Anda di halaman 1dari 19

Conversores CA-CC

(Retificadores)

Prof: Guilherme Moura


Introdução

O fornecimento de energia elétrica é feito,


essencialmente, a partir de uma rede de distribuição em
corrente alternada, devido, principalmente, à facilidade
de adaptação do nível de tensão por meio de
transformadores.
Em muitas aplicações, no entanto, a carga alimentada
exige uma tensão contínua. A conversão CA-CC então é
necessária no qual esta é efetuada por conversores
chamados retificadores
Classificação

Os retificadores podem ser classificados


segundo a sua capacidade de ajustar o
valor de tensão de saída (controlados X não
controlados), de acordo com o numero de
fases da tensão alternada de entrada
(monofásico, trifásico, hexafasico, etc.); em
função do tipo de conexão dos elementos
retificadores (meia ponte X ponte completa)
Retificadores controlados X não
controlados
Os retificadores não controlados são
aqueles que utilizam diodos como
elementos de retificação enquanto os
retificadores controlados utilizam tiristores
ou transistores
Retificador meia-onda não controlado

O retificador de meia-onda consiste em


um circuito que converte um sinal CA em
um sinal unidirecional utilizando diodos
como elementos de retificação. O
retificador de meia-onda é o tipo mais
simples, mas ele normalmente não é
utilizado em aplicações praticas
Esquema eletrônica do retificador
meia-onda
Forma de onda retificador meia-onda
Formulação retificador meia-onda

=
Vcc é o valor médio da tensão contínua em RL
Vp é o valor de pico da tensão sendo = √2
Vef é o valor eficaz ou rms da tensão alternada de
entrada
Formulação retificador meia-onda

= = =

IL é o valor médio da corrente em RL


Id é o valor médio da corrente no diodo
Ip é o valor de pico da corrente
Retificador onda completa

O retificador de onda completa consiste


em um circuito que converte um sinal CA
em corrente continua CC, convertendo
as duas polaridade em um sinal elétrico
em corrente continua
Esquema elétrico retificador onda
completa
Forma de onda retificador onda-
completa
Formulação retificador onda completa

=
Vcc é o valor médio da tensão contínua em RL
Vp é o valor de pico da tensão sendo = √2
Vef é o valor eficaz ou rms da tensão alternada de
entrada
Formulação retificador onda completa

= = / =

IL é o valor médio da corrente em RL


Id é o valor médio da corrente no diodo
Ip é o valor de pico da corrente
Filtro Capacitivo

 Como podemos observar a corrente ainda não esta


totalmente retificada, Então deve-se utilizar um filtro
capacitivo que será ligado em paralelo a carga.
 A utilização deste capacitor, a tensão de saída será
praticamente igual a tensão máxima de entrada com uma
pequena variação chamada de “tensão de Ripple” que é
gerada devido ao tempo de carga e descarga do
capacitor
 A tensão de saída não esta totalmente retificada porem a
variação é muito pequena e para a maioria dos casos já é
suficiente
Esquema do retificador onda-
completa com filtro capacitivo
Retificador em Ponte

 Outra forma de implementar um retificador de onda completa é utilizando


uma ponte de diodos. Neste caso serão utilizados 4 diodos.
 Não é necessário usar o tap central do transformador
Formulação retificador em ponte

=
Vcc é o valor médio da tensão contínua em RL
Vp é o valor de pico da tensão sendo = √2
Vef é o valor eficaz ou rms da tensão alternada de
entrada
Formulação retificador em ponte

= = / =

IL é o valor médio da corrente em RL


Id é o valor médio da corrente no diodo
Ip é o valor de pico da corrente