Anda di halaman 1dari 33

Probabilidade e Estatística

• Aula I
• 2016.1
• Prof. Rudimar Engel
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central De posse de uma grande lista de números,
pouco proveito se pode tirar dela, a menos
que possamos resumi-la.

Média 𝑋1 + 𝑋2 + 𝑋3 + ⋯ + 𝑋𝑛
𝑋=
𝑛

Mediana É o ponto, ou elemento, a meio caminho dos


dados, isto é, metade dos números está acima
dela e metade abaixo.

Moda É o valor que ocorre com maior frequência em uma


relação. Se há mais de um valor nessas condições,
todos eles são chamados de moda.
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central É o quociente da divisão da soma dos
valores da variável pelo número deles
Média Aritmética
𝑛
𝑖=1 𝑥𝑖
𝑥=
𝑛
Dados não-agrupados

Desvio em Relação a Média


𝑑𝑖 = 𝑥𝑖 − 𝑥
Propriedades da média

FREQUÊNCIA Dados agrupados

A quantidade de dados que tivermos em um determinado grupo.


Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Dados não-agrupados
Média Aritmética

● Para esta, determinamos a média aritmética simples:


𝑛
𝑖=1 𝑥𝑖
𝑥=
𝑛
Exemplo:

Sabendo-se que a produção diária da vaca A, durante uma semana, foi de 10, 14, 13, 15,
16, 18 e 12 litros, para a produção média da semana:
10 + 14 + 13 + 15 + 16 + 18 + 12
𝑥= = 14
7
Logo, a produção média daquela semana foi de 14 litros por dia.
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
𝑑𝑖 = 𝑥𝑖 − 𝑥
Média Aritmética

Desvio em Relação a Média

A diferença entre cada elemento


de um conjunto de valores e a
Continuando com o exemplo anterior: média

𝑑1 = 𝑥1 − 𝑥 ⇒ 10 − 14 = −4
𝑑2 = 𝑥2 − 𝑥 ⇒ 14 − 14 = 0 𝑑5 = 𝑥5 − 𝑥 ⇒ 16 − 14 = 2
𝑑3 = 𝑥3 − 𝑥 ⇒ 13 − 14 = −1 𝑑6 = 𝑥6 − 𝑥 ⇒ 18 − 14 = 4
𝑑4 = 𝑥4 − 𝑥 ⇒ 15 − 14 = 1 𝑑7 = 𝑥7 − 𝑥 ⇒ 12 − 14 = −2
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Média Aritmética
Propriedades

1. A soma algébrica dos desvios tomados em relação à média é nula:


𝑛

𝑑𝑖 = 0
𝑖=1

2. Somando-se (ou subtraindo-se) uma constante (c) de todos os valores de


uma variável, a média do conjunto fica aumentada (ou diminuída) desta
constante:
𝑦𝑖 = 𝑥𝑖 ± 𝑐 ⇒ 𝑦 = 𝑥 ± 𝑐
3. Multiplicando-se (ou dividindo-se) todos os valores de uma variável por
uma constante (c), a média do conjunto fica multiplicada (ou dividida) por
essa constante
𝑥 𝑥
𝑦𝑖 = 𝑥𝑖 × 𝑐 ⇒ 𝑦 = 𝑥 × 𝑐 ou 𝑦𝑖 = 𝑐𝑖 ⇒ 𝑦 = 𝑐
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Média Aritmética
Dados agrupados
Sem intervalo de Classes:

Consideremos a distribuição relativa

34 famílias de 4 filhos O número de filhos do sexo


masculino
Variável

N° de meninos 0 1 2 3 4
𝑓𝑖 2 6 10 12 4 = 34
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Média Aritmética
Dados agrupados
Sem intervalo de Classes:

N° de meninos 0 1 2 3 4
𝑓𝑖 2 6 10 12 4 = 34

Neste caso, como as frequências são números indicadores da intensidade de cada valor da
variável, eles funcionam como fatores de ponderação, o que nos leva a calcular a média
aritmética ponderada:

𝑥𝑖 𝑓𝑖
𝑥=
𝑓𝑖
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Média Aritmética
Dados agrupados
Sem intervalo de Classes:
𝒙𝒊 𝒇𝒊 𝒙𝒊 𝒇𝒊
Logo:
0 2 0 𝑥𝑖 𝑓𝑖 78
𝑥= = = 2,29 ⇒ 𝑥 = 2,3
1 6 6 𝑓𝑖 34
2 10 20
3 12 36 O valor médio 2,3 sugere, neste caso, que o
maior número de famílias tem 2 meninos e 2
4 4 16
meninas, sendo, porém, a tendência geral de
=34 =78 uma leve superioridade numérica em relação ao
número de meninos
𝑓𝑖 = 34 𝑥𝑖 𝑓𝑖 = 78
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Média Aritmética
Dados agrupados
Sem intervalo de Classes:

Exercício:
Complete o esquema para o cálculo da média aritmética da distribuição:

𝑥𝑖 1 2 3 4 5 6
𝑓𝑖 2 4 6 8 3 1
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Média Aritmética
Dados agrupados

Com intervalo de Classes:

Neste caso, convencionamos que todos os valores


incluídos em um determinado intervalo de classe
coincidem com o seu ponto médio, e determinamos a
média aritmética por meio da fórmula:
𝑥𝑖 𝑓𝑖
𝑥=
𝑓𝑖

Onde 𝑥𝑖 é o ponto médio da classe.


Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Média Aritmética
Dados agrupados
Com intervalo de Classes:

i Estaturas(cm) 𝑓𝑖
1 150-154 4
2 154-158 9
3 158-162 11
4 162-166 8
5 166-170 5
6 170-174 3
= 40
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Média Aritmética
Dados agrupados
Com intervalo de Classes:
Abrimos uma coluna para os pontos médios e outra para os produtos𝑓𝑖 𝑥𝑖

i Estaturas(cm) 𝑓𝑖 𝑥𝑖 𝑓𝑖 𝑥𝑖
1 150-154 4 152 608 𝑥𝑖 𝑓𝑖
𝑥= =
2 154-158 9 156 1404 𝑓𝑖
3 158-162 11 160 1760
4 162-166 8 164 1312
5 166-170 5 168 840 𝑥 = 161𝑐𝑚

6 170-174 3 172 516


= 40 = 6440
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Média Aritmética
Dados agrupados
Com intervalo de Classes:

Exercício:
Complete o esquema para o cálculo da média aritmética da distribuição de frequência:
Custo(R$) 450 - 550 - 650 - 750 - 850 - 950 - 1050 - 1150
𝑓𝑖 8 10 11 16 13 5 1
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central

Moda (Mo)
O valor que ocorre com maior frequência em
uma série de valores.

Dados não-agrupados

Desse modo, o salário modal dos empregados de uma


Dados agrupados
indústria é o salário mais comum, isto é, o salário recebido
pelo maior número de empregados dessa indústria.
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Moda (Mo)
Dados não-agrupados

A moda é facilmente reconhecida, basta procurar o valor que mais se repete

Para a série de dados:


7,8,9,10,10,10,11,12,13,15
Tem moda 10.
Para a série de dados:
3,5,8,10,12,13 Amodal
Não existe valor modal
Para a série de dados:
2,3,4,4,4,5,6,7,7,7,8,9
Tem duas modas, 4 e 7 (bimodal)
Quando há dois ou mais valores de concentração
dizemos que a série tem duas ou mais modas
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Moda (Mo)
Dados agrupados
Sem intervalos de classe
Basta fixar o valor da variável de maior frequência.

Para o exemplo das 34 famílias de quatro filhos:


N° de meninos 0 1 2 3 4
𝑓𝑖 2 6 10 12 4 = 34

A frequência máxima 12 corresponde ao valor 3 da variável. Logo:


𝑀𝑜 = 3
A moda seria famílias com 3 filhos meninos e 1 menina
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Com intervalos de classe
Moda (Mo)
Dados agrupados
Classe modal É o valor dominante que está
compreendido entre os limites da
A classe que a presenta a
classe modal.
maior frequência
O método mais simples para o cálculo da moda consiste
em tomar o ponto médio da classe modal

Denominada moda bruta 𝑙 ∗ é o limite inferior da classe


modal
𝑙 ∗ + 𝐿∗ 𝐿∗ é o limite superior da classe
𝑀𝑜 =
2 modal
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Com intervalos de classe
Moda (Mo)
Dados agrupados

Assim, para a distribuição temos:


Temos que a classe modal é 𝑖 = 3
i Estaturas(cm) 𝑓𝑖 Onde:
1 150-154 4 𝑙 ∗ = 158
𝐿∗ = 162
2 154-158 9 Como:
3 158-162 11 ← 𝑙 ∗ + 𝐿∗
𝑀𝑜 =
4 162-166 8 2
Temos:
5 166-170 5 158 + 162 320
𝑀𝑜 = = = 160
6 170-174 3 2 2
Logo:
= 40
𝑀𝑜 = 160cm
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central

Mediana (𝑀𝑑)

É o valor situado de tal forma no conjunto que o separa em dois


subconjuntos de mesmo número de elementos.

Medida de posição definida como o número que se encontra no


centro de uma série de números, estando estes dispostos segundo
uma ordem
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Dados não-agrupados
Mediana (𝑀d)

Dada uma série de valores


5,13,10,2,18,15,6,16,9

Realiza-se uma ordenação dos valores


2,5,6,9,10,13,15,16,18
Tomamos o valor central que
representa o mesmo número de Em nosso caso é o 10, que possui 4
elementos à direta e a esquerda elementos acima e 4 abaixo

𝑀𝑑 = 10
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Dados não-agrupados
Mediana (𝑀d)

Se, porém, a série tiver um número par de termos, a mediana será qualquer dos números
compreendidos entre os dois valores centrais da série.

Dada a série de valores


2,6,7,10,12,13,18,21
Temos 10 e 12
Logo 10 + 12 22
𝑀𝑑 = = = 11
2 2 𝑀𝑑 = 11
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Dados não-agrupados
Mediana (𝑀d)

Notas O valor da mediana será o termo de ordem


𝑛+1
, se 𝑛 ímpar.
Para valores ordenados 2
A média aritmética dos termos de ordem
𝑛 𝑛
e + 1, se 𝑛 for par
2 2

O valor da mediana pode coincidir ou não com um elemento da série.


A mediana e a média aritmética não tem, necessariamente o mesmo valor
A mediana depende da posição e não dos valores dos elementos na
série ordenada
A mediana também pode ser designada por valor mediano
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central Mediana (𝑀d)
Dados agrupados
Identifica-se a frequência
acumulada imediatamente superior Sem intervalo de classe
à metade da soma das frequências
Exemplo:
N° de meninos 𝒇𝒊 𝑭𝒊 Dada a tabela com a frequência de meninos nas 34
0 2 2 famílias
𝑓𝑖 34
1 6 8 = = 17
2 2
2 10 18 Sendo a menor frequência acumulada que supera
3 12 30 esse valor é 18, que corresponde ao valor 2 da variável.
Logo,
4 4 34 𝑀𝑑 = 2
=34 O valor mediano é 2 meninos
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central

Mediana (𝑀d)

Dados agrupados

Com intervalo de classe

Classe mediana
Classe na qual se encontra a mediana

Tal classe será aquela que corresponde à frequência acumulada


𝑓𝑖
imediatamente superior a .
2
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Mediana (𝑀d) Com intervalo de classe
Medidas de Tendência Central
Considerando a distribuição da Dados agrupados
tabela abaixo:
𝑓𝑖 40
i Estaturas(cm) 𝑓𝑖 𝐹𝑖 = = 20
2 2
1 150-154 4 4
Sendo 24 a que está acima, esta é a nossa
2 154-158 9 13
classe mediana, com 𝑖 = 3.
3 158-162 11 24 ← Como há 11 elementos nessa classe e o
4 162-166 8 32 intervalo é igual a 4, devemos tomar , a partir
do limite inferior, a distancia:
5 166-170 5 37 20 − 13 7
6 170-174 3 40 ×4= ×4
11 11
= 40 A mediana fica:
7
𝑀𝑑 = 158 + × 4 = 160,54
11
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Mediana (𝑀d) Com intervalo de classe
Medidas de Tendência Central

Passos executados Dados agrupados


1°) determinamos as frequências acumuladas
𝑓𝑖
2°) Calculamos 2

3°) Marcamos a classe correspondente à


frequência acumulada imediatamente
𝑓𝑖 𝑙 ∗ é o limite inferior da classe
superior à – classe média – e, em mediana;
2
seguida, empregamos a fórmula: 𝐹(𝑎𝑛𝑡) é a frequência acumulada
𝑓𝑖 anterior da classe;
− 𝐹(𝑎𝑛𝑡) ℎ ∗
2 𝑓 ∗ é a frequência da classe;
𝑀𝑑 = 𝑙 ∗ + ℎ∗ é a amplitude da classe
𝑓∗
mediana.
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Resumir as propriedades de um conjunto de
Empregos números
Média Aritmética
Nos dá uma medida de posição que possui a maior estabilidade
Quando houver a necessidade de um tratamento algébrico
ulterior
Moda(Mo)
Para obtermos uma medida rápida e aproximada de posição
Quando a medida deve ser o valor mais típico da distribuição
Mediana(Md)
Nos dá o ponto que divide a distribuição em partes iguais
Há valores extremos que afetam de uma maneira acentuada a média
A variável em estudo é salário
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central

Exercício:
1. Considerando os conjuntos de dados:
a) 3,5,2,6,5,9,5,2,8,6 Calcule:
b) 20,9,7,2,12,7,20,15,7 I. A média;
c) 51,6;48,7;50,3;49,5;48,9 II. A mediana;
d) 15,18,20,13,10,16,14 III. A moda.

2. Os salários-hora de cinco funcionários de uma companhia são :


R$ 75, R$ 90, R$ 83, R$ 142 e R$ 88.
Determina:
a) A média dos salários-hora;
b) O salário-hora mediano.
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central

Exercício:
3. As notas de um candidato, em seis provas de um curso, foram: 8,4; 9,1; 7,2; 6,8; 8,7 e
7,2. Determine:
a) A nota média b) A nota mediana c) a nota modal.

4. Considerando a distribuição abaixo:

𝑥𝑖 3 4 5 6 7 8
𝑓𝑖 4 8 11 10 8 3

Calcule:
a) A média; b) A mediana; c) A moda
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Exercício:
5. Em uma classe de 50 alunos, as notas obtidas formaram a seguinte distribuição:

Notas 2 3 4 5 6 7 8 9 10
N° de alunos 1 3 6 10 13 8 5 3 1

Calcule:
a) A nota média; b) A nota mediana; c) a nota modal;

6. Determine a média aritmética de:


a) b)

Valores 50 60 80 90 𝑥𝑖 50 58 66
Quantidades 8 5 4 3 𝑓𝑖 20 50 30
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central
Exercício:
7. Determine os desvios em relação à média dos seguintes dados: 6, 8, 5, 12, 11, 7, 4, 15.
Qual a soma dos desvios?

8. Calcule a média aritmética das distribuições de frequência abaixo:


a)
Notas 0-2 2-4 4-6 6-8 8-10
𝑓𝑖 5 8 14 10 7 = 44
b)
Estaturas(cm) 150-158 158-166 166-174 174-182 182-190
𝑓𝑖 5 12 18 27 8 =70
c)
Salários(𝑅$ ∗ 103 ) 0,5-0,7 0,7-0,9 1,9-1,1 1,1-1,3 1,3-1,5 1,5-1,7 1,7-1,9
𝑓𝑖 18 31 15 3 1 1 1 =70
Probabilidade e Estatística
Variáveis Aleatórias
Medidas de Tendência Central

Exercício:
d)
Pesos(Kg) 145-151 151-157 157-163 163-169 169-175 175-181 181-187
𝑓𝑖 10 9 8 6 3 3 1 = 40

9. Calcule a mediana de cada uma das distribuições do exercício 8.

10. Calcule a moda de cada uma das distribuições do exercício 8.