Anda di halaman 1dari 6

Modelo 7 – Introdução – Análise Swot

Publicado em maio 17, 2011 | 3 Comentários

5 Estrela(s)

Vamos iniciar mais um dos modelos utilizados para a prática do Coaching Online. Este modelo será
dividido em duas partes, a primeira tratando do Swot Pessoal, e a segunda, do Swot para múltiplos
cenários.

Nesta introdução, vamos conhecer um pouco mais sobre a ferramenta Swot:

A Análise SWOT [em que o termo SWOT é uma sigla inglesa para Forças ou Pontos Fortes
(Strengths), Fraquezas ou Pontos Fracos (Weaknesses), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças
(Threats)], cuja criação é atribuída a Kenneth Andrews e Roland Christensen, dois professores da
Harvard Business School, consiste num modelo de avaliação da posição competitiva de um
indivíduo ou companhia no mercado. Essa avaliação da posição competitiva é efetuada através do
recurso de uma matriz de dois eixos (o eixo das variáveis internas e o eixo das variáveis externas),
cada um dos quais composto por duas variáveis: pontos fortes (Strenghts) e pontos fracos
(Weaknesses) da organização ou indivíduo; oportunidades (Opportunities) e ameaças (Threats) do
meio envolvente.

Ao construir a matriz a variáveis são sobrepostas, facilitando a sua análise e a procura de sugestões
para a tomada de decisões, sendo uma ferramenta imprescindível na formação de Planos de Negócio
e na definição de Estratégias e Realização de Metas.

Abaixo podemos ver a representação gráfica da matriz, com as sugestões genéricas para cada um dos
quadrantes que a compõem.
Para a construção da matriz são necessárias dois tipos de análises: por um lado uma análise interna e
por outro uma análise externa. No caso da análise interna, esta permite identificar aspectos em que a
organização ou indivíduo apresenta pontos fortes e aspectos em que apresenta pontos fracos
relativamente aos seus concorrentes. Quanto à análise externa, esta consiste numa avaliação da
envolvente da organização ou do indivíduo de forma a identificar oportunidades e ameaças com que
este se depara ou possa vir a deparar. Qualquer uma destas análise deverá ser efetuada não apenas
numa perspectiva estática, mas também numa perspectiva dinâmica e permanente.

Análise SWOT como ferramenta de


coaching
5 de dezembro de 2016SistemizeCoach

Início » Para Coaches » Análise SWOT como ferramenta de coaching

Qualquer metodologia de coaching é caracterizada pela aplicação


de ferramentas durantes as sessões. Para um melhor desempenho do
coachee, elas devem ser diversificadas e adaptadas ao objetivo específico do
cliente.
Pode-se usar ferramentas específicas para autoconhecimento, diagnóstico de
situações, de resolução de problemas, para traçar estratégias de ação ou para
outras questões específicas.

Dentre as mais usadas pelos coaches está a análise SWOT, já que é aplicável
para qualquer tipo de coachee e seu estado desejado. Neste texto você vai
saber mais sobre essa ferramenta e qual a maneira certa de aplica-la durante
uma sessão de coaching.

O que é análise SWOT?


É uma matriz aplicada originalmente na administração de empresas com o
objetivo de elaborar ou aprimorar um planejamento estratégico.

Ela é denominada SWOT por ser a sigla formada pelos elementos


analisados: S (Strengts=forças), W(Weaknesses=fraquezas), O (Opportunities=
oportunidades) e T (Threats=ameaças).

A elaboração da matriz SWOT é muito simples, porém bastante eficaz na


identificação dos elementos que devem ser trabalhados para se atingir um
objetivo específico, não só na administração estratégica como em qualquer
área da vida pessoal ou profissional.
Qual são as vantagens de se
usar a análise SWOT no
coaching?
A ferramenta SWOT é uma das mais usadas pelos coaches atuantes em
qualquer nicho ou metodologia por ser de fácil aplicação e interpretação.

Além disso, é um instrumento que estimula a auto avaliação do coachee tanto


nos seus aspectos internos, que são as forças e fraquezas, quanto na
identificação de fatores externos atuantes, chamados de oportunidades e
ameaças.

A definição das características do indivíduo e do ambiente que o cerca,


incluindo terceiros, como parentes, amigos, cônjuge e colegas de trabalho,
ajuda a apresentar um cenário claro para a definição de estratégias.

Leia também: Ferramentas de Coaching

Com a ciência das suas forças e das oportunidades que o cercam, o cliente,
juntamente com o seu coach, será capaz de elaborar um plano de ação para
eliminar as suas fraquezas e os problemas externos.

Como funciona a aplicação da


análise SWOT?
O preenchimento da matriz é muito fácil, o coach pode montar os quadros ou,
se preferir, pedir que o coachee faça todo o processo, desde o esquema até o
preenchimento.

Para que profissional e cliente enxerguem juntos toda a aplicação, é


aconselhável que se utilize uma folha. Nela, faça 4 quadrantes.

Nos quadrados superiores deve-se escrever: no da esquerda a palavra “forças”


e no da direita “fraquezas”. Nos dois inferiores, do lado esquerdo ficam as
“oportunidades” e no direito as “ameaças”. Como no exemplo abaixo:
É importante que o coach verifique se o seu cliente não está listando seus
fatores internos sem focar no seu objetivo específico. Não adiantaria ele dizer
que é desorganizado no trabalho se o foco do seu processo de coaching é
equilíbrio amoroso, por exemplo. Depois basta perguntar ao coachee o que ele
classifica como suas forças e suas fraquezas e quais são as ameaças e
oportunidades, em relação ao seu estado desejado.

Também é necessário estimular o coachee a pensar em todos os aspectos


externos, que podem ser fatores do ambiente, como crise financeira no país, ou
influências de outros indivíduos, como desentendimentos com o chefe.

Não é necessário exigir do cliente o preenchimento de vários itens em cada


quadrante, mas no mínimo dois fatores para cada um são desejáveis. É comum
que o espaço referente às ameaças fique com um ou dois fatores apenas.

Após estar tudo em seu devido lugar, basta perguntar ao coachee como ele
pretende usar o lado esquerdo do quadro para eliminar os problemas do lado
direito, rumo ao seu estado desejado.

Leia também: Ferramenta de coaching Roda da Vida

A análise SWOT é aplicada, geralmente, nas primeiras sessões de um


processo de coaching por ser uma ferramenta de diagnóstico de cenário. Ela é
uma ótima ferramenta para clarear a situação do coachee e fazer com que ele
se sinta estimulado a usar seus aspectos positivos para alcançar o que
pretende.