Anda di halaman 1dari 40

Departamento de Ciências Térmicas e dos

Fluidos - DCTEF

MECÂNICA DOS FLUIDOS II

Profa. Jacqueline Pedrera Yanes


Sala 2.20 – MD (DCTEF)
Aula 1
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: EMENTA


1- Semelhança, analise dimensional e modelos físicos
2- Equação de Bernoulli
3- Medidores de pressão e vazão
4- Cálculo de perda de carga
5- Análise de redes de tubulações
6- Arrasto e sustentação em corpos imersos
7- Transição e turbulência
8- Introdução ao escoamento compressível

Objetivo principal:
Aprofundar os conhecimentos adquiridos na unidade curricular MecFlu I
visando sua aplicação em processos industriais
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: CONTEÚDO

Tema I – Análise Dimensional e Semelhança


1. Conceitos e Aplicações da Análise Dimensional
2. Teorema dos ´s e suas aplicações
3. Grupos Adimensionais mais usados na MecFlu
4. Modelos Físicos e Semelhança
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: CONTEÚDO

Tema II – Escoamento incompressível de fluidos não-viscosos


1. Equação de Euler em coordenadas de linhas de corrente
2. Equação de Bernoulli - Restrições
3. Interpretação física da Equação de Bernoulli
4. Pressão estática, Pressão dinâmica e Pressão de Estagnação
5. Medidores de vazão
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: CONTEÚDO

Tema III – Escoamento viscoso interno e incompressível


1. Escoamentos em condutos
2. Escoamento plenamente desenvolvido e região de entrada
3. Escoamento plenamente desenvolvido laminar
4. Escoamento plenamente desenvolvido turbulento
5. Equação da energia e a Perda de carga
6. Cálculo das Perdas de carga: Distribuída e Localizada
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: CONTEÚDO

Tema IV – Escoamento externo viscoso e incompressível


1. Camada limite (CL). Espessuras da CL. Soluções para o
escoamento em CL.
2. Força e coeficiente de arrasto.
3. Força e coeficiente de sustentação.
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: CONTEÚDO

Tema V – Introdução ao escoamento compressível


1. Revisão de Termodinâmica
2. Estado de referência
3. Escoamento isentrópico de um gás ideal e o efeito da variação
da área
4. Escoamento isentrópico em bocal convergente
5. Escoamento isentrópico em bocal convergente-divergente
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: SOBRE AS AULAS

Umas poucas regras:

-Chegar cedo – a entrada tardia incomoda aos colegas que chegaram cedo -
Respeitemos aos nossos colegas!! – aqueles que tiverem problemas podem
falar comigo
-Não será permitida a utilização de celulares durante a aula – celulares
guardados

Horário de atendimento:
4ª feira - das 13 horas até as 16 horas
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: SISTEMA DE AVALIAÇÃO

NF  P1  P2  P3  P4  P5
Prova 1: Tema I – 20% da nota final – (data*: 26/03/2019)

Prova 2: Tema II – 20% da nota final – (data*: 09/04/2019)

Prova 3: Tema III – 20% da nota final – (data*: 07/05/2019)

Prova 4: Tema IV – 20% da nota final – (data*: 28/05/2019)

Prova 5: Tema V – 20% da nota final – (data*: 17/06/2019)


data*- data provisória
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: SOBRE AS PROVAS


Material:
Lápis/lapiseira, borracha, caneta, régua, apontador, calculadora
Obs: calculadoras gráficas não são permitidas
Tempo de sigilo:
40 minutos – não será permitido começar a prova após a primeira entrega
Não será permitido ir ao banheiro durante a realização da prova
É proibido portar celular durante a prova – o celular deve permanecer
guardado na mochila

Desenvolvimento da Prova:
Escreva tudo claramente:
- Preciso entender para poder avaliar
-O resultado correto não é suficiente – eu preciso saber como chegaram nele
-Assim como um resultado incorreto não vale zero se o desenvolvimento
estiver correto
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: SOBRE AS PROVAS

2ª CHAMADA: apenas com JUSTIFICATIVA FORMAL e o conteúdo será o


mesmo da prova a qual o aluno se ausentou – a data será combinada

SUBSTITUTIVA: (dia: 25/06/2019)


- O aluno que precisar de prova substitutiva fará uma prova correspondente
à matéria da sua prova de menor nota – a professora informará devidamente
qual a prova o aluno deverá realizar
- A nota dessa prova substituirá apenas essa nota mais baixa – e caso o aluno
consiga o 6 necessário para passar – sua nota final não excederá em
nenhum caso esse mínimo
- Quem reprova por frequência não participa da substitutiva
Departamento de Ciências Térmicas e dos
Fluidos - DCTEF

INTRODUÇÃO À DISCIPLINA: REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS


Básica:
Livro de texto:
- INTRODUÇÃO À MECÂNICA DOS FLUIDOS
Roberts W. Fox, Alan T. McDonald & Philip J. Pritchard

Complementar:
- Mecânica dos Fluidos
Potter M.C. & Wiggert D.C.
- Fundamentos da Mecânica dos Fluidos
B.R. Munson, D.F. Young, T.H. Okiishi
- Mecânica dos Fluidos
White, F.M.
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional

- é um método matemático que


permite reduzir o número de variáveis
ANÁLISE DIMENSIONAL envolvidas em um fenômeno físico e a
sua complexidade -
de n variáveis dimensionais – para apenas k variáveis
adimensionais
k = n – m sendo que (quase sempre) m = quantidade
de dimensões básicas o fundamentais que governam
o problema

M (massa),
dimensões básicas o L (comprimento), F  ma
fundamentais na t (tempo)
MecFlu: T (temperatura)
- as vezes a M é substituída pela F (força) -
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
Grandeza Simbolo Dimensão
Geometria Área A L2
Qualquer Volume V L3
magnitude Cinemática Velocidade U Lt-1
pode ser Velocidade angular w t-1
escritas em Vazão volumétrica Q L3t-1
termos das Vazão mássica m Mt-1
dimensões Dinâmica Força F MLt-2
Torque T
básicas ML2t-2
Energia E ML2t-2
Potência P ML2t-3
M (kg), Pressão p ML-1t-2
L (m), Propriedades Massa específica r ML-3

t (s) dos fluidos Viscosidade dinâmica m ML-1t-1


Viscosidade cinemática u
T (graus) Tensão superficial s
L2t-1

- ou F (N) - Condutividade térmica k


Mt2
MLt-3T
Calor específico Cd,Cv L2t-2T-1
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
Propriedades e magnitudes mais estudadas em problemas
da MecFlu
MASSA ESPECÍFICA PESO ESPECÍFICO
É a razão entre a é o peso da unidade de
massa de fluido e a volume desse fluido
unidade de volume
que ocupa m W m g N
r    3
   m
kg M
r 3 3 N F
 3 3
m L m L
Ft 2 1 Ft 2 ML 1 M
r 3
 4  
L L L t 2 L3 L2t 2
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
Propriedades e magnitudes mais estudadas em problemas
da MecFlu

VISCOSIDADE DINÂMICA

N Ft M
m  Pa  s Pa  2 m 2 m
m L Lt
A razão entre a m e a r é a
VISCOSIDADE CINEMÁTICA 

m M M L2
 m r 3 
r Lt L t
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional

VELOCIDADE
L L
V ACELERAÇÃO a 2
t t

L
FORÇA F N M
t2

PRESSÃO F F M
P  2  2
A L Lt

F F M
TENSÃO   2 2
A L Lt
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
EXERCÍCIO 1: Relação fundamental:
Determine as dimensões: 2ª Lei de Newton
a) do produto da massa pela velocidade
b) do produto da força pelo volume
c) da energia cinética dividida pela área F  ma
Em ambos os sistemas de dimensões L
FLtT (força, comprimento, tempo, F M 2
temperatura []) e MLtT (massa, t
comprimento, tempo, temperatura)

a) Dimensões do produto da massa pela velocidade

2
L Ft L
m V  M  m V    Ft
t L t
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
L
b) Dimensões do produto da força pelo volume F M 2
t
L 3 ML4
F    F  L3 F   M  2  L  2 constante
t t adimensional

1
c) Dimensões da energia cinética dividida pela área Ec  mV 2
2
ML2 Ec ML2 1 M
Ec  2  2  2 2
t A t L t

Ec Ft 2 1 F
 2

A L t L
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
O PRINCÍPIO BÁSICO Princípio de Homogeneidade
DA ANÁLISE
Dimensional (PHD)
DIMENSIONAL
ENUNCIADO: Se uma equação
exprime realmente uma relação
Relação que expressa o deslocamento de um apropriada entre as variáveis de um
corpo em queda livre processo físico, ela será
constante dimensionalmente homogênea, ou
variáveis constante
dimensionais pura dimensional
seja, cada um de seus termos
aditivos terá a mesma dimensão
1
S  S 0  V0 t  g t2
L = comprimento 2 IMPORTANTE!
M = massa  F L=L+[Lt-1t]+[1][Lt-2t2] - A homogeneidade dimensional
t = tempo
não garante que a equação seja
T (ou ) = temperatura L=L+[L]+[L]
correta
- Podem existir erros nas constantes
É dimensionalmente homogênea
ou na formulação do problema-
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
Qualquer equação dimensionalmente homogênea

- tem uma forma adimensional equivalente -


- forma muito mais compacta -

reformulada com Números Adimensionais construídos


multiplicando e/ou dividindo as grandezas envolvidas na
equação original

Os números adimensionais
resultantes são agrupações de
várias das variáveis Diminuindo a quantidade
dimensionais envolvidas no de experimentos
estudo do fenômeno – menor necessários para testar
quantidade de variáveis para todas as grandezas
serem testadas - dimensionais envolvidas
no fenômeno físico
estudado
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
Em 1991 – Scientific American – HOW DINOSAURS RAN?
Foi discutido – a velocidade na qual os diferentes
dinossauros seriam capazes de correr? -
DADOS DISPONÍVEIS?
Estudos anteriores – quadrúpedes (cavalos e
--FÓSSEIS--
cachorros) e bípedes (humanos) – tinham
mostrado similaridade no comportamento da
relação funcional f de dois agrupamentos de
Comprimento Comprimento parâmetros adimensionais
s V 2 
das pernas (L) dos passos (s)  f 
Assumiram mesmo comportamento L
 gL 
SERIA ISSO
 
em dinossauros
SUFICIENTE - conhecendo s/L e com a curva f -
- segundo o caso - bípede ou quadrúpede -
– agrupações de Calcularam V Em contraste com
parâmetros esquisitas, Jurassic Park - Humanos
não é!!?? Resultado curioso!! poderíamos fugir
facilmente de um T-Rex –
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
- inúmeras agrupações de parâmetros deste tipo -
na literatura (periódicos científicos ou da engenharia aplicada)

Da MecFlu I – Número de Reynolds


rVL onde:
Re  V e L - parâmetros característicos do escoamento
m r e m - massa específica e a viscosidade do fluido

Regime do escoamento: Laminar ----Turbulento

Da MecFlu I – Número de Mach ANÁLISE DIMENSIONAL


V onde:
M  V – velocidade do escoamento
c c – velocidade do som

Escoamento: Incompressível ----Compressível

- como foram obtidas essas agrupações?? -


- como são encontrados seus valores e limites? -
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
2. O teorema Pi de Buckingham
Para reduzir a quantidade de ENSAIOS ENUNCIADO: uma equação
- reduzir as n variáveis independentes - dimensionalmente
homogênea pode ser re-
-para k variáveis adimensionais –
- ANÁLISE DIMENSIONAL - escrita como uma equação
de k parâmetros 
- Existem mais de um método - construídos a partir das n
-TEOREMA DOS  DE BUCKINGHAN -
variáveis originais

Em um problema físico qualquer, a variável dependente é uma função


de n -1 parâmetros independentes:
n: número de variáveis;
q1  f q2 , q3 ,..., qn  q1: variável dependente;
q2, q3, ...,qn: n-1 variáveis independentes
Pode-se dizer que essa Sendo que g é uma
g (q1 , q2 , q3 ,..., q4 )  0
relação é equivalente a: função não conhecida
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
2. O teorema Pi de Buckingham

Aplicando isto ao Teorema dos Pi:

F(Π1 , Π 2 , Π3 ,..., Π k )  0
Os #  são independentes e formados
por um produto ou quociente das
variáveis originais do problema

1 - O primeiro grupo  é o
adimensional que incluirá
a variável dependente
 2 ,  3 ,... k - Os restantes grupos 
serão adimensionais que
apenas incluirão variáveis
independentes
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
2. O teorema Pi de Buckingham
Logo:
Sendo que, quase sempre,
1  G( 2 ,  3 ,... k ) k=n-m
Onde:
G - forma funcional da relação entre Com :
as variáveis adimensionais n - número de parâmetros
dimensionais do problema
- o Teorema não prediz -
é determinada m - número mínimo de
experimentalmente dimensões básicas requerido
No caso seriam realizados para definir as dimensões de
experimentos testando valores dos k todos os parâmetros
grupos adimensionais apenas dimensionais do problema
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
2. O teorema Pi de Buckingham

CUIDADO!
Embora, quase sempre k=n-m resulta no número
correto de adimensionais quando m é igual ao número
mínimo de dimensões básicas, em poucos casos – m terá
que ser obtida de outro jeito

Nesse caso: m será igual ao


posto da matriz dimensional

Posto da matriz dimensional = à ordem da


sua maior sub-matriz quadrada com
determinante não nulo
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
-fornece leis de
ALÉM DA REDUÇÃO DE transposição -
VARIÁVEIS -que permitem
- OUTRAS VANTAGENS - converter dados de um
modelo barato em
informações úteis para
- ajuda a pensar o projeto de um
- economiza
e planejar um protótipo caro
tempo e
experimento ou - RELAÇÃO DE
dinheiro -
teoria- SEMELHANÇA -
-identificando
rapidamente as
constantes das
quais depende o SEMELHANÇA: é o estudo da previsão das
fenômeno condições de um protótipo a partir da observação
de um modelo – envolvendo a utilização de
parâmetros adimensionais obtidos da AD
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional
A maior parte dos projetos de engenharia (estruturas, aviões,
navios, portos, barragens, poluição do ar e da água) - utilizam
modelos

Modelo - representação simplificada da realidade -


utilizado para predizer o comportamento de um
sistema físico

O sistema físico para o qual as predições são


feitas é denominado “protótipo”

AS RELAÇÕES DE SEMELHANÇA SÃO USADAS PARA O


PROJETO ADEQUADO DE INSTALAÇÕES QUE REPRODUZAM
AS CONDIÇÕES REAIS DE UM FENÔMENO
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
1. Análise Dimensional

Túneis de vento
- É uma instalação que tem por objetivo simular para estudos, o efeito do
movimento do ar sobre ou ao redor de objetos sólidos
- Ampla aplicação para a determinação de parâmetros no projeto de aviões,
automóveis, edifícios, pontes, antenas e outras estruturas (civis e hidráulicas)

Ventilador e
sistema de
acionamento e
controle

Seção de testes
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
T.V.Vento
Túneis de de Laboratório
de Laboratório
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
Túneis
Túnel dede água
água
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
T.V.Vento
Túneis de Industriais
Industriais
TEMAConstrução
I: Análise dimensional e semelhança
de experimentos
Teste Aerodinâmico
TEMAConstrução
I: Análise dimensional e semelhança
de experimentos
Teste Aerodinâmico
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
Construção Civil
TEMAConstrução
I: Análise dimensional e semelhança
de experimentos
Construção Civil
TEMAConstrução
I: Análise dimensional e semelhança
de experimentos
Aeronáutica

Diferentes Escalas
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
Navios e Submarinos
TEMA I: Análise dimensional e semelhança
Navios e Submarinos