Anda di halaman 1dari 4

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA

“JÚLIO DE MESQUITA FILHO”

unesp Câmpus de Bauru

Curso: 3002 - Licenciatura em Pedagogia


Departamento: Educação – Faculdade de Ciências

IDENTIFICAÇÃO
Código: 4405A
Disciplina: Sociologia da Educação
Seriação Ideal: 1
Pré-Requisitos:
Co-Requisitos:
Créditos: 4
Semestre: 1º
Carga Horária Total: 68
Ano: 2013

OBJETIVOS

1. Refletir sobre a experiência educacional sob condições historicamente


determinadas.

2. Possibilitar ao aluno compreender a educação como elemento determinado e


determinante da sociedade.

3. Identificar a função social da Educação no contexto das sociedades modernas;

4. Reconhecer as correntes do pensamento sociológico clássico e contemporâneo


que têm influenciado as práticas educativas no contexto brasileiro;

5. Captar a importância do Pedagogo, da Escola e da Família como mediadores


entre o saber e a sociedade, na formação e desenvolvimento dos educandos.

6. Demonstrar que é preciso o aluno compreender a educação como parte de uma


totalidade e que, para entende - lá na sua complexidade, há a necessidade de se
identificar e analisar criticamente as relações da escola com os diversos
fenômenos sociais.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

UNIDADE I – A ORIGEM DA SOCIOLOGIA


 Contexto histórico e social
 A sociologia como ciência da sociedade
 Augusto Comte e o Positivismo

UNIDADE II - A CONTRIBUIÇÃO DA SOCIOLOGIA CLÁSSICA PARA A EDUCAÇÃO


 Karl Marx – a educação como emancipação do sujeito
Seção de Graduação – SG/FC
Av. Engº Luiz Edmundo Carrijo Coube, 14-01 - Vargem Limpa – Bauru-SP - CEP: 17033-360
Fone: (14) 3103-6076 - Fax: (14) 3103-6074 - email: sg@fc.unesp.br - site: www.fc.unesp.br/graduacao
 Émile Durkheim – a educação como processo socializador
 Max Weber – a educação como racionalização

UNIDADE III - A ESCOLA COMO REPRODUÇÃO DAS RELAÇÕES SOCIAIS


 Louis Althusser e a escola enquanto Aparelho Ideológico do Estado
 Pierre Bourdeu e a teoria da reprodução social
 R. Establet e C. Baudelot e a teoria da escola dualista
 Gramsci e a teoria dialética da educação

UNIDADE IV - ESTADO, ESCOLA E SOCIEDADE


 O direito Universal à educação
 Estado e políticas educacionais no Brasil

UNIDADE IV - Educação, sociedade e mudança social


 O universo da educação na família
 A relação de gênero na escola
 O multiculturalismo na escola
 Educação no/do campo – exemplo de resistência

METODOLOGIA

1. Os conteúdos programáticos serão abordados por meio de fundamentos teóricos


e reflexões contextualizadas acerca da realidade educacional;

2. Procedimentos: aulas expositivas e dialogadas, estudo em grupo, pesquisa


empírica, leituras, discussões coletivas, apresentações escritas e orais;

3. Recursos didáticos: livros, textos, vídeos, músicas, poesias, jornais.

4. Recursos materiais: lousa, tv, vídeo, rádio, retroprojetor e multimídia.

Observação: A maior ou menor utilização dos recursos didáticos e materiais fica


condicionada às condições da sala de aula, destinada à disciplina de que trata este
Plano de Ensino.

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

Bibliografia Básica
DURKHEIM, Émile. Educação e Sociologia. 11ª edição. São Paulo: Edições
Melhoramentos, 1978.
QUINTANEIRO, Tânia et al. Um toque de clássicos. Durkheim, Marx e Weber. Belo
Horizonte: Editora UFMG, 1996.
WEBER, Max. Ensaios de sociologia. Rio de janeiro: Zahar, 1979.
FREITAG, Bárbara. Escola, Estado e Sociedade. 6ª edição. São Paulo: Editora
Moraes, 1986
SAVIANI, Demerval. Escola e Democracia. 20ª edição. São Paulo: Cortez: Autores
Associados, 1988.

Bibliografia Complementar
ARON, Raymond. As etapas do pensamento sociológico. São Paulo: Martins
Fontes,1990.
ALTHUSSER, Louis. Aparelhos ideológicos do Estado. Rio de Janeiro: Graal, 1987.
APPLE, Michael. Ideologia e currículo. Porto Alegre: Artimed, 2006.
BORDIEU, Pierre. A reprodução: elementos para uma teoria do sistema de ensino. Rio
de Janeiro: Francisco Alves, 1975.
_____. O poder simbólico. Rio de Janeiro: Difel, 1989.
CALDART, Roseli Salete. Pedagogia do movimento sem terra. São Paulo: Expressão
Popular, 2004.
DEMO, Pedro. A educação do futuro e o futuro da educação. Petrópolis: Vozes, 1996.
_____. Sociologia da educação: sociedade e suas oportunidades. Brasília: Plano
Editora, 2004.
FORACCHI, Marialice Mencarine; MARTINS, José de Souza. Sociologia e Sociedade:
leituras de introdução à sociologia. Rio de Janeiro: LTC. 1977.
GRAMSCI, Antonio. Os intelectuais e a organização da cultura. Rio de Janeiro:
Civilização Brasileira, 1968.
LOMBARDI, José Claudinei; SAVIANI, Demerval (org.). Marxismo e educação: debates
contemporâneos. 2ª edição, Campinas: Autores Associados, 2008.
LOURO, Guacira Lopes. Gênero, sexualidade e educação. Petrópolis: Vozes, 1997.
MACHADO, Vitor. Dilemas e perspectivas da educação em assentamento rural –
Sumaré – SP. UNICAMP: Campinas, 2008. Tese (Doutorado em Educação).
MAKSENAS, Paulo. Sociologia da educação: uma introdução ao estudo da escola no
processo de transformação social. São Paulo: Loyola, 2002.
MANACORDA, Mario Alighiero. Marx e a pedagogia moderna. 3ª edição. São Paulo:
Cortez, 2000.
MANNHEIM, Karl. Introdução à sociologia da educação. São Paulo: Cultrix, 1974.
MOREIRA, Antonio Flávio; SILVA, Tomaz Tadeu da (Orgs). Currículo, Cultura e
Sociedade. 3ª edição. São Paulo: Cortez, 1999.
PEREIRA, Luiz; FORACCHI, Marialice Mencarine. Educação e sociedade. São Paulo:
Companhia Editora Nacional, 1969.
SILVA, Tomaz Tadeu. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do
currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 2009.
_____. O que produz e reproduz em educação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1992.
TURA, Maria de Lourdes Rangel. (org.) Sociologia para educadores. Rio de Janeiro:
Quartet, 2001.
TORRES, Carlos Alberto. Sociologia política da educação. São Paulo: Cortez, 1993.
VIEIRA, Evaldo. Sociologia da educação: reproduzir e transformar. São Paulo: FTD,
1996.

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM


1. Instrumentos de avaliação:
 Seminário;
 Avaliação oral e escrita
 Trabalho de Pesquisa

2. Critérios para aprovação:


 Frequência mínima de 75%;
 Média Final (MF)  5,0

3. Formas de avaliação e composição das notas:


 Para todo instrumento de avaliação será atribuída nota de 0,0 a 10,0.
 A Média Final será calculada pela expressão:
MF = (P1 + P2)/2
 P1= avaliação individual, escrita e sem consulta (80%) + trabalho individual
(20%).
 P2= trabalho em grupo (30%) + avaliação individual, escrita e sem consulta
(70%).
4. Regime de Recuperação: será concedida a recuperação somente ao aluno que,
além da frequência mínima de 70%, tiver obtido nota entre 3,0 e 4,9 no decorrer
do semestre. Será aplicada uma única avaliação, sob forma de prova escrita,
individual, contemplando o conteúdo do semestre. O aluno que obtiver nota igual
ou superior a 5,0 será considerado aprovado

EMENTA
A disciplina contribui para a análise da educação ou o modo de ser desta, de acordo
com os parâmetros do conhecimento sociológico clássico e contemporâneo, envolvendo
questionamentos amplos de conceitos tais como burocracia, função social da escola e
da família, instituições sociais, trabalho e educação e das formas de justificação e
legitimação de ações e políticas educacionais, o que inclui discutir o direito universal à
educação e os benefícios da produção cultural, assim como os mecanismos de
transmissão e assimilação de conhecimentos e os diferentes processos de socialização,
com ênfase na educação familiar e escolar.

Professor Visto do Manifestação Aprovação


Responsável Departamento Conselho de Curso Congregação