Anda di halaman 1dari 116

Jornal Valor --- Página 1 da edição "22/02/2019 2a CAD A" ---- Impressa por CGBarbosa às 21/02/2019@22:28:42

www.valor.com.br Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Ano 19 | Número 4696 | R$ 5,00

Governo retomará Com inteligência


projeto para testar artificial e segurança
exploração de gás de cibernética, Cisco
xisto no país A3 aposta em
China propõe comprar serviços, diz
mais US$ 30 bi em Albuquerque
produtos agrícolas dos B6
Estados Unidos A9

Destaques
Reforma propõe restrição à Bolsonaro
mantém ajuda
Justiça para elevar despesas à Venezuela
Daniel Rittner e Carla Araújo
Fabio Graner, Beatriz Olivon, Edna Simão jorado ou estendido por ato adminis- A PEC da Previdência Social também De Brasília
e Ribamar Oliveira trativo, lei ou decisão judicial, sem a abre espaço para facilitar uma mudan-
De Brasília correspondente fonte de custeio total”, ça na composição dos tribunais supe- Militares próximos ao presidente Jair
diz a PEC apresentada pelo governo. A riores pretendida por aliados do gover- Bolsonaro, setores do Itamaraty e autori-
O governo quer colocar uma trava no medida é um antigo desejo da área téc- no para aumentar a influência sobre o dades de Roraima temem o risco de gran-
Poder Judiciário para conter decisões nica do governo para tentar conter o Poder Judiciário e, principalmente, so- des confrontos entre oposicionistas e
que elevam despesas da Seguridade So- ímpeto dos juízes de diversas instân- bre o Supremo Tribunal Federal (STF). forças leais ao regime de Nicolás Maduro
cial — que inclui Previdência, assistên- cias, que tomam decisões que ampliam O projeto deixa para uma lei comple- nas proximidades da fronteira brasileira,
cia social e saúde. A Proposta de Emen- gastos previdenciários e de saúde. mentar a definição da idade máxima por causa da operação de ajuda humani-
da Constitucional (PEC) da reforma da O consultor legislativo Pedro Fer- para aposentadoria compulsória dos tária à Venezuela neste fim de semana.
Previdência, entregue ao Congresso na nando Nery, especialista em Previdên- servidores públicos. Em 2015, quando Mesmo assim, por determinação direta
quarta-feira, inclui a Justiça em disposi- cia, observou que a proposta tem a ver foi aprovada a “PEC da Bengala”, a idade de Bolsonaro, a iniciativa de levar ali-
‘Instituições contaminadas’ tivo que já existe no texto constitucio- com decisão recente do Superior Tribu- máxima foi aumentada de 70 para 75 mentos e medicamentos até o município
O ministro do Supremo Tribunal Fede- nal e proíbe criação, aumento ou exten- nal de Justiça (STJ) obrigando o INSS a anos. Com a mudança, Bolsonaro pode- fronteiriço de Pacaraima (RR) foi manti-
ral Gilmar Mendes diz que as institui- são de benefício de seguridade sem que pagar adicional de 25% sobre qualquer ria nomear quatro ministros para o STF, da. Serão cerca de dez caminhões, escol-
ções brasileiras acobertam “milícias”, se indique fonte de custeio. aposentadoria em que a pessoa neces- nas vagas de Celso de Mello, Marco Au- tados pela Polícia Militar do Estado e pela
acusa um procurador da Lava-Jato de “Nenhum benefício ou serviço da se- site de cuidado de terceiros, com im- rélio Mello, Rosa Weber e Ricardo Polícia Rodoviária Federal, sem envolvi-
querer incriminá-lo e revela que um guridade social poderá ser criado, ma- pacto anual estimado em R$ 5 bilhões. Lewandowski. Páginas A5 e A6 mento do Exército. Página A9
ministro do STF está sendo chantagea-
do. Alvo de inédita investigação do
‘Democracia agonizante’
GerentesdaValetocam
Fisco, criticou: “Agora, estamos vendo
a desinstitucionalização da Receita”.

Um plano para a reforma tributária

onegócioapós desastre
Em vez de uma reforma tributária com mu-
danças na Constituição, o jurista Ives Gan-
dra Martins e o ex-secretário da Receita
Everardo Maciel propõem 12 medidas com
alterações predominantemente infracons-
titucionais, para simplificar procedimen-
tos. A única mudança na Constituição seria Francisco Góes e Ivo Ribeiro sobre as indenizações. A preocupação do
para impedir que matéria tributária possa De São Paulo alto escalão da companhia não é barga-
ser tratada em medida provisória A2 nhar os valores das compensações, pois
Quatro semanas depois do rompi- entende tratar-se de um desastre. Mas
Vende-se fábrica de caminhões mento de barragem em Brumadinho conselheiros e o comando vão sustentar,
O governo paulista tentará ajudar a Ford (MG), tragédia que tirou a vida de mais em sua defesa, que não houve crime.
a encontrar um comprador para a fábri- de 300 pessoas (176 corpos encontrados A empresa trabalha com quatro linhas
ca da montadora em São Bernardo do até agora e 134 desaparecidos), a gestão de defesa para se contrapor a críticas de
Campo, que será desativada. O secretário da Vale está a cargo de 150 gerentes-exe- que não soube gerir riscos relacionados à
de Fazenda do Estado, Henrique Meirel- cutivos. A cúpula, incluindo a diretoria- barragem: a Vale possui área própria de
les, foi encarregado da missão, após par- executiva e o conselho de administração, geotécnica operacional; tem, também,
ticipar de reunião do governador João está totalmente dedicada ao caso. serviços de auditoria externa para suas
Doria (PSDB) com o presidente da Ford A mineradora tem dois objetivos barragens; conta com gestão de riscos
na América do Sul, Lyle Watters. B2 neste momento: dar ajuda financeira corporativos, o que inclui um comitê-
a todos os moradores da localidade — executivo ligado à diretoria e outro ao
Kroton pode levar Saber à Nasdaq e não apenas às famílias das vítimas — conselho de administração; e, por fim,
A Kroton poderá cindir sua divisão de edu- e avançar nas investigações sobre o de- dispõe de equipe de auditoria interna.
cação básica, a Saber — que reúne sistemas sastre. O Valor apurou que cerca de Embora a mineradora ainda não te-
de ensino, livros didáticos e prestação de 100 mil pessoas serão compensadas, nha identificado o que provocou o rom-
serviços para colégios — e abrir o capital des- ao longo de um ano, ao custo de pimento da barragem, as imagens da tra-
sa nova companhia na Nasdaq no próximo R$ 800 milhões, montante que, na vi- gédia que mostram o momento exato da
ano. Em setembro, a Arco Educação, dona são dos executivos, ajudará a recupe- ruptura sugerem que o maciço de rejei-
do sistema de ensino Ari de Sá, levantou rar a economia da região. Os detalhes tos sofreu liquefação, como já teriam
RUY BARON/VALOR

US$ 218 milhões na bolsa dos EUA e desde constam de Termo de Acordo Prelimi- apontado especialistas. Não houve si-
então suas ações subiram cerca de 50%. B5 nar (TAP) firmado com autoridades. nais, assegura uma fonte, de que a barra-
Segundo avaliação de fontes próximas gem poderia ceder. A Vale refuta, por
Portabilidade rumo às contas digitais Para José Sarney, que consolidou a transição do governo militar para os civis, hoje os Três Poderes às negociações, a Vale ganha, com o TAP, exemplo, que tenha havido falha nos me-
Pouco mais de sete meses após o BC libe- têm fendas que desestabilizam o país. “Estamos matando nossa democracia”. EU& Fim de Semana 12 meses para fechar acordo definitivo didores da barragem. Página B1
rar a portabilidade de salários para contas
digitais — muitas delas oferecidas por

Quem tem Constantinos perdem força na Gol


“fintechs” como Nubank e Mercado Pago
—, mais de 140 mil pessoas já fizeram o
pedido de transferência, 20% dos 708 mil

medo de
pedidos registrados no período. Para es-
pecialistas, embora pequeno, o número
pode indicar uma tendência. C8

Monteiro
Graziella Valenti uma reviravolta em relação ao projeto O fundo Volluto, dos Constantino,
Contrato do TJ-SP é suspenso De São Paulo anterior, abandonado em dezembro detém todas as ações ordinárias da em-
Liminar expedida pelo Conselho Nacional após críticas à maior concentração de presa. Outro veículo da família, o fun-

Lobato?
de Justiça suspendeu a contratação da Mi- A Gol prepara uma nova operação pa- poder nas mãos dos controladores. do Mobi, tem 49% das preferenciais —
crosoft, pelo Tribunal de Justiça de São ra incorporação de sua controlada Smi- As condições para a união das compa- que dão direito a dividendo equivalen-
Paulo, para o desenvolvimento da nova les, de programas de fidelidade, que a le- nhias estão mais favoráveis neste mo- te a 35 vezes o valor pago à ação ordiná-
plataforma de processo eletrônico da Cor- vará para o Novo Mercado e fará a família mento, na avaliação de analistas e inves- ria, acesso ao prêmio de controle (“tag
te paulista em ambiente de nuvem e deu Constantino perder o controle majoritá- tidores. Somadas, as empresas valem along”) e voto em circunstâncias espe-
prazo de dez dias para o envio de informa-
ções. O contrato, de R$ 1,32 bilhão, foi fei-
Artigo rio do grupo. O Valor apurou que os
atuais donos continuarão na gestão por
agora perto de R$ 16 bilhões, ante R$ 11
bilhões em 11 de outubro, último dia de
ciais. A Delta Airlines tem 12% das “su-
perpreferenciais” da brasileira. A Gol,
to na modalidade direta, sem licitação. E1 José de Souza Martins meio de uma participação relevante, negociações na bolsa antes de a decisão por sua vez, controla a Smiles, com 52%
Para o ‘Valor’, de São Paulo mais inferior a 50% do capital. Trata-se de de fundir as companhias ser anunciada. do capital votante e total. Página B8
Ideias Nos últimos tempos, os zeladores do
chamado politicamente correto “desco-
Claudia Safatle
Mesmo com a aprovação da reforma da
Previdência, a volta do crescimento não
é uma garantia incontestável. A2
briram” que Monteiro Lobato “seria ra-
cista”. O negro de seus escritos, para
quem conhece o folclore e a mentalida-
de brasileiros, parece um negro mini-
URV,ladoheterodoxodo
Viviane Martins
O Brasil corre o risco de se tornar um gran-
de parque “impressor em 3D”, que não de-
mizado, mas não o é.
Retificar a obra de Lobato, para corri-
gir-lhe as cruas verdades da desigualda-
de e da injustiça, é indevida e inadmis-
Plano Real, faz 25 anos nesta edição

senvolve nem retém tecnologia. A10 sível censura de obra literária, coisa de
polícia e não coisa de literatura. É criar Alex Ribeiro Em março de 1994, quatro meses an-
Indicadores uma mentira para enganar crianças e De Brasília tes do lançamento da nova moeda e em Relatório de
adultos. Fazer das histórias de Lobato
uma literatura pó de arroz. O Plano Real, único programa de com-
meio a uma inflação anual de quatro dí-
gitos, o governo lançou mão de uma
Administração
Ibovespa 21/fev/19 0,40 % R$ 16,2 bi O sectarismo e a intolerância que se bate à inflação que deu certo no Brasil, te- medida heterodoxa — a criação da URV,
Selic (meta) 21/fev/19 6,50 % ao ano difundem entre nós desde o início dos ria fracassado se não fossem os seus pila- uma unidade de referência atrelada à
res ortodoxos. A ambição do plano ia variação do dólar. O engenho consistia
2018
Selic (taxa efetiva) 21/fev/19 6,40 % ao ano
anos 1960 vêm alcançando níveis que
Dólar comercial (BC) 21/fev/19 3,7589/3,7595
Dólar comercial (mercado) 21/fev/19 3,7617/3,7623
ultrapassam os limites da ignorância lí- além de estabilizar os preços. A ideia era em superindexar os preços, fazendo-os
Dólar turismo (mercado) 21/fev/19 3,7249/3,9049 cita. O politicamente correto é incorreto implantar um novo modelo de desenvol- caminhar juntos até 1 o de julho, quan-
Euro comercial (BC) 21/fev/19 4,2652/4,2670 quando despoja nossa consciência vimento, claramente liberal. “O Plano do o real começou a circular.
Euro comercial (mercado) 21/fev/19 4,2638/4,2645 social da poesia que é própria da vida Real foi um plano criativo, mas ortodoxo, “Quando a URV dá lugar ao real, o plano
Euro turismo (mercado) 21/fev/19 4,2544/4,4344
e da inteligência. Sem a perspectiva do que tinha o ajuste fiscal no centro de suas se tornou um programa convencional de
todo, a obra de Lobato se torna incom- ações o tempo todo”, disse ao Valor Gus- estabilização monetária”, explicou Pérsio
preensível, o que abre caminho para o tavo Franco, um dos formuladores do Arida, outro “pai” do plano. Segundo ele,
descabido preconceito de leitor apressa- Real, ex-presidente do Banco Central e por causa do real, o Brasil foi na direção de
do e desatencioso. EU& Fim de Semana hoje sócio da Rio Bravo Investimentos. reformas liberais. EU& Fim de Semana
Jornal Valor --- Página 2 da edição "22/02/2019 2a CAD A" ---- Impressa por CGBarbosa às 21/02/2019@22:19:50

A2 | Valor | Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Brasil

Previdência ou Rio se mobiliza para discutir


Previdência previdência com outros Estados
incursões em defesa da
Claudia Safatle reforma da Previdência, Rodrigo Carro
LEO PINHEIRO/VALOR

tem se mostrado aberto a Do Rio


negociações políticas.
A PEC da Previdência é dura O governo fluminense planeja
e provavelmente será começar a discutir já na próxima
desbastada no Congresso. Mas semana com representantes de
o espaço para encolher a outros Estados a proposta de re-
proposta é menor a cada dia. forma da Previdência entregue
Os novos governadores, com os na quarta-feira pelo presidente
seus Estados quebrados, serão Jair Bolsonaro ao Congresso Na-
peça-chave na persuasão das cional. Segundo o presidente do

O
bancadas para a aprovação Fundo Único de Previdência So-
cenário para a da reforma. cial do Estado do Rio de Janeiro

É
economia (Rioprevidência), Sergio Aurelia-
brasileira é no ambiente no, a reunião está marcada para
claramente binário: de elevadas o próximo dia 26, no Palácio
ou aprova-se uma expectativas Guanabara, e deve contar com a
boa reforma da Previdência e, a e baixo presença de presidentes dos fun-
partir daí, pode-se abrir um crescimento dos previdenciários estaduais e
novo horizonte de crescimento descrito acima que os bancos secretários, além do governador
econômico; ou não se aprova e públicos trabalham. Os dois do Rio, Wilson Witzel (PSC).
o país cai no imponderável. principais bancos federais, “Há uma reunião nacional
Esta é a avaliação de várias Caixa e Banco do Brasil, depois marcada para abril, mas até lá o
autoridades do Executivo um de terem sido levados a Congresso já avançou [na discus-
dia após o envio ao Congresso expandir a carteira de crédito a são da reforma da Previdência]”,
Nacional da proposta de qualquer custo para sustentar argumenta Aureliano, acrescen-
emenda constitucional (PEC) um crescimento que não veio, tando que a proposta do governo
que restringe a concessão de durante o governo de Dilma federal está sendo analisada pelo Sergio Aureliano: para ele, “não seria muito justo” elevar alíquota previdenciária de servidores em até 8 pontos
benefícios e aposentadorias e Rousseff, se ajustam aos Rioprevidência. Até o momento,
que estima uma economia novos tempos. está confirmada a participação boa” a proposta de reforma da 11%, mas deve subir para 14% se a superávit técnico de R$ 463 mi-
de R$ 1,07 trilhão nos A ordem do ministro da na reunião do dia 26 de represen- Previdência enviada ao Congres- reforma passar no Congresso. lhões. No entanto, ele acredita
próximos dez anos. Economia é que tanto o Banco tantes de São Paulo, Rio Grande so, mas ressalta que as particula- “Não seria muito justo cobrar a que muitos Estados deverão lan-
É bastante comum entrar em do Brasil quanto a Caixa se do Sul, Minas Gerais e Bahia, en- ridades de cada Estado vão exigir alíquota suplementar”, diz Aure- çar mão da alíquota suplementar
um gabinete ministerial e ouvir desfaçam da carteira de crédito tre outros Estados. Se tudo correr soluções com algum grau de es- liano, frisando que esta é uma po- como forma de reduzir o déficit.
do titular da pasta a às grandes empresas, que conforme o previsto, um novo pecificidade. “A proposta signifi- sição pessoal dele. “Esta não é Aureliano trabalha na criação
constatação de que “estamos à devem ser atendidas pelo encontro deve ser marcado para ca uma nova previdência daqui uma posição do [governo do] Es- de um novo plano previdenciário
beira do abismo”. O mercado de capitais, e se depois do Carnaval. para frente. Só que você tem um tado, é minha. Mas vou defendê- (fundo) para o Rio de Janeiro, ca-
desequilíbrio das contas voltem para o varejo e para o Mesmo com uma alíquota de passivo [anterior] e cada um vai la no debate [sobre previdência].” pitalizado com ativos imobiliá-
públicas chegou a uma financiamento às micro, contribuição previdenciária para ter a sua própria engenharia para Na visão dele, a cobrança da rios de alta liquidez e recursos
situação insustentável e caberá pequenas e médias empresas, os servidores já no patamar de resolver o problema”, opina o alíquota extra se justificaria no provenientes do Imposto de Ren-
ao Congresso entender e reagir, ao setor imobiliário e a 14%, o Tesouro fluminense preci- presidente do Rioprevidência. caso de um fundo previdenciário da. A migração para o novo plano
sob pena de ressuscitar a projetos de saneamento. Para sou aportar no mês passado No caso do Rio, Aureliano se que fosse superavitário e passas- de parte dos beneficiários hoje
inflação. ambas instituições, a Petrobras, R$ 651 milhões para garantir o mostra contrário ao uso da alí- se a ser deficitário. “Os funcioná- pagos com recursos do fundo fi-
Se isso não ocorrer, é muito que lidera a tomada de pagamento de aposentadorias e quota extra de até oito pontos rios que contribuem hoje não nanceiro ocorreria de forma gra-
provável que a crise em que o empréstimo, comprometeu-se pensões do funcionalismo. Para percentuais para servidores pú- criaram o déficit, não participa- dual, diminuindo a necessidade
país vai mergulhar demandará a pré-pagar a dívida. A estatal este ano, o volume total de recur- blicos que consta da proposta. ram da gestão do fundo”, justifi- de aportes por parte do Tesouro
uma reforma ainda mais dura a já quitou, em janeiro, metade sos injetados pelo Estado do Rio Caso seja aprovada, a contribui- ca. A exemplo de outros Estados, fluminense. Os estudos atuariais
ser aprovada em uma ação do que devia à Caixa. de Janeiro para fazer frente aos ção cobrada dos servidores po- a estrutura criada no Rio de Ja- para determinar quais seria o
emergencial do Parlamento. Outro mandato dos compromissos previdenciários é deria chegar a 22%. Atualmente, neiro inclui um fundo financeiro perfil dos aposentados e pensio-
A aprovação da nova presidentes dos dois bancos estimado em R$ 4 bilhões. a alíquota de contribuição dos — deficitário — e outro previden- nistas a serem migrados está em
Previdência Social é necessária federais é para vender ativos e, Aureliano considera “muito servidores é, de modo geral, de ciário, que terminou 2018 com fase de elaboração.
para evitar que o Estado, nesse quesito, a realidade se
quebrado, saia dando calote de impõe. O Banco do Brasil, por
toda natureza e, sobretudo, na exemplo, só vai poder se livrar
dívida interna. Sem a PEC, não
há possibilidade de uma
retomada mais intensa do
de ativos que independem da
sua rede de clientes, tais como
o Banco Patagonia, o
Gandra e Everardo sugerem mudanças tributárias
crescimento. Com ela, porém, a Votorantim e o BB Américas. A
volta do crescimento é uma Caixa vai vender ações, mas Marta Watanabe cutida há décadas e não avança, grandes fortunas, a União Euro- ros e taxa Selic, e o Estado, ao efe-
forte possibilidade, mas não é não o controle das suas De São Paulo apesar das boas propostas apre- peia optou por impostos sobre tuar pagamentos, além da demora
uma garantia incontestável. subsidiárias de seguridade, sentadas. Há, porém, uma simplifi- informação”, exemplifica. na restituição ou ressarcimento,
cartões, loterias e assets. No lugar de uma reforma tri- cação do sistema tributário que Além da simplificação de obri- utiliza critérios diferenciados para
A carteira de crédito do BB butária focada em mudança na pode ser feita em prazo mais curto, gações acessórias, a proposta pagar, sem aplicação dos mesmos
Quanto mais tempo ainda está sob processo de Constituição, o jurista Ives Gan- com mudanças na legislação infra- também foca em melhora nos encargos aos quais o contribuinte
saneamento das extravagâncias dra Martins e Everardo Maciel, ex- constitucional e que podem atacar processos de emissão de docu- está submetido. O anteprojeto
demorar mais dura cometidas em 2013 e 2014. E, secretário da Receita Federal, de- principalmente a dificuldade de se mentos fiscais e do relaciona- proposto para o assunto não defi-
será a reforma por enquanto, não há fendem um conjunto de 12 pro- cumprir as obrigações acessórias, mento com o Fisco. Das 12 pro- ne o cálculo que deve ser utilizado,
demanda saudável por crédito postas que sugerem predomi- o que reduz a possibilidade de au- postas do anteprojeto, apenas mas destaca que deve ser o mesmo
no país, sustenta o presidente nantemente alterações na legisla- tuações fiscais, segundo Gandra. A uma trata de alteração constitu- usado pelo contribuinte no mo-
A expectativa que move o do BB, Rubens Novaes. ção infraconstitucional. Em vez corrupção e a sonegação, diz ele, cional, para garantir que nenhu- mento do pagamento ao Fisco.
governo e os agentes Para o presidente da Caixa, da substituição ou criação de tri- crescem com a complexidade da ma matéria tributária possa ser Outro anteprojeto constante
econômicos é de que a Pedro Guimarães, a instituição, butos existentes, a ideia é a sim- legislação. “Obrigações acessórias tratada via medida provisória. O da proposta refere-se à certidão
aprovação da reforma da como o maior banco de plificação e desburocratização de às vezes são mais preocupantes do anteprojeto também estabelece a negativa de débitos fiscais. A
Previdência vai retirar da cena infraestrutura do país, está processos e procedimentos. que o pagamento do tributo.” anterioridade plena, para que ideia é que a falta do documento
o risco da insolvência do buscando projetos que dão Para Everardo, propostas no Uma reforma tributária precisa apenas seja possível instituir ou não impeça que o contribuinte
Estado. Esse temor é que está resultado financeiro para sentido de simplificar o sistema ser estratégica, realista, focalizan- majorar tributos se aprovado até participe do processo licitatório
na base da desconfiança dos financiar e encontrou na tributário resultam em redução do problemas específicos e confe- 30 de junho do exercício anterior, aberto pelo setor público. Segun-
investidores internos e iluminação pública uma área de custos ao contribuinte e tam- rindo prioridade aos processos e juntamente com o orçamento. As do a proposta, a impossibilidade
externos. Removido o risco, bastante promissora. Nessa bém podem diminuir o conten- procedimentos tributários, defen- demais 11 alterações sugeridas de participar de licitações, para
haveria um fluxo de capitais área, há projetos para apenas cioso tributário. “É preciso muito de Everardo. Para ele, uma mudan- tratam de mudança infraconsti- muitos contribuintes, significa a
estrangeiros no país destinado, trocar as lâmpadas amarelas cuidado quando se fala em refor- ça do sistema de impostos deve tucional. O conjunto de propos- condenação de negócios de em-
principalmente, às obras de para as de LED, para ampliação mas.” Ele diz que há um mito contemplar ainda as grandes tas elaborado por Gandra e Eve- presas que estão inadimplentes.
expansão da infraestrutura. Ele da rede ou para novos quando se fala de complexidade transformações que estão ocor- rardo foi lançado nesta semana Sem participar de licitações, as
faria a roda da economia girar, investimentos. A Caixa quer do sistema tributário. “É preciso rendo no mundo contemporâneo, pela Federação do Comércio de empresas perdem campo de
criando demanda e empregos. entrar nesses investimentos e distinguir complexidade de ope- como a globalização e a quarta re- Bens, Serviços e Turismo do Esta- atuação, o que dificulta a quita-
O problema é que, agora, isso ser o agente cobrador na rabilidade e mitigar as causas volução industrial, incluindo as do de São Paulo (Fecomercio-SP). ção de dívidas com fornecedores
deve coincidir com o processo própria conta de luz. que agem em desfavor da opera- moedas virtuais, inteligência arti- Entre os anteprojetos, destaca- e também com o Fisco. Entre os
de desaquecimento das Outra área em que o banco bilidade”, afirma Everardo. Entre ficial, novas matrizes energéticas e se o que acaba com o tratamento demais anteprojetos, está o que
economias mais avançadas. está em negociação é a de as causas, cita a diversidade de novas formas de trabalho e de co- diferenciado adotado atualmente sugere alterações para garantir a
O Brasil deixou para trás a parceria para operações com as alíquotas e de bases de cálculo, municação. entre a cobrança de tributos venci- compensação universal de tribu-
sua pior recessão, mas a “maquininhas”. Na próxima sobreposição de incidências e in- É preciso também observar as dos por contribuintes e o paga- tos no âmbito de cada ente fede-
economia não decolou. O país semana, a Caixa deverá enviar determinação de conceitos. mudanças em curso em outros mento de precatórios. Segundo a rado e o que estabelece prazo
vive quase que uma estagnação pedidos de propostas a Gandra destaca que a reforma países, segundo ele. “A França proposta, o contribuinte arca máximo de 120 dias para solução
da economia. potenciais parceiros. tributária é importante, mas é dis- acabou com o imposto sobre atualmente com multa, mora, ju- de consultas ao Fisco.
Com a PEC da Previdência no O banco aguarda
Congresso, também começará autorização da Presidência da
a ser testada a capacidade do República para vender cerca de
presidente Jair Bolsonaro, R$ 8,5 bilhões em ações da Índice de empresas citadas em textos nesta edição
eleito para romper com o Brasil Petrobras que hoje são parte do
velho, do toma-lá-dá-cá, de seu patrimônio líquido. Acesso C8 Bradesco B2, C1, C8 Drogaria Pacheco São Goldman Sachs A4, C1 Nubank C8 Scipione B5
negociar o apoio de uma Na política de crédito, a Adidas B2 BTG Pactual C8 Paulo B5 HP B6 OAS A8 SMC Specialty Coffees B12
ampla base parlamentar. orientação é a de deixar as Apple C1 Bunge B12 Eletrobras A3, B8 Huawei A11, B6 Oracle B6 Smiles B8
ArcelorMittal B1 CA Technologies B6 Energisa B1 IBM B6 PagSeguro C8 Somos Educação B5
O Congresso também foi grandes empresas por conta do Arco Educação B5 Caixa A2 Enforce C8 Ipiranga B4 Paineiras Investimentos C2 Suzano B4
renovado para apagar da mercado de capitais e focar na Ática B5 Caixa Seguridade C1 Ericsson B6 Itaú BBA C1 Petrobras A2, A3, A8, B8 SWT B4
memória a política da troca de “padaria do seu Joaquim”, Avianca B8 Camil Alimentos B12 Evercore ISI B2 Itaú Unibanco C1, C8 PetroRio B3 Telecom Italia B6
apoio por cargos públicos, em como costuma dizer AZQuest A11 Capital Economics C2 Extrafarma B4, B5 Kroton B5 Platts A3
Tigre B3
que o ocupante assumia com o Guimarães, em que a Caixa B3 C1 CCR B8 Fabrimar B3 Lusosider B4 Raia Drogasil B5
TIM Brasil B6
Banco do Brasil A2, C1, C8 Chevron B3 Ford B2 MCM Consultores A4 RecargaPay C8
compromisso de desviar pretende vender seguro, cartão Banco Patagonia A2 Cisco B6 Fujitsu B6 Mercado Livre C8 Red Balloon B5
Ultra B4, B5
dinheiro para o partido; de crédito consignado, dentre Bank of America Merrill CNP Assurances C1 G5 Evercore B8 Mercado Pago C8 Rio Tinto B1 Ultracargo B4
quando não, para si próprio. outros produtos. Lynch B8 CSN B4 Garde Asset C2 Morgan Stanley C2 Rosenberg Associados A4 Vale B1
BB Américas A2 CVC B6 Gemini Trust Company C8 Multiplan B5 Saber B5 Volkswagen B2
Tentar reeditar tais práticas Diante da nova estratégia, a Votorantim A2
BHP B1 CVS Health B5 General Motors B2 Natura B1 Safra C2
será uma temeridade. carteira de crédito tanto do BB Bichara Advogados A5 Daimler B2 Gerdau B3, B4 Navigator Company B3 Santander A4, B4, C1, C8 Votorantim Cimentos B3
Para quem considerava o quanto da Caixa não deverá BNDES C1 Dell B6 Glencore B4 Nike B2 Santos Brasil B1 Western Asset A11
ministro da Economia pouco crescer ou vai crescer muito Boeing B1 Delta Airlines B8 Gol B8 Nokia B6 Saraiva B5 ZTE B6
pragmático e inflexível, a pouco neste ano.
surpresa tem sido notável.
Paulo Guedes, segundo Claudia Safatle é diretora adjunta de
interlocutores que têm Redação e escreve às sextas-feiras
acompanhado as suas E-mail claudia.safatle@valor.com.br
Jornal Valor --- Página 3 da edição "22/02/2019 2a CAD A" ---- Impressa por CGBarbosa às 21/02/2019@22:21:15

Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Valor | A3

Brasil
Infraestrutura Disputa tem potencial de render R$ 100 bi ao Tesouro
LEO PINHEIRO/VALOR

Leilãodacessãoonerosapode
serdefinidonasemanaquevem
Rodrigo Polito com a Petrobras”, afirmou ontem ao formato final e aos números.” tou, terá possibilidade de exercer
Do Rio o ministro a jornalistas, após par- A questão dos valores e da for- direito de preferência nas áreas.
ticipar de evento promovido pe- ma de pagamento para a Petrobras Questionado sobre a privatização
O governo pode bater o marte- la Agência Nacional do Petróleo, (se será em barril de petróleo ou da Eletrobras, o ministro afirmou:
lo na próxima semana sobre a Gás Natural e Biocombustíveis em dinheiro) é complexa e de- “Não estamos falando de privatiza-
realização neste ano do megalei- (ANP), no Rio. “Espero que, nessa manda a participação de outros ção da Eletrobras. Estamos falando
lão do excedente da cessão one- reunião, a gente confirme o lei- agentes do governo, de acordo de capitalização dela”. Com isso, si-
rosa, que tem potencial para ren- lão a ser realizado no último tri- com o ministro. “Estamos discu- nalizou que não está garantido que
der até R$ 100 bilhões para os co- mestre de 2019”, completou ele. tindo tudo isso. Não é só o Ministé- o processo de capitalização necessa-
fres públicos. Segundo o minis- No encontro da próxima sema- rio de Minas e Energia. É o Ministé- riamente resultará na desestatiza-
tro de Minas e Energia, Bento Al- na, também serão apresentados va- rio da Economia, é o TCU e a Petro- ção da companhia.
buquerque, o formato da revisão lores propostos para o pagamento bras, que é a maior interessada. E é Ele contou que a capitalização
do acordo da cessão onerosa com à Petrobras, referentes à revisão do com ela que se dá a revisão do con- pode ocorrer em 2019, mas que tu-
a Petrobras será apresentado ao contrato da cessão onerosa. Mas a trato [da cessão onerosa]. E a pró- do dependerá da definição do mo-
Conselho Nacional de Política definição dos valores, explicou o pria Advocacia-Geral da União es- delo, o que ainda está em anda-
Energética (CNPE), em reunião ministro, deve ocorrer apenas em tá participando para que a gente mento, e das prioridades do gover-
na próxima quinta-feira. Se tudo uma nova reunião do CNPE, prova- tenha um modelo que seja juridi- no. “Pode [ser feita a capitalização
correr como previsto, o governo velmente no fim de março. camente perfeito, não seja contes- neste ano], se for possível, se alcan-
poderá anunciar já na próxima “O valor que a Petrobras tem que tado e não ultrapasse nenhum dos çarmos esse modelo. Agora o go-
semana a realização do leilão pa- receber ainda está sendo discutido. limites que nós temos, sejam eles verno tem prioridade. E a priorida-
ra o último trimestre deste ano. Esse número acredito que a gente fiscal, sejam de valores a receber”. de no momento é a Previdência”,
“No dia 28 de fevereiro, vamos vai chegar nele no fim de março”, Com relação ao leilão do exce- afirmou. “Tão logo se tenha a mo-
ter uma reunião do CNPE e a ex- afirmou o ministro. “Isso vai ser dente da cessão onerosa, Albu- delagem disso [capitalização], a
pectativa é que nessa reunião a apresentadonodia28.Seoconselho querque explicou que a licitação gente vai implementar as ações.
gente já tenha equacionado essa aprovar, nós vamos marcar outra deve seguir modelos já utilizados Sem ter esse modelo, não posso di-
questão da revisão do contrato reunião e aí certamente chegaremos pelo governo. A Petrobras, con- zer quando isso será realizado.” Albuquerque: expectativa é realizar leilão no quarto trimestre deste ano

ANP espera decisão do Cade sobre refinarias da Petrobras


Do Rio “Esse estudo preliminar do Cade “A Petrobras hoje está vendendo ção, Oddone afirmou que a Petro- para esses ativos. É essa parcela de Campos e Santos que serão oferta-
não tem efeito obrigatório. Eles GLP a R$ 25 o botijão de 13 kg. A bras pretende revisitar parte de 30% dos ativos que deverá ser revi- dos na 16 a Rodada de Licitações,
A Agência Nacional do Petróleo, abriram uma investigação. E essa [empresa de informações] Platts seus campos maduros para uma sitada pela petroleira, explicou ele. prevista para o segundo semestre.
Gás Natural e Biocombustíveis investigação que está sendo con- está dizendo que o preço de pari- possível venda. “[Roberto] Castel- Com relação à oferta permanen- O tema será tratado na reunião de
(ANP) espera que o Conselho Ad- duzida por eles vai chegar a uma dade atual é R$ 19,70”, disse Od- lo Branco me disse que vai revisi- te, Oddone admitiu que o progra- hoje da diretoria da ANP.
ministrativo de Defesa Econômica conclusão que, sim, poderá ter done. “Os números atuais indi- tar este assunto”, disse, em refe- ma está avançando em ritmo me- Segundo o diretor, na prática,
(Cade) decida ainda neste ano so- efeito obrigatório”, disse ontem o cam que a paridade não está tão rência ao presidente da estatal. nor do que o esperado. Segundo a ideia é basicamente reduzir a
bre a obrigatoriedade de a Petro- diretor-geral da ANP, Décio Oddo- próxima no GLP”. Em outubro do ano passado, a ele, das cerca de 2 mil áreas previs- área de alguns blocos, que estão
bras vender ativos de refino no ne, em evento no Rio. Ele contou Segundo o diretor, com rela- ANP questionou a Petrobras sobre tas para serem incluídas na inicia- extrapolando as 200 milhas ma-
Brasil. No fim do ano passado, pro- que aproveitará reunião de traba- ção aos preços da gasolina e do a decisão de investimento em cer- tiva, apenas 158 estão disponíveis rítimas brasileiras, ou parte do
vocado pela ANP, o órgão de defesa lho prevista para hoje com o Cade diesel, a Petrobras está pratican- ca de 250 campos maduros terres- para o mercado. Ele contou que o polígono do pré-sal ou parte de
da concorrência divulgou estudo para perguntar sobre o andamen- do valores em linha com a pari- tres e em águas rasas. Posterior- Ibama está analisando os ativos e blocos já licitados no passado. “A
preliminar em que indicava que a to da investigação. dade internacional. Ele destacou mente, a estatal informou à agên- deverá liberar, nas próximas sema- rigor isso não precisa de autori-
estatal, dona de 98% do mercado O diretor da ANP também co- que essas comparações de preços cia que cerca de 70% dessas áreas nas, um grupo de 400 blocos. zação do CNPE [Conselho Nacio-
de refino do país, deveria se desfa- mentou que o preço do gás lique- só são possíveis com a transpa- serão colocadas à venda. A compa- Presente ao evento, o diretor da nal de Política Energética], por-
zer de refinarias, inclusive no Su- feito de petróleo (GLP) vendido rência de preços que é disponibi- nhia deverá investir nos 30% de ANP Aurélio Amaral, disse que a que não estamos incluindo área
deste. O documento, porém, não pela Petrobras nas refinarias está lizada para a sociedade hoje. áreas restantes e ficou de apresen- agência deve reconfigurar o tama- nova. Estamos só reconfiguran-
tinha caráter obrigatório. acima da paridade internacional. Na área de exploração e produ- tar à ANP o plano de investimentos nho de alguns blocos nas bacias de do o que já está autorizado.” (RP)

Governo retomará projeto para


LEO PINHEIRO/VALOR

testar gás não convencional no país


André Ramalho (P&D). Segundo a fonte, a propos- vencional, foi fundada a Coaliza-
Do Rio ta esfriou porque as empresas que- ção Não Fracking Brasil (Coesus),
rem ter garantias de que terão li- um grupo de ambientalistas, cien-
O governo tentará desengavetar cenças ambientais para produzir tistas e gestores públicos contrá-
novamente neste ano um projeto eventuais descobertas. Na prática, rios a esse tipo de exploração. Od-
piloto para testar o uso do fratura- a iniciativa privada fica desestimu- done defendeu, no entanto, que os
mento hidráulico, técnica de ex- lada a investir num teste, se não reais riscos associados ao uso da
ploração não convencional de gás poderá produzir no futuro. O go- técnica de faturamento hidráulico
natural bastante difundida nos Es- verno trabalha então em soluções precisam ser melhor debatidos.
tados Unidos, mas contestada por para contornar o impasse. “Essa prática já foi feita 700 mil
ambientalistas e proibida em uma Na Bahia e no Paraná, por exem- vezes nos Estados Unidos. Será que
série de Estados e municípios do plo, o uso do fraturamento hidráu- não há maneiras de mitigarmos os
país. Encabeçado pelo Ministério lico está suspenso por força de li- riscos? Recuso-me a acreditar nisso”,
de Minas e Energia ainda no gover- minares concedidas pela Justiça disse. “É claro que existe forma de fa-
no Michel Temer, o projeto esfriou Federal, “enquanto não houver zer [a perfuração] de forma respon-
ao longo do ano passado, mas uma prévia regulamentação do Conse- sável e séria”, complementou o dire-
fonte do governo afirmou que o lho Nacional do Meio Ambiente tor, durante lançamento de um es-
assunto continua sendo trabalha- (Conama)”. Na Bacia de Sergipe- tudo da FGV Energia sobre o gás de
do internamente na pasta e que a Alagoas, o Tribunal Federal da 5 a xisto (“shale gas”) no Brasil.
intenção é tentar viabilizar a ini- Região derrubou uma liminar se- O caderno faz algumas reco-
ciativa ainda em 2019. melhante, em 2018, mas a resis- mendações para o desenvolvimen-
Ontem, o diretor-geral da Agên- tência ao fraturamento se alastrou to do gás de xisto no Brasil, dentre
cia Nacional de Petróleo (ANP), Dé- por centenas de projetos de leis as quais a redução de royalties para
cio Oddone, saiu em defesa da pro- que proíbem o uso da técnica na projetos não convencionais (mais Diretor-geral da ANP, Décio Oddone diz que Brasil precisa “desconstruir” alguns mitos sobre o assunto
posta e disse que o Brasil precisa des- esfera municipal. custosos que o convencional) e a
construir alguns mitos sobre o as- O fraturamento hidráulico (ou elaboração de uma estratégia de tem tecnologias para mitigar a tria de gás de xisto no Brasil. servas para geração de energia
sunto. O incentivo à exploração não “fracking”, em inglês) é uma técni- comunicação coordenada para exploração não convencional. “O Estado brasileiro precisa se em termelétricas instaladas na
convencional de gás por pequenos ca que injeta fluidos – geralmente tentar desmistificar o assunto pe- “[O piloto] Vai nos permitir comprometer a levantar dados cabeça dos poços, a exemplo do
produtores era uma das propostas água – em alta pressão no poço pa- rante a opinião pública. A pesqui- olhar não só para a economicida- geofísicos sobre as bacias até o modelo que a companhia utiliza
do plano de governo apresentado ra fraturar rochas. Esse tipo de ex- sadora da FGV Energia, Fernanda de [da exploração não conven- ponto necessário o suficiente pa- hoje na Bacia do Parnaíba.
porJairBolsonaro,duranteacampa- ploração é contestado por am- Delgado, destaca que o projeto pi- cional], mas também ambiental. ra atrair a iniciativa privada... “Um dos maiores gargalos [para
nha eleitoral no ano passado. bientalistas que defendem que o loto é fundamental nesse sentido. Será uma prova dos nove para ver Precisamos ter mais sísmica e po- monetização do gás no Brasil] é a
O Valor apurou que uma das al- “fracking” consume enormes Questionada se a tragédia am- se é viável. Já existem hoje solu- ços públicos, mais estudos nas infraestrutura [devido à falta de
ternativas que vinham sendo ava- quantidades de água e pode levar à biental da Vale em Brumadinho ções tecnológicas suficientes pa- bacias sedimentares brasileiras”, gasodutos no interior do país]. Ca-
liadas ainda na gestão Temer era fi- contaminação de lençóis subterrâ- (MG) pode suscitar novos ques- ra mitigar riscos. Falta material disse, ao apresentar o estudo. so houvesse uma produção [não
nanciar o projeto com os recursos neos, por meio do uso de produtos tionamentos ao “fracking”, Del- de analise”, comentou. Durante o evento, o gerente de convencional no Brasil], seria para
da cláusula de investimentos em químicos no processo. gado reconhece que existe um A ex-diretora-geral da ANP, Exploração da Eneva, Frederico geração de energia na cabeça do
pesquisa e desenvolvimento, que Em 2013, no mesmo ano em desafio de comunicação com a Magda Chambriard, consultora da Miranda, disse que, se confirma- poço”, disse ele, ressalvando que a
obriga petroleiras que operam os que a ANP realizou a 12 a Rodada sociedade, mas que a indústria FGV, por sua vez, destaca a impor- das descobertas de recursos não Eneva está dedicada, neste mo-
campos mais lucrativos a investir de concessões, com áreas com po- de gás e de mineração possuem tância de investimentos públicos convencionais, no Brasil, o cami- mento, à exploração somente de
em pesquisa e desenvolvimento tencial para a exploração não con- naturezas diferentes e que exis- para o desenvolvimento da indús- nho natural seria o uso dessas re- recursos convencionais.

Damares diz que vai passar pente-fino em contratos de ONGs com Funai
Isadora Peron e Fabio Murakawa tem muita precisando dizer eu abro naquela Funai”, disse. revisão dos contratos é uma di- cessária, mas aquelas que não o Brasil possa escolher, daqui a
De Brasília tchau para a Funai”, disse ela on- Após o debate, a ministra ex- retriz do presidente Jair Bolso- estão fazendo trabalho sério se- quatro anos, se o presidente Jair
tem durante uma audiência na plicou que a revisão dos contra- naro. “Se tiver alguma ONG co- rão afastadas”, disse ela. Bolsonaro deve continuar no po-
A ministra da Mulher, da Famí- Comissão de Direitos Humanos tos está em um estágio inicial. metendo alguma irregularida- No Senado, Damares criticou o der. “Democracia é alternância
lia e dos Direitos Humanos, Dama- do Senado. “Na Funai está começando. São de, ela sairá da Funai. Mas isso “ativismo judicial” do Supremo de poderes. Estão no poder agora
res Alves, afirmou que vai passar Segundo Damares, há indícios muitos contratos, estamos lendo não é só na Funai. É uma tendên- Tribunal Federal (STF) em relação os conservadores. Então, deixa a
um pente-fino nos contratos que a de corrupção tanto na fundação os processos, fazendo uma ava- cia do governo Bolsonaro rever ao aborto e o ensino sobre “ideo- gente estar mostrando para o
Fundação Nacional do Índio (Fu- quanto na Secretaria Especial de liação, uma auditoria profunda o contrato com todas as ONGs logia de gênero” nas escolas. Ela Brasil o que os conservadores
nai) mantém com organizações Saúde Indígena (Sesai), ligada ao em todos os contratos de ONGs e no Brasil. Há muitas ONGs sérias também defendeu que é preciso querem fazer. Se não der certo, a
não governamentais (ONGs). Ministério da Saúde. “Eu me sur- também no próprio ministério.” no Brasil, que fique claro isso. A deixar que os “conservadores” gente sai daqui a quatro anos”,
“Tem muita ONG séria, mas preendo com cada caixinha que Damares afirmou ainda que a nossa parceria com ONGs é ne- mostrem a sua agenda para que defendeu Damares.
Jornal Valor --- Página 4 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por CCassiano às 21/02/2019@20:47:56

A4 | Valor | Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Brasil
ConjunturaParaanalistas,avançorefletemelhoradaatividade,masnãopreocupa Concordância em baixa

Inflação de serviços acelera


Negociações concluídas em janeiro
Acordos Convenções
400
351

e deve se aproximar de 4%
300

221
200
143
100
58
29 30
0

CLAUDIO BELLI/VALOR
2017 2018 2019
Bruno Villas Bôas e que a inflação de serviços deverá
Thais Carrança fechar o ano em 3,9%, acima dos
Total 409 250 173
Do Rio e São Paulo 3,5% acumulados nos últimos 12 Fontes: Fipe e Ministério do trabalho

meses. Além da melhora do ritmo


Depois de encerrar 2018 no
menor nível em 18 anos, a infla-
ção de serviços acelerou nos últi-
da economia e do mercado de
trabalho, ele menciona uma con-
tribuição maior dos preços dos
Acordos salariais voltam
mos meses e pode convergir ao
longo do ano para uma taxa pró-
xima da prevista para o Índice
aluguéis, que teriam mais espaço
para reajustes e devem ser in-
fluenciados pelo nível mais alto
a perder força em janeiro,
Nacional de Preços ao Consumi-
dor Amplo (IPCA), um pouco
abaixo de 4%. Analistas ouvidos
do Índice Geral de Preços de Mer-
cado (IGP-M). “O nível mínimo da
inflação de serviços certamente
aponta estudo da Fipe
pelo Valor dizem que a acelera- foi no ano passado”, diz França. Estevão Taiar ano mostram, porém, que nos
ção refletirá a melhora do ritmo Apesar dos sinais de acelera- De São Paulo meses seguintes a janeiro “os
da atividade, mas que o compor- ção, analistas fazem coro de que dois lados tentam encontrar
tamento não preocupa. o quadro inflacionário não preo- Os acordos salariais realiza- uma solução, embora ela seja de-
O Índice Nacional de Preços ao cupa. O próprio avanço das des- dos em janeiro caíram pelo se- morada”. “Os trabalhadores fi-
Consumidor Amplo-15 (IPCA- pesas com educação seria exem- gundo ano seguido, devido ao cam em uma situação ruim, en-
15), a prévia da inflação oficial plo disso. Embora tenha pressio- esvaziamento dos sindicatos tão o sindicato procura resolvê-
divulgada ontem, foi de 0,34% nado o IPCA-15 de fevereiro, a al- Alberto Ramos: “inflação de serviços tem surpreendido nos índices recentes” causado pela reforma trabalhis- la”, afirma Zylberstajn.
em fevereiro, ligeiramente acima ta foi a menor para o mês desde ta. A tendência, no entanto, é Para os trabalhadores que che-
de janeiro (0,30%). O resultado é 2012, início da série histórica do que os impasses sejam resolvi- garam a um consenso com seus
explicado pela inflação de servi- IBGE. “Esperávamos uma alta Serviços em alta dos ao longo do ano, com em- empregadores, a boa notícia é
ços, que acelerou de 0,36% em ja- maior da educação, acima do Variação de preços de serviços no IPCA-15 - em % presas e trabalhadores acertan- que janeiro foi o segundo mês se-
neiro para 0,63% neste mês, pu- reajuste de 4% do ano passado, do as novas remunerações. guido em que o reajuste salarial
xada por reajustes de mensalida- mas não veio”, diz França. 1,5
No mês passado, foram con- mediano teve ganhos reais, acima
des de educação (3,52%), tipica- O reajuste das mensalidades 1,01 cluídas 173 negociações (143 da inflação. Em dezembro e janei-
mente computados no período. escolares — que, pela metodolo- 1,0
0,63
acordos e 30 convenções). Em ro, o reajuste mediano foi de 4%,
Expurgados os efeitos da educa- gia do IBGE, os são contabilizados 2018 e 2017, por sua vez, as nego- enquanto o Índice Nacional de
ção e outros itens (como turismo e quase que integralmente em fe- 0,5
ciações concluídas somaram 250 Preços ao Consumidor (INPC)
comunicação), a inflação subja- vereiro — também veio abaixo do e 409, respectivamente. Os dados acumulado em 12 meses ficou em
0,0
cente de serviços — medida acom- esperado pelo Santander. A infla- 0,27 são do boletim Salariômetro, fei- 3,6% e 3,4%, respectivamente.
panhada pelo Banco Central por ção de cursos regulares foi de to pela Fundação Instituto de A tendência, segundo Zylbers-
-0,5
ser mais sensível à atividade — foi 4,60%, e a de cursos diversos, de Pesquisas Econômicas (Fipe) tajn, é que os aumentos reais con-
Fev Jan Jan Fev
de 0,49% em fevereiro, repetindo o 3,16%. O banco esperava, respec- com base em números do Minis- tinuem pelo menos nos próxi-
2017 2018 2019
índice do mês anterior e ligeira- tivamente, avanços em torno de tério do Trabalho. mos dois meses. Ele lembra que o
mente acima do esperado pelo 5% e 4,5% para esses indicadores. Fonte: IBGE
“A reforma trabalhista elimi- INPC funciona como uma espécie
Goldman Sachs. A variação acu- Vagner Alves, analista do San- nou a obrigatoriedade da contri- de “imã” para os reajustes. “Quan-
mulada em 12 meses pelos servi- tander, diz que, desta forma, revi- de inflação continuam muito Para o IPCA “fechado” de feve- buição sindical”, diz Helio Zyl- do a inflação é de 3,7%, o reajuste
ços subjacentes ficou 3,70%, acima sou para baixo sua estimativa pa- tranquilos”, afirma ele. reiro, a ser divulgado no início de berstajn, economista, professor é de 4%”, diz. As projeções para o
dos 3,46% de janeiro. ra a inflação de serviços de 2019, Na prévia da inflação de feverei- março, a Rosenberg espera um ín- da Faculdade de Economia e Ad- INPC acumulado em 12 meses de
“A inflação subjacente de servi- que passou de 3,9% para atuais ro, dos nove grupos que compõem dice ligeiramente mais alto, de ministração da Universidade de fevereiro e março são de, respecti-
ços surpreendeu ligeiramente 3,8%. Para ele, a aceleração da in- o IPCA-15, seis tiveram altas meno- 0,37%. A diferença em relação ao São Paulo (FEA/USP) e coordena- vamente, 3,6% e 3,8%, o que deve
para cima. Embora ainda esteja flação de serviços tem sido pon- res de preços ou quedas mais in- IPCA-15 (0,34%) será explicada ba- dor do Salariômetro. Os sindica- portanto manter os novos salá-
em nível confortáveis, a inflação tual, puxada também pela ali- tensas. O grupo de alimentação e sicamente por preços um pouco tos, de acordo com ele, vêm ten- rios acima da inflação.
de serviços tem surpreendido mentação fora do lar. “A ociosi- bebida, por exemplo, apresentou mais altos dos alimentos consumi- tando encontrar novas formas de Zylberstajn destaca também
nos índices recentes”, diz Alberto dade da economia continua mui- inflação de 0,64% em fevereiro, dores dentro de casa. A MCM Con- financiamento — sem sucesso. que o piso salarial mediano dos
Ramos, economista do Goldman to elevada, com a taxa de desem- abaixo do mês anterior (0,87%). O sultores, por sua vez, prevê o indi- “Isso dificulta o acordo” em um acordos assinados em janeiro foi
Sachs, em relatório a clientes. prego ainda alta. A recuperação grupo de transportes, por sua vez, cador acumulado de 12 meses ao primeiro momento entre empre- de R$ 1.097, o equivalente a 1,1
Leonardo França, economista do mercado de trabalho está sen- teve deflação de 0,46% em feverei- redor de 3,8% em fevereiro pelo IP- sas e trabalhadores. salário mínimo e o menor dos úl-
da Rosenberg Associados, esti,a do lenta e, com isso, os núcleos ro, puxado pela gasolina. CA “cheio” do mês. Os números dos últimos dois timos 12 meses.

Atividade Econômica Atualize suas contas


Indicadores agregados Variação dos indicadores no período
jan/19 dez/18 nov/18 out/18 set/18 ago/18 jul/18 jun/18 mai/18 abr/18 Em % Em R$
Indústria Mês TR (1) Poupança (2) Poupança (3) TBF (1) Selic (4) TJLP TLP FGTS (5) CUB/SP UPC Salário mínimo
jul/17 0,0623 0,5626 0,5626 0,7627 0,80 0,5843 - 0,3091 0,03 23,51 937,00
Produção física industrial (IBGE - %) *
ago/17 0,0509 0,5512 0,5512 0,7212 0,80 0,5843 - 0,2977 0,13 23,51 937,00
Total - 0,2 -0,1 0,3 -2,0 -0,8 -0,2 12,6 -10,9 0,8
set/17 0,0000 0,5000 0,5000 0,5528 0,64 0,5654 - 0,2466 0,26 23,51 937,00
Indústria de transformação - -0,4 -0,3 -0,1 -1,7 -0,6 -0,5 13,8 -12,3 0,9
out/17 0,0000 0,5000 0,4273 0,5918 0,64 0,5843 - 0,2466 0,19 23,54 937,00
Bens de capital - -5,7 -4,4 1,3 -1,8 5,6 -5,5 24,4 -18,9 1,8
nov/17 0,0000 0,5000 0,4273 0,5016 0,57 0,5654 - 0,2466 0,04 23,54 937,00
Bens intermediários - 0,7 0,7 -0,5 -1,2 -2,4 1,6 7,5 -6,3 1,5
dez/17 0,0000 0,5000 0,4273 0,4744 0,54 0,5843 - 0,2466 0,27 23,54 937,00
Bens de consumo - -0,6 -0,9 0,0 -1,9 -0,4 -1,0 18,3 -15,4 0,5
Faturamento real dessazonalizado (CNI - %) - 1,1 2,4 -2,3 -1,8 1,3 -5,1 27,5 -16,8 2,0
jan/18 0,0000 0,5000 0,3994 0,5227 0,58 0,5641 0,3867 0,2466 0,39 23,54 954,00
Indicador do nível de atividade - INA (FIESP - %) * - 1,5 0,0 0,0 -0,8 0,9 -1,9 12,2 -11,1 0,6 fev/18 0,0000 0,5000 0,3994 0,4302 0,47 0,5093 0,3923 0,2466 0,28 23,54 954,00
Vendas reais (FIRJAN - %) ** - -1,1 2,9 -0,5 25,5 24,2 23,3 17,9 5,2 19,6 mar/18 0,0000 0,5000 0,3855 0,4989 0,53 0,5641 0,3875 0,2466 -0,02 23,54 954,00
Comércio abr/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,4650 0,52 0,5340 0,3747 0,2466 0,22 23,54 954,00
Receita nominal de vendas no varejo - Brasil (IBGE - %) *(2) - -3,4 2,9 0,3 0,1 1,4 0,3 0,7 -0,1 1,0
mai/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,4672 0,52 0,5519 0,3651 0,2466 0,55 23,54 954,00
Volume de vendas no varejo - Brasil (IBGE - %) *(2) - -2,2 3,1 -0,9 -0,7 1,7 -0,2 -0,4 -0,8 0,7 jun/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,4859 0,52 0,5340 0,3691 0,2466 0,63 23,54 954,00
Consultas ao usecheque (ACSP - %) (1) ** 4,8 2,1 -2,0 -3,8 -3,0 -0,7 -4,0 -5,7 -5,4 -2,3 jul/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,5070 0,54 0,5486 0,3970 0,2466 0,34 23,54 954,00
Consultas ao sistema de proteção ao crédito (ACSP - %) (1) ** 0,4 3,1 5,5 4,6 1,3 5,9 8,4 10,1 2,1 11,2 ago/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,5279 0,57 0,5486 0,4289 0,2466 0,32 23,54 954,00
Mercado de trabalho set/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,4418 0,47 0,5309 0,4464 0,2466 -0,03 23,54 954,00
out/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,5132 0,54 0,5827 0,4519 0,2466 0,15 23,54 954,00
Taxa de desocupação (Pnad/IBGE - em %) - 11,6 11,6 11,7 11,9 12,1 12,3 12,4 12,7 12,9
nov/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,4609 0,49 0,5638 0,4416 0,2466 0,28 23,54 954,00
Taxa de desemprego total (DIEESE - % da PEA) *** - 15,10 15,70 16,50 17,30 17,40 17,00 17,00 17,40 17,50
dez/18 0,0000 0,5000 0,3715 0,4614 0,49 0,5827 0,4249 0,2466 0,08 23,54 954,00
Nível de emprego na indústria (FIESP - %) 0,41 -1,62 -0,69 -0,07 0,01 -0,14 0,00 -0,57 -0,16 0,43
jan/19 0,0000 0,5000 0,3715 0,5021 0,54 0,5867 0,3947 0,2466 0,54 23,54 998,00
Nível de emprego em São Paulo (SEADE/DIEESE - %) - -0,1 0,2 0,7 -0,1 0,5 -0,8 0,7 -0,9 0,9
fev/19 0,0000 0,5000 0,3715 0,4572 0,49 0,5298 0,3691 0,2466 - 23,54 998,00
Balança comercial (US$ milhões)
2019 0,00 1,00 0,74 0,96 1,04 1,12 0,77 0,49 0,54 0,00 4,61
Exportações 18.579 19.556 20.922 21.948 19.232 21.602 22.527 20.132 19.224 19.714 Em 12 meses * 0,00 6,17 4,56 5,94 6,41 6,86 4,96 3,00 3,41 0,00 4,61
Importações 16.387 12.917 16.860 16.106 14.116 18.778 18.651 14.325 13.261 13.792 2018 0,00 6,17 4,62 5,94 6,43 6,82 4,98 3,00 3,26 0,00 1,81
Saldo 2.192 6.639 4.062 5.842 5.117 2.824 3.876 5.808 5.963 5.922
Fontes: Banco Central, CEF, Sinduscon e Ministério da Fazenda. Elaboração: Valor Data * Até o último mês de referência
Fontes: IBGE, CNI, FIESP, FIRJAN, ACSP, DIEESE/SEADE, SECEX/MDIC. Elaboração: Valor Data. (1) Na capital SP. (2) Nova série com índice base 2014 = 100. * Metodologia com ajuste (1) Taxa do período iniciado no 1º dia do mês. (2) Rendimento no 1º dia no mês seguinte para depósitos até 03/05/12 (3) Rendimento no 1º dia no mês seguinte para depósitos a partir de
sazonal. ** Variação em 12 meses. *** Em São Paulo. 04/05/12; Lei nº 12.703/2012 (4) Taxa efetiva; para fevereiro projetada. (5) Crédito no dia 10 do mês seguinte (TR + Juros de 3% ao ano)

Produção e investimento Inflação Dívida e necessidades de financiamento


Variação no período Variação no período (em %) Valores em R$ bilhões - no setor público
Indicadores 2018 (1) 2017 2016 2015 2014 2013 Dívida líquida do setor público dez/18 nov/18 dez/17
Acumulado em Número índice
PIB (R$ bilhões) * 6.751,9 6.553,8 6.267,2 5.995,8 5.779,0 5.331,6 Valor % do PIB Valor % do PIB Valor % do PIB
PIB (US$ bilhões) ** 1.924,7 2.053,3 1.799,5 1.796,2 2.454,8 2.468,5 fev/19 jan/19 2019 * 2018 12 meses * fev/19 jan/19 dez/18 fev/18
Dívida líquida total 3.695,8 53,76 3.644,4 53,32 3.382,9 51,62
Taxa de Variação Real (%) 1,4 1,1 -3,3 -3,5 0,5 3,0 IBGE
(-) Ajuste patrimonial + privatização 29,1 0,42 32,1 0,47 32,6 0,50
Agropecuária 0,4 12,5 -5,2 3,3 2,8 8,4 IPCA - 0,32 0,32 3,75 3,78 - 5.116,93 5.100,61 4.946,50
(-) Ajuste metodológico s/ dívida* -450,6 -6,55 -436,9 -6,39 -279,5 -4,26
Indústria 1,3 -0,5 -4,6 -5,8 -1,5 2,2 INPC - 0,36 0,36 3,43 3,57 - 5.234,86 5.216,08 5.063,62
Dívida fiscal líquida 4.117,3 59,89 4.049,3 59,24 3.629,9 55,39
Serviços 1,5 0,5 -2,3 -2,7 1,0 2,8 IPCA-15 0,34 0,30 0,64 3,86 3,73 5.043,17 5.026,08 5.011,05 4.862,01
Formação Bruta de Capital Fixo (%) 4,3 -2,5 -12,1 -13,9 -4,2 5,8 IPCA-E - - - 3,86 3,86 - - 5.011,05 4.862,01 Divisão entre dívida interna e externa
Investimento (% do PIB) 15,6 15,0 15,5 17,8 19,9 20,9 Dívida interna líquida 4.847,0 70,51 4.812,4 70,40 4.393,1 67,03
FGV
Fonte: IBGE e Banco Central. Elaboração: Valor Data. *Preços de mercado. **Banco Central. Obs.: dados do IBGE apre- Dívida externa líquida -1.151,2 -16,75 -1.168,0 -17,09 -1.010,2 -15,41
IGP-DI - 0,07 0,07 7,10 6,56 - 697,92 697,45 655,98
sentados segundo a nova metodologia de cálculo. (1) 3º trim de 2018, nos últimos 12 meses.
Núcleo do IPC-DI - 0,30 0,30 3,87 3,72 - - - - Divisão entre as esferas do governo
IPA-DI - -0,19 -0,19 8,75 7,92 - 752,95 754,37 698,75 Governo Federal e Banco Central 2.763,7 40,20 2.724,8 39,86 2.534,1 38,67
IPA-Agro - -0,88 -0,88 7,52 7,13 - 942,71 951,06 885,13 Governos Estaduais 798,2 11,61 788,3 11,53 724,1 11,05
Contrib. previdenciária* IR na fonte IPA-Ind. - 0,04 0,04 9,16 8,18 - 658,26 658,03 608,57 Governos Municipais 72,9 1,06 69,4 1,01 65,3 1,00
Empregados e avulsos** Faixas de contribuição IPC-DI - 0,57 0,57 4,32 4,19 - 570,68 567,47 548,62 Empresas Estatais 61,0 0,89 61,9 0,91 59,4 0,91
INCC-DI - 0,49 0,49 3,84 4,03 - 749,52 745,86 721,41
Salário de Alíquotas em % Base de calculo Aliquota Parcela a deduzir Necessidades de financiamento do setor público dez/18 nov/18 dez/17
IGP-M - 0,01 0,01 7,54 6,74 - 707,49 707,44 663,31
em R$ em % IR - em R$ Fluxos acumulados em 12 meses Valor % do PIB Valor % do PIB Valor % do PIB
contribuições em R$ INSS (1) IRPF (2) IPA-M - -0,26 -0,26 9,43 8,16 - 773,59 775,63 715,11
Até 1.751,81 8,00 8,00 Até 1.903,98 - - IPC-M - 0,58 0,58 4,12 4,15 - 561,89 558,64 541,04 Total nominal 487,4 7,09 485,0 7,10 511,4 7,80
De 1.751,82 a 2.919,72 9,00 9,00 De 1.903,99 até 2.826,65 7,5 142,80 INCC-M - 0,40 0,40 3,97 4,09 - 747,66 744,70 719,33 Governo Federal** 500,9 7,29 501,1 7,33 503,9 7,69
De 2.919,73 até 5.839,45 11,00 11,00 De 2.826,66 até 3.751,05 15,0 354,80 IGP-10 0,40 -0,26 0,14 7,92 6,98 722,29 719,42 721,28 675,15 Banco Central -74,4 -1,08 -79,5 -1,16 -44,5 -0,68
Empregador doméstico (3) 8,00 - De 3.751,06 até 4.664,68 22,5 636,13 IPA-10 0,40 -0,59 -0,19 10,01 8,55 797,73 794,52 799,23 734,88 Governo regional 59,4 0,86 60,4 0,88 46,8 0,71
Acima de 4.664,68 27,5 869,36 IPC-10 0,38 0,45 0,83 4,09 3,98 565,49 563,34 560,83 543,82 Total primário 108,3 1,57 99,4 1,45 110,6 1,69
Fonte:PrevidênciaSocial.Elaboração:ValorData.*Competên-
cia fev/19. **Inclusive empregado doméstico. (1) Para fins de INCC-10 0,41 0,29 0,69 3,82 4,12 740,04 737,03 734,93 710,73 Governo Federal -79,7 -1,16 -91,4 -1,34 -64,8 -0,99
Fonte: Secretaria da Receita Federal
recolhimentoaoINSS.(2)Paradeterminarabasedecálculodo Elaboração: Valor Data Banco Central 0,7 0,01 1,0 0,01 0,8 0,01
FIPE
IRPF. (3) 0,8% de seguro contra acidente do trabalho Obs. Desconto por dependente: R$ 189,59 Governo regional -3,5 -0,05 -3,2 -0,05 -7,5 -0,11
IPC - 0,58 0,58 3,02 3,14 - 507,09 504,18 489,62
Fonte: Banco Central. Elaboração: Valor Data. * Interna e externa.** Inclui INSS. Obs.: Sem Petrobras e Eletrobras
DIEESE
ICV - 0,43 0,43 3,89 3,35 - 406,66 405,36 391,08
Principais receitas tributárias Obs.: IPCA-E no 4º trimestre = 0,61%, IGP-M 2ª prévia de fev/19 = -0,55% e IPC-FIPE 2ª quadrissemana fev/19 = 0,58%
Valores em R$ bilhões Fontes: FGV, IBGE, FIPE e DIEESE. Elaboração: Valor Data. *Acumulado até o último mês indicado. Resultado fiscal do governo central
Valores em R$ bilhões a preços de dezembro*
Discriminação Janeiro Var. janeiro Var.
Discriminação Janeiro-dezembro Var. dezembro Var.
2019 2018 % 2019 2018 % Imposto de Renda Pessoa Física 2018 2017 % 2018 2017 %
Receita Federal
Imposto de renda total 53,4 48,6 9,95 53,4 48,6 9,95
Pagamento das quotas - 2018 1. Receita total 1.506,5 1.454,5 3,57 144,6 157,3 -8,10
Receita Adm. Pela RFB*** 919,2 879,1 4,56 77,8 79,9 -2,63
Imposto de renda pessoa física 1,5 1,5 2,17 1,5 1,5 2,17 Arrecadaçao Líquida para o RGPS 396,6 394,0 0,68 53,5 51,0 4,88
Imposto de renda pessoa jurídica 26,8 24,0 11,78 26,8 24,0 11,78 No prazo legal
Receitas Não Adm. Pela RFB 190,7 182,8 4,28 13,2 27,8 -52,32
Imposto de renda retido na fonte 25,0 23,0 8,56 25,0 23,0 8,56 Quota Vencimento Valor da quota Valor dos juros Valor total
2. Transferências a Estados e Municípios 260,6 240,2 8,50 27,9 25,7 8,50
Imposto sobre produtos industrializados 5,0 4,7 6,35 5,0 4,7 6,35 (Campo 7 do DARF) (Campo 9 do DARF) (Campo 10 do DARF)
3. Receita líquida total (1-2) 1.245,9 1.214,3 2,60 116,6 131,6 -11,35
Imposto sobre operações financeiras 3,0 2,9 3,33 3,0 2,9 3,33 1ª ou única 30/04/18 - Campo 7 4. Despesa Total 1.371,1 1.344,8 1,95 148,4 153,4 -3,23
Imposto de importação 3,7 3,2 13,80 3,7 3,2 13,80 2ª 31/05/18 1,00% Benefícios Precidenciários 594,7 585,9 1,50 62,4 61,1 2,19
Cide-combustíveis 0,3 0,4 -41,26 0,3 0,4 -41,26 3ª 29/06/18 1,52% + Pessoal e Encargos Sociais 302,4 298,7 1,22 32,3 31,1 3,85
Contribuição para Finsocial (Cofins) 22,9 22,2 2,90 22,9 22,2 2,90 4ª 31/07/18 Valor da declaração 2,04% Campo 8 Outras Despesas Obrigatórias 191,0 195,0 -2,04 15,3 17,5 -12,54
CSLL 16,1 14,4 11,79 16,1 14,4 11,79 5ª 31/08/18 2,58% Despesas Díscricionárias - Todos os Poderes 283,0 265,3 6,70 38,4 43,7 -12,12
PIS/Pasep 6,3 6,0 4,64 6,3 6,0 4,64 5. Resultado Primário do Gov. Central (3-4) -121,1 -130,5 -7,24 -31,8 -21,8 45,69
6ª 28/09/18 3,15% +
Outras receitas 49,9 53,2 -6,21 49,9 53,2 -6,21 Tesouro Nacional e Banco Central 77,0 61,4 25,37 -22,9 -11,8 94,48
7ª 31/10/18 3,62% Campo 9
Total 160,4 155,6 3,09 160,4 155,6 3,09 Previdência Social (RGPS) -198,0 -191,9 3,19 -8,9 -10,0 -11,48
8ª 30/11/18 4,16%
dez/18 nov/18 dez/17 Dívida líquida do Tesouro Nacional dez/18 nov/18 dez/17
Pagamento com atraso
Valor Var. %* Valor Var. %* Valor Var. %* Valor % do PIB** Valor % do PIB** Valor % do PIB**
Multa (campo 08) - sobre o valor do campo 7 aplicar 0,33% por dia de atraso, a partir do primeiro dia após o vencimento até
ICMS - Brasil 43,6 1,94 42,8 4,00 41,0 4,65 Dívida líquida do Tesouro Nacional 2.740,8 39,87 2.690,1 39,35 2.453,9 37,44
o limite de 20%; Juros (campo 09) - aplicar os juros equivalentes à taxa Selic acumulada mensalmente, calculados a partir
dez/18 nov/18 dez/17 de maio/18 até o mês anterior ao do pagamento e de 1% no mês de pagamento; Total (campo 10) - informar a soma dos Dívida líquida interna 2.593,4 37,73 2.544,0 37,22 2.331,0 35,57
Valor Var. %* Valor Var. %* Valor Var. %* valores dos campos 7, 8 e 9. Fonte: Receita Federal do Brasil. Elaboração: Valor Data. Dívida líquida externa 147,4 2,14 146,1 2,14 122,9 1,88
INSS 53,5 67,53 31,9 -0,33 49,2 60,65 Fonte: Secretaria do Tesouro Nacional. Elaboração: Valor Data
Fonte: Receita Federal, Previdência Social, Secretaria da Fazenda. Elaboração: Valor Data. * Sobre o mês anterior Mais informações: www.valor.com.br, www.ibge.gov.br e www.fipe.org.br * Deflator: IPCA ** PIB em valor corrente, acumulado em 12 meses *** Somando Incentivos fiscais
Jornal Valor --- Página 5 da edição "22/02/2019 2a CAD A" ---- Impressa por CGBarbosa às 21/02/2019@22:09:22

Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Valor | A5

Política
Congresso PEC inclui Judiciário na norma que proíbe
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

criação de benefícios sem indicar fonte de custeio

Governo tenta frear


alta de despesa
imposta pela Justiça
Fabio Graner, Beatriz Olivon, técnica do governo para tentar sões afastando regras previstas
Edna Simão e Ribamar Oliveira conter o ímpeto dos juízes de di- em lei que limitavam valores ou
De Brasília versas instâncias, que tomam deci- impediam acesso a benefícios
sões que ampliam gastos previ- como o BPC, programa social que
O governo quer colocar uma denciários e de saúde. O governo paga um salário mínimo a pes-
trava no Poder Judiciário para con- diz não ter estimativas de impacto soas consideradas em situação Narlon Gutierre: secretário-adjunto da Previdência diz que hoje apenas Executivo e Legislativo têm limitações
ter decisões que elevam despesas da medida e nem informa qual se- de miséria.
na seguridade social — que inclui ria o volume de decisões judiciais O consultor legislativo Pedro guchi Marques, sócio da área previ- positivo não é autoaplicável, mas pago pela Previdência a trabalha-
Previdência, assistência e saúde. A que elevaram as despesas da segu- Fernando Nery, especialista em denciária do Bichara Advogados. uma diretriz para o sistema judi- dores com remuneração mensal
proposta de emenda constitucio- ridade nos últimos anos. Previdência, avaliou que a propos- Para ele, existem muitas deci- cial. “Falta regulamentação sobre de até R$ 1.364,43, pode ser de
nal (PEC) da reforma da Previdên- A limitação para criação de ta tem a ver com decisão recente sões judiciais que dão benefício como o Poder Judiciário vai fazer R$ 46,54 e R$ 32,80 por filho e é fi-
cia, entregue ao Congresso na despesas desta natureza já está do Superior Tribunal de Justiça previdenciário de forma indevi- quando conceder”, disse. xado em todo início de ano.
quarta-feira, inclui a Justiça no dis- prevista na Constituição. O secre- (STJ) obrigando o INSS a pagar adi- da, sem prova específica ou rela- Além desse dispositivo, a PEC da Na proposta de reforma, o go-
positivo constitucional que proíbe tário-adjunto de Previdência do cional de 25% sobre qualquer apo- ção entre a decisão e a cobrança Previdência traz também limita- verno também faz uma mudança
a criação, aumento ou extensão de ministério da Economia, Narlon sentadoria em que a pessoa neces- de contribuição para seu custeio. ções para o pagamento de salário- contábil para tornar mais transpa-
benefícios sem que se indique fon- Gutierre, explicou que do jeito site de cuidado de terceiros. “O im- Um exemplo é a aposentadoria família e auxílio-reclusão. Esses rente a análise das contas previ-
te de custeio. que hoje está na Carta, o disposi- pacto anual estimado é de R$ 5 bi- especial. Um aposentado pede na benefícios só poderão ser pagos a denciárias. A PEC separa a seguri-
“Nenhum benefício ou serviço tivo gera restrição para decisões lhões”, lembrou Nery Justiça a aposentadoria por expo- quem ganha até um salário míni- dade social em três grupos: previ-
da seguridade social poderá ser do Executivo e Legislativo, res- “Percebo uma intenção clara de sição ao ruído e obtém o benefício, mo. A PEC estipula um valor de dência, assistência social e saúde.
criado, majorado ou estendido ponsáveis por definir regras de entregar uma diretriz para a admi- mas não foi feita essa contribuição. R$ 46,54 do salário família por fi- Um dos objetivos é deixar claro
por ato administrativo, lei ou deci- concessão de benefícios. nistração pública e ao Poder Judi- De acordo com o advogado, com a lho e de um salário mínimo para o não só a existência de déficit previ-
são judicial, sem a correspondente “A ideia é que isso tenha vali- ciário de não se esquecer da fonte alteração, indica-se ao Judiciário auxílio-reclusão. Atualmente, este denciário, que costuma ser contes-
fonte de custeio total”, diz a PEC dade para todos os Poderes”, co- de custeio, senão será responsabili- que se ele der essa decisão, deverá benefício é devido para quem tem tado por alguns grupos, como ex-
apresentada pelo governo. A me- mentou, explicando que o Judi- zado pelo desequilíbrio do siste- prever de onde virá o valor. salário de contribuição de até plicitar o quanto do Orçamento é
dida é um antigo desejo da área ciário com frequência toma deci- ma”, afirma o advogado Caio Tani- O advogado acredita que o dis- R$ 1.364,43. Já o salário-família, utilizado nessas áreas.

Estados poderão vincular tributos a pagamento de dívidas


De Brasília Estados (FPE) ou dos Municípios nadores, o governo constituciona- tuições financeiras, o governo tamente acabar com a judiciali- tear o regime próprio de previ-
(FPM) podem ser utilizados com lizou uma medida que penaliza os exige que o Estado ou município zação da questão, obrigando os dência social. A contribuição or-
Um artigo da proposta da re- esses objetivos, de acordo com Estados e municípios que não apresente o Certificado de Regu- governadores e prefeitos a cum- dinária poderá ter alíquotas pro-
forma da Previdência, encami- explicações do secretário-adjun- cumprem as regras gerais de orga- laridade Previdenciária (CRP). prir as regras aplicáveis aos regi- gressivas ou escalonadas, de
nhada pelo presidente Jair Bolso- to de Previdência do ministério nização e funcionamento dos regi- Quando não estão cumprindo mes próprios de Previdência. acordo com o valor da base de
naro ao Congresso na quarta-fei- da Economia, Narlon Gutierre. mes próprios de previdência dos as regras previdenciárias, o Estado A PEC da reforma define que as contribuição ou do benefício re-
ra, permite que os Estados e mu- Ao incluir esse artigo na Pro- seus servidores. Se a PEC for a apro- ou município não consegue o CRP. regras gerais para os regimes cebido. A contribuição extraor-
nicípios vinculem as receitas de posta de Emenda Constitucional vada, os governos estaduais e pre- Para continuar recebendo as trans- próprios sejam adotadas imedia- dinária será destinada a equacio-
seus tributos próprios para o pa- (PEC) da Previdência, o governo feituras que não cumprirem as re- ferências da União ou um emprés- tamente pelos Estados e municí- nar o déficit atuarial do regime
gamento de dívidas com os regi- atendeu, em parte, a um pleito gras não terão direito a transferên- timo de instituição financeira fe- pios. Os entes da Federação terão próprio e também poderá ter alí-
mes próprios de Previdência de dos governadores. Eles deseja- cias voluntárias da União, à con- deral, o governador ou prefeito in- um prazo de dois anos, contado quotas progressivas ou escalona-
seus servidores. A proposta per- vam, no entanto, que a vincula- cessão de avais, de garantias, sub- gressa na Justiça alegando que a da data de promulgação da das.
mite também que a receita dos ção dos tributos ao pagamento venções ou de empréstimos e fi- exigência da lei 9.717/1998 fere a emenda da reforma, para insti- Os Estados e os municípios te-
tributos seja vinculada ao paga- de dívidas previdenciária e à nanciamentos de instituições fi- autonomia dos entes federativos. tuir a previdência complementar rão 180 dias de prazo para ade-
mento de débitos estaduais ou União fosse obrigatória. Mas nanceiras federais. Com isso, conseguem liminar dos seus servidores. quar a alíquota ordinária de con-
municipais com a União ou dada prevaleceu o entendimento da Este dispositivo já consta da Lei na Justiça e continuam sem cum- Os Estados e os municípios te- tribuição devida por seus servi-
como garantia ou contragaran- área econômica, que deixou no 9.717/1998, mas o governo não prir as regras previdenciárias e rão que instituir, por meio de lei, dores. Decorrido o prazo sem a
tia de empréstimos obtidos jun- texto apenas uma autorização consegue que ele seja obedecido. recebendo transferências, garan- contribuições ordinárias e ex- adoção da alíquota, os governos
to ao governo federal. para a vinculação. Para ter direito às transferências tias e empréstimos. Ao constitu- traordinárias, cobradas dos ser- estaduais e prefeituras terão que
Até agora, apenas os recursos Ao mesmo tempo em que aten- voluntárias, às garantias da cionalizar a proibição por meio vidores públicos, dos aposenta- adotar a alíquota de 14% em ca-
dos Fundos de Participação dos deu uma reivindicação dos gover- União e aos empréstimos de insti- da PEC, o governo pretende jus- dos e dos pensionistas para o cus- ráter definitivo. (RO, ES, FG)

Equipe econômica diz que governadores estão atendidos Vedada inclusão de débitos
Carolina Freitas e Arícia Martins
De São Paulo previdenciários nos Refis
responder uma pergunta de um
dos economistas presentes. Na
apresentação da proposta aos che-
para servidores públicos. E não
ficou só na parte do benefício,
mas também do custeio. Para os
complementar que vai definir o re-
gime de aposentadoria de milita-
res será enviada ao Congresso em
Em apresentação para econo- fes estaduais, alguns manifesta- 2,1 mil municípios que têm pre- até 30 dias. “A PEC dá força consti- De Brasília forma que foi construído, explicou a
mistas do mercado financeiro ram insatisfação com a ideia de vidência capitalizada, o efeito da tucional e instrumentos para que fonte, o texto faz com que dívidas
em São Paulo, técnicos da equipe criar alíquotas graduais para a co- reforma será imediato porque o Estados e municípios mantenham A proposta de reforma da Previ- previdenciárias só possam ser obje-
econômica reforçaram ontem brança de contribuição previden- que importa para eles é a alíquo- a Previdência equilibrada”, reite- dência Social do governo Bolsona- to do parcelamento normal que já
que a reforma da Previdência ciária, por temerem reação negati- ta”, comentou Rolim. rou o técnico. ro tem regras para evitar novos existe para os débitos tributários, de
apresentada ao Congresso é mais va dos funcionários públicos. Esta- Outro ponto que gerou descon- Os economistas — vinculados a programas de renegociação de dí- 60 meses e sem qualquer desconto.
dura com regimes próprios de dos à beira do colapso fiscal teriam tentamento de alguns governado- bancos de investimento, consul- vidas previdenciárias do que ini- “O Refis pode ser bom no 1 o mo-
servidores públicos de Estados e de elevar a alíquota para servido- res é a distinção feita pelo texto de torias e gestoras de recursos - co- cialmente divulgado pelo próprio mento [arrecada mais nos primei-
municípios, e defenderam que o res de 11% para 14%, ajuste que, de Bolsonaro entre policiais civis e braram do governo ênfase na co- governo. Na prática, o texto levado ros meses], depois a arrecadação
pilar de assistência social não foi acordo com o secretário, não será militares. Estes últimos obedece- municação. Uma sugestão, ano- ao Congresso veda a possibilidade cai. Não tem sustentabilidade, por-
substancialmente reduzido. escalonado, mas sim imediato. rão às mesmas regras de servidores tada por Bianco, foi a de que o go- de incluir nos chamados Refis — que asempresas paramde pagares-
“Todos os pontos que podería- O presidente Jair Bolsonaro das Forças Armadas, em proposta verno tornasse público, no site do parcelamentos especiais com des- perando o próximo Refis. É desedu-
mos colocar para os Estados foram confia nos governadores para de reforma ainda não apresenta- ministério, quanto se deixa de contos de juros — as dívidas com cador”, explicou outro técnico do
colocados. Não consigo entender ajudar a construir apoio para a da. De acordo com Rolim, esta será economizar a cada ponto da Pre- contribuições previdenciárias e es- governo ao Valor PRO, serviço de
do quê alguns governadores estão reforma nas bancadas estaduais. uma das maiores fontes de ganho vidência que seja eventualmente tabelece não só um prazo mais res- informação em tempo real do Va-
reclamando”, afirmou Rolim, ao “A PEC é dura em relação a regras fiscal para entes federados, e a lei modificado pelo Congresso. trito, de 60 meses, mas uma série de lor. “Estando esta vedação em lei
outras proibições para esse tipo de hierarquicamente superior, não se

Para especialistas, pobres devem ser os mais prejudicados renegociação de dívida.


Mas não há qualquer vedação
para criação desses programas pa-
correoriscodeumaleiordináriaou
MP conceder um Refis nestas condi-
ções altamente benéficas, com des-
Cristiane Agostine nuada (BPC) aos idosos miserá- aposentadoria dos trabalhadores “Vimos no Chile que esse modelo ra os débitos tributários. contos absurdos”, complementou.
De São Paulo veis e na aposentadoria dos tra- rurais. Hoje, as mulheres que tra- não deu certo. A proposta do go- A PEC estabelece que as empresas Ao restringir a renegociação de
balhadores rurais. “É de uma per- balham no campo podem se apo- verno é transformar a Previdência não poderão utilizar prejuízo fiscal dívidas previdenciárias com descon-
A reforma da Previdência envia- versidade sem tamanho. Seria sentar aos 55 anos e os homens, em um produto, é privatizar o sis- ou base de cálculo negativa para to e multa, o governo Bolsonaro, de
da pelo presidente Jair Bolsonaro mais fácil o governo dizer então aos 60. Não há obrigatoriedade tema. Vai entregar para os bancos”, quitação das contribuições previ- certaforma,admitequecomoacria-
ao Congresso deve prejudicar os que vai acabar com a seguridade para que esses trabalhadores con- afirmou Gabas. Para Clemente, a denciárias, como ocorreu no último ção de Refis é inevitável era preciso
idosos mais pobres, os trabalhado- social”, disse Clemente, do Diee- tribuam com a Previdência, mas “reforma dá um cheque em branco Refis realizado no governo Michel estabelecer regramentos. Para os
res rurais e as mulheres, segundo se. Para Gabas, a reforma “não re- eles precisam comprovar pelo me- para o sistema de capitalização”. Temer. Se o governo permitir a com- técnicos, esse tipo de renegociação é
avaliação do ex-ministro da Previ- estrutura a Previdência para pro- nos 15 anos de atividade no cam- A criação de uma idade mínima pensação tributária, os valores terão vista pela como um desestímulo aos
dência Carlos Gabas e do diretor teger o trabalhador”. po. Com a reforma, a idade míni- de 62 anos para mulheres e de 65 que ser ressarcidos para o Regime bons pagadores.
técnico do Departamento Inter- Segundo a proposta de Bolso- ma para aposentadoria subirá em anos para homens também é vista Geral de Previdência Social (RGPS). A segunda iniciativa será o envio,
sindical de Estatística e Estudos So- naro, os idosos miseráveis levarão cinco anos para mulheres e será de com restrição. Hoje, não existe ida- O secretário especial da Previ- nos próximos dias, de projeto de lei
cioeconômicos (Dieese), Clemente mais cinco anos para receber um 60 anos — igual para homens e de mínima de aposentadoria no dência e Trabalho, Rogério Mari- paraintensificaracobrançadasdívi-
Ganz Lúcio. Para os dois especialis- salário mínimo (R$ 998). Atual- mulheres. O tempo de trabalho setor privado e no serviço público nho, lembrou que a medida tem das. O volume de débitos é sempre
tas, a proposta de Bolsonaro colo- mente, o governo paga o benefí- comprovado no campo aumenta- é de 55 anos para mulheres e de 60 como objetivo atacar as críticas usado como argumento por críticos
ca em risco a seguridade social, cio assistencial de um salário mí- rá para 20 anos e os trabalhadores anos para homens. “A idade míni- que sugiram durante a tramitação da reforma, que entendem que seria
prejudica os trabalhadores mais nimo para idosos a partir dos 65 rurais serão obrigados a contribuir ma prejudica os mais pobres, que da proposta de reforma encami- preciso primeiro cobrar devedores.
carentes ao instituir a idade míni- anos que não contribuíram com o com sistema previdenciário, com o começam a trabalhar mais cedo. O nhada por Temer de que o governo O procurador-Geral Adjunto de
ma para a aposentadoria e erra ao regime geral da Previdência e têm valor anual de R$ 600. fator previdenciário, de 85/95, não era leniente na cobrança das dívi- Gestão da Dívida Ativa da União,
não alterar o sistema de financia- renda mensal per capita inferior a “É muito cruel com os trabalha- é o melhor modelo, mas é mais jus- das e ainda dava descontos para Cristiano Neuenschwander, refor-
mento da Previdência. 1/4 do salário mínimo (o equiva- dores rurais”, disse Gabas. “Eles to, porque dá a possibilidade de os devedores. Uma das medidas é es- çou na quarta-feira que será encami-
Com análises semelhantes, lente a R$ 249,5). Se a reforma for não têm um salário fixo, depen- mais pobres de se aposentarem ta que impede que o Refis para pa- nhado ao Congresso um PL para in-
Clemente e Gabas afirmaram aprovada, o idoso só receberá um dem de suas produções. Como ga- antes”, disse Clemente. gamento de dívida previdenciária. tensificar a cobrança de débitos pre-
que a reforma mexe profunda- salário mínimo a partir dos 70 rantir o pagamento de uma taxa Na avaliação do diretor do Die- Segundo um técnico do governo, videnciários. Atualmente, há R$ 160
mente na proteção social da po- anos. Como forma de compensar anual se perderem a produção?”, ese, o governo erra ao propor um amedidaimpedequetantoosparla- bilhões em recursos recuperáveis da
pulação, e pode aumentar a desi- a mudança, o governo propôs pa- questionou o ex-ministro da Previ- ajuste “só pelo corte de despesa”. mentares quanto o próprio Executi- dívida ativa previdenciária. O gover-
gualdade social. Os especialistas gar menos da metade desse valor dência dos governos Luiz Inácio “O governo não toca na questão vo (que no passado apoio esses par- no recuperou R$ 5 bilhões do esto-
criticaram como “perversas” e (R$ 400) a idosos miseráveis com Lula da Silva e Dilma Rousseff. do financiamento, não olha para celamentos especiais para alavancar que de dívida no ano passado. Para
“cruéis” as mudanças no acesso idade entre 60 e 70 anos. Outro ponto criticado é em rela- a proteção social dos trabalhado- as receitas) criem Refis com a inclu- 2019, é esperado algo entre R$ 5 bi-
ao Benefício de Prestação Conti- A outra mudança criticada é na ção ao sistema de capitalização. res”, afirmou Clemente. são de dívidas previdenciárias. Da lhões a R$ 6 bilhões. (ES, FG e RO)
Jornal Valor --- Página 6 da edição "22/02/2019 2a CAD A" ---- Impressa por CGBarbosa às 21/02/2019@22:09:08

A6 | Valor | Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Política
Congresso Projeto abre espaço para Bolsonaro ampliar influência no STF com aposentadoria de ministros

Reforma facilita revogar PEC da Bengala


Raphael Di Cunto e la com um quórum bem mais bai- terado, mas um grupo de parla- votos necessários para protocolar a dução da idade de aposentadoria pulsória será igual a atual, de 75
Marcelo Ribeiro xo e com muito mais agilidade do mentares do PSL defende revogar PEC. Em busca de apoio, a parla- compulsória seja alterada por lei anos. A justificativa do projeto não
De Brasília que por uma PEC. Essa idade é, ho- a PEC da Bengala para antecipar a mentar afirmou ontem que “as complementar (que exige o explica os motivos para a mudan-
je, de 75 anos, o que permitiu que aposentadoria de Rosa Weber e pessoas tem entendido que o Judi- apoio de 257 dos 513 deputa- ça, apenas cita que “estão previstas
A proposta de reforma da Pre- os ministros do STF e de outros tri- Ricardo Lewandowski, indicados ciário precisa de renovação e que é dos), sem necessidade de alterar [no texto] regras para aposentado-
vidência Social encaminhada na bunais ficassem mais tempo no pelo PT, e permitir que o presi- necessário uma oxigenada no STF”. a Constituição Federal (o que ne- rias compulsória”. Mas uma das in-
quarta-feira pelo presidente Jair cargo, diminuindo a rotatividade. dente faça quatro indicações. O argumento da parlamentar é cessita do apoio de 308 dos 513 tenções da reforma é tirar da Cons-
Bolsonaro abre espaço para faci- A “PEC da Bengala”, que aumen- Esses deputados discutem isso combater o “ativismo do Judiciá- deputados, além de uma trami- tituição a maioria das regras sobre
litar uma mudança na composi- tou a idade de 70 anos para 75, foi desde o governo de transição, rio”, já que o Supremo tem atuado tação bem mais demorada). aposentadorias, para tornar mais
ção dos tribunais superiores pre- aprovada numa articulação da quando parte dos ministros do STF em assuntos como a criminaliza- Para a líder da minoria na Câma- fácil alterá-las no futuro.
tendida por aliados do governo oposição junto com o Centrão da ameaçou barrar propostas de Bol- ção da homofobia e ameaça barrar ra, a deputada Jandira Feghali (PC- O governo, inclusive, já prepara
para aumentar a influência sobre Câmara para evitar que a ex-presi- sonaro por meio de decisões judi- o Escola Sem Partido, uma de suas doB-RJ), a “emenda Moro” pretende um projeto de lei complementar
o Poder Judiciário e, principal- dente Dilma Rousseff e os governos ciais. Desdeo início da legislatura,a principais bandeiras na campanha permitir que Bolsonaro aumente para tratar da regulamentação da
mente, sobre o Supremo Tribu- do PT indicassem 10 dos 11 minis- deputada Bia Kicis (PSL-DF), uma eleitoral. “O Supremo tem atraves- suainfluêncianostribunaissuperio- PEC — e que pode ser usado, por-
nal Federal (STF). tros do STF. Com isso, os ministros das mais próximas do presidente, sado a praça dos Três Poderes para res. “Isso é claramente uma tentativa tanto, para mexer na aposentado-
O projeto, conforme antecipado Celso de Mello e Marco Aurélio Mel- tem coletado assinaturas para fazer as vezes de legislador. Uma de reduzir a idade de aposentadoria ria compulsória. A proposta abre
ontem pelo Valor PRO, serviço de lo adiaram suas aposentadorias pa- apresentar uma PEC que revogue a mexida no Supremo vai ser extre- compulsória para que o Bolsonaro espaço também para que cada Es-
tempo realdo Valor,jogaparauma ra 2020 e 2021, respectivamente. PEC da Bengala e volte com a apo- mamente saudável”, disse a depu- possa nomear não dois, mas quatro tado aprove uma lei própria com
lei complementar a definição da Bolsonaro poderá nomear os sentadoria compulsória dos servi- tada ao Valor no ano passado. ministros do Supremo”, disse. idade e regras diferente para o fun-
idade máxima para aposentadoria dois substitutos (uma vaga já está dores públicos aos 70 anos. Até A mudança proposta na refor- Pelo dispositivo da PEC, até que cionalismo. O Valor questionou o
compulsória dos servidores públi- prometida para o ministro da Jus- agora, contudo, ela alcançou ape- ma da Previdência facilitaria essa uma lei complementar regule o te- governo, mas não teve resposta até
cos, abrindo caminho para reduzi- tiça, Sergio Moro) se nada for al- nas 80 assinaturas, longe dos 171 manobra, ao permitir que a re- ma, a idade de aposentadoria com- o fechamento desta edição.

“Previdência estará
PRISCILLA BUHR/JC IMAGEM/FOLHAPRESS

aprovada em setembro”
Vandson Lima e Fabio Murakawa Valor: Qual o efeito esperado se voltou às atividades do Senado [es-
De Brasília aprovada a reforma até essa data? tava fora desde a eleição, dia 2] e ti-
Bezerra: Sendo até setembro, ve a alegria de ouvir dele que a de-
Prioridade absoluta do governo vai animar o último quadrimes- cisão de me indicarem a líder do
do presidente Jair Bolsonaro, a re- tre da economia. Se a gente governo foi acertada.
forma da Previdência Social estará aprova a Previdência, ninguém Valor: Ele vai ser oposição?
aprovada em definitivo nas duas duvida possamos crescer 3% este Bezerra: Ele não falou. Falou
Casas do Congresso Nacional, em ano. E isso pode significar 1,5 que vai acompanhar a evolução
um prognóstico “realista”, em milhão de novos empregos com do quadro e vai torcer por mim.
meados de setembro. O texto so- carteira assinada. Essa mudança Foi a manifestação de um amigo.
frerá mudanças, inevitavelmente. vai começar a tirar o mau humor Valor: O governo sofreu uma der-
E para formar uma base aliada só- da população. O que os brasilei- rota acachapante na votação do de-
lida, o governo terá de negociar ros querem é o emprego. Esta- creto da LAI. O que esse episódio
com os partidos políticos, barga- mos falando de um déficit da mostra que tem que ser mudado?
nhar com governadores apoio de Previdência na casa de R$ 300 Bezerra: Tem que ter cada vez
suas bases em troca de um hori- bilhões. Maior que isso, só o pa- mais diálogo, mais conversa e mais
zonte de melhor distribuição de gamento de R$ 400 bilhões do aproximação com os partidos. Mas
recursos a Estados e municípios e serviço da dívida. A reforma aju- não se deve interpretar aquela vo-
mesmo contemplar aliados com da nos dois sentidos: equilíbrio tação como um recado ao governo.
indicações para cargos do governo fiscal e redução da dívida públi- Eu sugeri ao presidente Davi, já que
distribuídos Brasil afora. ca, que por sua vez ajuda manter a Câmara derrubou o decreto, seria
É o que diz ao Valor o líder do ou abaixar a Selic, que já está em muito melhor sugerir ao presiden-
governo do presidente Jair Bolso- patamares baixos historicamen- te Bolsonaro que o revogasse. Por
naro no Senado, Fernando Bezerra te. O Brasil pode entrar num ci- que votar se já foi derrotado na Câ-
Coelho (MDB-PE), em sua primeira clo de crescimento inédito nas mara? Existe uma discussão sobre
entrevista exclusiva após a nomea- próximas duas décadas. a necessidade de maior transpa-
ção. Apesar de estar há menos de rência nos atos de governo. E esse é


um ano do MDB, Bezerra move-se à um tema sem barreiras partidárias
esquerda e à direita aos moldes de [Bolsonaro] tem ou ideológicas. Essa votação foi
um emedebista de raiz. Pragmáti- a compreensão, mais a compreensão de uma Câ-
co, foi aliado do ex-presidente Luiz mara renovada que está valorizan-
Inácio Lula da Silva e considera
por ter sido do o tema da transparência.
que ele foi um “grande presidente” parlamentar, de Valor: O governo deveria rever
e depois, ministro da Integração que nada chega essa estratégia de não negociar com
de Dilma Rousseff, com quem os partidos políticos?
rompeu posteriormente — ele vo-
ao Congresso Bezerra: A gente tem que respei-
tou pelo impeachment da ex-che- e sai da forma tar a decisão do presidente Bolso-
fe. Deixou o PSB, namorou o DEM, que entrou” naro de montar a sua equipe de
mas fechou com o MDB em março governo sem a influência partidá-
passado. No início deste mês, ria. Mas é evidente que em toda a
apoiou Renan Calheiros (MDB-AL) Valor: Qual o limite da negocia- sociedade democrática a política
na eleição à presidência do Sena- ção na reforma? se realiza através dos partidos. Essa
do. Com o aliado derrotado, posi- Bezerra: O presidente Bolsonaro busca de aproximação com os par-
cionou-se rapidamente em prol de deu o grande balizador: ele disse tidos vai se dar de forma natural. À
um MDB alinhado ao governo. “estamos abertos”. O governo vai medida que haja reflexão sobre a
Tais características levaram o Pa- defender seu texto. Mas ele tem a necessidade de composição das
lácio do Planalto a enxergá-lo, em compreensão, por ter sido parla- maiorias congressuais, vai ficando Bezerra: “Se a gente aprova a Previdência, podemos crescer 3% este ano. E isso pode significar 1,5 milhão de novos empregos”
contraposição ao novato Major Vi- mentar por 27 anos, de que nada claro que o caminho da aproxima-
tor Hugo (PSL-GO), escolhido líder chega ao Congresso Nacional e sai ção e do diálogo com os partidos cimento para evitar a adoção de vai ser o grande vitorioso de todo es- e municípios ganharão algo?
na Câmara e que vem enfrentando da forma que entrou. Certamente vai se estabelecer. medidas amargas de redução os se processo de reforma, ele deverá se Bezerra: Defendo que a cessão
dificuldades, como a solução para o texto vai ser aprimorado e modi- Valor: E dá para manter essa re- gastos públicos que talvez pudes- apresentar para uma nova disputa. onerosa seja aprovada no Senado,
um governo cuja articulação ainda ficado. O esforço do governo será, lação sem o “toma-lá-dá-cá”? sem provocar resultados eleitorais Valor: Dilma tinha pouco tra- limpa, sem divisão do bônus. Gue-
capenga. No Senado, Bezerra é con- através de argumentos, tentar Bezerra: É preciso saber o que é desfavoráveis na eleição de 2014. E quejo com os parlamentares. Isso des tem compromisso com o rede-
siderado um político maleável nas manter o texto o mais próximo o “toma-lá-dá-cá”. Se o “toma-lá- isso terminou produzindo a maior serve de alerta para Bolsonaro? senho do pacto federativo. Mas ele
posições e ‘casco duro’ para enfren- possível do inicial. Temos quatro dá-cá” for para a escolha de pes- recessão da história do país. Bezerra: Há uma questão que precisa da reforma da Previdência
tar crises. Ele é alvo de inquéritos pontos que centralizarão o debate. soas não qualificadas para o exer- Valor: O Brasil virou de direita? distingue o presidente Bolsonaro: antes. É importante que os gover-
no âmbito da Operação Lava-Jato. A idade mínima, o período de cício dos cargos públicos, isso tem Bezerra: É evidente que nós esta- ele passou 27 anos na Câmara dos nadores e prefeitos sejam solidá-
A seguir, os principais trechos transição, a questão do trabalha- que ser condenado. Mas se o “to- mos assistindo uma radicalização Deputados. Ele tem capacidade de rios e sensibilizem seus parlamen-
da entrevista: dor rural e os benefícios da presta- ma-lá-dá-cá” é feito em cima da in- da política em nível mundial. Isso relacionamento com a classe polí- tares. Primeiro aprova a Previdên-
ção continuada (BPC). Esses qua- dicação de pessoas qualificadas e terminou valorizando determina- tica e os parlamentares. cia. E se discute o alívio fiscal aos
Valor: Em um prognóstico realis- tro pontos vão dominar o debate que passem pelo crivo de uma ava- das posturas mais conservadoras. Estados a partir daí.


ta, quando a reforma da Previdên- sobre possíveis modificações que liação técnica, acho que nós esta- Nesse sentido, a vitória do Bolsona- Valor: A divisão do bônus pode
cia estará aprovada? possam levar à construção da mos contribuindo para que a polí- ro pode ser atribuída à direita bra- Guedes tem ser um trunfo para a Previdência?
Fernando Bezerra: Quem fez a maioria necessária para aprovar a tica possa ser exercitada. sileira. Mas ele teve muita perspicá- compromisso Bezerra: No acordo feito com os
melhor previsão, realista, foi Ro- reforma da Previdência. Valor: Os partidos reclamam que cia de identificar temas transver- governadores, a partilha se dava
drigo Maia [presidente da Câmara Valor: Sua escolha como líder le- o governo está segurando indica- sais. Não foi um discurso pró-de-
com o redesenho não no bônus de assinatura, mas
dos Deputados]. Ele acredita que a va o MDB para o governo? ções a cargos de terceiro escalão. sestatização, pró-mercado que deu do pacto na divisão dos recursos do Fundo
matéria estará votada na Câmara Bezerra: O MDB tem deixado Bezerra: Todo governo de mu- a ele a grande vitória. O que deu a federativo. Mas Social. Se você perguntar para os
até meados de junho. No Senado, o claro que apoiará todas as maté- dança, como é o governo Bolsona- ele a grande vitória foi ter se coloca- governadores, claro que eles vão
presidente Davi Alcolumbre rias que sejam relevantes para o ro, vai sempre conviver no início do como o anti-PT e o homem que
ele precisa da querer os dois. No curto prazo, os
[DEM-AP] estima que a tramitação país. O MDB tem interesse em com esses ruídos. Você não pode veio para trazer um novo caminho reforma da Estados ganham mais na partilha
vai demandar entre 60 e 90 dias. apoiar a agenda de reformas. Tal- chegar e afastar todo mundo de no combate à violência. Previdência” do bônus de assinatura. Mas isso é
Então, a expectativa realista é que a vez possa não haver consenso em seus cargos. Mas eu acredito que Valor: A tendência, com o passar uma vez só. No Fundo Social, eles
reforma da Previdência possa estar outros pontos que o governo ve- essas definições estão próximas. do tempo, é o Bolsonaro se radicali- receberiam um pouco todo ano. O
votada em definitivo pelas duas nha a defender, mas em relação à Valor: O senhor foi próximo do ex- zar mais ou vir mais ao centro? Valor: Quais as dificuldades que Fundo já tem, em caixa R$ 23 bi-
Casas em meados de setembro. reforma da Previdência e o pacote presidente Lula, foi ministro da Dil- Bezerra: Ele vem ao centro, cla- o governo enfrentará no Senado? lhões. Os governadores serão aten-
Valor: Esse prazo atende aos an- Anticrime, por exemplo, há maio- ma. Onde a esquerda errou para que ramente ele vem mais ao centro. Bezerra: Teremos menos dificul- didos, agora têm que entregar os
seios do governo? ria expressiva no MDB. Com certe- se chegasse a essa mudança de eixo? Até porque vai precisar aprovar as dades do que na Câmara. Aqui te- votos que a gente precisa.
Bezerra: Para o governo, é boa. za o MDB vai apoiar a agenda de re- Bezerra: Estou em um campo reformas. E eu sou muito otimista. mos possibilidade de construir uma Valor: Que outras prioridades es-
Claro que quanto antes, melhor, formas. Assim como um programa oposto ao PT há seis anos. Inclusive Eu acho que, com a aprovação das maioria mais fácil. O Senado está tão no horizonte?
porque, aprovada a reforma, você de desestatização, um novo pacto votei a favor do impeachment da reformas, o Bolsonaro vai inaugu- amplamente renovado. Minha mis- Bezerra: Vamos definir nesta se-
cria as condições para o relança- federativo que transfira mais re- presidente Dilma. Então, eu acho rar o maior ciclo de crescimento são é conhecer todos, quais os temas gunda com Bolsonaro. Mas enten-
mento da economia brasileira. A cursos a Estado e municípios. Esta que o grande erro foi não ter reco- econômico da história deste país. de interesse e conseguir definir, de do que a simplificação do sistema
reforma, além de promover o equi- agenda do Paulo Guedes tem am- nhecido a dimensão da crise eco- Nós temos a possibilidade de ter fato, qual a base de sustentação do tributário e um novo desenho do
líbrio fiscal, desperta a confiança pla identificação com o MDB. nômica que o país já enfrentava a oito anos de crescimento ininter- governo. É importante passar a pacto federativo, algo sobre o qual
dos investidores para que eles ti- Valor: Como está o estado de es- partir de 2013. Já havia sinais da rupto. Imagine crescer todo ano de mensagem de que o presidente está Paulo Guedes está debruçado.
rem o pé do freio e passem a inves- pírito do Renan Calheiros? desaceleração, do desequilíbrio 3% a 4% durante oito anos. aberto para ouvir e conversar. Além disso, o presidente tem com-
tir nos seus negócios, a tomar mais Bezerra: Eu tive uma boa con- das contas públicas. E houve, de Valor: Oito anos com Bolsonaro? Valor: Como será resolvida a promisso com um forte programa
riscos. Isso gera emprego. versa com Renan esta semana. Ele forma deliberada, o não reconhe- Bezerra: Eu creio que sim. Se ele questão da cessão onerosa? Estados de desestatização.
Jornal Valor --- Página 7 da edição "22/02/2019 2a CAD A" ---- Impressa por CGBarbosa às 21/02/2019@22:11:59

Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Valor | A7

Política
Congresso Planalto contabiliza até 200 apoios, mas assessores reconhecem que dificuldades são maiores

Sem concessões , proposta tem poucos votos


Raphael Di Cunto, Andrea Jubé e to, e a outra metade de votos que foi a vez do PSL do presidente que otimista por articuladores demissões de aliados em cargos saída será intensificar o diálogo
Marcelo Ribeiro dependeriam de um “pacote de Bolsonaro. Na terça-feira, ele se com vivência de Parlamento. estaduais, principalmente no com líderes e dirigentes de parti-
De Brasília bondades”, como liberação de encontrará com PR e PSDB. De- “Não temos nem 100 votos”, ad- Departamento Nacional de In- dos, prefeitos e governadores. Si-
cargos e emendas. Como a oposi- pois do Carnaval, será a vez do mitiu uma fonte escalada para fraestrutura Terrestre (Dnit). multaneamente, o governo espe-
Assessores do governo reco- ção representa 130 votos, o go- próprio Bolsonaro receber as fazer a interlocução com depu- No entanto, os sinais até ago- ra o apoio social, e a campanha
nhecem, nos bastidores, que a re- verno precisaria ir atrás de cerca bancadas para reuniões, o que tados e senadores. ra são de que essa insatisfação favorável liderada pelos movi-
forma da Previdência Social não de 120 dos 180 “disponíveis”. não ele não faz desde a época do Líder do DEM, o deputado El- vai se aprofundar: o governo mentos sociais de direita.
tem nem 100 votos consolidados Com líderes do Centrão pres- governo de transição. mar Nascimento (BA) disse que pretende anunciar na semana Para a oposição, o governo co-
hoje e que será necessário muita sionando por mudanças nas re- A reforma veio tão mais dura trabalhará contra as mudanças que vem a criação de um “ban- locou as “maldades” como a re-
negociação para aprová-la, mas gras da seguridade dos militares, que o imaginado, e com uma ba- para os trabalhadores rurais e co de talentos”, com o nome de dução no valor do benefício de
estabeleceram como meta alcan- o presidente Jair Bolsonaro sina- se tão desarticulada, que parte que o governo pode contabilizar técnicos credenciados para as- prestação continuada (BPC) pa-
çar 360 votos favoráveis antes de lizou ontem a parlamentares do dos deputados que pretendia ser até 400 votos no texto-base (o sumir cargos federais nos Esta- ra idosos de baixa renda e mu-
colocar o texto para votação no PSL que poderá enviar o projeto relator já sinalizava ontem nos projeto principal), mas perderá dos. Essa relação será apresen- danças na aposentadoria rural
plenário da Câmara dos Deputa- em 15 dias, metade do tempo di- bastidores que o presidente da nos pontos polêmicos quando tada aos parlamentares, que po- na proposta para fazer as con-
dos. Isso garantiria margem vulgado na quarta-feira. O calen- Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), eles forem votados por meio de derão indicar nomes para os cessões só em cima desses pon-
grande de conforto — são neces- dário deve ser compartilhado poderia entregar a função de ne- destaques. “Convicto sobre a re- respectivos cargos. “Todos sabe- tos e aprovar a parte central da
sários 308 votos em cada votação numa reunião com os líderes gociar as alterações para um par- forma eu sou, mas depende de rão quem é o padrinho”, disse reforma: idade mínima de apo-
—, mas é considerado um sonho partidários na terça-feira, a pri- lamentar do PSL para não ficar qual reforma. Se não negociar di- Mourão na semana passada, ao sentadoria, instituição de um re-
distante, já que contabilizaria meira para começar a vencer as responsabilizado pela derrota. reito vai sair desfigurada”, disse. anunciar a novidade. gime de capitalização para os
apenas 19 defecções entre os par- resistências. Até agora, nenhum No Planalto, o vice-presiden- O líder do PR, deputado José O governo quer agradar a base novos e transferir as regras da
tidos que não são de oposição. partido defendeu a proposta. te Hamilton Mourão já decla- Rocha (BA), reuniu-se com o mi- eleitoral de Bolsonaro, que cobra Constituição para lei comple-
Nas contas do Palácio e da Na próxima semana, o secretá- rou acreditar que o governo te- nistro-chefe da Casa Civil, Onyx o fim do toma-lá-dá-cá, mas terá mentar. Por isso, a estratégia é
equipe econômica, haveria entre rio especial de Previdência e Tra- ria 250 votos para a reforma. Lorenzoni, na quarta-feira para que simultaneamente lidar com não focar os ataques só nos pon-
180 e 200 deputados a favor da balho, Rogério Marinho, come- “Então, 60, 70 votos terão quer relatar o grau de insatisfação dos o descontentamento de quem tos “sociais” para não ficar sem
proposta: metade de votos fir- çará a receber os demais partidos ser buscados”, contabilizou. A deputados com o governo. O efetivamente vota. Segundo um discurso quando as concessões
mes, que de fato apoiam o proje- para explicar o projeto. Ontem, conta é considerada mais do principal motivo era o início das dos articuladores governistas, a ocorrerem.

Não precisava de nova


LÚCIO TÁVORA/AGÊNCIA TEMPO/FOLHAPRESS

PEC da Previdência, diz


ex-relator de reforma
Leila Souza Lima Participante do debate, o eco-
De São Paulo nomista Paulo Tafner avaliou
que os pontos mais sensíveis da
Relator da reforma da Previdên- PEC da Previdência sãos que se
cia enviada pelo governo Michel referem a benefícios de grupos
Temer, o deputado Arthur Oliveira mais pobres, especialmente os
Maia (DEM-BA) afirmou ontem trabalhadores rurais e os idosos
que o presidente Jair Bolsonaro que recebem o Benefício de
não precisava ter elaborado uma Prestação Continuada (BPC).
nova proposta para alterar as re- Segundo o economista, o de-
gras de aposentadoria no país. bate terá que convergir para um
“Havia diferenças entre os consenso sobre o que é possível
projetos, sim. Mas não muitas. fazer. Participante do time de
Quiseram colocar a digital deles. economistas independentes
Vamos perder alguns meses com convidados pelo ministro da
isso. É muito tempo perdido por Economia, Paulo Guedes, para
detalhes”, disse Maia ontem, ao prestar consultoria na elabora-
participar de um debate sobre ção da reforma da Previdência,
Previdência no Instituto FHC, Tafner acha que a PEC 287, nego-
em São Paulo. ciada no governo Michel Temer,
As três alternativas de regra de poderia ter sido uma alternativa
transição apresentadas na propos- mais rápida para o país, mas
ta de reforma do governo Bolsona- houve um problema de condu-
Major Vitor Hugo: depois de reunião com Rogério Marinho, líder disse que não há nenhum ponto central e a PEC pode ser alterada em qualquer aspecto ro serão um ponto de dificuldade ção política que impediu esse
nas negociações no Congresso, aproveitamento.

Para líder, nenhum ponto é intocável


avaliou o deputado. Maia disse que “Havia defeitos na PEC 287
na gestão Temer havia uma forte que deveriam ser corrigidos no
preocupação no governo com a re- futuro, e ganharia-se tempo.
gra de transição, e a ideia era dese- Mas forçou-se muito a mão: ‘Ou
Ana Krüger ficits previdenciário e atuarial, uma série com todos os parti- tas”, disse. nhar algo que abrangesse todos os faz isso, ou o Brasil vai à bancar-
De Brasília “os princípios” do projeto preci- dos. Na semana que vem o en- Cotada para presidir a Comis- brasileiros. Temer propôs transi- rota.’ Obviamente que alguém
sam ser mantidos. contro de Marinho será com são de Constituição e Justiça da ção de 20 anos. Já o governo Bolso- recém-eleito questiona: ‘Será
Mesmo antes da proposta de Sobre quantos votos favorá- PSDB e PR. A ideia é esclarecer Câmara, a deputada Bia Kicis naro optou por 12 anos. mesmo?’”, disse o economista.
reforma da Previdência começar veis à reforma o governo já calcu- dúvidas dos congressistas sobre (PSL-DF) disse que as maiores Para o deputado, Bolsonaro Na opinião de Tafner, é difícil
a ser analisada no Congresso, o lí- la ter na Câmara, o líder do go- as mudanças. Dos parlamenta- pressões devem vir das catego- precisa apresentar o quanto an- avaliar se seria melhor usar a
der do governo na Câmara, Ma- verno na Casa disse ainda não ter res do partido de Bolsonaro, 21 rias que não vão querer abrir tes o projeto de Previdência desti- PEC anterior. “Se aprovar rápido,
jor Vitor Hugo (PSL-GO), disse começado a contabilizar. Para participaram da conversa. mão de privilégios e mencionou nado aos militares, que será cru- há um ganho técnico, porque a
que nenhum ponto do texto é in- ele, “não faz sentido agora”. Ain- Na saída, a senadora Selma os servidores públicos com apo- cial para aprovar a reforma no PEC atual é tecnicamente supe-
tocável. Segundo o deputado, da assim, disse que o ambiente Arruda (PSL-MT) disse que tanto sentadoria integral. Congresso. Maia disse que já ou- rior. Agora poderia aproveitar
não há nenhum ponto central e a no Congresso é favorável e que no PSL como na base do governo O líder do governo na Câmara viu de alguns deputados que não boas partes e trazer as priorida-
proposta de emenda constitucio- gestos como os dos presidentes o clima para a votação da refor- aproveitou para dizer que a vão votar o projeto da reforma da des por emenda aglutinativa.
nal (PEC) pode ser alterada em das Casas, Davi Alcolumbre (Se- ma é favorável. Controladoria-Geral da União Previdência geral separado da Mas já foi, tem que trabalhar pa-
qualquer aspecto. A afirmação nado) e Rodrigo Maia (Câmara) Para a congressista, a alíquota (CGU) formula um decreto, a pe- proposta voltada aos militares. ra aprovar essa no Congresso.”
foi feita ontem após reunião da de participar pessoalmente da progressiva deve ser um dos dido do Planalto, para que a
bancada do PSL, partido do pre- entrega e apresentação da pro- principais pontos de discussão. ocupação de cargos federais nos
sidente Jair Bolsonaro, com o se- posta reforçam essa leitura. “Quando você tem uma alíquota Estados seja mais rígida. O obje-
cretário especial de Previdência e A liberação de emendas par- sobre um salário de R$ 30 mil, tivo é reduzir a corrupção e o ne-
Trabalho, Rogério Marinho. lamentares será apenas uma você não está falando de rico. Ri- potismo. Porém, ele afirmou que
Porém, a declaração contra- das formas de pressão sobre o co no país não ganha R$ 30 mil, “indicação política não é algo
diz posições do próprio Mari- governo ao negociar o apoio à você está falando de classe mé- nefasto”. O governo está reven-
nho, o principal autor da pro- PEC. O líder se limitou a dizer dia. Rico ganha muito mais do do a intransigência com as no-
posta. Na quarta-feira, o secre- que as emendas são constitu- que isso. Quando você está fa- meações políticas, alegando que
tário reconheceu que no Con- cionais e serão liberadas “con- lando de classe média pode ha- os políticos podem indicar téc-
gresso o texto será aperfeiçoa- forme a lei manda”. ver, não estou profetizando, nicos para todas as posições e
do, mas deixou claro que, para a A reunião do secretário com a uma certa revolta da classe mé- continuarão sendo os padrinhos
reforma ser eficaz e tratar os dé- bancada do PSL foi a primeira de dia com relação a essas alíquo- das indicações.

STF tem 4 votos contra homofobia COMUNICADO ÀS AGÊNCIAS DE


Mariana Muniz e Isadora Peron
De Brasília
“[O pedido] há de ser julgado
procedente para reconhecer a
Barroso disse que a interpretação
da Constituição não pode ser PUBLICIDADE E ANUNCIANTES
mora do Congresso e aplicar a Lei alheia à realidade de intolerân-
O julgamento no Supremo Tri- do Racismo a fim de estender a ti- cia contra grupos minoritários.
bunal Federal (STF) que analisa pificação prevista para os crimes “Deixar de criminalizar a homo- Comunicamos que sexta-feira, 1 de março, às 18:00 horas,
se há omissão do Congresso so- resultantes de discriminação de fobia, as ofensas, as discrimina-
bre a criminalização de atos de raça à discriminação por orienta- ções, seria tipicamente uma hi- fecharemos a edição que levará as datas de sábado, 2, domingo, 3,
homofobia e transfobia formou ção sexual ou identidade de gê- pótese de proteção deficiente de
um placar de quatro posiciona- nero”, afirmou Fachin. direitos fundamentais que o segunda-feira, 4, terça-feira, 5 e quarta-feira, 6 de março de 2019.
mentos favoráveis ao reconheci- O ministro Alexandre de Mo- princípio da proporcionalidade
mento da demora legislativa. raes disse que a ausência de lei em matéria penal não admite.”
Além de reconhecerem a de- penal para punir condutas ho- Os votos de ontem se somaram
Na quarta-feira, 6 de março, após as 14:00 horas, voltaremos às
mora do Legislativo, todos os mi- mofóbicas permite que atos ex- ao do ministro Celso de Mello, re- nossas atividades normais.
nistros que votaram entendem tremos de ódio sejam cometidos. lator da outra ação que trata da
ser cabível uma aplicação por “A impunidade daquele que sem- criminalização da homofobia.
analogia da Lei do Racismo aos pre praticou condutas homofó- Anteontem, o decano do STF con-
atos de homofobia. bicas e nunca sofreu nenhuma cluiu seu voto para equiparar
Relator de uma das ações em sanção penal faz com que ele se atos de homofobia ao crime de
análise pela Corte, o ministro Ed- sinta tão à vontade que pode che- racismo até que o Congresso
son Fachin reconheceu que há gar ao limite”, disse o ministro. aprove uma lei específica sobre a
uma demora do Congresso. Último a votar, Luís Roberto matéria.
Jornal Valor --- Página 8 da edição "22/02/2019 2a CAD A" ---- Impressa por CGBarbosa às 21/02/2019@22:25:42

A8 | Valor | Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Política

Aarbitragemdeperdas Doria prepara reforma no PSDB, com


isolamento de ‘medalhões’ e estatuto
“A Formação do Sistema
César Felício Previdenciário Brasileiro: 90 anos
de história”, de 2016, disponível
no site da “Revista Administração
Pública e Gestão Social”. Em
1931, o valor da aposentadoria Vandson Lima mo ato de poder — e de enfrenta- candidato ao Senado daqui a naro na eleição presidencial. “O
média era de R$ 18.442,37 por De Brasília mento — de Geraldo Alckmin à quatro anos. Não mais que isso”, Doria sem dúvida será a figura de
ano, em valores de 2015. Em frente da sigla. Estavam nesse entrega um dirigente muito pró- proa do PSDB nos próximos anos
1945 caiu para ridículos R$ Governador de São Paulo e grupo o ex-governador Alberto ximo do governador paulista. e o partido vai se guiar para o
5.744,86. Os fundos, contudo, se com olhos postos na eleição pre- Goldman, o ex-secretário de go- O caso de Aécio, cujo pedido centro, ou precisamente, centro-
acumulavam: em 1939 o saldo sidencial de 2022, João Doria vai verno Saulo de Castro e o prefeito de expulsão foi arquivado sem direita”, avalia Paulo Bauer
correspondia a 70,8% da receita. colocar em marcha a partir de de Santos, Paulo Alexandre Bar- sequer ir à análise do Conselho (PSDB-SC), escolhido do governo

A
No período histórico seguinte, maio uma ampla reforma no bosa, que apoiaram Márcio Fran- de Ética, é um dos que leva Doria Bolsonaro para fazer a articula-
s reformas da entre 1946 e 1964, o caixa dos PSDB. Com nomes de sua con- ça (PSB) na disputa estadual em a defender a reforma vigorosa ção do governo com o Senado. “É
Previdência de IAPs tornou-se o motor da fiança nos comandos das execu- detrimento do correligionário. das regras internas do PSDB. algo mais confortável a vários de
hoje, em regra, são máquina política ancorada no tivas nacional e estadual — res- Doria, que estava em Brasília, O pedido foi protocolado pelo nós. Eu mesmo nunca fui social-
um jogo onde clientelismo. À época não havia pectivamente com Bruno Araújo mas não participou da reunião, deputado Wherles Rocha (AC) em democrata. Sou centro-direita”,
quase todos separação entre o sistema de e Marco Vinholi, este último seu pretende futuramente retomar a dezembro do ano passado, por atesta ex-senador catarinense.
perdem. A regra vale para o saúde e o da previdência e os secretário de Desenvolvimento carga contra os desafetos. Tendo conta das gravações em que Aécio Uma preocupação é desvenci-
Brasil e para o mundo. Arma-se institutos criaram hospitais para Regional —, Doria vai propor seus aliados nos postos de co- pedia dinheiro ao empresário lhar o caso envolvendo a prisão
um cenário em que se tem, de seus segurados. O gasto com uma revisão completa do estatu- mando, vai encurralá-los, seja Joesley Batista, do J&F, alvo de in- do ex-diretor da Dersa, Paulo Pre-
um lado, o Estado, tentando assistência médica em relação à to tucano. Nem mesmo a possibi- reabrindo os pedidos de expul- vestigações pela Polícia Federal. Só to de qualquer relação com o no-
reter recursos, e do outro receita sobre contribuições lidade de mudança do nome do são ou os convidando a deixar as que o estatuto do partido prevê vo comando da sigla. Por isso, foi
dependentes de assistência pulou de 3,6% para 26% entre partido está descartada — Doria fileiras do PSDB. punição apenas quando um filia- tomada a decisão de tirar rapida-
social, trabalhadores, 1947 e 1965. Mas cada um tem especial desapreço pela defi- Alckmin, assim como tucanos do é condenado em última instân- mente o ex-chanceler Aloysio
empregados públicos, em cuidava da sua corporação: em nição ‘social-democrata’ da sigla, que dominaram as ações da le- cia, o que confronta, inclusive, no- Nunes da presidência da estatal
alguns casos empresários, uma lógica de capitalização, segundo interlocutores. genda nas últimas décadas, como vo entendimento do Supremo Tri- Investe SP, cargo de primeiro es-
todos submetidos a rodadas ainda que sob controle estatal, a A decisão da direção nacional o senador José Serra (SP) e o depu- bunal Federal (STF) de que conde- calão no governo Doria. A tese de
adicionais de sacrifícios, universalização do bem-estar do PSDB, anteontem, de arquivar tado federal Aécio Neves (MG), nados na segunda instância já po- Doria a aliados é que a relação de
pagando mais e trabalhando social não fazia sentido. sumariamente todos os proces- será escanteado no processo de dem ser presos. Preto, tido como operador finan-
mais. Nada mais fácil do que O caixa dos IAPs também sos que pediam a expulsão de fi- renovação pensado por Doria. “O O PSDB de Doria buscará tra- ceiro do PSDB em campanhas
armarem-se grandes frentes bancou investimentos de liados que atuaram contra Doria Geraldo, se parar de bater de fren- zer de volta o eleitor conservador passadas, está circunscrito à sua
contra a reforma. infraestrutura, como os da Chesf, na eleição foi visto como um últi- te com Doria, talvez possa ser um que foi perdido para Jair Bolso- relação com Serra e Nunes.
No ano passado, Putin por exemplo. Como o sistema de CHARLES SHOLL/BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS
aproveitou a distração na financiamento era tripartite, o
Rússia provocada pela Copa do ônus do Tesouro aumentava
Mundo para propor uma conforme a expansão do sistema,
reforma da Previdência que pulou de 2,7 milhões de
elevando de 60 para 65 anos a segurados em 1945 para 4,4
idade mínima para homens e milhões em 1960. À medida que
de 55 para 63 a das mulheres. a crise fiscal do governo se
Houve grandes protestos agravava, o Estado retardava seus
populares e Putin foi obrigado aportes. Quando os militares
a ceder um pouco para obter a tomaram o poder, em 1964, a
chancela do Congresso. capitalização comandada pelo
A proposta de Bolsonaro Estado era um regime falido.
impõe perdas a quase todos, Por meio de diversas
ainda que de forma assimétrica medidas, os governos militares
— a base é mais poupada do que implantaram o regime de
o topo — e há um ganhador, o repartição, agora em declínio.
sistema financeiro, a depender Os IAPs foram unificados no
do avanço da capitalização. É Instituto Nacional de
natural a resistência ao projeto Previdência Social (INPS), o
e a tendência que sua financiamento passou a ser
aprovação não seja sumária e exclusivamente do trabalhador
seu conteúdo seja diluído. Isto e das empresas, o Estado ficou
não quer dizer que o ambiente com o comando. Na
para a vitória governista não Constituição de 1967, imposta
exista, como já se tratou nesta por Castelo Branco,
coluna, mas demandará grande estabeleceu-se a diferença de
capacidade da articulação da cinco anos entre a
base em saber a hora de ceder e aposentadorias de homens e
estabelecer as linhas das quais mulheres. No governo Médici, a
não poderá transigir. Por aposentadoria foi estendida ao
enquanto esta linha ainda não trabalhador rural,
foi traçada, já que o líder do independentemente de Doria: governador de São Paulo toma o controle do partido, ruma para o centro e não descarta mudar nome da sigla, com vistas à eleição presidencial de 2022
governo na Câmara, Major contribuição. No de Geisel, a
Vitor Hugo, disse que não há gestão do sistema de saúde foi
nenhum ponto intocável na transferida para uma autarquia
PEC da Previdência, conforme
relatou a repórter Ana Krüger
no Valor PRO na tarde de
separada. Figueiredo calibrou o
financiamento, estabelecendo
que aposentados e servidores
Ministro pede que investigação suba para o STF
ontem. deveriam contribuir para o
sistema e aumentando as Isadora Peron, Mariana Muniz, cio do mandato parlamentar e ria em Minas seja suspensa até governo a dispensar o ministro
alíquotas previdenciárias do Carla Araújo e Andrea Jubé seriam intrinsecamente ligados que o STF decida sobre a prerro- do Turismo depois de ter demiti-
Bolsonaro está setor privada. De Brasília ao cargo público”, afirmou a de- gativa de foro. do Gustavo Bebianno da Secreta-
A previdência social daquele fesa na reclamação. Em janeiro, o senador Flávio ria-Geral da Presidência, já que
fadado a fazer a tempo, está claro, era injusta, O ministro do Turismo, Marce- No ano passado, o STF definiu Bolsonaro (PSL-RJ), filho do pre- ambos estão sendo investigados
reforma possível mas se tornou mais universal lo Álvaro Antônio, deputado fe- que só devem permanecer na sidente Jair Bolsonaro, usou a por suspeitas de desvio de recur-
do que era antes. Não havia deral licenciado, pediu ao Supre- Corte os fatos relativos a crimes mesma estratégia no caso que sos do fundo partidário para fi-
preocupação em cortar mo Tribunal Federal (STF) que a cometidos durante o exercício envolve as movimentações fi- nanciar candidaturas laranjas.
A reforma da Previdência de benefícios, a inflação se investigação sobre a suspeita de do cargo e em relação a ele. nanceiras atípicas do seu ex-as- Para Onyx, no entanto, as
Bolsonaro, conforme o que encarregava de corroer seus uso de candidatas-laranjas pelo Álvaro Antônio foi o deputado sessor Fabrício Queiroz. Na oca- questões são distintas. No caso
venha a ser proposto em relação valores. O que se quer PSL aberta pelo Ministério Públi- mais votado em Minas. Durante a sião, Fux concedeu o pedido e de Bebianno, o que houve foi
à capitalização, carrega uma argumentar com esta digressão co de Minas Gerais tramite na eleição do ano passado, ele co- suspendeu a investigação. Na uma “ruptura na relação de ami-
ironia, em se tratando de um histórica é que a concepção do Corte. O caso vai ser relatado pelo mandou o diretório do PSL no Es- volta do recesso, porém, o relator zade e confiança”, após uma série
governo com tamanha modelo previdenciário que nos ministro Luiz Fux. tado. Pesa contra ele a suspeita do caso, ministro Marco Aurélio de mal-entendidos.
participação de militares de anos 90 começou a ser A defesa do ministro alega de que o partido direcionou Mello, enviou a investigação de O vice-presidente Hamilton
reserva: marca a reversão de um reformado nasceu no período que, como os fatos investigados R$ 279 mil para quatro candida- volta para Justiça do Rio. Mourão também comentou on-
modelo de seguridade social militar. E tal como o modelo têm relação com o mandato de tas-laranjas, que tiveram uma vo- Ontem, o ministro-chefe da Ca- tem a situação de Álvaro Antô-
impulsionado nos governos anterior, ele também faliu. deputado federal exercido por tação inexpressiva. Elas, no en- sa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nio. “Eu creio que a solução é
Castelo Branco, Médici, Geisel e Com a redemocratização, os Álvaro Antônio, deve ser obser- tanto, ficaram entre as 20 candi- que o governo “observa e acompa- aquela que eu já falei várias ve-
Figueiredo. Retorna-se a um dos quatro presidentes que vada o entendimento do STF em datas que mais receberam di- nha” a situação do ministro do Tu- zes: uma vez comprovadas que as
fundamentos do que havia antes. reformaram a Previdência relação à prerrogativa de foro e o nheiro do PSL em todo o país. rismo e disse que, “no momento”, denúncias são consistentes e que
Quando o sistema miraram no corte de benefícios, caso deve subir para o tribunal. Na reclamação, o advogado não há intenção de demiti-lo. realmente ocorreu o fato, eu
previdenciário começou a sempre de maneira insuficiente “Os fatos investigados teriam Willer Tomaz pede ainda que a Bolsonaro passou a ser cobra- acho que o presidente vai demi-
ganhar corpo no Brasil, nos anos para conter a escalada do sido cometidos durante o exercí- investigação aberta na promoto- do pela oposição e por setores do tir o ministro”, afirmou.
30, o regime que havia era o da déficit. Coube a Fernando
capitalização. Getúlio
centralizou as antigas caixas de
pecúlio nos Institutos de
Henrique substituir o tempo de
trabalho pelo tempo de
contribuição, como
Fachin rejeita mais um pedido de habeas corpus de Lula
Aposentadorias e Pensões (IAPs) pré-requisito de aposentadoria De Brasília tância a desvelar, com segurança, cessária; de qualquer modo, o e que ele não é e jamais foi o
conforme a corporação. Havia o e desestimular as requisições a inocorrência de exaurimento proceder está regimentalmen- proprietário daquele aparta-
dos servidores do Estado, o dos precoces com o fator O ministro Edson Fachin, do da jurisdição a ser prestada, a te autorizado e o recurso res- mento do Guarujá”.
marítimos, o dos bancários, o de previdenciário. Lula limitou o Supremo Tribunal Federal (STF), tempo e modo, pelo Superior Tri- pectivo será colegiadamente Lula está preso desde 7 de abril
transportes e cargas, o dos benefício integral para o rejeitou ontem um pedido de bunal de Justiça”, disse o minis- apreciado”, afirmou Fachin. do ano passado após o Tribunal
comerciários e assim por diante. funcionalismo que entrasse na habeas corpus da defesa do ex- tro do Supremo. A defesa do ex-presidente Regional federal da 4 a Região
A contribuição era tripartite: máquina pública de 2003 em presidente Luiz Inácio Lula da Em novembro de 2018, Fis- afirmou que vai recorrer da de- (TRF-4) confirmar a condenação
aportavam o Estado, o setor diante. Dilma regulamentou os Silva que questionava a decisão cher, que é responsável por cisão do ministro do STF. “Leva- no processo da Operação Lava-Ja-
patronal e o trabalhador. O fundos complementares para monocrática do ministro do Su- analisar os processos da Lava- remos um recurso para o cole- to no qual foi acusado de receber
benefício seria concedido os servidores públicos. Temer perior Tribunal de Justiça (STJ) Jato no STJ, rejeitou, sozinho, giado porque as razões que propina da construtora OAS por
conforme o que fosse nada conseguiu, mas não por Félix Fischer de negar recurso recurso que tentava reverter a apresentamos no habeas cor- meio da reforma de um aparta-
acumulado, individualmente. falta de tentativa. Tiveram contra a condenação do petista condenação de Lula por cor- pus são muito relevantes e mos- mento tríplex que, em tese, esta-
Quem dava as cartas era o todos o azar, por assim dizer, de no caso triplex do Guarujá. rupção e lavagem de dinheiro a tram que Lula está preso com ria reservado para ele.
Ministério do Trabalho, e esta é serem obrigados a arbitrarem Os advogados de Lula pediram 12 anos e 1 mês de prisão em base em uma decisão nula, que No início deste mês, o petista
uma diferença essencial em perdas dentro da lógica para que o Supremo analisasse regime fechado. condenou o ex-presidente por foi condenado pela juíza federal
relação ao modelo bolsonarista. democrática. Bolsonaro um recurso contra decisão do A defesa do ex-presidente re- algo que não constava na acusa- Gabriela Hardt, da 13 a Vara de
No Brasil de Vargas, em uma também terá o ônus de fazer ministro do STJ. Fachin, porém, correu, mas o caso ainda não ção”, disse, em nota, o advogado Curitiba, em uma nova ação pe-
primeira fase o regime de uma reforma incompleta. considerou que o recurso só po- foi apreciado pelo colegiado Cristiano Zanin Martins. nal. A pena imposta foi de 12
capitalização depauperou as Outras virão. deria ser apreciado pela Corte da 5 a Turma. “A decisão ataca- A manifestação diz ainda que anos e 11 meses de prisão, em
aposentadorias, conforme após decisão da 5 a Turma do STJ. da foi proferida monocratica- o ex-presidente “foi condenado regime fechado, no caso que in-
demonstram os pesquisadores César Felício é editor de Política. “No caso concreto, noticia-se mente pelo Relator no STJ; a co- mesmo tendo ficado comprova- vestiga as reformas realizadas
Lara Lúcia da Silva e Thiago de Escreve às sextas-feiras inclusive a efetiva interposição legialidade é sempre desejável, do que ele não foi beneficiado no Sítio Santa Bárbara, em Ati-
Melo Teixeira da Costa, no artigo E-mail cesar.felicio@valor.com.br de agravo regimental, circuns- recomendável ou mesmo ne- por qualquer valor da Petrobras baia, (SP). (MM e IP)
Jornal Valor --- Página 9 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por VDSilva às 21/02/2019@20:57:05

Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Valor | A9

Internacional
América do Sul Oposição desafia governo e tentará levar ajuda humanitária
China propõe comprar
Brasil teme confronto na dos EUA mais US$ 30 bi
em produtos agrícolas
fronteira com a Venezuela Niu Shuping, Steven Yang e
Isis Almeida
Bloomberg, de Pequim e Chicago
te Donald Trump disse que “mui-
to” milho seria o próximo item na
lista de compras de Pequim.
AP
Daniel Rittner e Carla Araújo Os memorandos de entendi-
De Brasília A China está propondo com- mento em discussão também de-
prar US$ 30 bilhões ao ano adicio- vem cobrir áreas como barreiras
Militares próximos ao presi- nais em produtos agrícolas ameri- não-tarifárias, serviços, transferên-
dente Jair Bolsonaro, setores do canos, como soja, milho e trigo, cia de tecnologia e propriedade in-
Itamaraty e autoridades de Ro- como parte de um possível acor- telectual. Os mecanismos para ga-
raima temem o risco de grandes do comercial que está sendo ne- rantir sua aplicação ainda não es-
confrontos entre oposicionistas gociado pelos dois países, segun- tão claros, mas provavelmente te-
e forças leais ao regime de Nico- do fontes a par das negociações. rão a ameaça de voltar a impor as
lás Maduro, nas proximidades da Essa oferta será parte dos me- tarifas se as condições não forem
fronteira brasileira, por causa da morandos de entendimento que cumpridas, segundo uma fonte.
operação de ajuda humanitária à estão sendo discutidos por nego- Procurado, o Ministério do Co-
Venezuela neste fim de semana. ciadores dos EUA e da China em mércio da China não respondeu.
O temor é que isso sirva como Washington, nesta semana. Gao Feng, porta-voz do ministério,
estopim de uma nova escalada As compras se somariam ao ní- disse mais cedo que não tinha de-
de violência no país. Mesmo as- vel anterior à guerra comercial e talhes sobre nenhum memorando
sim, por determinação direta do prosseguiriam pelo período em discussão com os EUA.
presidente Jair Bolsonaro, a ini- mencionado nos memorandos Em 2017, a China importou
ciativa de levar alimentos não pe- O secretário de Agricultura dos US$ 24,2 bilhões em produtos
recíveis e medicamentos até o EUA, Sonny Perdue, disse ser “pre- agrícolas americanos, sendo 60%
município fronteiriço de Paca- maturo” comentar sobre o que ou em oleaginosas e o restante em
raima (RR) foi mantida. Serão quanto a China poderá adquirir carne, algodão, cereais e frutos do
cerca de dez caminhões, escolta- como parte de um acordo comer- mar. As compras caíram para US$
dos pela Polícia Militar do Estado cial. “Não quero criar expectati- 16 bilhões no ano passado, pois
e pela Polícia Rodoviária Federal, vas”, disse a jornalistas no simpó- as tarifas retaliatórias da China
sem envolvimento do Exército. sio sobre perspectivas anuais do sobre produtos agrícolas ameri-
Os carregamentos vão partir Policiais foram enviados pelo governo colombiano para patrulhar a ponte Tienditas, na fronteira com a Venezuela setor, ontem em Washington. canos reduziram as importações.
de Boa Vista e ficar à disposição Após a notícia, os preços dos “A recuperação de preços no
dos oposicionistas venezuelanos deslocamento a partir de Porto pessoas, hoje estaria entre 9 mil e são interna do país e descartou a contratos futuros de soja, milho e Brasil e na Argentina nesta sema-
em Pacaraima. Na tarde de on- Alegre está carregado com 22,8 11 mil. A maior parte teria ido possibilidade de intervenção mi- trigo subiram na Bolsa de Chicago. na deixa os EUA em boa posição
tem, Maduro anunciou o fecha- toneladas de leite em pó e será embora por conta própria, nos litar na Venezuela. “O governo “A China vai dizer o que preci- para atrair a demanda da China,
mento da fronteira. Em Brasília, abastecido em Brasília com mais últimos meses e anos, devido ao brasileiro já deixou claro que a sa ser dito para conseguir um se não houver tarifas”, disse Terry
o governador Antônio Denarium 500 kits de primeiros-socorros. agravamento da crise econômi- nossa ação será sempre no senti- acordo, mas o elemento funda- Roggensack, diretor da empresa
(PSL) pediu que a operação fosse O receio de muitos militares, ca, segundo funcionários do go- do da não intervenção no assun- mental estará na verificação e na de pesquisa de commodities
reconsiderada. “Teve um fato no- diplomatas e auxiliares de Dena- verno envolvimentos com o pla- to interno e apenas manteremos fiscalização do cumprimento”, Hightower Report.
vo. Se a Venezuela fecha a frontei- rium é que, no caminho de ida ou nejamento. Em caso de escalada a pressão política e as palavras afirmou em nota Arlan Suder- Se não houver acordo entre EUA
ra, ela está dizendo o quê? Que de volta para recolhimento da do conflito, há previsão até mes- junto aos demais países que es- man, economista-chefe para e China, a expectativa é que Brasil e
não quer a ajuda. Se você entra ajuda, haja embates violentos mo de mobilizar aviões da FAB. tão cooperando num esforço pa- commodities da INTL FCStone. Argentina capturem o mercado
mesmo assim, está provocando.” entre oposicionistas e integran- Qualquer que seja o desfecho, ra que a Venezuela retome um A China ofereceu várias vezes para atender à demanda chinesa, e
Bolsonaro tratou do assunto tes das Forças Armadas pró-Ma- uma reunião do Grupo de Lima caminho de democracia”, obser- aumentar as compras de produtos os EUA vendam mais para Europa,
em reuniões com assessores que duro. Se isso ocorrer em territó- está marcada para segunda-feira, vou Mourão. “A pressão política é agrícolas e de energia para reduzir Oriente Médio e outros países da
não constavam de sua agenda rio venezuelano, o Exército brasi- em Bogotá. Os vice-presidentes uma ação diplomática para levar o déficit dos EUA na balança co- Ásia, disse o economista-chefe do
oficial. Fontes do governo disse- leiro tem ordens para não se me- dos Estados Unidos, Mike Pence, e ao atual governante lá da Vene- mercial entre os dois países. Departamento de Agricultura
ram ao Valor que houve diver- ter e não atravessar a fronteira. do Brasil, Hamilton Mourão, de- zuela, o Maduro, compreender Desde que uma trégua tarifária americano, Robert Johansson, on-
gências. O ministro Augusto He- O Itamaraty e o Palácio do Pla- cidiram participar pessoalmente. que é necessária uma saída para foi acertada, em dezembro, a Chi- tem em Washington. Segundo ele,
leno, do Gabinete de Segurança nalto já atualizaram um plano de “A única solução é o regime do o país. O pais está num impasse.” na retomou as importações de al- os EUA construíram uma reserva
Institucional, teria manifestado contingência elaborado na ges- Maduro entender que acabou, Por ordem de Bolsonaro, o guns produtos agrícolas, incluin- de soja e “vai demorar para reduzir
preocupações com a operação. tão do ex-presidente Michel Te- promover novas eleições, se eleja chanceler Ernesto Araújo acom- do soja. Nesta semana, o presiden- esses estoques”.
O porta-voz da Presidência, ge- mer para a necessidade de even- quem tem que ser. E, a partir daí, panhará in loco a tentativa de
neral Rêgo Barros, confirmou a
entrega de mantimentos no sá-
bado. Segundo ele, um avião da
tual resgate da comunidade bra-
sileira na Venezuela. O número
de cidadãos brasileiros no país,
terá de ter haver plano Marshall
na Venezuela”, afirmou Mourão.
O vice destacou que o fecha-
fornecimento de ajuda humani-
tária em Cúcuta (na fronteira da
Venezuela com a Colômbia) e de-
É insensato taxar carros
Força Aérea Brasileira (FAB) em que já chegou perto de 30 mil mento de fronteira é uma deci- pois irá para Roraima.
por segurança nacional
Análise ao caso do aço e do alumínio, e tem

Equador acerta socorro de US$ 4,2 bi com FMI Financial Times


mais uma lista de produtos ameri-
canos que está pronta para sobre-
taxar. Mas a UE precisa ser cautelo-
Muitas noções peculiares sobre sa se não quiser provocar uma rup-
Marsílea Gombata seu déficit orçamentário, mas não do a Administração de Informação verno buscava US$ 1,6 bilhão. comércio têm emanado da Casa tura nas cadeias de fornecimento
De São Paulo tem tido dificuldade para cobrir de Energia dos EUA — será insufi- Nos últimos meses, o mercado Branca de Donald Trump. Poucas para as empresas europeias, pri-
suas necessidades de financia- ciente para os gastos do governo. vinha duvidando da capacidade são tão excêntricas como a ideia de vando-as de insumos. Em todo ca-
O governo do Equador fechou mento de 2019, dizem economis- Hoje o Equador produz 524 do Equador de se financiar. A úl- que importar automóveis é uma so, Trump mostrou-se bastante
um acordo de ajuda com o Fundo tas. Alternativas como emprésti- mil barris por dia e planeja au- tima emissão de dívida do país ameaça à segurança nacional. disposto a ignorar grupos de elei-
Monetário Internacional (FMI) e mos externos, como da China, e mentar a produção em 50 mil ocorreu no fim de janeiro, quan- Trump recebeu um relatório do tores americanos, como os produ-
com outros organismos multila- emissão de dívida no mercado de barris/dia nos próximos anos, o do o governo vendeu US$ 1 bi- Departamento do Comércio que tores rurais, que vêm sendo atingi-
terais para cobrir suas necessida- capitais estão se esgotando. que é muito lento para ajudar a lhão em bônus soberanos, com avalia se o presidente deveria im- dos por medidas retaliatórias.
des de financiamento. O governo de Moreno conse- cobrir as necessidades de finan- vencimento de dez anos, a uma por as chamadas sobretaxas do Além disso, há poucas maneiras
O pacote com o fundo será de guiu cortar o déficit orçamentário ciamento atual, afirma Siobhan taxa de juros de 10,75%. “Artigo 232”, usadas para proteger com que a UE possa, ou deva, res-
US$ 4,2 bilhões, que serão desem- de 4,5% do PIB para 3% no último Morden, da consultoria Nomura. “Uma taxa de juros alta como o país de ameaças estratégicas, so- ponder diretamente aos EUA. O
bolsados ao longo de três anos. Di- ano graças à maior arrecadação, Sousa afirma que as necessida- essa está dizendo que o mercado bre autopeças e automóveis im- bloco tentou aplacar Trump e aca-
ferentemente do acordo stand-by puxada pela alta do preço do pe- des de financiamento para este não tem muito apetite por conti- portados de países aliados. Como bar com essas tarifas, concordan-
feito entre a Argentina e o Fundo tróleo em 2018, e por cortes de in- ano são de cerca de US$ 9 bilhões, nuar financiado o Equador”, ar- esses países incluem aliados na po- do em iniciar negociações bilate-
no ano passado, o acordo com o vestimento público, diz Carlos de e que seria muito difícil fechar a gumenta Sousa. lítica externa, como a União Euro- rais sobre um acordo comercial,
Equador prevê um Programa de Fi- Sousa, da Oxford Economics. conta sem recorrer ao FMI. Para Morden, o acesso do peia e o Japão, e a capacidade total envolvendo o corte da maioria das
nanciamento Ampliado, com foco Segundo ele, o governo central Segundo a agência de classifi- Equador ao mercado é cada vez de produção dos EUA em todo ca- tarifas industriais para zero, e ob-
em reformas de médio prazo. e as empresas públicas reduziam cação de risco Fitch Ratings, dos mais restrito. “O Equador já emi- so não chega perto de atender à tendo alguns progressos adicio-
O presidente equatoriano, Le- 29% dos investimentos nos pri- US$ 9 bilhões que o Equador pre- tiu muitos títulos, e o pagamento demanda doméstica, tal medida nais na cooperação regulatória.
nín Moreno, anunciou ainda na meiros 11 meses de 2018, depois cisa neste ano, US$ 3,7 bilhões a esses credores depende do pro- seria profundamente equivocada. Desde que esse acordo foi acer-
noite de quarta-feira que o país de terem cortado 12% em 2017. são para cobrir o déficit orça- grama do Fundo”, diz. Ela elevaria as tensões com os tado, em julho, entre Trump e Jean-
receberá outros US$ 6 bilhões de Mas os cortes de gasto público mentário, US$ 3,9 bilhões são pa- Não estão claras quais serão os parceiros comerciais, após medida Claude Juncker, o presidente da
entidades multilaterais: Banco não devem continuar neste rit- ra amortizações da dívida exter- termos do acordo com o Fundo. O a adoção de tarifa similar ao aço e Comissão Europeia, as negocia-
Mundial, Banco Interamericano mo. “Tem sido um esforço fiscal na e US$ 1,4 bilhão para repagar acordo ainda precisa ser avalizado alumínio no ano passado. Os EUA ções pouco avançaram. As expec-
de Desenvolvimento (BID), Banco importante, mas, por estar foca- adiamento por petróleo que não pelo conselho executivo do FMI. também correriam ainda o risco tativas dos dois lados são dispara-
de Desenvolvimento da América do na redução de investimentos, foi enviado e outras da dívida. A consultoria Eurasia prevê co- de permitir que a segurança nacio- tadas de uma maneira quase cômi-
Latina (CAF), Banco Europeu de pode implicar em menor cresci- Os empréstimos de aliados, co- mo condicionantes o aumento nal fosse usada como desculpa ge- ca. A UE quer manter o foco num
Investimentos, Fundo Latinoa- mento no futuro”, afirma Sousa. mo a China, outra importante fon- do IVA de 12% para 14%, uma re- neralizada por outros países. A Ín- acordo limitado, conforme origi-
mericano de Reservas e Agência Além da previsão de menos cor- te de financiamento, estão mais es- forma trabalhista para aumentar dia, por exemplo, escolheu esta se- nalmente concebido. Os EUA ex-
Francesa de Desenvolvimento. tes, o preço estimado para este ano cassos. O último foi de US$ 900 mi- a competitividade e a redução de mana para anunciar que está reti- pandiram suas ambições para
No último ano, o país reduziu o do barril do Brent — US$ 61, segun- lhões em dezembro, quando o go- subsídios a combustíveis. rando o “status” de nação mais fa- uma longa lista de desejos, que in-
vorecida (MFN, na sigla em inglês) clui tarifas agrícolas e regulamen-
do Paquistão, com base na segu- tações relativas a alimentos, o que
rança nacional. Isso deu á Índia a é quase inaceitável para a UE.
Curtas Indústria desacelera nos desculpa para elevar tarifas sobre Se Trump está determinado a
as importações de seu vizinho aci- tornar as cadeias de fornecimen-

PMI da zona do euro


O índice de gerentes de com-
Argentina importa menos
A Argentina registrou superávit
EUA com tensão comercial ma das previstas pela Organização
Mundial do Comércio (OMC).
Legalmente, Trump poderá le-
to dos EUA menos eficientes e os
carros mais caros para os consu-
midores americanos, parece que
pras (PMI, na sigla em inglês) do comercial de US$ 373 milhões em var adiante as tarifas, pois sempre há pouca coisa que seus parceiros
setor industrial da zona do euro janeiro, segundo o Instituto Na- Dow Jones Newswires de atividade de negócios subiu pa- houve consideração por governos comerciais possam fazer para im-
contraiu pela primeira vez desde cional de Estatística e Censos. As ra 56,2, de 54,2 em janeiro. Leitu- que buscam isenções às regras da pedi-lo. Na verdade, eles deve-
meados de 2013, segundo dados exportações somaram US$ 4,5 bi- A atividade manufatureira dos ras acima de 50 indicam expansão, OMC alegando questões de segu- riam ter cautela para não prejudi-
preliminares divulgados ontem lhões, e as importações totaliza- Estados Unidos caiu em feverei- e abaixo de 50 indicam contração. rança nacional. Sete governos se car ainda mais suas próprias eco-
pela consultoria IHS Markit. O ram US$ 4,2 bilhões. O resultado é ro, em meio à demanda mais fra- Alguns entrevistados da pes- queixaram dos EUA na OMC pelas nomias ou sua credibilidade no
PMI industrial atingiu o menor menor do que o esperado pelos ca. Maiores gastos das empresas e quisa sobre indústria feita pela tarifas ao aço e o alumínio. Mas, se processo. A UE e o Japão fariam
patamar em 69 meses, para 49,2. economistas, de US$ 1,1 bilhão, dos consumidores impulsiona- IHS Markit citaram menor de- o painel encarregado de litígios melhor se tentassem ampliar
Leituras acima de 50,0 indicam mas melhor do que o de janeiro de ram o setor de serviços, segundo manda devido, em parte, à incer- classificá-las de ilegais, a reação de seus laços comerciais com a Chi-
expansão, abaixo mostram con- 2018, quando a Argentina teve dé- relatório da consultoria IHS Mar- teza em relação às cadeias globais Washington deverá ser explosiva. na e os outros grandes mercados
tração. Economistas esperavam ficit de US$ 927 milhões. Apesar kit, divulgado ontem. de suprimentos de manufatura. Se Trump impuser tarifas sobre consumidores de automóveis do
para fevereiro leitura igual a de do resultado positivo na balança, O índice de gerente de compras Já o setor de serviços foi ajudado os automóveis, grandes parceiros futuro, em vez de brigar por par-
janeiro, de 50,5. O PMI compos- os dados mostram desaceleração (PMI, na sigla em inglês) da indús- pelos gastos de empresas e consu- comerciais, especialmente a União ticipação de mercado numa eco-
to, que inclui o setor de serviços, da economia, já que as importa- tria americana caiu para 53,7 em midores, segundo o relatório, aju- Europeia, terão um grande proble- nomia madura onde políticas ex-
melhorou em fevereiro e subiu ções caíram 26,5% na comparação fevereiro, de 54,9 em janeiro, de dando a estimular uma recupera- ma para responder. Bruxelas já re- cêntricas estão devastan-
para 51,4, ante 51,0 de janeiro. interanual, e as exportações, 4,7%. acordo com a IHS Markit. O índice ção na criação de empregos. taliou impondo tarifas, em reação do planos de negócios.
Jornal Valor --- Página 10 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por CCassiano às 21/02/2019@20:22:19

A10 | Valor | Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Opinião
DAVID PAUL MORRIS/BLOOMBERG

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO
PRESIDENTE: Roberto Irineu Marinho
VICE-PRESIDENTES: João Roberto Marinho - José Roberto Marinho
PRESIDENTE EXECUTIVO
Jorge Nóbrega

é uma publicação da Editora Globo S/A


DIRETOR GERAL: Frederic Zoghaib Kachar
DIRETORA DE REDAÇÃO: Vera Brandimarte
Princípios editoriais do Grupo Globo: http://glo.bo/pri_edit

Pontosqueextrapolamobjetoda
reformatambémsãopolêmicos

A
proposta de reforma da começará a ser pago antes (60 anos, R$ 400),
previdência enviada pelo enquanto que o salário mínimo, antes
governo ao Congresso traz concedido aos 65 anos, só o será aos 70.
mudanças institucionais E, em um campo minado politicamente, a
importantes, para além das PEC leva a definição da idade da
modificações de elegibilidade, mecanismos aposentadoria compulsória do
de transição, valores de contribuição e funcionalismo público, de 75 anos, para a lei
direitos. Praticamente tudo que se refere às complementar, com quórum menor do que
aposentadorias e pensões dos regimes PECs. Atribui-se ao PSL a intenção de
próprios de previdência (RPPS) dos diminuir essa idade para 70 anos, permitindo
servidores públicos deixará de ser inscrito no que o presidente Jair Bolsonaro indique de 2
texto constitucional e passará a ser objeto de a 4 juízes da Corte em seu mandato.
projeto de lei complementar, o que exigirá A proposta de reforma de Bolsonaro, no
um quorum de votação em um único turno, fim das contas mais dura que a elaborada
por maioria simples (50% mais 1) no pela equipe do presidente Michel Temer,
Congresso. Com isso elimina-se a barreira exigirá um esforço coordenado e definição
forte dos 308 votos favoráveis, com dois estrita de prioridades sobre os pontos que
turnos nas duas Casas, que desencoraja e são acessórios e podem ser mudados ou
dificulta alterações no regime que beneficia o eliminados por negociação, e os que País tem baixa automatização, que define a industria
funcionalismo em relação aos demais
contribuintes, que lhes pagam a
constituem o núcleo da reforma, nos quais
deve-se evitar ao máximo mudanças — como
3.0, e dar um salto é grande desafio. Por Viviane Martins
aposentadoria, sem, no entanto, usufruir de tempo da transição, idade mínima e

Teremos o Brasil 4.0?


suas benesses. uniformização de RGPS e RPPS.
A PEC, porém, extrapola objetivos para fora Um governo com autoridade, e Bolsonaro
do campo da previdência. Propostas periféricas tem a das urnas, possui condições de aprovar
ao núcleo reformador, elas poderão ser uma reforma dura ou impopular. O

O
derrubadas ao longo do caminho, sem retirar presidente Fernando Collor arrancou do
termo Indústria 4.0 se pressoras de “pools” ou fornece- Logo, estes países desenvolverão
muito da potência da reforma, que pretende Legislativo até mesmo um inacreditável
originou em um proje- dores especializados em impri- os processos e produtos e nós im-
obter economias de R$ 1,074 trilhão em dez confisco da poupança dos brasileiros. to de estratégias do go- mir peças em diversos materiais, primiremos por aqui, para bara-
anos. Um dos exemplos é a dispensa do Precisará para isso, porém, de uma costura verno alemão voltadas para vários tipos de clientes. tear os custos, afetando profunda-
pagamento de multa de 40% do FGTS para o política hábil e de uma coordenação política à tecnologia. Foi utilizado pela Qualquer fabricante das im- mente a indústria brasileira, que
trabalhador que já se aposentou e continua à altura da tarefa, que estão em falta, mas que primeira vez na Feira de Hanno- pressoras 3D agora apresenta co- irá carecer de desenvolvimento.
empregado. A empresa não necessitará mais podem ser construídos no caminho. ver em 2011. Seu fundamento mo degustação a produção de Além do impacto na cadeia de
realizar o depósito mensal de 8% do Fundo para Caberá à coordenação política a tarefa de implica que, conectando máqui- sistemas complexos, peças que se valor, seria leviano ignorar o im-
o aposentado. A medida nada tem a ver com o afastar turbulências que possam turvar a nas, sistemas e ativos, as empre- encaixam uma dentro da outra, pacto da Indústria 4.0 no empre-
INSS, reduz custos das empresas e atinge cerca reforma. Uma delas: as demandas dos sas podem criar redes inteligen- produzidas em uma só operação, go brasileiro. Onde há montado-
de 5 milhões de aposentados que trabalham. governadores. A maioria deles queria a inclusão tes ao longo de toda a cadeia de em vez de várias delas sequencia- res, soldadores e outros, pode ha-
valor, controlando os módulos das e com muitas interfaces com ver apenas um operador de Im-
O projeto aumenta a transparência do dos regimes de Estados e municípios na PEC,
da produção de forma autôno- potencial para problemas. Mais pressora 3D, capaz de abastecer e
sistema ao prever a segregação do orçamento com receio do desgaste que sofreriam em seus
ma. Ou seja, fábricas passam a ter interessante ainda: as impresso- vigiar muitas dessas máquinas de
entre saúde, previdência e assistência. Propõe Estados se o fizessem por sua conta. Foram capacidade e autonomia para ras 3D permitem o compartilha- uma só vez, apenas para o caso de
também o fim da Desvinculação de Receitas da atendidos. Outros, porém, acham que isso não agendar manutenções, prever fa- mento do ativo, uma vez que em haver uma pane de energia ou al-
União (DRU) da seguridade social, mecanismo resolve o problema de curto prazo. Em suma, lhas nos processos e se adaptar um mesmo ciclo, podem produ- go assim. Uma impressora 3D po-
que permitia ao governo usar parte dos querem dinheiro. Isso não tem nada a ver com a aos requisitos e mudanças não zir diferentes peças ao mesmo de substituir de fato o trabalho
recursos para outras finalidades. É peremptório reforma, mas pode atrapalhá-la. A questão é planejadas na produção. tempo, de distintos clientes, de operacional. Se para um país de-
ao acrescentar que nenhum benefício social importante e uma solução terá de ser esboçada. É uma revolução que não tem diferentes partes do mundo. senvolvido isso significa menor
poderá “ser criado, majorado ou estendido por Outro alarido geral vem dos partidos, freio. Reduções de custos podem Embora não seja fácil configu- necessidade de mão de obra de
ato administrativo, lei ou decisão judicial” sem inclusive aliados, que querem que o governo chegar a patamares de até 30%. rar uma impressora 3D para um uma população ativa em franco
que exista a correspondente fonte de custeio. libere cargos vagos nos Estados e emendas Se terra, trabalho e capital já fo- novo processo industrial (uma encolhimento, por aqui precisa-
ram fatores produtivos em ou- empresa europeia relatou cerca mos refletir se estamos prontos
Há redução de benefícios sociais que serão parlamentares. O governo, ao criar o eufêmico
tros séculos, atualmente a tecno- de um ano para configurar todos para requalificar nossa mão de
alvos de contestação certos. Bancadas dos “banco de talentos” vai atender parte das
logia e a capacidade de inovação os equipamentos até atingir pre- obra, preparando-a para traba-
Estados do Norte e Nordeste, que somam demandas. A única coisa que o Planalto tem de têm sido incorporadas em diver- cisão e estabilidade para a pro- lhar lado a lado com robôs, e para
praticamente a metade da Câmara dos deixar de fazer é dar tiros no próprio pé e sas abordagens econômicas. dução de peças odontológicas), o atuar em outras funções quer as
Deputados, já reclamaram da mudança no encarar a reforma como a batalha inaugural Podemos resumir a Indústria conhecimento mais valioso não impressoras 3D substituirão.
benefício de prestação continuada, que que ditará seu destino ao longo de 4 anos. 4.0 em três elementos funda- está na operação das impresso- Em um país em que a automa-
mentais: os sensores conectados ras, mas, sim, nos projetos, nos tização, que define a indústria
em rede, os robôs e as impresso- quais embarcam todo o conheci- 3.0, ainda é tão baixa (24%, se-
Diretora Adjunta de Redação Repórteres Especiais Editor de Internacional Editor de Arte/ ras 3D. Com estes elementos, mento técnico e que se tornam gundo pesquisa da CNI), isso é
Claudia Safatle Alex Ribeiro (Brasília) Humberto Saccomandi Fotografia avanços transformadores são um diferencial competitivo real. um grande desafio. Lembro-me
(claudia.safatle@valor.com.br) (alex.ribeiro@valor.com.br) (humberto.saccomandi@valor.com.br) Silas Botelho Neto viabilizados, tais como a internet vividamente de uma experiência
Diretora de Conteúdo Digital Editora de Tendências (silas.botelho@valor.com.br)
Angela Bittencourt das coisas, a inteligência artifi- que tive em uma indústria ali-
Raquel Balarin
(angela.bittencourt@valor.com.br)
& Consumo e Tecnologia Editora Valor Online
cial e o big data.
Brasil corre o risco de se mentícia há cerca de 10 anos. Ao
(raquel.balarin@valor.com.br)
Editor-executivo de Opinião
Daniel Rittner (Brasília)
Cynthia Malta
(cynthia.malta@valor.com.br)
Paula Cleto
(paula.cleto@valor.com.br) Neste avanço sem precedentes, tornar um grande entrar na fábrica, deparei com
José Roberto Campos
(daniel.rittner@valor.com.br)
Daniela Chiaretti
Editor de Indústria Coordenador Valor Data é hora de o Brasil agir. Um enorme parque “impressor”, uma esteira ao lado da qual se
(jose.campos@valor.com.br) e Infraestrutura William Volpato impacto da Indústria 4.0 poderá que não desenvolve nem sentavam 100 pessoas (número
Editores-executivos (daniela.chiaretti@valor.com.br) Ivo Ribeiro (ivo.ribeiro@valor.com.br) (william.volpato@valor.com.br)
ser sentido por países em desen- exato, sem força de expressão),
Célia de Gouvêa Franco Graziella Valenti Editor de Agronegócios Editores de
volvimento, como o nosso. Isso retém tecnologia 50 de um lado, 50 do outro. Eles
(celia.franco@valor.com.br) (graziella.valenti@valor.com.br) Fernando Lopes Projetos Especiais
Cristiano Romero João Rosa (fernando.lopes@valor.com.br) Célia Rosemblum porque o projeto de peças e siste- pegavam os pedaços do produto
(cristiano.romero@valor.com.br)
(joao.rosa@valor.com.br)
Editora de Finanças (celia.rosemblum@valor.com.br) mas poderá ser realizado em locais O Brasil corre o risco de se tor- cru, colocavam dentro das lati-
Pedro Cafardo Alessandra Bellotto Tania Nogueira Alvares
Maria Cristina Fernandes ou países com alto desenvolvi- nar um grande parque “impres- nhas que chegavam vazias pela
(pedro.cafardo@valor.com.br) (alessandra.bellotto@valor.com.br) (tania.nogueira@valor.com.br)
Chefe da Redação em Brasília
(mcristina.fernandes@valor.com.br)
Editor de S.A. Correspondentes
mento tecnológico e simplesmen- sor”, que não desenvolve nem esteira, davam “tapinhas” para
Rosângela Bittar Marli Olmos Nelson Niero internacionais te “impressos” nos locais consumi- retém conhecimento tecnológi- que os pedaços encaixassem bem
(rosangela.bittar@valor.com.br) (marli.olmos@valor.com.br) (nelson.niero@valor.com.br) Assis Moreira (Genebra) dores, de modo a evitar custos lo- co. Aqui é necessária uma ressal- e recolocavam-nas na esteira. Fi-
Ribamar Oliveira (Brasília)
Chefe da Redação no Rio Editora de Carreiras (assis.moreira@valor.com.br) gísticos. Em vez de exportarem va: não me refiro às indústrias quei em choque, diante daquela
Heloisa Magalhães (ribamar.oliveira@valor.com.br) Stela Campos Juliano Basile (Washington)
(heloisa.magalhaes@valor.com.br) (stela.campos@valor.com.br) (juliano.basile@valor.com.br)
produtos que, muitas vezes, atra- do petróleo e de bebidas, que se cena tão Charles Chaplin no fil-
Editora de Brasil
Coordenadora Valor Pro Catherine Vieira Editor de Cultura Correspondentes nacionais vessam oceanos para chegar ao destacam em nível mundial, me Tempos Modernos, de 1936,
Denise Neumann
(catherine.vieira@valor.com.br)
Robinson Borges Marcos de Moura e Souza mercado de destino, o desenvolvi- mas especialmente sobre a in- que quase robotizava as pessoas,
(denise.neumann@valor.com.br)
Editor de Política
(robinson.borges@valor.com.br) (Belo Horizonte) mento dos produtos pode ser con- dústria de manufatura e mesmo de tão repetitiva era a tarefa.
Editora Especial Editora de Legislação & Tributos (marcos.souza@valor.com.br)
César Felício centrado em apenas um local e a a cadeia de fornecimento da in- Infelizmente um atraso como
Vanessa Adachi Zinia Baeta Marina Falcão (Recife)
(vanessa.adachi@valor.com.br) (cesar.felicio@valor.com.br) (zinia.baeta@valor.com.br) (marina.falcao@valor.com.br)
produção, descentralizada. dústria automobilística. essa cena não é muito diferente
Isso reduz custos e preserva co- O Brasil tem cerca de 2% do seu de como nossa indústria se en-
Diretor de Eventos e Seminários Diretor de TI
nhecimento tecnológico. O que parque fabril na indústria 4.0 (Es- contra diante dos desafios 4.0.
Carlos Raíces (carlos.raices@valor.com.br) Roberto Martins Portella Filho (roberto.portella@valor.com.br) deve viabilizar esta enorme mu- tudo Indústria 2027, CNI). Isso Permito-me repetir o que disse
dança é, acredite, o custo das im- nos dá a ideia do atraso. Alguém o professor indiano Soumitra
Filiado ao IVC (Instituto Verificador de Comunicação) e à ANJ (Associação Nacional de Jornais) pressoras 3D. Esqueça aquela ima- mais otimista pode questionar se, Dutta, da Cornell SC Johnson
Valor Econômico Av. 9 de Julho, 5229 – Jardim Paulista – CEP 01407-907 – São Paulo - SP – Telefone 0 xx 11 3767 1000 gem estereotipada de uma im- com tão pouco desenvolvimento, College of Business, de que “falta
Departamentos de Publicidade Impressa e On-line SP: Telefone 0 xx 11 3767-1012, RJ 0 xx 21 3521 1414, DF 0 xx 61 3717 3333. pressora pessoal que produz um há potencial para o país, saltando ambição ao Brasil”.
Legal SP 0 xx 3767 1323
Redação 0 xx 11 3767 1000. Endereço eletrônico www.valor.com.br
brinquedo. Uma impressora 3D a etapa 3.0 indo direto para a 4.0, Não tenho respostas, mas pro-
Sucursal de Brasília SRTVN Quadra 701 – Módulo C – Centro Empresarial Norte - sala 801 – Bloco B – CEP 70719-900 substitui, de fato, o trabalho ope- copiando a experiência que a Chi- ponho que façamos as pergun-
Sucursal do Rio de Janeiro Rua Marques de Pombal, 25 – Nível 2 – Bairro: Cidade Nova – Rio de Janeiro/RJ – CEP 20230-240 racional de uma fábrica. Chega a na teve com determinadas tecno- tas corretas para endereçarmos
custar, em números médios, de 5 a logias, que não passaram por esse problema. Empresas brasi-
Publicidade - Outros Estados
BA/SE/PB/PE e Região Norte MG/ES - PR - SEC - Soluções RS - SC - Marcucci & 10 vezes menos que a ferramenta- uma evolução, implantando dire- leiras têm senso de sobrevivên-
Canal Chetto Comun. e Sat Propaganda Estratégicas em HRM Representações Gondran Associados ria que uma indústria automobi- to o mais alto nível de inovação. cia e se adaptam à necessidade.
Representação Tel./Fax: (31) Comercialização Tel./Fax: (51) Tel./Fax: (48)
Tel./Fax: (71) 3043-2205 3264-5463/3264-5441 Tel./Fax: (41) 3019-3717 3231-6287/3219-6613 3333-8497/3333-8497
lística utiliza, por exemplo. Infelizmente não há em nosso Mas não se pode perder tempo.
As impressoras 3D necessárias país investimentos suficientes em Teremos o Brasil 4.0?
Para venda de assinaturas e atendimento ao assinante ligue:
0800-7018888 de segunda a sexta das 07h00 às 19h00.
para a produção local podem ser pesquisa e desenvolvimento que
assinaturas@valor.com.br - atendimento@valor.com.br. Para assinaturas corporativas e-mail: corporate@valor.com.br. “proprietárias” de subsidiárias permitam acelerar mais que os Viviane Martins é presidente da Falconi,
Aviso: o assinante que quiser a suspensão da entrega de seu jornal deve fazer esse pedido à central de atendimento com 48 horas de antecedência. instaladas em países em desen- países que estão na dianteira, pa- engenheira mecânica pelo CEFET Minas
Preço de assinatura anual nova (impresso + digital) para regiões Sudeste, Distrito Federal e Paraná: R$1.030,80 ou R$85,90 mensais. volvimento ou longínquos. Mais: ra recuperar parte da grande dis- Gerais e especialista em Gestão de
Demais localidades, consultar o atendimento ao assinante: tel: 0800 701 8888. Carga tributária aproximada: 3,65%. podem ainda ser utilizadas im- tância de separação. Negócios pela Fundação Dom Cabral.
Jornal Valor --- Página 11 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por CCassiano às 21/02/2019@20:21:53

Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Valor | A11

Opinião

Os ‘brumadinhos’ da educação Frase do dia

“Foi a decisão
dados, o país vem acreditando manos, que consomem quase todo virtude desta estagnação, o traba- regulamentação do ensino médio
João Batista
Oliveira
que as coisas estão melhorando.
Mas a ficha caiu até para Andreas
o orçamento do setor. Mas tam-
bém é enorme na (des)organiza-
lhador brasileiro tem ficado para
trás na comparação internacio-
pelo Conselho Nacional de Educa-
ção não permitem a oferta de cur-
mais errada
Schleicher, responsável pelo Pisa
na OCDE e geralmente pródigo
ção da rede física. Por detrás dessas
fraturas no dique, esconde-se uma
nal. Por exemplo, em 1980 a pro-
dutividade do trabalhador brasi-
sos técnicos como em outros paí-
ses, nem a oferta de programas co-
que tomei. Foi a
nos seus elogios aos países que
participam do certame. Em re-
outra ainda maior, que vai derra-
mar lama por décadas, e que se
leiro era 25% da de um trabalha-
dor norte-americano. Em 2010, já
mo o I.B. (international Baccaléau-
reat) — tudo em nome de uma ina-
pior. O povo
cente entrevista concedida a uma
rede de TV nacional, ele consta-
chama imprevidência: a maioria
dos atuais professores poderão se
tinha sido reduzida a 16%, e essa
tendência vem se acentuando.
tingível “educação geral” e de um
aparentemente intocável Enem.
brasileiro pagou
tou o que alguns poucos pesqui-
sadores brasileiros já vêm obser-
aposentar nos próximos dez anos
com idade inferior a 55 anos, e o
Menos Brasília e mais
Qual é a causa de tantos desas-
tres? Por que tem sido tão difícil pela decisão e
vando há tempos: desde 2009, o
ritmo de melhoria da educação
custo de suas aposentadorias e
pensões em breve poderá ultra- Brasil poderia abrir
evitar que continuem acontecen-
do? As causas são conhecidas: um eu guardo isso

A
caminho para iniciativas
cada ano, com os da-
dos do Censo Escolar; a
brasileira está se arrefecendo.
O fato é que os reais aumentos
passar o total das receitas de Esta-
dos e municípios, pois raramente inovadoras, calcadas em
federalismo troncho que se escon-
de por detrás do ambíguo concei- na alma”.
cada dois anos, com a no desempenho dos alunos nas sé- esses desembolsos estão cobertos to de “responsabilidades compar- Do ex-presidente José Sarney,
Prova Brasil; e a cada ries iniciais não foram suficientes por fundos previdenciários.
novas estratégias tilhadas”; políticas expansionistas sobre o Plano Cruzado II
três anos, com o Pisa, espalha-se para assegurar melhorias nas sé- A causa desses problemas está que privilegiam a quantidade sem
democraticamente sobre o terri- ries finais. Ademais, a maior parte na adoção de políticas expansio- Outro importante “brumadi- levar em conta a qualidade; inte-
tório nacional a lama do descaso
e da ineficiência com as questões
desse aumento se deve a melhorias
nos fatores extraescolares — não a
nistas irrefletidas e irresponsáveis,
com ritmo, foco e regras equivoca-
nho” de nível nacional associado à
produtividade são os recorrentes e
resses corporativos que assumi-
ram o status de “conquistas”; e um
Cartas de
da educação. Há esforços de me- melhorias no que efetivamente das de carreira e remuneração — baixos resultados do Brasil no Pisa. grande consenso nacional forma- Leitores
lhoria, há mobilização de parte acontece na sala de aula. tudo em nome de uma genérica e Perdemos feio no confronto. Nossa do ao redor de ideias equivocadas.
da sociedade, mas os equívocos As dimensões da avalanche no irresponsável “valorização dos média nos coloca entre os piores As saídas são conhecidas, mas
ainda superam de longe o enten- nível individual também são mo- professores”. Sem uma profunda do mundo, e os avanços têm sido não são fáceis. Menos Brasília e PSDB sem rumo
dimento dos problemas e o enca- numentais no que se refere ao de- revisão nas políticas federais que pífios nos primeiros 20 anos deste mais Brasil poderia abrir cami- Decadente, esse partido de FHC,
minhamento das soluções. sempenho escolar. Apenas 16, 15 e forçam Estados e municípios a ele- século. O mais grave está na outra nhos para estimular iniciativas hoje, infelizmente, ainda presi-
No nível individual, a cada ano, 5% dos concluintes do 5 o , 9 o e 3 o var seus gastos e nas demagógicas ponta: nos países educacional- inovadoras, desde que calcadas dido pelo ex-governador Geral-
a repetência e evasão arrastam pa- ano do ensino médio alcançam os e insustentáveis políticas de pes- mente mais avançados e que tam- em novas estratégias e mecanis- do Alckmin, em decisão rasteira,
ra a lama 6,3 milhões de indiví- níveis de 250, 300 e 350 pontos nos soal dos próprios Estados e muni- bém exibem maior produtividade, mos de financiamento. e desrespeitosa com seus eleito-
duos. A repetência penaliza 7,3% testes dessas séries. Esta nota cor- cípios, a avalanche será devastado- mais de 10% dos alunos atingiram Crises podem constituir oportu- res, livra de expulsão históricos
dos alunos nas séries iniciais, 11% responde aos níveis 5 e 6 na escala ra. Se as autoridades educacionais ao menos o nível 5 (de um total de nidades excepcionais para mu- filiados, que vergonhosamente
nas séries finais e 10,5% no ensino de proficiência em Matemática da não estão atentas ao fato, parece 6) na prova de Ciências em 2015 danças e até mesmo para provocar traíram a sigla, e outros que já
médio, e é agravada pela evasão Prova Brasil. Tem mais: em 107 que o pessoal responsável pela (Alemanha, 10,6; Canada, 12,4; destruições criativas. A área econô- são réus por atos de corrupção
(2,1%, 5,4% e 11,2% respectivamen- municípios, mais de 90% dos alu- economia já começou a perceber. Finlândia, 14,3; Japão, 15,3), ao mica do governo tem lançado na Lava Jato, como Aécio Neves. E
te). Nos níveis em que ocorre no nos encontram-se abaixo da mé- No nível do país, o grande passo que no Brasil apenas 0,7% ideias e balões de ensaio que pode- se o Paulo Preto, operador do
Brasil, a repetência é fruto de im- dia nacional. Ou seja, poucos con- “brumadinho” está na estagna- dos alunos atingem esse nível. Es- riam oxigenar o setor. Políticas vol- PSDB, que pela terceira vez foi
perícia no ensino, mas quem paga seguem ficar acima da lama. ção da produtividade do traba- tudos mostram a elevada correla- tadas para o aumento da produti- preso pela Polícia Federal fizer
o pato é o aluno. A evasão é a bom- No nível das redes de ensino, ou lhador. Vivemos um paradoxo: ção entre a robustez da elite inte- vidade talvez sirvam para estancar delação pelos mais de R$ 100 mi-
ba de efeito retardado da repetên- seja, na esmagadora maioria dos aumenta o nível de escolaridade lectual de um país e diversos ou- a ocorrência de novos “brumadi- lhões que arrecadou de propina
cia. Ambas comprometem as Estados e municípios, os “bruma- da população e da força de traba- tros indicadores — especialmente nhos”. É preciso agir. E rápido. enquanto diretor da Dersa, e que
chances de emprego e a renda das dinhos educacionais” atendem pe- lho, mas a produtividade não em termos de produtividade. pode ter favorecido candidatos
pessoas para o resto de suas vidas. lo nome de ineficiência. Ela é gi- avança. A produtividade de hoje é Apesar dos elogios, a celebrada João Batista Araujo e Oliveira é tucanos, neste caso o partido
Nos últimos anos, apesar dos gantesca na gestão de recursos hu- similar à observada em 1980. Em lei do Ensino Médio e a aplaudida presidente do Instituto Alfa e Beto desmorona de vez...
Paulo Panossian
paulopanossian@hotmail.com

Pesquisas mostram o colapso da confiança europeia na liderança americana. Por Philip Stephens Anti-globalismo

Merkel,Trumpeumaaliançadesfeita
A dupla de professores da EP-
GE-FGV, Pedro Cavalcanti e Rena-
to Fragelli, que incansavelmente
combateram o populismo de es-
querda dos governos petistas
através de seus artigos mensais
nesse jornal, longe portanto de

A
qui, no grande salão sua preferência por autocratas que sejam considerados suspei-
de baile do Bayeris- autoritários sobre paladinos da tos de se opor ao atual governo,
cher Hof de Munique, ordem internacional liberal. O em “Globalismo, leite e outros
houve um momento Estado de Direito mal tem lugar equívocos”, artigo publicado na
em que os europeus lavaram a al- em sua visão de mundo. edição de ontem do Valor (A17),
ma. O ataque violento de Angela O impacto corrosivo disso so- abordam questões fundamen-
Merkel ao governo de Donald bre a opinião pública europeia fi- tais, que se transformarão em
Trump, nos Estados Unidos, em ca patente em pesquisas que obstáculos para a futura gover-
defesa da ordem internacional li- mostram o colapso da confiança nança. O apego ao anti-globalis-
beral, liberou uma enxurrada de na liderança americana. Como a mo defendido pelo presidente
frustração reprimida. Mike Pen- Alemanha pode defender o atlan- Trump, que nosso ministro das
ce, que se seguiu à premiê alemã ticismo, lamuriam-se os diplo- Relações Exteriores considera “o
como ocupante da tribuna no sá- matas de Berlim, num momento salvador da civilização ociden-
bado, deve ter tido seus fones de em que uma parcela considerável tal”, via Steve Bannon e o “filóso-
ouvido desligados. Os aliados dos eleitores do país prefeririam fo” Olavo de Carvalho, é um dos
dos EUA, recitou o vice-presiden- depositar sua fé em Putin do que maiores equívocos cometidos e
te dos EUA, devem agir de acordo no presidente dos EUA? deve deixar a turma do Itamara-
com as ordens recebidas. O enfraquecimento da aliança ty de cabelo em pé.
O fato de esse ácido diálogo ter antecede a Trump. Apesar de sua Essa hostilidade gratuita com
ocorrido na Conferência de Se- retórica grandiloquente, o a China, nosso atual maior par-
gurança de Munique, que por 50 ex-presidente dos EUA, Barack ceiro comercial, junta-se às bar-
anos foi o lar espiritual do atlan- Obama, esperou até o fim de seu baridades cometidas pelos go-
ticismo, tem algo a nos dizer so- segundo mandato para demons- vernos petistas na condução de
bre a situação de uma relação trar muito interesse na renovação nossa política externa. O caso do
que, nem tanto tempo atrás, co- dos laços com a Europa. A ausên- aumento da tarifa de importa-
memorava a vitória sobre o co- cia no encontro deste ano do fale- ção do leite, atendendo ao velho
munismo soviético. Os europeus cido senador John McCain foi um lobby dos produtores, abre a
têm-se inclinado a minimizar o chamado ao bom senso para o porteira para outras solicitações
impacto do governo Trump so- desaparecimento da geração de da espécie, para arrepio do Posto
bre a aliança da Organização do políticos e autoridades decisórias Ipiranga. É o liberalismo indo
Tratado do Atlântico Norte americanas criados sob a tônica para o brejo.
(Otan). Mas tudo tem limite. do atlanticismo. Mas a extinção Dirceu Luiz Natal
Nesse caso, “limite”, para Mer- da comunidade de valores abre dirluna@gmail.com
kel, incluiu as decisões unilaterais fendas nos próprios alicerces.
de Trump de tirar as tropas ameri- A dura realidade geopolítica é Igreja
canas do Afeganistão e da Síria, de ministrar nosso lar comum, pro- máximo, mais seis anos na Casa a de que ambos os lados ainda O esforço da Igreja Católica, sob
se retirar de um tratado que proi-
As mudanças no poder põe Lavrov. O que ele quer dizer, Branca e, com um pouco de sor- precisam um do outro. Merkel o comando do Papa Francisco,
bia o uso de armas nucleares de al- mundial tornam a naturalmente, é que, com a retira- te, apenas dois. Os democratas, pode falar da possibilidade de a em eliminar os crimes sexuais do
cance intermediário e de ameaçar Europa um aliado da dos americanos, Moscou pode- recentemente tornados majori- Europa assumir maior responsa- clero, é saudavelmente desejável.
a Europa por não aderir às sanções mais, e não menos, rá assumir o controle. tários na Câmara dos Deputa- bilidade por seus próprios as- Em qualquer organização com
americanas contra o Irã. Cada uma Pequim também vê uma opor- dos, enviaram uma delegação suntos de segurança, mas há milhares de participantes, é qua-
dessas decisões tem influência vi-
importante, para os tunidade. Yang Jiechi, o titular de considerável para Munique, poucas provas de que ela esteja se impossível evitar-se que tais
tal sobre a segurança europeia; to- EUA. Em um mundo relações exteriores do Partido transmitindo o recado de que preparada para convencer uma desvios aconteçam.
das foram tomadas pela Casa fadado a ser moldado Comunista, colocou a China soli- Washington ainda tem atlanti- Alemanha pacifista a enveredar José Nobre de Almeida
Branca sem menção a, ou discus- por alianças damente do lado de Merkel, ao cistas. Os otimistas apontam pa- por esse caminho. Macron ten- josedalmeida@globo.com
são com, seus parceiros. elogiar o papel das regras mun- ra um descompasso entre a retó- tou apressar as coisas. Merkel as
transacionais frias,
Acrescente-se a isso a absurda
ameaça de Trump de declarar que os europeus e os
diais e das instituições no enfren-
tamento de desafios como a pro-
rica de Trump e a política con-
creta dos EUA. Ele ridiculariza a
desacelerou.
Quanto aos EUA, Trump pode
Correção
as exportações de automóveis eu- americanos são, ambos, liferação nuclear e a mudança Otan; o Pentágono enviou mais não entender isto, mas as mu-
ropeus (ele quer dizer alemães) climática. Yang prestou homena- soldados americanos para o Les- danças no poder mundial tor-
são um perigo para a segurança
os perdedores. gem ao multilateralismo quase te Europeu a fim de fazer frente nam a Europa um aliado mais, e Diferentemente do informado na ta-
nacional dos EUA e fica claro por com a mesma frequência com à ameaça representada pelo re- não menos, importante. Este não bela publicada com a matéria “Frustra-
que uma Angela Merkel energi- que Pence elogiou Trump. visionismo russo. é um continente que Washing- ção com economia desafia expectativa
zada foi ovacionada em pé — e Os europeus estão preocupados É bem verdade. Mas a corrente ton pode se dar ao luxo de perder de estabilidade da Selic”, na página C2
por que um insensível Pence es- com a investida de Pequim rumo que defende que a realidade não para seus rivais. O que se perdeu da edição do dia 20 de fevereiro, a Wes-
barrou praticamente no silêncio. ao Ocidente por meio de sua Ini- é tão ruim quanto a retórica ig- foi a proximidade que acompa- tern Asset estima que a taxa básica de
Os vitoriosos de Munique fo- ciativa do Cinturão e da Rota e com nora o esvaziamento de uma nha a ideia de um esforço com- juros atingirá 7,5% em 2020, e não
ram a Rússia e a China. Sergei La- a liderança assumida pela chinesa aliança fundamentada no passa- partilhado e a confiança que dá 6,5%. Além disso, a AZQuest prevê Se-
vrov, o obstinado ministro das Re- Huawei na produção da tecnolo- do em princípios e valores com- espaço às discordâncias constru- lic a 7,75% no fim de 2019, e não 7,5%.
lações Exteriores da Rússia, rara- gia das comunicações da próxima partilhados, tanto quanto na de- tivas. Em um mundo fadado a ser
mente se permite um sorriso. Foi geração. Mas será que o continen- fesa comum. A carta de fundação moldado por alianças transacio- Correspondências para
difícil para ele conter sua satisfa- te, perguntou Yang, quer mesmo da Otan começa com um com- nais frias, os europeus e os ameri- Av. 9 de Julho, 5229 - Jardim
ção. Se o presidente da Rússia, se submeter à hegemonia tecnoló- promisso com a democracia, a li- canos são, ambos, os perdedores. Paulista - CEP 01407-907 - São
Vladimir Putin, tem um objetivo gica dos EUA? berdade e o Estado de Direito. (Tradução de Rachel Warszawski) Paulo - SP, ou para
estratégico abrangente, é causar Há, ainda, os que acreditam Nâo são valores que despertem cartas@valor.com.br, com nome,
discórdia entre europeus e ameri- que as coisas poderão voltar a muito o entusiasmo de Trump. O Philip Stephens é editor e comentarista endereço e telefone. Os textos
canos. Vamos nós, europeus, ad- ser como antes. Trump tem, no presidente dos EUA deixou clara político do Financial Times. poderão ser editados.
Jornal Valor --- Página 12 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por VDSilva às 21/02/2019@20:28:43

A12 | Valor | Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Especial
América Latina O chefão Joaquín Guzmán foi condenado nos EUA, mas o tráfico está mais ativo do que nunca

A guerra sem fim do México com as drogas


MAMTA POPAT/AP
Jude Webber mais do que no ano anterior, se-
Financial Times, da Cidade do México gundo a agência da ONU.
O aumento das apreensões de
O presidente do México, An- drogas na fronteira do México
drés Manuel López Obrador, re- com os EUA indica que o forneci-
cebeu um alerta mordaz neste mento rumo ao norte também es-
mês: uma faixa pintada cruamen- tá aumentando. Segundo a DEA,
te a mão, pendurada numa ponte a maior parte da heroína é envia-
na cidade fronteiriça de Tijuana. da pelo corredor de San Diego,
Foi obra de um aliado do cartel perto de Tijuana — em grande
mais agressivo do México, o Car- medida contrabandeada por
tel de Jalisco Nova Geração pontos legais de entrada, sinali-
(CJNG), que trava uma guerra zando que o muro na fronteira
brutal contra o Cartel de Sinaloa defendido pelo presidente Do-
pela supremacia na porta de en- nald Trump seria de pouca valia
trada ao mercado de drogas dos para deter o que ele vem chaman-
EUA pela costa do Pacífico. do de uma “invasão” de drogas.
A guerra por território, uma Em 2017, as apreensões de he-
repetição das guerras entre má- roína no corredor de San Diego
fias mexicanas de dez anos atrás, aumentaram quase 60%. As apre-
tornou Tijuana a cidade mais ensões de cocaína subiram quase
mortal do país. Em 2018 foram 25% em 2017, terceiro ano segui-
2.404 homicídios, o que levou do de crescimento, e chegaram
López Obrador a enviar 1,8 mil ao maior patamar em cinco anos.
soldados para tentar interrom- Na fronteira, o confisco de fen-
per a escalada da violência. tanil, um poderoso opiáceo pro-
“Você não pode fazer nada duzido na China e no México e
contra nós (...), nem com todo que vem sendo misturado cada
seu pessoal de m**da”, desafia- vez mais à heroína para torná-la
vam os traficantes na mensagem mais forte, disparou, com alta de
ao novo presidente do México. 135% em 2017, segundo a DEA. O
“Saia da p**** de Tijuana. Não produto também é traficado em
queremos você aqui (...), esta não sua maior parte através da região Apreensões de fentanil e metanfetamina feitas por autoridades americanas na região de Nogales, no Arizona, que faz fronteira com o Estado mexicano de Sinaloa
é uma guerra sua.” de San Diego. É o caso também da
Algumas manchetes recentes maior parte das metanfetaminas,
podem dar a impressão de que as cujas apreensões cresceram 255% Mais heroína mexicana nos EUA* Colômbia aumentou produção de cocaína
autoridades dos dois lados da nos cinco anos até 2017 Origem da droga vendida no varejo, em número de compras Em toneladas
fronteira estão obtendo avanços Apesar da concorrência de no-
América do Sul México Sudeste Asiático Ásia Ocidental Desconhecido
na luta contra as drogas ilícitas vos rivais, o Cartel de Sinaloa ain- 1.200
no México. Na semana passada, da é o maior na distribuição de 600
1.000
em Nova York, Joaquín “El Cha- drogas nos EUA. No site da DEA, 500

po” Guzmán, o outrora todo-po- logo abaixo da notícia comemo- 400


800

deroso chefe do Cartel de Sina- rando a “enorme vitória” da con- 600


300
loa, foi condenado em dez acusa- denação de Guzmán, há um aviso
ções de tráfico de drogas e lava- de “procurado” para Ismael “El 200 400

gem de dinheiro. Ele é o barão Mayo” Zambada, parceiro de lon- 100


200
das drogas de maior visibilidade ga data de Guzmán e que, segun- 0
já julgado nos EUA. do se acredita, estaria coman- 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016
0
2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017
Ao mesmo tempo, López Obra- dando o Cartel de Sinaloa agora. Fonte: DEA *Nas cidades de: Atlanta, Baltimore, Boston, Chicago, Detroit, Miami, Nova Orleans, Nova York, Newark,
Fonte: Sistema Nacional de Informações Laboratoriais Forenses/ DEA (agosto de 2017)
dor buscou reorientar o foco da “Você não vai acabar com o trá- Orlando, Filadélfia, Pittsburgh, Richmond, San Juan, Washington

luta contra o tráfico de drogas. fico de drogas no México. É uto-


Pouco depois da condenação de pia achar que pode conseguir is- chefão das drogas da velha esco- xa seu refúgio na montanha [em pórteres investigativas sobre car- tolas incrustadas de diamantes,
Guzmán, ele visitou Badiraguato, so, havendo 30 milhões de consu- la. Gastou bilhões para comprar Sinaloa e na vizinha Durango]”, téis no México, cujo livro “Narco- uma AK-47 banhada a ouro e sa-
a cidade natal do chefão, no no- midores nos EUA”, diz Guillermo proteção de autoridades pelo diz Alejandro Hope, especialista landia” documenta os laços próxi- las para assassinatos com isola-
roeste do Estado de Sinaloa, para Valdés, ex-chefe da inteligência país. Segundo testemunho ouvi- mexicano em segurança. mos entre os barões da droga e au- mento acústico e um ralo no chão
inaugurar um trio de projetos pú- mexicana. “A questão é que tipo do no julgamento, isso chegava Há vários concorrentes ao tro- toridades mexicanas, há outra para limpar o sangue do chão.
blicos, entre os quais um de plan- de tráfico de drogas você tolera”. até o ex-presidente Enrique Peña no. Nemesio Oseguera, conheci- ameaça. Uma nova geração de che- Também foram descritos os ca-
tação de árvores. Um dos lemas O aumento no tráfico alimenta Nieto, que foi acusado de receber do como “El Mencho”, de 52 anos, fes — que ela chama de “ameaça si- sos em que ele bateu com um por-
de sua campanha era “abraços, a violência. O México teve um re- um pagamento de US$ 100 mil fugitivo e chefe do CJNG, tornou lenciosa” — conquistou seu lugar à rete em duas vítimas até que pare-
não balaços” e ele tem promovi- corde de 30.499 assassinatos em do Cartel de Sinaloa. Peña Nieto seu cartel iniciante sinônimo de força, armando alianças específi- cessem trapos de pano e em que
do com empenho programas so- 2018, 15% a mais do que em 2017. nega a acusação. brutalidade desde que ganhou cas com outros chefes e negocian- atirou em um rival do cartel e orde-
ciais que, segundo acredita, vão Em apenas pouco mais de 12 Essas conexões ajudaram Guz- proeminência nos últimos anos. do grandes quantidades de dro- nou que ele fosse enterrado vivo
ajudar a tirar os jovens das garras anos, desde que o então presiden- mán a fugir duas vezes da prisão — Oseguera, que foi policial no gas, mas ficando fora do radar por enquanto ainda tentava respirar.
do crime organizado. te Felipe Calderón lançou uma a primeira em 2001, escondido em Estado de Michoacán e que plan- usar um mínimo de violência. Houve uma omissão gritante,
Ele diz que sua tarefa não é fi- desastrosa guerra contra as dro- um carrinho de roupas para a la- tava abacates quando criança, Há 20 anos, era Guzmán o lí- no entanto, segundo Hernández:
car caçando chefes de cartel — gas, mais de 250 mil pessoas fo- vanderia ou disfarçado de policial, não terminou nem o ensino pri- der visto como inovador, imple- perguntas sobre o destino da for-
uma mudança gritante em rela- ram mortas e 40 mil desaparece- dependendo da versão — e a se- mário. Ficou três anos preso nos mentando um sistema em que tuna de US$ 14 bilhões que os pro-
ção à estratégia que o México vi- ram. O número de mortos em Ti- gunda em 2015, por um túnel em- EUA por tráfico de heroína antes ele e seus principais aliados fica- motores dos EUA dizem ter sido
nha seguindo assiduamente. juana em 2018 foi aproximada- baixo do chuveiro em sua cela. de voltar ao México e ampliar a vam no controle central do Car- acumulada por Guzmán. “Você
“Oficialmente, não há mais guer- mente o dobro de dez anos atrás. Seus subornos permitiram presença do CJNG no tráfico de tel de Sinaloa, mas seus associa- não pode desmantelar o Cartel de
ra”, disse em janeiro. “Enquanto houver, segundo que ele pudesse viver aparente- drogas sintéticas, enquanto ga- dos tinham relativa independên- Sinaloa ou o sistema de corrupção
Ainda assim, e mesmo que Gu- estimativas do governo dos EUA, mente invisível para as autorida- nhava fama pela violência. cia, desde que cumprissem com se não mexer no dinheiro”, disse.
zmán passe o resto da vida na pri- lucros anuais de entre US$ 19 bi- des por 13 anos, depois da pri- Segundo notícias na mídia os deveres determinados pelo Esse é apenas um dos proble-
são, o tráfico de drogas ilegais lhões e US$ 39 bilhões com as meira vez em que escapou da pri- mexicana, ele ordenou a morte cartel, afirma Bagley. mas diante do presidente López
não dá sinais de estar diminuin- drogas ilícitas sendo enviados ao são. Ele também comprou a leal- de 35 pessoas e que os corpos fos- Obrador em seus esforços para
do. Ao contrários, os negócios pa- México e houver um mercado dade local financiando igrejas, sem jogados do lado de fora de reduzir a violência no México. Ele
recem estar nas alturas. A Agên- americano de US$ 150 bilhões, is- estradas e escolas — alguns locais um shopping center no Estado
Na fronteira dos EUA diz que seu governo não vai mais
cia de Combate às Drogas dos so vai continuar criando uma que o reverenciam como um Ro- de Veracruz, em 2011, como aler- com o México, as tolerar a corrupção, mas institui-
EUA (DEA, na sigla em inglês) es- atração gravitacional e as condi- bin Hood embarcaram em uma ta para cartel Los Zetas, hoje em apreensões do opiáceo ções essenciais, como o Judiciá-
tima que a produção de heroína ções para as atividades do crime maratona de preces por sua ab- grande medida extinto. fentanil aumentaram rio, continuam porosas e vulne-
no México aumentou 37%, para organizado no México”, diz Bru- solvição enquanto o júri delibe- Atualmente, Oseguera trava ráveis aos enormes subornos que
111 toneladas, em 2017. ce Bagley, especialista em carteis rava em Nova York. uma guerra contra o Cartel de Si-
mais e 135% em 2017 os carteis podem oferecer.
A produção de cocaína na Co- na Universidade de Miami. “Não Mulherengo incorrigível, Guz- naloa, que ele antes apoiava. En- Enquanto isso, sua estratégia
lômbia também foi recorde em vamos ver um fim da violência e mán viajava a Macau para jogar, quanto a presença do Cartel de O julgamento de três meses de segurança — que até agora
2017. Segundo o Escritório das do tráfico de drogas do México. à Suíça para fazer tratamentos Sinal encolheu para 15 ou 16 dos também teve relatos de como o consiste em grande medida no
Nações Unidas sobre Drogas e Muito provavelmente, vamos ver antienvelhecimento caríssimos 32 Estados do México, a do CJNG chefão do cartel de Sinaloa ado- plano de uma nova força policial,
Crime (Unodc), a área de cultivo mais disso porque o comércio de ou para Acapulco, onde tinha um aumentou para 23, de acordo tou métodos engenhosos de trá- chamada de Guarda Nacional —
de coca em 2017 chegou a 171 drogas é muito lucrativo.” zoológico particular, segundo com Eduardo Guerrero, um ana- fico, como esconder milhões de está cheia de buracos, diz Felbab-
mil hectares — um aumento de El Chapo, de 61 anos, que pas- ouviu-se no tribunal. lista de segurança. dólares de cocaína nas paredes Brown. “O maior buraco é quando
256% desde 2013. Isso se tradu- sou de trabalhador agrícola se- Zambada, por outro lado, “O CJNG está tentando ser o Los de trens de carga ou dentro de la- ele diz que não vai ter foco nas ro-
ziu em 1.379 toneladas de cocaí- mianalfabeto a um dos cabeças mantém um perfil de visibilida- Zetas”, diz Vanda Belbab-Brown, tas de pimenta jalapeño. ta de tráfico de droga, apenas na
na em 2017, quase um terço a do crime internacional, é um de muito menor. “Ele nunca dei- da Brookings Institution, referin- Mas foi pelos túneis que Guz- violência. A maioria da violência é
SUSANA GONZALEZ/BLOOMBERG
do-se ao cartel que ficou conheci- mán ficou mais famoso. O ho- provocada pelos traficantes.”
do pelos atos assombrosos de mem que certa vez driblou a polí- “Do jeito que estamos indo, va-
crueldade. “O CJNG está brigando cia levantando nu da cama com mos ter mais assassinatos com
à esquerda e à direita, voltando sua amante e fugindo por um tú- López Obrador do que com Peña
todos contra eles. Eles não estão nel que saia debaixo de sua ba- Nieto”, diz Hope.
construindo capital político.” nheira e ia até a rede de esgotos, Guerrero acredita que o índice
Ela acredita que o CJNG vai im- fez seu nome enviando remessas de homicídios do México pode-
plodir em algum momento, as- de cocaína tanto através da fron- ria chegar neste ano a 30 para ca-
sim como o Los Zetas, mas “isso teira como por baixo dela. da 100 mil pessoas — cerca de
não quer dizer que vai acontecer Investigadores encontraram cinco vezes a taxa mundial regis-
cedo, e significa que pode repre- um túnel de traficantes entre a Ca- trada pela Organização das Na-
sentar uma confusão extrema- lifórnia e o México que tinha até ções Unidas (ONU) e pela pesqui-
mente dolorosa para o México.” elevador, enquanto outro era equi- sa Small Arms Survey.
Além dos dois grandes carteis pado com painéis de energia solar Em sua visita a Badiraguato, Ló-
e dos resquícios de outros carteis e bombas de água para o caso de pez Obrador não mencionou o fi-
hoje menos poderosos, a cena do inundações, além de ter trilhos. lho mais famoso da cidade pelo
crime organizado no México pio- O julgamento de Guzmán teve nome, aludindo apenas breve-
rou imensamente nos últimos reviravoltas dignas de uma nove- mente ao julgamento de Guzmán.
anos com o surgimento de uma la — na verdade, até o ator que o Sua mensagem foi de esperança e
série de grupos locais, alguns não interpreta na série “Narcos”, da oportunidade. “Você não pode
dedicados à droga, mas a crimes Netflix, apareceu no tribunal um combater fogo com fogo, violência
relacionados, como extorsão, se- dia e ganhou um sorriso do che- com violência”, disse. “Você tem
questro e roubos de combustível fão, que sempre sonhara em ter que combater o mal com o bem.”
pelos quais pagam proteção aos sua vida retratada nas telas. Fo- Poucos observadores, porém,
grandes carteis das drogas nas ram ouvidos relatos sobre a pin- acreditam que isso vai ser suficien-
áreas em que operam. tura preta que Guzmán usava no te. “O país não está em paz”, diz Ba-
No entanto, segundo Anabel bigode, seu elaborado sistema de gley. “O tráfico de droga es-
Imagem de 2014 mostra ‘El Chapo’ Gúzman, após prisão, sendo escoltado por fuzileiros navais na Cidade do México Hernández, uma das principais re- grampeamento de telefones, pis- tá vivo e forte.”
Jornal Valor --- Página 13 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por MPamplona às 21/02/2019@06:56:41:pm

Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Valor | A13

ULTRAPAR EM 2018
Jornal Valor --- Página 14 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por MPamplona às 21/02/2019@06:57:25:pm

A14 | Valor | Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

UltraPar PartiCiPações s.a.


COMPANHIA ABERTA CNPJ Nº 33.256.439/0001-39 www.ultra.com.br

relatÓrio da adMinistração 2018


MensageM da adMinistração 2018 Teve continuidade ainda a Campanha Junte Óleo: Ultragaz Coleta e Soya Recicla, em parceria com a Bunge e o exclusividade) e R$ 179 milhões são referentes a liberações de financiamentos a clientes e antecipações de
O ano de 2018 foi marcado por importantes avanços na gestão e governança da Ultrapar. Instituto Triângulo. Uma parte do óleo coletado é usado para fabricar o sabão e outra é direcionada à produção aluguel, líquidos de repagamentos.
Como parte de um processo planejado e consistente com a boa governança da Companhia, Paulo Guilherme de biodiesel. A campanha ocorre no Ceará, na Bahia, em Minas Gerais, em Pernambuco, no Rio Grande do Sul
oxiteno
Aguiar Cunha, após mais de três décadas de inestimáveis contribuições, foi nomeado Presidente Emérito do e em São Paulo.
A maior demanda por commodities, cujo volume cresceu 8%, em conjunto com a redução de 5% nos volumes de
Conselho de Administração, posição honorífica e vitalícia. Para sucedê-lo foi eleito Pedro Wongtschowski, Vice- Ultracargo - A Ultracargo manteve o patrocínio ao Polo de Cidadania, evento organizado pelo Comitê de especialidades químicas, resultou na redução de 3% no volume vendido em relação a 2017, ano em que a Oxiteno
Presidente do Conselho de Administração e que atuou como Diretor Presidente da Ultrapar entre 2007 e 2012. Fomento Industrial de Camaçari (Cofic), em parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi), Cidade do Saber e registrou recorde de vendas. Apesar do incremento observado no volume vendido pela nova planta dos EUA, que
Outras importantes sucessões ocorreram na Diretoria, na liderança das empresas Extrafarma, Ultragaz e Ipiranga, Prefeitura de Camaçari (BA). A iniciativa proporciona o acesso a uma série de serviços e atividades gratuitas para iniciou suas operações em setembro, o volume vendido no mercado externo diminuiu 4% em 2018 devido à menor
igualmente em um processo sucessório planejado e que combinou promoção de talentos internos e atração de a comunidade, especialmente nas áreas de saúde, educação, cultura, esportes e lazer. demanda de países do Mercosul, principalmente Argentina. Já o volume vendido no mercado interno diminuiu 2%
talentos externos. A companhia também apoiou a iniciativa Comunidade em Ação, do jornal Tribuna de Santos, premiação que em comparação a 2017.
Ao longo do ano, dedicamos tempo e recursos para aprimorar nosso processo de planejamento estratégico, divulga e dá visibilidade a projetos que contribuem para melhorar a vida de milhares de pessoas da Baixada A receita líquida da Oxiteno apresentou crescimento de 20%, principalmente em função do Real 14% mais
visando uma melhor integração e dinâmica das análises de nossos negócios, com extensão do horizonte de Santista. depreciado em relação ao dólar e do preço médio em dólar 8% maior, que acompanhou o aumento dos custos de
planejamento, harmonização de premissas e parâmetros entre as empresas, acompanhamento dos resultados de matérias-primas na comparação anual. Esses efeitos compensaram o menor volume de vendas e a maior
modo mais próximo e frequente, consolidação dos orçamentos anuais e planos de investimentos, e uma A Companhia investe para garantir os menores impactos possíveis de suas operações sobre o meio ambiente e
todas suas unidades são certificadas pela ISO. Em 2018, por exemplo, no âmbito do Plano de Otimização e Uso participação de commodities no mix de vendas.
sistemática de análise do portfólio de investimentos da Ultrapar. O custo dos produtos vendidos cresceu 17% em 2018, devido (i) ao aumento dos custos de matérias-primas,
Em uma outra frente, foram formalizadas ou aperfeiçoadas importantes políticas corporativas, como a de Gestão Racional da Água (Prua), apresentado em 2017 no Terminal de Santos – e aprovado pela Companhia Ambiental
do Estado de São Paulo (Cetesb) –, foi instalado na unidade um sistema de captação e reúso de águas pluviais. principalmente do eteno, (ii) à desvalorização de 14% do Real em relação ao dólar, e (iii) aos custos relacionados
de Riscos (de caráter geral), Gestão de Riscos Financeiros, Divulgação de Fatos Relevantes, Negociação de à partida da nova unidade dos EUA.
Valores Mobiliários e Política Concorrencial, consistentemente com o compromisso inabalável de nossa extrafarma - Pelo 3º ano consecutivo, a Extrafarma patrocinou em 2018 o evento da CowParade em Fortaleza,
As despesas gerais, administrativas e de vendas cresceram 10%, principalmente em função da desvalorização do
organização com a melhoria contínua das práticas de governança e o comportamento ético e transparente de promovendo a cultura local e a responsabilidade social. Ao final da edição, as “vaquinhas” foram leiloadas e todo
Real sobre as despesas das operações internacionais e de maiores despesas com pessoal.
nossas pessoas. valor arrecadado, destinado a instituições beneficentes locais.
A linha de “Outros resultados operacionais” encerrou 2018 com uma receita líquida de R$ 214 milhões, comparada
Do ponto de vista macroeconômico, o ano iniciou-se sob a expectativa positiva do País recuperar-se da recessão A Extrafarma possui Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde e conta com assessoria de
a uma receita líquida de R$ 52 milhões em 2017. A Oxiteno registrou ganhos com a constituição de créditos
mais profunda de sua história. Entretanto, a escalada nos preços do petróleo, em conjunto com uma forte empresas terceirizadas habilitadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o transporte,
tributários após decisões judiciais sobre a exclusão do ICMS da base de cálculo para o PIS e COFINS tanto em
desvalorização cambial, ocasionou um significativo aumento nos preços de combustíveis e, consequentemente, tratamento e destinação final adequada de medicamentos vencidos e avariados, seringas, agulhas e gazes.
2017 como em 2018.
dos custos de transporte rodoviário, culminando na greve dos caminhoneiros que paralisou o País e impactou Pessoas O EBITDA da Oxiteno totalizou R$ 625 milhões em 2018, aumento de 111% sobre 2017, apesar do menor volume
praticamente todos os setores da economia. Esse problema, aliado às incertezas das eleições majoritárias, levou O Ultra considera pessoas como diferencial e vendido. O aumento se deve, principalmente, à constituição de créditos tributários, com efeito líquido de R$ 186
o Brasil a ter um crescimento apenas moderado em 2018. fator determinante no sucesso das companhias núMero de Colaboradores milhões no EBITDA, e à depreciação de R$ 0,46/US$ na cotação média do Real em 2018. Caso o efeito líquido da
Nesse contexto, considerando que nossos negócios guardam grande correlação com o desempenho da economia e buscou intensificar e aprimorar seus processos ∆ (%) constituição de créditos tributários seja desconsiderado, ainda haveria um crescimento de 48% no EBITDA da
nacional, atuamos firmemente na gestão de custos, despesas e de emprego de capital, buscando aumentar a de avaliação de desempenho, planejamento de Oxiteno em 2018.
2018 2017 2018v2017
eficiência de nossas operações, otimizar investimentos e reduzir o capital de giro de nossas empresas. Nesse carreira e sucessão. As iniciativas mencionadas A Oxiteno investiu R$ 467 milhões em 2018, direcionados principalmente à construção da planta nos Estados
ambiente de pouca expansão econômica e consequente acirramento da competição, tivemos impacto em alguns Ipiranga 3.318 3.051 9%
acima fazem parte do modelo de gestão, que Unidos e expansão e manutenção de suas unidades produtivas.
de nossos resultados. Em 2018, a Ultrapar registrou R$ 3.069 milhões de EBITDA Ajustado e R$ 1.132 milhões de envolve um sistema de remuneração variável Oxiteno 1.943 1.901 2%
lucro líquido, que, embora configurem resultados sólidos, ficaram aquém das nossas expectativas e foram atrelado à meritocracia e à geração de valor, que Ultragaz 3.511 3.633 -3% Ultragaz
inferiores àqueles registrados em 2017. busca fortalecer os processos de atração, Ultracargo 710 715 -1% O volume total vendido da Ultragaz apresentou redução de 1% em 2018, em linha com a queda no volume nacional
Por outro lado, as iniciativas voltadas ao controle de custos e maior seletividade nos investimentos de capital, nos capacitação e retenção de talentos, com o de vendas de GLP. Apesar da estabilidade no segmento envasado, o segmento granel apresentou redução de 3%,
Extrafarma 7.112 6.698 6%
levaram a um excelente resultado de geração operacional de caixa, que atingiu R$ 1,4 bilhão em 2018, inclusive objetivo de atrair e desenvolver pessoas com as principalmente em função da redução programada de um cliente industrial.
superior ao de 2017. Centro Corporativo 440 450 -2% A receita líquida da Ultragaz cresceu 16% em 2018, principalmente em função dos reajustes no custo do GLP
competências necessárias para o sucesso da
Na Ipiranga, fortalecemos o modelo de gestão para garantir mais agilidade frente às oportunidades e desafios do Ultrapar 17.034 16.448 4% envasado e granel nas refinarias e da estratégia de diferenciação e inovação.
estratégia.
mercado. Reforçamos o relacionamento com nossos revendedores e modificamos a organização com vistas a O modelo de operações, alinhado com a cultura O custo dos produtos vendidos subiu 21%, principalmente pelo maior custo do GLP nas refinarias.
facilitar a captura de valor nos negócios adjacentes à distribuição de combustível, como a franquia de lojas de na área de pessoas, tornou o Ultra referência no desenvolvimento de colaboradores e lideranças, promovendo As despesas gerais, administrativas e de vendas apresentaram redução de 11% em 2018, fruto de iniciativas para
conveniência am/pm e as plataformas de relacionamento com o Cliente, com destaque para o KMV – Km de investimentos contínuos e busca permanente por talentos. Em 2018, aproximadamente 350 jovens fizeram parte redução de despesas e maior eficiência como, por exemplo, diminuição das despesas com marketing e com frete,
Vantagens, maior programa de fidelidade do país. Após um primeiro semestre difícil, inclusive em função da greve dos programas de jovens profissionais, estágio e trainee e, nesse mesmo ano, foram proporcionadas cerca de 500 principalmente pela migração de clientes da modalidade de entrega CIF para FOB, além das menores despesas
dos caminhoneiros, a Ipiranga iniciou um processo de recuperação gradual e consistente na segunda metade do mil horas de treinamentos para os colaboradores. Dos três movimentos de sucessão promovidos na diretoria com consultorias estratégicas e menores provisões para devedores duvidosos.
ano, que fortalece nossa convicção de uma melhoria de resultados a partir de 2019. Em 2018, adicionamos 67 executiva dos negócios em 2018, dois foram protagonizados por sucessores internos que ingressaram no Ultra A linha de “Outros resultados operacionais” encerrou 2018 com uma despesa líquida de R$ 278 milhões,
padarias e 54 beer caves à nossa rede, além de 78 novas lojas am/pm e 37 unidades Jet Oil, que se consolidaram como estagiários e construíram suas carreiras passando por diferentes áreas e negócios da Companhia. O comparada a uma despesa líquida de R$ 79 milhões em 2017. Em 2018, a Ultragaz registrou despesa referente à
como 2ª e 6ª maiores redes de franquias do país, respectivamente, segundo a Associação Brasileira de investimento constante no desenvolvimento dos colaboradores aliado ao portfólio do Ultra, com operações em 5 multa de R$ 286 milhões em função da decisão do CADE pela não aprovação da aquisição da Liquigás. Já em
Franchising. Entre outras iniciativas, o aplicativo Abastece aí já é utilizado por mais de 1,4 milhão de pessoas como segmentos, resulta na frequente criação de oportunidades e, em 2018, mais de 500 funcionários movimentaram- 2017, a despesa líquida de R$ 79 milhões refere-se principalmente ao Termo de Compromisso de Cessação de
meio de pagamento e troca de pontos do programa KMV. se internamente e 593 empregos diretos foram criados. Além disso, todos os negócios possuem programas Prática (TCC) assinado com o CADE no montante de R$ 84 milhões.
A Oxiteno iniciou sua operação na nova planta de alcoxilação no Texas, EUA, com uma fábrica no estado da arte voltados para seus colaboradores, segmentados em focos de atuação como desenvolvimento e educação, saúde O EBITDA da Ultragaz totalizou R$ 258 milhões, 41% menor que 2017. Excluindo os efeitos da multa e do TCC
tecnológico e de automação, completando, assim, esse importante projeto de cerca de US$ 200 milhões em e segurança. mencionados acima, o EBITDA da Ultragaz teria crescido 4%, principalmente fruto das iniciativas para redução de
investimentos para sua presença no maior mercado de tensoativos do mundo. Adicionalmente, a Companhia custos e despesas apesar do menor volume de vendas.
ipiranga
segue comprometida com suas atividades de pesquisa e desenvolvimento para continuamente ampliar seu A Ultragaz investiu R$ 225 milhões em 2018, direcionados principalmente para o segmento granel, reposição e
Universidade ipiranga (Ui) – proporciona ferramentas estratégicas para formação, capacitação e
portfólio de especialidades químicas, com maior potencial de valor agregado, tendo lançado 22 novos produtos em aquisição de vasilhames e tecnologia da informação.
autodesenvolvimento. Com conteúdo presencial e virtual, ajuda a desenvolver as competências e conhecimentos
2018.
tanto dos funcionários, como dos revendedores e de suas equipes. Um dos destaques da UI em 2018 foi a oferta Ultracargo
Ao longo de 2018, a Ultragaz continuou investindo com pioneirismo em inovação e excelência operacional, que,
de curso sobre o tema compliance concorrencial a 28 turmas, integradas por funcionários e clientes. O curso visa A armazenagem média total da Ultracargo apresentou aumento de 5%, em decorrência do aumento da
associados à uma forte disciplina na gestão de custos e despesas, vem consolidando a Companhia como uma
prevenir práticas que possam ferir a livre concorrência. movimentação em Santos, refletindo a retomada parcial da capacidade do terminal em junho de 2017, e o
referência mundial em distribuição de GLP. Com soluções digitais para seus clientes, automação da força comercial
Viva Mais – programa de qualidade de vida, constituído por ações e campanhas de orientação em benefício do crescimento da demanda por movimentação de etanol nos portos brasileiros, apesar da redução nas importações
e revendas informatizadas, a Companhia deve seguir crescendo organicamente no Brasil, principalmente nas
bem-estar. de combustíveis em 2018.
regiões Norte e Nordeste, enquanto analisa eventuais oportunidades para sua expansão no mercado internacional.
Programa de Controle Médico e saúde ocupacional (PCMso) – oferece a realização anual de diversos A receita líquida cresceu 13% em 2018, devido (i) ao aumento na armazenagem média, fruto da retomada parcial
Em 2018, a Ultragaz desenvolveu e lançou sete novas aplicações de GLP para a indústria, agronegócio e comércio
exames médicos com o objetivo de prevenir possíveis doenças e promover a saúde. das atividades em Santos, (ii) à maior produtividade da Ultracargo e (iii) aos reajustes contratuais inflacionários.
e serviços, resultando em mais de 900 novos clientes no ano.
Programa de segurança – inclui inspeções em unidades, investimentos no aprimoramento das instalações e O custo dos serviços prestados apresentou crescimento de 12%, principalmente em função de maiores gastos
A Ultracargo teve um excelente desempenho em 2018, mesmo no cenário de redução das importações de
diretrizes a serem seguidas também por prestadoras de serviço. Ao longo do ano, um dos focos foi a promoção do com aluguel, pessoal, contratação de serviços de terceiros em Santos e serviços de manutenção de tanques nos
combustíveis que afetou todo o setor de armazenamento de granéis líquidos. Sua agilidade e flexibilidade a
Atitude do Dono, direcionado às lideranças para as estimular na atuação como agentes de mudança de terminais, além do maior pagamento de IPTU a partir de 2018.
permitiram aproveitar oportunidades no mercado de etanol e de químicos, compensando a redução de demanda
comportamento. Também foram realizadas campanhas para o engajamento sobre Equipamento de Proteção As despesas gerais, administrativas e de vendas cresceram 4% em 2018. O aumento derivou de (i) maiores
por armazenamento e movimentação de combustíveis. Para 2019, a Companhia continuará investindo na
Individual (EPI), comportamento seguro no trânsito e cuidado ativo. Os resultados estão traduzidos na redução de despesas com pessoal devido aos reajustes anuais e maior remuneração variável, em linha com a progressão dos
expansão de sua capacidade, principalmente nos portos de Santos (SP) e Itaqui (MA).
81% dos acidentes típicos com afastamento, na comparação com 2017. resultados, e (ii) maiores gastos com consultorias estratégicas e de segurança operacional, e foi atenuado pelo
No que tange à Extrafarma, o ano de 2018 foi de acirramento do ambiente competitivo do mercado de varejo
as Vantagens de Permanecer na escola e Conectados com o amanhã (Junior Achievement) – voltados para recebimento de créditos referentes à cobrança indevida de taxa portuária de anos anteriores.
farmacêutico, com pressão sobre as margens e processos de expansão das principais redes. Nesse sentido a
os jovens aprendizes, o primeiro reforçou a importância de continuar estudando, com foco nos conceitos de O EBITDA da Ultracargo registrou aumento de 44% para R$ 178 milhões em 2018, em função (i) da maior
Companhia reduziu seu ritmo de abertura de novas lojas, aplicando maior seletividade em sua localização e
empregabilidade, educação e qualificação e o segundo estimulou a reflexão sobre o futuro e a preparação para o movimentação nos terminais, (ii) de reajustes contratuais, e (iii) dos efeitos residuais do incêndio ocorrido em abril
potencial rentabilidade, priorizando o adensamento da rede e a otimização logística. Adicionalmente, a Extrafarma
mercado de trabalho e orientou sobre perspectivas de carreira. de 2015 em terminal no Porto de Santos, com impacto negativo de R$ 39 milhões em 2017.
implementou um novo sistema de varejo, que permitirá ganhos de produtividade e melhor gestão de estoques nos
centros de distribuição e nas lojas, além de proporcionar uma melhor experiência de compra aos seus clientes. oxiteno A Ultracargo investiu R$ 162 milhões em 2018, direcionados, principalmente, às expansões nos terminais de Itaqui
Para 2019, nossa expectativa é de melhora no cenário macroeconômico brasileiro, com mais geração de emprego Portal dna – plataforma de e-learning que, além de disponibilizar cursos para os funcionários, é utilizada em e Santos e à adequação e manutenção da infraestrutura existente.
e renda, impulsionando a expansão da demanda no mercado interno. Essa combinação de fatores será benéfica aproximadamente 50% das ações vinculadas aos planos de desenvolvimento elaborados para cada funcionário,
alinhados ao resultado no processo de avaliação de desempenho. extrafarma
para nossos negócios, que têm potencial de alavancagem em relação ao crescimento do PIB e também se A Extrafarma abriu 68 novas lojas e fechou 29 em 2018, uma expansão de 10% (39 lojas) da rede.
beneficiarão da maturação dos investimentos realizados nos últimos anos. Na Ultrapar, portanto, projetamos Fórum What’s Next – evento transmitido ao vivo com a apresentação/participação das principais lideranças da
Oxiteno em intervalos de dois a três meses. O programa informa sobre as principais realizações do negócio, seus A receita bruta da Extrafarma cresceu 8% em 2018, em função do crescimento de 11% no faturamento de varejo,
crescimento em todos os nossos negócios nos próximos anos, com melhoria de rentabilidade e rápida redução da fruto do maior número médio de lojas. Esse crescimento foi parcialmente compensado pela queda de 21% da
alavancagem financeira, o que nos permitirá aumentar nosso potencial de investimentos e prospecção de objetivos e próximos passos, além de abrir espaço para perguntas e respostas. O evento é transmitido em
português, com tradução simultânea para o inglês e o espanhol, e o programa-piloto, que foi ao ar em agosto, foi receita no segmento de atacado e pela maior competição no setor. Em junho de 2018, ocorreu a substituição do
oportunidades de mercado. sistema de varejo, que afetou temporariamente as operações durante o período de implementação e estabilização,
Acreditamos em nossa capacidade de criação de valor através de nossa atuação na gestão de empresas de acompanhado por 1,2 mil profissionais.
Facebook corporativo – solução oferecida pela própria operadora da rede social que amplia o sentimento de impactando ambos segmentos de vendas – varejo e atacado.
qualidade, que se caracterizam por um bom posicionamento de mercado, diferencial competitivo tangível, boa O custo dos produtos vendidos aumentou 11% em 2018, principalmente em decorrência do maior volume de
capacidade de geração de caixa e de retorno sobre o capital empregado, e equipe de liderança competente. participação nos negócios uma vez que, além de poder formar comunidades, os funcionários são informados, de
forma universal e tempestiva, sobre os principais acontecimentos da Companhia. Com dois meses de operação do vendas e do reajuste anual nos preços de medicamentos autorizado pela Câmara de Regulação do Mercado de
Definimos, ainda, que nossos negócios sejam conduzidos em estreita aderência aos princípios do Ultra – Medicamento (CMED). O lucro bruto atingiu R$ 607 milhões, aumento de 3%, devido ao crescimento no
segurança em primeiro lugar; governança, integridade e transparência de gestão; disciplina e solidez financeira; canal, 96% dos colaboradores já estavam integrados à plataforma.
faturamento, parcialmente impactado pela substituição do sistema de varejo em junho, pelo maior ritmo de
satisfação do Cliente como base do sucesso; diferenciação como fator de competitividade; excelência operacional Ultragaz atividades promocionais e pelo aumento na competitividade.
e times de alta competência e desempenho. academia Ultragaz On-Line – a Ultragaz tem academias educacionais que contemplam treinamentos para todos
As despesas gerais, administrativas e de vendas apresentaram crescimento de 15% em 2018, em decorrência do
Assim, estamos determinados a assegurar que a Companhia siga sua trajetória bem-sucedida de contribuição os negócios e públicos, com foco técnico ou comportamental. Em 2018 investiu em uma nova ferramenta de
número médio de lojas 19% maior. Excluindo o efeito de novas lojas, as despesas gerais, administrativas e de
para o desenvolvimento do País, com respeito a nossos clientes, consumidores, acionistas, parceiros de negócios, e-learning, a Academia On-line, uma plataforma educacional que passou a ser acessada também via celular para
vendas reduziram 3%, principalmente em função das iniciativas implementadas para ganho de produtividade e
funcionários, fornecedores, mercado de capitais e sociedade em geral. Aproveitamos para agradecer a cada um estimular o autodesenvolvimento, que inclui treinamentos, além de uma biblioteca de arquivos e vídeos para
redução de despesas, com destaque para as despesas com pessoal, viagens e taxas de cartões.
de nossos stakeholders por sua confiança e contribuição para o aprimoramento da Ultrapar e de negócios. pesquisa.
A Extrafarma registrou EBITDA de R$ 47 milhões negativo, em comparação ao reportado de R$ 23 milhões em
Outro foco em 2018 foi o desenvolvimento de gerentes e coordenadores, por meio da Academia de Liderança,
Pedro Wongtschowski Frederico Curado 2017, em função (i) dos impactos causados pela implementação e estabilização do novo sistema de gestão do
composta por uma trilha de aprendizado presencial e à distância que visa garantir aos líderes da Ultragaz
Presidente do Conselho de Administração Diretor Presidente varejo, (ii) da maior depuração pontual de lojas realizada no terceiro trimestre de 2018, (iii) do maior patamar de
conhecimento e recursos para que eles consigam fazer a gestão do capital humano de acordo com a estratégia
lojas novas e ainda em maturação e (iv) do maior nível de competição no setor.
PerFil da CoMPanhia desenhada para a empresa e seus colaboradores.
A Extrafarma investiu R$ 118 milhões no ano. O valor foi destinado, principalmente, à abertura de novas lojas e à
A Ultrapar mantém, desde 1999, ações listadas na Bolsa de Valores de Nova Iorque (New York Stock Exchange – guia de autodesenvolvimento Ultragaz – a estratégia da Ultragaz é trabalhar o protagonismo dos colaboradores,
nova plataforma de sistemas de informação.
NYSE), com ADRs Nível III, e na Bolsa de Valores de São Paulo (Brasil, Bolsa, Balcão – B3), tendo ingressado em disponibilizando recursos que possibilitam que o colaborador se autodesenvolva, crie seu plano de desenvolvimento
2011 no Novo Mercado. individual e cresça a partir desses desenvolvimentos. O Guia de Autodesenvolvimento apresenta um amplo acervo Ultrapar
Com mais de 80 anos de história a Ultrapar ocupa posições de destaque nos cinco segmentos em que atua. de soluções e dicas relativas a cursos on-line gratuitos ofertados por instituições de ensino renomadas, como receita líquida de vendas e
Fundação Getúlio Vargas (FGV) e Instituto Endeavor, assim como filmes, livros e séries que podem ajudá-lo a deseMPenho CoMParatiVo
ipiranga - Uma das maiores redes de distribuição de combustíveis e lubrificantes do país, reúne uma rede de serviços - A Ultrapar registrou re- ∆ (%)
trabalhar competências essenciais para a Ultragaz. ceita líquida de vendas e serviços de
mais de 7 mil postos cada vez mais completos e digitais, além da maior franquia de lojas de conveniência do r$ milhões 2018 2017 2018v2017
Brasil, a am/pm, com 2,5 mil lojas. Conta também com um dos maiores programas de fidelidade do país, o Km de Ultracargo R$ 90.698 milhões em 2018, cresci- Receita líquida de vendas e serviços 90.698 79.230 14%
dna Ultracargo – programa que visa reforçar a cultura de segurança e a disciplina operacional entre os mento de 14% em relação a 2017, Custos dos produtos vendidos
Vantagens, que encerrou 2018 com mais de 29 milhões de participantes.
colaboradores para que a Companhia alcance o estágio Interdependente da Curva de Bradley, em que a segurança como consequência do crescimento da e serviços prestados (84.537) (72.431) 17%
oxiteno - Líder na produção de tensoativos e especialidades químicas na América Latina, inaugurou é responsabilidade efetivamente compartilhada e incorporada por todos. receita em todos os negócios. lucro bruto 6.161 6.799 -9%
recentemente uma fábrica nos Estados Unidos e amplia cada vez mais sua atuação internacional. A nova unidade Programa de Formação do operador (PFo) – visa unificar o aprendizado e garantir mais qualidade e segurança Custos dos produtos vendidos e Despesas gerais, adm., com
industrial soma-se a seis no Brasil, três no México, uma no Uruguai e uma na Venezuela. A Oxiteno possui à operação. Os responsáveis pela divulgação do conhecimento são colaboradores da Ultracargo conhecidos como serviços prestados - O custo dos vendas e comerciais (4.297) (4.063) 6%
escritórios comerciais na Argentina, Bélgica, China e Colômbia. Multiplicadores e Operadores de Referência, que são nomeados por seus superiores diretos em razão de produtos vendidos e serviços presta- Outros resultados operacionais,
Ultragaz - Pioneira e líder no mercado nacional de distribuição de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), é referência adotarem as práticas de segurança, conduta, processos e procedimentos de forma correta e padronizada. dos da Ultrapar foi de R$ 84.537 mi- líquidos 58 59 -3%
em inovação e na criação constante de soluções para uso do produto. Além do GLP possui um moderno laboratório lhões em 2018, aumento de 17% em Resultado na venda de bens (22) (2) 885%
extrafarma lucro operacional 1.899 2.793 -32%
de pesquisa e desenvolvimento para gases especiais, segmento no qual também é líder de mercado. Programa Maturidade – possui a finalidade de dar oportunidade de trabalho a pessoas com mais de 50 anos. relação a 2017, em função do cresci- Resultado financeiro (114) (474) -76%
Ultracargo - Maior empresa de armazenagem para granéis líquidos do Brasil, com presença em seis portos, Profissionais mais experientes fortalecem a equipe de loja e conseguem estabelecer uma boa conexão com os mento em todos os negócios. Equivalência patrimonial (15) 21 -
todos instalados em locais estratégicos das regiões Nordeste, Sudeste e Sul. clientes, contribuindo para uma melhor experiência de compra em nossas lojas. lucro bruto - A Ultrapar apresentou lucro antes do imposto de renda
extrafarma - Em 2018, atingiu a marca de 433 lojas onde atuam 7 mil colaboradores. Originada nos estados do Programa de excelência extrafarma – busca estimular a qualidade e melhorar os processos no atendimento aos lucro bruto de R$ 6.161 milhões em e contribuição social 1.771 2.339 -24%
Norte e Nordeste, hoje está presente em 13 estados brasileiros. clientes e nas operações das farmácias. As lojas que mais se destacam no programa são homenageadas na 2018, uma redução de 9% em relação Imposto de renda e contribuição social (639) (813) -21%
convenção anual e são reconhecidas pela direção da Companhia. a 2017, em função da diminuição do lucro líquido 1.132 1.526 -26%
resPonsabilidade soCioaMbiental lucro agregado da Ipiranga e Ultragaz.
A Ultrapar está diretamente presente no cotidiano de milhões de brasileiros através das redes de postos, lojas de MerCado de CaPitais
conveniência e farmácias e, também, da distribuição do GLP e produção de especialidades químicas que são O volume financeiro negociado da Ultrapar, considerando as negociações ocorridas na B3 (UGPA3) e na NYSE despesas gerais, administrativas, com vendas e comerciais - As despesas gerais, administrativas,
insumos para uma infinidade de produtos de consumo. O sucesso dessa relação está ligado à forma como os (UGP), foi de R$ 139 milhões por dia (+6%) em 2018. As ações da Companhia encerraram 2018 cotadas a R$ com vendas e comerciais da Ultrapar totalizaram R$ 4.297 milhões em 2018, 6% acima de 2017, em função dos
negócios são conduzidos, sempre com ética e transparência, com apoio constante a iniciativas de desenvolvimento 53,20 na B3, redução de 29% no período, e a Ultrapar encerrou o ano com valor de mercado de R$ 30 bilhões. Já efeitos da inflação sobre as despesas e de fatores específicos de cada negócio.
socioambiental e cultural. o índice Ibovespa valorizou 15% no ano. Na NYSE, as ações da Ultrapar se desvalorizaram 40% no ano, enquanto outros resultados operacionais - A Ultrapar registrou em 2018 uma receita líquida de R$ 58 milhões,
ipiranga - Preocupada em monitorar os impactos de suas operações, a Ipiranga realiza análise de riscos para o índice Dow Jones apresentou, em 2018, desvalorização de 6%. 3% abaixo de 2017, em função (i) da multa pela não aquisição da Liquigás, e (ii) do reconhecimento de créditos
100% de suas instalações. Como resultado, nenhuma das unidades operacionais possui risco social não aceitável tributários na Oxiteno referentes à exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS e COFINS.
para os padrões dos órgãos ambientais. Além disso, o SIGA+, Sistema de Gestão de Saúde, Segurança, Meio resultado na venda de bens - A Ultrapar registrou em 2018 uma despesa líquida na venda de bens de R$
Evolução UGPA3 x Ibovespa – 2018 (Base 100)
Ambiente e Responsabilidade Social gerencia os indicadores relacionados aos temas citados e implementa ações 22 milhões contra uma despesa líquida de R$ 2 milhões em 2017, resultado da baixa de ativos de tecnologia da
de forma a garantir a melhoria contínua de seus processos e da confiabilidade das operações. Para fortalecer 120 115 informação em todos os negócios e da maior depuração pontual de lojas na Extrafarma, atenuados pela venda
sua cultura de segurança, a Ipiranga possui diversas iniciativas consolidadas em um programa que busca 110 de terrenos na Ipiranga.
promover condições físicas adequadas, procedimentos eficientes e comportamento seguro de forma a tornar 100 ebitda ajustado - O EBITDA Ajus-
suas operações cada vez mais seguras. Para a garantia das condições físicas são realizadas análises de risco, 90 tado consolidado da Ultrapar atingiu R$ Cálculo do ebitda a partir do lucro líquido
auditorias nas medidas de controle, testes nos sistemas de incêndio e inspeções com foco em legislação que são 80 3.069 milhões em 2018, com redução r$ milhões
71
os orientadores para os investimentos de segurança. No pilar de Procedimentos, o Manual de Operações reúne os 70 de 23% em relação a 2017. lucro líquido 1.132 1.526 -26%
procedimentos operacionais e de segurança que devem ser seguidos e são auditados anualmente. 60 depreciações e amortizações* (+) Imposto de renda e contribuição social 639 813 -21%
Os caminhoneiros são público alvo de dois programas da Ipiranga. O primeiro é uma ação itinerante, chamada 50 - O total de custos e despesas com (+) Despesa (receita) financeira líquida 114 474 -76%
Saúde na Estrada que, desde o lançamento, já proporcionou a mais de 430 mil pessoas, de 180 municípios em 23 40 depreciação e amortização em 2018 (+) Depreciação e amortização 812 705 15%
estados, serviços como exames médicos preventivos, vacinações, avaliação da composição corporal, entre outros. foi de R$ 1.184 milhões, crescimento ebitda 2.697 3.518 -23%
28-dez-17
11-jan-18
25-jan-18
08-fev-18
22-fev-18
08-mar-18
22-mar-18
05-abr-18
19-abr-18
03-mai-18
17-mai-18
31-mai-18
14-jun-18
28-jun-18
12-jul-18
26-jul-18
09-ago-18

20-set-18
04-out-18
18-out-18
23-ago-18
06-set-18

01-nov-18
15-nov-18
29-nov-18
13-dez-18
28-dez-18

O segundo trata de ações no âmbito do programa Na Mão Certa, iniciativa conduzida pela Childhood Brasil para de 1% em relação a 2017, em função
erradicar a exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas. Ajuste
dos investimentos realizados ao longo
A Ipiranga assina ainda o Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo (InPACTO) desde 2014 e mantém (+) Amortização de ativos de contratos com
do período.
Plano de Ação para formalizar as iniciativas vinculadas aos compromissos assumidos, esforço que envolve as Ibovespa UGPA3 clientes - direitos de exclusividade (Ipiranga) 372 463 -20%
* Inclui amortização de ativos de contratos
áreas Jurídica e de Suprimentos e o Comitê de Sustentabilidade. Fonte: Bloomberg ebitda ajustado 3.069 3.981 -23%
com clientes – direitos de exclusividade
No fim de 2018, 16% da rede de postos era composta por postos ecoeficientes, que adotam soluções para o uso
racional de água, energia e materiais e para assegurar a destinação correta de resíduos. diVidendos lucro operacional - A Ultrapar apresentou lucro operacional de R$ 1.899 milhões em 2018, resultado 32%
No ano, a Ipiranga passou a integrar o Programa Logística Verde Brasil (PLVB), coordenado pelo Laboratório de menor que 2017, em função do menor lucro operacional apresentado pela Ipiranga, Ultragaz e Extrafarma.
O Estatuto Social da Ultrapar estabelece
Transporte de Carga (LTC), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O PLVB quer capturar, integrar, distribuição de dividendo mínimo obrigatório a histÓriCo de diVidendos resultado financeiro - O resultado financeiro da Ultrapar apresentou uma despesa líquida de R$ 114 milhões
consolidar e aplicar conhecimentos para reduzir as emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) por meio de ganhos seus acionistas de 50% do lucro líquido ajustado. total em 2018, R$ 361 milhões menor que a registrada em 2017, apesar do maior endividamento líquido, devido, princi-
de eficiência no transporte de carga. Nos últimos cinco anos, a parcela do lucro líquido distribuído Valor por palmente, (i) ao menor CDI no período, (ii) ao resultado financeiro da constituição de créditos tributários na Oxiteno
Em relação às emissões de GEE, desde 2012 a Ipiranga elabora o Inventário de Emissões de Gases do Efeito destinada ao pagamento de dividendos foi, em exercício r$ milhões a ão r$ Pa out com a exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS/COFINS, e (iii) à desvalorização da ação da Ultrapar sobre os
Estufa, em linha com a norma ISO 14064, as especificações do Programa Brasileiro GHG Protocol e os dados do média, de 60%. 2018 685 1,26 60% bônus de subscrição emitidos na associação com a Extrafarma.
Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC). Todos os indicadores são verificados por empresa Em 2018, a Ultrapar declarou dividendos de R$ 2017 951 1,75 62% lucro líquido - O lucro líquido consolidado da Ultrapar de 2018 atingiu R$ 1.132 milhões, redução de 26% em
externa e publicados na plataforma do Registro Público de Emissões do GHG Protocol. 685 milhões, um payout de 60% sobre o lucro 2016 907 1,67 58% relação ao registrado em 2017, principalmente pela redução do EBITDA do período, parcialmente compensada
Além disso, por meio do programa Carbono Zero, promove a medição, busca a redução e realiza a compensação líquido do ano e um dividend yield de 2,5% sobre 2015 871 1,60 58% pela menor despesa financeira líquida.
de emissões de GEE resultantes de suas operações diretas e indiretas, o que inclui as provenientes da equipe o preço médio das ações de emissão da Ultrapar. 2014 779 1,42 62% endividamento - A Ultrapar encerrou o exercício de 2018 com uma dívida bruta de R$ 15.206 milhões e caixa
Ipiranga Racing nas provas da Stock Car. Desde o seu lançamento, em 2012, o programa já possibilitou a bruto de R$ 6.994 milhões, perfazendo uma posição de endividamento líquido de R$ 8.212 milhões, aumento de
compensação de 350 mil toneladas de CO2. R$ 991 milhões em relação a 2017. O endividamento líquido ao final de 2018 corresponde a 2,68x do EBITDA dos
oxiteno - Em 2018 a Oxiteno participou da construção da Carta de Contribuição aos Objetivos de Desenvolvimento anÁlise do deseMPenho FinanCeiro de 2018 últimos 12 meses, comparado a 1,81x ao final de 2017.
Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), através da Associação Brasileira da Indústria aMbiente eConôMiCo-oPeraCional investimentos e perspectivas - Em 2018, os investi- Investimentos por negócio - R$ milhões
Química (ABIQUIM), da qual a Companhia é conselheira. Na carta, associados da ABIQUIM oficializaram o O ano de 2018 foi marcado pela greve dos caminhoneiros, que paralisou o país e impactou diversos setores da mentos da Ultrapar, líquidos de desinvestimentos e repaga- 2.271
engajamento dos Conselhos Comunitários Consultivos (CCCs) vinculados ao setor com a agenda global da ONU economia, reduzindo a intensidade da recuperação da atividade econômica brasileira observada até meados de mentos, totalizaram R$ 1,9 bilhão. 170
e com sua divulgação e implementação. Os CCCs servem como canal de comunicação e desenvolvimento de maio, com reflexos negativos nos índices de confiança dos consumidores e dos empresários, que voltaram a O plano de investimentos da Ultrapar para 2019 totaliza
86 1.929
215 118
projetos entre as empresas e os moradores das localidades onde elas operam e são integrados por voluntários apresentar crescimento após a definição das eleições nacionais. R$ 1.762 milhões e demonstra o comprometimento da Com- 162
das comunidades. A Oxiteno mantém pessoas integradas aos conselhos em todas as suas unidades industriais no A recuperação econômica observada antes da panhia com o crescimento sustentável de seus negócios e 463 225
Brasil e, em Tremembé (SP), o CCC é administrado 100% pela Companhia. greve permitiu dois novos cortes de 0,25 p.p. na indiCadores
∆ (%) com a excelência operacional. 467
A Oxiteno avançou na utilização da plataforma Greenformance, que orienta para a priorização de desenvolvimento taxa básica de juros, que passou de 7,0% ao ano Na Ipiranga, o limite aprovado é de R$ 824 milhões, sendo
de produtos baseados em matérias-primas de fontes renováveis. Sempre que possível, a Companhia substitui ao final de 2017 para 6,5% ao ano, índice mantido 2018 2017 2018v2017
aproximadamente 50% voltados para a expansão da rede,
o uso de insumos sintéticos e derivados petroquímicos por outros de origem vegetal. Além disso, preconiza a desde março de 2018. A cotação média do dólar Dólar médio (R$/US$) 3,65 3,19 14% com a adição de postos e franquias am/pm e Jet Oil e 1.336
957
elaboração de produtos concentrados e biodegradáveis e aliados na redução do uso de energia, consumo de em 2018 foi de R$ 3,65/US$ em comparação a R$ Taxa de juros (CDI) 6,4% 9,9% -3,5 p.p. expansão da infraestrutura logística, com a construção de
água e de embalagens. 3,19/US$ em 2017, um aumento de 14%. Inflação no período (IPCA) 3,7% 2,9% 0,8 p.p. duas e ampliação de três bases de operação. Os outros 50%
A Oxiteno também realiza a Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) de seus produtos ecoeficientes. A metodologia, A decisão dos países membros da OPEP+ de IBC - BR 137,3 135,7 1% estão voltados para a manutenção e modernização de suas
reduzir a produção de petróleo elevou os preços Petróleo Brent médio (US$/barril) 71,1 54,4 2017 2018
normatizada pelas ISOs 14040 e 14044, permite quantificar o desempenho ambiental de uma solução e identifica 31% atividades, principalmente em renovação de contratos com
da commodity até setembro. A partir de outubro os revendedores e sistemas de informação para apoiar suas Ipiranga Oxiteno
em qual etapa da sua existência se concentram os principais impactos sobre a natureza. Com base no diagnóstico,
são experimentadas alterações nos processos. Em 2018, três estudos de ciclo de vida foram realizados. preços do petróleo passaram a se retrair em função do anúncio do aumento da produção pelos EUA e da operações. Ultragaz Ultracargo Extrafarma
A Companhia patrocina o projeto social Integrar Arte e Vida, em Mauá (SP), desenvolvido na Escola Municipal manutenção de estoques em níveis elevados. Ao final do ano, o barril do petróleo estava cotado a US$ 53/barril O investimento de R$ 319 milhões aprovado para Oxiteno
Cora Coralina em parceria com a Secretaria Municipal de Educação. A ação, que envolve mensalmente cerca (Brent), uma desvalorização de 20% no ano. será direcionado principalmente à manutenção e atualização tecnológica de suas unidades produtivas e de seus
de 220 alunos, estimula crianças e jovens a permanecerem na escola e completarem sua jornada educacional Em 2018, o número de veículos leves licenciados voltou a crescer e totalizou 2,5 milhões, com aumento de 14% em sistemas de informação, além dos investimentos em segurança, visando ganhos de eficiência e aumento da
através da oferta de oficinas culturais e esportivas nas modalidades dança, futsal e judô, no contraturno do colégio. relação a 2017. No mercado de produtos químicos de uso industrial, dados da ABIQUIM mostraram recuo de 1% em produtividade.
2018 no Consumo Aparente Nacional. No varejo farmacêutico, segundo dados das associadas da Abrafarma, a Na Ultragaz, os investimentos contemplam R$ 279 milhões para a (i) captura de novos clientes nos segmentos
Por fim, a Oxiteno ingressou no projeto Baú das Artes em Camaçari (BA), iniciativa governada pela Evoluir – receita de vendas foi 8% maior em 2018. envasado e granel, (ii) reposição e aquisição de vasilhames, (iii) expansão e manutenção das bases de
Educação Transformadora. A ação promove a distribuição de baús com kits de livros infantis, jogos educativos,
ipiranga engarrafamento, e (iv) em tecnologia da informação, visando ganhos de eficiência e como parte da estratégia de
brinquedos, fantasias e instrumentos musicais.
O volume de vendas da Ipiranga cresceu 1% em 2018, com aumento de 2% no volume de diesel, acompanhando inovação.
Ultragaz - Os projetos sociais apoiados e/ou desenvolvidos pela Ultragaz dividem-se em três frentes: a) educação, A Ultracargo deverá investir R$ 161 milhões no aumento de capacidade de tancagem em Itaqui e Santos, que
cultura para crianças, jovens e adultos de classes menos favorecidas, de abrangência nacional ou regional; b) a recuperação gradual da economia. Já o volume de combustíveis para veículos leves (ciclo Otto) vendido pela
Ipiranga foi 1% menor em relação a 2017, com queda até julho, retomando crescimento ao longo do segundo adicionará 16% à capacidade total da Ultracargo ao longo do segundo semestre de 2019, e na melhoria contínua
apoio ao desenvolvimento sociocultural dedicado às comunidades do entorno das unidades da Companhia; c) e em segurança e infraestrutura dos terminais.
campanhas educativas sobre saúde, bem-estar e preservação ambiental, direcionadas à sociedade como um todo semestre. A produção recorde de etanol em 2018 contribuiu para a redução do preço do produto e,
consequentemente, impulsionou o aumento nas vendas em 45%, enquanto o volume vendido da gasolina reduziu A Extrafarma planeja investir R$ 158 milhões direcionados à expansão da rede, com a abertura de novas lojas,
e de abrangência nacional. bem como à ampliação de sua infraestrutura logística e à tecnologia da informação.
14%.
Em 2018, a Companhia destinou recursos a projetos com foco no empoderamento feminino. Nesse sentido, iniciou A receita líquida da Ipiranga apresentou aumento de 14%, fruto principalmente (i) das movimentações nos custos A Ultrapar possui característica de organização empreendedora sendo cada vez mais seletiva e criteriosa nas
parceria com a Associação Feminina de Estudos Sociais e Universitários (Afesu), cujo foco é o apoio a mulheres médios do diesel e da gasolina, que apresentaram altas consecutivas de janeiro a setembro, seguindo os preços decisões de alocação de capital, buscando maior assertividade nos seus investimentos. A capacidade de
em condição de vulnerabilidade social por meio da oferta de capacitação para o mercado de trabalho. A Companhia internacionais e a desvalorização do Real frente ao dólar, (ii) do aumento dos tributos (PIS/COFINS) sobre os planejamento e execução das iniciativas estratégicas contidas no plano de investimentos da Companhia, aliadas a
também estabeleceu vínculos com a Rede Mulher Empreendedora (RME), para oferecer oportunidades e fomentar combustíveis em julho de 2017, e (iii) da estratégia de inovação constante em serviços e conveniência no posto, oportunidades de investimentos inorgânicos, permitirão a continuação de uma trajetória de crescimento
o empreendedorismo e o resgate da autoestima entre mulheres vítimas de violência doméstica. gerando maior satisfação e fidelidade do cliente. sustentado, mantendo o protagonismo conquistado ao longo desses mais de 80 anos de história.
Outro destaque é a participação de colaboradores na parceria com a Junior Achievement, uma das mais importan- As despesas gerais, administrativas e de vendas cresceram 7%, devido, principalmente, à consolidação das relaCionaMento CoM aUditores indePendentes
tes organizações de empreendedorismo, meio ambiente e negócios do mundo, com foco no desenvolvimento da despesas da ICONIC (tanto a adição das despesas da operação de lubrificantes da Chevron como despesas A política da Companhia na contratação de serviços de auditores independentes assegura que não haja conflito
cultura empreendedora entre crianças e adolescentes com orientações em temas como educação e sustentabili- extraordinárias para início da operação conjunta), que entrou em operação em dezembro de 2017. Desconsiderando de interesses, perda de independência ou objetividade dos serviços eventualmente prestados por auditores
dade, finanças pessoais e ética. Ao todo, 298 colaboradores são voluntários em projetos espalhados pelo Brasil. as despesas referentes à ICONIC, as despesas gerais, administrativas e de vendas permaneceriam estáveis em independentes não relacionados aos serviços de auditoria externa.
Em 2018, a Companhia foi parceira do Fundo das Nações Unidas pela Infância (Unicef) na divulgação sobre a relação a 2017, fruto de iniciativas para redução de despesas diante do cenário desfavorável enfrentado em 2018. Em atendimento à Instrução CVM nº 381/2003 informamos que durante o exercício de 2018 contratamos dos nossos
missão do órgão da ONU. Ela levou a seus clientes e funcionários informações sobre o acesso a material exclusivo O EBITDA Ajustado da Ipiranga em 2018 totalizou R$ 2.052 milhões, 33% abaixo de 2017, principalmente devido auditores independentes trabalhos diversos daqueles correlatos à auditoria externa que representam 5,7% da
sobre brinquedos e brincadeiras para crianças, atingindo 5 milhões de famílias em todo o País. (i) à greve dos caminhoneiros com impactos nos volumes vendidos, nas variações de margens e em maiores remuneração global dos honorários dos serviços de auditoria externa. Os serviços prestados referem-se a revisão da
Assim como a Ipiranga, a Ultragaz integra o pacto empresarial Na Mão Certa, desenvolvido pela ONG Childhood custos e despesas pontuais no período, (ii) às despesas extraordinárias para integração e início da operação da ECF – Escrituração Contábil Fiscal no montante de R$ 102.000,00 e auditoria para emissão da carta de conforto em
Brasil. A Ultragaz divulga as causas da ONG para seus colaboradores e sua rede de revendedores, atingindo 10 ICONIC e (iii) aos movimentos nos custos de combustíveis ao longo de 2018. conexão com o processo de oferta de títulos de valores mobiliários no montante de R$ 310.000,00. O prazo de
milhões de clientes do segmento domiciliar. Na Ipiranga, foram investidos R$ 957 milhões em 2018, sendo praticamente 50% direcionados para a expansão da prestação desses serviços é inferior a um ano. Esses serviços não afetam a independência e a objetividade
rede de postos (através do embandeiramento de postos bandeira branca, abertura de novos postos e novos necessárias ao desempenho dos serviços de auditoria externa, por se tratar de serviços de asseguração.
Desde 2012, a Ultragaz compensa as emissões de gás carbônico decorrentes dos projetos que patrocina. Em
clientes), de franquias am/pm e Jet Oil e de bases logísticas. Os demais 50% foram investidos na renovação e Nossos auditores Independentes declararam à Administração da Companhia que os serviços prestados não
trabalho conjunto com a ONG Iniciativa Verde, e como parte do Programa Carbon Free, promove o plantio de
manutenção da rede e da infraestrutura logística. Do total investido pela Ipiranga, R$ 388 milhões referem-se a afetaram a independência e a objetividade necessárias ao desempenho dos serviços de auditoria externa, por se
árvores para neutralizar o CO2 produzido.
imobilizações líquidas e adições ao intangível, R$ 390 milhões a ativos de contratos com clientes (direitos de tratar de serviços de verificação de aderência à legislação fiscal.
Continua
Jornal Valor --- Página 15 da edição "22/02/2019 1a CAD A" ---- Impressa por MPamplona às 21/02/2019@06:57:55:pm

Sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019 | Valor | A15


Continuação
balanços PatriMoniais deMonstrações de resUltados - exerCíCios Findos
eM 31 de dezeMbro de 2018, 31 de dezeMbro de 2017 e 1 de janeiro de 2017 eM 31 de dezeMbro de 2018 e de 2017
(Em milhares de Reais) (Em milhares de Reais, exceto o lucro líquido por ação)
nota Controladora Consolidado nota Controladora Consolidado nota Controladora Consolidado
explicativa 31/12/2018 31/12/2017 01/01/2017 31/12/2018 31/12/2017 01/01/2017 explicativa 31/12/2018 31/12/2017 01/01/2017 31/12/2018 31/12/2017 01/01/2017 explicativa 2018 2017 2018 2017
reapre- reapre- reapre- reapre- reapre- reapre- reapre- reapre- reapre- reapre-
senttado senttado senttado senttado senttado senttado senttado senttado senttado senttado
ativo Passivo reeceitta líq
quid
da de ve enddas e serviç ç os 26
6 - - 90.6
697.9
983 79 9.23
30.0
014
Circ
culaantte Circ
cula antte Custos dos produtos vendidos e dos
Caixa e equivalentes de caixa 4.a 172.315 93.174 127.944 3.938.951 5.002.004 4.274.156 Empréstimos, financiamentos e serviçços preestados 27 - - (8
84.5
537.3
368) (72.43
31.473
3)
Aplicações financeiras e instrumentos financeiros lucro bruto - - 6.160.615 6.798.541
instrumentos financeiros derivativos de proteção 15 - - - 2.007.430 1.819.766 1.821.398 reeceittas (despesas) opera acioona aiss
derivaativo
os de pro oteção 4.b
b 565.9
930 21.6
657 1.0
052 2.8
853.10
06 1.28
83.49
98 1.412.5
588 Deebêntture es 15
5.g
g 34.5
504 817.6
654 32.479
9 26
63.718
8 1.6
681.19
99 651.5
591 Com ve enddas e come erccia
aiss 27 - - (2.6
6700.8
867)) (2.4886.3
389)
Contas a receber de clientes 5.a - - - 4.069.307 3.861.325 3.177.112 Arrendamento mercantil financeiro 15.i - - - 2.849 2.710 2.615 Geraaiss e adminisstraativa
as 27 - - (1.6
6255.8
839) (1.5
5766.5
5288)
Finaanccia
ame enttos a clie
enttes 5.b
b - - - 367.26
62 28
86.5
569 211.0
055 Fo
orne ecedore es 16
6 272 46
61 330 2.5
551.6
607 2.15
55.49
98 1.70
09.6
653 Reesulttado naa veendda de benss 28
8 - - (22.0
088) (2.242))
Estoques 6 - - - 3.354.532 3.513.710 2.781.377 Fornecedores - Convênio 16 - - - 180.070 - - Outroos reesulttados opera acioonaaiss, líq
quiddos 29
9 (3
3133) 1 57.5
533 59.3
360
Trib
butos a re ecuperaar 7.a
a - - - 639.6
699 664.9
954 382.3
361 Saláárioos e enccarggos sociaaiss 17 228
8 244 20
04 428
8.19
92 388.118
8 362.718
8 lucro (prejuízo) operacional (3
313) 1 1.899.354 2.792.742
Eqquivaalê
ênccia
a patrimoonia al 12 1.174.9
985 1.5
536.3
388 (14.7799) 20
0.6
6733
Imposto de renda e Obrigações tributárias 18 11.563 343 726 268.005 221.529 168.386
lucro antes do resultado financeiro, do
contribuição social a Divid
dend dos pro opostos a pagar 25
5.h 28
82.3
334 335.9
930 316
6.8
848
8 28
84.0
024 338.8
845
5 320
0.8
883
imposto de renda e da contribuição social 1.174.672 1.536.389 1.884.575 2.813.415
re
ecupera ar 7.b
b 39.70
05 33.0
070
0 37.6
620
0 25
57.18
82 216
6.6
630 15
59.411 Imposto de renda e contribuição Reeceittas fina
ancceira
as 30 146
6.13
37 95.218
8 681.23
35 585.10
01
Dividdenddos a re eceber 26
60.48
83 27.9
930 354.15
50 1.0
064 11.13
37 8.6
616
6 socia al a pagar 9.23
38 - - 55.477 86.8
836 13
39.9
981 Despesas financeiras 30 (1
119.900) (1
107.701) (7
794.771) (1
1.059.397)
Deema ais
s conttas a reeceber 1.5
527 2.40
04 3.8
884 58.5
561 44.0
025
5 387.25
52 Beeneefíccio
os pós-eemp pre
ego 19
9.b
b - - - 45
5.6
655 30.0
059 24.9
9400 Re
esulttado finaancceiroo líq
quiddo 26
6.23
37 (12.48
83) (113
3.5
536) (474.29
96)
Deespesas anttecip padas 10
0 1.9
962 1.5
597 98 18
87.5
570
0 15
50.0
046
6 123
3.8
883 Proovissão para a re
etira
ada de tanqques 20
0 - - - 4.3
382 4.79
99 4.5
563 lucro antes do imposto de renda e da
Ativos de contratos com Provisões para riscos tributários, conttribbuiçção socia al 1.200.909 1.523.906 1.771.039 2.339.119
clientes - direitos de cíveeiss e tra
abalhisstas 21.a
a - - - 77.8
822 64.5
550 52.6
694 impposto de re endda e conttrib buiçção socia al
excclu
usivid dade 11 - - - 484.473 456.213 448.316 Contas a pagar - indenização Corrente 9.b; 9.c (35.363) (4.098) (476.302) (922.458)
a clieenttes e tercceiro
os 22 - - - 3.5
501 72.216
6 99.8
863 Dife
eriddo 9.b
b (15
5.125
5) 6.6
697 (16
62.417) 1009.2004
Deema aiss conttas a pagar 3.9
975
5 7.43
39 2.3
359 13
37.49
94 125
5.15
50 10
02.714 (50.488) 2.599 (638.719) (813.254)
Total do ativo circulante 1.041.922 179.832 524.748 16.211.707 15.490.111 13.366.127 Reeceitta difeerid
da 23
3 - - - 26.572 18.413 22.300 lu
ucroo líq
quiddo do exe erccíc
cio
o 1.1550.421 1.5
5266.5
505 1.13
32.3
320
0 1.5
5255.8
865
Total do passivo circulante 342.114 1.162.071 352.946 6.336.798 7.009.688 5.484.299 Lucro atribuível a:
Accio
onisstas da Ulttra
apar 1.15
50.421 1.5
526 6.5
505 1.1550.421 1.5
526
6.5
505
Accio
onis
stas nã
ão conttroola
adorees de conttro
ola
adas - - (18
8.1001)) (6400)
não circulante não circulante lucro líquido por ação do capital
Aplicações financeiras e Empréstimos, financiamentos sociaal (méédiaa pond deraada do exe erc
cíccioo) - r$
$
instrumentos financeiros e instrumentos financeiros Báásicco 31 2,,1223
3 2,,816
69 2,,1223
3 2,,816
69
derivaativo
os de pro oteção 4.b
b - - - 20
02.3
349
9 84.426
6 15
5.10
04 derivaativo
os de pro oteção 15
5 - - - 6.48
87.40
00 6.113
3.5
545
5 6.8
800.13
35 Diluído 31 2,1083 2,7968 2,1083 2,7968
Contas a receber de clientes 5.a - - - 81.569 46.301 49.601 Debêntures 15.g 1.722.450 - 799.904 6.401.535 3.927.569 2.095.290 As notas explicativas são parte integrante das demonstrações financeiras.
Finaanccia
ame enttos a clie
enttes 5.b
b - - - 348
8.26
68 28
83.6
690 177.48
84 Arreenddame entto meerccanttil fina
ancceiro
o 155.i - - - 43
3.217 45
5.8
805 46
6.10
01
Sociedades relacionadas 8.a 761.288 762.562 772.425 490 490 490 Sociedades relacionadas 8.a 5.158 4.003 679 4.071 4.185 4.272 deMonstrações dos resUltados abrangentes
Imposto de renda e Imposto de renda e
conttrib
buiçção sociaal dife
erid
dos 9.a
a 14.0
034 29
9.15
58 22.46
62 514.18
87 614.0
061 45
59.6
618
8 conttrib
buiçção socia al dife
eriddos 9.a
a - - - 9.29
97 83.6
642 7.6
645
5 exerCíCios Findos eM 31 de dezeMbro de 2018 e de 2017
Tributos a recuperar 7.a - - - 747.180 234.700 146.753 Be
ene efíc
cio
os pós-eemp pre
ego 19
9.b
b - - - 20
04.16
60 20
07.46
64 119
9.8
811 (Em milhares de Reais)
Imposto de renda e Proovissão paraa re
etira
ada de tanq ques 20
0 - - - 50.28
85 59.9
975
5 73
3.0
001 nota Controladora Consolidado
conttrib
buiçção sociaal a re
ecuperaar 7.b
b 48
8.6
685 48
8.6
685 35.0
010
0 10
05.6
602 78
8.5
542 35.8
864 Provisões para riscos explicativa 2018 2017 2018 2017
Deepósittos judiccia
ais
s 21.a
a - 148
8 148
8 881.5
507 822.6
660 778
8.770
0 trib
butário
os, cíveeis
s e traabalhisstas 21.a
a; 21.cc 79
98 982 1.8
884 865.249
9 861.2466 727.0
088 reapre- reapre-
Ativo de indenização - Reeceitta dife
erid
da 233 - - - 11.8
850 12.8
896 12.5
5100 sentado sentado
comb binaação de ne egócio os 21.cc - - - 19
94.719
9 20
02.3
352 - Bô
ônu us de subscriçção - ind denizaação 24 123
3.0
095 171.45
59 15
53.429
9 123
3.0
095 171.4559 15
53.4299 Lucro líquido do exercício, atribuível aos
Deemaaiss conttas a reeceber - - - 1.411 7.9
918
8 2.6
678
8 Deema ais
s conttas a pagar - - - 1662.40
09 1662.8
834 74.8
884 acio
onisstas da Ulttra
apar 1.15
50.421 1.55266.5
505 1.1550.421 1.526.505
Deespesas anttecip padas 10
0 30 - - 399.0
095 346
6.8
886 222.5
518
8 Tootal do passivo o nãão circculaantte 1.8
851.5
501 176
6.444 955.8
896 14.3
362.5
568 11.6
650.6
6200 10
0.114.1666 Lucro líquido do exercício, atribuível aos
Ativos de contratos com acio
onisstas nãão conttro
ola
adorees das conttroolaadas - - (18 8.10
01) (6
640
0)
clientes - direitos de Pa
atrimô ônioo líq
quid do Lucro líquido do exercício 1.150.421 1.526.505 1.132.320 1.525.865
exc
cluusividdade 11 - - - 1.034.004 1.046.147 989.768 Capittal socia al 25
5.a
a; 25
5.f 5.171.75
52 5.171.75
52 3.8
838.6
686 5.171.75
52 5.171.75
52 3.8
838.6
686 Itens que serão reclassificados subsequentemente
Insstru
ume entto patrimo onia
al outorggado 25
5.bb 4.3
309 536 - 4.3
309 536 - paraa o re
esulttado:
Reeserva a de capittal 25
5.dd 542.40
00 549
9.778
8 552.0
038 542.40
00 549
9.778
8 552.0
038 Ajustes de avaliação de instrumentos financeiros
Total do ativo realizável a Açções em tesoura aria
a 25
5.cc (48
85.3
383) (48
82.26
60) (48
83.8
8799) (48
85.3
383) (48
82.26
60) (48
83.8
8799) de controladas, líquido de imposto de renda e
longo prazo 824.037 840.553 830.045 4.510.381 3.768.173 2.878.648 Reserva de reavaliação conttrib
buiçção sociaal 25
5.g
g (2133.9
9166) (4.0
0166) (2133.9
937)) (4.016)
de conttro ola
adas 25
5.e
e 4.712 4.9
930 5.3
339 4.712 4.9
930 5.3
339 Ajustes de avaliação de instrumentos financeiros
Investimentos em: Reeserva as de lu ucroos 25
5.f 4.0
099.0092 3.6
629
9.8
851 4.3
383.9965 4.0
099.0092 3.6
629
9.8
851 4.3
383.9965 de empreendimentos controlados em conjunto,
Controladas 12.a 9.509.480 9.263.442 8.107.673 - - - Ajjustes de ava alia
ação patrimooniaal 25
5.g
g (63.9
989) 15
54.8
824 (23
3.9
987)) (63.9
989) 15
54.8
824 (23
3.9
987)) quid
líq do de imp posto de reend
da e conttrib
buiçção socia
al 25
5.g
g (2.3
3299) 3.5
535 (2.3
3299) 3.535
Empreendimentos Ajustes acumulados de conversão de
Ajjustes acumu ula
ados de conve ers
são 25
5.g
g 65.8
857 53.0
061 7.5
519
9 65.8
857 53.0
061 7.5
519
9
controladas, líquidos dos efeitos do hedge
controlados em conjunto 12.a; 12.b 20.118 54.739 45.409 101.954 122.061 116.142 Dividendos adicionais aos
de investimentos e de imposto de renda e
Coligadas 12.c - - - 24.338 25.341 22.731 dividdend dos mínimo os obrig
gatórioos 25
5.h 10
09.3
355 16
63.742 16
65.5
515
5 10
09.3
355 16
63.742 16
65.5
515
5 conttrib
buiçção sociaal 25
5.g
g 12.7996 455.5
542 12.79 96 45.542
Outros - - - 2.795 2.792 2.814 Pa atrimôônioo líq
quiddo atrib
buíve
el a: Itens que não serão reclassificados
Accioonis
stas da Ulttraapar 9.448
8.10
05 9.246
6.214 8.445
5.19
96 9.448
8.10
05 9.246
6.214 8.445
5.19
96 subsequentteme entte paraa o re
esulttado:
9.529.598 9.318.181 8.153.082 129.087 150.194 141.687 Acionistas não controladores de Perdas atuariais de benefícios pós-emprego de
controladas - - - 351.924 377.824 30.855 controladas, líquido de imposto de renda e
Imobilizado, líquido 13 - - - 7.278.865 6.637.826 5.796.418 conttrib
buiçção sociaal 25
5.g
g (1.19
93) (18 8.6
621)) (5.2882)) (23.856)
Intangível, líquido 14 246.163 246.163 246.163 2.369.355 2.238.042 1.891.636 Perdas atuariais de benefícios pós-emprego de
empreendimentos controlados em conjunto,
Total do ativo não circulante 10.599.798 10.404.897 9.229.290 14.287.688 12.794.235 10.708.389 To
otal do patrimô
ônio
o líq
quid
do 9.448
8.10
05 9.246
6.214 8.445
5.19
96 9.8
800.0
029
9 9.6
624.0
038 8.476
6.0
051 líq
quid
do de imp posto de reend
da e conttrib
buiçção socia
al 25
5.g
g (1
1.375) 544 (1
1.375) 544
Resultado abrangente do exercício 944.404 1.553.489 922.193 1.547.614
Resultado abrangente do exercício, atribuível aos
Total do passivo e do patrimônio acioonis
stas da Ulttra
apar 944.4004 1.5
553.4889 944.40 04 1.553.489
Total do ativo 11.641.720 10.584.729 9.754.038 30.499.395 28.284.346 24.074.516 líq
quid
do 11.6
641.720
0 10
0.5
584.729
9 9.75
54.0
038 30.49
99.3
395 28
8.28
84.3
346
6 24.0
074.5
516
6 Resultado abrangente do exercício, atribuível aos
acioonis
stas nã ão conttro
ola
adorees das conttro ola
adas - - (22.211)) (5.875)
As notas explicativas são parte integrante das demonstrações financeiras. As notas explicativas são parte integrante das demonstrações financeiras.

deMonstrações das MUtações do PatriMônio líqUido - exerCíCios Findos eM 31 de dezeMbro de 2018 e de 2017 - (Em milhares de Reais)
dividendos Patrimônio
reservas de lucros adicionais aos líquido atribuível a:
instrumento reserva reserva de ajustes de ajustes dividendos acionistas não
nota Capital patrimonial de ações em reavaliação de estatutária para retenção avaliação acumulados lucros mínimos acionistas controladores Patrimônio
explicativa social outorgado capital tesouraria controladas legal investimentos de lucros patrimonial de conversão acumulados obrigatórios da Ultrapar de controladas líquido total
saldos em 31 de dezembro de 2016 3.838.686 - 552.038 (483.879) 5.339 550.428 2.582.898 1.333.066 (23.987) 7.519 - 165.515 8.527.623 30.935 8.558.558
Efeitos da adoção de novos pronunciamentos 2.y - - - - - - (8
82.427) - - - - - (8
82.427) (8
81) (8
82.508)
saldos em 1 de janeiro de 2017 - reapresentado 3.838.686 - 552.038 (483.879) 5.339 550.428 2.500.471 1.333.066 (23.987) 7.519 - 165.515 8.445.196 30.854 8.476.050
Lucro líquido do exercício - - - - - - - - - - 1.526.505 - 1.526.505 (640) 1.525.865
Outros resultados abrangentes:
Ajustes de avaliação de instrumentos financeiros, líquido de imposto de renda e contribuição social 25.g - - - - - - - - (481) - - - (481) - (481)
Perdas atuariais de benefícios pós-e emprego, líquido de imposto de renda e contribuição social 25.g - - - - - - - - (18.077) - - - (18.077) (5.235) (23.312)
Ajustes de conversão de moeda estrangeira de controladas no exterior, líquidos dos efeitos do hedge
de inveestime
enttos 25
5.g
g - - - - - - - - - 45.542 - - 45.542 - 45.542
Resultado abrangente do exercício - - - - - - - - (18.558) 45.542 1.526.505 - 1.553.489 (5.875) 1.547.614
Instrumento patrimonial outorgado 25.b - 536 - - - - - - - - - - 536 - 5 36
Aumento de capital com reser vas 25.f 1.333.066 - - - - - - (1.333.066) - - - - - - -
Plano de ações 25.c - - (2.260) 1.619 - - - - - - - - (641) - (641)
Realização da reserva de reavaliação 25.e - - - - (409) - - - - - 4 09 - - - -
Imposto de renda e contribuição social sobre a realização da reser va de reavaliação de controladas 25.e - - - - - - - - - - (96) - (96) - (96)
Dividendos prescritos - - - - - - - - - - 3.029 - 3.029 - 3.029
Transferência para reserva estatutária - - - - - - 3.342 - - - (3.342) - - - -
Dividendos adicionais atribuíveis a acionistas não controladores - - - - - - - - - - - - - (8.730) (8.730)
Aprovação em Assembleia Geral Ordinária dos dividendos adicionais 25.h - - - - - - - - - - - (165.515) (165.515) - (165.515)
Adição de acionistas não controladores em função de combinação de negócios 3.c - - - - - - - - - - - - - 182.603 182.603
Mudança de par ticipação de acionistas não controladores - CBLSA 3.c; 25.g - - - - - - - - 197.369 - - - 197.369 178.972 376.341
Destinação do resultado líquido:
Reser va legal 25.f; 25.h - - - - - 78.716 - - - - (78.716) - - - -
Dividendos intermediários (R$ 0,85 por ação) 25.h - - - - - - - - - - (461.868) - (461.868) - (461.868)
Divid
denddos proopostos (R$$ 0,90 por ação ) 255.h - - - - - - - - - - (4889.0
027)) 16
63.742 (325
5.28
85) - (325
5.28
85)
Reeservaa estatutária
a 25
5.f;; 25
5.h - - - - - - 496.894 - - - (4
496.894) - - - -
saldos em 31 de dezembro de 2017 - reapresentado 5.171.752 536 549.778 (482.260) 4.930 629.144 3.000.707 - 154.824 53.061 - 163.742 9.246.214 377.824 9.624.038
Lucro líquido do exercício - - - - - - - - - - 1.150.421 - 1.150.421 (18.101) 1.132.320
Outros resultados abrangentes:
Ajustes de avaliação de instrumentos financeiros, líquido de imposto de renda e contribuição social 25.g - - - - - - - - (216.245) - - - (216.245) (21) (216.266)
Perdas atuariais de benefícios pós-e emprego, líquido de imposto de renda e contribuição social 25.g - - - - - - - - (2.568) - - - (2.568) (4.089) (6.657)
Ajustes de conversão de moeda estrangeira de controladas no exterior, líquidos dos efeitos do hedge
de inveestime
enttos 25
5.g
g - - - - - - - - - 12.796 - - 12.796 - 12.796
Resultado abrangente do exercício - - - - - - - - (218.813) 12.796 1.150.421 - 944.404 (22.211) 922.193
Instrumento patrimonial outorgado 25.b - 3.773 - - - - - - - - - - 3.773 - 3.773
Plano de ações 8.c; 25.c - - (7.378) (3.123) - - - - - - - - (10.501) - (10.501)
Realização da reserva de reavaliação 25.e - - - - (218) - - - - - 2 18 - - - -
Imposto de renda e contribuição social sobre a realização da reser va de reavaliação de controladas 25.e - - - - - - - - - - (3) - ( 3) - ( 3)
Dividendos prescritos - - - - - - - - - - 3.170 - 3.170 - 3.170
Transferência para reserva estatutária - - - - - - 3.385 - - - (3.385) - - - -
Dividendos adicionais atribuíveis a acionistas não controladores - - - - - - - - - - - - - (3.689) (3.689)
Aprovação em Assembleia Geral Ordinária dos dividendos adicionais 25.h - - - - - - - - - - - (163.742) (163.742) - (163.742)
Destinação do resultado líquido:
Reser va legal 25.f; 25.h - - - - - 57.521 - - - - (57.521) - - - -
Dividendos intermediários (R$ 0,56 por ação) 25.h - - - - - - - - - - (304.241) - (304.241) - (304.241)
Divid
denddos proopostos (R$$ 0,70
0 por ação ) 255.h - - - - - - - - - - (380.3
324)) 10
09.3
355 (270
0.9
969) - (270
0.9
969)
Reeservaa estatutária
a 25
5.f;; 25
5.h - - - - - - 408.335 - - - (4
408.335) - - - -
saldos em 31 de dezembro de 2018 5.171.752 4.309 542.400 (4 485.383) 4.712 686.665 3.412.427 - (6
63.989) 65.857 - 109.355 9.448.105 351.924 9.800.029
As notas explicativas são parte integrante das demonstrações financeiras.

deMonstrações dos FlUxos de Caixa - Método indireto - exerCíCios Findos eM 31 de dezeMbro de 2018 e de 2017 deMonstrações do Valor adiCionado
(Em milhares de Reais) exerCíCios Findos eM 31 de dezeMbro de 2018 e de 2017
nota Controladora Consolidado nota Controladora Consolidado (Em milhares de Reais, exceto as porcentagens)
explicativa 2018 2017 2018 2017 explicativa 2018 2017 2018 2017 nota Controladora Consolidado
reapre- reapre- reapre- reapre- explicativa 2018 % 2017 % 2018 % 2017 %
sentado sentado reapre- reapre-
Flu
uxoo de caixa a das ativid dades opera acioona
ais
s auume entto (diminu uiçção) no o passivo o nã
ão circcula
antte sentado sentado
lu
ucro o líqquiddo do exe erc cíccio
o 1.15
50.421 1.5
526
6.5
505 1.13
32.3
320
0 1.5
525
5.8
865 Beene efíc
cioos pós-e emp preego 199.b
b - - (8.45
57)) (75
59) re
eceittas
ajustes para reconciliar o lucro líquido Provisões para riscos tributários, cíveis e Receita bruta de vendas e
ao caixa gerado pelas atividades tra
abalhisstas 21.a
a; 21.cc (1884)) (902)) 11.8811 (68.19
93) serviços, exceto aluguéis
opera acioonaais
s De ema ais
s conttas a pagar (2.8
8188) - (4.3
397)) 87.9
950 e royalties 26 - - 95.297.114 82.720.797
Eqquiva alê
ênccia
a patrimo onia al 12 (1.174.9
985) (1.5
536.3
388) 14.779
9 (20
0.6
673
3) Re eceitta difeeridda 233 - - (1.0
046
6) 385 Abatimentos, descontos e
Amortização de ativos de contratos com Pagamentos de ativos de contratos com devoluções 26 - - (1.342.799) (927.557)
clie
enttes - direeittos de exc clu
usivid
dade 11 - - 371.8
8255 46
63.00499 clieenttes - direeittos de excclu usivid
dade 11 - - (390.177)) (529
9.73
32)) Perdas estimadas de
Deepreeciaações e amo orttiza
ações 13
3; 14 - - 812.4889 70
04.5544 Impposto de re end da e conttrib buiç
ção sociaal pagos - - (1
197.886) (8
836.808) créditos de liquidação
Créédittos de PISS e COFINS S sobre e depre
ecia
ação 13
3; 14 - - 15
5.721 133.13
34 Caixa líquido gerado pelas atividades duvidosa - constituição - - (69.250) (138.086)
Juroos, vaaria
ações mo oneetária as e camb bia
ais
s 1.776
6 10
03.10
06 1.0
026
6.5
5155 854.6671 opera acio ona ais
s 528.888 996.209 2.888.959 1.739.038 Amortização de ativos de
Imposto de renda e contribuição social Flu
uxo o de caixa a das ativid dades de inve estime enttos contratos com clientes -
dife
eriddos 9.b
b 15
5.125
5 (6.6
697)) 16
62.417 (10
09.20
04)) Appliccações fina ancceiraas, liq
quid
das de reesgates (544.273
3) (20
0.6
605) (1.6
669.9
937)) 60.8
859 dire
eittos de exccluusivid
dade 11 - - (371.8
825
5) (46
63.0
049
9)
Reesulttado na a veendda de benss 288 - - 22.0
088 2.242 Caixa e equivalentes de caixa de controlada Resultado na venda de
Perdas estimadas de crédito de liquidação adquirid da 3.c
c;3.dd - - 3.6
662 59.8
863 bens e outros resultados
duvid dosa - - 69.25 50 13
32.7556 Aqquissiçção de imo obilizaado 133 - - (1.1788.3
312)) (1.3
302.1887)) opera acio
ona
aiss, líq
quid
dos 28
8; 29
9 - - 35.445
5 57.118
8
Proovissão para a perd da em estoques - - (1.49
98) (802)) Aqquissiçção de inttang gíveel 14 - - (23
37.5593) (221.9
960) - - 93.5
548
8.6
685 81.249
9.223
3
Proovissão para a bene efíc
cioo pós-e emp pre
ego - - 4.8
854 13
3.9968 Aqquissiçção de subsid diá
áriaa 3.d
d - - (10
03.33733) - insumos adquiridos de
Deema aiss pro
ovissões e ajustes (6
6) - (1
135) 1.539 Aporte de capital em empreendimentos terceiros
(7.6
669) 86.5
526
6 3.6
630.66255 3.5
581.0089 conttroolaados em conjjuntto 12.bb - - (31.9
908) (16
6.0
000) Matérias-primas
(au
ume entto) diminu uiç
ção no o ativo o circ
cula antte Re edução de capittal em colig gadas 12.cc - - 1.25
50 - consumidas - - (6.173.615) (5.333.301)
Conttas a reeceber e fina anccia
ame enttos a clie
enttes 5 - - (355.8
854)) (725
5.240
0) Re eceitta com a ve endda de benss 288 - - 38.5
5788 47.6
670
0 Custos das mercadorias,
Esstoques 6 - - 16
68.70
04 (606.48
84)) Caixa líquido utilizado nas atividades de produtos e serviços
Imppostos a re ecupera ar 7 (6.6
635) 4.5
550 (11.46
67)) (334.217)) investimentos (5
544.273) (2
20.605) (3
3.177.633) (1
1.371.755) vendidos - - (78.330.739) (66.434.670)
Dividendos recebidos de controladas e Flu
uxo o de caixa a das ativid dades de fina anccia
ameenttos Materiais, energia, serviços
emp pre
eend dimeenttos conttro
ola
ados em conjjuntto 528
8.778
8 922.3301 42.43
36 29
9.411 Emp prééstimo os, finaanccia
ame enttos e debêntturees de tercceiro
os e outro
os 7.3
306 8.142 (2.3
351.10
00) (2.29
93.9
904))
Seguro o e dema aiss conttas a re eceber 877 1.48
80 (14.5
536) 358.6682 Captação 155 1.721.5596 - 4.46
61.112 4.5
510
0.6
694 Provisão para perda de
Deespesas anttecip padas 10
0 (365) (1.49
99) (37.5
525
5) (23
3.0
016
6) Amo orttiza
ação 155 (800.3336) - (3.710
0.718
8) (2.46
62.20
00) va
alo
ore
es de ativoos - - (23
3.141) (27.0
090)
au
ume entto (diminu uiçção) noo passivo o circ
culaantte Juroos pagos 155 (86.8
806) (99.8
803) (73
37.5
564)) (76
69.7400) 7.3
306 8.142 (86.8
878
8.5
595) (74.0
088.9
965)
Fo
orneecedore es 16
6 (1990) 13
31 5766.16
64 412.3
393 Contraprestação de arrendamento mercantil Valor adicionado bruto 7.306 8.142 6.670.090 7.160.258
Saláário
os e enccarg gos socia aiss 17 (16
6) 400 400.0
074 7.149
9 fina
ancceiro o 15
5.i - - (5.120
0) (5.19
91)) retenções
Obriggações trib butária as 18
8 11.2200 (383) 466.4766 33.0
054 Dividdend dos pagos (78
89.3
3788) (930.5
557)) (808.6
603) (940
0.25
50) Depreciações e
Impposto de re endda e conttrib buiçção socia al 9.2338 - 16
66.5527 78
83.6
663 Comp praa de ações em tesoura aria
a 233.cc (6.5
5266) - - - amor tizações 13; 14 - - (812.489) (704.544)
Be
ene efíc
cio
os pós-e emp pre
ego 19
9.b
b - - 15
5.5596 5.119
9 Veend da de ações em tesoura aria
a 255.cc - 6.79
99 - - Créditos de PIS e COFINS
Provisões para riscos tributários, cíveis e Socie edades re ela
acioonaadas 8.a
a 55.9
9766 13
3.18
87 (114) 7.0
036 sobree depre
ecia
ação 13
3; 14 - - (15
5.721) (13
3.13
34)
tra
abalhisstas 21.a
a - - 13
3.272 11.8
857 Caixa líquido gerado pelas (utilizado nas) - - (828.210) (717.678)
Seguro o e dema aiss conttas a pagar (3.46
66) (2.3
360) (59.23
37)) (49
9.3
387)) ativid dades de fina ancciaame enttos 94.5
526
6 (1.0
010
0.3
374) (8
801.0
007) 340
0.3
349
9 Valor adicionado líquido
Reeceitaa dife
erid
da 23
3 - - 8.15
59 (3.8
887)) Variação cambial de caixa e equivalentes pro
oduzid do pelaa socie edade 7.3
306 8.142 5.8
841.8
880 6.442.5
580
(aumento) diminuição no ativo não de caixa a em mo oeda estra anggeiraa - - 26
6.6
628
8 20
0.214 Valor adicionado recebido
circ
culaantee aumento (diminuição) em caixa e em tra
ans sfe
erêênc
ciaa
Contaas a reeceber e fina anc
ciaame entoos a clie
entees 5 - - (99.6
622)) (10
02.9
905) equiva ale enttes de caixa a 79.141 (3
34.770) (1
1.063.053) 727.846 Eq
quivaalê
ênccia
a patrimo onia
al 12 1.174.9
985 1.5
536.3
388 (14.7799) 20
0.6
673
3
Imppostoos a reecupera ar 7 - (13
3.6
675
5) (539.5
539) (13
30.2000) Caixa e equivalentes de caixa no início Alu
uguéiss e ro
oyalttie
es 26
6 - - 1433.0
090 13
37.0
026
6
Deepósito os judic
cia
aiss 1488 - (58.75
57)) (39.7995) do exe erc cíc
cioo 4 93.174 127.9
944 5.0
002.0
004 4.274.15
58 Receitas financeiras 30 146.137 95.218 681.235 585.101
Deema ais
s contaas a re eceber - - 6.3
350 (4.3
356) Caixa e equivalentes de caixa no fim 1.3
321.122 1.6
631.6
606 809.55466 742.8
800
Despesas antecipadas 10 (30) - (58.735) (116.735) do exe erc cíc
cioo 4 172.3
315
5 93.174 3.9
938.9
951 5.0
002.0
004 Valor adicionado total a
distribuir 1.328.428 1.639.748 6.651.426 7.185.380
As notas explicativas são parte integrante das demonstrações financeiras. distribuição do valor
adic
cioonaado
notas exPliCatiVas às deMonstrações FinanCeiras da Controladora e Consolidadas Pessoal e encargos 6.218 - 6.921 - 2.187.994 33 1.924.541 27
(Em milhares de Reais, exceto quando de outra forma mencionado) Impostos, taxas e
conttrib
buiçções 66.114 5 13
36 - 2.3
312.3
328
8 35 2.476
6.49
97 34
1 Contexto oPeraCional custo amortizado. • Mensurado ao valor justo por meio de outros resultados abrangentes: ativos financeiros que são Despesas financeiras e
A Ultrapar Participações S.A. (“Ultrapar” ou “Sociedade”) é uma sociedade anônima de capital aberto domiciliada no Brasil, adquiridos ou originados com a finalidade de recebimento dos fluxos de caixa contratuais ou venda dos ativos. Os sal- alu
uguéiss 10
05.6
675
5 8 10 06.18
86 6 1.0
018
8.78
84 15 5 1.25
58.477 18
8
com sede na Avenida Brigadeiro Luis Antônio, 1.343 em São Paulo – SP, com ações negociadas no segmento Novo Mer- dos são demonstrados ao valor justo e os rendimentos auferidos e as variações cambiais são contabilizados no resul- Divid
dend dos disstrib
buíd
dos 684.5
565 52 950.8 895 59 688.25
54 10 0 959.6
625
5 13
3
cado da B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão (“B3”), sob o código UGPA3, e na Bolsa de Nova Iorque (“NYSE”) por meio de tado. As diferenças entre o valor justo e o valor inicial da aplicação acrescido dos rendimentos auferidos e as variações Lucros retidos 465.856 35 575.610 35 444.066 7 566.240 8
American Depositary Receipts (“ADRs”) nível III sob o código UGP. A Sociedade tem por atividade a aplicação de capitais cambiais são reconhecidas no patrimônio líquido em outros resultados abrangentes acumulados na conta “Ajustes de Valor adicionado
próprios no comércio, na indústria e na prestação de serviços, mediante a subscrição ou aquisição de ações e cotas de avaliação patrimonial”. Os ganhos e perdas registrados no patrimônio líquido são reclassificados para o resultado no distribuído 1.328.428 100 1.639.748 100 6.651.426 100 7.185.380 100
outras sociedades. Por meio de suas controladas, atua no segmento de distribuição de gás liquefeito de petróleo - GLP momento da sua liquidação. Substancialmente as aplicações financeiras em Certificados de Depósito Bancário (“CDB”) As notas explicativas são parte integrante das demonstrações financeiras.
(“Ultragaz”), na distribuição de combustíveis e atividades relacionadas (“Ipiranga”), na produção e comercialização de e operações compromissadas são classificadas como mensuradas ao valor justo por meio de outros resultados abran-
produtos químicos (“Oxiteno”), na prestação de serviços de armazenagem de granéis líquidos (“Ultracargo”) e no comércio gentes. • Mensurado ao valor justo por meio do resultado: ativos financeiros que não foram classificados como custo aquisição e de transformação diretamente e indiretamente relacionados com as unidades produzidas baseados
de medicamentos, produtos de higiene, beleza e cosméticos (“Extrafarma”). Para maiores informações sobre os segmen- amortizado ou mensurado a valor justo por meio de outros resultados abrangentes. Os saldos são demonstrados ao na capacidade normal de produção. As estimativas do valor realizável líquido baseiam-se nos preços gerais de
tos vide nota explicativa nº 32. valor justo e tanto os rendimentos auferidos e as variações cambiais como as variações de valor justo são contabilizados venda em vigor no final do período de apuração, líquidos das despesas diretas de venda. São considerados
2 aPresentação das deMonstrações FinanCeiras e resUMo das PrinCiPais PrÁtiCas no resultado. Os fundos de investimentos e os instrumentos derivativos de proteção são classificados como mensurados nessas estimativas, eventos subsequentes relacionados à flutuação de preços e custos, se relevantes. Caso o
ContÁbeis ao valor justo por meio do resultado. A Sociedade e suas controladas utilizam instrumentos financeiros para fins de valor realizável líquido seja inferior ao valor do custo, uma provisão correspondente a essa diferença é contabili-
As demonstrações financeiras da controladora e consolidadas (“demonstrações financeiras”) foram elaboradas de acordo proteção, aplicando os conceitos descritos a seguir: • Contabilidade de proteção (hedge accounting) - hedge de valor zada. A obsolescência de materiais mantidos para uso na produção também é revisada periodicamente e inclui
com as normas internacionais de relatório financeiro - International Financial Reporting Standards (“IFRS”) emitidas pelo justo: instrumento financeiro utilizado para a proteção da exposição às mudanças no valor justo de um item, atribuível a produtos, materiais ou bens que (i) não atendem à especificação das controladas, (ii) tenham expirado a data de
International Accounting Standards Board (“IASB”) e as práticas contábeis adotadas no Brasil. As práticas contábeis um risco em particular e que possa afetar o resultado da entidade. No momento da designação inicial do hedge de valor validade ou (iii) possuam baixa rotatividade. Esta classificação é feita pela administração com o apoio da equipe
adotadas no Brasil compreendem aquelas incluídas na legislação societária brasileira e nos Pronunciamentos, nas Orien- justo, o relacionamento entre o instrumento de proteção e o item objeto de hedge é documentado, incluindo os objetivos industrial e de operações.
tações e nas Interpretações emitidos pelo Comitê de Pronunciamentos Contábeis (“CPC”), e aprovados pelo Conselho de gerenciamento de riscos, a estratégia na condução da transação e os métodos que serão utilizados para avaliar sua f. Ativos de contratos com clientes – direitos de exclusividade - Os desembolsos de direitos de exclusividade
Federal de Contabilidade – CFC e pela Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”). Todas as informações relevantes pró- efetividade. Uma vez que o hedge de valor justo tenha sido qualificado como efetivo, também o item objeto de hedge é previstos nos contratos da Ipiranga com postos revendedores e grandes consumidores são registrados como
prias das demonstrações financeiras, e apenas essas informações, foram evidenciadas e correspondem às utilizadas na mensurado a valor justo. Os ganhos e perdas do instrumento de proteção e dos itens objeto de hedge são reconhecidos ativos de contratos no momento de sua ocorrência e são amortizados conforme as condições estabelecidas nos
gestão da administração da Sociedade e suas controladas. As demonstrações financeiras são apresentadas em Reais