Anda di halaman 1dari 1

Lista de Exercícios – Cinética

1. Para a reação A  B , se –rA = –(dCA/dt) = 0,2 mol/L quando CA = 1 mol/L, qual é a taxa de
reação quando CA = 10 mol/L? Nota: a ordem da reação não é conhecida.

2. Uma corrida experimental de 10 minutos mostra que 75% do reagente líquido são convertidos a
produto através de uma reação com taxa com ordem ½. Qual seria a fração convertida em uma
corrida de 30 minutos? E se a reação fosse de primeira ordem?

3. A reação 2A+B   2C é conduzida em um reator batelada a 200 ºC e 120 atm de pressão


(constante). Admitindo que a reação é irreversível e elementar e que a velocidade específica
(constante cinética) é 2,5.10-3 (L/mol)2.s-1.

a. Determine a taxa de reação (-rA) em função da conversão, sabendo-se que a composição molar
inicial é de 15% de A, 2% de B, 8% de C e de 75% de inerte.
b. Qual é o tempo necessário para 50% de conversão?

4. A reação reversível de primeira ordem (nos dois sentidos), em fase líquida A    B , com
CA0 = 0,52 mol/L e CB0 = 0, ocorre em um reator batelada. Após 8 minutos a conversão de A é
33.33%, enquanto a conversão de equilíbrio é de 66,67%. Encontre a equação da taxa desta reação.
Como muda equação quando a alimentação tem dobrada a concentração de A? E se a concentração
de B não for nula?

5. A enzima E catalisa a transformação do reagente A no produto R, como segue


200CACE 0  mol 
A enzima
 R, rA 
2  CA  L.min 
Se introduzirmos a enzima (CE0 = 0,001 mol/L) e o reagente (CA0 = 10 mol/L) em um reator em
batelada e deixarmos a reação ocorrer, encontre o tempo necessário para a concentração do
reagente cair para 0,025 mol/L. Note que a concentração de enzima permanece constante durante
a reação.

6. Encontre a conversão depois de 2, 4, 6, 8 e 10 horas em um reator batelada onde ocorre a reação:


 mol 
A   R, rA  3* C A0.5  
 L.min 
sendo a concentração inicial de A igual a 1 mol/L. Acontece algum resultado estranho? Explique.

7. Considere a reação em série, sendo a segunda reação reversível.


A k1 
k2
 B  C
k2 r

Sendo CA0 = 1 mol/L e CB0 = CC0 = 0, determine a expressão de da concentração de B ao longo do


tempo e o tempo quando a concentração de B é máxima, quando k1 = 4 s-1, k2 = 3 s-1, k2r = 1 s-1.