Anda di halaman 1dari 3

Nº: CENG.2.REG.VPO.03.

000011 REVISÃO N°: 02


Anexo 5
PÁGINA: 1/2 DATA APROVAÇÃO: 10/01/2013
VPO Pilar Segurança Investigação De acidentes e incidentes ÁREA/DEPARTAMENTO:
Anexo 5 – Fluxo Para Classificação De Acidentes SEGURANÇA - CENG

1. Fluxo para Classificação de Acidentes

Este fluxograma é aplicável para todos os tipos de acidentes ACA, ASA com trabalho compatível e
ASA, assim como para as lesões causadas por acidentes de trajeto, ou seja, lesões ocorridas no caminho
(trajeto) percorrido da residência do funcionário ao trabalho (endereço da fábrica) ou no caminho
contrário, do trabalho à sua residência.

O fluxograma é aplicável para os empregados próprios, trabalhadores sazonais, trabalhadores


temporários e todos os tipos de empreiteiros e prestadores de serviço trabalhando para a Ambev.

2. Quadro descritivo da caracterização dos acidentes e tipos de lesão mais comuns:

Tipo de Acidente Definição Tipo de Lesão Avaliação Médica Emissão de CAT Exemplos
Lesão Grave = pode gerar corte (com
morte, perda de membro sutura), ruptura
Com ou afastamento obrigatoriamente de tendão,
Ocorrência que gera
afastamento temporário superior a 15 deve ser realizada fratura,
lesão grave ou obrigatória
dias. avaliação do esmagamento,
moderada
(ACA)LTI Lesão Moderada = gera médico amputações,
de 1 a 15 dias de queimadura
afastamento grave, morte.

Lesão Leve = pode gerar


Sem
o retorno ao trabalho até
afastamento obrigatoriamente Cortes, luxação,
o dia subsequente da
Ocorrência que gera deve ser realizada entorse
ocorrência (na mesma obrigatória
MTI (ASA) lesão leve avaliação do moderado,
função ou em função
médico inchaço.
compatível) avaliado pelo
MDI (compatível)
Médico.
Evento que afeta o
trabalhador
mas não lhe provoca
de imediato:
_ Lesão corporal CAT = não
Primeiros Socorros
e/ou perturbação A evolução em Contusão leve
podem ser
funcional acidente poderá (batida),
realizados pelo
Situação” em que Lesão sem qualquer dano ocorrer se um escoriação leve
próprio funcionário,
FAI não foram de ou comprometimento de prazo de 48 h (aranhão),
brigadista ou
imediato função houver hipertermia leve
equipe de
diagnosticadas aparecimento de da pela ou
enfermagem
lesões, mas que lesão cujo nexo mucosa.
poderão mais tarde seja claro.
vir a ser
reconhecidas como
Acidente.

poderá haver para


análise e conclusão
Ocorrência que não da existência ou Quebra de
Incidente
gera nenhum tipo de não há não da lesão (na não há maquinário.
lesão nas pessoas maioria dos casos
não há nem
avaliação médica)
N° Revisão: Área / departamento:
ANEXO 5 Página: 2/3
02 SEGURANÇA - CENG


Caracterizam-se ainda como incidentes:

- Incidentes que não geram lesões de alto risco (por exemplos, escorregões, tropeços, quedas);

- Incêndios e explosões, sem vitimas;

- Derrames e vazamentos de substâncias perigosas, como a amônia, GLP, gás natural, produtos
cáusticos e ácidos;

- Incidentes graves com Empilhadeiras e caminhões (exemplo: tombamento de empilhadeira,


colisões);

- Colapso e quedas de estruturas (quedas/desmoronamento de estrutura e telhas de telhados, a


explosão/implosão de tanques, etc);

- Incidentes graves com o equipamento de segurança crítico, como por exemplo: paletizadoras,
despaletizadoras, encaxoitadoras, desencaixotadoras, lavadora, etc.

3. Observações:

3.1. Conforme o fluxo da página 2, os acidentes sem afastamento (ASA – MTI), devem
seguir o mesmo fluxo de comunicação e tratamento dos acidentes com afastamento e
trabalho compatível.

3.2. O Engenheiro de Segurança Regional deve avaliar as notificações e investigações dos acidentes
de sua regional antes do envio a área corporativa. Também é obrigatória a validação do Alerta de
segurança antes do envio a segurança corporativa.

3.3. Os alertas de segurança devem disponibilizados para as demais unidades da regional.

3.4. Além dos acidentes com lesão típicos (ocorridos durante a execução do trabalho), os acidentes
de trajeto, que ocorrem no percurso da residência para o trabalho ou vice-versa, também devem
ser reportados, classificados e tratados de acordo com as exigências do regulamento.
N° Revisão: Área / departamento:
ANEXO 5 Página: 3/3
02 SEGURANÇA - CENG


Acidente causando registro de lesão Incidente grave sem lesão

Imediatamente garantir que todos os recursos necessários de assistência ao acidentado serão fornecido como primeiros
socorros e atendimento médico adequado. O supervisor, gerente da área e segurança do trabalho devem ser informados
imeditamente.

socorrista / tecnico
de enfermagem não
FAI atende a pessoa A lesão exige
tratamento com 1. Definir
lesada.
médico?
2. Medir

Completar a notificação 24H de lesão


e enviar por e-mail a regional. sim

Realizar a investigação do FAI


não A lesão está
relacionada ao
Registrar no BOOK SSO trabalho?

Não existe acidente


Realizar o alerta com 5 PQ e
para ser regsitrado
enviar a regional em 7 dias. sim
ou notificado.

sim
O lesionado volta a seu trabalho
habitual, sem perder um turno
ASA(MTI) inteiro ou um dia inteiro, excluindo
o dia da lesão?

não

não
sim O lesinado volta para trabalho
ACA
ASA compatível sem perder um turno
inteiro ou um dia inteiro, excluindo (LTI)
Compatível
o dia da lesão.dia da lesão ?
(MDI)

Completar a notificação 24h de e enviar por e-mail dentro de 24 horas, conforme item 7.2. letra “a” do
regulamento.

3. Analisar Enviar a Notificação da lesão no prazo de 24 horas

Realizar a investigação do acidente / incidente grave utilizando a arvores de causas e 5 porquês

4.Melhoria Registar no Gerenciador de Acidentes – BOOK SSO


5. Controle

Preenchimento do ALERTA DE SEGURANÇA conforme as causas e ações definidas na investigação

Envio do Alerta de Segurança e Investigação do acidente no prazo de 14 dias da data do acidente.