Anda di halaman 1dari 17

M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM

Secretaria de Negócios Jurídicos


CNPJ 45.332.095/0001-89

MINUTA DE PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR

Dispõe sobre o Plano de Carreira e Salários da Guarda


Civil Municipal de Mogi Mirim.

Carlos Nelson Bueno, Prefeito do Município de Mogi Mirim,


Estado de São Paulo, usando de suas atribuições legais,

FAÇO SABER que a Câmara aprovou e eu promulgo a seguinte Lei Complementar:

CAPÍTULO I
DA CORPORAÇÃO

Art. 1º. A Guarda Civil Municipal, corporação uniformizada, destinada à proteção dos bens, serviços
e instalações do Município, bem como à realização do patrulhamento preventivo, ostensivo e
comunitário, na condição de órgão da Segurança Pública, será formada por quadro de empregos
organizado em carreira, na forma desta Lei, com fundamentos na Constituição Federal e Estadual
e da Lei 13.022 de 08 de Agosto de 2014 e na Lei Orgânica do Município.

Parágrafo único. O uso do armamento pelo Guarda Civil Municipal seguirá o contido na legislação
federal.

CAPÍTULO II
DO QUADRO DE EMPREGOS DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL
Seção I
Da Composição e Atribuições

Art. 2º. Fica instituído o Quadro de Empregos da Guarda Civil Municipal, com as denominações e
quantidades estabelecidas no Anexo I e atribuições genéricas descritas nesta Lei, dispostos
hierarquicamente nos seguintes Níveis:
I – Guarda Civil Municipal 3ª Classe;
II – Guarda Civil Municipal 2ª Classe;
III – Guarda Civil Municipal 1ª Classe;

1
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

IV – Guarda Civil Municipal Classe Especial; e


V – Guarda Civil Municipal Classe Distinta.
Parágrafo único. A hierarquia entre os Guardas Civis Municipais é estabelecida pela estrutura
organizacional da Guarda Civil Municipal.

Art. 3º. Poderá a Guarda Civil Municipal, no limite de suas finalidades constitucionais, colaborar,
mediante convênio, com os órgãos responsáveis pela segurança pública, em conformidade com o
disposto na legislação federal e estadual.

Art. 4º. O Guarda Civil Municipal poderá ser alocado nos seguintes campos de atuação:
I – operacional, o qual abrange as atividades relativas:
a) ao planejamento, à elaboração, à execução, ao controle e ao gerenciamento das medidas
cabíveis à prevenção e à intervenção, na vigilância interna e externa dos bens municipais,
garantindo o exercício do poder de polícia da administração direta e indireta, observado os
procedimentos padrão emanados da autoridade municipal;
b) ao atendimento de solicitações emergenciais e adoção de procedimentos e medidas necessárias
ao deslinde da ocorrência;
c) ao patrulhamento preventivo e ostensivo das diversas regiões, nas unidades municipais, praças,
parques, jardins e demais logradouros públicos bem como nas áreas escolares, sendo que as
atividades destas últimas serão integradas à educação para a cidadania, além do patrimônio cultural
e ecológico municipal;
d) ao exercício do poder de polícia no âmbito do Município de Mogi Mirim, inclusive sancionatório,
ressalvadas as hipóteses em que, por força de lei, a atribuição seja privativa de outra categoria
funcional, situação em que poderá auxiliar a fiscalização com a prática de atos meramente
materiais; e
e) a respaldar a integridade física dos agentes públicos municipais quando estes estiverem no
exercício de suas funções.

II – trânsito, que abrange as atividades relativas:


a) à fiscalização e organização do trânsito, de forma complementar aos agentes de trânsito; e
b) à prevenção relacionada ao trânsito, junto à comunidade.

III – meio ambiente, que abrange as atividades relativas:


a) à fiscalização das áreas de proteção ambiental; e

2
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

b) à preservação e proteção do meio ambiente, junto à comunidade.

IV – canil da Guarda Civil Municipal, que abrange as atividades relativas à complementação da


proteção aos bens, serviços e instalações do Município com emprego de cães, atuando mediante
planejamento próprio, isoladamente ou em apoio às unidades da Guarda Civil Municipal, Polícia
Civil, Polícia Militar, Polícia Federal e Corpo de Bombeiros;

V – defesa civil, que abrange as atividades auxiliares relativas à prevenção e atendimento das
ocorrências de urgência e emergência inerentes aos procedimentos de defesa civil;

VI – administrativo, que abrange as atividades relativas ao planejamento, à elaboração, à execução


e ao gerenciamento das áreas responsáveis pela gestão de pessoal, comunicação, estatística,
suprimentos, logística e manutenção da Guarda Civil Municipal, desde que as atividades
desenvolvidas nessas áreas guardem estrita relação com as atividades específicas da Guarda Civil
Municipal.

§ 1º O desempenho das atribuições do Guarda Civil Municipal nos campos Operacional, Trânsito,
Defesa Civil, Ambiental, Canil, Administrativo poderá implicar a condução de veículos automotores
e no porte de arma, sendo responsabilidade do Guarda Civil Municipal manter estas habilitações
válidas.

§ 2º As sanções decorrentes da suspensão ou invalidação da CNH ou do porte de arma, bem como,


se for o caso, da ausência da comunicação de tais restrições ao Comando da Guarda Civil Municipal
estão previsas no artigo xxxx.

Art. 5º. Os integrantes da Guarda Civil Municipal têm as seguintes atribuições:


I – Guarda Civil Municipal 3ª, 2ª e 1ª Classes, Classe Especial e Classe Distinta:
a) cumprir e fazer cumprir as ordens recebidas de seus superiores;
b) desempenhar funções específicas nas áreas Operacional, Trânsito, Meio Ambiente, Defesa Civil,
Canil e Administrativa;
c) desempenhar funções burocráticas na organização operacional e administrativa que lhe forem
atribuídas;

3
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

d) percorrer a zona ou distrito que lhe foi confiado, observando pessoas e estabelecimentos para,
se necessário, adotar as medidas que se fizerem pertinentes, observados os parâmetros
estabelecidos pela Constituição Federal;
e) atender e operar as ocorrências dentro de suas atribuições;
f) encarregar-se da escrituração atinente ao serviço, cabendo-lhe mantê-la em dia e em ordem,
corrigindo as irregularidades verificadas;
g) manter seus superiores informados de todas as ocorrências verificadas ou de toda documentação
referente aos serviços sob sua responsabilidade;
h) zelar pela correção e asseio das viaturas e dependências do serviço;
i) comparecer em atos públicos onde se fizer necessário ou por designação superior;
j) auxiliar, quando solicitado, no controle e fiscalização do trânsito e do tráfego;
k) operar equipamentos de rádio para receber e transmitir mensagens em linguagem convencional
ou codificada;
l) registrar as mensagens recebidas, anotando em formulário próprio para encaminhamento ao
Comando ou ao seu Superior;
m) dirigir viaturas, acionando os seus equipamentos e conduzindo-as dentro dos limites do
Município, exceto em casos específicos determinados por instrução superior, sempre observando
as regras de trânsito;
n) auxiliar na atividade policial, desde que devidamente solicitado e autorizado;
o) exercer a guarda e vigilância em unidades, objetivando inibir a ocorrência de fatos delituosos por
terceiros;
p) atuar, emergencialmente, em eventos calamitosos, tomando as medidas que se fizerem
pertinentes;
q) exercer o poder de polícia, inclusive sancionatório, ressalvadas as hipóteses em que, por força
de lei, a atribuição seja privativa de outra categoria funcional, situação em que poderá auxiliar a
fiscalização com a prática de atos meramente materiais;
r) comparecer à sede da Guarda Civil Municipal, ou ao local de trabalho pontualmente a fim de
receber instruções;
s) cumprir e fazer cumprir as ordens de superiores hierárquicos;
t) executar, isoladamente ou em conjunto com outros órgãos públicos, o vídeo-monitoramento dos
logradouros municipais, equipamentos públicos e eventos culturais, esportivos e de lazer, auxiliando
a prevenção e a repressão das práticas ilícitas, de forma a contribuir para a prevenção do bem -
estar do município;

4
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

u) efetuar a segurança escolar municipal, através de vídeo-monitoramento, monitoramento de


alarmes, patrulhamento sistemático e travessia de escolares;
v) desenvolver e executar programas e campanhas educacionais informais destinadas à segurança,
ao trânsito, a prevenção do uso de drogas, à defesa do ambiente sustentável, à defesa dos direitos
humanos e ao fortalecimento da cidadania;
w) executar atividades de orientação, fiscalização e controle nos próprios públicos e serviços
públicos; e
x) exercer as demais atribuições que lhe forem conferidas.

II – Guarda Civil Municipal Inspetor:


a) efetuar rondas em todos os postos de serviços da Guarda Civil Municipal, comunicando as
alterações verificadas;
b) verificar nos postos de serviços as condições de trabalho dos Guardas Civis Municipais
escalados para o local, comunicando os fatos novos e sugerindo as mudanças necessárias ao bom
desenvolvimento do serviço;
c) colocar o efetivo em forma, verificando apresentação pessoal e efetuando preleções no início do
serviço;
d) verificar condições de equipamentos, armamento, uniforme, viatura, rádios HT e materiais
necessários ao bom andamento do serviço, comunicando as novidades encontradas;
e) propor alterações de escala e de postos de serviços;
f) encaminhar ao Comando toda a documentação recebida de seus subordinados;
g) fiscalizar as repartições da Guarda Civil Municipal nos aspectos de limpeza, higiene, instalações
elétricas e hidráulicas, cumprindo e fazendo cumprir determinações específicas do Comando;
h) comunicar as faltas e os atrasos ao serviço dos Guardas Civis Municipais, bem como
transgressões disciplinares por ele constatadas;
i) organizar os documentos e outras publicações autorizadas pelo Comando, que forem colocadas
em painéis existentes na Corporação;
j) fiscalizar o uso indevido de viaturas e, equipamentos, tais como, telefones, computadores, fax,
máquinas fotocopiadoras, televisões, vídeos, entre outros comunicando as irregularidades
constatadas;
k) supervisionar todas as atividades concernentes à Guarda Civil Municipal, bem como a proteção
dos bens e próprios municipais, efetuando rondas nos locais de trabalho ou onde for determinado
por ordem superior;

5
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

l) manter o Comando e o Sub-Comando a par de todos os assuntos da Guarda Civil Municipal,


internos e externos, cumprindo e fazendo cumprir as ordens deles recebidas;
m) providenciar o fornecimento de material necessário para a Guarda Civil Municipal, para a
execução das atividades de serviços normais e extraordinários, compreendendo eventos,
formaturas, solenidades municipais, representação, dentre outros, mediante formalização de pedido
ao Sub Comando;
n) remeter diariamente ao Comando e ao Sub Comando, um relatório das ocorrências e alterações
de escala;
o) zelar pela disciplina e instrução dos seus subordinados, propondo cursos e estágios aos seus
subordinados;
p) manter programa de instrução e preleção periódicas;
q) dirigir-se e fazer com que seus subordinados se dirijam ao Comando e ao Sub Comando da
Guarda Civil Municipal pelos meios regulamentares;
r) instruir seus subordinados de modo que se conscientizem da responsabilidade que assumem;
s) propor a escala mensal de serviço, incluindo todas as atividades da Guarda Civil Municipal,
encaminhando para aprovação do Comando;
t) fazer as substituições, diárias, na escala de serviço de acordo com as necessidades e
eventualidades surgidas;
u) representar o Comando ou o Sub Comando em solenidades, formaturas, reuniões, dentre outros
eventos na impossibilidade do comparecimento desses;
w) preservar a apresentação pessoal e de uniforme dos componentes da Guarda Civil Municipal;
v) desempenhar as funções específicas nas áreas de Meio Ambiente, do Canil da Guarda de
Trânsito e de Defesa Civil;
x) desempenhar funções burocráticas na organização operacional e administrativa que lhe forem
atribuídas; e
y) desempenhar outras atribuições que lhe forem determinadas pelos seus superiores.

III – Guarda Civil Municipal Inspetor Operacional

6
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

a) receber as orientações do Sub Comandante e distribuir aos Inspetores da Guarda Civil Municipal;
b) gerenciar e operacionalizar as Escalas de Serviço da Guarda Civil Municipal;
c) administrar a frota da Guarda Civil Municipal;
d) gerenciar todo o quadro de escala de Vigias Municipais;
e) Coordenar e fiscalizar a execução operacional e disciplinar nos serviços de responsabilidades da
Guarda Civil Municipal

IV – Guarda Civil Municipal Inspetor Administrativo


a)administrar todo pessoal de Guardas Civis Municipais;
b) ordenar despesas;
c) requisitar e administrar o uso de materiais e insumos da Guarda Civil Municipal;
d) regularizar e atualizar registros de alvará para funcionamento da Guarda Civil Municipal;
e) regularizar e atualizar documentações de todo material bélico;
f) regularizar e atualizar o Porte de Arma funcional;
g) assessorar o Comandante e Sub Comandante na documentação e registros da Guarda Civil
Municipal;
h) assessorar o Comandante e Sub Comandante na área técnica e planejamento.

V – Guarda Civil Municipal Sub Comandante


a) gerenciar os serviços administrativos;
b) substituir o Comandante em seus impedimentos legais
c) representar a Guarda Civil Municipal em todos os assuntos relativos à Corporação, na ausência
do Comandante;
d) representar o Comandante em solenidades oficiais, em eventos sociais ou beneficentes, quando
para isso designado;
e) supervisionar e controlar, através das unidades especificas, o desenvolvimento das atividades
próprias da Guarda Civil Municipal, no âmbito do Gabinete do Comandante;
f) reportar-se direto ao Comandante.

VI – Guarda Civil Municipal Comandante


a)Exercer o comando hierárquico do efetivo da Guarda Civil Municipal;
b) representar a Guarda Civil Municipal em todos os assuntos relativos às Corporações;
c) aprovar os planos e diretrizes operacionais e de ensino que permitam a consecução dos objetivos
da Guarda Civil Municipal;

7
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

d) promover o entrosamento da Guarda Civil Municipal com os demais Órgãos Municipais;


e) promover o entrosamento entre a Guarda Civil Municipal com os demais organismos afins;
f) elaborar e submeter à apreciação do Secretário programas gerais e setoriais e a proposta
orçamentária anual;
g) elaborar normas gerais e particulares de ações e ordens de serviço, a fim de coordenar as
atividades e definir responsabilidades das diversas seções da Guarda Civil Municipal
h) fiscalizar e analisar, a intervalos frequentes, os fatores relativos ao grau crítico e a vulnerabilidade
dos próprios municipais, visando aperfeiçoar a proteção global dos mesmos;
i) indicar ao Secretário de Segurança, através de análise e consulta, os elementos capazes para a
assunção de postos e melhorias no quadro de funcionários da Guarda Civil Municipal;
j) responsabilizar-se pela operacionalidade e disciplina da Guarda Civil Municipal;
k)reportar-se ao Secretário.

§1º São requisitos para nomeação para o cargo de Inspetor:


I) Pertencer no mínimo à 1ª classe;
II) Possuir escolaridade mínima de ensino médio completo.

§2º São requisitos para nomeação para o cargo de Sub Comandante:


I) Pertencer no mínimo à Classe Distinta;
II) Possuir escolaridade mínima de ensino técnico ou cursando superior incompleto.

§3º São requisitos para nomeação para o cargo de Comandante:


I) Pertencer no mínimo à Classe Especial;
II) Possuir escolaridade mínima de ensino superior completo.

§4º Os Guardas Civis Municipais 1ª Classe, Classe Distinta e Classe Especial poderão substituir o
Inspetor, Inspetor Operacional, Inspetor Administrativo, o Sub Comandante ou o Comandante
quando designado pelo seu superior.

§5º Os Guardas Civis Municipais 1ª Classe, Classe Distinta e Classe Especial poderão responder
pelo Inspetor da Guarda Civil Municipal nos casos de impedimento ou ausência deste no que
concerne ao serviço e atribuições diárias da Guarda Civil Municipal.

§ 6º As substituições em caráter eventual não terão direito à diferença salarial.

8
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

Seção II
Do Ingresso

Art. 6º. O ingresso no Emprego de Guarda Civil Municipal dar-se-á mediante concurso público, na
condição de Guarda Civil Municipal 3ª Classe, no Nível I e Grau A.
Parágrafo único. São requisitos necessários para a inscrição no concurso público para o ingresso
no Quadro da Guarda Civil Municipal, além de outros previstos em Edital:
I – ser brasileiro nato ou naturalizado, apresentando documento comprobatório no ato da inscrição;
II – possuir Ensino Médio completo, apresentando documento comprobatório no ato da inscrição;
III – possuir Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “A/B”, que permita a condução de
veículos automotores, apresentando documento comprobatório no ato da inscrição e na data da
posse;
IV – altura de 1,65 m (um metro e sessenta e cinco centímetros) para homens e 1,60 m (um metro
e sessenta centímetros) para mulheres;
V – ter no mínimo a idade de 21 (vinte e um) anos e no máximo 35 (trinta e cinco) anos, na data da
posse;
VI – não possuir antecedentes criminais, apresentando a certidão negativa para comprovação;
VII – ter aptidão física e psicotécnica plenas; e
VIII – estar quite com o serviço militar obrigatório, apresentando documento comprobatório no ato
da inscrição.

Art. 7º. Os concursos públicos para Empregos de Guarda Civil Municipal podem destinar vagas
para mulheres, com classificação própria.
Parágrafo único. A nomeação dos candidatos aprovados de ambos os sexos deve ocorrer
concomitantemente e na mesma proporção.

Art. 8º. O concurso para o Emprego de Guarda Civil Municipal será composto das seguintes fases:
I – prova de conhecimentos gerais e específicos, de caráter eliminatório e classificatório;
II – exame antropométrico, de caráter eliminatório;
III – teste de aptidão física, de caráter eliminatório e classificatório;
IV – prova de direção veicular, de caráter eliminatório;
V – investigação social e comportamental dos candidatos, de caráter eliminatório;

9
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

VI – avaliação psicotécnica específica para o emprego, comprovando estar apto a obter o porte de
arma, de caráter eliminatório;
VII – exame médico específico para o emprego, incluindo avaliação toxicológica, de caráter
eliminatório; e
VIII – avaliação final de capacitação, com aprovação no Curso de Formação, de caráter eliminatório
e classificatório.
Parágrafo único. Entende-se por investigação social a pesquisa da vida pública do candidato, por
meio da avaliação objetiva de documentos e atestados, a fim de que se comprove sua conduta
ilibada e idoneidade moral, incluindo a apresentação, pelo candidato, de documentos relativos aos
antecedentes criminais e de distribuição de ações judiciais.

Art. 9º. A última etapa do concurso público, de caráter elimininatório, para o emprego de Guarda
Civil Municipal contemplará Curso de Formação da Guarda Civil Municipal, conforme grade
curricular definida pela Secretaria de Segurança Pública, de sorte que os aprovados nas fases
anteriores ostentem a condição de Guarda Civil Municipal Aluno.

§ 1º Aprovado no curso de formação, o Guarda Aluno será efetivado como Guarda Civil Municipal
3ª Classe, iniciando seu estágio probatório até completar 3 (três) anos de efetivo exercício, sendo
avaliado durante todo o período, na forma prevista na legislação, como condição para aquisição de
estabilidade no serviço público.

§ 2º O Guarda Civil Municipal Aluno receberá bolsa-auxílio no valor proporcional a 100% (cem por
cento) do salário inicial do Guarda Civil Municipal 3ª Classe, Grau A.

Seção III
Do Regime de Trabalho

Art. 10º. O horário dos turnos de trabalho do Guarda Civil Municipal será fixado de acordo com a
natureza e a necessidade do serviço e dos campos de atuação, respeitados os editais de concurso
público e os respectivos acordos coletivos.

Seção IV
Da Remuneração

10
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

Art. 11º. O Guarda Civil Municipal será remunerado de acordo com o salário definido na Tabela
Salarial do Anexo II desta Lei, conforme o seu Nível e Grau.

Art. 12º. Além do salário, o Guarda Civil Municipal, caso preencham os requisitos legais,
perceberão:
I – biênio, que incidirá sobre o seu salário;
I – adicional por tempo de serviço;
II – adicional por periculosidade;e
III –Sexta Parte,

CAPÍTULO III
DA EVOLUÇÃO FUNCIONAL
Seção I
Disposições Gerais

Art. 13º. Fica instituída a carreira única da Guarda Civil Municipal, cuja evolução funcional se dará
por Progressão Horizontal e Vertical.

Art. 14º. A progressão horizontal é a passagem de um grau para outro imediatamente superior,
mantido o nível, mediante o processo de avaliação de desempenho conforme a Lei nº 205/06 e Leis
Complementares.

Seção II
Da Progressão Vertical

Art. 15º. A Progressão Vertical consiste na passagem para o Grau correspondente do Nível
imediatamente superior, mediante existência de vaga, independentemente do Grau em que esteja
posicionado o Guarda Civil Municipal.
§ 1º O controle das vagas por Nível da Guarda Civil Municipal é feito a partir do quantitativo dos
seguintes percentuais, considerando-se o total de do efetivo máximo permitido por Lei:
I – Nível I – Guarda Civil Municipal 3ª Classe: mínimo de 40% (quarenta por cento);
II – Nível II – Guarda Civil Municipal 2ª Classe: até 30% (trinta por cento); e
III – Nível III – Guarda Civil Municipal 1ª Classe: até 15% (quinze por cento).

11
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

IV – Nível IV – Guarda Civil Municipal Classe Especial: até 10% (dez por cento)
V – Nível V – Guarda Civil Municipal Classe Distinta: até 05% (cinco por cento).

Art. 16º. Está habilitado à Progressão Vertical o Guarda Civil Municipal que:
I – tiver exercido as atribuições do Emprego pelo interstício de 05 (cinco) anos no Nível em que se
encontra;
II – não tiver sofrido pena disciplinar de suspensão no interstício;
III – tiver obtido 02 (dois) desempenhos superiores à média da corporação, consideradas as 03
(três) últimas Avaliações de Desempenho;
IV – não tiver, durante o interstício, mais de:
a) 20 (vinte) ausências;
b) 15 (quinze) atrasos.
V – cumprir com os requisitos definidos no Artigo 17º, excetuando-se dessa previsão a exigência
de quaisquer cursos de reciclagem profissional;

§ 1º A média a que se refere o inciso III do caput deste artigo é obtida a partir da soma das notas
obtidas na Avaliação Periódica de Desempenho, considerando todo o efetivo da respectiva
corporação, não podendo ser inferior a 70 (setenta) pontos.

§ 2º Para fins do inciso IV, são consideradas ausências:


I – Falta justificada: ausência em caso de necessidade ou força maior, mediante requerimento
fundamentado do servidor e validação do seu chefe imediato; e
II – Falta injustificada: ausência sem apresentação de requerimento ou caso o requerimento
apresentado pelo servidor não for aceito pelo chefe imediato, em razão da impertinência das
justificativas apresentadas.
§ 3º Para os fins do disposto no inciso IV do caput deste artigo e do processo de Evolução Funcional,
os atrasos superiores a 15 (quinze) minutos serão considerados como ausência.
§ 4º Excluem-se do conceito de ausência, para fins do inciso IV:
I – as férias;
II – a licença maternidade e paternidade; e
III – os 06 (seis) meses iniciais de afastamento por doença ocupacional ou acidente de trabalho.

Art. 17º. São cargas horárias mínimas dos Cursos de Formação e Capacitação da Guarda Civil
Municipal:

12
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

I – Ingresso: 540 (quinhentos e quarenta) horas;


II – Guarda Civil Municipal 2ª Classe: 160 (cento e sessenta) horas;
III – Guarda Civil Municipal 1ª Classe: 160 (cento e sessenta ) horas;
IV – Guarda Civil Municipal Classe Especial: 160 (cento e sessenta) horas;e
V – Guarda Civil Municipal Classe Distinta: 160 (cento e sessenta) horas.
§1º. A titulação exigida para todos os nívieis nos Cursos de Formação será o Ensino Médio
completo.
§2º. Os Cursos de Capacitação terão validade de 60 (sessenta) meses, contados da data da
publicação da relação dos aprovados.

Art. 18º. O processo de Progressão Vertical inicia-se por ato do Prefeito e encerra-se com a
alteração de Nível dos Guardas Civis Municipais, que obtiveram melhor média de desempenho no
interstício, nas progressões até a Classe Distinta e que se capacitaram, conforme o Artigo 17º,
considerado o recurso orçamentário e financeiro disponível.
Parágrafo único. A Secretaria Municipal de Segurança, em conjunto com a Secretaria Municipal
de Administração e Finanças, publicará as relações dos Guardas Civis Municipais habilitados à
Progressão Vertical.

CAPÍTULO V
DAS DISPOSIÇÕES FINAIS E TRANSITÓRIAS

Art. 19º. As atribuições da Comissão de Gestão de Carreiras, instituída no âmbito da Secretaria


Municipal de Finanças e Administração, abrangem este Plano de Carreiras e Salários da Guarda
Civil Municipal.
Parágrafo único. Nas deliberações da Comissão de Gestão de Carreiras sobre a carreira ou sobre
os servidores da Guarda Civil Municipal, fica assegurada a participação de 2 (dois) membros
indicados pelo Secretário de Segurança Pública ou pelo Comandante da Defesa, com direito a voto.

Art. 20º. Os atuais ocupantes dos Empregos de Guarda Civil Municipal serão enquadrados no Grau
e o nível correspondente aotempo de serviço apurado na data do enquadramento da aprovação
desta Lei, da seguinte forma:

I - com mais de 25 (vinte e cinco) anos de tempo de serviço no emprego: Classe Distina;

13
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

II - com mais de 20 (vinte) até 25 (vinte e cinco) anos de tempo de serviço no emprego: Classe
Especial;
III - com mais de 13 (treze) anos até 20 (vinte) anos de tempo de serviço no emprego: 1ª Classe;
IV - com mais de 05 (cinco) anos até 13 (treze) anos de tempo de serviço no emprego: 2ª Classe:
V - até 05 (cinco) anos de tempo de serviço no emprego: 3ª classe.

Parágrafo único. Para fins do enquadramento definadas no caput deste artigo, não será exigida a
formação e titulação definidas pelo Artigo 17º.

Art. 21º. Ficam criadas as funções de confiança de Inspetor, Inspetor Operacional, Inspetor
Administrativo, Sub Comandante e Comandante privativas de Guarda Civil Municipal de 1ª Classe,
Classe Especial ou Classe Distinta.

§ 1º Caso não haja na estrutura de Empregos Guardas Civis Municipais de Classe Distinta, Classe
Especial e 1ª Classe, a designação para a função de confiança de Inspetor, Inspetor Operacional,
Inspetor Administrativo, Sub Comandante e Comandante poderão recair sobre guardas civis
municipais de 2ª e 3ª Classes.

§ 2ºEnquanto perdurar a designação, os designados para função de confiança terão ascensão


hierárquica sobre os demais Guardas Civis Municipais e perceberão “Gratificação por Exercício de
Função de Confiança” que corresponderá o valor definido no anexo III sobre o valor do Guarda Civil
Municipal 1ª Classe, Classe Especial ou Classe Distinta e grau o do servidor.

Art. 22º.As despesas decorrentes da presente Lei Complementar correrão à conta das dotações
orçamentárias próprias, consignadas no orçamento vigente.

§ 1º. Para fins de adequações e previsão orçamentárias, os Guardas Civis Municipais passarão a
perceber os vencimentos constantes nesta Lei à partir do mês da data base da categoria do ano
subsequente a aprovação desta Lei. Mantêm-se até o mês citado neste parágrado do ano
subsequente da aprovação desta Lei, os salários e vantagens vigentes dos Guardas Civis
Municipais, assegurando os reajustes salariais concedidos pela administração aos servidores
municipais, bem como a atualização dos valores constantes nos AnexosII e III, caso houver.

Parágrafo único. O provimento das funções de confiança e dos empregos de que trata esta Lei
Complementar fica condicionado à comprovação da existência de prévia dotação orçamentária
suficiente para atender às projeções de despesa de pessoal e aos acréscimos dela decorrentes,
assim como à existência de autorização específica na Lei de Diretrizes Orçamentárias, conforme
determina o § 1º, do artigo 169, da Constituição Federal.

14
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

Art. 23º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 24º. Revogam-se as disposições em contrário.

Mogi Mirim, ______de ________________de 2016.

ANEXO I - QUADRO DE EMPREGOS EFETIVOS E FUNÇÕES DE CONFIANÇA DA GUARDA


CIVIL MUNICIPAL

Nível do
DENOMINAÇÃO Carreira / Função de
emprego/hierarquia e Proposto %
DO EMPREGO Confiança
função de confiança
CLASSE DISTINA CARREIRA 14 05
CLASSE ESPECIAL CARREIRA 28 10
GUARDA CIVIL
1ª CLASSE CARREIRA 42 15
MUNICIPAL
2ª CLASSE CARREIRA 84 30
3ª CLASSE CARREIRA 112 40
TOTAL 280 100%

15
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

Nível do
DENOMINAÇÃO Carreira / Função de
emprego/hierarquia e Proposto
DO EMPREGO Confiança
função de confiança
FUNÇÃO DE CONFIANÇA –
COMANDANTE GCM DE CARREIRA 1

FUNÇÃO DE CONFIANÇA –
SUB COMANDANTE GCM DE CARREIRA 1

GUARDA CIVIL FUNÇÃO DE CONFIANÇA –


INSPETOR OPERACIONAL GCM DE CARREIRA 1
MUNICIPAL
INSPETOR FUNÇÃO DE CONFIANÇA –
GCM DE CARREIRA 1
ADMINISTRATIVO
FUNÇÃO DE CONFIANÇA –
INSPETOR 4
GCM DE CARREIRA
TOTAL 8

ANEXO II - TABELA DE SALÁRIOS DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL

DENOMINAÇÃO DO EMPREGO /
Nível A B C D E
HIERARQUIA
Guarda Civil Municipal Classe Distinta V 2.195,79 2.239,71 2.284,50 2.330,19 2.376,79
Guarda Civil Municipal Classe Especial IV 1.909,38 1.947,57 1.986,52 2.026,25 2.066,77
Guarda Civil Municipal 1ª Classe III 1.660,33 1.693,54 1.727,41 1.761,96 1.797,19
Guarda Civil Municipal 2ª Classe II 1.443,76 1.472,64 1.502,09 1.532,13 1.562,77
Guarda Civil Municipal 3ª Classe I 1.255,44 1.280,55 1.306,16 1.332,28 1.358,93

DENOMINAÇÃO DO EMPREGO /
Nível F G H I J
HIERARQUIA
Guarda Civil Municipal Classe Distinta V 2.424,33 2.472,82 2.522,27 2.572,72 2.624,17
Guarda Civil Municipal Classe Especial IV 2.108,11 2.150,27 2.193,28 2.237,14 2.281,89
Guarda Civil Municipal 1ª Classe III 1.833,14 1.869,80 1.907,20 1.945,34 1.984,25
Guarda Civil Municipal 2ª Classe II 1.594,03 1.625,91 1.658,43 1.691,59 1.725,43
Guarda Civil Municipal 3ª Classe I 1.386,11 1.413,83 1.442,11 1.470,95 1.500,37

16
M UNICÍPIO DE M OGI M IRIM
Secretaria de Negócios Jurídicos
CNPJ 45.332.095/0001-89

DENOMINAÇÃO DO EMPREGO /
Nível K L M N O
HIERARQUIA
Guarda Civil Municipal Classe Distinta V 2.676,66 2.730,19 2.784,79 2.840,49 2.897,30
Guarda Civil Municipal Classe Especial IV 2.327,52 2.374,07 2.421,56 2.469,99 2.519,39
Guarda Civil Municipal 1ª Classe III 2.023,93 2.064,41 2.105,70 2.147,81 2.190,77
Guarda Civil Municipal 2ª Classe II 1.759,94 1.795,13 1.831,04 1.867,66 1.905,01
Guarda Civil Municipal 3ª Classe I 1.530,37 1.560,98 1.592,20 1.624,05 1.656,53

DENOMINAÇÃO DO EMPREGO /
Nível P Q R S T
HIERARQUIA
Guarda Civil Municipal Classe Distinta V 2.955,24 3.014,35 3.074,64 3.136,13 3.198,85
Guarda Civil Municipal Classe Especial IV 2.569,77 2.621,17 2.673,59 2.727,06 2.781,61
Guarda Civil Municipal 1ª Classe III 2.234,59 2.279,28 2.324,86 2.371,36 2.418,79
Guarda Civil Municipal 2ª Classe II 1.943,11 1.981,97 2.021,61 2.062,04 2.103,29
Guarda Civil Municipal 3ª Classe I 1.689,66 1.723,45 1.757,92 1.793,08 1.828,94

DENOMINAÇÃO DO EMPREGO /
Nível U V X Y Z
HIERARQUIA
Guarda Civil Municipal Classe Distinta V 3.262,83 3.328,09 3.394,65 3.462,54 3.531,79
Guarda Civil Municipal Classe Especial IV 2.837,24 2.893,98 2.951,86 3.010,90 3.071,12
Guarda Civil Municipal 1ª Classe III 2.467,16 2.516,51 2.566,84 2.618,17 2.670,54
Guarda Civil Municipal 2ª Classe II 2.145,35 2.188,26 2.232,02 2.276,66 2.322,20
Guarda Civil Municipal 3ª Classe I 1.865,52 1.902,83 1.940,88 1.979,70 2.019,30

ANEXO III - TABELA DE GRATIFICAÇÃO PELO EXERCÍCIO DE FUNÇÃO DE CONFIANÇA DA


GUARDA CIVIL MUNICIPAL

Gratificação por Exercício de Função de


Função de Confiança
Confiança
Inspetor da Guarda Civil
R$ 1.000,00
Municipal
Inspetor Operacional R$ 1.000,00
Inspetor Administrativo R$ 1.000,00
Sub Comandante R$ 1.700,00
Comandante R$ 2.400,00

17