Anda di halaman 1dari 1

Muita gente dizima e oferta, mas nunca parou pra pensar no que está fazendo.

Devemos ser crentes


inteligentes e conscientes ao ofertarmos algo(ou darmos o dízimo de algo). Oferta, é tudo aquilo que damos
para honrar, ajudar a promover ou agradecer. Devemos honrar a Deus ofertando em pessoas, igrejas, causas
e ministérios que são fontes de bençãos para nossa vida. Quem te abençoa, fortalece na fé, cuida de você
e/ou responde as questões do seu coração É TERRA FÉRTIL. As pessoas, igrejas e ministérios que estão
envolvidas na tarefa de pregar as boas notícias do AMOR E DA BONDADE DE JESUS, e cuidam bem e treinam
corretamente as pessoas que aceitaram essas boas notícias SOBRE Jesus, SÃO TERRA FÉRTIL para você
semear suas ofertas e dízimos(Gl 6.6). Você não é obrigado a dar dízimo e nem a ofertar, mas precisa saber
que aquilo que você dá, em honra a Deus e PARA PROGRESSO DE SUA OBRA DE PREGAR AS BOAS NOTÍCIAS
SOBRE A BONDADE E O AMOR DE JESUS, influenciará POSITIVAMENTE naquilo que permanecer em sua mão
(Rm 11.16). Oferta, é tudo o que você VOLUNTÁRIAMENTE usa para honrar, abençoar ou ajudar alguma
causa, pessoa ou instituição. Exemplos: Seu tempo; sua profissão; seu dnheiro; suas orações; seus dons; e o
que mais você decidir oferecer para benefício e progresso de outros(Êxodo 35)

>Oferta inteligente (consciente; RESPONSÁVEL) é quando você HONRA, COM DINHEIRO,


SERVIÇOS, TEMPO, DONS E O QUE MAIS FOR SEU, A DEUS, AS PESSOAS OU IGREJAS
QUE TEM ABENÇOADO SUA VIDA. OFERTAS SÃO RESPOSTAS DO ESPIRITO HUMANO
À AÇÃO DE DEUS. Dízimo, é Deus te ensinando a dar. Oferta, é você mostrando o que aprendeu.
Não tem como alguém crescer espiritualmente e o desejo natural de ofertar NÃO CRESCER
JUNTO(2 Co caps. 8 e 9).

Pense nisso:
“dízimo é Deus te ensinando a dar; oferta, é você mostrando o que aprendeu”. “No
dízimo, Deus estabeleceu o valor; na oferta, você é que estabelece o valor”. “Quando
você dízima ou oferta, o homem recebe o valor, mas Deus, recebe a honra”; “Dízimos e
ofertas nunca são entre um homem e outro; sempre são entre o coração do homem que
oferta e Deus”; “Deus não presta atenção em quanto você está ofertando, mas sim no
quanto você de coração desejaria de fato ofertar, enquanto oferta aquilo que oferta”;
“Dízimos e ofertas são respostas do espírito humano à bondade de Deus”; “Primeiro você
recebe; depois, você oferta; depois, você se torna(a benção)”; “oferta não compra nada de
Deus. Oferta revela o coração do ofertante!”; “Dízimo é do liquido ou bruto? Do “bruto”,
pois Deus não te abençoa com desconto”