Anda di halaman 1dari 25

Circuitos Digitais

Prof. Ricardo P. Mesquita


Apresentações Gerais
 Prof. Ricardo Mesquita
➢ E-mail: rmesquita@unicarioca.edu.br
➢ E-mail alternativo: prof.ricardo.mesquita@gmail.com
 Sobre os trabalhos (APS etc.):
➢ Serão disponibilizados (enunciado/proposta) no AVA
➢ A entrega deverá ser feita, a princípio, via AVA
 Sobre as provas:
➢ AV1: 24/09
➢ AV2: 12/11
➢ AV3: 26/11

Prof. Ricardo P. Mesquita 02/25


Material de Consulta
 As notas de aula serão sempre disponibilizadas no AVA
 Outros materiais de apoio também estarão disponíveis no
AVA – acessem o AVA sempre!!
 Além disso, há nossa bibliografia básica:
 MENDONÇA, A.; ZELENOVSKY, R. Eletrônica Digital:
Curso Prático e Exercícios. Rio de Janeiro: MZ, 2004.
 TOCCI, W. Sistemas Digitais: Princípios e Aplicações.
Rio de Janeiro: JC, 1998.
 UYEMURA, P. J. Sistemas Digitais- Uma Abordagem
Integrada. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.

Prof. Ricardo P. Mesquita 03/25


Material de Consulta
 Bibliografia complementar:
 CAPUANO, Francisco Gabriel; IDOETA, Ivan Valeije.
Elementos de Eletrônica Digital. 41. ed. São Paulo: Érica,
1991.
 CRUZ, Eduardo Cesar Alves; JÚNIOR, Salomão Choueri;
ARAÚJO, Celso de. Eletrônica Digital. São Paulo: Érica, 2014.
 GAJSKI, D. D. Principles of Digital Design. São Paulo:
Prentice-Hall, 1997.
 JUNIOR, Annibal Heterm. Fundamentos de Informática –
Eletrônica Digital. Rio de Janeiro: LTC, 2009.
 KATZ, R. H.; BORRIELLO, G. Contemporary Logic Design.
The Benjamin/ Cummings Publishing Company, 2004.

Prof. Ricardo P. Mesquita 04/25


Recursos Adicionais
 Software: LOGISIM 2.7.1

 Download: https://logisim.br.uptodown.com

Prof. Ricardo P. Mesquita 05/25


Conteúdo do Curso
 Unidade 1: Variáveis, Portas Lógicas e Circuitos
 Constantes e Variáveis Booleanas; Tabelas-Verdade
 Operações OR, AND e NOT
 Implementando Circuitos a Partir de Expressões Booleanas
 Portas NOR e Portas NAND
 Teoremas de Álgebra Booleanas; Teoremas de De Morgan
 Universalidade das Portas NAND e NOR
 Circuitos Exclusive-OR e Exclusive-NOR

Prof. Ricardo P. Mesquita 06/25


Conteúdo do Curso
 Unidade 2: Álgebra Booleana
 Descrevendo Circuitos Lógicos Algebricamente
 Valor da Saída de Circuitos Lógicos
 Forma de Soma-de-Produtos
 Forma de Produto-de-Somas

Prof. Ricardo P. Mesquita 07/25


Conteúdo do Curso
 Unidade 3: Simplificação
 Simplificação de Circuitos Lógicos; Simplificação Algébrica
 Projetando Circuitos Lógicos Combinacionais
 Método do Mapa de Karnaugh
 Circuitos decodificador para display de 7 segmentos
 Circuitos aritméticos (somadores)

Prof. Ricardo P. Mesquita 08/25


Conteúdo do Curso
 Unidade 4: Circuitos Sequenciais
 Conceito
 Clock
 Elementos de memória
 Flip-Flop JK e Tipo D
 Contadores síncronos

Prof. Ricardo P. Mesquita 09/25


Conceitos Introdutórios
 Princípios
 Representação numérica
 Sistemas analógicos x Sistemas digitais
 Transmissão paralela e serial
 Memória
 Computadores digitais

Prof. Ricardo P. Mesquita 10/25


Princípios
 Antigos sistemas de telégrafo são compostos por uma bateria,
uma chave de contato momentâneo (normalmente aberta), um
fio de telégrafo e um clacker eletromagnético.

Prof. Ricardo P. Mesquita 11/25


Princípios
▪ Pulsos elétricos curtos e longos, que simbolizam pontos e
traços do código Morse, caracterizam uma representação
binária da informação.
▪ O sinal elétrico está ligado ou desligado, em todos os momentos.
▪ Um diagrama de tempo mostra em que estado está o
sistema, em qualquer momento. Aponta, também, o
momento exato em que ocorre uma mudança de estado.

Prof. Ricardo P. Mesquita 12/25


Representação Numérica
 Representação analógica: a quantidade é
representada por um indicador proporcional
continuamente variável.
▪ O som, através de um microfone, causa variações na tensão
(voltagem).
▪ O velocímetro do automóvel varia com a velocidade.
▪ O termômetro de mercúrio oscila em um intervalo de
valores, de acordo com a temperatura.

Prof. Ricardo P. Mesquita 13/25


Representação Numérica
 Exemplo de sinal analógico:

Prof. Ricardo P. Mesquita 14/25


Representação Numérica
 Representação Digital: varia em diferentes etapas
(separadas). As quantidades são representadas por
símbolos chamados dígitos.
▪ O passar do tempo é mostrado como uma mudança no
mostrador de um relógio digital, em intervalos de um
minuto.
▪ Uma mudança na temperatura é mostrada em um display
digital, quando há a oscilação de um grau, pelo menos.

Prof. Ricardo P. Mesquita 15/25


Sistemas Analógicos  Sistemas Digitais
 Sistemas digitais:
 Combinação de dispositivos que manipulam valores
representados de forma digital.

 Sistemas analógicos:
 Combinação de dispositivos que manipulam valores
representados de forma analógica.

Prof. Ricardo P. Mesquita 16/25


Sistemas Analógicos  Sistemas Digitais
 Vantagens dos sistemas digitais:
▪ Combinação de dispositivos
▪ Facilidades de design.
▪ Mais adaptado para armazenar informações.
▪ Maior facilidade em manter a exatidão e a precisão.
▪ Operação programável.
▪ Menos afetado pelo ruído.
▪ Facilidade de fabricação em chips IC.

Prof. Ricardo P. Mesquita 17/25


Sistemas Analógicos  Sistemas Digitais
A natureza analógica do mundo exige um processo de
conversão demorado, composto por várias etapas:

1. Converter a variável física em um sinal elétrico (analógico).


2. Converter o sinal analógico para formato digital.
3. Processar (operar) a informação digital.
4. Converter a saída digital de volta para a forma analógica do
mundo real.

 Obs.: quantidades em um sistema digital só podem assumir


valores discretos!

Prof. Ricardo P. Mesquita 18/25


Sistemas Analógicos  Sistemas Digitais
 Sistema de regulagem da temperatura utilizando-se
um conversor analógico-digital

Prof. Ricardo P. Mesquita 19/25


Sistemas Analógicos  Sistemas Digitais
 Principais razões para a mudança para a tecnologia
digital:
 Geralmente, os sistemas digitais são mais facilmente projetados
 O armazenamento da informação é simples
 Mantêm-se, com tranquilidade, a exatidão e a precisão do sistema
 As operações podem ser programadas
 Os circuitos digitais são menos afetados por ruídos
 Um maior número de circuitos digitais pode ser fabricado em chips IC

Prof. Ricardo P. Mesquita 20/25


Transmissão Paralela e Serial

Bits transmitidos
simultaneamente

Bits transmitidos
um a um

Prof. Ricardo P. Mesquita 21/25


Transmissão Paralela e Serial

A transmissão paralela é
mais rápida, porém requer
mais caminhos.

A transmissão serial é
mais lenta, mas requer
um único caminho.

Prof. Ricardo P. Mesquita 22/25


Memória
 A memória é exibida através de um circuito que mantém
uma resposta a uma entrada momentânea.
 Ela é importante porque proporciona uma maneira de
armazenar números binários, temporária ou
permanentemente.

Prof. Ricardo P. Mesquita 23/25


Computadores Digitais

Prof. Ricardo P. Mesquita 24/25


Dúvidas?