Anda di halaman 1dari 7

Meio: Imprensa Pág: 6

País: Portugal Cores: Cor

Period.: Semanal Área: 18,80 x 26,00 cm²

ID: 81241140 27-06-2019 Âmbito: Desporto e Veículos Corte: 1 de 7

II >I TOP DA SEMANA Geração nova do 'best-seller' à venda em setembro

REN
-4"
usi~—

, 4 f
, a« ,

aar ,

W.117-JC
•«
Meio: Imprensa Pág: 7

País: Portugal Cores: Cor

Period.: Semanal Área: 18,80 x 26,00 cm²

ID: 81241140 27-06-2019 Âmbito: Desporto e Veículos Corte: 2 de 7

Série especial de lançamento Até 2022, a Renault terá 12


limitada a apenas 50 unidades, modelos eletrificados na gama.
numeradas, baseia-se no nível O novo Clio E-Tech será o 1.°
de equipamento R.S. Line equipado com a tecnologia
e 1.3 TCe 130
~1~111111111111~111.11~

op
Que outra posição que não o tgpo pode ser a do .0. &move mais ven I • o
em Portugal nos últimos seis anos? Pois... A geração do Renault Clio carrega
o peso de 15 mílhõe,s- de exemplares vendidos em 29 anos, o que equi
a um Clio comercia1Zado a cada 60 segundos! Vejamos o que UI:1e no
por JOÃO DA SILVA

Na dianteira,
o novo Clio
distingue-se
pelas nervuras
no capot.,
grelha de maiores
dimensões
e para-choques
com abertura
central
para arrefecimento
mais eficiente
da mecânica
Meio: Imprensa Pág: 8

País: Portugal Cores: Cor

Period.: Semanal Área: 18,80 x 26,00 cm²

ID: 81241140 27-06-2019 Âmbito: Desporto e Veículos Corte: 3 de 7

Autolkco TOP DA SEMANA Motor de 3 cilindros e 1 litro de capacidade ganha 10 cv (100 cv]

~- —iotrik
-
~11


• •

.•
141- - •

1`.

O posicionamento
importância do Clio para a mais elevado uma evolução do como revolução, e 14 mm mais curto que o antecessor e
Renault e a sua relevância isso foi propositado. «O design é o cri- tem altura reduzida em 30 mm.

A
do ecrã central,
no panorama automóvel que fica bem acima tério n.° 1 para a compra do Clio, o que Bom, mas se por fora há renovação,
mundial terá ficado, assim do *tablier', justifica que a cada geração vendamos no interior há... urna revolução! O ha-
o esperamos, expressa no é um acréscimo um pouco mais. O Clio deixou de ser bitáculo foi completamente revisto e
curto texto de abertura des- de segurança, pois uma escolha racional», explica Vincent inclui diversas soluções de modelos de
te trabalho, pelo que vamos avançar evita que o condutor Dubroca, chefe de produto do novo segmentos superiores, como o painel de
para as novidades da 5.' geração de desvie demasiado Clio. Ora, então o que fez a Renault? Li- instrumentos digital, em vez do tradi-
modelo que é já considerado por mui- o olhar da estrada mou arestas, apurando aqui e ali al- cional analógico, com tamanho variá-
tos como um ícone da indústria. para o consultar guns elementos para conferirem ao uti- vel entre 7 e 10 polegadas, consoante
Quando estiver à venda em Portu- ou manusear litário um ar novo e fresco e igualmente o nível de equipamento, e que permi-
gal, em meados de setembro, a imagem (ainda mais?) atrativo. Mas atenção: te personalizar, de forma intuitiva, a
do novo Clio deverá ser vista mais como 100% das peças são novas. O Clio V é experiência de condução, alterando a
Meio: Imprensa Pág: 9

País: Portugal Cores: Cor

Period.: Semanal Área: 18,80 x 26,00 cm²

ID: 81241140 27-06-2019 Âmbito: Desporto e Veículos Corte: 4 de 7

RENAULT 10
CLIO •
Existem inúmeros *packs'
para personalização
que permitem a adaptação
do carro ao gosto individual
de cada proprietário

26'c ( A New'anon ) P" de tél 10:44


Menu

cffl
Navigation Radio Musique

cl
00
Telephone Applications Infos véhicule

Reglages Suggestions 6
notif ications

0 A .1-

Elemento-chave no interior
do novo Clio é o ecrã de 9,3"
para gestão de aplicativos
multimédia, navegação
e infoentretenimento

O utilitário recebe travão


elétrico de parqueamento
e base para carregamento
de 'smartphones' por indução

decoração do ecrã ou o tipo de informa-


ção que se quer receber. De referir que
a versão maior do ecrã (10") integra in- 0
formação sobre o sistema de navegação
GPS. Esta solução está integrada no
conceito «Smart Cockpit», que eleva
sobremaneira o nível do segmento no O conceito de 'Smart Cockpit'
que toca à qualidade de materiais e aca- adotado na elaboração
bamentos (há agora 25% mais de ma- da consola central também
terial macio ao toque, seja nas portas permitiu introduzir mais
numa maior amplitude, no tablier ou na espaços para arrumações
consola central) e, ainda, no que toca
à vertente tecnológica, de que são ►►
Meio: Imprensa Pág: 10

País: Portugal Cores: Cor

Period.: Semanal Área: 18,80 x 26,00 cm²

ID: 81241140 27-06-2019 Âmbito: Desporto e Veículos Corte: 5 de 7

II 1 I> TOP DA SEMANA O Clio E-Tech, o 1.° híbrido da Renault, no próximo ano

D► exemplo a instrumentação digital,


mas sobretudo o ecrã multimédia de 9,3
polegadas, elemento-chave do «Smart
Cockpit» e o maior de toda a gama Re-
nault. Trata-se de um tablet vertical, li-
geiramente curvado, inspirado no do Es-
pace, e que domina o habitáculo. O seu
posicionamento, acima do tablier, me-
rece aplauso por evitar que o condutor
tenha que desviar demasiado o olhar
da estrada para o visualizar ou utilizar.
Também a consola central foi elevada
e é agora revestida, podendo ser perso-
nalizada em função do ambiente inte- 110 '33; ,
rior ou até receber uma animação lumi- 70
nosa no contorno exterior, sendo que na 50 58 ia "Ir:,
zona inferior há áreas de arrumação e 190 '!
3° 210: ,
um espaço para recarregar o telemóvel
por indução.
My5 " ao.:
so
. 630
O novo Clio estará disponível em
sete motorizações, quatro a gasolina,
duas Diesel e uma híbrida, sendo que
a última, denominada E-Tech, chega
em 2020 e combina bloco a gasolina de
1,6 litros, dois motores elétricos, uma
© o
O
caixa de velocidades multímodo e uma r•
bateria de 1,2 kWh. Do lado das versões No painel de instrumentos digital 17 ou 10"), visualização das informações sobre o modo de condução autónoma
a gasolina, a Renault propõe os atmos-
féricos 1.0 SCe de 3 cilindros com 65
ou 75 cv e caixa manual de cinco velo-
Um 'cheirinho' a condução autónoma!
cidades. Segue-se o excelente 3 cilindros > Conduzimos um Clio equipado com o que exige estradas com marcas visíveis pode ser maior ou menor (entre 2,4 a 1,2
1.0 TCe com 100 cv e 160 Nm, também tecnologias de condução autónoma: no piso e veículos a circular. Assistente s; por defeito, 2 s), consoante a escolha
com caixa manual de cinco velocida- assistente trânsito e autoestrada, que com autonomia de nível 2, exige que o do condutor. Se não for detetado um
des, sendo que posteriormente surgirá combina regulador de velocidade condutor mantenha mãos no volante e veículo à frente, o sistema funciona
nova transmissão automática X-Tronic adaptativo (com Stop & Gol e assistente olhos na estrada, enviando um alerta se como um regulador convencional,
de nova geração com funcionalidade D- de centragem na via. Ativo de O a 160 deixar de detetar as mãos no volante conservando a velocidade predefinida,
-Step que replica várias relações de cai- km1h, só funciona com caixa automática. durante 13 s. Após mais dois alertas, incluindo em descida. Em fluxo de
xa. O 1.0 TCe terá também terá varian- Regula a velocidade, mantém o veículo o sistema desativa-se, automaticamente, trânsito intenso, se for necessário parar
te GPL. A fechar as versões a gasolina centrado na estrada e a distância de ao fim de 48 s; o regulador de velocidade completamente, o sistema imobiliza o
temos o 1.3 TCe, um 4 cilindros com segurança para o veículo da frente e para adaptativo (A CC) funciona de O a 170 automóvel e voltar a arrancar no tempo
130 cv e 240 Nm. A gama Diesel é com- e arranca, de forma automática, o Clio kmlh e mantém distância de segurança de 3 s quando a marcha é retomada. Se
posta pelos 1.5 Blue dCi com 85 cv e no tempo de 3 s, sem ação do condutor. mínima para o veículo da frente, a qual forem ultrapassados os 3 s, o condutor
220 Nm ou 115 cv e 260 Nm, sendo que O sistema inclui câmara frontal e radar, (mais exatamente o tempo de intervalo) tem que intervir para o carro arrancar.
ambas estão associadas a caixas ma-
nuais de seis velocidades.
Refira-se que o Clio inaugura uma
nova geração de plataforma modular
(CMF-B), constituída por 85% de peças
novas face à plataforma da geração an-
terior, e que incluiu revisão completa
em tudo o que diz respeito à estrutura
da carroçaria, recorrendo a aço de ele-
vado limite elástico e colas de estrutu-
ra, para aumentar a força de ligação en-
tre as chapas. A segurança é, aliás, um
dos pontos fortes do novo Clio, nomea-
damente no que concerne às ajudas à
condução (ver caixa). •

Revisto de fio a pavio, o Clio foi muito mexido


por fora e profundamente alterado por dentro, 29 ANOS
sendo agora ainda mais completo do que antes DE SUCESSO
e, arriscamos, sem rival à altura no segmento B
no que toca à qualidade de materiais e de aca- Da esquerda para a direita, na imagem, as quatro geraçôes do Renault Clio: 1.0 geração (1990-1998),
bamentos e na oferta tecnológica. E todos sa- 2.° geração (1998-2005), 3.0 geração (2005.20121 e 4.0 geração (2012-2019). Desde o lançamento, em
bemos a importância que isso tem nos tempos 1990, o Clio tornou-se o 'best-seller' do Grupo Renault a nível mundial e, desde 2013, é o líder no segmento B
que correm, em que os automóveis são muito mais na Europa. Entre 2012 e 2018, as vendas cresceram todos os anos. O Clio é ainda o automóvel francês mais
do que meios de transporte... A Renault diz que vendido do mundo! É o carro mais vendido em Portugal há seis anos consecutivos.
este é o melhor Clio de sempre. E é.
Meio: Imprensa Pág: 11

País: Portugal Cores: Cor

Period.: Semanal Área: 18,80 x 26,00 cm²

ID: 81241140 27-06-2019 Âmbito: Desporto e Veículos Corte: 6 de 7

Is
ti

"7

Na 5.a geração do Chio, introdução da 'assinatura' desportiva R.S. Line, que substituir& progressivamente, a designação GT-Line

O LARANJA
VALÊNCIA' É UMA
DAS NOVAS CORES
DO NOVO CLIO

W.117.£

yra Ficha técnica


RENAULT CLIO
SCe 65 SCe 75 TCe 100 TCe 130 dCi 85 dCi 115
Arquitetura 3 cilindros em linha 3 cilindros em linha 3 cilindros em linha 4 cilindros em linha 4 cilindros em linha 4 cilindros em linha
Potência 65 cv/6250 rpm 12 cv/6250 rpm 100 cv/5000 rpm 130 cv/5000 rpm 85 cv/3750 mm 115 cv/3150 rpm
Binário 95 Nm/3600 rpm 95 Nm/3600 mm 160 Nm/2750 gim 240 Nin/1600 min 220 Nm/1750 rpm 260 Nm/2000 rpm
Acel. 0-100 km/h - 11,8 s 9s 143 s 9.9 5
Velocidade máxima - 187 km/h 200 km/h 118 km/h 197 km/h
Consumo médio 4,41/100 km 5,21/100 km 3,61/100 km 3,61/100 km
EMiSSÕeS de CO2 - 100 g/km 119 g/km 95 g/km 95 g/km
O PREGO n.d n.d n.d n.d n.d n.d
Meio: Imprensa Pág: 1

País: Portugal Cores: Cor

Period.: Semanal Área: 11,48 x 9,82 cm²

ID: 81241140 27-06-2019 Âmbito: Desporto e Veículos Corte: 7 de 7

> A SUPER-MÁQUINA: A CRÓNICA DE NUNO MARKL


N.° 1005 27 DE JUNHO A 3 DE JULHO DE 2019 PORTUGAL CONTINENTAL
PROVA PEUGEOT
o DOS « 508 SW
z
inala NOVE
21RO 1.5 BLUEHDI
rsi)

TAMBÉM EM —
autofoco.pt
ir

•Iffiffir

PUm4

$ •

PACTO

FORD ESTREIA SISTEMA


1.0 ECOBOOST HYBRID
COM 125 E 155 CV

PUMA
MOTORES
N1$

DE 75 CV A 1130 CV
NO OPEL
= IX) --------
mo CORSA VI

VERSOE
= CN 1.547- NX 1.0 E 1.3 TCe
- o
- (O
=(O
=

-.
r--
co
o
GG 180
AO VOLANTE
DO NOVO RENAULT CLIO