Anda di halaman 1dari 3

Filosofia da Mente – Resumo Esquemático do texto As Controvérsias entre Dualistas e Materialistas na Filosofia da Mente Contemporânea de

Carlos Diógenes Cortes Tourinho ((PP. 77 a 86)

Teorias Definições Problema Autores Observações


Dualismo Afirmam que os estados e processos mentais não são
estados e processos de um sistema puramente físico, mas
constituem um tipo distinto de fenômenos cuja natureza é
essencialmente não-física. Em suma, afirmam que o
homem se constitui de duas substancias ontologicamente
distintas: corpo e alma.
Dualismo Defende que as duas substâncias distintas (corpo e mente) Com o desenvolvimento da Descartes Para solucionar a dificuldade
interacionista se interagem mutuamente. física moderna, a posição (1596- 1650) colocada pela física moderna,
interacionista perde força. De surgem dois tipos distintos de
acordo as leis da física correntes:
(princípio de conservação do a) paralelismo psicofísico –
movimento) , uma substancia alma e corpo existem como
incorpórea não pode alterar a entidades separadas, sem
direção de movimento de uma interação.
substância corpórea. b) Materialismo – que nega a
existência de uma mente
inextensa
Materialismo Hobbes alega que toda realidade é física, constituída por Hobbes (1586- Isso é uma objeção radical ao
corpos que ocupam um lugar determinado no espaço. 1679) dualismo cartesiano.
Portanto toda substância é corpórea.

Monismo Espinosa defende o monismo panteísta, ou seja, só existe Espinosa Contesta o dualismo cartesiano
panteísta na realidade uma substância absolutamente infinita, Deus, (1632-1677)
o qual possui infinitos atributos, mas podemos conceber
apenas dois: pensamento e extensão. Dessa forma, mente e
corpo são atributos distintos de uma única substância.
Monismo Lei da inter-relação entre sensação e processos cerebrais. Theodor Influciou a psicologia
metafísico / Significa não que a mente dependa do cérebro, mas sim Fechner experimental do século XIX
Paralelismo um panpsiquismo, ou seja, que os fatos físicos estão (1881-87)
psicofisico indissoluvelmente identificados com os acontecimentos
mentais. Para Fechner a diferença entre mente e matéria
seria apenas uma no ponto de vista a partir do qual a
entidade psicofísica poderia ser observada. Existe uma
diferença entre pensar com o cérebro e examinar o cérebro
de uma pessoa que pensa.
Behaviorismo Para que psicologia se estabelecesse como ciência, sobre a Watson Com a revolução behaviorista
metodológico ótica behaviorista, ela abre mão do estudo introspectivo (precursor no campo da psicologia o
dos estados mentais conscientes para privilegiar a norte- paralelismo psicofísico sofreu
observação do comportamento do homem e do animal. americano), um enfraquecimento na medida
Skinner, em que a noção de consciência
Pavlov perdeu força.
Behaviorismo Afirma a tese do monismo materialista descartando em Tilquin (1950)
Ontológico / definitivo a consciência. O que chamamos consciência ou
Monismo espíritos não seres, não são realidades. O homem não é
Materialista duplo. Ele é um teatro de fenômenos exclusivamente
materiais.
Filosofia da Esta tendência afirma que a nossa cultura de uma forma Gilbert Ryle
Mente / equivocada tende a reforçar uma perspectiva dualista ao (1949)
Primeira fazer uso de dois tipos de vocabulário: um físico e outro
tendência / mental.
Analise
conceitual
Segunda Essa vertente afirma a identidade entre estados mentais e Smart (1962) /
tendência / estados físicos do cérebro. Isso quer dizer que cada tipo de Armstrong
Materialismo estado mental seja idêntico a alguns tipos de estado físico (1968)
redutivo / cerebral. Segundo tal vertente, a neurociência será capaz
Teoria da de relacionar todos os estados neurais aos estados mentais.
identidade
Terceira A mente é o resultado da capacidade de um sistema Hilary Putnam Enquanto o materialismo
tendência / desempenhar determinadas funções independente de sua (196?) redutivo afirma que a mente é o
Funcionalism constituição físico-química. Dessa forma um computador cérebro, os funcionalistas dizem
o estaria apto para realizar as mesmas funções que a mente é aquilo que o
desempenhadas pelo cérebro humano. cérebro faz.
Quarta A única realidade do mental é a sua base neurofisiológica.
tendência / De acordo com essa vertente, os conceitos da psicologia
Materialismo popular (crença,medo, alegria, tristeza,etc.) constituem
eliminativo uma terminologia equivoca em relação às causa do
comportamento e da natureza da atividade cognitiva do
homem. Eles propõem eliminar radicalmente tal
terminologia.