Anda di halaman 1dari 4

Álgebra I - Soluções da AP3

1a Questão: (2,0 pontos) Prove, utilizando o Princı́pio da Indução Finita, a fórmula para a
soma de uma série geométrica
rn − 1
a + ar + ar2 + ... + arr−1 = a .
r−1
r−1
Solução: Para n = 1 temos que a = a . Vamos admitir que a expressão é verdadeira
r−1
para n = k, ou seja,
rk − 1
a + ar + ar2 + ... + ark−1 = a . (Hipótese de Indução)
r−1
Para n = k + 1 ficaremos, graças a nossa hipótese de indução, com
rk − 1
a + ar + ar2 + ... + ark−1 + ark = a + ark =
r−1
rk − 1 rk (r − 1) rk − 1 + rk+1 − rk rk+1 − 1
=a +a =a =a ,
r−1 r−1 r−1 r−1
que é o resultado correspondente a n = k + 1.

Questão 2: Determine se cada uma das afirmações abaixo é verdadeira ou falsa. Prove as
que julgar verdadeiras e apresente um contra-exemplo para as falsas:

(a) (1,0 ponto) Dados a e b inteiros, aZ ⊂ bZ ⇔ b | a.

(b) (1,0 ponto) Dados a,b e m inteiros, se 2a ≡ 2b(mod m), então a ≡ b(mod m).
Solução:
(a) Verdadeira

• Supondo que aZ ⊂ bZ, tem-se que a ∈ bZ e, portanto, existe k ∈ Z tal que a = kb.
Logo, b | a.

• Observe que, x ∈ aZ, se e somente se, existe k ∈ Z tal que x = ka. Supondo que b | a,
existe k ∈ Z tal que a = kb. Logo, x = k(kb) = (kk)b e, portanto, x ∈ bZ. Sendo x
arbitrário, conclui-se que aZ ⊂ bZ.

(b) Falsa

Para m = 2, a = 4 e b = 3, tem-se que 8 ≡ 6 (mod 2) , mas não vale 4 ≡ 3 (mod 2) .

1
Questão 3: (2,0 pontos) Determine o resto da divisão de 2101 + 8986 por 7.
Solução:
Observe inicialmente que
23 ≡ 1 (mod 7) ,

e como 101 = 3 · 33 + 2 então


( 3 )33 2
2 · 2 ≡ 22 (mod 7)

donde vem que


2101 = 7k1 + 4. (1)

Por outro lado, como 7 é primo e 7 não divide 898 então, pelo pequeno Teorema de Fermat
(segunda versão), segue que
8987−1 ≡ 1 (mod 7) ,

isto é,
8986 = 7k2 + 1. (2)

Somando as expressões em (1) e (2) obtemos

2101 + 8986 = 7 (k1 + k3 ) + 5,

o que nos mostra que o resto na divisão de 2101 + 8986 por 7 é 5.

Questão 4: (2,0 pontos) Considere a equação −26x + 39y = 65.

(a) (1,0 ponto) Mostre que qualquer solução (x, y) da equação é tal que x + y é divisı́vel
por 5.

(b) (1,0 ponto) Encontre as soluções positivas (x, y) tais que x + y ≤ 10.
Solução:
(a) Inicialmente observamos que mdc (26, 39) = 13 e 13 | 65 logo o conjunto solução S é
não vazio.
Sendo
13 = 39 × 1 − 26 × 1

então
65 = 39 × 5 − 26 × 5

2
e portanto (x0 , y0 ) = (5, 5) é uma solução particular da nossa equação.O conjunto de todas
as soluções inteiras de −26x + 39y = 65 será (x, y) ∈ S onde
 39

 x = 5 − t = 5 − 3t
13
 26
 y = 5 − t = 5 − 2t,
13
onde t ∈ Z. Logo x + y = 10 − 5t = 5 (2 − t), t ∈ Z mostrando que x + y é divisı́vel por 5.
(b) Como desejamos que x + y ≤ 10, com x ≥ 0 e y ≥ 0 ento precisamos que 0 ≤ t ≤
1, 66.... Como t ∈ Z, temos t = 0 e t = 1, para os quais as soluções correspondentes serão:

(5, 5) e (2, 3) .

Questão 5:
(a) (1,0 ponto) Um mágico pede a sua audiência para escolher um número natural M
de pelo menos dois algarismos e menor do que 1000, e de lhe revelar apenas os restos r9 ,
r10 e r11 da divisão de M por 9, 10 e 11, respectivamente. Sem nenhuma outra informação
ele consegue descobrir M . Explique, utilizando argumentos matemáticos, como ele consegue
fazer isto.
(b) (1,0 ponto) Supondo que a plateia tenha dado as seguintes informações ao mágico:
r9 = 7, r10 = 8 e r11 = 9, qual foi o valor de M que o mágico achou?
Solução:
(a) Do ponto de vista da matemática, com a informação fornecida pela plateia podemos
montar o seguinte sistema de congruências,


 M ≡ r9 (mod 9)


M ≡ r10 (mod 10) (3)



 M ≡ r (mod 11) .
11

Pelo Teorema Chinês dos Restos, veja o algoritmo apresentado em nosso EP 14, definindo
N1 = 10 · 11, N2 = 9 · 11, N3 = 9 · 10 e obtendo os inteiros k1 , k2 e k3 tais que

1 = k1 N1 + s1 9
1 = k2 N2 + s2 10
1 = k3 N3 + s3 11,

3
sabemos que o sistema (3) tem uma única solução módulo 9·10·11 = 990 dada pela expressão

M ≡ r9 · k1 · N1 + r10 · k2 · N2 + r11 · k3 · N3 (mod 990) ,

com 10 ≤ M ≤ 999.
Chamamos atenção de que a existência dos inteiros ki , si , 1 ≤ i ≤ 3, é garantida pelo
fato de que
mdc (N1 , 9) = mdc (N2 , 10) = mdc (N3 , 11) = 1.

(b) Sendo dados r9 = 7, r10 = 8 e r11 = 9 precisamos ainda resolver as equações

1 = k1 110 + s1 9
1 = k2 99 + s2 10
1 = k3 90 + s3 11.

Utilizando o Algoritmo de Euclides obtemos k1 = −4, k2 = −1 e k3 = −5. Assim, procu-


ramos 10 ≤ M ≤ 999 tal que

M ≡ 7 · (−4) · 110 + 8 · (−1) · 99 + 9 · (−5) · 90 (mod 990) ,

isto é, M ≡ −7922 (mod 990). Como −7922 ≡ −2 (mod 990) então M ≡ −2 (mod 990) , o
que nos dá M = 988, pois desejamos que 10 ≤ M ≤ 999.