
30344376 Terminais Kiss NAX
30344375 Terminais Kiss Nst
9386-001 Pás de eletrodo
2031239-001 Scanner p/código de barras
2008683-002 CABO MODEM MAC 1200 1M
2008683-001 CABO MODEM MAC 1200 350 MM
2006796-001 Cabo de conexão para Lode Excalibur
2006795-001 Cabo de conexão para Variobike 500
22338002 Cabo de conexão para eBike
22336203 Cabo de conexão (EC 560 / ECB561 ou MAC 1100 / MAC 1200 ao
CardioSys)
22339003 Cabo de conexão para T2000 / T2100
22336802 Cabo de conexão para TMX425
Instruções de Uso

Sistema de Análise de ECG MAC 1600

Os Responsáveis Legal e Técnico do estabelecimento assumem a


responsabilidade pelas informações apresentadas nestas Instruções de Uso.

Responsável Técnico Responsável Legal


Reinaldo Pereira da Silva Roberto Braga Mendes
CREA-SP: 5062510687