Anda di halaman 1dari 4

RESENHA DO DOCUMENTÁRIO

HISTÓRIAS DE UM BRASIL ALFABETIZADO

RODRIGO B.A.GOMES
ARACRUZ 2015
RODRIGO BORGES DE ARAUJO GOMES

HISTÓRIAS DE UM BRASIL ALFABETIZADO

Resenha apresentada à disciplina de


Educação de Jovens e Adultos do Curso de
Licenciatura em Química do Instituto
Federal do Espírito Santo, como requisito
parcial para avaliação. Professora:
Katiussia

ARACRUZ 2015
FICHA TÉCNICA

Documentário: Histórias de um Brasil Alfabetizado


Diretor: Bebeto Abrantes
Duração: 72 minutos

RESENHA

O Brasil é um país de diversidades sejam elas culturais, étnicas e até mesmo ..... .
Com educação não poderia ser diferente. Com isso, no desenvolvimento da prática
educacional, o educador deve levar em consideração a realidade dos educandos, pois
(citar Paulo Freire) ... ainda mais quando se fala em educação de jovens e adultos.
O documentário Histórias de um Brasil alfabetizado apresenta algumas dessas
realidades em diferentes regiões do país e como elas podem ser transformadas por meio
da alfabetização.
Uma delas é a de um cortador de cana que, apesar da rotina exaustiva durante o
dia, dedica o horário da noite para estudar. Uma observação interessante é que a
professora comenta que utiliza a força da cultura local com instrumento de trabalho em
sala de aula. Com isso, destaca-se a influência da cultura sobre o processo de ensino
aprendizagem. Outra história retratada é a de um casal que mora em uma periferia e que
melhorou sua relação após ter voltado a estudar.
O documentário também expõe a realidade dos estudantes da EJA nas grandes
cidades e pode-se ressaltar um agravante. De acordo com relatos apresentados no vídeo,
muitos desistem de estudar por causa da violência, uma vez que essa modalidade de
ensino ocorre no período noturno.

Analisando o depoimento dos professores, destaca-se a utilização realidade dos


educandos para auxiliar no processo de ensino aprendizagem, o que é perfeitamente
recomendado.

De maneira geral, pode-se destacar a dificuldade que as pessoas têm em dar


continuidade aos estudos, pois devem conciliar trabalho, família e estudo na vida adulta.
Esses fatores acabam dificultando a inserção e a permanência dessas pessoas nas
escolas. Mas, apesar de todas as dificuldades, aqueles que persistem adquirem
conhecimento de sua cidadania, de seus direitos e acabam transformando suas
realidades de alguma maneira.

comprova que nunca é tarde demais para conquistar uma satisfação pessoal e uma liberdade social que só
o domínio da leitura e da escrita pode trazer.

A Rede Brasil (TVE) exibe nesta sexta-feira, às 20h30, um doc sobre pessoas que cumprem talvez o mais
importante rito de passagem de suas vidas: a alfabetização

As diversas situações revelam o impacto da alfabetização sobre o machismo, a dependência econômica e a


auto-estima das pessoas. Numa comunidade quilombola paraense, a conquista da instrução básica resulta
na passagem da cultura oral para a escrita e, ao mesmo tempo, na autonomia administrativa de um projeto
de geração de renda. Nas ruas de São Paulo, Manoel, um catador de lixo, freqüenta suas primeiras aulas
com orgulho de garoto.