Anda di halaman 1dari 10

Módulo:Supervisar técnicas de alvenaria

Trabalho envestigativo

Tema:Coberturas de contrução civil

Nome: Alberto Calisto Albeto

Formador :Bruno Beno

Tete.14 de Março de 2019


Introdução

No presente trabalho envestigativo que tem como objectivo falar cerca das coberturas da
construção civil. e nele destacar os tipos de cobertura, estrutura da cobertura,isolamento da
cobertura,montagem, coidados a ter com a higiene e saùde e seguranca no trabalho e
equipamentos usados.
Ìndice

Coberturas de construção civil .......................................................................................................1

Tipos de cobertura............................................................................................................................1

Estrutura de cobertura.....................................................................................................................1

isulamentos das cobertura ...............................................................................................................7

montagem da cobertura...................................................................................................................6

Cuidados a ter sobre higiene saùde e seguraça no trabalho ...........................................................8


Coberturas de construção civil

As coberturas são estruturas que se definem pela forma, observando as características de função
e estilo arquitetônico das edificações. As coberturas têm como função principal a proteção das
edificações, contra a ação das intempéries, atendendo às funções utilitárias, estéticas e
econômicas.

Tipos de cobertura

Coberturas minerais: são materiais de origem mineral, tais como pedras em lousas (placas),
muito utilizadas na antigüidade (castelos medievais) e mais recentemente apenas com finalidade
estética em superfícies cobertas com acentuada declividade (50% <d> 100 %). Atualmente,vem
sendo substituída por materiais similares mais leves e com mesmo efeito arquitetônico (placas de
cimento amianto).

Coberturas vegetais rústicas (sapé): de uso restrito a construções provisórias ou com finalidade
decorativa, são caracterizadas pelo uso de folhas de árvores, depositadas e amarradas sobre
estruturas de madeiras rústicas ou beneficiadas.

Coberturas vegetais beneficiadas: podem ser executadas com pequenas tábuas (telhado de
tabuinha) ou por tábuas corridas superpostas ou ainda, em chapas de papelão betumado.
Coberturas com membranas: caracterizadas pelo uso de membranas plásticas (lonas), assentadas
sobre estruturas metálicas ou de madeiras ou atirantadas com cabos de aço - tensoestruturas, ou
ainda, por sistemas infláveis com a utilização de motores insufladores.

Coberturas em malhas metálicas: caracterizadas por sistemas estruturais sofisticados, em


estruturas metálicas articuladas, com vedação de elementos plásticos, acrílicos ou vidros.

coberturas tipo cascas: caracterizadas por estruturas de lajes em arcos, em concreto armado,
tratadas com sistemas de impermeabilização

terraços: estruturas em concreto armado, formadas por painéis apoiados em vigas, tratados com
sistemas de impermeabilização, isolamento térmico e assentamento de material para piso, se
houver tráfego;

telhados: são as coberturas caracterizadas pela existência de uma armação -sistema de apoio de
cobertura, revestidas com telhas (materiais de revestimento). É o sistema construtivo mais
utilizado na construção civil, especialmente nas edificações.

Estrututa de coberturas

As telhas que compõem o telhado necessitam de uma estrutura que as suportem, fornecendo as
condições de estabilidade à cobertura. A estrutura é composta por uma trama de elementos
estruturais, mais ou menos complexa, de acordo com o tipo de telha que tenha que suportar.
1
A estrutura de um telhado pode ser executada com diversos materiais, tais como
• madeira;
• concreto (normalmente pré-moldado);
• metálica (aço, alumínio);
• sem estrutura (cobertura auto-portante).

A maioria das coberturas executada no Brasil é em estrutura de madeira, porém coberturas em


estrutura metálica ou pré-moldadada de concreto têm grande aplicação em obras de galpões
industriais. Cobertura com telhas autoportante são normalmente usadas em obras industriais que
requerem grandes vãos livres.

Estrutura de concreto pré-moldado:

As estruturas de concreto apresentam-se como alternativas às estruturas de


madeira, principalmente devido à escassez e conseqüente aumento do preço da madeira e
pressões da sociedade relativas à preservação do meio ambiente. Além disso, a utilização de
peças pré-fabricadas potencialmente aumenta o grau de industrialização, otimizando a
produtividade e qualidade na construção de telhados.

Estrutura de madeira

Os elementos das estruturas convencionais dos telhados, especialmente os telhados de habitações


residenciais, são construídos de madeira Todos os elementos utilizam geralmente a peroba como
madeira padrão, por ser mais resistente ao apodrecimento e também por não ser tão dura quanto
o ipê e a cabreúva, entre outras razões.

A ligação da estrutura do telhado ao edifício pode ser feita através de:


- amarração com aço de construção dobrado e torcido;
- amarração com aço de construção dobrado e pregado;
- amarração com chapa metálica com uma haste parafusada ou pregada

Estrutura metálica

O uso de estrutura metálica é bastante comum em edifícios industriais e em galpões, seja sob a
forma de treliças planas e vigas a elas perpendiculares (terças), usualmente feitas em aço, seja
sob a forma espacial, constituída por elementos tubulares, em aço ou alumínio.

O sistema construtivo multiviga está apto para utilizar qualquer tipo de telha,
principalmente as de cerâmica, e pode ser utilizado em coberturas com inclinações de até 40%. A
possibilidade de utilização de várias inclinações abre amplas opções arquitetônicas.

2
Estutura auto-portante

A Cobertura Autoportante tem se mostrado um dos sistemas de cobertura mais modernos e


eficientes encontrados no mercado. Tem aplicações diversas como pavilhões industriais e
comerciais, estádios, ginásios de esportes, postos de gasolina, estacionamentos, galpões rurais,
depósitos, terminais rodoviários e outros, propicia absoluta segurança, rapidez de montagem.
Adapta-se perfeitamente a qualquer tipo de construção em estrutura de concreto, metálica ou de
madeira, podendo ser plana, arqueada, em shed ou ainda ser utilizada em fechamentos laterais.
Podem ser fixados à cobertura, mediante consulta, forros, dutos de ar condicionado, eletrodutos e
luminárias, através de suportes fixos nos próprios parafusos componentes do telhado.

Montagem das coberturas

As coberturas metálicas são peças fundamentais para muitas obras, pois garantem a proteção
contra intempéries climáticas e ainda climatizam o ambiente em que são instaladas. A fabricação
é muito importante para este tipo de projeto, mas a montagem de cobertura metálica é o que
garante a segurança de todo o espaço. Por isso, muitas empresas oferecem a fabricação e
a montagem de cobertura metálica, com projetos de acordo com as necessidades do espaço,
mudando materiais, disposição, peso e demais quesitos.

A montagem de cobertura metálica é um processo crucial para o êxito do telhado, uma vez que a
estrutura deve ser fixada e suas peças, içadas. Essa etapa, quando bem-feita, evita rachaduras,
infiltrações, vazamento, passagem de luz, falta de luminosidade e demais defeitos.

Para obter a melhor montagem de cobertura metálica, é necessário contar com uma equipe treinada
e preparada para o serviço, maquinários, guindastes e ferramentas para agilizar todo o processo.
A montagem de cobertura metálica só pode ser realizada seguindo as normas de segurança,
impostas pelos órgãos competentes, para proteger todos os envolvidos tanto na fabricação quanto
na instalação da estrutura.

A montagem de cobertura metálica também depende da qualidade da matéria-prima utilizada, pois


a boa fixação depende de o produto não apresentar defeitos em sua estrutura; portanto, a
procedência da cobertura deve ser conferida antes da compra. Para a escolha de uma empresa para
a montagem de cobertura metálica, é importante levar em conta o tempo de serviço, a experiência,
a lista de clientes satisfeitos e os materiais utilizados.

Telhados Madeira

Tesoura
A Tesoura é o principal elemento estrutural do telhado de madeira. O nome Tesoura é devido a
sua forma triangular.

3
Elentos de uma tesoura

Pendural: Peça vertical da Tesoura. Recebe as cargas das peças diagonais.

Diagonal: Tem esse nome devido a sua posição diagonal na Tesoura. Responsável por receber as
cargas das terças.

Chapuz ou Calço: Responsável por travar as Terças nas Diagonais.

Linha: Peça inferior da Tesoura. Tem a função de distribuir as cargas da tesoura para a viga ou
pilar ou peça estrutural que ela estiver apoiada.

Terças, Caibros e Ripas


Terças: Peças que estão posicionadas na longitudinal dos telhados. Responsável por unir as
Tesouras do telhado e por receber a carga dos caibros e distribuir para as Tesouras.

Caibros: Tem a posição transversal em todo o telhado. Responsável por receber as cargas das
ripas e transferir para as terças.

Ripas: Tem a posição longitudinal nos telhados, como as terças. Nas ripas que são apoiadas as
telhas cerâmicas. São responsáveis, também, por transferir a carga (peso) das telhas e transferir
para os caibros.

Cumeeira: Parte superior do telhado. É o divisor de águas do telhado.

Macete 02: A telha que vai sobre a cumeeira é chamada de Selote.

Espigão: Linha diagonal que liga a cumeeira a testeira. Sobre o espigão também vão as telhas
selote.

Rincão: Quando duas águas do telhado se encontram em uma parte baixa, chama-se rincão ou
água furtada. Essas águas estão sempre perpendiculares uma com a outra, ou seja, estão a 90° uma
com a outra.

Beiral: Parte do telhado que se projeta além das paredes externas da edificação (casa, prédio,
edícula, área pra churrasqueira, etc).

Testeira: Acabamento do telhado em madeira, geralmente peça com 15cm de largura.

Inclinação dos Telhados


Os telhados de madeira geralmente tem inclinação de 30%. Entretanto verifique com o fabricante
das telhas qual a inclinação de telhado recomendada. É muito importante seguir a indicação de
inclinação para que seu telhado não tenha refugo de água em chuvas prolongadas e de ventosfortes.

4
O refugo de água é quando a água da chuva que cai pelo telhado entra por entre as telhas causando
vazamento. Isso só acontece se o telhado tiver inclinação menor que o indicado, assim a água
que cai sobre ele escorre com velocidade menor, entrando por entre as telhas.

isolmento da cobertura

O isolamento da cobertura , consiste basicamente na aplicação de camadas de revestimento


reflexivo de base acrílica que são constituídas por elementos com a capacidade de refletir os
raios solares e isolar a temperatura nas coberturas, não permitindo que o calor atinja o telhado de
maneira direta.

o processo de isolamento termico da cobertura é possível pois, o revestimento térmico utilizada


tem em sua composição química, elementos com uma enorme capacidade de refletância solar,
além de micro-esferas cerâmicas que devolvem a fonte geradora, o calor que seria transferido
para a cobertura.

A aplicação de revestimento térmico nas coberturas que são atingidas diretamente pelos raios
solares diminui entre 30% à 45% a temperatura nos ambientes abaixo, capacidade de acabar
praticamente por completo com os raios UV, refletir os raios solares e acabar
proporcionando uma economia de energia elétrica em ambientes que utilizam ar-condicionado
ou câmaras frigoríficas.

Isolamento da lage

Ao se isolar termicamente uma lage,aumenta-se ainda mais espessura . Utilizando-se uma


espuma de cimento na regularização, em substituição à argamassa, já que está incorporando à
laje um isolante térmico, embora a espessura decorrente possa não atender às necessidades. A
espessura mínima de espuma – cimento, no ponto próximo ao raio, deve ser de 30mm. Placas de
espuma rígida de poliuretano variam entre 10 mm e 25 mm. Não devemos esquecer que todos os
materiais leves dispostos sobre uma estrutura, não são estáveis pelo seu próprio peso e estão
sujeitos à flutuação,pois nao foram fixados mecanicamente.

Cuidados a ter sobre higiene saùde e seguraça no trabalho

a) Antes do início das atividades deve-se efetuar DDS ( Diálogo diário de Segurança) com os
empregados, abordando os riscos envolvidos e as recomendações de segurança.

b) Sinalizar toda área de trabalho envolvendo a atividade inerente a execução dos serviços.

c) Os profissionais envolvidos em operação de máquinas e equipamentos de corte devem ser


qualificados e habilitados para desenvolverem as atividades, portando identificação visível, que o
qualifica.

d) Antes do início das atividades o setor de segurança do trabalho inspecionará as maquinas e


ferramentas,.
5
e) Para realização dos serviços, todos os colaboradores deverão utilizar os EPIs básicos e os
especiais, quando for necessário, em conformidade com as Análises de Riscos específicas,
elaboradas para a realização destas tarefas.

6
Conclusão

concluindo o trabalho envestigatio teve como conclusão que as Coberturas de construção civil
se definem pela forma, observando as características de função e estilo arquitetônico das
edificações. As coberturas têm como função principal a proteção das edificações, contra a ação
das intempéries, atendendo às funções utilitárias, estéticas e econômicas.e são vastos os tipos de
cobertura e estruturtas que as copõe.