Anda di halaman 1dari 9

1.

Deficiência de Zn£® no organismo causa problemas de crescimento, que podem ser sanados
pela ingestão de comprimidos que contém ZnO. Dadas as massas molares do Zn = 65g/mol e
do ZnO = 81g/mol;
a) Dê a reação que ocorre no estômago (meio ácido), a qual origina o íon Zn£® após a ingestão
do comprimido.
Certos comprimidos contém 1,62 x 10-£g de ZnO. O Zn£® pode também ser administrado por
meio de solução aquosa de ZnSO„.
b) Que volume dessa solução, de concentração 0,10 mol/L contém massa de Zn£® igual àquela
contida em um comprimido de ZnO?

2. Considere o NaOH sólido e puro. Calcule:


a) a massa de NaOH que deverá ser pesada para se preparar 500,0mL de solução 0,1mol/L.
b) a concentração molar da solução quando 25,0mL da solução do item A são transferidos para
um balão volumétrico de 200,0mL e o volume é completado com água.
c) a percentagem em massa de NaOH na solução preparada no item A.

Obs: Considere a densidade da solução igual à da água (d=1,0g/cm¤).


Dado: Massa molar do NaOH = 40 g/mol

3. Uma amostra de 10 L de um gás contendo N‚, H‚S, CH„ e CO‚ foi borbulhada através de
dois tubos, em seqüência, como ilustra a figura a seguir.

O tubo 1 continha uma solução aquosa de nitrato de chumbo (II) e o tubo 2, uma solução
aquosa de hidróxido de bário. Todo o H‚S presente na amostra reagiu no tubo 1.
a) No tubo 1, ocorreu a formação de um precipitado, identificado como PbS, que, após ser
lavado e secado, apresentou 2,39 g de massa. Determine a concentração de H‚S na amostra
de gás, expressa em mol/L.
b) No tubo 2, observou-se a formação de um precipitado de cor branca.
Escreva a reação que ocorreu nesse tubo.
4. As soluções de hipoclorito de sódio (NaCØO) têm sido utilizadas por sua ampla ação
desinfetante.
a) Quantos gramas de hipoclorito de sódio são necessários para preparar 10 L de solução
desse sal a 0,05 mol.L-¢?
b) A que volume (V[final]) deve-se diluir 500 mL de solução de NaCØO a 0,05 mol.L-¢, para se
obter solução 5 × 10-¤ mol.L-¢ desse sal?
c) Qual a concentração em g.L-¢ da solução de NaCØO 0,1 mol.L-¢?

Dados: Na = 23; Cl = 35,5; O = 16.

5. a) O ácido sulfúrico comercial tem 95% em peso de H‚SO„ e densidade igual a 1,86g.cm­¤.
Sabendo-se que o eletrólito presente nas baterias de carros é uma solução aquosa de ácido
sulfúrico de concentração aproximadamente 5mols.L-¢, calcule o volume de ácido sulfúrico
comercial necessário para preparar 1L de solução de eletrólito para bateria.

b) A dissolução de H‚SO„ em água envolve a seguinte variação de entalpia:

Considerando as informações acima e sabendo-se que a densidade da água é 1g.cm-¤,


comente como deve ser preparada a solução do eletrólito do item A.

6. A partir de uma solução de hidróxido de sódio na concentração de 25 g/L, deseja-se obter


125 mL dessa solução na concentração de 10 g/L. Calcule, em mililitros, o volume da solução
inicial necessário para esse processo. Despreze a parte fracionária de seu resultado, caso
exista.

7. Um dos grandes problemas das navegações do século XVI referia-se à limitação de água
potável que era possível transportar numa embarcação. Imagine uma situação de emergência
em que restaram apenas 300 litros (L) de água potável (considere-a completamente isenta de
eletrólitos). A água do mar não é apropriada para o consumo devido à grande concentração de
NaCØ(25g/L), porém o soro fisiológico (10g NaCØ/L) é. Se os navegantes tivessem
conhecimento da composição do soro fisiológico, poderiam usar água potável para diluir água
do mar de modo a obter o soro e assim teriam um volume maior de líquido para beber.
a) Que volume total de soro seria obtido com a diluição se todos os 300 litros de água potável
fossem usados para este fim?
b) Considerando-se a presença de 50 pessoas na embarcação e admitindo-se uma distribuição
eqüitativa do soro, quantos gramas de NaCØ teriam sido ingeridos por cada pessoa?
c) Uma maneira que os navegadores usavam para obter água potável adicional era recolher
água de chuva. Considerando-se que a água da chuva é originária, em grande parte, da água
do mar, como se explica que ela possa ser usada como água potável?

8. Que volume de HCØ concentrado (16 mol/L) é necessário para preparar 2,0L de HCØ
0,20mol/L?

9. O limite máximo de concentração de íon Hg£® admitido para seres humanos é de 6


miligramas por litro de sangue. O limite máximo, expresso em mols de Hg£® por litro de sangue,
é igual a
(Massa molar de Hg=200g/mol):
a) 3×10-¦.
b) 6×10-¤.
c) 3×10-£.
d) 6.
e) 200.

10. Que quantidade de NaOH, em mols, é necessário para neutralizar 15,0g de ácido acético?
(Dado: massa molar do ácido acético = 60g/mol)
a) 0,25
b) 0,30
c) 0,35
d) 0,40
e) 0,45

11. Acrescenta-se a 10ml de solução 3M de H‚SO„ 0,245g do mesmo ácido e água,


completando-se o volume a 65ml. A solução resultante será:
Dados:
H=1
S = 32
O = 16
a) 5M
b) 5N
c) 2M
d) 2N
e) 1N

12. Para preparar 1,2 litros de solução 0,4M de HCØ, a partir do ácido concentrado (16M), o
volume de água, em litros, a ser utilizado será de:
a) 0,03.
b) 0,47.
c) 0,74.
d) 1,03.
e) 1,17.
13. 200 mL de solução 0,3 M de NaCØ são misturados a 100 de solução molar de CaCØ‚. A
concentração, em mol/litro, de íons cloreto na solução resultante é:
a) 0,66
b) 0,53
c) 0,33
d) 0,20
e) 0,86

14. O rótulo de licor de cacau, a seguir representado, contém a seguinte indicação: 17,3°GL
(graus Gay-Lussac). O número 17,3 indica a porcentagem (%v/v) de álcool etílico (CHƒCH‚OH)
na bebida.

Sabendo que a densidade do álcool etílico é 0,80g.cm-¤, a concentração de álcool neste licor,
em mol.L-¢, é:
a) 3,8
b) 13,8
c) 2,1
d) 21,6
e) 3,0

15. Para neutralizar uma alíquota de 25 mL de uma solução de H‚SO„ foram consumido 30 mL
de solução 0,1 molar de NaOH. A massa de H‚SO„ contida em 250 mL de solução é:
Dados : Massa atômicas :
H=1; S=32; O=16; Na=23 (u)
a) 0,49 g
b) 0,98 g
c) 1,47 g
d) 1,96 g
e) 2,94 g

16. O ácido fosfórico (HƒPO„) é um dos componentes presentes em determinado refrigerante,


formando uma solução de concentração igual a 0,49 g/L. A concentração mol/L dessa solução
é igual a:
a) 1 × 10 -£
b) 5 × 10 -£
c) 1 × 10 -¤
d) 5 × 10 -¤
17. Para evitar a proliferação do mosquito causador da dengue, recomenda-se colocar, nos
pratos das plantas, uma pequena quantidade de água sanitária de uso doméstico. Esse
produto consiste em uma solução aquosa diluída de hipoclorito de sódio, cuja concentração
adequada, para essa finalidade, é igual a 0,1 mol/L.
Para o preparo de 500 mL da solução a ser colocada nos pratos, a massa de hipoclorito de
sódio necessária é, em gramas, aproximadamente igual a:
a) 3,7
b) 4,5
c) 5,3
d) 6,1

18. Certos medicamentos são preparados por meio de uma série de diluições. Assim,
utilizando-se uma quantidade de água muito grande, os medicamentos obtidos apresentam
concentrações muito pequenas.
A unidade mais adequada para medir tais concentrações é denominada ppm:

1 ppm corresponde a 1 parte de soluto em 1 milhão de partes de solução

Considere um medicamento preparado com a mistura de 1 g de um extrato vegetal e 100 kg de


água pura.
A concentração aproximada desse extrato vegetal no medicamento, em ppm, está indicada na
seguinte alternativa:
a) 0,01
b) 0,10
c) 1,00
d) 10,00

19. Misturando-se 100mL de solução aquosa 0,1 molar de KCØ, com 100mL de solução aquosa
0,1 molar de MgCØ‚, as concentrações de íons K®, Mg®® e CØ­ na solução resultante, serão,
respectivamente,

a) 0,05 M; 0,05 M e 0,1 M.


b) 0,04 M; 0,04 M e 0,12 M.
c) 0,05 M; 0,05 M e 0,2 M.
d) 0,1 M; 0,15 M e 0,2 M.
e) 0,05 M; 0,05 M e 0,1 5 M.

20. Misturando-se 20mL de solução de NaCØ, de concentração 6,0mol/L, com 80mL de solução
de NaCØ, de concentração 2,0mol/L, são obtidos 100mL de solução de NaCØ, de concentração,
em mol/L, igual a:
a) 1,4
b) 2,8
c) 4,2
d) 5,6
e) 4,0
21. Misturando-se 25,0ml de uma solução 0,50 M de KOH com 35,0ml de solução 0,30 M de
KOH e solução 10,0ml de uma solução 0,25 M de KOH, resulta uma solução cuja concentração
normal ou normalidade, admitindo-se a aditividade de volume, é, aproximadamente igual a:
a) 0,24 N.
b) 0,36 N.
c) 0,42 N.
d) 0,50 N.
e) 0,72 N.

22. Para preparar 80L de uma solução aquosa 12% (massa/massa) de KOH (massa específica
da solução=1,10g/cm¤) foram adicionados x litros de uma solução aquosa 44% (massa/massa)
de KOH (massa específica da solução=1,50g/cm¤) e y litros de água deionizada (massa
específica=1,00g/cm¤). Os valores de x e de y são respectivamente:
a) 12L e 68L.
b) 16L e 64L.
c) 30L e 50L.
d) 36L e 44L.
e) 44L e 36L.

23. Diluição é uma operação muito empregada no nosso dia-a-dia, quando, por exemplo,
preparamos um refresco a partir de um suco concentrado.
Considere 100mL de determinado suco em que a concentração do soluto seja de 0,4mol.L-¢.
O volume de água, em mL, que deverá ser acrescentado para que a concentração do soluto
caia para 0,04mol.L-¢, será de:
a) 1.000
b) 900
c) 500
d) 400

24. Uma mineradora de ouro, na Romênia, lançou 100.000m¤ de água e lama contaminadas
com cianeto, CN-(aq), nas águas de um afluente do segundo maior rio da Hungria.
A concentração de cianeto na água atingiu, então, o valor de 0,0012mol/litro. Essa
concentração é muito mais alta que a concentração máxima de cianeto que ainda permite o
consumo doméstico da água, igual a 0,01miligrama/litro.
Considerando-se essas informações, para que essa água pudesse servir ao consumo
doméstico, ela deveria ser diluída, aproximadamente,
a) 32.000 vezes.
b) 3.200 vezes.
c) 320 vezes.
d) 32 vezes.
25. Na preparação de 500mL de uma solução aquosa de H‚SO„ de concentração 3 mol/L, a
partir de uma solução de concentração 15mol/L do ácido, deve-se diluir o seguinte volume da
solução concentrada:
a) 10 mL
b) 100 mL
c) 150 mL
d) 300 mL
e) 450 mL

26. Deseja-se diluir um litro da solução de H‚SO„ a 80% e de densidade 2,21g/cm¤ até o
volume de cinco litros. As concentrações molares do H‚SO„, antes e depois da diluição, são,
respectivamente, em mols/litro:
a) 10,1 e 5,2.
b) 12,0 e 4,0.
c) 4,0 e 11,3.
d) 18,0 e 3,6.
e) 22,5 e 10,5.

27. 100 ml de uma solução 0,2M de HCØ foram misturados com 100ml de uma solução 0,2M de
NaOH. A mistura resultante
a) têm valor de pH igual a zero.
b) tem concentração de Na® igual a 0,2 M.
c) é uma solução de cloreto de sódio 0,1 M.
d) tem concentração de H® igual a 0,1 M.
e) não conduz corrente elétrica.

28. A massa de NaOH necessária para neutralizar totalmente 200ml de uma solução 0,01
molar de H‚SO„ é:
(Dados: H = 1; O = 16; Na = 23 e S = 32.)
a) 4,00 g.
b) 2,00 g.
c) 1,60 g.
d) 0,16 g.
e) 0,08 g.

29. 160 gramas de uma solução aquosa saturada de sacarose a 30°C são resfriados a 0°C.
Quanto do açúcar cristaliza?

Temperatura °C Solubilidade da sacarose


g/100 g de H‚O

0 180
30 220

a) 20 g.
b) 40 g.
c) 50 g.
d) 64 g.
e) 90 g.