Anda di halaman 1dari 113
(VJ Estratégia CONCURSOS Aula 09 Direito Constitucional p/ TJ-SC (Analista Juridico) - Com videoaulas Professores: Nadia Carolina, Ricardo Vale Aula 09 - Prof* Nadia / AULA 09 PODER JUDICIARIO Sumario Poder Judiciario 1. Introdugio 2. Estrutura do Poder Judiciario 3. As Garantias do Poder Judiciario 4. Vedagées aos Magistrados.. 5. O Estatuto da Magistratura, 6. Conselho Nacional de Justiga (CNJ) 7. Supremo Tribunal Federal (STF). 8 Superior Tribunal de Justiga (ST). 9. Justiga Federal 10. Tribunais e Juizes dos Estados... Questées Comentadas.. Lista de Questées Gabarito Para tirar duvidas e ter acesso a dicas € conteddos gratuitos, acesse nossas redes sociais: Facebook do Prof. Ricardo Vale: https://www.facebook.com/profricardovale Facebook da Prof*. Nadia Carolina: https://www. facebook.com/nadia.c.santos.16?fref=ts Canal do YouTube do Ricardo Vale: https://www. youtube.com/channel/UC32LIMyS96biplI715yzS9Q Aula 09 - Prof* Nadia / 1. Introdugao 1.1- Aspectos Gerai O Poder Judicidrio é o responsdvel pelo exercicio de uma das fungées poll do Estado: a funcao judicial ou jurisdicional. E 0 Poder Judiciario competente para exercer a jurisdic&o, solucionando conflitos e “dizendo o Direito” diante de casos concretos. A aplicagdo do Direito nao é, todavia, o que distingue o Poder Judiciario dos demais Poderes. Em certa medida, essa 6 uma tarefa também realizada pelo Poder Executivo e pelo Poder Legislativo. Para Konrad Hesse, 0 que singulariza o Poder Judicidrio é a capacidade de prolatar deciséo auténoma, de forma autorizada e, por isso, vinculante, em casos de direitos contestados ou lesados." No Brasil, adota-se o sistema inglés de jurisdicao. Nesse modelo, apenas o Poder Judicidrio faz coisa julgada material, isto é, decide casos concretos com definitividade. Vigora © principio da inafastabilidade de jurisdicao, segundo 0 qual “a lei ndo excluiré da apreciagéo do Poder Judiciario leséo ou ameaga a direito” (art. 5°, XXXV). E diferente do contencioso administrativo (sistema francés), no qual certas matérias so decididas com definitividade por érgéios da Administrag&o Publica, no sendo cabivel recurso ao Judiciario. Por mais que se possa querer, 0 Direito positivo é incapaz de abarcar toda e qualquer conduta humana. Normas genéricas e abstratas néo conseguem, sozinhas, regular a infinidade de casos concretos que ocorrem no dia-a-dia. “Dizer © Direito” aplicdvel a uma lide, nao é, portanto, tarefa simples. Ao contrario, é misséo complexa, que impde ao Poder Judiciério a necessidade de interpretar o Direito. Exercer a jurisdicao é funcSo tipica do Poder Judicidrio. Segundo Dirley da Cunha Junior, a jurisdig&o é uma atividade que tem as seguintes caracteristicas”: a) secundaria: Os conflitos devem ser, primariamente, resolvidos pela partes em litigio. O Poder Judicidrio, ao exercer a jurisdicéo, estard realizando uma atividade que deveria, primariamente, ter sido solucionada pelas partes. * MENDES, Gilmar Ferreira; BRANCO, Paulo Gustavo Gonet. Curso de Direito Constitucional, 68 edicdo, 2011. pp. 963-964. * CUNHA JUNIOR, Dirley da. Curso de Direito Constitucional, 64 edicao. Ed. Juspodium. Salvador: 2012, pp. 1107-1108. 2de112