Anda di halaman 1dari 2

___________

___________ ALVES ADVOCACIA 1 Iris Alves – Advogado OAB/MG 113617 Bonfinópolis de Minas(MG ) - Av.

ALVES ADVOCACIA

1

Iris Alves – Advogado OAB/MG 113617 Bonfinópolis de Minas(MG) - Av. Ozias Gomes

de Souza, 435, Jd. Cinelândia, , Tel.: (38) 3675-

E mail:

1150

irisadvogado@yahoo.com.br

__________________________________________________________________________________________________________

EXMA. SRA. DOUTORA JUIZA DE DIREITO DA COMARCA DE BONFINOPOLIS DE MINAS/MG

Referência:

Processo nº: 0082.08.006900-6

Autor: MARIA APARECIDA FONSECA Requerido: INSS Natureza:Ação Previdenciária (aposentadoria por invalidez)

MARIA APARECIDA FONSECA já qualificada nos autos acima identificados, por intermédio do Procurador Judicial que esta
MARIA APARECIDA FONSECA já qualificada nos
autos acima identificados, por intermédio do Procurador Judicial que esta
subscreve, vem, atendendo intimação de fls. 94/verso, IMPUGNAR A
CONTESTAÇÃO , fazendo-o mediante o seguinte:
Em tese de contestação, a contestante não alega
nenhuma preliminar, apenas contesta o mérito, onde, no que diz respeito
ao beneficio de auxilio-doença, admite que a autarquia contestante já
havia reconhecido a doença da Autora e lhe concedido o beneficio que só foi
CESSADO pelo fato de que a Autora haveria RECOBRADO a sua capacidade
para o desempenho das atividades habituais exercidas.

Argumenta ainda que inexiste vícios a serem sanados na esfera administrativa e que a pretensão da Autora de se conseguir a aposentadoria por invalidez não merece ser acolhido tendo em vista que para se conseguir tal beneficio, pressupõe a existência de doença que retire do segurado qualquer possibilidade de exercer algum tipo da atividade profissional que lhe garanta a subsistência, afigurando-se inviável até a mesmo a sua iserção em programa de reabilitação profissional.

Por fim requereu que a pretensão da Autora seja julgada improcedente, e, na eventualidade da ação ser julgada procedente,

___________

___________ ALVES ADVOCACIA 2 Iris Alves – Advogado OAB/MG 113617 Bonfinópolis de Minas(MG ) - Av.

ALVES ADVOCACIA

2

Iris Alves – Advogado OAB/MG 113617 Bonfinópolis de Minas(MG) - Av. Ozias Gomes

de Souza, 435, Jd. Cinelândia, , Tel.: (38) 3675-

E mail:

1150

irisadvogado@yahoo.com.br

__________________________________________________________________________________________________________

que a data da implantação do beneficio se dê a partir da juntada aos autos da perícia médica.

IMPUGNA-SE, pois, todos os argumentos da contestante, uma vez que a tese apresentada como contestação não deve prevalecer, tendo em vista que a Autora comprovou, através de documentos médicos que a doença da qual é portadora, e que originou a concessão do beneficio de auxilio-doença, CONTINUA e com acréscimo de que a mesma EVOLUIU.

O

correto e previsto na LEGISLAÇÃO

é

que

a

autarquia ré, ao invés de CESSAR o benefício de auxilio-doença, deveria ter transformado o beneficio de auxilio-doença em aposentadoria por invalidez.

Os documentos juntados na inicial provam que a doença da qual a Autora é portadora, são
Os documentos juntados na inicial provam que a
doença da qual a Autora é portadora, são doenças incapacitantes e que a
mesma, mesmo após a cessação do beneficio, ainda continua com as
mesmas doenças. Inclusive, vale salientar que as doenças da qual a Autora
é portadora são INCURÁVEIS e INCAPACITANTES de forma definitiva.
DIANTE DO EXPOSTO, estando impugnado os
argumentos da peça contestatória, requer a V. Excia., que a presente ação
seja julgada procedente nos termos requeridos na inicial.
Termos em que,
Pede e espera deferimento.
Bonfinópolis de Minas, aos 25/novembro/2008
Iris Alves de Souza
Advogado OAB/MG 113617