Anda di halaman 1dari 17

DESTILAÇÃO

FRACIONADA
Grupo: Cleidson
Hiago
Lucas
Joias
Juliana
O que é Destilação Fracionada?
• A chamada destilação fracionada é utilizada
exclusivamente para separar componentes de uma
mistura que apresente dois ou mais líquidos em sua
constituição. Como uma mistura de água e acetona.

• É importante que os líquidos que compõem a mistura


não apresentem pontos de ebulição muito próximos
ou ainda que a mistura não seja azeotrópica (mistura
homogênea formada apenas por líquidos que
apresenta ponto de ebulição constante). Nesses dois
casos, são necessários métodos químicos para que a
separação seja realizada.
Materiais utilizados no processo
• Os equipamentos utilizados em uma destilação
fracionada são praticamente os mesmos de uma
destilação simples, com o acréscimo de um equipamento
chamado de coluna de fracionamento.

Tripé de ferro: serve de apoio para a tela de amianto e balão de vidro.


Bico de bunsen: equipamento que realiza o aquecimento da mistura.
Tela de amianto: equipamento que é posicionado no tripé para que
absorva parte do calor vindo do bico de bunsen, evitando que o balão de
destilação estoure.
Observação: o conjunto tela de amianto, tripé de ferro e bico de bunsen
podem ser substituídos por uma chapa elétrica de aquecimento.
Balão de vidro: equipamento de vidro que recebe a mistura homogênea
composta por líquidos.
Coluna de fracionamento: tubo de vidro recheado de bolinhas de vidro
ou de porcelana.
Condensador: equipamento onde o vapor é transformado em líquido.
Erlenmeyer: equipamento de vidro que recebe o líquido que foi
condensado no condensador.
Termômetro: equipamento que permite o acompanhamento da
temperatura durante o processo de destilação.
Propriedades gerais e específicas
• Acetona é um líquido incolor, volátil, de densidade menor do que a da
água (aproximadamente 0,7g/mL) e de odor etéreo bastante
característico. É solúvel tanto em água e em álcool (forma soluções
aquosas e alcoólicas), tem ponto de ebulição de 56 °C e é
extremamente inflamável.
• A água é insípida (sem gosto), inodora (sem cheiro), e incolor. Possui
dilatação anômala (entre 0 e 4ºC, ao invés de se contrair como
normalmente ocorre, ela se expande). Possui ponto de fusão e
ebulição específicos (0ºC e 100ºC a 1 ATM de pressão). É uma
molécula polar (com pólo negativo no oxigênio e positivo nos 2
hidrogênios). Precisa de 1 caloria para esquentar 1ºC de 1g de água,
representando um alto calor especifico. Sua densidade é de 1g/ml e é
um ótimo solvente ("solvente universal", embora só dissolva
substâncias polares).
O funcionamento de uma destilação
fracionada
Vamos utilizar o exemplo da água (ponto de ebulição igual a 100
oC) e acetona (ponto de ebulição igual a 58 oC) para entendermos
como esse processo funciona.
Inicialmente adicionamos a mistura no balão de vidro. Em
seguida, ligamos o bico de bunsen ou a chapa de aquecimento
para aquecer a mistura. Os dois líquidos começam a transformar-
se em vapor e deslocam-se em direção à coluna de fracionamento,
onde competem por um mesmo espaço. Como a coluna de
fracionamento é um obstáculo, por conter várias bolinhas e pouco
espaço livre, apenas um dos vapores consegue atravessá-la.
Atravessa a coluna de fracionamento apenas o vapor do líquido
que apresentar o menor ponto de ebulição, já que, quanto menor
o ponto de ebulição, menor é a densidade do vapor. Após
atravessar a coluna de fracionamento, o vapor do líquido de
menor ponto de ebulição entra no condensador e sofre o
fenômeno da condensação, retornando para o estado líquido. Por
fim, o líquido condensado é recolhido no frasco coletor.
Referência
• http://brasilescola.uol.com.br/quimica/destilac
ao-fracionada.htm
• http://www.infoescola.com/quimica/refinaria-
de-petroleo/