Anda di halaman 1dari 1

Patativa do Assaré – O meu mundo

Ninguém vem contrariá


A mim, o Chico Braúna,
Não precisa Deus manda,
Que a humanidade se una
pois todos tem cunciença
tem o dom da intiligença
por dereito e gratidão
todos tem de obedece
cada um tem o deve
de defende seu irmão

Se todos observasse
A lei da santa doutrina
E um ao outro ajudasse
Cumo manda a lei divina
Num fizesse pape feio
Defendesse o que é eleio
Cum amô e cum respeito
Não precisava formado
Cum ané de adevogado
Nem juiz de dereito

Mas a farça humanidade


Continua disunida
Cheia de pervesidade
Dos irmão tirando a vida.
Fulano chinga bertrano
Bertrano bate em cicrano
E de suja conciença
Vão impregando no crime
O que tem de mais subrime
Que é sua intiligença.

Com a inveja e o goirmo


Cum a suberba e a vaidade
Vão se socando no abirmo
Se afastando da verdade
Muitos não presa o seu dom
Fazendo aquilo que é bom
Cuma manda o Criado
Pru fora das lei divina
Não segue a santa doutrina
Que jesus cristo ensinou