Anda di halaman 1dari 34

ÁCIDOS, BASES E

SAIS
BASES

H
H3C N H NH3 NaOH

metilamina amônia hidróxido de sódio

Ca(OH)2

hidróxido de cálcio piridina


SAIS

MgCl2 CaCO3

cloreto de magnésio carbonato de cálcio

Ba(NO3)2 CH3COONa

nitrato de bário acetato de sódio


FORMAÇÃO DE SAIS

 A reação entre um ácido e uma base é


chamada de reação de neutralização, e o
composto iônico produzido na reação é
chamado sal. A forma geral de uma reação
de neutralização em solução aquosa é:

Ácido + Base Sal + Água


FORMAÇÃO DE SAIS

2 HCl(aq) + Mg(OH)2(aq) MgCl2(aq) + 2 H2O(l)

H2CO3(aq) + Ca(OH)2(aq) CaCO3(aq) + 2 H2O(l)

2 HNO 3(aq) + Ba(OH)2(aq) Ba(NO3)2(aq) + 2 H2O(l)

CH3COOH(aq) + NaOH(aq) CH3COONa(aq) + H2O(l)


DEFINIÇÕES DE ÁCIDOS E BASES

 Ácidos e Bases de Arrhenius.

 Ácidos e Bases de Bronsted-Lowry.

 Ácidos e Bases de Lewis.


ÁCIDOS E BASES DE ARRHENIUS

Svante Arrhenius (1859-1927):

Ácido é uma substância que contém


hidrogênio e libera o íon hidrogênio (H+)
como um dos produtos de ionização em água.

+ -
HCl(aq) H (aq) + Cl (aq)
ÁCIDOS E BASES DE ARRHENIUS

Svante Arrhenius (1859-1927):

Base é um composto que libera íons


hidróxido em água.

NaOH(aq) Na+(aq) +
OH-(aq)

NH3(aq) + H2O(l) NH4+(aq) + OH-(aq)


AUTO-IONIZAÇÃO DA ÁGUA

 Duas moléculas de água podem interagir


mutuamente para formar um íon hidrônio e um
íon hidróxido pela transferência de um próton de
uma molécula para outra:

2 H2O(aq) H3O+(aq) + OH-(aq)

+ -

H O + H O H O H + O
H H H H
AUTO-IONIZAÇÃO DA ÁGUA

AUTO-IONIZAÇÃO DA ÁGUA

Friedrich Kohlrausch (1840-1910)

Demonstrou que a água mesmo depois de


purificada, ainda tinha uma pequena condutividade
elétrica, pois auto-ionização provocava a presença
de concentrações muito baixas de H3O+ e OH-
mesmo na água mais pura.
ÁCIDOS E BASES DE BRONSTED

1923

 Johannes N. Bronsted (1879-1947) em


Copenhague (Dinamarca)

 Thomas M. Lowry (1874-1936) em


Cambridge (Inglaterra)

Novo conceito para o comportamento


dos ácidos e bases.
ÁCIDOS E BASES DE BRONSTED

ÁCIDO

 Qualquer substância capaz de doar um próton a


qualquer outra substância. Assim, os ácidos podem ser:

 Neutros, como o ácido nítrico,


HNO3(aq) + H2O(l) NO3-(aq) + H3O+(aq)
ácido

 Ou podem ser cátions ou ânions,


NH4+(aq) + H2O(l) NH3(aq) + H3O+(aq)
ácido
H2PO4-(aq) + H2O(l) H3O+(aq) + HPO42-(aq)
ácido
ÁCIDOS E BASES DE BRONSTED

BASE

 Substância que pode receber um próton de uma outra


substância. Podem ser:

 Um composto neutro,
NH3(aq) + H2O(l) NH4+(aq) + OH-(aq)
base

 Ou um ânion,
CO32-(aq) + H2O(l) HCO3 -(aq) + OH-(aq)
base
PO43- (aq) + H2O(l) HPO42-(aq) + OH-(aq)
base
ÁCIDOS E BASES DE BRONSTED

ÁCIDOS E BASES POLIPRÓTICAS


Forma Ácida Forma Anfiprótica Forma Básica
H2S (ácido sulfídrico ou HS- S2- (íons sulfeto)
sulfeto de hidrogênio) (íon hidrogenossulfeto)
H3PO4 (ácido fosfórico) H2PO4- HPO42-
(íon diidrogenofosfato) (íon hidrogenofosfato)

H2PO4- HPO42- PO43- (íon fosfato)


(íon diidrogenofosfato) (íon hidrogenofosfato)

H2CO3 (ácido carbônico) HCO3- CO32- (íon carbonato)


(íon hidrogenocarbonato
ou bicarbonato)
H2C2O4 (ácido oxálico) HC2O4- C2O42- (íon oxalato)
(íon hidrogenoxalato)
ÁCIDOS E BASES DE BRONSTED

PARES ÁCIDO-BASES CONJUGADOS

 Transferência de um próton para a água ou da água:

HCO3-(aq) + H2O(l) CO32-(aq) + H3O+(aq)


Ácido Base Base Ácido

 O conceito de equilíbrio (representado por )


envolvendo ácidos e bases conjugadas é o princípio
fundamental da teoria de Bronsted.
ÁCIDOS E BASES DE BRONSTED

PARES ÁCIDO-BASES CONJUGADOS


- H+

HCO3-(aq) + H2O(l) CO32-(aq) + H3O+(aq)


Base conjugada Ácido
Ácido Base
do HCO3- conjugado
da H2O
+ H+

 Um par de compostos que diferem pela


presença de uma unidade H+ é denominado
par ácido-base conjugado.
ÁCIDOS E BASES DE LEWIS

 Teoria de Bronsted e Lowry para o


comportamento ácido-base, anos 20, opera
bem para soluções em água.

 Anos 30: Gilbert N. Lewis (1875-1946)

Desenvolveu uma teoria mais geral.

Compartilhamento do par de elétrons


entre um ácido e uma base e não na
transferência de um próton.
ÁCIDOS E BASES DE LEWIS

ÁCIDO DE LEWIS

É uma substância que pode receber um


par de elétrons de outro átomo para
formar uma nova ligação.

BASE DE LEWIS

É uma substância que pode ceder um


par de elétrons para outro átomo formar
uma nova ligação.
ÁCIDOS E BASES DE LEWIS

 Uma reação ácido-base no sentido de


Lewis só pode ocorrer se houver uma
molécula (ou um íon) com uma par de
elétrons que possa ser cedido e uma outra
molécula (ou um íon) que possa receber este
par de elétrons:

A + B B A
Ácido Base Aduto ou complexo
(Ligação covalente coordenada)
ÁCIDOS E BASES DE LEWIS

+
+
H + O O H
H H H
H

H+ + N NH4+
H H
H
ÁCIDOS E BASES DE LEWIS

ÁCIDOS DE LEWIS CATIÔNICOS

 Cátions metálicos: são ácido de Lewis


potenciais (orbitais vazios).
BeCl2(s) + 4 H2O(l) [Be(H2O)4]2+(aq) + 2 Cl-(aq)

 OH-: é uma excelente base de Lewis e liga-se


facilmente a cátions metálicos formando hidróxidos.
Al(OH)3(s) + OH-(aq) [Al(OH)4]-(aq)
Ácido de Lewis Base de Lewis

Al(OH)3(s) + 3 H3O+(aq) Al3+(aq) + 6 H2O(l)


Base de Bronsted Ácido de Bronsted
ÁCIDOS E BASES DE LEWIS

ÁCIDOS DE LEWIS MOLECULARES

 Óxidos dos não-metais: comportamento ácido.

O H- Base de Lewis

δ- O H
δ-
O C O O C
δ+ -
O
Íon bicarbonato

Ca(OH)2(s) + CO2(aq) CaCO3(s) + H2O(l)


Base de Lewis Ácido de Lewis
FORÇAS RELATIVAS DOS ÁCIDOS E BASES

 Alguns ácidos são melhores doadores de prótons


do que outros, e algumas bases são melhores
aceitadoras de prótons que outras.

EXEMPLO - Solução diluída de ácido clorídrico:

 É constituída, em grande parte, por


íons H3O+(aq) e Cl-(aq).
FORÇAS RELATIVAS DOS ÁCIDOS E BASES

 O ácido está quase 100% ionizado, e por isso é


considerado como um ácido de Bronsted forte:

HCl(aq) + H2O(l) H3O+(aq) + Cl-(aq)

 Ácido forte ( • 100% ionizado)


 [H3O]+ • concentração inicial do ácido

 Uma solução aquosa de HCl 0,1 M é constituída,


na realidade, por H3O+ 0,1 M e Cl- 0,1 M.
FORÇAS RELATIVAS DOS ÁCIDOS E BASES

 O ácido acético, por sua vez, ioniza-se muito


pouco, e por isso é considerado um ácido de
Bronsted fraco.

CH3COOH(aq) + H2O(l) H3O+(aq) + CH3CO2-(aq)

 Ácido fraco (<100% ionizado)

 [H3O]+<<concentração inicial do ácido

 Uma solução aquosa de CH3CO2H 0,1 M é apenas


0,001 M em H3O+(aq) e 0,001 M no CH3CO2-(aq). Cerca
de 99% do ácido acético não estão ionizados.
FORÇAS RELATIVAS DOS ÁCIDOS E BASES

 O íon óxido é uma base de Bronsted muito forte


em solução aquosa. É tão forte que não existe
livre na água.

O2-(aq) + H2O(l) 2 OH-(aq)

 Base forte.

 [OH-] = 2 x (concentração inicial do O2-).


FORÇAS RELATIVAS DOS ÁCIDOS E BASES

 A amônia aquosa e o íon carbonato em água,


ao contrário, provocam concentração muito baixa
do íon OH-, e por isso são considerados bases de
Bronsted fracas.

NH3(aq) + H2O(l) NH4+(aq) + OH-(l)

CO3-(aq) + H2O(l) HCO3 -(aq) + OH-(aq)

 Bases fracas.

 [OH-] << concentração inicial da base.


FORÇAS RELATIVAS DOS ÁCIDOS E BASES

MODELO DE BRONSTED

QUANTO MAIS FORTE FOR O ÁCIDO, MAIS


FRACA SERÁ A SUA BASE CONJUGADA.
Par conjugado

Base mais Ácido mais


forte que o Cl- fraco que o Cl-
HCl(aq) + H2O(l) H3O+(aq) + Cl-(aq)

Ácido mais Base mais


forte que o H3O+ fraca que a H2O

Par conjugado
FORÇAS RELATIVAS DOS ÁCIDOS E BASES

Par conjugado

Base mais fraca Ácido mais forte


fraca que o CH3CO2- que o CH3COOH

CH3COOH(aq) + H2O(l) H3O+(aq) + CH3CO2-(aq)

Ácido mais Base mais


fraco que o H3O+ forte que a H2O

Par conjugado
ÁCIDOS E BASES FRACOS

 A grande maioria dos ácidos e das bases é fraca.

CONSTANTE DE EQUILÍBRIO: A força


relativa de um ácido ou de uma base que
pode ser expressa quantitativamente.

Ka – constante de equilíbrio para ácidos fracos


Kb – constante de equilíbrio para bases fracas
ÁCIDOS E BASES FRACOS

ÁCIDOS FRACOS
HA (aq) + H2O (l) H3O+ (aq) + A- (aq)

[H3O+] [A-]
Ka =
[HA]

BASES FRACAS
B (aq) + H2O (l) BH+ (aq) + OH- (Aq)

[BH+] [OH-]
Kb =
[B]

 K é menor do que 1 para um ácido e uma base fraca.