Anda di halaman 1dari 22

CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA

ETEC DONA ESCOLÁSTICA ROSA

ADM I N I ST RAÇÃO
Dados Pessoais

Nome

Endereço

Telefone
Turma
Palavra do Diretor

Caro aluno

Este manual objetiva orientá-lo sobre a estrutura e o funcionamento da


escola; as normas disciplinares e regulamentos que orientam a sua vida
escolar; a organização curricular e bases tecnológicas pertinentes ao
seu curso.

Além das informações nele contidas, você poderá contar, para


esclarecimentos complementares, com o apoio de uma equipe de
profissionais: coordenador pedagógico, coordenadores de área,
professores e funcionários.

Para facilitar a comunicação com a Direção, cada turma escolherá o seu


representante, que será o porta-voz da classe, participando de reuniões
mensais e trazendo ao nosso conhecimento suas sugestões e
reivindicações.

Estamos felizes por você ter escolhido esta unidade de ensino. Temos a
certeza de que você fez uma boa opção. A Etec “Dona Escolástica
Rosa” é uma instituição pioneira na Educação Profissional da região,
com um século de história.

Fazemos votos de que tenha sucesso e de que aproveite bem esta


oportunidade de estudo e formação profissional.

Pedro de Oliveira Barros


Diretor

Avenida Bartolomeu de Gusmão, 111


Santos - SP
CEP: 11045 - 401
Telefone: (13) 3236 – 9986
www.escolasticarosa.com.br
e-mail: escolasticarosa@escolasticarosa.com.br
Estrutura Administrativa Provas e Trabalhos

Diretor de Escola - Pedro de Oliveira Barros


Dia Componente Curricular
Assistente Técnico Administrativo - Nádia Gonelli dos Santos

Diretora de Serviços - Área Administrativa - Silvia Teixeira de Moraes

Diretora de Serviços - Área Acadêmica - Fabiana Cavalcante

Coordenadora Pedagógica - Daisy Rodrigues de Lima Simões

Auxiliar Administrativo - Milagros Ema Rodriguez Troncoso

Assistente Administrativo - Rodrigo Mendes Marfori

Auxiliar Administrativo - André Ferreira Ignácio

Auxiliar Administrativo - Carlos Augusto Canada Silva

Auxiliar Administrativo - Edna Alves Sobrinho

Auxiliar Administrativo - Eneilson Aparecido da Silva

Auxiliar Administrativo - Gabriela Toaiari Rodrigues Farinha Cordeiro

Auxiliar Administrativo - Koji Shinzato

Auxiliar Administrativo - Lucimar Martins

Auxiliar Administrativo - Magna Farias Santos

Auxiliar Administrativo - Thiago Silva Rente

Auxiliar Administrativo - Venâncio Pedro de Carvalho

Auxiliar Administrativo - Victor Leonardo Messias Moreira

Auxiliar Administrativo - Wilson Falcão


Provas e Trabalhos Coordenador do Curso de Administração

Profº Plínio Rolim de Aguiar Neto


Dia Componente Curricular
Corpo Docente

1º Módulo
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….

2º Módulo
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….

3º Modulo
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
…………………………………………………………………………………….
Missão
Provas e Trabalhos
Participar efetivamente na formação de cidadãos éticos e responsáveis,
preparados para o exercício da vida profissional e para os desafios do
mundo moderno, com o intuito de contribuir para a melhoria da
qualidade de vida do trabalhador, baseada em conhecimento e valores. Dia Componente Curricular

Visão

Ser reconhecida na região como referência na educação profissional,


quer pelos serviços de qualidade, quer pela relevância social.

Cursos

Administração - Manhã / Tarde / Noite


Nutrição e Dietética - Manhã / Tarde / Noite
Metalurgia - Manhã / Noite
Segurança do Trabalho - - Manhã / Noite
Contabilidade - Tarde
Secretariado - Tarde

Horários:

Período Entrada Saída


Manhã 8 horas 12h30min
Tarde 13h30min 18 horas
Noite 19 horas 22h55min

PPG/ Plano Escolar / Planos de Curso / Planos de Trabalho Docente


/ Regimento Escolar / Regulamento Geral do TCC
Para conhecer esses documentos na íntegra visite o nosso site:
www.escolasticarosa.com.br

TCC (Trabalho de Conclusão de Curso)

O TCC constitui-se numa atividade acadêmica de sistematização do


conhecimento sobre um objeto de estudo pertinente à profissão,
desenvolvida mediante orientação, controle e avaliação docente, cuja
exigência é requisito essencial e obrigatório para obtenção do
diploma de técnico.

O TCC é regido por um Regulamento próprio da U.E.


Estágio Supervisionado
Horário Escolar
O estágio representa uma real e efetiva integração com o mundo do
trabalho, possibilitando o desenvolvimento de competências
profissionais gerais e específicas, por meio da troca de experiências, do
1º Módulo - …….. Semestre…………. convívio sócio-profissional e da interação com o setor produtivo.

Hora 2ª Feira 3ª Feira 4ª Feira 5ª Feira 6ª Feira Conforme a nova organização curricular, a prática do estágio não é
obrigatória em nossos cursos. Ele é desenvolvido como atividade
opcional.

Embora não haja obrigatoriedade, todos os alunos devidamente


matriculados na Unidade Escolar e que estejam freqüentando as aulas
têm o direito de realizar as atividades de estágio, que poderá ser
iniciado já a partir do 1º Módulo, com apresentação do relatório de
estágio.

Para informações detalhadas a respeito de Estágio (carga horária,


documentação, planos, relatórios, empresas parceiras) o aluno
2º Módulo -………Semestre……….. deverá consultar a Coordenação do seu Curso.

Hora 2ª Feira 3ª Feira 4ª Feira 5ª Feira 6ª Feira


A Lei do Estágio foi alterada pelo Governo Federal em 2008, passando
essa atividade a ser regida por regras mais favoráveis ao processo de
formação dos profissionais do futuro.

Lei do Estágio - Lei Nº 11.788, de 25 de setembro de 2008

Avaliação do ensino e da aprendizagem

A verificação do aproveitamento escolar do aluno compreenderá:


3º Módulo -………Semestre……….. - a avaliação do rendimento
- a apuração da frequência
Hora 2ª Feira 3ª Feira 4ª Feira 5ª Feira 6ª Feira
As sínteses de avaliação do rendimento do aluno, parciais ou finais,
serão expressas em menções, correspondentes a conceitos, com as
seguintes definições operacionais
Menção Conceito Definição Operacional
MB Muito Bom O aluno obteve excelente desempenho no
desenvolvimento das competências
B Bom O aluno obteve bom desempenho no
desenvolvimento das competências
R Regular O aluno obteve desempenho regular no
desenvolvimento das competências
I Insatisfatório O aluno obteve desempenho insatisfatório
no desenvolvimento das competências

Controle de freqüência

Será exigida a freqüência mínima de 75% do total de horas de efetivo


trabalho escolar, considerando o conjunto dos componentes curriculares.

Promoção e retenção

Para fins de promoção ou retenção, a freqüência terá apuração


independente do aproveitamento.

- Será promovido no módulo o aluno que tenha obtido rendimento


suficiente nos componentes ( MB - B - R ) e a freqüência mínima
estabelecida (75%);

- O aluno com rendimento insatisfatório em até três componentes


curriculares, exceto no módulo final, a critério do Conselho de Classe,
poderá ser classificado no módulo seguinte em regime de progressão
parcial, devendo submeter-se a programa especial de estudos.

- Será considerado retido no ciclo ou módulo, quanto à freqüência, o


aluno com assiduidade inferior a 75% (setenta e cinco por cento) no
conjunto dos componentes curriculares;

- Será considerado retido no ciclo ou módulo, quanto ao


aproveitamento, o aluno que tenha obtido a menção I:

Em mais de 3 (três) componentes curriculares;


Em até 3 (três) componentes curriculares e não tenha sido
considerado apto pelo Conselho de Classe a prosseguir
estudos no ciclo ou módulo subseqüente; Colaboração: Profª Leila Samadar, Renato Arakaki e alunos
Nas séries/módulos finais em quaisquer componentes do 2B1 (2º Sem/2010)
curriculares, incluídos os de módulo(s) anterior(es), cursados em
regime de progressão parcial.
Sobre a reserva e acesso aos laboratórios: Reclassificação
O aluno retido por aproveitamento e/ou freqüência poderá
Os Laboratórios funcionam durante os horários de aula.
requerer os benefícios da reclassificação até cinco dias úteis,
Para utilização do Laboratório, fora dos horários de aula, os contados a partir da publicação do resultado final do Conselho
de classe.
usuários devem formalizar solicitação por escrito, na Biblioteca,
e com antecedência;
Um funcionário do quadro técnico-administrativo se Matrícula

responsabilizará pelo acompanhamento e controle do uso, A matrícula inicial do aluno será efetuada mediante requerimento do pai
fazendo os registros que couberem, em ficha própria, para casos ou responsável ou do próprio candidato, quando maior de idade.
No ato da matrícula, o candidato deverá apresentar os documentos
de avaria em equipamentos ou quebra de normas disciplinares; exigidos pela escola.
Alunos que contribuíram com a APM têm uma cota de dez
A matrícula inicial (1º módulo) será confirmada no prazo de cinco dias
impressões por semestre.
letivos, a contar do início do módulo, ficando esta sujeita a
cancelamento no caso da falta consecutiva do aluno durante cinco
dias letivos nos primeiros 30 dias, sem justificativa. Será autorizada
a matrícula inicial, dos próximos candidatos da lista de classificação,
durante os primeiros trinta dias do período letivo, para preenchimento
das vagas remanescentes.

As matrículas serão efetuadas em época prevista no calendário


escolar
Não haverá matrícula condicional.

Atenção: Após os primeiros 30 dias (1º módulo) perderá o direito à


vaga o aluno evadido da escola que não formalizar por escrito sua
desistência, por meio de trancamento de matrícula, em até 15 dias
consecutivos de ausência, independente da época em que ocorrer
(2º e 3º módulos).
Trancamento de matrícula

O trancamento de matrícula será admitido, a critério da Direção da UE,


ouvido o Conselho de Classe, uma vez apenas por módulo, ficando o
retorno do aluno condicionado:

à existência do curso, do ciclo ou módulo, no período letivo e


turno pretendidos; e
ao cumprimento de eventuais alterações ocorridas no currículo.

Aproveitamento de Estudos

O aluno retido em qualquer módulo ou ciclo da educação profissional e


do ensino médio poderá optar por cursar, no semestre ou ano seguinte, Normas para utilização do Laboratório de Informática
apenas os componentes curriculares em que foi retido, ficando
dispensado daqueles em que obteve promoção; Os Laboratórios da Etec “Dona Escolástica Rosa” são de uso exclusivo
dos professores, alunos e funcionários da instituição.
Os componentes curriculares cursados na própria escola ou em outras
escolas, concluídos com êxito e devidamente comprovados, poderão ser No Laboratório de Informática é proibido:
aproveitados total ou parcialmente, mediante análise e avaliação do
conteúdo e da carga horária cumpridas; utilização do laboratório em horários destinados às aulas de
outra turma que não a do usuário;
O aproveitamento de estudos realizados fora do sistema formal de
ensino será feito mediante avaliação das competências por comissão de perturbação da ordem e do bom andamento dos trabalhos
professores, designada pela Direção, da qual fará parte obrigatoriamente
durante as aulas ou horários de uso geral, utilizando-se de
o professor da disciplina;
Fique atento ao calendário escolar para não perder os prazos. aparelhos sonoros, brincadeiras inoportunas ou linguagem não
Outras informações importantes: compatível com o ambiente escolar;
A carteira de estudante é de apresentação obrigatória para o abrir ou remover qualquer tipo de equipamento;
aluno entrar na escola, assim como para utilizar os seus
entrar no Laboratório com qualquer tipo de alimento ou bebida;
espaços: Biblioteca, Laboratórios.
O estacionamento é de uso exclusivo de professores e sentar-se sobre as bancadas, bem como colocar os pés sobre
funcionários. Motos e bicicletas dos alunos podem ser
as mesmas ou sobre as cadeiras;
guardadas no pátio, mas a escola não se responsabiliza por
danos e furtos. alterar as configurações dos programas instalados nos
Não há tolerância de atraso. Procure a Secretaria Acadêmica se
computadores;
chegar atrasado.
Se precisar sair antecipadamente, dirija-se à Secretaria o uso do acesso à internet para fins não relacionados com as
Acadêmica para devida autorização.
atividades educacionais, tais como sites de diversão e
pornográficos, bate papos e jogos de qualquer natureza.
Olhe nos olhos da banca e da platéia. Demonstre segurança, DIREITOS DOS ALUNOS
energia e vontade;
Vista-se de acordo com a ocasião, mas não há necessidade de Ter acesso e participação nas atividades escolares, incluindo as
roupas formais; atividades extraclasse proporcionadas pela EU;
Se o avaliador fizer perguntas que não sabe responder, não tente
Ser informado, no início do ciclo, dos objetivos e das
enganá-lo, nem entre em atrito. Diga apenas que o assunto não foi
abordado no trabalho. competências a serem trabalhadas de cada componente curricular;
Receber orientação tanto educacional como pedagógica,
7º - COMO SERÁ AVALIADO O SEU TRABALHO
individualmente ou em grupo;
Trabalho escrito - Critérios Ser respeitado e valorizado em sua individualidade, sem
Pertinência e atualidade do tema; comparações ou preferências;
Relevância das informações; Apresentar suas reclamações e pedidos;
Resolução de problemas;
Coerência e consistência teórico-metodológica; Recorrer à Direção e à Coordenação para resolver as eventuais
Pesquisa cuidadosa; dificuldades que encontrar na solução de problemas relativos à sua
Nível de abrangência: profundidade, originalidade e vida escolar, como: aproveitamento, ajustamento à comunidade e
aplicabilidade; cumprimento dos deveres;
Argumentação e reflexão criteriosas;
Utilização de termos técnicos e da modalidade padrão da língua Recorrer dos resultados da avaliação de seu rendimento, nos
portuguesa; termos previstos pela legislação, nos 05 dias subsequentes;
Elementos visuais (gráficos, tabelas, quadros, figuras, fotos) Ter garantida a avaliação de sua aprendizagem, de acordo com
pertinentes, oportunos, identificados e referenciados;
a legislação;
Formatação do trabalho.
Fica assegurada aos alunos a liberdades de expressão.
Apresentação Oral - Critérios Aluno Adventista: solicitar benefícios da Lei 12 142/05, no início
Domínio do conteúdo;
de cada semestre seletivo;
Problema bem delimitado e coerente com os objetivos;
Método bem definido, com as fases de pesquisa sintetizadas e Aluno Enfermo ou Gestante: requerer as condições especiais de
claras; atividades escolares, quando seu estado de saúde as recomende ou
Resultados, discussão e conclusão coerentes entre si e com o à estudante em estado de gestação.
problema proposto;
Aplicabilidade no mercado;
DEVERES DOS ALUNOS
Grau de inovação, originalidade;
Conhecer e cumprir o Regimento Escolar e outras normas e
Segurança e conhecimento nas respostas às perguntas
realizadas; regulamentos vigentes na escola;
Postura e Expressão vocal: dicção e linguagem; Comparecer pontualmente e assiduamente às aulas e atividades
Recursos multimídia. escolares programadas, empenhando-se no êxito de sua execução;
Em caso de dúvidas, procure sempre o coordenador do curso Respeitar os colegas, os professores e demais servidores da
ou o orientador. escola;
Cooperar e zelar na conservação do patrimônio da escola, 4º - O QUE FAZER NO PROCESSO DE PESQUISA
concorrendo também para que se mantenha a higiene e a limpeza em
Seja cauteloso para não se perder diante de tantas informações;
todas as dependências;
Comece de um desafio prático: qual o problema que você está
Trajar-se adequadamente em qualquer dependência da escola, resolvendo?
de modo a manter-se o respeito mútuo e a atender às normas de Fuja de fontes óbvias e duvidosas;
higiene e segurança pessoal e coletiva. Enriqueça o processo com pesquisas de campo;
Participe de visitas técnicas, palestras, feiras, vídeos;
Tome nota dos principais pontos de cada uma das referências
bibliográficas;
Uma questão de cidadania... Procure trabalhos de excelência para referência;
Saiba receber críticas. Nem sempre é possível fazer o que a gente
Segundo a Constituição Federal, todos são iguais perante a lei, sem quer;
distinção de qualquer natureza. A Carta diz, também, que constituem Esteja sempre presente e atento às orientações.
princípios fundamentais da Republica Federativa do Brasil o de
promover o bem comum, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, 5º - PARA REDIGIR O TCC
idade ou quaisquer outras formas de discriminação.
Resuma ou fiche todos os artigos e livros lidos, organizando assim
Racismo é crime inafiançável e imprescritível. (Art. 5. º, XLII, CF). as principais idéias que devem constar no texto;
Portfólio e diário de bordo também são ferramentas bastante
interessantes a serem usadas;
Respeite as diferenças, sem Depois da leitura e estudo dos materiais pesquisados, tire suas
próprias conclusões, sem abusar de citações;
discriminação nem preconceito. Não reproduza trechos de obras consultadas;
Cuidado com erros gramaticais e de ortografia;
Tenha o cuidado de creditar todas as citações para que a falha não
seja interpretada como plágio;
Siga as Normas da ABNT.

6º - COMO SE PREPARAR PARA A BANCA

Releia o trabalho dias antes da apresentação para lembrar todos os


pontos abordados. Ter domínio sobre o conteúdo dá segurança ao
aluno;
Ensaie a apresentação várias vezes e peça a alguém que assista.
As explicações devem ser entendidas mesmo por quem não tem
conhecimentos da área;
Durante os ensaios, calcule o tempo para saber se precisa diminuir
ou incluir novos tópicos na apresentação.

Durante a apresentação:
Evite gírias. Cuide do vocabulário;
Seja objetivo e conciso;
Utilize recursos visuais;
DICAS PARA ELABORAR O TCC
Horário de funcionamento
1º - CONHEÇA O REGULAMENTO
Manhã: 09h00min às 12h30min
Leia com atenção o Manual de Normas para TCC da escola. Ele Tarde: 14h00min às 16h20min
define, padroniza e traz as recomendações para a elaboração do Noite: 19h00min às 21h30min
TCC;
Não se baseie no manual de outros cursos ou instituições. Cada
unidade de ensino segue um padrão próprio;
Siga à risca todas as regras estabelecidas. Se tiver dúvidas, ou algo Prazos de documentos
não estiver claro, questione o seu orientador;
Certificado Modular: 30 dias
Fique atento aos prazos. Anote todas as datas importantes e cumpra
o cronograma proposto pela escola. Conteúdo Programático: 3 dias
2º - COMO ESCOLHER O GRUPO Declaração Escolar: 3 dias
Diploma: 60 dias
Procure pessoas com quem você tenha afinidade, mas não leve em
conta apenas a amizade. Considere também o perfil e a postura de Histórico Escolar: 30 dias
seus colegas;
Histórico de Transferência: 3 dias
Converse com os seus colegas sobre o trabalho e descubra qual
será o comprometimento deles com a pesquisa; Transferência de Unidade: Verificar
Para saber como os integrantes do seu grupo vão se dedicar ao disponibilidade de vaga na Etec escolhida, e
TCC, observe como se dedicaram aos trabalhos regulares do curso; solicitar a transferência nesta unidade.
Considere o tema e a modalidade do trabalho para escolher pessoas
que tenham interesses comuns. Transferência de Período: A partir do 2º módulo
com declaração de trabalho em papel timbrado
3º - COMO DEFINIR O TEMA devidamente carimbada com CNPJ da empresa.

Escolha um tema que lhe agrade. Mas lembre que não basta gostar
do assunto, também é preciso ser capaz de desenvolvê-lo; Sugestões e Reclamações
A temática é de livre escolha do aluno/grupo, mas precisa estar
contida no âmbito das atribuições profissionais da categoria;
Preencher Requerimento próprio na Secretaria
Ao definir o tema leve em conta: pertinência, relevância, recursos,
viabilidade;
Pondere o fator econômico, determinados trabalhos podem ter um
custo alto;
Depois de definir o tema, faça um recorte mais específico para ser o
seu objeto de estudo. O tempo de pesquisa é muito curto para que
o TCC seja abrangente demais;
Investigue a disponibilidade do material teórico sobre o tema.
ADMINISTRAÇÃO Instrumentos de Avaliação
Pesquisa e Apresentação
Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Sinopses de consultas bibliográficas
Portifólio
O Técnico em Administração é o profissional que controla a rotina Relatório
administrativa das empresas. Colabora nos planejamentos estratégico, Produção final do TCC
tático e operacional. Realiza atividades em recursos humanos e Apreciação da exposição oral
intermedeia mão-de-obra para colocação e para recolocação
profissional. Atua na área de compras; auxilia no setor contábil e
assessora a área de Vendas. Intercambia mercadorias e serviços e
Inglês Instrumental - CH: 40
executa atividades nas áreas fiscal e financeira.
Bases tecnológicas
Possibilidades de atuação no Mercado de Trabalho - áreas da
Indústria, Comércio, Prestação de Serviços, em empresas em geral de 1.Conscientização sobre leitura e compreensão ( Skimming, scanning e
pequeno e médio portes. seletividade).
Facilitadores de leitura : prediction, cognates, Repeated words,
Temas a serem abordados em sua formação - Organização typographical evidences and use of dictionary – Texts for
empresarial. Matemática financeira. Legislação trabalhista, tributária e comprehension.
empresarial. Arquivamento. Rotinas trabalhistas, financeiras e contábeis. Fundamentos da tradução técnica
Métodos e técnicas administrativas. Redação oficial. Terminologia básica da área técnica
2. Simple Present Tense (active and passive)
Competências gerais: 3. Simple Past Tense (active and passive)
Atuar com visão sistêmica da organização. 4. Contextual Reference. Texts for comprehension.
5. Word Formation: Suffixes. Texts for comprehension
Reconhecer e definir problemas, equacionar soluções, pensar 6. Word Formation: Prefixes. Texts for comprehension.
estrategicamente, introduzir modificações no processo produtivo, 7. Simple Future Tense
atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimentos e 8. Plural of nouns. Texts for comprehension
9. Comparison (Adjectives). Comparison of quantities (of the same type)
exercer, em diferentes graus de complexidade, o processo da using the conditional operators, as for example: <= smaller than or equal
tomada de decisão; to. Texts for comprehension
Desenvolver expressão e comunicação compatíveis com o 10. Comparison (Adverbs) .Texts for comprehension.
exercício profissional, inclusive nos processos de negociação e
Instrumentos de Avaliação
nas comunicações interpessoais ou intergrupais; Elaboração e prática oral de diálogos relativos à área administrativa e
Refletir e atuar criticamente sobre a esfera da produção, empresarial.
compreendendo sua posição e função na estrutura produtiva sob Resolução de exercícios.
Trabalhos em sala.
seu controle e gerenciamento;
Estudo de textos técnicos com Interpretação dos mesmos em código
Desenvolver raciocínio lógico, crítico e analítico para operar com verbal e não verbal.
valores e formulações matemáticas presentes nas relações Análise e discussão de textos técnicos /comerciais que contenham
contextos de negociação comercial com países estrangeiros.
formais e causais entre fenômenos produtivos, administrativos e
Produção de textos.
de controle, bem assim expressando-se de modo crítico e
Contrato social criativo diante dos diferentes contextos organizacionais e
Microempresa: conceito, enquadramento, legislação e sociais;
declaração
Ter iniciativa, criatividade, determinação, vontade política e
O nome comercial e a marca
As inscrições administrativa, vontade de aprender, abertura às mudanças e
Registros e autorizações diversas consciência da qualidade e das implicações éticas do seu
Aspectos tributários e trabalhistas exercício profissional;
Desenvolver capacidade de transferir conhecimentos da vida e
Instrumento(s) de Avaliação
Pesquisas da experiência cotidianas para o ambiente de trabalho e do seu
Leitura e compreensão de textos campo de atuação profissional, em diferentes modelos
Resolução de exercícios. organizacionais, revelando-se profissional adaptável;
Elaboração de questionários para pesquisa.
Desenvolver capacidade para elaborar, programar e consolidar
Apresentação de dados estatísticos.
Roteiro de um plano de negócios. projetos em organizações.
Observação do trabalho em equipe.
Resolução de exercícios e avaliação oral.
Relatórios
Estudo de casos CERTIFICAÇÕES
Debates
Seminário MÓDULO I - SEM CERTIFICAÇÃO
Prova escrita individual.
Prova escrita em grupo. MÓDULO I + II - QUALIFICAÇÃO TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO DE
ASSISTENTE ADMINISTRATIVO.

Desenvolvimento do TCC em Administração - CH: 60 MÓDULO I + II + III - HABILITAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL
MÉDIO DE TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO
Bases tecnológicas
1. Referencial teórico: pesquisa e compilação de dados, produções
científicas etc.
2. Construção de conceitos relativos ao tema do trabalho: definições,
terminologia, simbologia etc.
3. Definição dos procedimentos metodológicos
Cronograma de atividades
Fluxograma do processo
4. Dimensionamento dos recursos necessários
5. Identificação das fontes de recursos
6. Elaboração dos dados de pesquisa: seleção, codificação e tabulação
7. Análise dos dados: interpretação, explicação e especificação.
8. Técnicas para elaboração de relatórios, gráficos, histogramas.
9. Sistemas de gerenciamento de projeto
10. Formatação de trabalhos acadêmicos
Módulo I Demonstrações financeiras básicas.
Análise de índices.
Análise horizontal e vertical.
Linguagens, Trabalho e Tecnologia - CH: 40
Diagnóstico financeiro.
5. Planejamento financeiro e orçamento.
Bases tecnológicas 6. Importância do planejamento financeiro.
1. Estudos de textos técnicos /comerciais aplicados à área de 7. Elaboração de Orçamentos.
administração, através de: 8. Controle Orçamentário.
indicadores lingüísticos: 9. Reavaliação do orçamento empresarial.
a. Vocabulário 10. Riscos e taxas.
b. Morfologia
c. Sintaxe Instrumentos de Avaliação
d. Semântica Atividade de aproveitamento Individual sobre o conteúdo exposto
e. Grafia Interpretação de texto técnico.
f. Pontuação
g. Acentuação, etc.
indicadores extralingüísticos: Criação e Desenvolvimento de Empresas - CH: 100
a. Efeito de sentido e contextos sócio-culturais
b. Modelos preestabelecidos de produção de textos. Bases tecnológicas
2. Conceitos de coerência e de coesão aplicados à análise e a produção 1. Contexto sócio econômico e político:
de textos técnicos específicos da área de administração. Empregabilidade: o desafio do fim do emprego
a. Ofícios h. Carta-currículo A necessidade de uma nova mentalidade
b. Memorandos i. Currículum Vitae
Características do empreendedor
c. Comunicados j. Relatório técnico
As necessidades do empreendedor
d. Cartas k. Contrato
e. Avisos l. Memorial descritivo O empreendedor e suas habilidades
f. Declarações m. Técnicas de redação Os valores do empreendedor
g. Recibos 2. Empresa e Sociedade:
3. Parâmetros de níveis de formalidade e adequação de textos a A empresa de pequena dimensão
diversas circunstâncias de comunicação. A visão dos empresários e o processo evolutivo das empresas
4. Princípios de terminologia aplicados à área administração. O modelo funcional
5. Glossário com nomes e origens dos termos utilizados na área de A personalidade do empreendedor e o ciclo de vida das
gestão. empresas
6. Apresentação de trabalhos de pesquisa, orientações e normas A inter relações dos fatores de sucesso
lingüísticas para a elaboração do Trabalho de Conclusão do Curso. 3. Planejamento do Negócio:
O negócio
Instrumento(s) de Avaliação Metodologia de projeto de produto e serviço
Estudo de textos técnicos/ comerciais O valor agregado
Prova escrita individual Finanças e custos
Observação direta do desempenho do aluno Orçamentação
Produção de textos técnicos O plano de negócios
Trabalho de pesquisa e Apresentação 4. Constituição de Empresas:
Prova escrita em grupo Introdução e conceitos preliminares e passos para registrar
Representações e demonstrações práticas uma empresa
A forma jurídica das empresas
Instrumento(s) de Avaliação Aplicativos Informatizados na Administração - CH: 60
Estudo de textos técnicos em grupo
Prova escrita individual Bases tecnológicas
Observação direta do desempenho do aluno 1. Fundamentos de equipamentos de processamento de informações.
Elaboração de relatório 2. Fundamentos do Sistema Operacional Windows e dos aplicativos
Apresentação de trabalho em grupo do pacote Office: sistemas informatizados de textos, planilhas
Elaboração de planilhas eletrônicas e banco de dados.
Prova prática individual 3. Noções de alimentação de informações de sistemas para o
gerenciamento de atividades da área de administração.
4. Organização, seleção e análise dos dados na elaboração de
Gestão de Competências II - CH: 60 relatório da área de administração.
Bases tecnológicas 5. Gerenciamento eletrônico das Informações e atividades.
1. Saúde e Segurança no ambiente de trabalho:
Definições e conceitos; Instrumento(s) de Avaliação
Vantagens e Limitações; Atividades práticas
2. Benefícios sociais: ontem, hoje e as tendências. Exercícios práticos
3. Gestor de pessoas: seu papel e responsabilidades na transformação Prova teórica
da organização: Pesquisa
Atribuições do Gestor de Pessoas;
Gestão estratégica de Pessoas;
Processos de operações Contábeis - CH: 60
Modelos de ação estratégica;
Gestão de conflitos;
4. Habilidades profissionais a serem adquiridas: competência técnica, Bases tecnológicas
criatividade, ética e comprometimento. 1. Noções de contabilidade: conceito e aplicabilidade e formação de
patrimônio.
Instrumento(s) de Avaliação 2. Demonstrativos contábeis: atos e fatos.
Trabalho de pesquisa e apresentação. 3. Registro contábil: lançamentos, razonetes, partidas dobradas.
Avaliação escrita em grupo. 4. Plano de contas, estrutura de balancete e balanço patrimonial,
Leitura e interpretação em grupo do livro O Monge e o Executivo. conforme lei vigente.
Resolução de Estudos de Caso. 5. Estrutura da demonstração do resultado do exercício – DRE,
Simulação de situações fictícias conforme lei vigente – análise de resultados.
6. Análise dos demonstrativos contábeis.
7. Contabilidade e as estratégias empresariais: análise de dados,
tomadas de decisão.
Processos Financeiros e Orçamentários - CH: 60

Bases tecnológicas
Instrumento(s) de Avaliação
1. A administração empresarial como instrumentos da gestão financeiros Exercícios práticos desenvolvidos em sala de aula.
e orçamentários. Avaliação teórica.
2. Demonstração dos fluxos de caixa, calculo de taxas de juros, índices Avaliação prática.
de rentabilidade e de recuperação de capital investido. Exercício em sala de aula e laboratório.
3. Conceitos / fundamentos: Observação direta do desempenho do aluno e da equipe.
Prova escrita individual
Relatórios por atividades: recebimentos e pagamentos, capital
de giro (investimentos e financiamentos).
4. Análise financeira:
Métodos Quantitativos Aplicados à Administração - CH: 100 Instrumento(s) de Avaliação
Bases tecnológicas Estudo de textos técnicos em grupo
1. Relações e funções Prova escrita individual
2. Gráficos e tabelas Observação direta do desempenho do aluno
3. Juros, capitalização, descontos simples e descontos compostos Elaboração de relatório
4. Série de Pagamentos Apresentação de trabalho em grupo
5. Sistemas de Amortização Elaboração de projeto, com apresentação de relatório em grupo.
6. Gráficos e distribuição de freqüências
7. Medidas associativas a variáveis quantitativas e qualitativas
8. Diagrama de dispersão e medidas de correlação Gestão de Marketing II - CH: 60
9. Estudo da Probabilidade
10. Inferência Estatística Bases tecnológicas
11. Curva Normal (Gauss) 1. O Marketing e a nova economia.
12. Intervalos de confiança Desafios e oportunidades de Mercado.
Instrumentos de Avaliação 2. Principais atividades e decisões de Marketing:
Exercícios realizados em sala de aula Planejamento Estratégico – Plano de Marketing
Trabalho em grupo. Desenvolvimento
Seminários Implementação
Debates sobre assuntos abordados em sala de aula. Controle
Avaliação escrita individual. 3. Ética e responsabilidade social em Marketing
Trabalhos individuais.
Relatórios sobre gráficos. Instrumentos de Avaliação
Estudos em grupo Debates e resolução de situações-problema.
Análise de situações reais / Relatórios Exposição de resultados de pesquisa sobre Perfil do Consumidor.
Avaliação e análise de resultado de pesquisa e análise do ambiente
de marketing.
Gestão Empresarial I - CH: 100 Execução do plano de marketing.
Bases tecnológicas Apresentação de dados coletados em pesquisa.
1. Teorias administrativas do século XX princípios e conceitos. Levantamento de dados disponíveis na Internet.
2. História da administração e revolução industrial.
3. O estudo das teorias de administração: Taylor, Fayol, Weber, Mayo,
Ford, Maslow, Teoria Estruturalista, Teoria sistêmica, Teoria Sistemas de informações Gerenciais - CH: 40
contingencial, Teoria neoclássica.
Bases tecnológicas
4. A evolução das teorias administrativas versus a evolução do
1. Informações Gerenciais.
ambiente.
2. Tipos e usos das informações.
5. Estágio atual e perspectivas futuras das teorias administrativas.
3. Tratamento das informações x atividades afins.
6. Escola Japonesa e conceitos de qualidade.
4. Sistemas de informações de suporte às decisões empresariais.
Instrumento(s) de Avaliação 5. Sistemas especialistas.
Trabalho escrito e oral evidenciando as teorias; 6. Sistemas de informação e processos sistêmicos.
Aplicação de estudo de casos. 7. Configuração organizacional e sistemas de informação.
Avaliação escrita individual. 8. Tópicos em gerenciamento dos sistemas: integração, segurança,
Avaliação prática e teórica. controle.
Pesquisa e apresentação de trabalho em equipe 9. Aplicativos informatizados de processamento de textos, planilhas
eletrônicas e bancos de dados.
Módulo III Psicologia Organizacional- CH: 40
Bases tecnológicas
Administração da Produção - CH: 40 1. Ser humano: um ser multideterminado bio-psico e social.
Bases tecnológicas 2. Desenvolvimento da personalidade e processo de subjetivação do
1. Conceitos e estrutura da Administração da Produção homem.
2. Sistemas de Produção 3. O homem e o mundo do trabalho.
3. Planejamento e Controle da Produção 4. Cultura e Clima Organizacional.
4. Desenvolvimento de novos produtos 5. O Eu e o Outro nas relações de trabalho.
5. Modelos de Administração da Produção (primária, secundária e 6. A importância do feedback nas relações interpessoais.
terciária): 7. Grupos de trabalho.
8. Equipes de trabalho.
Manutenção dos equipamentos (preventiva e preditiva).
9. Gestão de conflitos.
6. Modelos de Qualidade (Índices de Desempenho, Balanceamento,
novas tecnologias) Instrumentos de Avaliação
7. Análise dos Processos de Produção Atividade de aproveitamento Individual sobre o conteúdo exposto
Interpretação de texto técnico.
Instrumento(s) de Avaliação
Estudo de textos técnicos em grupo Ética e Cidadania Organizacional- CH: 40
Prova escrita individual
Bases tecnológicas
Observação direta do desempenho do aluno
1. O Homem - Principais visões sobre a origem humana: o
Elaboração de relatório
evolucionismo e o debate das determinações biológicas versus
Apresentação de trabalho em grupo
processo cultural. O conceito de cultura através da história.
Elaboração de projeto, com apresentação de relatório em grupo.
2. O significado do termo cultura: senso comum e científico; a
simbolização da vida social, a diversidade cultural e as culturas
nacionais. A Antropologia e o estudo da cultura.
Gestão de Logística - CH: 40
3. As principais características da cultura como visão de mundo:
herança cultural e formas de compreender o mundo, a participação
Bases tecnológicas dos indivíduos na cultura.
1. Fundamentos e técnicas de Logística, aplicados ao armazenamento e 4. A diversidade cultural: etnocentrismo e relativismo cultural.
à distribuição física de mercadorias. 5. A cultura na sociedade atual: nacionalidade, cultura popular e
2. Armazenamento e distribuição interna de produtos e o público alvo a erudita; meios de comunicação; poder e cultura.
que se destina. 6. Identidade cultural na atualidade: multiculturalismo, tribalismo urbano
3. Características dos tipos de embalagens mais utilizados e e pesquisa antropológica.
relacionados com as características físicas e técnicas de produtos. 7. Conceito e fundamentos da Ética Geral.
4. Expedição de mercadorias: meios de transporte, embalagem e 8. Código de Ética da Área da Gestão / Administração e suas normas
etiquetagem, processo de preparação de pedidos. empresariais.
5. Métodos e técnicas para definição de estoques mínimos, preços de 9. Importância da ética nas atividades humanas.
produtos estocados, custos de transporte e armazenamento, controles 10. O Código de defesa do consumidor.
de mercadorias, controles de distribuição e expedição.
Instrumentos de Avaliação
6. Diferentes tipos de codificação comercial.
Pesquisa e Apresentação
Simulações através de situações fictícias
Avaliação escrita individual
Seminário
Avaliação escrita em grupo
Estudo de caso
Sistemas Econômicos - CH: 60 Instrumento(s) de Avaliação
Bases tecnológicas Exercícios práticos desenvolvidos em sala de aula.
1. A natureza do problema econômico (recursos escassos, Avaliação teórica.
necessidades ilimitadas, bens, fluxos fundamentais). Exercício em sala de aula e laboratório.
2. Questões centrais da economia. Avaliação prática.
3. Sistemas econômicos. Observação direta do desempenho do aluno e da equipe.
4. A sociedade de mercado. Avaliação escrita individual
5. As mudanças.
6. A configuração dos fatores de produção, trabalho, terra e capital.
7. Ascensão do “motivo de lucro”, “filosofia” do comércio e o Planejamento de TCC em Administração - CH: 40
mecanismo de mercado. Bases tecnológicas
8. A estrutura do mercado. 1. Estudo do cenário da área profissional
9. Uma visão histórica. Características do setor (macro e micro regiões)
10. Os modelos de estrutura de mercado.
Avanços tecnológicos
11. Oferta, a demanda e o mercado
Ciclo de Vida do setor
12. O equilíbrio de mercado.
13. O excedente do consumidor. Demandas e tendências futuras da área profissional
14. O excedente do produtor. Identificação de lacunas (demandas não atendidas plenamente) e
15. A eficiência de mercado. de situações-problema do setor.
16. A elasticidade-preço da demanda. 2. Identificação e definição de temas para o TCC
17. A elasticidade e sua relação com a explicação dos fenômenos Análise das propostas de temas segundo os critérios:
econômicos. -Sistema inflacionário. pertinência, relevância e viabilidade.
3. Definição do cronograma de trabalho
Instrumentos de Avaliação 4. Técnicas de pesquisa:
Atividade de aproveitamento Individual sobre o conteúdo exposto Documentação Indireta (pesquisa documental e pesquisa
Interpretação de texto técnico. bibliográfica)
Técnicas de fichamento de obras técnicas e científicas
Documentação Direta (pesquisa de campo, de laboratório,
observação, entrevista e questionário)
Módulo II Técnicas de estruturação de instrumentos de pesquisa de
campo (questionários, entrevistas, formulários etc.)
Administração Jurídica - CH: 60 5. Problematização
Bases tecnológicas 6. Construção de hipóteses
1. Direito civil: 7. Objetivos: geral e específicos (Para quê? e Para quem?)
a. Pessoas Físicas e Jurídicas; 8. Justificativa (Por quê?)
b. Obrigações;
c. Noções e modalidades de contratos. Instrumento(s) de Avaliação
2. Direito público: Pesquisa e Apresentação
a. Administração Pública Relatório de Visita técnica
3. Direito tributário Estudos em grupo
a. Tipos e Competências; Seminário
b. Legislação Tributária por segmento específico. Relatório de trabalho de campo
4. Direito trabalhista: Sinopses de consultas bibliográficas
a. Direitos e Deveres dos empregados e empregadores. Avaliação escrita em grupo
6. Direito do consumidor. Portifólio
9. O comportamento do consumidor. Instrumento(s) de Avaliação
10. Identificação de segmentos de mercado e seleção de mercador alvo. Pesquisa e Apresentação
Resolução de exercícios.
Instrumento(s) de Avaliação Trabalho em grupo
Estudo de caso Dissertação sobre o papel dos três Poderes
Resolução de exercícios Avaliação escrita individual
Pesquisa e Apresentação Resolução de exercícios sobre cálculos tributários.
Relatório Relatório
Análise e discussão de textos
Avaliação escrita individual
bservação direta Gestão Ambiental - CH: 40
Bases tecnológicas
1. A revolução verde e seus efeitos sobre o meio-ambiente.
Processos de Operações Contábeis II - CH: 40 2. A evolução da legislação ambiental.
3. As possibilidades e fronteiras do desenvolvimento sustentável.
Bases tecnológicas 4. A gestão ambiental nas empresas produtora de bens e serviços:
1. Custos: controle de inspeção, medição e ensaio;
a. Conceito 5. Auditoria interna da qualidade
b. Termologia. 6. Métodos e técnicas de produção limpa.
2. Princípios aplicados a custos. 7. A qualidade de produtos ecológicos.
3. Classificação dos custos: 8. O marketing verde.
a. Custo direto, indireto e integral 9. ISO 14.000
b.Custo fixo, variável e misto
c. Distinção entre custo e despesa Instrumentos de Avaliação
4. Critérios de avaliação de materiais: Leitura e interpretação de texto
a. Peps, Pesquisa em revistas, sites, etc.
b. Ueps Trabalho em grupo
c. Custo médio Atividades em classe
5. Sistemas de Custeio: Pesquisa sobre leis ambientais
a. Custo por absorção Participação em classe, relacionamento interpessoal,
b. Custo padrão, responsabilidade e empenho na execução das tarefas.
c. Custo departamental e custo ABC Elaboração de relatórios
d. Custeio Variável Projeto que envolva a minimização de resíduos
e. Curva ABC Clareza na execução dos trabalhos
6. Critérios de avaliação de estoque: Elaborar planilhas e relatórios sobre os impactos ambientais das
a. Inventário permanente empresas
b. Inventário periódico Avaliação escrita
7. Ponto de Equilíbrio:
a. Econômico
b. Financeiro Administração de Materiais - CH: 60
c. Contábil.
8. Formação do preço de venda. Bases tecnológicas
1. Evolução e conceitos na Administração de materiais.
2. Funções e objetivo da administração de materiais.
3. Administração de compras.
4. Movimentação e armazenamento de materiais. Gestão de Competências I - CH: 60
5. Fontes de fornecimento. Bases Tecnológicas
6. Administração de matéria e privado e publico. 1. Gestão baseada em Competências: Evolução e Estágio Atual:
7. Gestão de estoque: 2. Histórico de Gestão de Pessoas e Relações de Trabalho.
a. Fundamentos básicos; 3. Gestão de Pessoas baseada em competências:
b. Classificação dos estoques; 4. Definição de competência.
c. Inventário, sistemas de controle dos materiais. 5. Modelos de ação.
8. Seguros: Tipos, aplicabilidade e elementos básicos. 6. Subsistemas de Gestão de Pessoas baseada em Competências:
Instrumento(s) de Avaliação 7. Recrutamento e Seleção (R&S);
Estudo de textos técnicos em grupo 8. Rotinas de Departamento de Pessoal;
Prova escrita individual 9. Cargos e Salários (C&S);
Observação direta do desempenho do aluno 10. Treinamento e Desenvolvimento (T&D);
Elaboração de relatório 11. Plano de Carreiras (PC);
Apresentação de trabalho em grupo 12. Avaliação de desempenho (AD);
Elaboração de projeto, com apresentação de relatório em grupo. 13. Benefícios Sociais.

Instrumento(s) de Avaliação
Gestão de Marketing I - CH: 100 Pesquisa e trabalho escrito
Bases Tecnológicas Pesquisa para levantar os diversos tipos de recrutamento: interno,
1. Fundamentos do Mix de Marketing (Os 4 PS) externo e misto.
2. Análise do Ambiente de Marketing: Micro ambiente e Macro Relatório
ambiente; Noções de variáveis controláveis e incontroláveis; Avaliação prática através de exercícios de cálculos trabalhistas.
Definição de Mercados. Pesquisa sobre os diversos tipos de treinamento e as universidades
3. SIM-Sistema de Informação em Marketing; O briefing. corporativas.
4. Métodos e técnicas para elaboração de questionários, pautas e Avaliação prática / Relatório
entrevistas, pautas para dinâmicas de grupos. Seminário
5. Noções de pesquisa de mercado (conceito, exigências,
aplicabilidade, estratégias, ambiente, sociedade e ética)
6. Processo de coleta de dados econômicos e de mercado. Gestão Empresarial II - CH: 100
7. Métodos e técnicas de pesquisa em fontes impressas ou Bases tecnológicas
disponíveis por outros meios, e de pesquisa de campo. 1. Estratégias Gerenciais Contemporâneas
8. Sistemas e métodos de organização do estudo e trabalho de 2. Transformação das estratégias competitivas em estratégias
pesquisa. operacionais para os diferentes de organização e/ou áreas
9. Os Mercados e o comportamento do consumidor: segmentação organizacionais
de mercados, determinantes do comportamento do consumidor 3. Alinhamento do negócio com a estratégia definida.
10. Seleção do Mercado-Alvo. 4. Estratégias para diferentes organizações.
5. Ferramentas de operacionalização das Estratégias:
Instrumentos de Avaliação a. Definição de metas
Trabalho / Debate e resolução de situações-problema. b. Opções estratégicas
Exposição do resultado de pesquisa e análise do ambiente de marketing. c. Planos de ação
Pesquisa e apresentação de dados coletados. 6. Globalização e seus impactos socioeconômicos
Realização de pesquisas de mercado. Estudo de caso. 7. Administração de serviços na nova economia
Pesquisa: Coleta de dados em fontes secundárias. e relacionamento com clientes e fornecedores
Exposição de resultados de pesquisa sobre Perfil do Consumidor. (cliente interno e externo)
Debates e resolução de situações-problema. 8. Terceiro setor e responsabilidade social.