Anda di halaman 1dari 9

LARVA MIGRANS CUTNEA

(LMC)
Agentes etiolgicos

(3 pares de dentes) (1 par de dentes)


Caractersticas

* Denominada de dermatite serpiginosa e dermatite pruriginosa.

*Distribuio cosmopolita, com maior frequncia em regies


tropicais e subtropicais.

*Agentes etiolgicos:Principais - Ancylostoma braziliense e A.


caninum (ces e gatos).
INFECO NO HOMEM

* L3 penetram ativamente na pele e migram atravs do


tecido subcutneo durante semanas ou meses e ento
morrem.

* Deixam um rastro sinuoso conhecido popularmente como


bicho geogrfico ou bicho das praias.
SINTOMAS
* As partes do corpo atingidas com mais freqncia
so aquelas que entram em contato com o solo: ps,
pernas, ndegas, mos e antebraos e, mais
raramente, boca, lbios e palato.

No local da penetrao das L3,


aparece primeiro uma leso
eritemopapulosa que evolui,
assumindo um aspecto vesicular. Em
sua migrao, as larvas produzem um
rastro saliente e pruriginoso.
DIAGNSTICO: anamnese, sintomas e aspecto dermatolgico
da leso, caracterizado por erupo linear e tortuosa na pele.

TRATAMENTO:
Tiabendazol (pomada) 4 x ao dia
Tiabendazol (comprimido)
Cloretila ou neve carbnica (Frio)