Anda di halaman 1dari 1

Escola Secundria com 3 C.E.B.

de Matias Aires Ano lectivo: 2011/2012 Ano de Escolaridade: 12 ano Disciplina: Histria A

Portugal no 1 ps-guerra
Dificuldades econmicas e a instabilidade poltica e social; a falncia da 1 Repblica: Estrutura concetual Parlamentarismo O Parlamento tinha um peso excessivo na governao e na definio dos rgos de poder como o Presidente da Repblica Desde os primeiros anos o regime republicano viveu em estado de permanente agitao. A instabilidade poltica da 1 Repblica deveu-se a Laicizao do Estado, anticlericalismo republicano que atravs da aprovao da Lei da Separao do Estado e da Igreja e das medidas tomadas nos primeiros anos contra a Igreja e o clero, hostilizaram no s a classe clerical mas tambm grande parte da populao que era catlica. Participao na 1 Guerra Mundial provocou grave crise econmica e financeira com
Falta de bens e racionamentos, especulao e aambarcamentos Queda de produo industrial Falta de abastecimentos nos centros urbanos provocando subida de preos e aumento de importaes e dfice comercial Aumento da divida pblica provocando subida de impostos Desvalorizaes monetrias

Instabilidade poltica:

Descontentamento social:

Levantamentos militares monrquicos conservadores.

de e

Aparecimento de ditaduras: Pimenta de Castro e Sidnio Pais.

Em clima social to desfavorvel e com dificuldades financeiras to profundas, a sada para a crise foi a ditadura Militar instaurada em 28 de Maio de 1926.

Igreja apoiou a formao do Centro Catlico Portugus.

Operariado sindicalistas cometeram, greves, actos de terrorismo e de violncia urbana.

Industriais, proprietrios e capitalistas criaram Confederao Patronal e anarco