Anda di halaman 1dari 1

PRIMEIROS SOCORROS

• facilmente identificável, graças ao emblema distintivo


evidentemente exigido em grandes dimensões,
podendo ser visto de diversas direções e da maior
distância possível. Durante um conflito armado,
segundo o Direito Internacional Humanitário, um
posto de primeiros socorros que exibir um emblema
distintivo como acessório de proteção deve ser
poupado dos efeitos de violência, podendo realizar
suas tarefas sem qualquer impedimento.

Observação:
As Sociedades Nacionais podem exibir um dos
emblemas distintivos como acessório indicativo
em suas unidades de primeiros socorros. Deve
ser pequeno em termos de tamanho para evitar
qualquer confusão com o emblema utilizado como
aparelho de proteção. No entanto, incentiva-se
fortemente que as Sociedades Nacionais exibam nas
unidades de primeiros socorros um sinal alternativo,
como uma cruz branca no fundo verde (em uso nos
países da União Europeia e em alguns outros países),
para que o emblema distintivo não fique muito
associado aos serviços médicos em geral. Quando
um sinal alternativo de primeiros socorros é exibido
com outros emblemas distintivos, os emblemas
distintivos devem estar em maior evidência para
garantir o significado especial de proteção do
emblema distintivo. Em situações de conflito armado,
as unidades de primeiros socorros das Sociedades
Nacionais poderão exibir um emblema distintivo de
grandes dimensões como um acessório de proteção,
contanto que a Sociedade Nacional seja devidamente
reconhecida e autorizada pelo governo para assistir
os serviços médicos das forças armadas e contanto
que as unidades sejam empregadas exclusivamente
para as mesmas finalidades que os serviços
médicos militares oficiais e estejam sujeitas a leis e
regulamentos militares.

Unidades
Um posto de primeiros socorros é uma unidade
funcional e, por esse motivo, pode ser estabelecido

238