Anda di halaman 1dari 36

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

A Mulher Hiper-real e Outras Mulheres no

Imaginário e no

Corpo Feminino Trans

Jaqueline Gomes de Jesus

Doutora em Psicologia Social, do

Trabalho e das Organizações pela Universidade de Brasília UnB e Pesquisadora do Laboratório de

Trabalho, Diversidade e Identidade LTDI/UnB

Identidades de Gênero

“Sou Homem”, “Sou Mulher”.

Cisgêneros: sintonia sexo e gênero (crença social) Transgêneros: sem sintonia sexo e gênero (contingência) - mostram que a crença não funciona sempre

Homens/Mulheres “biológicos” → cisgênero

Homens/Mulheres transexuais → transgênero

Possibilidades: “Sou homem”, “Sou mulher”, “Sou homem e mulher”, “Não sou nada disso”.

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

• Drag queens / Drag kings • Travestis • Crossdressers • Transexuais Dra. Jaqueline Gomes de

Drag queens / Drag kings

Travestis

Crossdressers

Transexuais

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

• Atores performáticos - “Transformistas” • Inversão temporária de gênero • Diversão e entretenimento Rodrigo Faro,
• Atores performáticos - “Transformistas” • Inversão temporária de gênero • Diversão e entretenimento Rodrigo Faro,
• Atores performáticos - “Transformistas” • Inversão temporária de gênero • Diversão e entretenimento Rodrigo Faro,
• Atores performáticos - “Transformistas” • Inversão temporária de gênero • Diversão e entretenimento Rodrigo Faro,

Atores performáticos - “Transformistas” Inversão temporária de gênero Diversão e entretenimento

Rodrigo Faro, apresentador,

como Priscila, a

Rainha do Deserto

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

• Vivenciam diferentes papéis de gênero mas não se reconhecem como homens ou como mulheres, entendendo-se
• Vivenciam diferentes papéis de gênero mas não se reconhecem como homens ou como mulheres, entendendo-se

Vivenciam diferentes papéis de gênero mas não se reconhecem como homens ou como mulheres, entendendo-se como membros de um terceiro gênero ou de um não-gênero

Tratamento feminino Adequação corporal não inclui transgenitalização

Andréia Albertine,

profissional do sexo

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

• Homens heterossexuais, geralmente casados • Privativo ou em grupos fechados • Esposas apoiadoras ou não
• Homens heterossexuais, geralmente casados • Privativo ou em grupos fechados • Esposas apoiadoras ou não

Homens heterossexuais, geralmente casados Privativo ou em grupos fechados Esposas apoiadoras ou não Vivência fetichista de gênero

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Laerte,

cartunista.

• Vivenciam diferentes papéis de gênero como homens ou como mulheres e se reconhecem como tais
• Vivenciam diferentes papéis de gênero como homens ou como mulheres e se reconhecem como tais

Vivenciam diferentes papéis de gênero como homens ou como mulheres e se reconhecem como tais Ao longo de toda a História e no mundo inteiro Atuais avanços médicos: fisiologia quase idêntica à de mulheres e homens cisgênero Adequação corporal não necessariamente inclui transgenitalização

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Mulher transexual é toda pessoa que busca o reconhecimento social e legal como mulher Lea T,
Mulher transexual é toda pessoa que busca o reconhecimento social e legal como mulher Lea T,

Mulher transexual é toda pessoa

que busca o reconhecimento social

e legal como mulher

Lea T,

(Bento, 2010)

modelo e estilista.

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Homem transexual é toda pessoa que busca o reconhecimento social e legal como homem (Bento, 2010)

Homem transexual é toda pessoa

que busca o reconhecimento

social e legal como homem

(Bento, 2010)

João W. Nery,

psicólogo e escritor.

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Homem transexual é toda pessoa que busca o reconhecimento social e legal como homem (Bento, 2010)

Embelezamento e Gênero

O embelezamento é uma prática historicamente associada à feminilização

A aparência das mulheres se torna um elemento central na sua identificação social, e até mesmo

na sua autoestima, mais do que para homens

Marcadores físicos de gênero como a aparência são considerados muito importantes tanto no

discurso social quanto no discurso pessoal de

pessoas transexuais

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Estrutura do Discurso Trans

Em um nível superficial, pessoas transexuais são mais interessadas em noções de masculinidade, feminilidade, masculino e feminino do que as pessoas que não são transexuais

Em um nível mais profundo, homens e mulheres

transexuais partilham com a sociedade em geral certas respostas implícitas com relação a sexo e

gênero, o que redunda na crença, por exemplo,

de que se você é psicologicamente uma mulher, seu corpo deveria se adequar a esse estado

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

“Passar”

Discurso de mulheres e homens trans brasileiros

Passar não é apenas “parecer”, está ligado ao

sentimento de ser reconhecido(a) como do gênero ao qual se sente pertencente

Para pessoas trans, passar alinha a identidade de gênero com a identidade social, permitindo à pessoa ser assimilada como homem ou mulher

Panorama de múltiplos modelos

Naturalização da ideia de uma mulher hiper-real

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

A MULHER HIPER-REAL

Mulher como signo sem relação com a realidade, porque não existe “a mulher”, existem mulheres

Geralmente sexualizada

Hiper-real é um signo que simula algo que nunca

existiu na realidade, é “a geração pelos modelos

de um real sem origem nem realidade”

(BAUDRILLARD, 1981, p. 8)

Imagem de uma mulher ideal que depende da visão de uma cultura sobre “a mulher certa” ou, como se diz vulgarmente, a “mulher de verdade”

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Mulher Hiper-Real

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Travestis no Brasil:

Estigmatização e Sexualização

O conceito de “transexual” é recente no Brasil,

diferentemente do de “travesti”, de séculos

Visão sobre as travestis: carnavalização, confusão com homossexualidade e prostituição

Identidade travesti: identificação com sexo comercial e obscenidade, espaços sujos e

perigosos das cidades

Elementos ainda presentes hoje e transferidos para a visão sobre o corpo das mulheres transexuais

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

A Dor da Beleza

Travestis, desejadas na condição de objetos, corpos à disposição de clientes

Microcultura das aparências, crença de que a beleza tem de doer, em prol da realização no

próprio corpo do ideal de uma mulher hiper-real

Ser bela, nessa realidade de exclusão e competitividade, significa, por um lado, ser

desejada pelos homens e, por outro, conquistar

um espaço maior que o de outras travestis, ser

“um pouco mais mulher” do que as outras

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Abjeção e Fascínio

Coccinelle, artista e cantora francesa, estrela da trupe oficial do “Carrousel de Paris”

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Confundindo e Revelando

Roberta Close, modelo e atriz

Thelma Lipp, modelo e atriz

Patrícia Araújo, modelo

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Ariadna, ex-BBB

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Mulher Hiper-Real nas Redes Trans

Facebook (comunidades trans):

Vc é muito linda, me add, bjus!!Desejo de afiliação em função da beleza

SERA QUE TODAS SAO MULHER? Rs QUEM É TRAVESTI nessa foto ai ?

e travesti não é mulher? TOSCO #SINCERIDADEDebates entre trans sobre identificação de gênero

Beleza tbm esta nas Negras

..

Um BeYxoo pra queem

e TravestiiNinguém se afiliou à negra. Ideal racista de mulher trans

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

VAMOS FALAR DE OUTRAS FEMINILIDADES Outras Mulheres, que não só a Hiper-real, no Imaginário e no Corpo Feminino Trans

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Candy Darling, atriz e musa de Andy Warhol

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Pascale Ourbih, atriz

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Laverne Cox, articulista, militante e atriz

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Lea T

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Candy Mel, cantora e vocalista da Banda Uó

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Amanda Simpson

Conselheira Sênior Técnica do Departamento de

Comércio dos Estados Unidos

Joan Roughgarden

Bióloga Evolucionista

Maria Luiza

Cabo Aposentada do Exército

Considerações Finais

Construção da aparência como renascimento para as pessoas trans

Desafios para as travestis:

Superar a subordinação de seus corpos aos desejos de homens

Superar o modelo da mulher-objeto

Necessidade para as mulheres transexuais de uma

eficácia simbólica em reproduzir tanto papéis

femininos sólidos quanto os estilhaçados e, quando desejarem, de subvertê-los

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Considerações Finais

“Assim como tecidos, silicone, bijuterias,

hormônios, também histórias de amor, de viagens e de infância convocadas para a construção de

uma mulher, que é corpo, que é forma de vestir,

mas que também é uma cabeça (mentalidade) e

uma história de vida” (SILVA, 2007, p. 196).

As pessoas trans só pode ser entendidas para além

dos estereótipos, e para tanto é necessário que não sejam apenas vistas, mas também ouvidas:

como qualquer ser humano, elas querem ser vistas E ouvidas.

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

PARA SABER MAIS SOBRE PRECONCEITO E ATRAÇÃO

INTERPESSOAL, consulte este livro:

Psicologia Social: principais temas e vertentes. Torres, C. V. & Neiva, E. R. (Orgs.). Porto Alegre: ArtMed, 2011.

Capítulo Preconceito, Estereótipo e Discriminação, de Pérez-Nebra, Amália R. & Jesus, Jaqueline G.; e

Capítulo Atração e Repulsa Interpessoal, de Jesus, Jaqueline G.

Terceiro Lugar no Prêmio Jabuti 2012

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus

Muito Obrigada!

Dra. Jaqueline Gomes de Jesus