Anda di halaman 1dari 8

1- Introdução

No presente trabalho, falaremos sobre a poluição, que é a introdução de


substâncias ou energia de forma acidental ou intencional no meio ambiente, com
consequências negativas para os seres vivos, ou seja, é qualquer actividade capaz de
causar danos ao meio ambiente.

Objectivos:
 Entender o conceito de poluição;
 Conhecer os tipos que existem;
 Saber quais são as suas causas e consequências;
 Aprender as formas de solucionar, este fenómeno.

1
2- A Poluição
Poluição é qualquer alteração provocada no meio ambiente, que pode ser um
ecossistema natural ou agrário, um sistema urbano ou até mesmo em microescala. O
termo poluição deriva do latim poluere, que significa “sujar”.

A poluição pode causar alterações das proporções ou das características de um


dos elementos que formam o próprio meio ambiente. É o caso do aumento da
concentração do dióxido de carbono ou gás carbônico naturalmente presente na
atmosfera.

3- Tipos de Poluição

Existem diferentes tipos de poluição: do solo, da água, do ar, térmica e


radioativa. Existem também as poluições urbanas, como a sonora e a visual.

3.1- Poluição do solo

A poluição do solo acontece quando são depositados nele produtos químicos


(como fertilizantes e pesticidas), resíduos de lixo ou de esgoto que alteram o seu estado
original. O lixo jogado diretamente no solo e o lixo de resíduos domésticos que é
despejado em locais inadequados é um dos maiores causadores da poluição do solo.

A poluição e a contaminação do solo podem tornar a terra improdutiva para


plantio e também podem gerar riscos para a saúde das pessoas.

A contaminação acontece porque o lixo que é depositado no solo, depois do


processo de decomposição, altera as condições de vida de bactérias, fungos e vermes
que são responsáveis pela manutenção do equilíbrio do ecossistema do lugar.

3.2- Poluição da água

Da mesma forma como acontece com o solo, a poluição da água também é


causada pelo despejo de lixo, esgotos e de produtos químicos nos mares, oceanos,
lagos e rios. Os resíduos domésticos, agrícolas e industriais são os maiores responsáveis
pela poluição da água.

A água poluída perde a qualidade e pode causar problemas de saúde e aumentar


a contaminação por diversas doenças, principalmente infecções. Outra consequência da
poluição da água é a alteração do meio ambiente em que vivem os animais marinhos,
podendo causar um desequilíbrio que altera as condições de vida e causa a morte
de animais.

2
A poluição da água também pode causar o crescimento em excesso das
cianobactérias, que aumenta o crescimento de algas na superfície da água. Esse
fenômeno, chamado de eutrofização, dificulta a entrada de luz e de oxigênio nas águas
e pode causar a mortalidade de animais marinhos.

3.3- Poluição do ar

A poluição do ar, também chamada de poluição atmosférica, acontece


principalmente pela emissão de gases poluidores, restos de queima industrial e pelo uso
de produtos aerossóis. O resíduo da queima do combustível (monóxido de carbono) dos
carros é um dos grandes causadores da poluição do ar nas grandes cidades.

Alguns fatores naturais também influenciam na poluição do ar, como o gás


metano que resulta do processo digestivo de animais e o resíduo de queima de vulcões
em atividade.

Os impactos ambientais da poluição atmosférica são: aumento de chuvas ácidas,


prejuízos ao ecossistema em geral e o aumento do aquecimento global, que eleva a
temperatura de maneira globalizada.

Para as pessoas que vivem em cidades com alto índice de poluição do ar as


consequências são a piora de problemas respiratórios em geral, como sinusite, rinite e
bronquite.

A poluição atmosférica é medida pelo índice de qualidade do ar (IQA). Esse


índice verifica se a poluição do ar de um determinado local está em níveis aceitáveis ou
não.

3.4- Poluição témica

A poluição térmica é o aumento da temperatura da água e do ar. O aquecimento


da água acontece principalmente nas usinas hidrelétricas. O aquecimento global também
tem influência sobre o aumento da poluição térmica.

Esse tipo de poluição não é tão conhecida como as outras, mas é igualmente
prejudicial ao meio ambiente.

A consequência mais grave da poluição térmica é que a água das usinas altera a
temperatura dos mares e oceanos, o que pode causar o desequilíbrio do ecossistema
aquático. O desequilíbrio pode causar alterações na vida dos animais aquáticos e das
outras formas de vida do ecossistema.

3
3.5- Poluição radioactiva

A poluição radioactiva, que também é chamada de nuclear, é a poluição de resíduos de


materiais radioativos. Esses resíduos, chamados de lixo radioativo, são originados nas usinas
nucleares pelo processo de produção de energia nuclear ou energia atômica.

Ela é a mais perigosa para o planeta pelas consequências que ela pode gerar. São
exemplos disso os acidentes nucleares e o uso de bombas atômicas. Bem como pode trazer
consequências graves à vida dos seres humanos que são expostos a ela. Além de causar a morte,
a exposição à poluição radioactiva pode provocar o aparecimento de doenças graves (como
tumores, lesões internas e infecções) e diversas deficiências.

A poluição radioactiva também causa sérios danos ao meio ambiente porque, em razão
do seu potencial destrutivo, pode alterar os ecossistemas por completo.

3.6- Poluição sonora

A poluição sonora é caracterizada pelo excesso de sons, quando considerado o


nível de ruído saudável a que uma pessoa pode ser exposta. Ela é considerada um
problema muito comum em grandes cidades, em razão do trânsito, de obras, de casas
noturnas e de qualquer outro barulho que faça parte da rotina de cidades, principalmente
as mais movimentadas.

Além de causar danos aos seres humanos, a poluição sonora também pode
trazer prejuízos ao meio ambiente, principalmente aos animais. Para as pessoas as
consequências mais comuns são a irritabilidade, alterações no sono, stress, alterações de
humor e problemas cardíacos. Em alguns casos mais graves a poluição sonora pode
levar à surdez.

A poluição sonora é medida em decibéis, que indicam a frequência do som


emitido. A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera que o nível de exposição
saudável ao som seja de no máximo 50 decibéis.

3.7- A poluição visual

A poluição visual acontece quando existe um excesso de informação de


conteúdo visual capaz de provocar alterações na qualidade de vida de uma pessoa que é
exposta a ela. Assim como acontece com a poluição sonora, a poluição visual é
problema muito comum nas grandes cidades.

São alguns exemplos de poluição visual o uso exagerado de cartazes, outdoors,


símbolos luminosos, propagandas, placas e fios de eletricidade e de internet.

O excesso de informação visual que é levado a quem convive com este tipo de
poluição pode causar sensação de ansiedade, desconforto, cansaço e confusão mental.
A poluição visual também pode ter consequências sobre a vida nas cidades porque pode
causar acidentes de trânsito e dificuldades de locomoção dos pedestres, pelo excesso de

4
informação e dificuldade de percepção das informações necessárias em razão da
confusão visual

4- A poluição do ar e as chuvas ácidas


O fenômeno das chuvas ácidas é resultado da elevação exagerada dos níveis de
acidez da atmosfera, em consequência do lançamento de poluentes produzidos pelas
actividades humanas.

Embora as chuvas, mesmo em ambientes não poluídos sejam sempre ácidas, a


elevação dessa acidez causada pela emissão de poluentes das indústrias, dos transportes
e de outras fontes de combustão, resultam na concentração de ácidos com elevada
capacidade de corrosão, destruindo além de vários ecossistemas, importantes
monumentos da história humana.

5- A poluição e a cadeia alimentar


A cadeia alimentar é o conjunto de seres vivos que dependem uns dos outros
para sobrevivência na natureza. A poluição e a interferência do homem nos
ecossistemas transformam a natureza e causa alterações na cadeia alimentar, com a
extinção de espécies animais e vegetais, com a erosão do solo, queima das florestas, a
poluição do ar e poluição do solo e da água.

6- Causas da Poluição

 A poluição pode ser resultado da introdução de substâncias naturais, porém


estranhas a determinados ecossistemas. É o caso do despejo de matéria orgânica
no leito de um rio ou do derrame de petróleo bruto no mar;
 O carbono gerado por diversos veículos diariamente, que em contato com o
oxigênio, produz dióxido de carbono;
 A utilização de material descartável, que promove produção de lixo em demasia
nas nossas casas e inibe a reciclagem;
 A publicidade constante nas ruas ou a quantidade de fios pendurados nos postes;
 A exposição de ruídos cotidianamente - seja o barulho dos carros, seja a
televisão alta ou muitas pessoas a falar ao mesmo tempo, os eletro-domésticos a
funcionar ou campainhas a tocar.

7- Consequências da Poluição

 Doenças e problemas respiratórios e de pele, alergias, doenças nos olhos, hepatite,


micose, diarreia, otite, surdez;
 Má formação de fecto;
 Estresse;
 Destruição da camada de ozono;
 Morte de animais e plantas;

5
 Camada de fumaça encobrindo as cidades.

8- Soluções
Para cada tipo de poluição, existe uma solução possível.

É preciso pensar em cada um deles a fim de desenhar um plano de resolução,


mas o ponto de partida é a sensibilização para o problema e empenho de toda a
sociedade. Cada setor pode desempenhar acções para evitar episódios de poluição.

Exemplos:

 Evitar o desperdício e, consequente acumulação de lixo;


 Optar por material bio degradável;
 Reciclagem;
 Utilizar protetores de ouvidos em algumas profissões;
 Fazer a manutenção dos carros;
 Promover a educação ambiental;
 Utilizar transportes públicos, deslocar-se de bicicleta ou caminhar;
 Deitar o lixo eletrônico em locais apropriados;
 Tratamento do esgoto;
 Elaboração de políticas voltadas ao enfrentamento dos problemas ambientais.

6
9- Conclusão
Depois do trabalho feito, podemos concluir que, a poluição é a introdução pelo
homem, directa ou indirectamente, de substâncias ou energia no ambiente, provocando
um efeito negativo no seu equilíbrio, causando assim danos à saúde humana, aos seres
vivos e aos ecossistemas.

As consequências do meio ambiente poluído são causas de grande preocupação,


tanto para a conservação da biodiversidade, como para o bem-estar dos seres vivos.
A poluição pode acarretar graves problemas patológicos, destruição ambiental e
alterações climáticas.

Atualmente, é considerada um grave problema ambiental.

7
10 - Bibliografia

https://pt.wikipedia.org/wiki/Poluição
https://www.todamateria.com.br/poluicao/