Anda di halaman 1dari 18

Interação

Humano-Computador

IHC_Cap_00.indd i 15/7/2010 16:32:00


Preencha a ficha de cadastro no final deste livro
e receba gratuitamente informações
sobre os lançamentos e as promoções da
Elsevier Editora.

Consulte também nosso catálogo


completo e últimos lançamentos em
www.elsevier.com.br

IHC_Cap_00.indd ii 15/7/2010 16:32:01


Simone Diniz Junqueira Barbosa
Bruno Santana da Silva

Interação
Humano-Computador

IHC_Cap_00.indd iii 15/7/2010 16:32:01


IHC_Cap_00.indd iv 15/7/2010 16:32:01
IHC_Cap_00.indd v 15/7/2010 16:32:01
© 2010, Elsevier Editora Ltda.

Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei no 9.610, de 19/02/1998.


Nenhuma parte deste livro, sem autorização prévia por escrito da editora, poderá ser reproduzida
ou transmitida sejam quais forem os meios empregados: eletrônicos, mecânicos, fotográficos,
gravação ou quaisquer outros.

Copidesque: Adriana Araújo Kramer


Revisão: Marco Antônio Corrêa

Elsevier Editora Ltda.


Conhecimento sem Fronteiras
Rua Sete de Setembro, 111 – 16º andar
20050-006 – Centro – Rio de Janeiro – RJ – Brasil

Rua Quintana, 753 – 8º andar


04569-011 – Brooklin – São Paulo – SP

Serviço de Atendimento ao Cliente


0800-0265340
sac@elsevier.com.br

ISBN 978-85-352-3418-3

Nota: Muito zelo e técnica foram empregados na edição desta obra. No entanto, podem ocorrer
erros de digitação, impressão ou dúvida conceitual. Em qualquer das hipóteses, solicitamos a
comunicação ao nosso Serviço de Atendimento ao Cliente, para que possamos esclarecer ou
encaminhar a questão.
Nem a editora nem o autor assumem qualquer responsabilidade por eventuais danos ou
perdas a pessoas ou bens, originados do uso desta publicação.

CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE
SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ

B212i

Barbosa, Simone Diniz Junqueira


Interação humano-computador / Simone Diniz Junqueira Barbosa, Bruno Santana da Silva. –
Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.
il. - (Série SBC, Sociedade Brasileira de Computação)

Inclui bibliografia
ISBN 978-85-352-3418-3

1. Interação homem-máquina. 2. Informática - Aspectos sociais. 3. Tecnologia - Aspectos sociais.


4. Comunicação e tecnologia. 5. Tecnologia da informação. I. Barbosa, Simone D. J. (Simone Diniz
Junqueira). II. Sociedade Brasileira de Computação. III. Título. IV. Série.

10-2633. CDD: 004.019


CDU: 004.5

IHC_Cap_00.indd vi 15/7/2010 16:32:02


Aos meus filhos, Gabriel e Eduardo.
S. D. J. Barbosa

À minha família.
B. S. da Silva

IHC_Cap_00.indd vii 15/7/2010 16:32:02


IHC_Cap_00.indd viii 15/7/2010 16:32:02
Agradecimentos

Muitas pessoas contribuíram para tornar este livro uma realidade. Somos afortuna-
dos por termos ao nosso redor pesquisadores e profissionais altamente qualificados,
alunos interessados e motivados, amigos e familiares queridos.
Este livro não existiria se não fosse nossa eterna professora e amiga, Clarisse Sie-
ckenius de Souza, que nos despertou o interesse pela área de IHC e sempre nos apoia
e nos motiva a aprender mais e a contribuir mais para a área. Interação Humano–
Computador no Brasil não seria a mesma sem seu pioneirismo e seriedade.
Somos gratos a diversas pessoas com quem colaboramos ao longo de todos os
nossos anos de atuação na área: a Carla Faria Leitão, Elton José Silva, Jair Cavalcanti
Leite, Milene Selbach Silveira, Raquel Oliveira Prates, Sérgio Roberto Pereira da Silva
e todos aqueles que passaram pelo Semiotic Engineering Research Group (SERG). Alu-
nos que deveriam aprender conosco muito nos ensinaram. Gostaríamos de agradecer
aos egressos do SERG e do Departamento de Informática da PUC-Rio: Adéle, Ana
Carolina, André Luiz, Andréia, Ariane, Clarissa, Gilda, Gustavo, Hildebrando, José
Eurico, Luciana, Maíra, Marcus, Otávio, Rafael, Rodrigo, Sandra, Sílvia, Thaís, Ugo,
Vinícius e Viviane.

IHC_Cap_00.indd ix 15/7/2010 16:32:02


Agradecemos ao Departamento de Informática da PUC-Rio, que sempre apoiou
a área de IHC, firmando seu pioneirismo ao oferecer várias disciplinas de graduação
e pós-graduação há mais de uma década e ao reconhecer IHC como uma área de
pesquisa legítima, ainda enquanto a área era pouco difundida no país.
Nossos pais, Marleny, Carlos, Lélia e Oriovaldo, são grandes responsáveis pelos
nossos méritos e por tudo o que alcançamos. Durante os longos meses de pesquisa
e redação deste livro, nossos familiares e amigos nos apoiaram incondicionalmente.
A todo tempo sentimos sua carinhosa presença, apesar do isolamento e da privação
do convívio que esse tipo de empreitada exige dos autores. Luís Fernando, Gabriel,
Eduardo, Kamila: este livro também é de vocês.
Finalmente, gostaríamos de agradecer novamente a Clarisse Sieckenius de Souza
e a Vinícius Costa Villas Bôas Segura pela revisão de partes deste livro, a Antonio Luz
Furtado, pela sua colaboração no design da capa, e à equipe editorial da Campus/
Elsevier, pela sua dedicação e apoio ao longo de toda essa jornada.

S.D.J. Barbosa & B.S. da Silva


Rio de Janeiro, junho de 2010

IHC_Cap_00.indd x 15/7/2010 16:32:02


Prefácio

Em 2006, um Grupo de Trabalho se reuniu no Simpósio Brasileiro sobre Fatores Hu-


manos em Sistemas Computacionais, IHC 2006, em Natal, para discutir o currículo
de Interação Humano–Computador (IHC) nas universidades brasileiras (Silveira e
Prates, 2007). Visando apoiar aulas de graduação de IHC em cursos de Ciência da
Computação, Sistemas de Informação e Engenharia de Computação, tomamos como
base o currículo recomendado pelo GT para selecionar o conteúdo incluído neste
livro, apoiados pela nossa própria experiência em lecionar disciplinas de IHC por
diversos semestres.
Sabemos que não é viável abordar todos os aspectos de uma área de conheci-
mento ampla e multidisciplinar como IHC em um único livro. Além disso, reconhe-
cemos que nem todas as universidades incluem mais de uma disciplina de IHC em
suas grades curriculares. Objetivamos então elaborar um livro-texto como material
didático de apoio a um curso de introdução à IHC com a duração de um semestre.
Além do apoio a aulas de graduação, incluímos material de cunho prático, a fim
de que o livro possa ser utilizado também por profissionais que precisem incorporar
atividades de IHC em sua prática de trabalho.
Os autores podem ser contatados pelo e-mail: livroihc@gmail.com.

IHC_Cap_00.indd xi 15/7/2010 16:32:02


IHC_Cap_00.indd xii 15/7/2010 16:32:02
Sumário

Capítulo 1 Introdução ...................................................................................... 1


1.1 O Impacto das Tecnologias de Informação e Comunicação
no Cotidiano .......................................................................................................... 2
1.2 Diferentes Visões sobre a Construção de Sistemas Interati-
vos............................................................................................................................... 7
1.3 Objetos de Estudo em IHC ...............................................................................10
1.4 IHC como Área Multidisciplinar .....................................................................12
1.5 Benefícios de IHC.................................................................................................13

Capítulo 2 Conceitos Básicos......................................................................... 17


2.1 Interface, Interação e Affordance ...................................................................18
2.1.1 Interação ................................................................................................20
2.1.2 Interface .................................................................................................25
2.1.3 Affordance ..............................................................................................26
2.2 Qualidade em IHC ..............................................................................................27
2.2.1 Usabilidade e Experiência de Usuário .........................................28
2.2.2 Acessibilidade ......................................................................................32
2.2.3 Comunicabilidade ..............................................................................36

IHC_Cap_00.indd xiii 15/7/2010 16:32:02


Capítulo 3 Abordagens Teóricas em IHC ...................................................... 43
3.1 Introdução .............................................................................................................44
3.2 Psicologia Experimental....................................................................................45
3.2.1 Lei de Hick-Hyman .............................................................................45
3.2.2 Lei de Fitts..............................................................................................45
3.3 Psicologia Cognitiva Aplicada ........................................................................47
3.3.1 Processador Humano de Informação ..........................................48
3.3.2 Princípios de Gestalt ..........................................................................50
3.3.3 Percepção de Cores ............................................................................52
3.4 Engenharia Cognitiva ........................................................................................53
3.5 Abordagens Etnometodológicas ..................................................................61
3.5.1 Análise da Conversação....................................................................63
3.5.2 Comunicação Usuário–Sistema .....................................................65
3.5.3 Estudos Etnometodológicos de IHC ...........................................67
3.6 Teoria da Atividade .............................................................................................69
3.6.1 Princípios da Teoria da Atividade ..................................................71
3.6.2 Contradição e Aprendizado ............................................................72
3.6.3 Teoria da Atividade em IHC .............................................................73
3.7 Cognição Distribuída .........................................................................................75
3.8 Engenharia Semiótica........................................................................................77
3.8.1 Semiótica: Signo, Significação, Comunicação e
Semiose ..................................................................................................80
3.8.2 Sistema Computacional Interativo como Artefato
Intelectual..............................................................................................83
3.8.3 Espaço de Design de IHC .................................................................84
3.8.4 Comparação com o Design Centrado no Usuário ..................88

Capítulo 4 Processos de Design de IHC ....................................................... 91


4.1 O Que é Design? ..................................................................................................92
4.2 Perspectivas de Design .....................................................................................96
4.3 Processos de Design de IHC ............................................................................99
4.3.1 Ciclo de Vida em Estrela................................................................. 103
4.3.2 Engenharia de Usabilidade de Nielsen .................................... 104
4.3.3 Engenharia de Usabilidade de Mayhew .................................. 109

IHC_Cap_00.indd xiv 15/7/2010 16:32:02


4.3.4 Design Contextual ........................................................................... 111
4.3.5 Design Baseado em Cenários ...................................................... 112
4.3.6 Design Dirigido por Objetivos .................................................... 114
4.3.7 Design Centrado na Comunicação............................................ 117
4.4 Integração das Atividades de IHC com Engenharia de Sof-
tware ..................................................................................................................... 121
4.5 Métodos Ágeis e IHC ....................................................................................... 127

Capítulo 5 Identificação de Necessidades dos Usuários e Requisitos de


IHC ............................................................................................... 131
5.1 Introdução .......................................................................................................... 132
5.2 Que Dados Coletar? ......................................................................................... 134
5.3 De Quem Coletar Dados? .............................................................................. 135
5.4 Aspectos Éticos de Pesquisas Envolvendo Pessoas ............................. 138
5.5 Como Coletar Dados dos Usuários? .......................................................... 143
5.5.1 Entrevistas .......................................................................................... 145
5.5.2 Questionários .................................................................................... 150
5.5.3 Grupos de Foco................................................................................. 154
5.5.4 Brainstorming de Necessidades e Desejos dos
Usuários ............................................................................................... 155
5.5.5 Classificação de Cartões ................................................................ 159
5.5.6 Estudos de Campo .......................................................................... 164
5.5.7 Investigação Contextual................................................................ 166

Capítulo 6 Organização do Espaço de Problema....................................... 173


6.1 Perfil de Usuário................................................................................................ 174
6.2 Personas............................................................................................................... 176
6.3 Cenários ............................................................................................................... 183
6.4 Análise de Tarefas ............................................................................................. 191
6.4.1 Análise Hierárquica de Tarefas .................................................... 192
6.4.2 GOMS (Goals, Operators, Methods, and Selection
Rules) .................................................................................................... 196
6.4.3 Árvores de Tarefas Concorrentes (ConcurTaskTrees
– CTT) ................................................................................................... 203

IHC_Cap_00.indd xv 15/7/2010 16:32:02


Capítulo 7 Design de IHC ............................................................................. 207
7.1 Introdução .......................................................................................................... 208
7.2 Cenários de Interação ..................................................................................... 209
7.3 Design Centrado na Comunicação ............................................................ 212
7.3.1 Mapa de Objetivos dos Usuários................................................ 214
7.3.2 Esquema Conceitual de Signos: Conteúdo (Parte I) ............ 218
7.3.3 Prevenção e Recuperação de Rupturas Comunica-
tivas ....................................................................................................... 223
7.3.4 Modelagem de Tarefas................................................................... 225
7.3.5 Modelagem da Interação .............................................................. 229
7.4 Design da Interface ......................................................................................... 243
7.4.1 Estilos de Interação ......................................................................... 243
7.4.2 Representações da Interface com Usuário ............................. 248
7.4.3 Da Interação como uma Conversa para o Design
da Interface ........................................................................................ 251
7.4.4 Esquema Conceitual de Signos: Expressão (Parte II) ........... 256
7.5 Projeto do Sistema de Ajuda ........................................................................ 257
7.6 Desafios de Design de Sistemas Adaptáveis e Adaptativos ............. 260

Capítulo 8 Princípios e Diretrizes para o Design de IHC ........................... 263


8.1 Introdução .......................................................................................................... 264
8.2 Princípios e Diretrizes Gerais ........................................................................ 265
8.2.1 Correspondência com as Expectativas dos Usuá-
rios ......................................................................................................... 265
8.2.2 Simplicidade nas Estruturas das Tarefas .................................. 267
8.2.3 Equilíbrio entre Controle e Liberdade do Usuário ............... 267
8.2.4 Consistência e Padronização ....................................................... 270
8.2.5 Promovendo a Eficiência do Usuário ........................................ 271
8.2.6 Antecipação ....................................................................................... 272
8.2.7 Visibilidade e Reconhecimento .................................................. 273
8.2.8 Conteúdo Relevante e Expressão Adequada......................... 275
8.2.9 Projeto para Erros ............................................................................ 277
8.3 Padrões de Design de IHC ............................................................................. 279
8.4 Guias de Estilo ................................................................................................... 282

IHC_Cap_00.indd xvi 15/7/2010 16:32:02


Capítulo 9 Planejamento da Avaliação de IHC .......................................... 285
9.1 Por que Avaliar? ................................................................................................ 286
9.2 O que Avaliar?.................................................................................................... 290
9.3 Quando Avaliar o Uso de um Sistema? .................................................... 294
9.4 Onde Coletar Dados sobre Experiências de Uso?................................. 295
9.5 Que Tipos de Dados Coletar e Produzir?.................................................. 297
9.6 Qual Tipo de Método de Avaliação Escolher? ........................................ 301
9.7 Como Avaliar? .................................................................................................... 303
9.7.1 Por Onde Começar? ........................................................................ 303
9.7.2 Preparação ......................................................................................... 304
9.7.3 Coleta de Dados ............................................................................... 308
9.7.4 Interpretação ..................................................................................... 310
9.7.5 Consolidação e Relato dos Resultados .................................... 311
9.8 O Framework DECIDE ..................................................................................... 312

Capítulo 10 Métodos de Avaliação de IHC ................................................... 315


10.1 Avaliação de IHC através de Inspeção ...................................................... 316
10.1.1 Avaliação Heurística........................................................................ 316
10.1.2 Percurso Cognitivo .......................................................................... 322
10.1.3 Método de Inspeção Semiótica .................................................. 330
10.2 Avaliação de IHC através de Observação ................................................ 341
10.2.1 Teste de Usabilidade ....................................................................... 341
10.2.2 Método de Avaliação de Comunicabilidade .......................... 344
10.2.3 Prototipação em Papel................................................................... 358
10.3 Resumo Comparativo dos Métodos de Avaliação................................ 362

Referências Bibliográficas.............................................................................. 367

Índice Remissivo ............................................................................................. 379

IHC_Cap_00.indd xvii 15/7/2010 16:32:02


IHC_Cap_00.indd xviii 15/7/2010 16:32:02